Você está na página 1de 43

Relíquias de Amor

2
2

Relíquias de Amor

4
4

São Paulo

2013

Relíquias de Amor

© 2013 por Fernando Smith

Smith, Fernando 2013 Relíquias de amor / Fernando Smith, -- São Paulo, 2013. 43f.: il Poesia -- SP, 2013. I. Título. 1. Amor. 2. Poesia. 3. (Antologia).

5
5

Sumário

Introdução:

8

Sonho de uma noite de verão

10

Amizade Colorida

11

Sonho de amor

12

Impressões do

coração

14

Falando com a

lua

15

Amor em conta gotas

17

Prece de amor

19

Um minuto sem você

21

Flauta de Apolo

22

Minha arte de amar

23

Amor virtual

24

Queria te tocar

26

Insight

27

Noite mágica

29

Beija flor

31

Tenho saudades

32

Esquece

33

6
6

Formatação do coração

34

Liquidação do amor

36

Ilusão Romântica

37

Amor perdido

38

Sorriso de papel

40

Relíquias de

41

Amor em Veneza

42

Dança do amor

43

7
7

Introdução:

Eu reuni neste livro uma seleção de poesias e

escritos poéticos que tem como tema principal o amor. O título do livro, Relíquias de Amor, é devido ao fato que carregamos dentro de si experiências, sentimentos e vivências que são como relíquias preciosas.

São todas estas coisas que vivenciamos e guardamos na caixinha do nosso coração e da nossa alma e que tem forte valor sentimental, emoções, pensamentos e sentimentos, onde entre todas, a principal delas é o amor.

O amor para mim é a joia mais preciosa de todas, entre os sentimentos e que guardamos dentro deste nosso relicário pessoal.

Todos nós temos amor dentro de si, mas muitas vezes este amor não é percebido liberado e vivido na sua plenitude.

Mas chega um momento que temos um Insight; quando olhamos para dentro de nós mesmos e temos um vislumbre, é descobrimos esta joia muito preciosa que possuímos sem saber, o amor.

Sonho de uma noite de verão

Pela manhã percebi que o sol já havia nascido.

Pela fresta da cortina a tênue luz adentrava no quarto. Eu estava meio acordado e meio dormindo, era como se sonhasse. Notei sua ausência e ouvi o som do chuveiro.

Agora era somente a água que percorria seu corpo. Você chegou depois de mansinho e tudo que percebi, Foram seus beijos quentes. Doces, tenros e macios

Sua presença veio como uma brisa fresca. E com o perfume de mil rosas molhada do sereno da noite. Depois de ter você pouco me importava saber as horas. Só sei que era dia, já era manhã, era verão.

Amizade Colorida

Minha amiga meu amor sua amizade

Surgiu assim, cheia de cor.

Pincelando espaços vazios e dando forma a minha vida.

O que era pra ser somente amizade.

Fez-se amizade colorida.

Por isto pintei o céu com teu nome.

Porque hoje descobri milhões de arco-íris

Arrebatado até as nuvens na carruagem dos teus beijos.

E eu agora sou um hábil artista e vivo entre as estrelas.

Extraindo arte e poesia e criando versos

Totalmente apaixonado contemplando seu universo.

Assim belo, assim mágico, assim simples.

Sonho de amor

Um dia eu sonhei com você

Algo tão profundo e sublime, que tocava minha alma.

Eu sei que era você no meu sonho, Soube isto quando te vi a primeira vez.

Mesmo sem ter visto o seu rosto.

Percebo isto no seu cheiro e no gosto do seu beijo

É como se te conhecesse há muitos anos.

Sinto isto no seu toque, não tem explicação.

Eu deito meu rosto em seu peito e ouço seu coração.

Agora tenho você aqui e sei que você é real.

Parece que estou sonhando novamente.

Mas agora estou sonhando acordado.

Ter você hoje e agora em meus braços.

São como surpresas que a vida faz

Você é o grande amor da minha vida.

Eu não quero acordar nunca mais.

Impressões do coração

Eu não sei por que eu fico assim.

Tão impaciente. É como se você estivesse tão distante E eu só posso te alcançar com as lembranças.

Às vezes penso que te perdi, eu fico a te buscar. Numa palavra, numa frase, ou nas fotos que guardo. Quando eu falo com você, você está tão perto. Mas no silêncio como se a milhões de anos luz.

Você é tão real nas lembranças do meu coração Lá eu posso te encontrar, sempre que te busco. Num lugar especial, onde eu te guardo pra sempre.

Eu te amo tanto e não há explicação. Só sei que o que eu sinto é verdadeiro. Eu te amo você mora no meu coração.

Falando com a lua

Às vezes pareço conversando com a lua.

Falando coisas de amor na noite fria.

Meu pensamento flui como um rio sereno.

Eu deságuo como uma fonte no mar.

Fico contando as estrelas, Compondo versos de amor ao luar.

Somente a luz da lua ilumina, Refletindo na espuma do mar.

A brisa da noite bate em meu rosto.

Parece que você me acaricia.

O som dom mar é uma música, E eu te encontro nesta sinfonia.

Sentado fico contemplando, Sentindo o quanto estás perto.

Conversando com você. Sou como quem abraça o universo.

Amor em conta gotas

Eu sempre quis o seu amor.

Mas ele começou devagar.

Sem pressa, parecendo não existir.

Enquanto eu te inundava, te molhava.

Teu amor veio em conta gotas.

Eu me perguntava se o amor podia vir aos poucos.

Porque eu queria um amor transbordante, sem reservas.

Mas teu amor foi crescendo de gota em gota.

E o que começou contido era agora uma fonte.

Que agora jorrava do teu imenso coração.

E da tua perfeita disponibilidade de amar.

Então percebi que não importa à medida que o amor começa

Se vêm molhar ou não molhar.

Dentro do conta gotas há muito amor retido.

Apenas liberado aos poucos por medo de sofrer.

Prece de amor

No quarto escuro, no silêncio da noite.

Cai forte a chuva lá fora, mas aqui dentro Me sinto protegido no abrigo dos seus braços.

Entrelaçado em você sinto o morno calor do seu corpo

E meus pensamentos fluem pensando em você.

Deitado em seu peito ouço as batidas do seu coração.

A noite se torna mágica como ao som de uma bela música

você dorme como um anjo, alvo, lindo e iluminado.

Seu perfume é como um incenso aromático que me toma. Então meus desejos tornam- se uma prece, uma oração da noite.

Cubro-te de beijos, é como um véu, um manto estrelado. Eu busco você como algo sagrado abre se os céus.

E como numa visão noturna me vejo plantando

sementes Abrindo sulcos numa terra, perfeita como o paraíso.

Vou plantando e regando com as lágrimas que correm dos meus olhos. Esperando então que meu amor floresça enfim no seu lindo coração.

Um minuto sem você

De repente minutos passaram a ser horas.

Horas se transformaram em dias.

E

um dia é como se fossem anos.

O

relógio do amor enlouqueceu.

Perdeu a noção do tempo.

Não sabe dar tempo ao tempo.

E me tortura de saudades.

Eu já não sei mais o que fazer. Quando fico um minuto sem você.

O tempo não passa.

Eu fico contando as horas

Para novamente te ver.

Flauta de Apolo

Eu nos teus braços

Me- cobre de beijos Eu sonho meu sonho Eu sou tua música Meu corpo é tua flauta Sou todo em tua boca. Qual Flauta de Apolo, doces desejos. As horas se passam Me - perco em teus olhos. A música me toma. Tu tocas meu corpo Provando sentindo e sonhando Tu compões a sinfonia perfeita

Minha arte de amar

Às vezes eu acho que sou artista plástico.

Mas não sei se o que eu faço é arte. Só sei que de amor eu me derreto Me derreto como plástico. Sim eu fico tão maleável como plástico derretido. E para extravasar o que sinto. Às vezes eu escrevo e eu pinto. Será isto fazer arte? Ou será que apenas faz parte. Da natureza de amar. de se deixar queimar de paixão? Não sei, só sei que esta chama me queima. Me deixa leve, me faz subir nas nuvens. Depois torno a cair como chuva. Cheio de inspiração.

Amor virtual

Era só uma fantasia do mundo virtual.

Mas um dia marquei um encontro.

E se tornou real.

Não estava nos meus planos amar assim. Se some por um dia. Fico ruim.

Não há um só dia que não pense neste amor. Mas tudo o que tenho sãos fotos. No meu computador.

Como estou cansado.

E em italiano Eu digo, vá bene.

Mas odeio quando não te vejo no MSN.

Quanta maldade entra off-line.

E não fala comigo

Meu coração está partido.

Não sei o que faço, vivo a chorar. Dizendo pra todos meus amigos. nunca mais quero me apaixonar.

Queria te tocar.

Queria te ver.

Te vejo na TV.

Sua foto.

Imagem virtual.

No computador.

Não TV monitor.

Quero te tocar.

Toco a tela.

Touch screen.

Amor.

Saudade.

Lágrimas.

Insight

E assim que te percebo.

Quando não passas de um pensamento. É assim que te posso tocar. Quando mesmo distante estás.

No teu sorriso um raio de sol. O teu perfume na flor do jardim. Quando tu passas te toco no vento Quando tu falas, tu entras em mim

Teu beijo molhado, sereno da noite. As Estrelas e teus olhos não há diferença. Amores diluem se no tempo no espaço. Respiram e trocam essências.

Assim os amores se tocam.

Na inspiração que flutua no ar No Insight, no clima da noite. Ou mesmo na música a tocar.

Noite mágica

Hoje a noite é pura magia, já estás em meu jardim.

As ninfas enlouqueceram as pétalas dos jasmins… Não só eles, também as rosas e todas as outras flores. Nesta noite de lua clara, pintam todas as cores.

É noite que homenageia todos os amores

Que se perdem na magia das nuances das cores Mesclam-se, formando uma aquarela de cor. Dançam! Suaves pinceladas de puro amor.

Amor que sofre a saudade com tua ausência

Te procura nas flores no perfume, na essência. Que busca te ouvir pelos vales e montes

E conta as borboletas nas belas fontes

Trêmulo, extasiado pelo desejo. Sonhando, à espera do teu beijo. Ah! Teu beijo… Como deve ser doce teu beijo. Inigualável a todos os sabores

Tal qual o néctar das flores.

Sabores adocicados que me deixam feliz.

Chocolate, morangos e bala de aniz.

Autores: Carmen Regina, Fernando Smith, Sérgio Bittencourt, Carmen Lúcia, Ilson Rogério e Verluci Almeida) (27/08/2008).

Beija flor

O teu sorriso é um raio de sol.

Por isto quando te vejo me alegro. Te- vestes de lírio, tão belo, formoso. No campo queria correr pros teus braços. Eu beija-flor. Ansiando tua doce essência. Te- procuro com os olhos. Mas disfarço o olhar. Ver que me notas, é qual flor que se abre. E quer ser beijada. No toque do vento sinto teu corpo. Dos teus acenos e falando pra mim. Te quero, te amo, te vejo assim.

Tenho saudades

Tenho saudades

De cada minuto, cada momento, impresso no tempo. Tenho chorado cada instante sem poder estar perto Lembro-me dos beijos, do sorriso, tudo me faz lembrar.

Pergunto-Me se é amor? Não sei, eu sei que tudo o que sinto é diferente. Não tenho sido o mesmo, passei por uma mudança. Tão rápida, tão certa, uma reforma no coração.

Ele chama por um nome todos os dias. Ele quer estar junto todo tempo Sim tenho saudades e já não sei estar só.

Esquece

Esquece quem já beijou.

Te- marcou, mas esquece.

Esquece quando se declarou

E disse tudo o que sentia.

Esquece, esquece, esquece!

Esquece que disse sentir saudades.

E a pessoa muda ficou e fingiu não entender.

Esquece, não vale a pena lembrar De quem nem pelo seu nome te chama.

É duro mais esquece.

Foi especial só pra ti, esquece. Chorar não vai mudar nada.

Por quem choras sorri todo dia.

E nem mesmo lembra-se de ti.

Formatação do coração

Às vezes tento ser meio máquina

Tento ser frio como metal, Indiferente. E vou agindo automatamente. Registrando tudo o que me passa na mente.

Mas eu passo todos os dias diante das pessoas e meu coração ainda está quente. Uma parte de mim não sabe ser de ferro.

São estes registros da minha memória. Lembranças e informações gravadas em mim. Dentro do meu coração como num HD de ferro. E minhas emoções me fazem ver que sou gente.

Eu já quis formatar meu coração e ser diferente. Já Tentei ir aos meus arquivos e deletar muita coisa. Coisas que ainda me fazem até sofrer. Coisas que só parecem ocupar espaço.

Já tentei esquecer pessoas. Já tentei apagar meus erros. Vasculho, imagens, fotos, Tudo que ficou gravado. E todo dia me deparo com um arquivo. Algo que pesa mais que todas as coisas Que ocupa um grande espaço no meu coração. Queria deletar este peso, liberar este espaço. Mas eu te amo tanto e não sei te esquecer.

Liquidação do amor

Não grite o seu amor.

Nem entregue a qualquer que passa. Amor é mais que palavras. Amor verdadeiro fala nos olhos. Se percebe nos gestos. Se sente no toque. Amor é gratuito, brota da fonte do coração. o Amor Não está numa barraca de feira. Gritando é promoção. Não, não, não. O amor não está numa liquidação. O amor é um joia, é algo precioso Guarde, proteja-o, preserve-o. Seu amor é um tesouro. Preservado no interior da sua alma. No profundo do seu coração.

Ilusão Romântica

Eras o calor que me aquecia

Na noite fria, e solitária. Envolvia-me. Cobria-me. Fazia-me sonhar. Mas foi tudo uma ilusão. Eu sempre estava só. Vivendo uma fantasia. Imaginando que o edredom era você.

Amor perdido

Como eu te daria a entender este amor.

Como eu te faria compreende-lo.

Pois é tão profundo quanto o amar Tão imenso quanto o céu. Tão ardente quanto o fogo. Sim, ele arde aceso por ti. Mas como eu te acordaria deste sono? Como te despertaria?

O

amor é mais forte que o ódio,

E

a ele despedaça.

É

um bálsamo que cura as feridas do fracasso.

Nossa união está no arco Íris.

É uma aliança sem fim.

A distância alimenta mais ainda este amor.

Quando nos apartamos foi tal a noite e o dia. Como o sol e a lua no seu cavalgar.

O sol ilumina toda extremidade da terra, Para encontrar este amor perdido. Os que são da noite rolam na cama. Clamam para que vejam a luz da manhã. Quando este amor será despertado. Sem nenhuma nuvem. Que encubra o calor deste amor sem fim.

Sorriso de papel

Meu sorriso não era falso.

Um dia se abriu como dobradura em suas mãos. Como uma escultura de papel. Meu sorriso parecia forte. Mas aos poucos se tornou fraco, Frágil, e se desfez Meu sorriso um dia desapareceu. Cada dia que eu chorava Meu sorriso molhava e se desmanchava. Meu sorriso era como qualquer sorriso. Verdadeiro, sincero. Mas era só um sorriso de papel. Que você amassou e jogou fora, Depois de brincar.

Relíquias de amor.

Fiz tudo, até desisti de Você.

Mas não me peça pra te esquecer. Vasculho teu rosto tão amado. No triste silêncio do passado. Cartas antigas, uma flor seca dentro de um livro. Seu perfume num lenço antigo. Eis meu relicário, caixinhas de sonhos e realidade. Abro, saltam-me beijos, fecho, e morro de saudade. Saudade que machuca saudade que dói. Já não entrelaçamos mais as nossas pernas.

Amor em Veneza

Eu e você na Itália e parece um sonho.

A música está tocando isto pra mim é amor.

Você fala comigo tão perto que nossos hálitos se tocam.

Sei que isto é amor e me arrepio só de pensar.

Você me tocou de um jeito todo especial.

Me sinto como estivesse andando sobre as nuvens.

Não! estamos na bela Veneza num passeio de gôndola.

Isto só pode ser amor, me sinto leve e feliz, me sinto flutuar.

Contemplo seu rosto e seu sorriso ele brilha como as estrelas.

Posso ouvir meu coração, ele está batendo cheio de felicidade.

Parece que estou sobre a ação de um bom vinho.

Eu quero dançar, eu quero saltar de alegria.

Porque o amor aconteceu e a vida é bela.

Dança do amor

Lago calmo, plácido Lago claro como puro cristal. Como um vidro transparente. Espelhos dágua refletindo o céu. Cisnes brancos desenham em suas margens. Como duas bailarinas que flutuam no ar. Quase sem tocar o solo. Dançam a dança do amor. Movimentos sinuosos. Se movem e formam ondas na superfície. Movimentos de graça e beleza. Eles se encontram. Eles se tocam. Eles se beijam.