Você está na página 1de 2

EU NO QUERO DORMIR AGORA

Charlie e Lola so irmos. s vezes, Charlie tem que ajudar sua


me a cuidar da irmzinha menor: lev-la escola, faz-la comer
o que faz bem para sua sade ou mesmo coloc-la na cama para
dormir. Mas Lola no nada fcil! Teimosa e muito falante, ela
sempre tem uma frase na ponta da lngua para argumentar a
favor do seu prprio ponto de vista sobre cada uma das
obrigaes dirias. E hoje Lola teima em no dormir. O que ser
que Charlie vai fazer para convencer sua resistente irmzinha?

POSSIBILIDADES PEDAGGICAS
1 Valorizar a leitura como forma de a criana conhecer a si mesma, comparando valores, atitudes e
procedimentos seus com os da(s) personagens dos livros.

2 Estimular o letramento: (...) um conjunto de aes que transcendem a simples decodificao de letras e
slabas. Quando a criana consegue inferir o que est escrito em determinado texto a partir de indcios
fornecidos pelo contexto, diz-se que ela est lendo. (Referencial Nacional Curricular de Educao
Infantil, vol. 3. Conhecimento de mundo, p. 140/141).

3 Criar situaes em que as crianas precisem descobrir o sentido do texto, apoiando-se nos mais diversos
elementos como nas figuras que o acompanham, na diagramao, em seus conhecimentos prvios sobre
o assunto... (Referencial Nacional Curricular de Educao Infantil, vol. 3. Conhecimento de mundo, p.
142).

4 Exercitar a capacidade de levantar hipteses sobre o que est escrito, a partir da leitura da imagem visual.

5 ABORDAGENS INTERDISCIPLINARES

LNGUA PORTUGUESA
uso de aspas como marca do discurso direto: E ela diz: Eu no sou um passarinho, Charlie. (p. 7)
uso de recursos grficos sugerem entonaes e destaques do discurso oral: No! Eu NO ESTOU
coM SONO e EU NO VOU para a caMa. (p. 6)
regularidades na escrita das palavras e repeties imprimem ritmo ao texto: (...) rabiscando e colando
e balanando e pulando, e mais que tudo, tagarelando. (p. 4/5)
registro sonoro e registro escrito: hipoptamo e hipiptimo (p. 31/32)

ARTE
tcnicas de ilustrao: desenho, pintura, recorte e colagem. (p. 7)
as escolhas da linguagem visual e os efeitos de textura provocados: maciez,
aspereza, etc... (p. 7)

MATEMTICA
a representao das horas no relgio tanto analgico como digital
e sua representao na linguagem matemtica (p. 8/9)

INFANTIL
EU NO QUERO DORMIR AGORA
6 TEMAS DE CIDADANIA

Identidade e autonomia: a afetividade e o estmulo ao imaginrio como necessidades das crianas e


recursos de comunicao com a criana.
Sade: o sono como necessidade fsica e mental e a importncia da sua regularidade para a
manuteno da sade.

INFANTIL

Você também pode gostar