Você está na página 1de 53

OS DONS

ESPIRITUAIS
DEPARTAMENTO DE MORDOMIA
DIVISÃO SUL-AMERICANA

1
SERMÃO MOTIVADOR:

“Quantos Talentos ou Dons Recebestes....

1, 2 ou 5?”

2
QUANTOS TALENTOS OU DONS RECEBESTES ... 1, 2
OU 5?

SÃO MATEUS 25:14-30

I INTRODUÇÃO

A. As Escrituras Sagradas diz em São Mateus 13:34,35 (ler) que Jesus usava
as Parábolas
para explicar e tornar compreensíveis as verdades ocultas aos homens.
Uma dessas
grandes verdades são os dons que Deus deu a Seus filhos.

B. A parábola dos Talentos explica a forma como Deus deu os dons ou


talentos a cada
ser humano, sendo estes crentes em Cristo ou não. Existe uma séria
responsabilidade
no uso dos dons para a causa de Deus. Agora ampliaremos alguns
conceitos acerca
da palavra TALENTO e seu significado.

1. O QUE É TALENTO?

• Era uma unidade maior e mais importante, de depósito.


Não era uma moeda, mas uma unidade contábil. No
Antigo Testamento a prata que havia em um talento
pesava aproximadamente 34kg e no Novo Testamento,
um talento eqüivalia a 12,6kg de prata. De acordo com a
escala de salários deste tempo, eqüivalia ao salário que
recebia um trabalhador comum e correspondia ao salário
de 20 anos de pagamento. Portanto, era de muito valor.
• Pelo alto valor desta Unidade Monetária, e aplicando esta
definição às habilidades, dá-se a seguinte definição:

2. DEFINIÇÃO:

• São os dotes intelectuais, ou habilidades, que dão valor e


distingue à pessoa, por seu entendimento e inteligência,
em determinadas áreas da vida.
• São as habilidades que Deus têm dado a cada pessoa,
sejam estas inatas ou cultivadas, que no sentido
espiritual, servem para o desenvolvimento e crescimento
da igreja.

3
C. Quando se fala de talento, de uma certa maneira se relaciona com
a palavra
DOM. Esta significa: dádiva presente, graça especial ou habilidade
para fazer
alguma coisa.

II SIGNIFICADO DAS ALEGORIAS DA PARÁBOLA

A. A parábola de São Mateus 25:14-30, tem vários propósitos bem


definidos que,
através de suas alegorias, ensinam o seguinte:

1. O Senhor deseja incrementar seus “bens”. Chama-se de


bens a tudo o
que faz progredir Seu reino espiritual aqui na Terra, isto é,
ter mais fiéis
em Sua igreja.

2. O Senhor deseja provar Seus servos (os quais estão


representados por
todos os crentes ou discípulos) antes de confiar-lhes maiores
responsabilidades.

3. Os Talentos representam os dons especiais do Espírito,


assim também
aos dons naturais que Deus dá a cada um para fazer a Sua
obra.

4. A quantidade 1, 2 ou 5 representa a vontade de Deus de dar


a todo ser
humano certa quantidade de dons para incentivar suas
faculdades e
habilidades, proporcionando-lhes assim a oportunidade de
adquirir
experiência e desenvolvimento.

5. O homem indo longe: Lucas 19:12. Representa Jesus


quando subia aos
céu em ascensão. Ele referiu-se a Si mesmo. (Efésios
4:8,10).

6. O Senhor da parábola. “Ajustou contas” (Mateus 25:19). Há


uma
grande responsabilidade que não deve ser descuidada.
Teremos que dar conta dos dons recebidos.

4
7. São Mateus 25:21. A aprovação do Senhor - “MUITO BEM,
SERVO
BOM E FIEL”. Não era proporcional ao ganho de cada um,
mas a
fidelidade demonstrada com o uso dos talentos recebidos.

III CLASSIFICAÇÕES DOS DONS CONCEDIDOS POR DEUS

DONS NATURAIS, DONS ESPIRITUAIS E DONS DE SINAIS DE PODER OU


DONS ESPECIAIS

A. DONS NATURAIS

São aqueles que nascem com a pessoa e que se transformam em


vocações inativas.
Estes necessitam ser cultivados para que sejam aperfeiçoados.
Estes dons podem existir na vida de crentes e não crentes. A
pena inspirada, falando destes dons, diz o seguinte:

“Os dons especiais do Espírito não são os únicos talentos


representados na parábola. Esta inclui todos os dons e
dotes, originais ou adquiridos, naturais ou espirituais. ...
Tornando-nos discípulos Seus ... Devolve-nos Ele, então,
essas dádivas purificadas e enobrecidas para que as
utilizemos para Sua glória em abençoar nossos
semelhantes”. Parábolas de Jesus, página 328.

Estes dons têm a ver com as artes, as letras, as ciências.

B. DONS ESPIRITUAIS E DONS DE SINAIS E PODER

São os instrumentos que o Senhor tem dado à Sua igreja através


do Espírito Santo para fazer progredir a obra de Seu reino.

Estes dons ou talentos que Deus dá aos nascidos para Seu reino,
podem somar-se aos dons naturais que a pessoa já possui, ou em
seu defeito Deus os concede a partir de sua conversão.

Desde o Pentecostes, o Espírito Santo é Quem administra a igreja


cristã e Ele é o distribuidor dos dons espirituais. Paulo se refere
aos dons espirituais como atividades encomendadas a pessoas
espirituais, é dizer a cristãos que nasceram de novo.

O Espírito Santo é o Agente designado pelo Céu como Cabeça da


igreja atual na Terra. O Espírito Santo capacitou e mobilizou a
igreja primitiva. Atos 1:8.

5
1. O Espírito Santo concedeu a algumas pessoas a capacidade de
expressar-se em idiomas diferentes. Atos 2:4.
2. Converteu os discípulos atemorizados em oradores veementes.
Atos 4:3.
3. Separou diretamente a algumas pessoas para certas missões.
Atos 13:2-
4. Resolveu problemas doutrinais. Atos 15:28.
5. Impediu que alguns missionários entrassem em certas áreas.
Atos 16:6.
6. O Espírito Santo dirigiu-os para outras regiões. Atos 16:10.
7. Foi o poder que estava detrás de toda classe de milagres e
acontecimentos extraordinários. Atos 19.

IV PROCURAI OS MELHORES DONS - I CORÍNTIOS 12:31

A. O MELHOR DOS DONS

1. Este é o AMOR. I Coríntios 13:8, 13.


Dizemos que é o maior de todos os dons porque Deus aceita
o uso de todos os dons mencionados anteriormente, quando
a fonte da motivação para o desenvolvimento destes, é o
AMOR A DEUS.

2. Sem a motivação do AMOR DIVINO no coração humano, os


dons e seu
uso se tornariam como o bronze que soa, ou como o címbalo
que
retine. I Coríntios 13:1.

B. OS MELHORES DONS

Os melhores dons são estes:

1. Descobertos
Necessitamos saber quantos dons temos recebido de Deus:
1, 2 ou 5. São Mateus 25:15.

2. Desenvolvidos ou Postos ao Serviço de Deus


Embora os talentos sejam poucos, devem ser usados. Este é
o primeiro
dever perante Deus e ao próximo. Deus requer o
adestramento destes
dons. Mateus 25:19-23: “... Senhor, confiaste-me cinco
talentos; eis

6
aqui outros cinco talentos que ganhei.”

C. RESTAM APENAS POUCAS COISAS PARA DIZER

1. Existem também os dons “diferentes”, ou “sinal”, tais como


os dons de
cura, milagres, línguas, que não aparecem na lista do
“teste”. Pelo fato
de serem dados com o propósito de demonstrar a presença
e poder de
Deus, não consideraremos que possam identificar-se como
algo
permanente em uma pessoa, na forma como são os que
aparecem na
lista.

2. Há outros dons, que não foram mencionados, nas listas


bíblicas.

3. Sendo que ninguém é possuidor de todos os dons, e que


cada pessoa
conta com pelo menos um, existe uma interdependência
entre os
membros da igreja. As Escrituras ensinam que os dons
menos
“espetaculares” são mais necessários do que os dons
“diferentes”. Em
outras palavras, a igreja pode passar muito tempo sem
experimentar um
milagre, mas como poderia subsistir sem atos de
misericórdia,
evangelismo e generosidade?

4. Aqui existe um exemplo prático acerca do que os dons


puderam fazer
na vida destes homens, para glória de Deus.

a) O dom musical de Davi abriu-lhe as portas do palácio


de Saul.

b) Os dons do evangelismo e milagres de Felipe, fizeram-


no chegar
até o mundo ocidental com o Evangelho.
c) O dom de fé de Elias, fechou os céus por três anos e o
conduziu diante do rei Acabe e dos israelitas.

7
d) O dom de profecia de Natan, conduziu-o perante o rei
Davi.

e) O dom de sabedoria de Salomão atraiu grandes


homens e
mulheres para sua corte.

f) O dom de exortação de Pedro conseguiu que 3.000


pessoas
se convertessem em um dia.

g) O dom de generosidade de José de Arimatéia, fez


provisão para
o cenário da gloriosa ressurreição de Jesus Cristo.

h) O dom de administração de Tiago, evitou que se


produzisse
uma ruptura na igreja primitiva, em relação com o
assunto da
circuncisão.

5. Talvez Deus não utilize o dom que você tem para que
apresente diante
de grandes personalidades; talvez não o use de maneira que
o mundo
cristão admire você. Mas deve ter a certeza de que Ele
abrirá muitas
portas para que você possa servi-Lo.

“Faz melhor uso de seus dons aquele que busca por meio do
esforço
diligente, levar avante o grande plano do Senhor para
engrandecimento
da humanidade, lembrando-se sempre que deve ser tanto
um aluno
como um professor”. Testimonies, VII, página 282.

V CONCLUSÃO

A. Todos estes talentos só serão multiplicados de acordo ao uso que


fizermos
deles.

B. O que recebeu um talento não soube aproveitá-lo. Não nos


esqueçamos que

8
recebemos toda a ajuda do céu mesmo que seja um só talento
para ser
desenvolvido.

C. Breve ouviremos a bem-aventurança do Senhor. São Mateus


25:21: “Muito
bem, servo bom e fiel; foste fiel no pouco, sobre o muito te
colocarei, entra no
gozo do teu Senhor.”

D. Estimados irmãos: Temos certeza de que você poderá ouvir estas


palavras de
Cristo falando-lhe pessoalmente. Coloque-se hoje ao Serviço do
Senhor,
motivado apenas pelo amor que Deus pôs em seu coração.

PRIMEIRA PARTE

CLASSIFICAÇÃO E DEFINIÇÕES DOS DONS:

I Classificação dos Dons


II Definições dos Dons Espirituais
A. Primeira Categoria
Dons de
Ajuda............................................ 5
B. Segunda Categoria
Dons de
Ensino........................................... 4
C. Terceira Categoria
Dons de Liderança e
Administração........... 3

9
D. Quarta Categoria
Dons
Missionários..................................... 5
III Definições dos Dons de Sinais e
Prodígios - De
Poder e de
Glória.............................................. 9
IV Os Dons que o Espírito de Profecia
Menciona. 10

Total de
Dons.................................... 36

CLASSIFICAÇÃO E DEFINIÇÕES DOS DONS


ESPIRITUAIS

I CLASSIFICAÇÃO DOS DONS

A Bíblia não divide os dons espirituais em categorias. Estas categorias


são utilizadas
com propósitos organizacionais, e facilitam ao entender como vários
dons
correspondem ao plano de ação da maioria das igrejas.

Cada uma destas categorias de dons, tem dons afins, que se


complementam.

A. PRIMEIRA CATEGORIA DE DONS - DONS DE APOIO

Estes dons estabelecem um firme e sólido relacionamento cristão


entre um membro e outro. Os dons afins ao dom de apoio, são:

1. De ajuda e serviço
10
2. De misericórdia
3. De exortação
4. De dadivosidade
5. De hospitalidade

B. SEGUNDA CATEGORIA DE DONS - DONS DE ENSINO

Os depositários deste dom tem a responsabilidade de transmitir o


conhecimento claro e preciso do Senhor e do plano de salvação
para a futura geração. Isto tem a ver com a educação religiosa
em todos os níveis da igreja. Os dons afins ao dom de ensino são:

1. Ensinamento
2. Conhecimento
3. Sabedoria
4. Pastorado

C. TERCEIRA CATEGORIA DE DONS:


DONS DE LIDERANÇA E DE ADMINISTRAÇÃO

Estes dons tratam da direção e supervisão da igreja. Estes


talentos estão na linha de frente da administração e atividade da
igreja. Criam um ambiente de influência para o progresso dela.
Os dons afins ao dom de liderança e administração, são:

1. Liderança, liderança serviçal


2. Administração
3. Fé

D. QUARTA CATEGORIA DE DONS - DONS MISSIONÁRIOS

São os dons do trabalho principal da igreja. Facilitam o trabalho de


levar as pessoas à Causa de Cristo. Ajudam para o crescimento
espiritual e numérico da igreja.

Estes dons cumprem com o mandato de Cristo. São a razão da


existência da igreja.
Concretiza-se na vida da igreja. Os dons afins a estes dons
missionários são

1. Evangelização
2. Apostolado
3. Discernimento
4. Ação Missionária
5. Testificação

11
E. QUINTA CATEGORIA DE DONS - DONS DE SINAIS E PODER

São os dons nos quais Deus realiza ações impressionantes que


chamam a atenção dos incrédulos à fé cristã. Estes dons,
contudo, são pouco comuns, eles precisam ser provados à luz da
Bíblia, já que Satanás freqüentemente os falsifica.

Deus manifesta Seu poder e misericórdia através desses dons, em


ocasiões especiais quando Ele acha que é conveniente fazê-lo. São
eles:

1. Dons de profecia
2. De fazer milagres
3. De curar
4. De martírio
5. De pobreza voluntária
6. De celibato
7. Dom de línguas
8. Dom de interpretação de línguas
9. Dom de intercessão

Até aqui temos encontrado muitos dons, dos quais somente nos
ocuparemos de 17. O apóstolo Paulo em Romanos, Coríntios e
Efésios, diz que a distribuição de dons na igreja é semelhante ao
corpo humano.

O corpo é revestido de diferentes membros para cumprir uma


função.

Os órgãos do corpo foram criados para ser efetivos. Não


louvamos os órgãos internos por sua experiência, mas sem eles a
vida seria difícil.

F. OS DONS QUE O ESPÍRITO DE PROFECIA MENCIONA:

1. Da fala
2. Faculdades mentais
3. Influência
4. Da Espiritualidade
5. Da saúde
6. Da força
7. De Propriedades e Posses
8. Da consciência
9. O dom dos afetos
10. O dom do coração

12
II DEFINIÇÕES DOS DONS ESPIRITUAIS - I SÃO PEDRO 4:10

A. PRIMEIRA CATEGORIA - OS DONS DE APOIO OU SERVIÇO

1. O Dom de Ajuda ou Serviço - Atos 9:25-27; 1:24-26;


15:37-39
É a capacidade especial que Deus concede a alguns
membros do corpo de Cristo, que consiste em investir seus
talentos para atender as necessidades insatisfeitas de
outros, sem esperar crédito ou reconhecimento algum.

2. O Dom da Misericórdia - São Mateus 25:34-40 -


Romanos 12:8
É a habilidade especial que Deus concede a certos membros
do corpo de Cristo para sentir genuína empatia e compaixão

13
pelas pessoas, tanto cristãs como não cristãs, que sofrem
problemas físicos, mentais ou emocionais. Assim traduzem
sua compaixão em atos realizados carinhosamente, que
refletem o amor de Cristo e aliviam o sofrimento humano.

3. O Dom da Exortação - Atos 4:36 - Romanos 12:8


É a habilidade especial que Deus dá a certos membros do
corpo de Cristo, que consiste em dar palavras de conselho,
consolação e ânimo, de tal maneira que as pessoas se
sintam ajudados e reanimados.

4. O Dom da Dadivosidade - São Lucas 6:38 - Romanos


12:8
É a habilidade especial que Deus concede a certos membros
do corpo de Cristo, que consiste na contribuição com seus
recursos (dinheiro, etc.) materiais na obra do Senhor, e aos
menos afortunados, com gozosa alegria.

5. O Dom da Hospitalidade e Serviço - I São Pedro 4:9


É uma habilidade especial que Deus concede a certos
membros do corpo de Cristo que consiste em oferecer os
braços abertos e os lares disponíveis, e as boas-vindas aos
necessitados de amizade, aceitação, alimento e alojamento.

B. SEGUNDA CATEGORIA: OS DONS DO ENSINO

6. O Dom do Ensino - Atos 19:8-10 - Romanos 12:7


É a capacidade especial que Deus dá a alguns membros do
corpo de Cristo e que lhes permite comunicar com facilidade
informações, atitudes e aptidões de caráter relevante nas
áreas espirituais e da saúde, de uma maneira tal que outros
possam aprender.

7. O Dom do Conhecimento - São Mateus 13:11 - II Cor.


2:14 - I Cor.
12:8
É a habilidade especial que Deus concede a alguns membros
do corpo de Cristo, que consiste em descobrir, acumular,
analisar e clarificar a informação e as idéias que são
pertinentes ao desenvolvimento espiritual da igreja, como
também o seu bem-estar.

8. O Dom da Sabedoria - Eclesiastes 12:11 - Provérbios


9:10 - I Cor. 12:8

14
É a habilidade especial que Deus dá para usar o
conhecimento de uma forma prática. É o saber como chegar
rapidamente ao coração de um determinado problema. Tem
mentes práticas e habilidade para solucionar problemas.
Gastam pouco tempo para tomar decisões, porque podem
advertir com alto grau de exatidão quais serão os
resultados. Quando os que tem este dom falam, outros
reconhecem a verdade apresentada e a conduta correta que
se está recomendando.

9. O Dom do Pastorado - I São Pedro 5:1-3 - Efésios 4:11


É a habilidade especial que Deus concede a um determinado
grupo de crentes que consiste em assumir o cuidado
espiritual pessoal de um grupo de cristãos. Este dom abre
as portas, preparam o caminho, preparam as mentes para
receber os ensinamentos da igreja. A pessoa que tem este
dom se caracteriza por visitar a seus membros de casa em
casa, ensinando, conversando, orando com cada família e
atendendo ao bem-estar das pessoas.

C. TERCEIRA CATEGORIA:OS DONS DE LIDERANÇA


ADMINISTRAÇÃO

10. O Dom de Liderança, Liderança Serviçal - I Timóteo


5:17
a) É a habilidade especial que Deus concede a alguns
membros do corpo de Cristo para fixar alvos de acordo com
os propósitos de Deus para o futuro e comunicá-los a outros
de tal maneira que voluntária e harmoniosamente
trabalhem juntos para a glória de Deus.

b) É a capacidade de influir sobre o grupo de maneira


significativa.

c) Experimenta estas pessoas um sentimento de


responsabilidade de origem divina, dirigido a um grupo
particular de pessoas ou a uma tarefa determinada. Sabe
qual é a vontade de Deus para o grupo.
d) É a capacidade de sentir-se servo. Por sua atitude
produz amor e respeito dos que orienta.

11. O Dom da Administração - I Coríntios 12:28 - Romanos


12:8
a) É a habilidade especial conferida por Deus a certos
membros do corpo de Cristo para que possam entender com
clareza as metas imediatas e o longo prazo de uma unidade

15
particular (igrejas, missões, associações, uniões, divisões,
escolas, colégios, instituições) do corpo de Cristo,
desenvolvendo, planejando, organizando atividades efetivas
para alcançar as metas.

b) Estas pessoas tem capacidade de organização.

c) Pensam em termos de ajuda a outros para que


alcancem metas.

d) Se preocupam com o bem-estar do grupo que


administram.

e) Não tem receio em dirigir ou executar planos


inicialmente
traçados por outra pessoa.

12. O Dom da Fé
a) É a habilidade especial concedida por Deus a certos
membros do corpo de Cristo, para discernir com
extraordinária certeza a vontade e propósitos de Deus para
Sua obra.

b) Os que possuem este dom vislumbram por


antecipação o que Deus fará, ainda quando lhe pareça
impossível.

c) São os criadores e promotores de planos, programas e


projetos que nunca chegaram a ser uma realidade se este
dom não estivesse presente.

d) Quem possui este dom se arrisca a caminhar por sobre


a borda do “abismo” a fim de realizar coisas para o
progresso do reino de Deus.

e) É a capacidade de confiar nas promessas de Deus para


Sua igreja e agradecer a Deus por antecipação das coisas
que ainda não tem sido respondidas.

D. QUARTA CATEGORIA - OS DONS MISSIONÁRIOS

13. O Dom de Evangelização - II Timóteo 4:5 - Efésios 4:11


a) É a habilidade especial que Deus concede a alguns
membros do

16
corpo de Cristo, para compartilhar o evangelho com os
não crentes, de tal forma que homens e mulheres
cheguem a ser discípulos de Cristo e membros
responsáveis da igreja.

b) É a tarefa de comunicar ou proclamar boas notícias (da


salvação
em Cristo).

c) Estas pessoas podem guiar as pessoas a tomar


decisões em
relação com a fé em Cristo de maneira que pareça
quase
impossível para outros. O Senhor lhes dá palavras e
os coloca
em situações onde encontram pessoas receptivas.

14. O Dom do Apostolado - Atos 9:15, 16 - Efésios 4:11

a) É a habilidade que Deus concede a um determinado


grupo do
corpo de Cristo que reconhecem com certeza que são
enviados
para uma designação especial, com uma autoridade
extraordinária em assuntos espirituais, para
estabelecer novas
igrejas em novos territórios, ou exercer liderança
sobre um
determinado grupo ou igreja.

b) São os que penetram em novas áreas, fundam novas


igrejas e
velam por grupos regionais de igrejas quando estas
são
recentemente organizadas. São pioneiros de novas
congregações, usando os dons múltiplos que Deus lhes
têm
dado.

15. O Dom do Discernimento - I Coríntios 12:10

a) É a habilidade especial que Deus concede a alguns


membros do
Corpo de Cristo, para conhecer com certeza se certas
idéias ou

17
condutas “supostamente divinas”, são em realidade de
Deus, do
homem ou de Satanás.

b) É o dom da perspicácia ou discernimento de espíritos I


Coríntios
12:10. Capacidade de distinguir entre o espírito falso
eo
verdadeiro. São os que julgam e examinam
cuidadosamente
uma casa.

16. O Dom da Ação Missionária - Romanos 1:5

É a habilidade que Deus concede a certos grupos de Seus


filhos, para aplicar os dons espirituais que tem em uma
cultura diferente a da sua. (Em outra nação que não seja a
sua).

17. O Dom da Testificação - Atos 1:8 - Cap. 22 - São João


3:11

É a habilidade especial que Deus concede a Seus filhos, para


declarar
com entusiasmo e fervor a outra pessoa, de que tem
encontrado a Jesus
em sua vida, e que seu profundo amor por Ele o tem
impressionado
positivamente, de tal maneira que O aceitou como Seu
salvador pessoal.

III DEFINIÇÕES DOS DONS DE SINAIS E PRODÍGIOS, DE PODER E


GLÓRIA
ATOS 2:22 (9 DONS)

PROPÓSITO:
Confirmar ante os incrédulos e acéticos que Deus está operando
de uma maneira assinalada em uma circunstância muito
particular. Hebreus 2:3,4 - Atos 13:6-12

1. O Dom de Profecia - I Tes. 5:19-21 - Efésios 4:11 - I


Coríntios
12:10 e 12:28
É a habilidade que Deus confere a certos membros do corpo
de Cristo para receber e comunicar uma mensagem

18
imediata de Deus a Seu povo, mediante um chamado divino,
através de visões e sonhos.

2. O Dom de Operar Milagres - I Coríntios 12:10,28


É a habilidade que Deus confere a certos membros da igreja,
para servir como instrumentos humanos, mediante os quais
Deus Se compraz em realizar atos poderosos, alterando
assim o curso ordinário da natureza.

3. O Dom de Curar - I Coríntios 12:9,28


É a habilidade que Deus concede a alguns de Seus filhos
para servir como intermediários humanos mediante os quais
Deus Se compraz em curar enfermidades e restaurar a
saúde, a parte do uso dos meios naturais.

4. O Dom do Martírio - I Coríntios 13:3, u.p.


É a habilidade que Deus concede a alguns de seus filhos
para suportar pela fé o sofrimento, ainda até a morte,
enquanto quem o padece, dadas suas atitudes gozosas e
vitoriosas rendem a glória a Deus.

5. O Dom da Pobreza Voluntária - I Coríntios 13:3 p.p.


É a habilidade especial que Deus outorga a alguns membros
do corpo de Cristo, para renunciar a comodidade material e
ao luxo, e adotar uma forma de vida equivalente aos que
vivem na pobreza, a fim de servir a Deus de forma mais
efetiva.

6. O Dom do Celibato - I Coríntios 7:7-18


É uma habilidade que Deus confere a certos membros do
corpo de Cristo a fim de desfrutar a vida solteira e ver a
vantagem desta situação, e não estar casados e não ceder
ante as tentações de uma satisfação sexual indevida,
unicamente com fins missionários, para o avanço do
evangelho.

7. O Dom de Línguas - I Coríntios 12:10,28


É a capacidade de comunicar o evangelho em idiomas
distintos do conhecido para o mensageiro e em ocasiões
muito especiais que Deus determina. A mensagem é
compreendida claramente pelos ouvintes, e o comunicador
entende o que ensina e prega.

8. O Dom de Interpretação de Línguas - I Coríntios 12:10


a) É a capacidade especial que Deus dá a alguns
membros do corpo

19
de Cristo, para fazer compreensível em um idioma
vernáculo a
mensagem de alguém que fala em línguas.
b) É mais que a tradução de um idioma a outro. É a
habilidade de
transmitir a mensagem divinamente inspirado na
língua que o
povo possa entender.

9. O Dom de Intercessão - Tiago 5:14-16 - I Tim. 2:1,2 -


Col. 4:2, 13
É a capacidade especial que Deus dá a alguns membros do
corpo de Cristo, para orar durante prolongados períodos e
de maneira regular, e ver freqüente respostas a seus
pedidos em um grau muito maior que o esperado ou por
meio de cristãos. É um tipo de oração centrada em um
assunto específico.

IV OS DONS QUE O ESPÍRITO DE PROFECIA MENCIONA -


CSMC, PÁGINAS 114-117.

1. O Dom da fala - (115:1 - 116:4)


2. O dom das faculdades mentais - (114:2 - 116 e 117)
3. O dom da influência - (115:4 , 117:2)
4. O dom da espiritualidade - (117:2)
5. O dom da saúde - (117:2)
6. O dom da força - (115:2)
7. O dom de propriedades e posses - (116, 117)
8. O dom da consciência - (114:2)
9. O dom dos afetos -(114:2, 117:2)
10. O dom do coração - (114:2)

SEGUNDA PARTE
20
INSTRUÇÕES SOBRE COMO IDENTIFICAR
OS DONS

DESCOBRINDO OS DONS ESPIRITUAIS


(Esta folha deve imprimir-se em
quantidade e entregá-la
uma para cada membro da Igreja)

A. PRIMEIRA CATEGORIA DE DONS

DONS DE APOIO

Estes dons são chamados os dons


“silenciosos”
e “quietos”. São os dons de apoio, os que
ajudam
a construir boas relações entre um membro e
outro.
Cada ato realizado mediante um destes dons de
ajuda,
motivados no amor, resulta em fortalecimento
de alguém.

Estes dons são:

1. Ajuda e Serviço
2. Misericórdia
3. Exortação
4. Dadivosidade ou Liberalidade
5. Hospitalidade

21
IDENTIFICANDO SEUS DONS

Pode acontecer que você nunca tenha percebido quais são os seus
dons. Talvez tem estado servindo a igreja fielmente em algum cargo, mas
nunca se sentiu demasiado feliz com o que fazia. Se de alguma maneira
sente que deve fazer outra coisa, pode ser que esteja trabalhando fora dos
dons que lhe foram designados. Portanto, é necessário IDENTIFICAR SEUS
DONS. Passos que deve dar para realizá-los:

1. Preencha este questionário de Perguntas ou Declaração de cada


dom.

2. Confirme-o com o corpo da igreja, em alguma atividade ou


responsabilidade.

3. Que Deus o(a) ajude a confirmar seus dons obtidos no


questionário com a
ajuda da oração.

4. Converta seu dom em um ministério. Deve orientá-los a se


realizarem em uma
tarefa determinada. Se Deus lhe tem dado este dom é porque Ele
quer que
você realize algo.

INSTRUÇÕES SOBRE OS TESTES OU QUESTIONÁRIOS

1. Apresentamos agora sete declarações ou perguntas relacionadas com


cada um dos
quinze dons. É importante compreender que estas não são todas as
declarações que
se possam fazer, mas são as mais típicas. Talvez algumas delas não se
ajuste
exatamente ao seu caso, mas modificando-a um pouco, poderá
adequar-se. Sinta-se
livre para identificar-se com uma destas declarações.

2. Coloque um SIM em cada declaração que considere que se adapte a


você. Aquele
que não se adapte a você, deixe em branco. Seja honesto, não marque
nenhuma que
não lhe corresponda, embora a desejasse.

22
3. As perguntas estão agrupadas em 7. Então depois da pergunta n.º 7,
some o total de
marcas com o SIM, e coloque esse número na coluna que diz TOTAL.

4. Quando terminar de identificar todos os dons, transfira os totais de cada


dom para a
última seção da página 34, que diz: “Avaliação Final dos Dons”, e siga
as instruções
que estão sendo dadas nessa folha. Assim você saberá quantos dons
tem para
empregá-los em sua igreja, ou na obra do Senhor.

DESCOBRINDO OS DONS ESPIRITUAIS


(Coloque um sim ou não, no quadro respectivo)

Questionário de 7 Perguntas
N.º NOME DOS DONS 1 2 3 4 5 6 7 TOTAL
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17

Corte aqui  e entregue ao Pastor a parte que diz Avaliação e Resultados dos Dons Predominantes, a outra parte fica
com o membro.

AVALIAÇÃO

23
De uma a duas respostas positivas, você não tem este dom.
De três a quatro respostas positivas, esse dom está se desenvolvendo em
você.
De cinco respostas positivas em diante, esse dom é predominante em você.
RESULTADO DOS DONS PREDOMINANTES: (Coloque aqui os nomes dos
dons nos quais acertou de 5 a 7 respostas positivas)

1. 2. 3.

4. 5. 6.

7. 8. 9.

10. 11. 12.

(Assim que esta folha estiver completa, por favor, entregue ao Pastor da
Igreja)

Nome:______________________________________
Igreja:_____________________________

A - OS DONS DE APOIO
Testes de 1-5

1. AJUDA OU SERVIÇO

________1. Tenho várias habilidades de caráter manual e me agrada


muitíssimo
empregá-las nas tarefas de serviço para ajudar as pessoas
que são de
minha igreja e da comunidade onde vivo.

________2. Cada semana, seja nos dias de sábado ou em qualquer outro


dia, me
agrada muito preparar comida, e levar algumas vezes, para
os presos do
cárcere, para algum vizinho ou para um membro da igreja
que está
passando momentos de pobreza ou enfermidade.

________3. Com freqüência, nasce em mim uma forma voluntária de


colocar-me às
ordens de minha igreja ou da comunidade onde vivo, para
fazer algo
útil que beneficie a pessoas carentes.

24
________4. Tenho um programa sério de visita sistemática aos
Hospitais, Orfanatos,
Asilos e a cada semana levo alguma coisa que lhes dê
consolo e
esperança.

________5. As pessoas que passam momentos difíceis em sua vida, as


procuro para
dar-lhes alguma palavra de conselho ou alguma saída para
seus
problemas, com a ajuda divina.

________6. Não me agrada que a igreja, saiba o que já estou fazendo


agora para
ajudar a outros. Porque eu “sou apenas um(a) entre muitos
na igreja”.
O que mais me agrada é sentir-me útil para os que ajudo e
útil para meu Senhor e Deus. Jamais espero reconhecimento
de outros.

________7. Não me satisfaço com conformar-me com o dever de ajudar


a outros.
Senão que sempre estou disposto(a) a ir mais adiante do
dever, caminhar até a segunda, e terceira milha a quem
precisar de mim.

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

2. MISERICÓRDIA

________1. Experimento constantemente uma sensibilidade pouco


comum com
respeito aos sofrimento das pessoas. Portanto, sempre
estou disposto a participar em campanhas de ajuda, ou de
realizar minha ajuda de maneira pessoal.

________2. As lágrimas afloram facilmente em meus olhos, quando vejo


ou escuto
coisas que tem feito sofrer a outras pessoas. Isto me
entristece muito,

25
se cumpre em mim o que está em Romanos 12:15, que diz:
“Me alegro
com os que se alegram, e choro com os que choram.”

________3. Visito com muita freqüência aos enfermos e pessoas de


idade avançada,
que vivem sozinhos, para assisti-los em suas necessidades,
e os trato
como se fossem meus parentes mais próximos. Isto me faz
feliz.

________4. Trabalho com alcoólicos, drogados, mães solteiras,


presidiários, quem
vem solicitar minha ajuda, ou pessoas que conhecem a
minha
disposição de sentir empatia com eles, me buscam para que
possa brindar minha ajuda.

________5. Ainda não possuo muitos recursos econômicos, mas gosto


de ajudar,
especialmente a quem se encontra em uma total situação
de carência ou
miséria.

________6. Não sinto repulsa alguma por aqueles que vivem em uma
total situação
de pobreza. Tenho satisfação em visitá-los e ajudá-los no
mesmo lugar
onde vivem. Sempre me pergunto: Como posso ajudá-lo(a)
da melhor
maneira?

________7. Constantemente busco aos membros de minha igreja ou de


minha
comunidade, que são os mais carentes. Me interesso por
eles e os
ajudo, até vê-los contentes pela assistência que lhes dei.

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

26
3. EXORTAÇÃO

________1. Você é uma pessoa de quem nasce conselhos com muita


freqüência a
outras pessoas, acerca de diversos assuntos que são de seu
domínio?

________2. Você tem observado que as pessoas com quem dialoga,


levam a sério
seus conselhos, porque se sentem seguros de sua ajuda?

________3. Nota você que lhe seja fácil abrir uma conversação
espontânea com
pessoas desconhecidas e logo depois em um momento de
diálogo já
estão falando de coração a coração?

________4. Sonha você corrigir os pontos de vista de outro com o


conselho bíblico
sólido, e encontra pessoas que seguem sua recomendação?

________5. As pessoas com quem você se relaciona sabem que podem


aprender de
sua pessoa acerca de como aplicar os princípios cristãos a
situações
reais da vida?

________6. Você é a pessoa que se sente feliz compartilhando seu


testemunho
pessoal com as pessoas, porque sabe que dessa maneira
Deus o(a) usará
você para animar e ajudar as pessoas que o(a) escutam?

________7. As pessoas o(a) procuram, porque tem a segurança de


encontrar ânimo
em suas atitudes transparentes; por sua conduta amável,
por sua

27
sinceridade, simplicidade e por seus conselhos oportunos?

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

4. DADIVOSIDADE

________1. Você está convencido(a) de que tudo quanto possui


pertence a Deus e
você se considera diante dEle, um canal através do qual
esses bens
sejam utilizados para ofertar generosamente em favor de
Sua igreja como também a Obra mundial?

________2. Tem a capacidade de reconhecer intuitivamente as


necessidades
materiais de outras pessoas, e sem que lhe peçam, você
está disposto a
dar?

________3. Em algumas ocasiões passei por necessidades financeiras


muito fortes,
que aparentemente me impediam de ofertar. Ainda assim
decidi seguir
ofertando como antes, e comprovei que Deus nunca me fez
faltar, Ele
sempre proveu para tudo o que necessitava.

________4. Estou dando ofertas sistematicamente, já em forma de pacto


ou de
promessas equivalente a 5 ou 10% de minhas entradas
mensalmente
(ou seja um segundo dízimo).

________5. Não necessito que se me faça alguma petição, o que se me


apresenta
alguma necessidade específica par que eu possa dar ofertas,
senão que a

28
única motivação que considero válida é a gratidão que sinto
por Deus
constantemente, pela sua salvação em Cristo, pelo seu
sustento e proteção.

________6. No programa de Escola Sabatina de cada sábado, agrada-me


ouvir o
progresso da Obra em outros países, na hora da Carta
Missionária. Por
esta razão, considero uma porcentagem de minhas ofertas
que devem ir
para satisfazer as necessidades da Obra no Campo
Missionário Mundial.

________7. Você está disposto(a) a dar para a Obra de Deus como os


macedônios?
(II Coríntios 8:1-5) “... a profunda pobreza deles
superabundou em
grande riqueza da sua generosidade... com agrado deram, e
mesmo
além de suas forças... considerando o dar como um
privilégio...”?

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

5. HOSPITALIDADE

________1. Não me incomoda receber hóspedes inesperados em minha


casa, pois
eu sei que com essa atitude estou ajudando.

________2. Tenho a habilidade para conseguir que meus hóspedes, a


quem antes
não conheci, se sintam cômodos, aceitados e queridos.

________3. Sinto que é um privilégio ajudar aqueles hóspedes a quem já


não pude

29
alojar (por falta de espaço) e sejam colocados e hospedados
em casa de
meus irmãos ou de meus amigos.

________4. Agrada-me a ordem bíblica: “Não vos esqueçais da


hospitalidade, pois
por ela alguns, sem saber, hospedaram anjos.” Hebreus
13:2.

________5. Desfruto na preparação de comidas gostosas tanto para


minha família
como para meus hóspedes. Cada sábado gosto de ter
convidados em minha mesa.

________6. Meus amigos sabem que são sempre bem-vindos à minha


casa.

________7. Agrada-me sobremaneira dar as boas-vindas aos membros


da igreja e
visitas que vem ao templo, e fazê-los sentirem cômodos e
bem
atendidos; integrá-los ao círculo familiar da igreja.

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

30
TERCEIRA PARTE

B SEGUNDA CATEGORIA DE DONS


OS DONS DE ENSINO

Este dom é o responsável para transmitir o


conheci-
mento do Senhor e do plano de salvação para a
próxima
geração.
Estes dons são os veículos para adquirir o
conheci-
mento necessário e tomar decisões orientadas
na Bíblia
acerca das crenças e o estilo de vida cristãos.
Os dons
afins são estes:

6. ENSINAMENTO
7. CONHECIMENTO
8. SABEDORIA
9. PASTORADO

Em 90% dos membros da Igreja Adventista a


nível
mundial, aprendem acerca das Escrituras, das
crenças
da igreja, e da vida cristã, em nível de igreja
local.

31
B - DONS DE ENSINO
(Continuação dos Testes)

6. ENSINAMENTO

________1. Tem experimentado você, que seus ouvintes (alunos)


entendem
claramente a verdade exposta como resultado de seu
ensinamento?

________2. Você sente um intenso desejo por compreender mais e mais


a verdade
da Palavra de Deus, e se destaca por sua habilidade de
explicá-la a
outras pessoas, de forma clara e simples?

________3. Geralmente quando estudo a Bíblia, a lição da Escola


Sabatina, e outros
materiais, não me conformo com explicações ou significados
obscuros
ou pouco claros. Por isso me empenho no estudo e a
reflexão até que a
verdade resulte clara e facilmente compreensível em minha
mente para
ensiná-las.

________4. Tenho observado um marcado progresso nos membros de


minha classe
(grupo pequeno, unidade de ação, congregação) no
conhecimento e
compreensão da Bíblia, ao extremo do que eles querem
pregar ou
ensinar outros.

________5. Estou em condições de explicar passagens difíceis da Bíblia


a outros.

32
________6. Tenho uma biblioteca que está crescendo nos livros do
Espírito de
Profecia e outros também que me ajudam a cavar mais
fundo na
verdade. Isto me satisfaz muito.

________7. Cada vez que estudo algum livro, me nasce o desejo de


entendê-lo e
“colocá-lo à prova” tudo o que leu, a fim de assegurar-me de
que ele é
biblicamente correto, e que pode ser útil para outros
também.

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

7. CONHECIMENTO

________1. Em muitas oportunidades, enquanto estudo a Bíblia, chego a


descobrir
grandes verdades por mim mesmo(a).

________2. Tenho comprovado que Deus me deu a capacidade de


estudar; quer
dizer; cavar fundo, descobrir coisas, acumular, clarificar e
analisar
informações para saber com segurança em que estou
crendo. Estou
lendo muito.

________3. Me interessa estudar informação bíblica sobre Profecias


Bíblicas, a
história da igreja, doutrinas e a pessoa de Cristo, com o fim
de ampliar
meus conhecimentos.

________4. Me agrada sobremaneira apresentar o conhecimento bíblico


de atos,
pessoas etc., antes que minhas opiniões sobre alguns
tópicos bíblicos.

33
________5. Tenho uma biblioteca básica que consiste em: a
concordância bíblica,
dicionário bíblico, o comentário bíblico, livros do Espírito de
Profecia
(mencione alguns deles), e outros com o fim de estudá-los
constantemente.

________6. Outras pessoas, no geral tem confiança em seguir meus


conselhos,
porque se tem inteirado de que todo o conhecimento que
eu tenho
resolverá a sua situação.

________7. Muitas vezes tenho perguntado a mim mesmo: “Observo


claramente o
ensinamento de Deus neste trecho da Bíblia. Porque outras
pessoas não
podem ver e entender as coisas que Deus ensina?”

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

8. SABEDORIA

________1. Frente a qualquer ato ou acontecimento que ocorre na vida


é fácil para
você recordar algum fato importante de um personagem
bíblico e
aplicá-lo a esse fato ou a essa realidade vivida, porque
encontra muita
semelhança?

________2. Você tem estudado os livros de Jó, Salmos ou Provérbios.


Tem se familiarizado de tal maneira com eles, que estes
conhecimentos

34
formam parte de sua vida, extraindo suas lições e conselhos
para
relacioná-los e aplicá-los às diversas situações de sua vida e
outras
pessoas?

________3. Com freqüência você faz suas decisões baseado(a) no


sistema de valores
extraídos a propósito de seus estudos da Bíblia.

________4. Frente a um problema que tem várias alternativas de


solução,
geralmente você acerta, escolhendo a alternativa mais
apropriada para
esse caso.

________5. Os conselhos que você dá para a orientação ou solução de


um
determinado problema, sempre resultam muito práticas,
simples e efetivas.

________6. Quando há um problema que se apresente, chamam você


para que
intervenha dando sua opinião a respeito, devido a que os
demais sabem
que você sabe como chegar rapidamente ao coração do
problema, sem
fazer rodeios.

________7. Você tem a habilidade de prever com alto grau de exatidão


quais serão
os resultados de uma determinada ação ou ato. Devido a
seu
temperamento tranqüilo e reflexivo lhe custa pouco trabalho
tomar
decisões de alto risco.

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

35
9. PASTORADO

________1. Você assumiu alguma vez a responsabilidade de dirigir,


guiar um grupo
de crentes, procurando a todo preço e custo por seu bem-
estar
espiritual, trazendo-lhe este trabalho grandes satisfações?

________2. Agrada a você ajudar a crescer em sua vida espiritual aos


membros da
igreja, por isso os visita continuamente, os aconselha, os
ensina as
Sagradas Escrituras, e ora com eles, faz amizade com eles e
ganha sua
confiança?

________3. As pessoas que o(a) rodeiam, o(a) consideram como um(a)


verdadeiro(a)
guia espiritual?

________4. Sente você uma verdadeira preocupação e responsabilidade


pelos novos
conversos, que entram na igreja. Me nasce a vontade de
visitá-los e
repassar com eles os rudimentos da fé para confirmá-los?

________5. Tenho ajudado a voltar para a igreja a alguns membros que


abandonaram a sua fé?

________6. Experimento com suma facilidade aquilo que se chama de


empatia. Me
interessa muito ajudar a solucionar os problemas que
afligem a meus
irmãos, assim como a alegrar-me com eles de suas grandes
realizações
em sua vida espiritual?

________7. Agrada-me conhecer a casa onde vivem os membros da


igreja; os
nomes de seus integrantes, somente com o fim de fazê-los
sentir que não estão sós, e que verdadeiramente sinto
grande afeto por eles?

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

36
QUARTA PARTE

C TERCEIRA CATEGORIA DE DONS


DONS DE LIDERANÇA E
ADMINISTRAÇÃO

Estes dons são os que se encarregam da


condução e supervisão da Igreja.
Estes dons fazem avançar o reino, e
inspiram a
seus membros a realizar grandes coisas
para o
Senhor. São os dons da boa influência, do
planejamento, da organização para cumprir
a
Missão da Igreja. Estes dons afins são:

37
10. LIDERANÇA, LIDERANÇA
SERVIÇAL
11. ADMINISTRAÇÃO
12. FÉ

C - DONS DE LIDERANÇA E ADMINISTRAÇÃO


(Continuação dos Testes)

10. LIDERANÇA, LIDERANÇA SERVIÇAL

________1. As pessoas que o(a) rodeiam, reconhecem sua capacidade


de influir nas
pessoas para cumprir uma tarefa específica na igreja - a isto
se chama:
pessoa que tem “carisma” ou “que é carismático”?

________2. Você é uma pessoa que quando dirige a um grupo de


pessoas
experimenta desejos ou sentimentos de: (Responda com um
SIM ou
com um NÃO)

_____ mandar, ordenar a outros ?

_____ servir aos demais - ser igual aos demais?

________3. As pessoas escutam você com boa disposição e se colocam


às suas
ordens facilmente sobre determinado assunto, porque eles
estão de
acordo?

________4. Crêem as pessoas no que você fala e estão dispostas a


seguir com
38
alegria seu exemplo ou condução?

________5. Quando você dirige a um grupo de pessoas e lhes propõe


metas ou
alvos, estes o aceitam facilmente? Agrada-lhe inspirar,
motivar e animar
a seus liderados?

________6. Quando nomeiam você par uma responsabilidade pensa


finalizar seu
período de trabalho com felicidade, desejando seus
liderados que você
continue por outro período, e você deseja mesmo continuar
uma
vez mais?

________7. Quando você realiza o trabalho de dirigir a um grupo


humano, agrada-
lhe fazê-lo com grande responsabilidade, serenidade e
perseverança?

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

11. ADMINISTRAÇÃO

________.1. Reconhecem em você as demais pessoas que tem


habilidade para
organizar idéias, pessoas e atividades?

________2. Você tem facilidade para formular planos, objetivos, e os


apresenta com
clareza e os que estão sob sua administração sabem para
onde vai, e
que é o que espera deles?

________3. Você tende a organizar, quase automaticamente as


atividades que não
estão bem organizadas?

________4. As coisas ou atividades funcionam facilmente, sem


resistência, quando
você está dirigindo?

39
________5. Você fica feliz quando é designado(a) para realizar uma
tarefa, e logo a
executa de forma organizada?

________6. Quando lhe dão uma responsabilidade para realizar, você já


sabe de
antemão como irá finalizar esse trabalho, e é capaz de
inspirar essa
mesma convicção aos seus liderados?

________7. Você entende bem quais são os alvos e objetivos que tem a
igreja neste
momento e sente que Deus o(a) está chamando para
executar Seus
planos nestes últimos tempos?

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

12. FÉ

________1. Confio grandemente na presença e poder de Deus naquelas


coisas que
para o olho humano não podem ter solução.

________2. Tem você a habilidade de criar novas idéias, promover


novos planos
para o crescimento da igreja. Já os tem demonstrado em
algumas ocasiões que tem êxito, porque sabe que Deus o(a)
bendiz por sua confiança que tem nEle?

40
________3. Tem você um desejo imensurável de aceitar as promessas
de Deus e
esperar Seu pleno cumprimento, justo como Ele disse que o
faria?

________4. Com freqüência tem você a completa segurança de que


Deus está
pronto para fazer algo imensurável em Sua igreja, ainda
quando a maioria não tem esse tipo de segurança?

________5. Você manifesta uma atitude de grande expectativa, respeito


pela
intervenção de Deus em tempos de grandes crises, nas
pessoas e na
igreja?

________6. É você uma pessoa de verdadeira oração e domina o


conhecimento das
promessas de Deus?

________7. Freqüentemente vêem as pessoas pedir-lhe que ore por


determinado
problema, porque sabem que suas orações recebem a
resposta de Deus?

Some todas as respostas de SIM e coloque-as aqui 

41
QUINTA PARTE

D. QUARTA CATEGORIA DE DONS


OS DONS MISSIONÁRIOS

Estes são os dons que facilitam o


trabalho de
ganhar almas para a Causa de
Cristo e
agregá-las à Igreja para o
crescimento
numérico e espiritual.

Estes são os dons que dão vida à


igreja, e a
faz cumprir sua missão. São os
dons do
mandato chave para a igreja e que
assinalam
a razão de sua existência.

13. EVANGELIZAÇÃO
14. APOSTOLADO
15. DISCERNIMENTO
16. AÇÃO MISSIONÁRIA
17. TESTIFICAÇÃO
42
D. OS DONS MISSIONÁRIOS

13. EVANGELIZAÇÃO

________1. Você tem a capacidade de falar com muita facilidade,


acerca das
boas notícias da salvação em Cristo, persuadindo as
pessoas com
grande fervor e convicção, de modo que influi neles
para que
aceitem a Cristo como seu Salvador pessoal?

________2. Experimenta você um intenso sentimento de


preocupação, pelas
pessoas que não tem aceitado a salvação e está
disposto a pregar-
lhes o Evangelho?

________3. Pode você introduzir verdades espirituais com muita


facilidade
em qualquer tipo de diálogo, especialmente com os
não crentes. Sabe detectar o momento apropriado
para falar de Cristo, sem ocasionar resistência ou
deboche?

________4. Você tem experimentado trabalhar com alguns destes


tipos de
evangelização, em sua igreja? (Coloque sim ou não)

_________ ________ _________ ____________


De amizade De Ensino Público De
Discipulado

________5. Agrada-lhe muito fazer estas atividades para


proclamar a Cristo?
Como tocar portas, iniciar conversação com os
passageiros em
ônibus, aeroportos, visitar as pessoas em seus lares?

________6. Você sabe dar estudos bíblicos? Ou lhe agradaria


aprender a dá-
los, para formar perguntas diretas a pessoas, com a
finalidade de que aceitem a Cristo como seu Salvador?
43
________7. Você tem a profunda convicção de que Deus o(a) tem
chamado
para fazer este trabalho de evangelizar, porque
sempre o(a) coloca em lugares e em situações
especiais onde há gente receptiva e com fome de
conhecer a Cristo, e você sabe que pode fazer este
trabalho?

Somar todas as respostas SIM e coloque-as aqui 

14. APOSTOLADO

________1. Você tem a certeza de que Deus o(a) chamou no passado e


o(a) está
chamando, repetidas vezes agora, para enviá-lo(a) a um
lugar
(município, cidade, bairro, etc.), onde não
há nenhum adventista, para estabelecer uma nova
congregação?

________2. É você uma pessoa que tem uma personalidade firme, que
confia em
que Deus fará tudo o que for necessário para ser feito em
meio a
situações difíceis, hostis, para estabelecer a obra de Deus
em novos
lugares?

________3. Você é consciente de que Deus tem lhe concedido múltiplos


dons,
precisamente para empregá-los na pregação do Evangelho e
no cuidado
da Igreja como líder?

________4. Você e sua família, ou você somente tem sentido a


convicção de que
Deus quer usá-lo de forma específica em um determinado
lugar para
pregar o evangelho, e você tem alvos altos de cooperar com
Ele, desfazendo-se de algumas comodidades e vantagens
44
materiais, para investir em recursos neste trabalho. Ou em
seu defeito quer sair definitivamente de sua cidade onde
vive para mudar-se para o lugar onde pregará para
estabelecer uma congregação?

________5. No passado você já iniciou alguma obra nova para Deus. Por
isso com
propriedade se pode denominá-lo como pioneiro ou
missionário?

________6. Para você não é nada difícil empregar seus dons de


liderança para
dirigir ou cuidar de um número de igrejas que tem sido
organizadas recentemente?

________7. Está você disposto a oferecer todos os dons que Deus lhe
deu para
incorporar-se com alguém em um projeto de Missão Global
de seu
distrito?

Somar todas as respostas SIM e coloque-as aqui 

15. DISCERNIMENTO - O DISCERNIMENTO DE ESPÍRITOS OU DO ENTENDIMENTO CLARO


I CORÍNTIOS 12:1

________1. Você já passou pela experiência de encontrar-se com irmãos


de outras
igrejas como: Testemunhas de Jeová, Pentecostais,
Reformistas,
Mormons, etc., com quem dialogou sobre suas doutrinas e
suas
convicções foram apresentadas com tal clareza que seus
ouvintes
reconheceram os erros de suas crenças?

________2. Você tem uma clara capacidade para detectar com


facilidade as

45
inconsistências ou incongruências de alguns ensinamentos
ou doutrinas
que parecem ser “divinas”, dentro de sua igreja ou
instituição?

________3. Tem desenvolvido você a capacidade de corrigir um erro,


usando a
Bíblia, de tal maneira que aqueles que dizem ter a verdade
se
arrependem?

________4. Você tem agudez e sensibilidade como para detectar quando


um ensino
ou uma verdade bíblica, que está sendo mal aplicada?

________5. Quando você estuda qualquer livro feito por autores


cristãos,
imediatamente você pode saber com certeza qual é a
verdade e qual é o erro neste conteúdo?

________6. Agrada-lhe ler, estudar muito a Bíblia, o Espírito de Profecia


e outros
livros para estar em dia ou seja, bem informado sobre o
pensamento de
Deus e o pensamento humano, fazendo uma clara
diferenciação entre
uma coisa e outra?

________7. Quando alguém está pregando, você está escutando, pode


perceber, e
em sua pregação você escuta que claramente se está
ensinando erros e
heresias. Você não sente temor algum em intervir no
momento,
pedindo a palavra para que com altura e dignidade você
apresente a
verdade, de tal maneira, que os erros sejam identificados e
a igreja não
seja surpreendida com uma mensagem falsa?

Somar todas as respostas SIM e coloque-as aqui 

46
16. AÇÃO MISSIONÁRIA - O DOM MISSIONÁRIO

________1. Tem você a convicção de que Deus o(a) tem chamado para
trabalhar
por pessoas de diversas culturas, levando-lhes o
conhecimento da
Palavra de Deus, em seu próprio País?

________2. O impulso missionário que você tem para cumprir com o


mandato de
São Mateus 24:14, de levar o evangelho a todo o mundo,
o(a) tem
levado a pensar de que se Deus o(a) chama para pregar em
outro País, fora de sua própria cultura, você o aceitará com
muito prazer?

________3. Para você não significa demasiado sacrifício sair de seu


próprio País e
adaptar-se a outro, senão que com facilidade estaria
disposto a aprender
outro idioma, outros costumes, porque a convicção de ser
útil para
Deus é maior que qualquer outra coisa?

________4. Para você, emociona grandemente as experiências vividas


por
missionários que se desprenderam de seu lar para pregar
Cristo em outro País, muito longe dos seus. Assim como
David Livingstone, Moffat, Fernando Stahl e outros.
Agradaria a você ser como um deles?

________5. Você sente que à medida que passa o tempo, é cada vez
mais forte seu
desejo de ganhar almas para Cristo?

________6. O texto de São Mateus 19:29, que diz que “qualquer que
tenha
deixado, casa, mãe, pai, mulher ou filhos... receberão cem
vezes mais e herdarão a vida eterna”. Lhe comove muito? E
ainda que você tenha grande consideração por seus
parentes, você sente que o seu impulso missionário é maior
que os laços familiares?

47
________7. Todos os que saem de sua casa, de sua terra, de sua cultura
a outra por
causa do Evangelho passaram por experiências como estas:
primeiro,
que se envolveram em uma nova cultura com rapidez e
segundo que
por causa do evangelho colocaram em risco suas vidas.
Você estaria
disposto a passar pelo mesmo se sente que Deus o(a)
chama para
realizar esta tarefa em outro País?

Somar todas as respostas SIM e coloque-as aqui 

17. TESTIFICAÇÃO

________1. Você tem tido um encontro verdadeiro com Cristo em sua


vida, de tal
maneira que tem experimentado Seu poder transformador e
restaurador,
de modo que sabe com certeza que Cristo é o que tem
suprido suas
necessidades e tem satisfeito a fome de sua alma?

________2. Nasce em você um desejo incontido de falar em toda


oportunidade que
tenha acerca do amor profundo que tem por Cristo, e da
maneira
maravilhosa como Ele o(a) transformou em um(a) filho(a) de
Deus?

________3. Além do estudo da Lição da Escola Sabatina e da Devoção


Matinal,
você está separando um tempo especial para ter comunhão
exclusiva
com Cristo, através do estudo e meditação da pessoa dEle,
de Seu
caráter, para conhecê-Lo mais, admirá-lo mais, amá-Lo mais,
dedicando-

48
Lhe assim os melhores pensamentos e sentimentos para
Ele?

________4. Tem elaborado você seu testemunho pessoal acerca do que


significa
Cristo para você, e o que tem guardado em sua mente, de
tal forma que
o poderá usar para compartilhar com outros em qualquer
momento que
se lhe apresente a ocasião para fazê-lo?

________5. Alguma vez você falou para outra pessoa acerca do


maravilhoso poder
de Cristo que mudou sua vida, mostrando a forma como
Deus fez para
transformá-lo(a). Esta experiência contada assim dessa
maneira,
impressionou tanto ao seu ouvinte que ele(a) experimentou
ter o mesmo
desejo de passar por uma experiência similar?

________6. Você tem realizado em sua igreja alguma atividade séria de


testificação,
de tal modo que se o(a) convidarem hoje para fazer o
mesmo trabalho,
você não teria nenhum temor de aceitá-lo, porque o que tem
que dizer
acerca de Cristo supera qualquer temor?

________7. Se a segunda vinda de Cristo acontecesse hoje, você teria a


certeza de
encontrar-se entre os salvos ou redimidos?

Somar todas as respostas SIM e coloque-as aqui 

SEXTA PARTE

49
* AVALIAÇÃO FINAL DOS DONS

Transfira o total de marcas para


cada dom
e logo escreva os nomes dos dons
onde
alcançou de 5 a 7 sim. Essa é a
soma dos
dons que você tem.

* TRANSFORMANDO OS DONS EM
MINISTÉRIOS

Que cada membro que identificou


seus
dons, conheça em que atividades da
igreja
se deve inseri-lo, para receber
treinamento
e materiais para colocar seus dons
ao Serviço
do Senhor.

50
AVALIAÇÃO FINAL DOS DONS

Transfira agora o total de marcas que contém o SIM para a listagem


seguinte:

DONS DE APOIO DONS DE LIDERANÇA E


ADMINISTRAÇÃO

1. ____ Ajuda/Serviço 10. ____ Liderança Serviçal


2. ____ Misericórdia 11. ____ Administração
3. ____ Exortação 12. ____ Fé
4. ____ Dadivosidade
5. ____ Hospitalidade

DONS DE ENSINO DONS MISSIONÁRIOS

6. ____ Ensino 13. ____ Evangelização


7. ____ Conhecimento 14. ____ Apostolado
8. ____ Sabedoria 15. ____ Discernimento
9. ____ Pastorado 16. ____ Ação Missionária
17. ____ Testificação

Com qual ou quais dons você alcançou mais pontos? ___ ___ ___ ___ ___
___ ___
(Anote aqui os números de cada dom) ___ ___ ___ ___ ___ ___
___

HÁ ALGUM DOM QUE NÃO APARECE NA LISTA PRECEDENTE E QUE VOCÊ


SABE QUE POSSUI?___________________________________________________________

Talvez você tenha descoberto seu (ou seus) dons e que Deus o abençoe.

Oremos:
Querido Pai Celestial, obrigado por este
dom que me tem concedido. Por favor,
ajuda-me a usá-lo e desenvolvê-lo para Tua
glória e engrandecimento de Teu reino.
51
Mostra-me a maneira de usá-lo, agora
mesmo, neste lugar. Obrigado por Teu
interesse e amor para comigo. Em nome
de Jesus, Amém.”
TRANSFORMANDO DONS EM MINISTÉRIOS
II Coríntios 5:18-19

O propósito de Deus ao conceder dons espirituais aos membros da


igreja é habilitá-los para o ministério em favor dos outros. (Ver I
Timóteo 4:14-16; II Timóteo 2:15; Efésios 4:15 e 16). Estude o gráfico
abaixo. Ele dá uma idéia do que pode ser feito com cada dom.

Somente um dom se converte em ministério, quando este é


dedicado a Deus, exercitado ou desenvolvido, e aplicado em uma
atividade que não seja temporal, senão que esta se constitua em
permanente.

DOM ATIVIDADE POSSÍVEL - MINISTÉRIOS


1. Serviço Diácono, diaconisa, visitação, etc.
2. Misericórdia Visitas em hospitais, serviços comunitários, ministério
nas prisões.
3. Exortação Aconselhar, grupos de apoio, ministério jovem.
4. Contribuição, Fazer doações para as necessidades regulares e
Dadivosidade especiais
5. Hospitalidade Recepcionista, atividades nos pequenos grupos, serviços
à comunidade.
6. Ensino Professor de Escola Sabatina, Pequenos Grupos, Estudos
Bíblicos, Seminários.
7. Conhecimento Encontrar pessoas para cada atividade, ensinar.
8. Sabedoria Encontrar pessoas para cada atividade, ensinar.
9. Pastorado Visitação, coordenar área espiritual, líder de grupos.
10. Liderança Ancião, diácono, dirigente de comissão.
11. Administração Organizar atividades, dirigir e liderar.
12. Fé Trabalhar com grupos que necessitem de
encorajamento, formular planos avançados.
13. Evangelização Ministério pessoal, conferências públicas, seminários.
14. Apostolado Fundar igrejas, planejar novos ministérios, servir em
áreas não-penetradas.
15. Discernimento Estudos bíblicos em grupos, aconselhamento, líder de
Unidade da Escola Sabatina.
16. Dom Missionário Trabalhar em outras regiões ou culturas.
17. Testificação Nos grupos pequenos, formar grupos de testificação
52
pessoal ou vizinhança, testificação dos interessados
pelas publicações, testificar através de pesquisas e
outros.

Arnaldo Enríquez, D.S.A.

53