Você está na página 1de 16

Contabilidade

Intermediária
Atividade 1
Trabalho para A2

PROFESSOR

Claudio Sameiro

Rio de Janeiro
2010.1

1
A empresa X3 Materiais Odontológicos Ltda foi constituída em 01/03/2010 com objeto social de comércio varejista de materiais
odontológicos e protéticos. Apresentou os seguintes fatos administrativos em seu primeiro mês de atividade:

Parte A

Dia 01/03/10:
(a) Assinatura e registro do contrato social cujo capital social subscrito é de $300.000,00.

Dia 02/03/10:
(a) Integralização de parte do capital social pelos sócios no valor de $200.000,00, mediante depósito em conta-
corrente aberta no Banco Brasileiro SA;
(b) Aquisição de diversos móveis e utensílios no valor de $80.000,00, a vista, mediante emissão de cheque;
(c) Aquisição de um automóvel utilitário no valor de $45.000,00, a vista, mediante emissão de cheque;
(d) Realização de gastos com publicidade e propaganda no valor de $5.000,00, a vista, através de emissão de
cheque;
(e) Aquisição de computadores e periféricos no valor de $10.000,00, a vista, com emissão de cheques;
(f) Compra de vales-transportes no valor de $108,10, mediante débito em conta-corrente.

Dia 05/03/10:
(a) Saque de $500,00 da conta-correte para compor o fundo fixo de caixa (caixa pequeno ou caixinha) com a
finalidade de uso em pequenas despesas;
(b) Realização de gastos com diversos materiais de escritório (papéis, canetas, lápis, etc.) no valor de 100,00,
pagos a vista, em dinheiro;
(c) Aquisição de diversas mercadorias para composição do estoque no valor de $100.000,00 pagas da seguinte
forma: 50% a vista com emissão de cheque e 50% a prazo com vencimento para 05/04/10. Considere que a
alíquota do ICMS é 18%;
(d) Contratação de apólice de seguro das instalações e do estoque de mercadorias no valor $6.000,00, com
cobertura de 06/03/10 à 05/09/10, e mediante débito em conta.

Dia 08/03/10:
(a) Venda de 20% das mercadorias em estoque por $40.000,00, com recebimento a vista, mediante depósito na
conta corrente. Considere que a alíquota do ICMS é de 18%;
(b) O diretor comercial precisa fazer uma viagem a São Paulo para participar de uma reunião com um
importante cliente. Para cobrir os gastos com a viagem, o diretor receber da tesouraria a quantia de $300,00,
creditada em sua conta-corrente mediante transferência bancária. As passagens de avião de ida e volta,
foram adquiridas por $350,00 e pagas pela tesouraria com emissão de cheque a vista.

Dia 12/03/10:
(a) Ao retornar de viagem, o diretor comercial presta contas do adiantamento de viagem que recebeu, cujos
gastos foram: Taxi = $300,00; Refeições = $250,00. A devolução de dinheiro ou reembolso de gastos deverá
ser pago ou depositado em conta corrente da empresa;
(b) Pagamento de voucher das diárias do hotel utilizado pelo diretor comercial no valor de $1.000,00, através
de débito em conta-corrente;
(c) Compra de novas mercadorias por $200.000,00 pagas da seguinte forma: 40% a vista com emissão de
cheque e 60% a prazo com vencimento para 22/03/10. Considere a alíquota de ICMS de 18%.

2
Dia 15/03/10:
(a) Pagamento de diversas boletas de fornecedores no valor de $50.000,00 mediante débito em conta corrente;
(b) Pagamento de 40% dos salários de março/2010 a título de adiantamento no valor de $2.444,00, mediante
débito em conta-corrente;
(c) Venda de 40% das mercadorias em estoque por $224.000,00, com recebimento da seguinte forma: 50% a
vista, mediante depósito na conta corrente, e 50% a prazo com vencimento para o dia 15/04/10. Considere
que a alíquota do ICMS é de 18%.

Dia 23/03/10:
(a) O diretor financeiro solicitou um adiantamento no valor de $5.000 para pagamento no dia 23/04/10, e
mediante assinatura de contrato de mútuo com cláusula de correção monetária pelo IGP-M. O pagamento
foi realizado via transferência bancária;
(b) Contratação de uma empresa para a realização de serviços de manutenção predial no valor total de
$30.000,00. O contrato prevê o pagamento da seguinte forma: adiantamento de 30% na assinatura do
contrato, e 70% no término do serviço previsto para o dia 20/04/10;
(c) Aplicação de todo o saldo da conta-corrente em CDBs do Banco Brasileiro SA, mediante débito em conta.
Considere que esta aplicação pode ser resgatada a qualquer momento.

Dia 31/03/10:
(a) Contabilize a depreciação mensal dos bens imobilizados;
(b) Contabilize a provisão da folha de pagamento em anexo;
(c) Contabilize a apuração do ICMS;
(d) Contabilize a provisão do PIS (0,65%) e da Cofins (3%);
(e) Contabilize a apuração do resultado do exercício.

Pede-se:
(a) Faça os lançamentos em diário;
(b) Faça os lançamentos em razonete;
(c) Elabore a demonstração de resultados;
(d) Elabore o balanço patrimonial.

FOLHA DE PAGAMENTO DO MÊS DE MARÇO/2010


Proventos Descontos
Salário Salário
Funcionário Cargo Horas Salário Adianta
Bruto Salário Comissão INSS VT IRRF Líquido
Extras Família mento
Anselmo Duarte Vendedor 800,00 800,00 400,00 108 320,00 772,00
Bianca Costa Aux. Serv. Ger. 510,00 510,00 27,24 40,80 30,60 204,00 261,84
Carlos Oliveira Vendedor 800,00 800,00 500,00 117,00 320,00 863,00
Denise Silva Gerente 3.000,00 3.000,00 200,00 352,00 146,26 1.200,00 1.501,74
Marta Cristina Op. de caixa 1.000,00 1.000,00 100,00 99,00 400,00 601,00
Total 6.110,00 6.110,00 900,00 300,00 27,24 716,80 30,60 146,26 2.444,00 3.999,58

PLANILHA DE ENCARGOS
INSS Empresa Terceiros SAT INSS Empregados Salário Família GPS FGTS
1.462,00 423,98 73,10 716,80 27,24 2.648,64 584,80

3
Diário de Março/2010:

4
5
Razonetes de Março/2010:

6
7
8
DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO

Contas Março/10 Abril/10

9
BALANÇO PATRIMONIAL

Ativo Março/10 Abril/10

Passivo Março/10 Abril/10

10
PLANO DE CONTAS PADRÃO

1. ATIVO

1.1. Circulante

1.1.1 Disponível
1.1.1.1. Caixa
1.1.1.2. Bancos
1.1.1.3. Aplicações de Liquidez Imediata

1.1.2. Contas a Receber


1.1.2.1. Clientes a Receber
1.1.2.2. Duplicatas a Receber
1.1.2.3. (-) Provisão para Devedores Duvidosos
1.1.2.4. Promissórias a Receber
1.1.2.5. Títulos a Receber
1.1.2.6. Empréstimos a Receber
1.1.2.7. Dividendos a Receber
1.1.2.8. Adiantamentos a Terceiros
1.1.2.9. Adiantamentos de salários
1.1.2.10. Adiantamento de Viagem
1.1.2.11. Adiantamento de Despesas
1.1.2.12. Empréstimos a Funcionários
1.1.2.13. ICMS a Recuperar

1.1.3. Investimentos Temporários


1.1.3.1. Títulos e Valores Mobiliários

1.1.4. Estoques
1.1.4.1. Mercadorias
1.1.4.2. Matéria-prima
1.1.4.3. Material Secundário
1.1.4.4. Embalagens
1.1.4.5. Produtos Semi-acabados
1.1.4.6. Produtos Acabados
1.1.4.7. Mercadorias em Consignação
1.1.4.8. Almoxarifado

1.1.5. Despesas Antecipadas


1.1.5.1. Seguros a Apropriar
1.1.5.2. Assinaturas e Anuidades a Apropriar
1.1.5.3. Aluguéis Antecipados

11
1.2. Realizável à Longo Prazo

1.2.1. Créditos e Valores


1.2.1.1. Contas Vinculadas
1.2.1.2. Clientes
1.2.1.3. Títulos a receber
1.2.1.4. Adiantamento a terceiros
1.2.1.5. Aplicações Financeiras
1.2.1.6. Títulos e Valores Mobiliários
1.2.1.7. Adiantamento a diretores

1.3. Investimentos
1.3.1.1. Ações
1.3.1.2. Obras de Arte
1.3.1.3. Imóveis não de uso

1.4. Imobilizado
1.4.1.1. Terrenos
1.4.1.2. Edifícios
1.4.1.3. (-) DAC Edifícios
1.4.1.4. Instalações
1.4.1.5. (-) DAC Instalações
1.4.1.6. Máquinas e Equipamentos
1.4.1.7. (-) DAC Máquinas e Equipamentos
1.4.1.8. Equipamentos de Informática
1.4.1.9. (-) DAC Equipamentos de Informática
1.4.1.10. Móveis e Utensílios
1.4.1.11. (-) DAC Móveis e Utensílios
1.4.1.12. Veículos
1.4.1.13. (-) DAC Veículos

1.5. Intangível
1.5.1.1. Marcas e Patentes
1.5.1.2. Softwares
1.5.1.3. (-) Amortizações

2. PASSIVO

2.1. Circulante

2.1.1. Financiamentos
2.1.1.1. Empréstimos Bancários
2.1.1.2. Fornecedores
2.1.1.3. Títulos a Pagar
2.1.1.4. Duplicatas a Pagar
2.1.1.5. Promissórias a Pagar

12
2.1.2. Obrigações Fiscais
2.1.2.1. ICMS a recolher
2.1.2.2. IPI a recolher
2.1.2.3. ISS a recolher
2.1.2.4. PIS a recolher
2.1.2.5. COFINS a recolher
2.1.2.6. IRRF a recolher
2.1.2.7. Contribuição Social a recolher

2.1.3. Outras Obrigações


2.1.3.1. Adiantamento de Clientes
2.1.3.2. Contas a Pagar
2.1.3.3. Salários a pagar
2.1.3.4. INSS a recolher
2.1.3.5. FGTS a recolher
2.1.3.6. Comissões a pagar
2.1.3.7. Honorários a pagar
2.1.3.8. Gratificações a pagar
2.1.3.9. Provisão para Férias
2.1.3.10. Provisão para 13º Salário
2.1.3.11. Provisão para Dividendos

2.2. Exigível a Longo Prazo

2.2.1. Exigível a Longo Prazo


2.2.1.1. Empréstimos
2.2.1.2. Financiamentos
2.2.1.3. Títulos a pagar
2.2.1.4. Debêntures

2.3. Patrimônio Líquido

2.3.1. Capital Social


2.3.1.1. Capital Subscrito
2.3.1.2. (-) Capital a Integralizar

2.3.2. Reservas de Capital


2.3.2.1. Ágio na Emissão de Ações
2.3.2.2. Prêmio na Emissão de Ações
2.3.2.3. Doações e Subvenções para Investimentos

2.3.3. Reservas de Lucros


2.3.3.1. Reserva Legal
2.3.3.2. Reserva Estatutária
2.3.3.3. Reserva para Contingências

13
2.3.3.4. Reservas de Lucros a Realizar
2.3.3.5. Reserva para Expansão
2.3.3.6. Reserva Especial para dividendos obrigatórios não distribuídos

2.3.4. Lucros ou Prejuízos Acumulados

2.3.5. (-) Ações em Tesouraria

3. RECEITAS

3.1. Receitas Operacionais

3.1.1. Receita Bruta


3.1.1.1. Vendas de Mercadorias
3.1.1.2. Vendas de Produtos
3.1.1.3. Serviços Prestados

3.1.2. Outras Receitas Operacionais


3.1.2.1. Aluguéis
3.1.2.2. Juros recebidos
3.1.2.3. Descontos Obtidos
3.1.2.4. Receitas Eventuais

3.2. (-) Deduções da Receita


3.2.1. (-) Impostos
3.2.1.1. ICMS
3.2.1.2. ISS
3.2.1.3. PIS s/ Faturamento
3.2.1.4. COFINS

3.2.2. (-) Outras Deduções


3.2.2.1. Descontos Incondicionais Concedidos
3.2.2.2. Cancelamento de Vendas
3.2.2.3. Devolução de Vendas

3.3. Receitas Não-Operacionais


3.3.1. Receitas Não-Operacionais
3.3.1.1. Ganho na Venda de Imobilizado
3.3.1.2. Ganho na Venda de Ações

14
4. CUSTOS E DESPESAS

4.1. Custos
4.1.1. Custos das Vendas e Serviços Prestados
4.1.1.1. Custo das Mercadorias Vendidas
4.1.1.2. Custo dos Serviços Prestados
4.1.1.3. Custo dos Produtos Vendidos

4.2. Despesas Operacionais

4.2.1. Despesas de Vendas


4.2.1.1. Salários
4.2.1.2. Encargos Sociais
4.2.1.3. Comissões
4.2.1.4. Propaganda e Publicidade
4.2.1.5. Outras despesas

4.2.2. Despesas Administrativas


4.2.2.1. Salários
4.2.2.2. Encargos Sociais
4.2.2.3. Gratificações
4.2.2.4. Aluguéis
4.2.2.5. Depreciações
4.2.2.6. Amortizações
4.2.2.7. Manutenções
4.2.2.8. Energia Elétrica
4.2.2.9. Água e Esgoto
4.2.2.10. Seguros
4.2.2.11. Telecomunicações
4.2.2.12. Correios
4.2.2.13. Fretes
4.2.2.14. Honorário da Diretoria
4.2.2.15. Viagens
4.2.2.16. Material de Escritório
4.2.2.17. Material de Limpeza
4.2.2.18. Revistas e publicações
4.2.2.19. Copa e Cozinha
4.2.2.20. Serviços Profissionais e Contratados
4.2.2.21. Vale transporte
4.2.2.22. INSS
4.2.2.23. FGTS
4.2.2.24. IPTU
4.2.2.25. IPVA
4.2.2.26. Taxas

15
4.2.3. Despesas e Receitas Financeiras
4.2.3.1. Juros pagos
4.2.3.2. (-) Juros recebidos
4.2.3.3. Descontos Concedidos
4.2.3.4. (-) Descontos Obtidos
4.2.3.5. Despesas Bancárias
4.2.3.6. Variação Monetária

4.3. Despesas Não Operacionais

4.3.1. Perdas Não Operacionais


4.3.1.1. Perda na Venda de Imobilizado
4.3.1.2. Perda na venda de Ações

5. Apuração do Resultado
5.1. Resultado do Exercício
5.1.1. Resultado do Exercício
5.1.1.1. Resultado do Exercício

16