Você está na página 1de 8
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE BEATRIZ MATOS DE CARVALHO FASE DE PROBLEMATIZAÇÃO FERRAMENTAS METODOLÓGICAS Professor

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

BEATRIZ MATOS DE CARVALHO

FASE DE PROBLEMATIZAÇÃO

FERRAMENTAS METODOLÓGICAS

Professor Rogerio Torres

SÃO CRISTÓVÃO

2017

COMPATIBILIDADE SEMÂNTICA

A embalagem da POLIAL possui alguns elementos em abstração, como na forma da tipografia que, para representar o conceito da marca, negligencia alguns aspéc- tos em prol de outros para adequar a forma a uma mensagem princiapl a ser trans- mitida. Trata-se portanto de um simbolo, e na qualidade de terceiridade tal qual a própria palavra “POLIAL”, é uma abstração.

Entretanto, a embalagem é essêncialmente figurada, uma vez que a maioria de seus elementos estão em primeiridade e segundidade. A exemplo das bolhas de sabão e do vortex presente no background, que são ícones, e portanto, representações com semelhanças análogas ao objeto referente, mesmo que não sejam ele propriamente.

Abstração

Abstração
Abstração Figuração
Abstração Figuração
Abstração Figuração
Abstração Figuração
Figuração

Figuração

Motivação

Arbitrariedade

Nesse posicionamento consiste o possivel diferencial entre a POLIAL e outras mar- cas. Os líderes do segmento no mercado, como a Ype ou a Limpol usam muito mais a abstração. Resta saber o quanto isso é favorável ou não a marca, que embora não lidere o mercado, possue um a boa margem de verda e esta presente numa quanti- dade relativamente grande de lugares.

VÁRIAS
VÁRIAS

PAINEL SEMANTICO

BOLHAS

VÁRIAS PAINEL SEMANTICO BOLHAS DIFERENTES CORES LAVAR PRA- TOS LIMPEZA UTILIDADES LÍQUIDO DETERGENTE PRATOS SUJOS

DIFERENTES

CORES

LAVAR PRA-

TOS

LIMPEZA

UTILIDADES LÍQUIDO
UTILIDADES
LÍQUIDO
DETERGENTE
DETERGENTE

PRATOS

SUJOS
SUJOS

SUJEIRA

COTIDIANO

ESCALA DE DIFERENCIAL SEMANTICO

Gabriel

Escala de diferencial semântico

Sério Quente Simples Elegante Jovem Utilitário Limpo Popular De boa qualidade Inovador Barato x x
Sério
Quente
Simples
Elegante
Jovem
Utilitário
Limpo
Popular
De boa qualidade
Inovador
Barato
x
x
Divertido
Frio
x
x
x
x
x
Complexo
Vulgar
Velho
Entretenimento
Sujo
x
x
x
x
Desconhecido
De má qualidade
Ordinário
Caro

Regina

Escala de diferencial semântico

Sério Quente Simples Elegante Jovem Utilitário Limpo Popular De boa qualidade Inovador Barato x x
Sério
Quente
Simples
Elegante
Jovem
Utilitário
Limpo
Popular
De boa qualidade
Inovador
Barato
x
x
x
x
Divertido
Frio
Complexo
Vulgar
x
x
Velho
Entretenimento
x
Sujo
x
Desconhecido
x
De má qualidade
x
x
Ordinário
Caro

Guilherme

Escala de diferencial semântico

Sério Quente Simples Elegante Jovem Utilitário Limpo Popular De boa qualidade Inovador Barato x Divertido
Sério
Quente
Simples
Elegante
Jovem
Utilitário
Limpo
Popular
De boa qualidade
Inovador
Barato
x
Divertido
x
x
x
x
x
x
x
Frio
Complexo
Vulgar
Velho
Entretenimento
Sujo
Desconhecido
x
De má qualidade
x
x
Ordinário
Caro

ANÁLISE SWOT

ANÁLISE SWOT POLIAL da RADIANTE PONTOS FORTES PONTOS FRACOS • Diferenciação signica entre os concor- rentes

POLIAL da RADIANTE

ANÁLISE SWOT POLIAL da RADIANTE PONTOS FORTES PONTOS FRACOS • Diferenciação signica entre os concor- rentes
ANÁLISE SWOT POLIAL da RADIANTE PONTOS FORTES PONTOS FRACOS • Diferenciação signica entre os concor- rentes

PONTOS FORTES

PONTOS FRACOS

Diferenciação signica entre os concor- rentes com boa base de conceito nortea- dor, ou seja, da ideia que a marca anseia transmitir sobre o produto.

Complexidade dos elementos e organiza- ção deficiente dos objetos, dificultando a leitura e identificação de partes menores ou compreensão do conceito norteador.

 

• Uso pouco criativo dos signos para ge- ração de diferenciação entre os concor- rentes, o que em outras palavras é ter um bom conceito com leves falhas na execu- ção.

• Logotipo com inclinação muito menor que os concorrentes, ficando assim, me- nor em relação a garrafa quando compa- rada a de outras marcas.

OPORTUNIDADES

AMEAÇAS

Cria uma maça visual diferente no super- mercado e afins, possibilitando chamar a atenção do público.

Arrisca perder espaço no mercado ou a oportunidade de ganhá-lo.

ANÁLISE SWOT

YPÊ
YPÊ
ANÁLISE SWOT YPÊ PONTOS FORTES PONTOS FRACOS • O Logotipo aproveita bem o espaço do rótudo,
ANÁLISE SWOT YPÊ PONTOS FORTES PONTOS FRACOS • O Logotipo aproveita bem o espaço do rótudo,

PONTOS FORTES

PONTOS FRACOS

• O Logotipo aproveita bem o espaço do rótudo, tornando-se bem visível mesmo a certa distancia.

• A cor do rótulo muito próxima a do corpo da embalagem, gerando pouca distinção pela falta de contraste. (pode ser um pon- to fraco ou não).

• Pouca diferenciação estetica e/ou con- ceitual das demais marcas.

Boa organização e limpeza visual causa- da pela distribuição adequada dos ele- mentos no espaço, com áras de respiro e

 

pouco ruído na comunicação (sem exce- ço de elementos).

• Preço alto.

Por conta das decisões descritas no se- gunto ponto, a embalagem se torna mui- to clara e direta no discurso a ser trans- mitida ao consumidor.

OPORTUNIDADES

AMEAÇAS

a boa visualização do logotipo e tam- bém sua forma com terminações retas e abruptas tornam a marca mais firme e lhe confere ferocidade/objetividade, o que chama mais atenção do consumidor e a permite dominar o mercado.

Perde mercado para marcas com preço mais acessível.

ANÁLISE SWOT

ANÁLISE SWOT LIMPOL da BOMBRIL PONTOS FORTES PONTOS FRACOS • Suavidade da forma do corpo da
ANÁLISE SWOT LIMPOL da BOMBRIL PONTOS FORTES PONTOS FRACOS • Suavidade da forma do corpo da
ANÁLISE SWOT LIMPOL da BOMBRIL PONTOS FORTES PONTOS FRACOS • Suavidade da forma do corpo da

LIMPOL da BOMBRIL

PONTOS FORTES

PONTOS FRACOS

• Suavidade da forma do corpo da embala- gem, devido a inclinações menos abrup- tas e shape mais circular, tornando a embalagem visualmente mais fina e alta, atribuindo-lhe maior elegancia.

• formas circulares presentes no corpo da embalagem se repetem no rótulo.

• Alguns elementos do backgroud no rótu- lo possuem a mesma cor e inclinação do logotipo, competindo visualmente com o mesmo.

Exceço de informações secundárias em vermelho que também competem com o logotipo, graças ao peso visual que pos- sue esta cor, principalmente quando pos- ta no fundo branco, como é o caso.

Uso de áreas em banco que reforçam a sençação de limpeza e dão

OPORTUNIDADES

AMEAÇAS

Cria uma maça visual diferente no super- mercado e afins, possibilitando chamar a atenção do público por suas formas mas gentis e agradáveis (suavidade e elegancia)

É mais sutil e tem menos objetiva visual- mente que a YPÊ, principalmente no Logoti- vo mais suave e menos imponente. Assim, pode perder mercado para a concorrente.

PREÇO BAIXO COM BOA PROPOSTA MAPA CONCEITUAL DESAFIO produto com pequena necessi- dade de industrialização
PREÇO BAIXO COM BOA
PROPOSTA
MAPA CONCEITUAL
DESAFIO
produto com pequena necessi-
dade de industrialização
seguir linguagem presente
no mercado
Amplo:
OU
COMMODITIES
adultos de todas
as idedes
pode ser feito em casa
uma nova proposta????
PROBLEMAS
PÚBLICO ALVO
suavidade
simplificação máxima
DIFERENCIAL
TEMA
Preço
EMBALAGEM DE
DETERGENTE
POLIAL
ESTÉTICA
forma base
ESTILO
Classes
C,D e E
forma artistica
FUNÇÃO
produto para
MATERIAIS
CONCEITO
limpeza, prin-
cipalmente de
eco-sustentavel
ressignificação da atividade?
pratos
público com referencial esté-
tico de massa
Embalagem
retornável de
detergente
sabão---->poluição
(rios ensaboados)
curiosidades sobre usos do
detergente que não são co-
nhecidas?
KITSCH
?????
viável???
galão --- sachê
design responsívo
embalagens one-way