Você está na página 1de 34
Auditoria Tema 03 Planejamento de Auditoria e Seus Riscos

Auditoria

Tema 03

Planejamento de Auditoria e Seus Riscos

Prof. MS. Dirceu Carneiro de Araujo

Prof. MS.

Dirceu Carneiro de Araujo

   

Objetivos do tema

Planejamento de auditoria e seus riscos

Planejamento de auditoria e seus riscos

1. Contratação da auditoria

1. Contratação da auditoria

2. Conhecimento do negócio

2. Conhecimento do negócio

3. Cálculo da materialidade

3. Cálculo da materialidade

4. Avaliação dos controles

4. Avaliação dos controles

internos

5. Definição dos riscos de

5.

Definição dos riscos de

distorções

6. Resposta aos riscos de

6.

Resposta aos riscos de

distorções

7. Planejamento dos trabalhos

7.

Planejamento dos trabalhos

de auditoria

Contração de auditoria

Contração de auditoria Fonte: LONGO, 2015
Contração de auditoria Fonte: LONGO, 2015

Fonte: LONGO, 2015

Contração de auditoria

Contração de auditoria Fonte adaptado de: LONGO, 2015
Contração de auditoria Fonte adaptado de: LONGO, 2015

Fonte adaptado de: LONGO, 2015

   

Contração de auditoria

PRECONDIÇÕES PARA CONTRATAÇÃO

PRECONDIÇÕES PARA CONTRATAÇÃO

 
  a) O auditor decide se a estrutura de relatório financeiro é

a)

O auditor decide se a estrutura de relatório financeiro é

 

aceitável.

 
  b) Se a administração da empresa reconhece e compreende

b)

Se a administração da empresa reconhece e compreende

 

sua responsabilidade.

 
  c) Se a administração

c)

Se a administração

 

compreende sua responsabilidade primária por estabelecer e manter controles internos.

 
  d) Se a administração concorda

d)

Se a administração concorda

 

em fornecer ao auditor todas as

informações.

Contração de auditoria

Contração de auditoria REQUISITOS MÍNIMOS DA CARTA DE CONTRATAÇÃO Objetivo e o alcance da auditoria das
Contração de auditoria REQUISITOS MÍNIMOS DA CARTA DE CONTRATAÇÃO Objetivo e o alcance da auditoria das
Contração de auditoria REQUISITOS MÍNIMOS DA CARTA DE CONTRATAÇÃO Objetivo e o alcance da auditoria das
Contração de auditoria REQUISITOS MÍNIMOS DA CARTA DE CONTRATAÇÃO Objetivo e o alcance da auditoria das
Contração de auditoria REQUISITOS MÍNIMOS DA CARTA DE CONTRATAÇÃO Objetivo e o alcance da auditoria das
Contração de auditoria REQUISITOS MÍNIMOS DA CARTA DE CONTRATAÇÃO Objetivo e o alcance da auditoria das
Contração de auditoria REQUISITOS MÍNIMOS DA CARTA DE CONTRATAÇÃO Objetivo e o alcance da auditoria das
Contração de auditoria REQUISITOS MÍNIMOS DA CARTA DE CONTRATAÇÃO Objetivo e o alcance da auditoria das

REQUISITOS MÍNIMOS DA CARTA DE CONTRATAÇÃO Objetivo e o alcance da auditoria das demonstrações contábeis. Responsabilidades do auditor. Responsabilidades da administração. Usuário das informações da auditoria. Identificação da estrutura de relatório financeiro. Referência à forma e ao conteúdo esperados de quaisquer relatórios a serem emitidos pelo auditor. Declaração de que existem circunstâncias em que um relatório pode ter forma e conteúdo diferente do esperado.

 

Conhecimento do negócio

Faz parte desse conhecimento:

Faz parte desse conhecimento:

Entrevistas com os administradores e colaboradores.  Conhecimento do negócio Faz parte desse conhecimento: Busca de informações públicas a respeito da empresa

Busca de informações públicas a respeito da empresa ou do setor. setor.

Documentação de auditorias anteriores.informações públicas a respeito da empresa ou do setor. Ramo de atividade da entidade, fatores regulatórios

Ramo de atividade da entidade, fatores regulatórios relevantes. fatores regulatórios relevantes.

Operações da entidade, sua estrutura patrimonial, governança, investimentos relevantes, estruturas de financiamentos. estrutura patrimonial, governança, investimentos relevantes, estruturas de financiamentos.

 

[

].

Conhecimento do negócio

[

]

Procedimentos contábeis, mudança nos critérios ou políticas da empresa. da empresa.

Missão, visão e Valores da entidade.mudança nos critérios ou políticas da empresa. Riscos relevantes de descontinuidade. Avaliação de

Riscos relevantes de descontinuidade.ou políticas da empresa. Missão, visão e Valores da entidade. Avaliação de desempenho operacional e financeiro.

Avaliação de desempenho operacional e financeiro. operacional e financeiro.

Materialidade

Materialidade Como calcular e usar a Materialidade (NBC TA 320): Experiência da equipe de auditoria. Procedimentos
Materialidade Como calcular e usar a Materialidade (NBC TA 320): Experiência da equipe de auditoria. Procedimentos
Materialidade Como calcular e usar a Materialidade (NBC TA 320): Experiência da equipe de auditoria. Procedimentos
Materialidade Como calcular e usar a Materialidade (NBC TA 320): Experiência da equipe de auditoria. Procedimentos
Materialidade Como calcular e usar a Materialidade (NBC TA 320): Experiência da equipe de auditoria. Procedimentos
Materialidade Como calcular e usar a Materialidade (NBC TA 320): Experiência da equipe de auditoria. Procedimentos
Materialidade Como calcular e usar a Materialidade (NBC TA 320): Experiência da equipe de auditoria. Procedimentos
Materialidade Como calcular e usar a Materialidade (NBC TA 320): Experiência da equipe de auditoria. Procedimentos
Materialidade Como calcular e usar a Materialidade (NBC TA 320): Experiência da equipe de auditoria. Procedimentos

Como calcular e usar a Materialidade (NBC TA 320):

Experiência da equipe de auditoria. Procedimentos de análise das informações contábeis. Técnicas de estatísticas. Definição de limites mínimo e máximos de variações em %. Qualquer distorção relevante ou não deve ser investigada, o cuidado maior são para as relevantes. Pode se modificar a materialidade. Tudo deve ser documentado Aplicar o filtro do CETICISMO.

Continuando Planejamento de auditoria e seus riscos
Continuando
Continuando

Planejamento de auditoria e seus riscos

Avaliação dos controles internos

[ ]

[

]

São sistemas de informações e trâmites de papéis e coisas dentro da organização elaborados pela administração para se assegurar que as ordens, objetivos da empresa são seguidos, com isso previne ou detecta distorções nas demonstrações financeiras e o auditor vai revisar e avaliar se estes controles são eficientes, este é um trabalho preliminar de auditoria.

Avaliação dos controles internos

[

]

Três passos para avaliar o controle interno Procedimento específicos para conhecer dos controles internos da entidade. Avaliação de conformidade dos interno Procedimento específicos para conhecer dos controles internos da entidade. Avaliação de conformidade dos procedimentos Verificação da eficácia

Resultado Definir os procedimentos de auditoria. Definir os procedimentos de auditoria.

de conformidade dos procedimentos Verificação da eficácia Resultado Definir os procedimentos de auditoria.
de conformidade dos procedimentos Verificação da eficácia Resultado Definir os procedimentos de auditoria.
de conformidade dos procedimentos Verificação da eficácia Resultado Definir os procedimentos de auditoria.
de conformidade dos procedimentos Verificação da eficácia Resultado Definir os procedimentos de auditoria.

Definição dos riscos de distorções

Definição dos riscos de distorções NBC TA 315 o objetivo do auditor é: “Identificar e avaliar

NBC TA 315 o objetivo do auditor é:

“Identificar e avaliar os riscos de distorção relevante independentemente se causada por fraude ou erro, nos níveis de demonstração contábil e afirmações.” RA = Risco inerente (RI) X Risco Controle (RC) X Risco Detecção (RD) Primeira auditoria Auditoria recorrente Riscos ocultos nas Dem. Financeiras. Ambiental, trabalhista, clientes, concorrências. Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e fraudes (NBC TA 240).

clientes, concorrências. Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e fraudes (NBC TA 240).

Respostas aos riscos de distorções

[

]

NBC TA 330 Respostas do auditor aos riscosRespostas aos riscos de distorções [ ] são os procedimentos de auditoria a serem aplicados em

são os procedimentos de auditoria a serem aplicados em cada situação específica.[ ] NBC TA 330 Respostas do auditor aos riscos RA = Risco inerente (RI) X

RA = Risco inerente (RI) X Risco Controle (RC) X Risco Detecção (RD) Detecção (RD)

Relação direta com NBC TA 500, Evidências de auditoria: os testes que podem ser de controle ou procedimento substantivo Evidências de auditoria: os testes que podem ser de controle ou procedimento substantivo

Respostas aos riscos de distorções

[

]

Tipo pode ser:Respostas aos riscos de distorções [ ] inspeção observação indagação confirmação recálculo reexecução

inspeção observação indagação confirmação recálculo reexecução procedimento analítico. indagação confirmação recálculo reexecução Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e fraudes (NBC TA 240).

procedimento analítico. Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e fraudes (NBC TA 240).
procedimento analítico. Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e fraudes (NBC TA 240).
procedimento analítico. Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e fraudes (NBC TA 240).
procedimento analítico. Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e fraudes (NBC TA 240).
procedimento analítico. Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e fraudes (NBC TA 240).
procedimento analítico. Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e fraudes (NBC TA 240).
procedimento analítico. Responsabilidade da auditora pelos riscos (NBC TA 265) e fraudes (NBC TA 240).

Planejamento de auditoria

Planejamento de auditoria NBC TA 300, item A17 o planejamento se concretiza no plano de auditoria

NBC TA 300, item A17 o planejamento se concretiza no plano de auditoria que, deve ser, mais detalhado do que as planejamento se concretiza no plano de auditoria que, deve ser, mais detalhado do que as estratégias globais, visto que detalha com mais clareza a natureza, a época e a extensão dos procedimentos de auditoria a serem realizados e deixa claro quem vai realizar, quem vai revisar e por fim quem vai validar. Todo o esforço anterior denota a qualidade da firma ou auditor.

Oportunidade para revisar – Ceticismo Ceticismo

Tudo deve ser documentado.vai validar. Todo o esforço anterior denota a qualidade da firma ou auditor. Oportunidade para revisar

Agora é a sua vez Planejamento de auditoria e seus riscos
Agora é a sua vez
Agora é a sua vez

Planejamento de auditoria e seus riscos

Atividade 1
Atividade 1
Atividade 1 Planejamento de auditoria e seus riscos Em sua opinião quais as vantagens que o

Planejamento de auditoria e seus riscos

Em sua opinião quais as vantagens que o planejamento da auditoria oferece? auditoria oferece?

Cite pelo menos três exemplos.1 Planejamento de auditoria e seus riscos Em sua opinião quais as vantagens que o planejamento

e seus riscos Em sua opinião quais as vantagens que o planejamento da auditoria oferece? Cite
e seus riscos Em sua opinião quais as vantagens que o planejamento da auditoria oferece? Cite
e seus riscos Em sua opinião quais as vantagens que o planejamento da auditoria oferece? Cite
Atividade 2
Atividade 2
Atividade 2 Planejamento de auditoria e seus riscos O planejamento inclui a necessidade de considerar, antes

Planejamento de auditoria e seus riscos

O planejamento inclui a necessidade de considerar, antes da identificação e avaliação pelo auditor dos riscos de distorções relevantes, aspectos como: identificação e avaliação pelo auditor dos riscos de distorções relevantes, aspectos como:

dos riscos de distorções relevantes, aspectos como: [ ] a) O conhecimento dos controles internos da

[

]

a) O conhecimento dos controles internos da empresa, quanto a possibilidade de prevenir, detectar, controlar erros ou fraudes.

dos controles internos da empresa, quanto a possibilidade de prevenir, detectar, controlar erros ou fraudes.
dos controles internos da empresa, quanto a possibilidade de prevenir, detectar, controlar erros ou fraudes.
dos controles internos da empresa, quanto a possibilidade de prevenir, detectar, controlar erros ou fraudes.
Atividade 2 [ ]
Atividade 2
[
]
b) Não necessita do entendimento global da estrutura

b)

Não necessita do entendimento global da estrutura

jurídica e o ambiente regulatório aplicável à entidade e

como a entidade cumpre com os requerimentos dessa estrutura.

 
c) A determinação da

c)

A determinação da

imaterialidade.

 
d) É dispensável o envolvimento  

d)

É dispensável o envolvimento

 

de especialistas e a aplicação de

de especialistas e a aplicação de

outros procedimentos de avaliação de risco.

outros procedimentos de avaliação de risco.
outros procedimentos de avaliação de risco.
 
 
especialistas e a aplicação de outros procedimentos de avaliação de risco.   e) Todas estão corretas.
especialistas e a aplicação de outros procedimentos de avaliação de risco.   e) Todas estão corretas.
e) Todas estão corretas.

e)

Todas estão corretas.

 
 
Atividade 3
Atividade 3
Atividade 3 Planejamento de auditoria e seus riscos Em relação ao planejamento da auditoria o auditor,

Planejamento de auditoria e seus riscos Em relação ao planejamento da auditoria o auditor, com base na NBC TA 230, o que se deve documentar:

a) Somente a carta de contratação.

a) Somente a carta de contratação.

b) Somente os procedimentos

b) Somente os procedimentos

para conhecimento dos controles

internos.

c) Somente a forma da definição

c)

Somente a forma da definição

da materialidade.

d) As pesquisas e estudos para

d)

As pesquisas e estudos para

conhecimento do negócio.

e) Todos os atos realizados

e)

Todos os atos realizados

Todos os atos realizados
Todos os atos realizados
 
 

durante o planejamento.

durante o planejamento.
durante o planejamento.
e estudos para conhecimento do negócio. e) Todos os atos realizados     durante o planejamento.
Atividade 4
Atividade 4
Atividade 4 Planejamento de auditoria e seus riscos O auditor deve realizar as seguintes atividades no

Planejamento de auditoria e seus riscos

O auditor deve realizar as seguintes atividades no início do trabalho de auditoria corrente: trabalho de auditoria corrente:

a) Manter o controle de qualidade

a)

Manter o controle de qualidade

da firma de auditoria conforme

são exigidos pela NBC TA 220.

b) Avaliação do treinamento

b)

Avaliação do treinamento

[

continuado de sua equipe de trabalho e inclusive o do sócio auditor. ]
continuado de sua equipe de
trabalho e inclusive o do sócio
auditor.
]
TA 220. b) Avaliação do treinamento [ continuado de sua equipe de trabalho e inclusive o
Atividade 4 [ ]
Atividade 4
[
]
c) Avaliação da conformidade com os requisitos éticos,

c)

Avaliação da conformidade com os requisitos éticos,

inclusive independência, conforme exigido pela

NBC TA 230.

d) Estabelecimento do entendimento dos termos do trabalho, conforme exigido pela NBC TA 210.  

d) Estabelecimento do entendimento dos termos do trabalho, conforme exigido pela NBC TA 210.

 
e) As alternativas “a” a “d” estão

e)

As alternativas “a” a “d” estão

e) As alternativas “a” a “d” estão

corretas.

corretas.
 
 
do trabalho, conforme exigido pela NBC TA 210.   e) As alternativas “a” a “d” estão
do trabalho, conforme exigido pela NBC TA 210.   e) As alternativas “a” a “d” estão
do trabalho, conforme exigido pela NBC TA 210.   e) As alternativas “a” a “d” estão
do trabalho, conforme exigido pela NBC TA 210.   e) As alternativas “a” a “d” estão
do trabalho, conforme exigido pela NBC TA 210.   e) As alternativas “a” a “d” estão
do trabalho, conforme exigido pela NBC TA 210.   e) As alternativas “a” a “d” estão
do trabalho, conforme exigido pela NBC TA 210.   e) As alternativas “a” a “d” estão
Atividade 5
Atividade 5
Atividade 5 Planejamento de auditoria e seus riscos Um erro que possa ocorrer em uma afirmação

Planejamento de auditoria e seus riscos Um erro que possa ocorrer em uma afirmação sobre uma classe de transação, saldo contábil ou divulgação e que possa ser relevante, individualmente ou em conjunto com outras distorções, que não seja prevenida, detectada e corrigida tempestivamente pelo controle interno da entidade, é classificado como:

a) Risco inerente.

a) Risco inerente.

b) Risco de controle.

b) Risco de controle.

c) Risco de evidência.

c) Risco de evidência.

c) Risco de evidência.
 
 
 

d) Risco detectado.

  d) Risco detectado.
a) Risco inerente. b) Risco de controle. c) Risco de evidência.     d) Risco detectado.
a) Risco inerente. b) Risco de controle. c) Risco de evidência.     d) Risco detectado.
a) Risco inerente. b) Risco de controle. c) Risco de evidência.     d) Risco detectado.
a) Risco inerente. b) Risco de controle. c) Risco de evidência.     d) Risco detectado.
a) Risco inerente. b) Risco de controle. c) Risco de evidência.     d) Risco detectado.
e) Risco irrelevante.

e) Risco irrelevante.

e) Risco irrelevante.
b) Risco de controle. c) Risco de evidência.     d) Risco detectado. e) Risco irrelevante.
b) Risco de controle. c) Risco de evidência.     d) Risco detectado. e) Risco irrelevante.
Finalizando Planejamento de auditoria e seus riscos
Finalizando
Finalizando

Planejamento de auditoria e seus riscos

Planejamento de auditoria e seus riscos

Planejamento de auditoria e seus riscos 1. Contratação de auditoria Inicia com a carta de contratação

1. Contratação de auditoria Inicia com a carta de contratação tendo por base se a estrutura das DF são aceitáveis; a administração reconhece sua responsabilidade: de preparar as DF; primária pelos controles internos, por erros e fraudes; de fornecer acesso ao auditor de todos os locais, fatos e documentos da empresas.

internos, por erros e fraudes; de fornecer acesso ao auditor de todos os locais, fatos e

Planejamento de auditoria e seus riscos

Planejamento de auditoria e seus riscos 2. Conhecimento do negócio O auditor obtém o entendimento da

2. Conhecimento do negócio

O auditor obtém o entendimento da entidade e do ambiente de negócios que a empresa está inserida. de negócios que a empresa está inserida.

Utiliza de entrevistas internas, busca dados públicos da empresa e do setor, conhece os controles internos. empresa e do setor, conhece os controles internos.

Planejamento de auditoria e seus riscos

Planejamento de auditoria e seus riscos 3. Materialidade Estabelece padrões do qual o auditor tem que

3. Materialidade Estabelece padrões do qual o auditor tem que se balizar, isto nos dá a ideia da qual o auditor deve estabelecer um nível máximo e um nível mínimo para os valores encontrados nas demonstrações financeiras do passado e pelos parâmetros das demonstrações financeiras do setor na qual a empresa está inserida.

financeiras do passado e pelos parâmetros das demonstrações financeiras do setor na qual a empresa está

Planejamento de auditoria e seus riscos

Planejamento de auditoria e seus riscos 4. Avaliação dos controles internos Faz parte do trabalho do

4. Avaliação dos controles internos Faz parte do trabalho do auditor a responsabilidade de verificar se os controles internos da empresa são seguros para reduzir os riscos de auditoria. Se o auditor encontrar distorções relevantes nos controles internos deve sugerir adequações ou mesmo comunicar a alta direção.

encontrar distorções relevantes nos controles internos deve sugerir adequações ou mesmo comunicar a alta direção.

Planejamento de auditoria e seus riscos

Planejamento de auditoria e seus riscos 5. Definição dos riscos de distorções O risco de auditoria

5. Definição dos riscos de distorções O risco de auditoria é determinado, basicamente, por três fatores: o risco inerente, o risco de controle e o risco de detecção. (PEREZ JUNIOR, 2012).

basicamente, por três fatores: o risco inerente, o risco de controle e o risco de detecção.

Planejamento de auditoria e seus riscos

Planejamento de auditoria e seus riscos 6. Resposta aos riscos de distorções Estabelecer os procedimentos adequados

6. Resposta aos riscos de distorções Estabelecer os procedimentos adequados para enfrentamento dos riscos de auditoria identificados pelo auditor. Define a época de aplicar os procedimentos, a extensão dos trabalhos, a equipe.

auditoria identificados pelo auditor. Define a época de aplicar os procedimentos, a extensão dos trabalhos, a

Planejamento de auditoria e seus riscos

Planejamento de auditoria e seus riscos 7.Planejamento dos trabalhos de auditoria Conclui-se com a definição do

7.Planejamento dos trabalhos de auditoriaPlanejamento de auditoria e seus riscos Conclui-se com a definição do plano de trabalho/ auditoria que

Conclui-se com a definição do plano de trabalho/ auditoria que são as definições das responsabilidades de cada membro da equipe, tarefas. são as definições das responsabilidades de cada membro da equipe, tarefas.

Planejamento de auditoria e seus riscos

Planejamento de auditoria e seus riscos Fonte adaptado de: LONGO, 2015
Planejamento de auditoria e seus riscos Fonte adaptado de: LONGO, 2015

Fonte adaptado de: LONGO, 2015