Você está na página 1de 5

RESUMO DO DIA

AG O S T O /20 10 13/ 08 /20 10

HIGHLIGHTS: Destaques do Dia


Nesta sexta-feira 13, o mercado não pregou nenhuma pegadinha e continuou com o mote que vem trazendo quedas e leves
Bolsa opera altas há tempos: a contínua preocupação de investidores com a força da recuperação econômica. Mesmo com notícias positi-
descolada do vas as bolsas lá fora operaram sem definição. Por aqui, a bolsa brasileira descolou, mais uma vez, da volatilidade no exterior e
engatou uma leva alta.
exterior
Nos Estados Unidos e na Europa, as bolsas oscilaram após a divulgação de diversos indicadores. O Departamento de Comér-
Ações europeias cio norte-americano divulgou que as vendas do varejo subiram 0,4% em julho, após dois meses de queda. O número, porém,
registram ganhos ficou abaixo da previsão do mercado, de 0,5%. Já o Departamento do Trabalho relatou que o Índice de Preços ao Consumidor
subiu 0,3% no mês passado. O ganho, pouco acima do previsto, foi pressionado por um aumento nos preços de energia.
modestos pelo
segundo dia Além disso, sondagem da Universidade de Michigan apontou alta do nível de confiança do consumidor norte-americano no mês
seguido de agosto, em relação a julho. O índice divulgado pelo instituto da universidade nesta sexta-feira, teve leitura de 69,6, ante 67,8
em julho, e veio ligeiramente melhor que o esperado.
Resultados
Na Europa, o crescimento econômico acelerou fortemente no segundo trimestre de 2010 - puxado pelo melhor desempenho da
corporativos: Alemanha desde a reunificação, que mais do que compensou a fraqueza de Espanha, Irlanda e a abalada Grécia no indicador
Rossi, MMX e de PIB do bloco. A agência de estatísticas Eurostat divulgou que o Produto Interno Bruto da zona do euro cresceu 1% no se-
BM&FBovespa gundo trimestre, o que representa forte aceleração na comparação com os três primeiros meses do ano. A Alemanha especifi-
camente, teve crescimento de 2,2%, puxada pelo maior aquecimento do comércio internacional, que beneficiou as exportações
do país. Ambos os dados vieram melhor que o esperado.

No Brasil, o corporativo foi destaque. Na ponta positiva, a OGX foi destaque, com o maior giro no pregão de hoje. Os papéis
subiram beneficiados pela descoberta de gás anunciada pela companhia na quinta-feira. As ações da TAM figuraram como a
maior alta do dia, depois que a companhia anunciou uma fusão com a companhia aérea chilena Lan. As ações do setor de
construção civil também estiveram entre as maiores ganhadoras, depois que o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles
deu a entender que o ciclo de aperto monetário deve ter sido encerrado até o final de 2011. O juros mais baixo traz um ambien-
NESTA EDIÇÃO: te mais propício para a tomada de crédito, que é fundamental para as vendas desse segmento.

Para depois do fechamento o mercado aguarda os balanços que incluem Petrobras, Fibria, JBS Friboi e Bradespar. Na segunda
-feira, vale lembrar, que é dia de vencimento de opções dando volume aos negócios. E como destaque para a semana que
Ibovespa Hoje vem, tem dados de produção industrial americana, referente ao mês de julho, números de inflação da Zona do Euro e da Alema-
2
nha, além da decisão sobre a taxa de juros do Reino Unido, na quarta-feira.
Mapa de 3
Recomendações XP

Notícias 3
Corporativas Fechamento
Agenda 4 O Ibovespa encerrou o dia com valorização de 0,45% aos 66.264 pontos e com volume negociado de R$ 5,95 bilhões

Evolução Fechamento Ibovespa Intraday


IBOVESPA

No dia +0,45%
Agosto -1,85%
1 mês +4,05%
2010 -3,39%
1 ano +16,16%
Índices Mundiais Maiores Volumes
Empresa Valor %
Ibovespa 66.264 +0,45% OGXP3 746M +2,29%
DAX 30 6.110 -0,40% VALE5 465M +0,40%
XP Investimentos FTSE 100 5.275 +0,18% PETR4 340M +0,47%
Área de Análise Nikkei 9.253 +0,44% TAMM4 265M +27,64%
www.xpi.com.br Dow Jones 10.303 -0,16% USIM5 170M -2,18%
Nasdaq 2.173 -0,77% BBDC4 155M -0,29%
S&P 1.079 -0,40% GFSA3 144M +0,00%
Rio de Janeiro | RJ

Av. das Américas 3434


Bloco 7 | 2º andar
Para mais informações contate o seu assessor XP ou acesse nosso chat diário (www.xpi.com.br)
AGOSTO/2010 PÁGINA 2

Ibovespa hoje

OSCILAÇÕES DO IBOVESPA
Maiores Altas Maiores Baixas
Empresa % Empresa %

TAMM4 27,64% LLXL3 -3,26%


GOLL4 10,64% CSAN3 -2,56%
RSID3 +3,74% CCRO3 -2,53%
PDGR3 +3,68% MMXM3 -2,40%
FIBR3 +3,31% USIM5 -2,18%

ANÁLISE DO IBOVESPA

O Ibovespa fechou o dia acima do suporte dos 65.800 confirmando o padrão de reversão por candlestick (martelo
de alta). Caso o mercado continue nesta tendência após a realização, o Ibovespa poderá testar resistências em
67.500 ou 68.500. Caso não sustente estes dois pregões de alta recentes, o mercado poderá novamente testar o
suporte dos 65.800 que se for perdido poderemos ter uma realização mais forte para os 64.000 pontos.

RESUMO DO DIA
AGOSTO/2010 PÁGINA 3

Notícias Corporativas e Mapa de Recomendações

MAPA DE RECOMENDAÇÕES
Para o relatório completo sobre as empresas do mapa, entre em
contato com o seu assessor, ou entre no blog na XP.

NOVAS RECOMENDAÇÕES:
PDG, RANDON, BRADESPAR, GERDAU, CSN E AES TIÊTE

REVISÕES POSITIVAS:
BR MALLS, CREMER, CONFAB, POSITIVO INFORMÁTICA, AB NOTE,
ITAÚUNIBANCO, ITAUSA E CONFAB

REVISÕES NEGATIVAS:
JBS E MAGNESITA

LEGENDA
ATRATIVO - Valorização esperada acima do Ibovespa*
NEUTRO - Valorização esperada em linha com o Ibovespa*
NÃO ATRATIVO - Valorização esperada inferior ao Ibovespa*
RESTRITO - Oferta Pública em andamento

A classificação de um determinado ativo pode também depender


de condições de mercado, bem como de eventos não recorrentes
* Target Ibovespa em 83.000 pontos para dezembro de 2010
Fonte: Bloomberg e XP Análise

MERCADO CORPORATIVO
LUCRO DA BM&FBOVESPA FICA DENTRO DO PREVISTO

A BM&FBovespa, terceira maior operadora de bolsas do mundo em valor de mercado, divulgou nesta quinta-feira lucro líquido
contábil de 305,7 milhões de reais no segundo trimestre, contra lucro de 188,1 milhões de reais um ano antes.A receita líquida da
empresa foi de 473,6 milhões de reais nos três meses até junho, aumento de 25,2 por cento na comparação anual. A projeção
média dos analistas para o faturamento era de 482,7 milhões de reais. O Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impos-
tos, amortização e depreciação) foi de 341,7 milhões de reais de abril a junho, contra 259,9 milhões de reais no mesmo intervalo
de 2009. A margem Ebitda foi de 72,1 por cento, ante 68,7 por cento na mesma base de comparação.

Concluímos que o resultado do 2T10 da BM&F Bovespa foi POSITIVO. A companhia conciliou um satisfatório crescimen-
to de suas receitas, com melhora operacional, em função do controle de suas principais despesas.

MMX - PELA PRIMEIRA VEZ EBITDA POSITIVO

No 2T10 a MMX produziu 1,8 MM de tons de minério de ferro, em linha com o trimestre anterior e 45% acima do 2T09. A empre-
sa vendeu, 1,8 MM de toneladas de minério de ferro, sendo 84% para o mercado interno e 16% para o mercado externo. As
vendas no 2T10 superaram em 22 % o trimestre anterior e 190% acima do realizado no 2T09.
A boa performance operacional e as melhores condições de mercado permitiram uma brusca melhora nos resultados operacio-
nais, especialmente no Sistema Sudeste, onde o EBITDA cresceu 851% para R$ 57,1 MM. O EBITDA ajustado acumulado no
ano, pela primeira vez desde o início das operações da MMX, excluindo o efeito do pagamento feito à Kristen, foi positivo em R$
41,3 MM.

Concluímos que o resultado do 2T10 da MMX foi bom, dentro do possível. Ainda assim, acreditamos que o anúncio de
novos parceiros estratégicos e até mesmo a venda de parte da empresa continue sendo o principal trigger para empresa.

ROSSI – 2T10 BEM ACIMA DAS EXPECTATIVAS

A Rossi divulgou ontem após o fechamento seus resultados referentes ao 2T10, que vieram bem acima das expectativas de
mercado. A Receita Líquida da incorporadora alcançou R$ 649,0 milhões, 75,9% acima do mesmo trimestre do ano anterior. Tal
incremento explica-se pelo crescimento das vendas contratadas, em especial do seu estoque e do segmento econômico.
O EBITDA alcançou R$ 159,0 milhões, o que representa um acréscimo de 76,7% sobre o 2T09. Com isso, a margem EBITDA
ganhou 0,1p.p. YoY, figurando no patamar de 24,5%. Destacamos para a ligeira melhora na margem EBITDA da companhia os
custos bem controlados com obras e terrenos.
Por fim, a Rossi reportou lucro líquido de R$ 109,0 milhões neste trimestre, ante R$ 51,0 milhões no 2T09, uma alta de 113,7%.
Tal melhora foi influenciada pelo crescimento das vendas contratadas, além do Resultado Financeiro de R$ 13,7 milhões no
2T10, ante negativo em R$ 1,5 milhão no 2T09.

Devido a surpresa nos números da Rossi neste 2T10, classificamos seu resultado como POSITIVO. A companhia impôs
um forte crescimento em suas receitas (acima da média do setor), combinado com melhora operacional.

RESUMO DO DIA
AGOSTO/2010 PÁGINA 4

Agenda

Agenda para segunda-feira


Horário País Indicador Período Unidade Estimativa Anterior
Segunda-Feira, 16/08/2010
06:00 Zona do Euro Preços ao Consumidor jul/10 (%) MoM / YoY -0,4 / 1,7 0,0 / 1,4
08:00 Brasil FGV: Indice de Preços ao Consumidor ago/10 (%) MoM -0,21 -0,18
08:30 Brasil Banco Central: Boletim Focus 13/ago - - -
09:30 EUA NY Fed - Índice de Atividade Industrial ago/10 nº índice 8,25 5,08
11:00 EUA NAHB - Índice de Mercado de Habitação ago/10 nº índice 15 14
11:00 Brasil MDIC: Balança Comercial Semanal 15/ago USD Milhões - 943
- Brasil Bovespa: Venct. Opções sobre Ações - - - -

Com informações Bovespa, Bloomberg, Reuters e Agência Estado.

RESUMO DO DIA
AGOSTO/2010 PÁGINA 5

Para mais informações contate o seu assessor XP ou acesse nosso chat diário - www.xpi.com.br

XP Investimentos - Área de Análise

www.xpi.com.br
analise@xpi.com.br
Rio de Janeiro | RJ
Av. das Américas 3434 | Bloco 7 | 2° andar
CEP: 22631-003

DISCLOSURE
1. O atendimento de nossos clientes pessoas físicas e jurídicas (não-institucionais) é realizado por escritórios parceiros de agentes
autônomos de investimento. Todos os agentes autônomos de investimento que atuam através da XP Investimentos CCTVM S/A (“XP
Investimentos Corretora”) encontram-se devidamente registrados na Comissão de Valores Mobiliários. A relação completa dos
agentes autônomos vinculados à XP Investimentos Corretora pode ser consultada no site www.cvm.gov.br <http://
www.cvm.gov.br/> > Agentes Autônomos > Relação dos Agentes Autônomos contratados por uma Instituição Financeira >
Corretoras > XP Investimentos. Na forma da legislação da CVM, o agente autônomo de investimento não pode administrar ou gerir o
patrimônio de investidores. O agente autônomo é um intermediário e depende da autorização prévia do cliente para realizar
operações no mercado financeiro.

2. Este relatório foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (´XP Investimentos Corretora´) e tem como único propósito fornecer informações que
possam ajudar o investidor a tomar sua decisão de investimento. Este relatório não constitui oferta ou solicitação de compra ou venda de qualquer
instrumento financeiro. As informações contidas neste relatório são consideradas confiáveis na data da divulgação deste relatório e foram obtidas de
fontes públicas consideradas confiáveis.

3. Rossano Foresti Oltramari (´Rossano´), analista de investimento responsável pela elaboração deste relatório, em conformidade ao artigo 5º, na
Instrução Normativa/CVM 388/03, declara: - que as recomendações expressas neste relatório refletem única e exclusivamente suas opiniões pessoais e
foram produzidas de forma independente e autônoma, incluindo no que se refere à XP Investimentos Corretora; - que não mantém vínculo com
qualquer pessoa natural que atue no âmbito das companhias cujos valores mobiliários foram objeto de análise no relatório divulgado; - que detém
participação indireta no capital social da XP Investimentos Corretora, mas referida sociedade nem os clubes de investimentos por ela administrados
possuem participação acionária direta ou indireta igual ou superior a 1% (um por cento) do capital social de quaisquer das companhias cujos valores
mobiliários foram alvo de análise no relatório divulgado, estando a corretora, contudo, envolvida, na atividade de intermediação de tais valores
mobiliários no mercado; - que não é titular, direta ou indiretamente, de valores mobiliários de emissão da companhia objeto de sua análise, que
representem 5% (cinco por cento) ou mais de seu patrimônio pessoal, nem está envolvido na aquisição, alienação e intermediação de tais valores
mobiliários no mercado; - que nem ele nem a XP Investimentos Corretora recebem remuneração por serviços prestados ou apresenta relações
comerciais com qualquer das companhias cujos valores mobiliários foram alvo de análise no relatório divulgado, ou pessoa natural ou pessoa jurídica,
fundo ou universalidade de direitos, que atue representando o mesmo interesse desta companhia; - que sua remuneração não está atrelada à
precificação de quaisquer dos valores mobiliários emitidos por companhias analisadas no relatório, ou às receitas provenientes dos negócios e
operações financeiras realizadas pela instituição a qual está vinculado. Contudo, considerando que Rossano participa, de forma indireta, no capital
social da XP Investimento Corretora, as receitas provenientes dos negócios e operações financeiras realizadas pela referida corretora, porque impactam
o resultado da empresa, lhe trazem benefício econômico.

4. Os instrumentos financeiros discutidos neste relatório podem não ser adequados para todos os investidores. Este relatório não leva em consideração
os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de cada investidor. Os investidores devem obter orientação financeira
independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. A rentabilidade de instrumentos financeiros
pode apresentar variações, e seu preço ou valor pode aumentar ou diminuir. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de
resultados futuros e nenhuma declaração ou garantia, de forma expressa ou implícita, é feita neste relatório em relação a desempenhos futuros. A XP
Investimentos Corretora se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização
deste relatório ou seu conteúdo.

5. Este relatório não pode ser reproduzido ou redistribuído para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio
consentimento por escrito da XP Investimentos Corretora. Informações adicionais sobre os instrumentos financeiros discutidos neste relatório se
encontram disponíveis quando solicitadas.

6. O analista Rossano é, ainda, sócio da empresa de administração de recursos XP Gestão de Recursos Ltda. (´XP Gestão´). Não há, contudo,
interferência dele na administração ou nos processos de tomada de decisão de investimento da XP Gestão. Os relatórios/análises de Rossano não
influenciam ou são influenciados, sob qualquer forma, pelas posições assumidas pela XP Gestão.

7. A Ouvidoria da XP Investimentos Corretora tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com
as soluções dadas pela empresa a seus problemas. Para contato, ligue 0800 725 5534.

RESUMO DO DIA