Você está na página 1de 2

ENCADEAMENTOS DE ACORDES COM DUAS NOTAS COMUNS (S, C, T, B)

Realizar a conduo a quatro vozes (S, C, T, B), com os seguintes acordes, nestas
tonalidades (escrever a armadura de clave em todos os exerccios):

R Maior: D F#m D Bm ||
Sol Menor: Gm Bb Gm Eb ||
Mi Maior: E C#m E G#m ||
F Menor: Fm Db Fm Ab ||

Sugesto de realizao da conduo de vozes, em quatro etapas:

1. Escrever a conduo da voz do baixo;


2. Completar o primeiro acorde;
3. Manter as notas comuns entre os acordes, na mesma voz;
4. Completar o acorde com a nota restante pelo caminho mais curto (menor intervalo
meldico possvel, com preferncia por graus conjuntos).

Abaixo, est um exemplo de como realizar as trs etapas, partindo do acorde de C para
o acorde de Am.

No exemplo acima, o encadeamento realizado assim: 1. movimento do baixo, da nota


d nota l; 2. o primeiro acorde C preenchido, de baixo para cima, com as notas: sol 2
(tenor), mi3 (contralto) e d4 (soprano); 3. so mantidas as notas comuns entre os acordes de C
e Am: mi3 (contralto) e d4 (soprano) as notas comuns so indicadas com ligaduras; 4. o
segundo acorde completado pelo movimento do tenor seguindo caminho mais curto, da nota
sol2 nota l2 o movimento por graus conjuntos (caminho mais curto) indicado com uma
linha reta inclinada.
Nos exemplos que seguem, as ligaduras indicam notas comuns e as linhas retas indicam
o movimento pelo caminho mais curto, nas trs vozes superiores (Tenor, Contralto e Soprano).

No exemplo abaixo, est o movimento entre os acordes C Em C Am, na tonalidade


de D Maior.

No exemplo a seguir, realiza-se o movimento entre os acordes Am F Am C, na


tonalidade de L Menor.