Você está na página 1de 169
A is “ Svs Sais py geka Sete Vie ee * erne) 3 4 Novo AVichicam) Brasi UES tes ele difeltices ejaieelcetareiisj aires is Prt re (tiered ey BOT irs CCUM Dr alr tie} ti ae ale Sobre os autores: Emma Eberlein O. E Lima, Mestre em Letras pela Universidade de Sio Paulo, Professora de Portugués para estrangeiros em Sao Paulo, Diretora de cursos da Polyglot. Antora le muitos livros didéticos de Portugués para estrangeitos. ‘Tokiko Ishihara, Professora/Doutora do Departamento de Letras Modernas dat Universidade de Sito Pau- lo (USP). Foi professora de Portugués no Centro de Linguistica Aplicada de Besancon (Franca). Cristian Gonzalez Bergweiler, professor de Portugués ¢ Alemio para estrangeiros. (Os autores a editora empenharam-se para citar adequadamente e dar o devide crédito lt todes os detenores dos direitos autorais de qualquer material iilizado neste Livro, “ispondo-se possiveis acertos caso, inadvertidamente, a idenificagio de algum deles tena sido omitid. Nao € esponsabilidade da editora nom dos autores ocorréncia de eventuais perdss ou ‘anos a pessoas ot Bens que tenham origem n0 uso desta publicagao. ‘Apesar dos melhores esforgos dos autores, do editore dos revsores,éinevitivel que surjam tos no texto. Assim, sa bemt-vindas as comunicagdes de usuérios sobre corregOes ov Sigestdesreerentes ao contedido ou ao nivel pedagéico que auniliem o aprimoramento de tuigaes faturas. Os comentirios dos leitores podem ser encaminhiados & LTC — Livros ‘Téenicos e Cientifies Editora pelo e-mail te grupogen.com.br. tos exclusivos para a lingua portuguesa Copyright © 2010 by LTC — Livros Téenicos ¢ Cientficos Editora Ltda, {Uma editora integrante do GEN | Grupo Editorial Nacional Reservados todos 0s direitos. E proibida a duplicacao ow reprodugio deste volume, no todo ‘nem pare, sob quaisquet formas ou por qualsquer meios eletrnico, mecanico, gravagio, fotocdpia,uistribuigao na internet ou Outros), sem pemmissao express da editor, BRU, — wa Pedagogica ¢ Universitéria & um selo editorial do GEN | Grupo Editorial Nactonat “Travessa do Ouvider, 11 Rio de Janeiro, RI — CEP 2040-040 Tels: 21-3543-0770/ 11-5080-0770 Fax: 21-3543-0896 he@grupogen.com.br \www.epu.com.br Projeto: Departamento de arte E-PU., com colaboragao de Lutz Robrmann Desenhos ¢ capa: Pergaminno Design Simbolos utilizados (Cimara Brasileira do Livro, SP, Brasil) ‘em Nove Avenida Novo Avenida Brasl 3; curso basico de portugues para estringeiros /Emma EberieinO.F, Brasil Lima... (eal), [Relanpe].» Sio Paulo: E.PU, 2013, vis autores: Tokiko Shira, Cxstin Gonzi Bergwele. Texto gravado Bibliogrtia ISBN 978-85-125-4610-0 1 ponups «Fado ¢ easing -Esudaneseatageis 2. Poruguts — Gloss, CS. Bsereva no cadermo itu ee tis bra, Tokko I Cones Berger, Crs, Tl, ivi see 10-02994 Dp -469.824 indice para catilogo sistemitico: Escreva sobre vocé 1. Portugués para estrangeiros 469.824 mesmo. Apresentacdo A presente edigao é uma versio atualiza- da do método Avenida Brasil - Curso basico de Portugués para estrangeiros. As grandes modificagdes que 0 mundo viveu ao longo dos anos desde a primeira publicacao de Avenida Brasil, bem como as alteracdes que o cenairio dos estudos linguisti- os sofreu obrigaram-nos a repensat ¢ a reor- ganizar a obra. A grande modificagao é a nova distribuicao do material, levando 0 aluno do patamar inicial de conhecimento ao final do nivel intermediario. Para colocar nosso material mais proximo das diretrizes do Quadro Europeu Comum de Referéncia (Common European Framework of Reference for Languages), decidimos reparti- loem 3 niveis, correspondentes a Al (Volume 1), A2 (Volume 2) BI+ (Volume 3). Para facilitar a utilizagio do método, re- solvemos, além disso, integrar o antigo Livro de Exercicios ao livro-texto. Assim, a primeira parte de cada um dos trés livros deve ser traba- Ihada em aula, Na segunda parte do volume, 0 aluno tera exercicios numerosos ¢ muito variados, correspondentes, cada um deles, a cada uma das ligdes da primeira parte Outra alteragao introduzida no método foi a racionalizacao da sequéncia verbal de modo a suavizar a passagem do Modo Indica vo para o Modo Subjuntivo. Com essa mesma intengao, também as atividades € 0s exercicios Iclativos a esses itens sofreram modificagées. O método utilizado € essencialmente comunicativo, mas, em determinado passo da licdo, as aquisigoes gramaticais sio organizadas e explicitadas, Optamos por um método, digamos, comunicativo-estrutural. Assim, levamos 0 aluno, mediante atividades ligadas a suas ex- perigncias pessoais, a envolver-se ¢ a participar diretamente do processo de aprendizagem, enquanto Ihe asseguramos a compreensio ¢ 0 dominio, tao necessarios ao aluno adulto, da estrutura da lingua. Sem diivida, o objetivo maior do Neve Avenida Brasil, agora cm trés volumes, & capacitar oaluno a compreender e falar. Entre- tanto, por meio da seco €xerei¢ies (segunda parte de cada um dos 3 volumes), sua compe- téncia escrita ¢ igualmente desenvolvid ONoevo Avenida Brasil nao se concentra apenas no ensino de intengées de fala ¢ de estruturas. Ele vai muito além, Informagées © consideragées sobre o Brasil, sua gente ¢ seus costumes permeiam todo o material, estimulando a reflexio intercultural. Desse modo, a0 mesmo tempo em que adquire instrumentos para a comunicagao, em portugués, o aluno encontra, também, elementos que Ihe permitem conhecer e com- preender o Brasil e os brasileiros. O Novo Avenida Brasil destina-se a estrangeiros de qualquer nacionalidade, ado- lescentes ¢ adultos, que queiram aprender Portugués para poderem comunicar-se com os brasileiros e participar de sua vida cotidiana, Os autores Fontes iginas Diseriminagéo da imagen Cale de SinPaa Teo ta Reman Dafa Toto Aga Bs Bra, Fan Asc Ba ‘ta ns Cleve Ferman atudts ns enor. Ft Ap Beal Cas cos Our Pro MG. Foto Eh Pee eel ottont MC. Foo Hine Burd Grup psi an Clea eran Tut eto Col Vso de ama Forte, a tt tao, Carrer FULD Foto Aca a Pia Cecio oto Prec do Ride ai Anda dicta (2073) Foto Aa ceteadly Nae Hence pa chav Meni Tos Lat Rtrmsna/ Berd gna no argue Harpers SEN, 19RD, Fo Agios ea Frpulgio cha com sorb 2 Fete at ab, Ronan tins esa nape de mada, Ft ia Gans. oo de video e ona Foto Walang Ka, Chane nonreraea Fo enc nl Tempo nad, alr ool com raven pss. itn Wal Kapp Seo rs Fo lng Kap Neca aston (H64P2TO)- Fis Agnes Bs [Amnon d ye Foto Fa Hoel OF Li. Cink Yoo BNWT si 2006 Lop dette (445EFOS) Fo gins Br sane Roo tine Retmunn tlm, Foo Wellgng Kaopp/ Ofc pra ena (17D4FBO20) Foto Apa Br Cari dete (07H0O035) eto A rl ‘mas erase mtr sd Walon Kiso Fanaa pe nasl cs) Fo agent Bra) Ager DE P3908. Ft Agia Basl/ Cot (1530EF28) Toto Aci Br ‘Oana por det do sada to ene Ber {igmsccenst 2009089) Foto Aga Brash Tekin toto ane Der “elmancing (234017) Foto Ags Bra aaa FPie) te Agra rs eto“ Homers pam até 10%..” Anizade por Gla Crise Partayis S.A Rep tm uc ost wlbacom me de car (153505) Fo get Bes Fete Caso erg Cees Stade Fn at omann/ Skt, ssl, Flo tered Joga ae (1502010196). Carinae me pergue Ceakgane debates INOONCIOSE) Fa Agia Be cnn mo ia pscar Fos Ls Grve/ Sala de aa qu, oo Ek era Rico. Internet CCichwin i ner eau Foe at Roba, Cel foo Hn Boer ‘ute soot be doin Foto Ena Fhescn Lima Joens(O880WD242) Ft get Brash Frain lars st Poa Teo Spe, Banas dy Bre Prag Foto Wipe Shier Devs) Li. a ene Ber ‘Nuns etadand en ol (T0027 ot Ags al Terma de Neon Ft da Prefers do Ride aero Fenn de Neh, Ftd retard Ride anc. Homer pnt Src ri (1225V0095) Foto gins Ba Wir pat (Ch foe Ewe Boer! Meni om psa de Compo cue ter). U2), Foto Ag Bas an (937F 0138). to Ania ral ess seta ai F18 — tagrs de iar deur iter) See aaa ret rlia(11!34C034) conan (I700MC2I0} umercane(558K0H0) fen Agena Hel Canc do Het Don toe Gants pls lovee. Yow? Canes Gator caro. Item 108 Ambac terme). ey eae ina tia Canin car com prema no metres Lat bm Horen bao com es (1530861070 Foto Ag Bn Tin Toe ests ce Noel eGo. to Wiki, [iz Fsynese menus Fotos Crsin ere 113 Felcn Foto da eres 116 fas de Sia Pla Maeahina. Foo Wipe “Tests grovados Portugues dos braseiys. Domino Pablo: hep dominigpablicgbr/ downlad Sonc000899.:93. ‘Mes Poste: RDP Africa (2006), Afri Pst, Entei de Ana Jor a Virgo do Rosie, 15 de Noverbro de 2006 “Textosimpresson Manor deri ecole Marcelo Nev. Cento de Rites Sachs, FundasSo Geto gas -hupAvwceepviemotivon omer pagam até 3 is por sequr de carm, Reportage do Gl. Portus ot Bri? Paola Fatal Mateos Bano, Departamento de Lingus Esrangeias € Tad - wowumarcsbago cm br Sumdario Ligto 1 Acscolca univesidede; | Xpress Presete do Subjuntivo- Formas ‘vescolha de uma profiss20, regulares. Formas iregulares. Usos carreiras. do Presente do Subjuntivo (1): verbos de desejo,divida e entimentos + que Prenomes demonstraivos + advérbios de lugar. Ligso 2 O tempo, o clin, atempe- | BX id sos do Presente do Subjuativ (2) rata si influgncia sobre Expresses impessouis que. tS alividades,fenomenos da ratureza ¢paisagens Ligdo 3 Dinheiro eestabilidade eco- Usos do Presente do Subjuntivo (3) mica: servigos banedrios; = Subjuntivo com certas conjungbes: administragao do dinheio. ‘para que, embora, até que, antes que, ontanto que, a no ser que, sem que, ‘aso, mesmo que. Usos do Presente dio Subjuntivo (4): alguém que, alguma coisa que. Superstigdes;simpatias, Imperfeito do Subjuntivo - Forma. crendices populares, Lendas Usos do Imperteto do Subjuntivo. brasileias, ° ‘Oragtes condicionais (se + Imperteito «do Subjuntivo). Revisiot Ligéo s ‘Comercio e servigos: possi- Futuro do Sebju dacs ¢ problemas. SAC com cra con ud (Gervigo deatendimento 20 enguano, log qu, assim que, depois Sens) Procom ~ Protea ue, Pineda que 3. com $0 consumir. cragdesrelatvas:: Tempos compos- tosddo Subjntvo: Forme (nha feito, tiveste feito, tier feo) Uso. Ligso 6 Trinsito urbano, comporta- [AD Infintivo Pessoal ‘mento n0 tnsito, meios de ‘bo haver na forma impessoal (tempo transporte, earo, Seguro. cexisténcia, Lido 7 Atividades de laze, rages condicionss = com se + cexcursbes, miisica popular o Pedi Imperfeito do Subjuntivo Composto, brasileira, futebol, persona | c Pronome relaivo: que, quem (0 qua, Tidades brasieiras nas artes c 8 qual, 0s quais, as quais) onde; eujo, {ens esportes, televisdo, cule ‘midia eletronica, Lido 8 (© portugugs dos brasileiros; Discurso indieto-reproduso ‘o portugués em Portugal. |g > imediata:declarapaes e pergunis, ‘ordens. Reprodugto posterior. Tabela ‘de tempos verbais natransigzo do discus direto para indiret, Fonética cc TT Aponaice Gramatical ET] onto genvados ETT Vocabutieto attabéttoo eT Vu Escola, universidade CM es ie ky xpressar desejos, chividas e sentimentos; definir claramente a localizagio dle objeto no espaco. 1. Observe as ilustragoes acima e relacione-as com as. frases. 2. Classifique as frases de acordo com seu sentido. desejo —divida _sentimento (J - Veja bem! Nao quero que J} a) Ele pede que ... @ oO oO saeetenccies Eee) b) Eu tenho medo que... © ° ° c) Talvez ele O° O° O° ) ~ Pensando bem, duvido d) Sinto muito que O ° oO que vocé possa fazer isso. | _ ~ 5 ai sozinho. ©) Que bom que ° ° oO f) Duvidamos que Oo Oo Oo - Xil... Tenho medo que g) Estou feliz que Oo Oo oO cle eatejaem perigal h) Ela espera que O° Oo ° i) Eu quero que ° oO oO AQ Entrevista @) 1. Ougae didlogo. 3 © Professor, que carreiras 0 senhor aconsetha thes interessam, as condigdes de trabalho atualmente a nossos jovens? ¢ as perspectivas. Isso quer dizer que, se + Depende. O mercado de trabalho muda voce nao tem habilidade manual, nao deve muito de ano para ano, Ultimamente, nem pensar em ser dentista. Nem pensar! tenho visto muita gente desempregada. Se voc nao gosta de ficar fechado numa No meu tempo, os engenheiros recém- sala o dia inteiro, nao deve ser um anal formados tinham logo bons empregos. __ de sistemas. Se voce odeia uma matéria Os advogados também. Os professores como matemiitica, por exemplo, como pode Bem, os professores ... Sabe, 0 que eu pensarem ser engenheito? Duviclo que voce aconselho aos jovens € que avaliem bem, se sinta feliz seo trabalho nao Ihe da prazer mas muito bem mesmo, as carreiras que nem chance de prosperar. 2, Seu colega vai explicar como ele é, quais sao 0s seus talentos, do que ele gosta, 0 que ele detesta, etc. Vocé vai tentar ajuda-lo a encontrar a profiss4o adequada para ele, dando sua opinido, aconselhando-o. Eu adoro. habilidade manual —_Isso quer dizer que. Eu odeio .. niimeros Voce nao deve . Eu (nao) tenho contato com pessoas Eu aconselho que ... Ai2ll Fico nervoso sé de pensar ... =) 1.Ouca 0 didlogo. ® Odeio a segunda-feiral Fico nervoso s6 de pensar em voltar ao trabalho. Eu me aborreco no escritério 0 dia inteiro. A papelada ... Talvez, seja melhor procurar outro emprego. + Seri? Receio que vocé esteja trabalhando na drea errada. 2. Quais so as profissées “‘certas” para vocé? Quais profissdes vocé nunca exerceria? 3. Em algumas linhas, descreva as vantagens e desvantagens de seu trabalho, de sua posicao. poder criar nao ter chefe conseguir prestigio social com ver seguranga ter contato com as pes trabalhar pouco ter prazer as horétio livre anh: i nl \tros a gambar dinheiro poder ajudar os ou horitio fixo ‘A@ll Cada pais tem seu sistema escolar 1. Fale sobre sua vida escolar. ir para a escola fazer o curso primario prestar exame entrar na escola fazer o curso secundario _passar de ano entrarnafaculdade fazer faculdade ser reprovado 2. Veja esta tabela, Ela mostra a linha central do sistema escolar brasileiro (escolas publicas e particulares). Educacao Basica ‘ensino meio) alfabesizados ou sem Taucepio supetia (ovens e adultos nao 3. Interprete a tabela.Vocé pode comegar assim. No sistema escolar brasileiro a Educagio Infantil inicia entre 4 a 5 anos. Criangas até 3 anos vo a creche. De 45 anos... . 4, Compare o sistema escolar de seu pais com o bra: No meu pais, a gente ... Nossa! Entrar na universidade com 17, 18 anos? ... Isso significa que ... Puxa! Entrar na escola com 6 anos! Otimo! Que bom poder comegar a trabalhar cedo! Teso quer dizer que .. AGE Duvido que vocé possa fazer isso * Duvido que vocé possa fazer isso af Converse com seu colega. Aponte tudo o que esta: sozinho. E necessério muito treina- a) perto de vocé/Isto aquilivro mento. Matto. aged. £.1me Mina, + Isto aqui? Isto aqui € facil de fazer. “i Nao tem problema. Aquilo ali é que é 1b) perto de seu colega/isso ai/carteira dificil. Nem com treinamento. © ¢) longe de vocé/aquilo aliflixo Eu__ | isto aqui comigo, junto de mim. Voce isso af com vocé, perto de vocé | 4) mais longe de voot/aquilo a ../quadto de avsos. Ele | aquilo ali com ele, perto dele | ere cosets aquilo Id com ele, perto dele | ¢) perto de vocé/Isto aqui/carro Bill Presente do Subjuntivo 1.0 Presente do Subjuntivo forma-se a partir da 1# pessoa do singular do Presente do Indicativo: 4, Faga frases. | [por ativo e do Subjuntivo. _ vir eens en poder [eu re |, leu Talvez cu mudar [Caio em casa [no més que vem. Pode ser que |vocé |vender com Iracema_| para Luis. Tomara que |ele |fazer_ ‘| praia no centro. Nao acho que {Iara |almogar | para Itu a esta hora. E possivel que |elas {encontrar |portugués —|amanha, Duvido que | voces | ver ‘compras com a gente, Epenaque |nds aprender |o carro com este professor Ebomque — eles |ir a exposicio jem Manaus. ela__|discutir _|o problema__|a tarde. B2a Presente do Subjuntivo — Formas irregulares Talvez eu mude para Ttu no ‘més que vem. Estes sao os tinicos verbos com formas irregulares no Presente do Subjuntivo. Complete vocé mesmo as formas que estao faltando. Ball Usos do Presente do Subjuntivo (1) Verbos de | Eu quero que voce pare de fumar. desejo + que O diretor proibe que os alunos fumem na escola. ‘Tomara que vocé pare de fumar. Espero que ele venha. Verbos de Duvido que cle viaje para o Pantanal duivida + que Nao acho que cles queiram ir festa. ‘Talvez haja outro restaurante aqui perto. Verbos de Sinto muito que Joel nao viaje conosco, sentimento + que | Que pena que eu nao possa ir com vocés. Que bom que vocé esteja bem agora. L Estou contente que voces aceitem minha sugestao. | 1. Faca frases Exemplo: Tomara que Raimundo nio esteja com gripe. Talvez ‘a sua mae poder | falar inglés no domingo Que pena que Regina querer | com gripe conosco Nao acho que Raimundo, ir ficar na festa | hoje a noite ‘Tomara que eles estar | A sua casa amanha Sinto muito que | cu saber__| ira festa 2. Escolha as frases adequadas para cada situacao. © que vocé diz? Seu amigo est doente Sinto muito que vocé nao esteja bem. © Duvido que eles telefonem para mim. (D Tomara que voeé fique logo bom. (D Eles querem que ela vé embora Seu amigo vai viajar. CO Nio acho que seja fécil esperar (J Que pena que eu nao possa ir com voce. (J) Espero que vocé mande logo boas noticias. () Estou contente que vocé fique aqui comigo. Bl Pronomes demonstrativos + advérbios de lugar Q oO Perto de vocé Perto de seucolega —_—_ Longe de vocé Estehomem aqui Esse homem af. Aquele homem alia, Esta casa Fsssa casa Aquela casa Isto Isso Aquilo Faga frases. - Ele comprou este aqueles |cadeira(s) meninos(s) | aqui Euvou falarcom isto aquilo | carro(s)—mulheres(s) af Elas nao fizeram esse estas._—_| tapete(s)_senhora ali Ele nfo fez isso_aquela_|roupa(s) _bagunca__ la. Cill A escola ideal 1. Leia o texto. Depoimento de uma crianca Para mim, a escola ideal nao deveria ter professores. Os que eu tenho so bravos demais ‘¢ nunca nos deixam fazer 0 que queremos, Tim lugar deles, haveria um adulto amigo, que estaria sempre conosco, apitando os jogos, apartando as brigas ... E haveria um quintal enorme, com muitos brinquedos. Em dias de chuva ou de sol muito forte, iriamos para a sala de aula, onde ndo haveria aula. Apenas jogos eletrénicos, todoshigh tech ‘A(a escola seria o melhor lugar do mundo. , Op Depoimento de um pai A escola deve preparar meu filho para 0 sucesso, Deve darlhe conhecimentos s6lidos ¢ atualizados ¢ treind-lo continuamente no uso de recursos eletrénicos. Deve, também, despertarlhe asensibilidade para as artes ¢ linguas estrangeiras, vw Deve, a0 mesmo tempo, incutir-lhe os bons valores humanos: honestidade, solidariedade E, € dbvio, deve edues-lo para que seja uma pessoa de trato social fécil. Acredito muito no papel da escola, Minha esposa eeu estamos muito ‘octpados e no sobra tempo para nosso garoto. Nossa esperanca é a escola. 2. Relacione LAcrianga _(_) no concorda com 0 modo como funciona a escola. 2. Opai 1) nio leva a sério a escola. () é imresponsavel. (J) vé na escola uma solugao para seus problemas. () acredita que a escola pode ser melhor. 3. Na sua of 10, qual é o papel da escola? Para vocé, como é a escola ideal? 2a Um programa para vocé ~ Longe da rotina - dia inteiro, s6 Portugués! Ambiente brasileit, De mank: até a noite, longe de seu ‘mergulhando no Brasil, voce 1eULS Um programa POLYGLOT Se o que voeé quer € ativar eampliar seus conhecimentos de portugués € tomar-se mais competente em sua ¢o- ‘munieaglo, ns The daremos 0 impulso portugues com brasiliros— 96 de que voce precisa portugues! O programa Impulso foi feito para vocé! [Pp 1+ Leino texto. Converse com sous colegas: Vale a pana fazer o curso? Por qué? 4 2. O que acha destas propostas? Vocé conhece outras formas de aprender uma lingua? De sua casa ou escrit6rio, voce liga (© seu computador e pela internet conversa alguns minutos, todos 05 dias, com um professor espe- cializado. Em pouco tempo, voce adquire fluénoia ¢ desinibigao. Ne- s cessario conhecimento basico da lingua. Para pessoas que nao podem perder tempo. Ligue ja: 6228-2844 Aprenda enquanto dorme INGLES - FRANCES - ALEMAO VOCE APRENDE A ENTENDER, PENSAR E FALAR EM 60 DIAS. SLEEP LEARNING CEP 04034-000 SAO PAULO -SP Dl Pequeno Burgués - Martinho da Vila 1.0 que 6 ...? Use 0 dicionario. Passar no vestibular Faculdade particular ataxa a formatura atura formarse o-anel de forms 2) 2. Ouca a misica. Quais fotos se relacionam com o texto. Pequeno Burgués Felicidade! Passei no vestibular Mas a faculdade é particular Paricuiar, ela é particular (bis) Livros to caros, tanta taxa pra pagar Meu dinheiro muito raro alguém teve que emprestar (O meu dinheiro alguém teve que emprestar (bis) Morei no subiibio, andi de trem atrasaco Do trabaiho ia pra aula sem jantar e bem cansado Mas lé em casa a me'a-no linha sempre ame esperar Um punhado de problemas e ctiangas pra criar Pata criar, 86 ctianga pra crar (bis) Mas felzmente eu consegui me formar Mas da minha formatura nao cheguel paricipar Faltou dinheiro pra beca @ também pro meu anel Nem um diretor careca entregou o meu papel ‘O meu papel, meu canudo de papel (bis) E depois de tantos anos, 6 decepgtes, desenganos Dizem que sou um burgués muito privlegiado Mas burgueses s40 vooas Eundo passo de um pobre coitado E quem quiser ser como eu Vai ter é que penar um bocado Um bom bocadd. Vai penar um bom bocado Marino da Via (letra e misica) 3. Leia o texto e responda. a) O que vocé sabe sobre o rapaz. da miisica, sobre sua condigao social e sua vida familiar? b) Como é 0 dia a dia do rapaz entre o trabalho ¢ a faculdade? ©} Por que os outros acham que ele é um burgués muito privilegiado? 4) O que o rapaz acha de si mesmo? Ei™l Palavras 4. Separe as palavras ligadas a profissdes de acordo com as categorias indicadas. ; ol evista ft ° oe aie naa clinigg enievista Juiz Mbaixadg yaboratO® cir tema iit i jee ‘ica exter ea ilmar Jitica exten consttOF empresa fi pol artes plasticas " % contrato nomista imprensa _passaporte andlise advogado justi¢a yanco visto a) Economia |b) Diplomacia |) Satide d) Midi | 2, Complete as frases com as palavras da caixa. i secretaria 10 quimica eici0 Teitor taria timestre reprovar ense Pausa ques gerne" a) Na aila de sss aprendemos a utilizar o laboratério. ne} ©) Algumas escolas dividem seu ano escolar em sissy OUFAS EM d) Eufuia.. saoun durante 0 ¢) Na prova havia uma _.. da universidade € eleito pelos professores ¢ funcionérios. que eu nao soube responder. £) Se as suas notas no melhorarem, o professor vai voce? 3. Relacione. 1.aprova 2.adlasse 3. o intervalo 4.a recuperagio 5. o.curso 6.aaula 7.0 diploma [] oreforco escolar () aexplicagio ——) atenstio CD apausa ©) a sequéncia oespago fisieo Co final E2ll Escrever um e-mail. Vocé quer fazer um curso na Polyglot (veja 0 antincio na pagina 6), mas vocé quer iformacées adicionais. Escreva um e-mail em que vocé: - demonstra interesse = pede um orcamento = menciona seus conhecimentos = pergunta se ha certificado de conclusao = pede detalhes sobre 0 curso TaformagBes sobre o curso de Portugués Prezados senhores, ‘Tenho interesse em ... J estudei ... Gostaria de saber Atenciosamente, Expressar agrado, desagrado, necessidade, possibilidade; conveniéncia, preferéne’ convidar; estimular uma acio esfriar ~) nevar esquentar chover 1.aneve 2.achuva 3.0 frio 4.0calor 2, Leia o texto e diga: certo (C) ou errado (E). Otempo CE Hoje € domingo. O tempo esti bonito. Nao est chovendo ¢ nao faz. frie nem muito calor. O vento levou as nuvens para Jonge ¢ 0 sol apareceu. Um dia bonito! Um domingo pericito! E bom que eu saia ) Ha nuvens no céu. Vai chover Quero encontrar alguém que esteja se Um dia para sair. sentindo to bem quanto eu. O Me fenho que trabalhar. O tempo esté agradivel sol, mas esta frio. into bem, mas estou sozinho, AM O que a gente vai fazer? (— calor) (_ehwa 1. Ouga o didlogo. Que figura corresponde a ele? + Puxa vida, que tempinho chato! + Ei mesmo. O que é que a gente vai fazer? + Eu queria ira pi + Com chuva, prefiro a, mas nao vai dar. icar em casa ¢ alugar um DVD. © Mas chuva ¢ ideal para uma tarde no museu! Tem uma exposigio nova na Pinacoteca 2, Trabalhe com seu coleg: jam 0 didlogo acima. 3, Fale com seu colega. Que tempo voc® prefere? f © que que voc’ faz (0 que voc’ faz no quando chove ..? vero? Sugestdes para resposta: jogar tenis esquiar Na ‘icar em casa * Ficar em eas lavar o carro jogar futebol comer aot jantar fora : 1 rao museu— idar amigos alugar um DVD. trabalhar no jardim convidar amigos ouvir miisica 4. Faca frases. [Adoro calor Quando chove, feu prefiro Detesto fro, [Com chuva, nds adoramos IGosto muito de |horério de verao. |Quando faz (frio/sl), dle detesta.. Nao suporto _|trovao. Quando o dia esta (nublado/enso- ralado/chuvoso/frio/quente). eu nao supotto ... fee E essa agora! deste temporal. + Eo que a gente faz agora? + E possivel que haja alguém por aqui que con- serte pneus. + Vamos perguntar ld na banca de jornais. 1. Ouca o didlogo. Leia e faca variagées. * essa agora! O pneu tinha que furar no meio 2, Crie um didlogo com seu colega sobre as situacdes abaixo, a gasolina acabou olimpadorde a chave ficou o carro quebrou para-brisa parou de dentro do carro funcionar All Com esta chuva. 1. Escolha as melhores fotos para cada dialogo, Didlogo 1 © Quer sair para passear? * Com esta chuva? * Ora, uma chuvinha assim nao incomoda. E 0 jomal diz. que hoje vai fazer sol. ‘+ Nio acredito, Othe pela janela! Acho que nao vai parar de chover até amanha. fi melhor que encontremos 0 que fazer em casa hoje Didlogo 2 * Que tala gente ira praia no fim de semana? Esté um solzinho gostoso. + Acho bom, mas é possivel que o tempo vire. Detesto praia sem sol. * Acho que eu vou mesmo que chova, Quero sair um pouco da cidade * Entao vamos! 2. Fale com seu colega. Vocés querem combinar alguma cois: um jogo de futebol, fazer um piquenique, andar de bicicleta. ira piscina, assistira 11