Você está na página 1de 1

Restos a pagar e despesas de exerccios anteriores Prof.

Wagre

1 - Consideram-se restos a pagar ou resduos passivos as despesas empenhadas, mas no pagas


dentro do exerccio financeiro, logo, at o dia 31 de dezembro.

2) (CESPE Analista Ministrio da Integrao - 2013) Restos a pagar so despesas empenhadas,


mas no pagas at o dia 31 de dezembro do exerccio corrente, distinguindo-se as processadas das
no processadas.

3 - Os restos a pagar so constitudos por recursos correspondentes a exerccios financeiros j


encerrados. No entanto, integram a programao financeira do exerccio em curso.

4) (CESPE Auditor de Controle Externo TCE/ES 2012) Se a inscrio de determinada despesa


em restos a pagar for cancelada, ela somente poder ser paga, no futuro, a conta de dotao
destinada a despesas de exerccios anteriores.

5) (CESPE Gesto de oramento e finanas IPEA 2008) Tendo em vista que so constitudos por
recursos correspondentes a exerccios financeiros j encerrados, os restos a pagar no integram a
programao financeira do exerccio em curso.

6) (CESPE - Analista de Planejamento Gesto Financeira - INPI 2013) Suponha que determinado
rgo pblico tenha contratado no ms de novembro uma empresa para restaurar parte da fachada do
edifcio onde funcionam suas instalaes. Os servios foram concludos em dezembro e as etapas de
empenho e liquidao da despesa foram concludas antes do trmino do exerccio financeiro. Se essa
despesa no for paga at o final do exerccio, ela compor os restos a pagar processados no prximo
exerccio financeiro.

7) (CESPE - Analista de Planejamento Gesto Financeira - INPI 2013) Os restos a pagar so


despesas oramentrias.

8) (CESPE Tcnico FNDE 2012) O registro dos restos a pagar deve ser feito por exerccio e por
credor, no havendo distino entre despesas processadas e no processadas.

9) (CESPE Analista - PREVIC -2011) Considere que o filho de um servidor pblico tenha nascido no
ms de dezembro de 2010, mas que somente em janeiro de 2011 esse servidor tenha solicitado o
pagamento do benefcio do salrio-famlia. Nesse caso, o pagamento do benefcio do salrio-famlia do
ms de dezembro de 2010 pode ser reconhecido como despesa de exerccio anterior.

10) (CESPE Tcnico Cientfico Administrao Banco da Amaznia- 2012) Os restos a pagar
correspondem s despesas empenhadas e no pagas at 31 de dezembro, classificadas em despesas
processadas isto , j liquidadas e no processadas ou no liquidadas.

11) (CESPE Agente Polcia Federal 2012) No que se refere a administrao financeira e
oramentria, julgue o item que se segue. Ao fornecedor que deseje ver inscrito em restos a pagar os
valores devidos pela administrao pblica na condio de despesa j processada ser suficiente
provar que foi realizado o pertinente empenho da despesa.

12) (CESPE Tcnico Superior IPAJM 2010) Uma despesa deve ser considerada processada,
para efeito de inscrio em restos a pagar, quando seu estgio de liquidao j tiver transcorrido.

13) (CESPE Contador CEHAP/PB - 2009) O registro dos restos a pagar far-se- por exerccio e por
credor, no havendo necessidade de se distinguir as despesas processadas das no-processadas.

Você também pode gostar