Você está na página 1de 2

Esttica dos corpos rgidos

Um corpo em equilbrio pode estar parado (equilbrio esttico) ou em


movimento retilneo uniforme (equilbrio dinmico), pois a forca resultante nas
duas situaes e nula. Sendo assim, a principal condio para um corpo estar
em equilbrio ter forca resultante nula (FR=0)
Exemplos:
1) O sistema da figura est em equilbrio. Os fios so ideais. Determine as
intensidades das foras de trao nos fios. O peso do bloco P = 30 N. a) faa o diagrama das foras que atuam no ponto P.
(Dados: sen = 0,6 e cos = 0,8)
b) qual a fora resultante sobre o objeto? Justifique a resposta.
c) qual o valor do mdulo das tenses nas cordas A, B e C.

Exerccios
1) Determinar as traes nos fios ideais AB e BC, sabendo-se que o sistema
est em equilbrio na posio indicada. (Dados: sen = 0,6; cos = 0,8; P = 90
2) O esquema anexo representa um sistema em equilbrio e na iminncia de N)
movimento. Determine o coeficiente de atrito entre o corpo A e o plano
horizontal. Os fios so ideais. So dados os pesos dos corpos A e B: PA=200N
e PB=100N; sen=0,8 e cos=0,6.

3) As cordas A, B e C mostradas na figura a seguir tm massa desprezvel e


so inextensveis. As cordas A e B esto presas no teto horizontal e se unem
corda C no ponto P. A corda C tem preso sua extremidade um objeto de massa
igual a 10 kg. Considerando o sistema em equilbrio (considere g = 10 m/s2):
2) Para o sistema da figura, em equilbrio, qual a relao entre os pesos PA e
PB dos corpos A e B? Os fios e as polias so ideais.

a) Qual a fora de atrito exercida pelo plano sobre o bloco quando o mesmo
3) Na figura o corpo suspenso tem o peso 100N. Os fios so ideais e tm pesos estiver na iminncia de movimento?
desprezveis, e o sistema est em equilbrio esttico (repouso). A trao na
corda AB, em N, : b) Qual o peso mximo que se pode pendurar em C? Adotar g=10 m/s.

5) O corpo representado na figura tem peso 40 N. Ele mantido em equilbrio


por meio do fio ideal AB de comprimento 50 cm e pela ao da fora horizontal
F. Sabendo-se que a distncia BC igual a 30 cm, determine a trao no fio e
a intensidade da fora F.

3
(Dados: g = 10 m/s2 ; sen 30 = 0,5 e cos 30 = 2

a) 20 b) 40
c) 50 d) 80
e) 100

4) Uma corda AB tem a sua extremidade A fixa, enquanto que a outra B est
ligada ao bloco M em forma de paraleleppedo de peso 120 N. Este bloco
repousa sobre um plano horizontal. O coeficiente de atrito entre o plano e o
bloco 0,30. Em um ponto C da corda dependurado um peso Q tal que o
ngulo formado pelo trecho AC com a horizontal seja 60; o trecho CB
horizontal.