Você está na página 1de 1

No se esquea de citar a fonte,

ANTES DA DOU- de maneira completa e na mesma


TRINA OU JURIS-
PRUDNCIA, VC PESSOAL E CONSIDERADOS, ordem, como se fez aqui.
DEVE COLOCAR Citao de doutrina (OU JURISPRUDNCIA) se faz assim:
UM PARGRAFO,
DE INTRODUO.
________________________________________________________________

A respeito do tema, elucidando a questo e dando ensinamento


necessrio, Damsio E. de Jesus estabelece que:

NO SE Embora o CP empregue a expresso pode, a aplicao do pri-


ESQUEA
DE COLO- vilgio, desde que presentes as suas circunstncias, obrigatria.
CAR A DOU- No se trata de simples faculdade, no sentido de poder o Juiz re-
TRINA OU
JURISPRUDN- duzir (ou substituir) ou no a pena. direito do ru. A faculdade
CIA, NO diz respeito ao quantum da diminuio e a convenincia da substi-
MESMO
RECUO DO tuio da pena. (JESUS, DAMSIO E. Direito Penal. 26. ed.
PARGRAFO So Paulo: Saraiva, 2004. p. 325)
EXTO NOR-
MAL.
A convenincia da substituio da referida pena para multa cla-
ra, j que os antecedentes, a conduta social, a personalidade do agente, norteiam
no sentido dessa reduo (art. 59, CP).
________________________________________________________________

TODO O TRABALHO DEVE SER FEITO NA MESMA COR.


OS DESTAQUES ACIMA FORAM FEITOS, APENAS PARA CHAMAR A
ATENO.
NO USE NOTA DE RODAP EM PETIO.
QUALQUER QUE SEJA A QUANTIDADE DE LINHAS, DA CITAO,
SEMPRE DEVE SER CITADA, COM RECUO, PARA QUE O DESTAQUE
REALMENTE OCORRA!!!

Você também pode gostar