Você está na página 1de 2

CORREO DO TESTE - 8.

ano (Poesia)

Grupo I

Parte A

1.1. b. 1.2. c. 1.3. a. 1.4. c. 1.5.c

Parte B

1.1. O verbo partir utilizado como sinnimo de morrer. Assim, representa a morte da
amada do sujeito potico.

1.2. O recurso expressivo utilizado o eufemismo.

1.3. A anttese est presente nos dois ltimos versos da primeira estrofe, opondo o cu, l,
terra, c. Este recurso expressivo acentua a separao dolorosa entre o sujeito potico,
que est vivo, na terra, e a sua amada que se encontra no cu, por ter morrido
prematuramente.

2. Na ltima estrofe, o sujeito potico implora pela morte, desejando unir-se eternamente
sua amada. Pede-lhe que ela rogue a Deus para o levar para o cu, para junto de si.

3. O sujeito potico sente-se triste e parece querer prolongar essa tristeza que decorre da
morte da amada, e viva eu c na terra sempre triste (primeira quadra). Com a perda da
amada, ainda jovem, o amor ardente deu lugar dor e mgoa, como visvel no primeiro
terceto, a dor que me ficou/da mgoa, sem remdio, de perder-te. Por ltimo, o sujeito
potico no quer continuar a viver sem a amada e implora pela sua prpria morte, acreditando
no amor eterno, no cu.

4. O poema um soneto, porque constitudo por duas quadras e dois tercetos.

5. Na primeira estrofe, verifica-se a presena da rima interpolada, nos primeiro e quarto versos,
e emparelhada, nos segundo e terceiro versos, segundo o esquema /abba/.
Grupo II

1.
Minha determinante possessivo
C advrbio de predicado (com valor locativo)
Se conjuno subordinativa condicional
Que pronome relativo
A preposio simples

2.
2.1. Orao subordinada adverbial consecutiva
2.2. Orao subordinada adverbial causal
2.3. Orao subordinada substantiva completiva
2.4. Orao subordinada adverbial temporal
2.5. Oraes coordenadas assindticas

3.
a) 2;
b) 7;
c) 1;
d) 5;
e) 6