Você está na página 1de 366

POLVO ENCARNADO

POLVO ENCARNADO

Indice

1 Apito Dourado e Apito Final - recortes de imprensa

 

1

1.1 24/01/2004 FC Porto 2-0 Estrela da Amadora

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

1

1.2 16/04/2004, Antevespera do jogo: Beira Mar 0-0 FC Porto

.

.

.

.

.

.

.

.

.

5

1.3 27/10/2003 Boavista 0 - 1 FC Porto .

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

9

1.4 Escutas no Caso Deco

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

13

1.5 01/02/2004 Sporting 1 - 1 FC Porto .

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

19

1.6 Escutas no Caso Mourinho .

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

22

1.7 Uma rede de informao bem montada - As conversas proibidas

.

.

.

.

.

.

.

28

1.8 Pinto da Costa acusado de corrupcoo desportiva .

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

30

1.9 Agressoes a Bexiga - Pinto da Costa arguido

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

33

1.10 Lider dos Super Dragoes constituido arguido

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

36

1.11 Atletas do FC Porto ilegais .

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

38

1.12 Arguidos do Apito Dourado

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

41

2 Blogue Polvo dos Papalvos - arquivo online

 

45

2.1 Apresentacao Blogue

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

45

2.2 O (velho) apedrejamento

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

55

2.3 O doping, o tunel e a intimidacao

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

67

2.4 Uma revoluo inteligente

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

89

2.5 As eleicoes e o elemento imponderavel

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

103

2.6 Um caos chamado Sporting

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

116

2.7 Para depois o que nao pode agora .

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

122

2.8 No calor das leis .

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

138

2.9 Regresso

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

209

2.10 Os anos dourados que nao acabam

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

295

1

Apito Dourado e Apito Final - recortes de im- prensa

Copia dos textos disponibilizados online pelo site http://www.benficauniversal.com

1.1 24/01/2004 FC Porto 2-0 Estrela da Amadora

Escutas Apito Dourado

24/01/2004 FC Porto 2 0 Estrela da Amadora 19ª Jornada

Horas antes do início do jogo, o empresário de jogadores, António Araújo, pergunta a Pinto da Costa se pode mandar entregar fruta de dormir (prostitutas) para a equipa de arbitragem do jogo, liderada por Jacinto Paixão. O presidente do FC Porto concorda e diz que já foi mandada. Ambos combinam encontro no Estádio das Antas. António Araújo pede a Fernando Gomes, administrador do FC Porto, bilhetes para três "deusas".

Conversa entre Pinto da Costa e António Araújo

24/01/2004

Pinto da Costa: Estou? António Araújo: Estou, presidente? Pinto da Costa: Sim senhor Araújo! Como está o meu amigo?

António Araújo: Como está? Tudo bem? Ligaram para mim, a pedir-me posso levar a fruta à vontade??

Pinto da Costa: Não é preciso que já está António Araújo: Não, não é isso! É para Pinto da Costa: Mas quem pediu?

António Araújo: O homem que vai ter consigo, de tarde

Pinto da Costa: Ahhhh! Mas sabe

António Araújo: Sim caralho! Ele ligou para mim a pedir-me Pinto da Costa: Ahhhh! Sim sim! Diga que sim senhor!

António Araújo: E ou claro e ele disse

quando chegar quando chegar, eu digo-te, depois, direitinho!"

Pinto da Costa: OK OK

António Araújo: Tá presidente? É que se não

Pinto da Costa: Não não! Diga

António Araújo: Não há problema eu trato de tudo! Só lhe estou Pinto da Costa: OK OK OK António Araújo: A dar conhecimento ao presidente senão isso fica dispor, também não há necessidade!

Pinto da Costa: Não não não não não! Diga que há

António Araújo: Não, não é

Pinto da Costa: Está bem! António Araújo: Está presidente? Pinto da Costa: OK Pinto da Costa: Olhe, mas se o senhor puder passar no hotel, a gente falava pessoalmente António Araújo: Está bem Pinto da Costa: Eu, agora, estou no "Dom Manoel". Vou almoçar ao "Dom Manoel"

a pedir-me fruta para logo à noite. Posso

já foi mandada!

é para

é para dormir!!!

o JP?

a pedir-me rebuçado, para logo à noite

mas eu já

que

já estou

já lhe disse a ele se ele queria

se ele queria café com leite, muito escuro

E ele disse: ! Ó pá,

eu disse-lhe a ele: "E qual é o teu número da habitação social?!

, sempre para o mesmo é

é

como é que havemos

?

é

é só

uma coisa

é só salada de fruta

só estou a dar-lhe

é que eu

eu

é que estou sempre a dispor, a

António Araújo: Está

Pinto da Costa:

António Araújo: Olhe, eu vou-lhe

António Araújo: Sabe porquê presidente? Porque o João joga

o segundo contra o terceiro, é do nacional, eu também queria ver esse esse jogo! Pinto da Costa: OK, às cinco horas!

António Araújo: Mas não se

Pinto da Costa: Ó senhor Araújo, vamos fazer uma coisa

António Araújo: Ó presidente, eu cinco horas Pinto da Costa: Tá combinado. Tá um abraço António Araújo: Está, até logo

meu

É uma hora

lá para as quatro, se o senhor às quatro horas puder passar no hotel falávamos

o

eu

eu só vou poder estar lá por volta das cinco! Eu vou-lhe dizer porquê!

hoje é um jogo

é o segundo contra o terceiro

está tudo bem só que

também de onde se tira, não se mete

então eu às cinco e meia

o

eu cinco horas, eu estou lá no hotel, está bem?

está tudo bem

Conversa entre Pinto da Costa e António Araújo

24/1/2004

António Araújo: Estou? Pinto da Costa: Senhor Araújo! Como está o meu amigo? Olhe senhor Araújo, eu já estou nas Antas! António Araújo: Está bem senhor presidente Pinto da Costa: Portanto o meu amigo quando chegar, por favor, sobe lá acima! António Araújo: Está bem senhor presidente Pinto da Costa: Antas, estádio António Araújo: Exacto, OK senhor presidente Pinto da Costa: Está! Até já, um abraço

Conversa entre Pinto da Costa e António Araújo

24/1/2004

Pinto da Costa: Estou, senhor Araújo?

António Araújo: Estou

Pinto da Costa: Depois o senhor já não pode falar com ele

António Araújo: Não não, eu já

Pinto da Costa: Não sei se falou tudo

António Araújo: Ahhh, pronto! Está bem está bem

Pinto da Costa: Tá, até já António Araújo: Até já até já

eu já estou a chegar senhor presidente

eu já

!

já falei o que tinha a falar

Conversa entre Fernando Gomes e António Araújo

25/2/2004

António Araújo: Estão aqui três deusas! Você não tem como arranjar esses três bilhetes, ó doutor? Fernando Gomes: Ó Araújo! Eu só tenho hipótese de arranjar três bilhetes António Araújo: Pagando, eu pago!!

Fernando Gomes: Ó pá António Araújo: Hiiii

que é das tribunas de sócios, são 25 contos cada uma

!!!!

Fernando Gomes: Ó pá mas depois fazemos

António Araújo: É, é Fernando Gomes: Ó pá depois quando meter a factura, a factura da, da, da

restaurante, mete isso António Araújo: Está bem doutor. Fernando Gomes: Percebe? É melhor assim António Araújo: Mas sabe porquê? Porque Fernando Gomes: Mas é melhor assim. António Araújo: Ãh??

Fernando Gomes: Mas faça assim: vá ao 14º andar António Araújo: Hum

Fernando Gomes: Ao 14º andar António Araújo: Manuela Cunha

Fernando Gomes: Manuela Cunha e eu dou-lhe a indicação que o duas e meia António Araújo: OK, está bem.

é

é daquele assunto que falámos, não é?

das outras despesas de, de

de

fala com a Manuela Cunha ???

que o Araújo vai lá buscar isso às três horas ou às

1.

Apito Dourado e Apito Final - recortes de imprensa

5

1.2 16/04/2004, Antevespera do jogo: Beira Mar 0-0 FC Porto

16/04/2004, Antevéspera do jogo:

Beira Mar 0 0 FC Porto 31ª Jornada

Escutas Apito Dourado

Dois dias antes do jogo, o empresário de jogadores, António Araújo conduz até casa o Ábritro da partida, Augusto Duarte, o Presidente do FC Porto dá a rota certa até sua casa, na Madalena, em Vila Nova de Gaia.

Conversa entre António Araújo e Pinto da Costa

16/04/2004

Pinto da Costa: Estou? António Aráujo: Estou Presidente? Pinto da Costa: Como está? António Aráujo: Eu virei aqui, eu virei aqui, portanto, para a, para a zona da Madalena, não é? Pinto da Costa: Sim António Aráujo: E agora, eu viro para depois aonde? Que eu vim só no dia do seu aniversário

Pinto da Costa: O senhor virou onde diz Madalena, não é? E agora vem frente e António Aráujo: Sim Pinto da Costa: Sobe um bocadinho e o senhor vira à esquerda. António Aráujo: Certo Pinto da Costa: Tá a virar? António Aráujo: Sim sim Pinto da Costa: E depois vira à direita. António Aráujo: Certo. Pinto da Costa: E agora vem sempre por aí abaixo

António Aráujo: Hum

Pinto da Costa: Não, vem sempre por

António Aráujo: Pela nossa direita não é?

Pinto da Costa: Sim, o senhor vire pela direita, portanto, tem uma tabuleta que diz Porto, não sei quê para a

sobe um bocadinho não é?

espere aí então, espera aí. Tem alguma, alguma tabuleta em especial, não?

em frente por aí abaixo

esquerda

e o senhor vira à direita, vem à

continua em frente pela direita sempre a descer. Pronto

Agora vai

descendo

António Aráujo: Espere aí. É que eu tive que rotunda. Pinto da Costa: Qual rotunda?

António Aráujo: Eu

Pinto da Costa: Pronto, o senhor aí vem para baixo. Em vez de ir para o Porto, vem para baixo.

António Aráujo: Pronto, venho para baixo. Tem

Pinto da Costa: E o senhor vem sempre em frente para baixo

António Aráujo: Certo. Pronto, já lá estou. Assim já vou melhor. Depois tem as escolas do lado direito Pinto da Costa: Tem uma escola do lado direito. Vem sempre em frente.

António Aráujo: Certo Pinto da Costa: Tá a passar por uns correios, não? António Aráujo: Depois, agora, agora tem aqui uma tabuleta que diz: Coimbrões, Rego d'Água.

já tinha caminhado um bocado

pronto,

eu estou aqui, cheguei nesta

tem a

que diz assim: Porto.

e depois não tem uma rotunda, que até tem umas flores no meio?

dá meia volta à rotunda e vem aí abaixo.

Pinto da Costa: Não, não. Sempre em frente. António Aráujo: Sempre em frente. Ok. Ora aqui vou eu. Já estive aqui carago. Pinto da Costa: E está a passar por onde?

António Aráujo: Ora bem, agora tem

Pinto da Costa: Não não. Isso não sei o que é. António Aráujo: Ai não? Pinto da Costa: Isso não sei onde é que o senhor anda. António Aráujo: Ó diabo! Então tenho aqui uma tabuleta que diz: à esquerda Avim. Continuo sempre para baixo? Pinto da Costa: Vá. Continue sempre para baixo.

António Aráujo: Pronto, eu continuo sempre para baixo. E vou passar Pinto da Costa: Está a passar o que?

António Aráujo: Depois tem aqui

Pinto da Costa: Não. Sempre para baixo. António Aráujo: E à frente tem uma pontezeca Pinto da Costa: Exacto. Sempre para baixo. António Aráujo: Exatamente. Eu se vir aí alguma coisa que

Pinto da Costa: E depois, à direita vai ver uma casa grande, que é António Aráujo: Exatamente. Um casa já antiga Pinto da Costa: Assim muito grande António Aráujo: Certo Pinto da Costa: Sempre em frente

António Aráujo: Sempre em frente Pinto da Costa: Sempre em frente António Aráujo: Sempre em frente Pinto da Costa: Sempre em frente

António Aráujo: Junta de freguesia da Madalena

Pinto da Costa: Junta

António Aráujo: Depois tem clínica dentária Pinto da Costa: Sempre em frente António Aráujo: Agora direita ou esquerda? Pinto da Costa: Sempre em frente

António Aráujo: Agora

Pinto da Costa: Sempre em frente António Aráujo: Ah, mas aqui tem uma, tem a funerária e depois tem a orbitur

Pinto da Costa: O senhor na funerária, vira a esquerda António Aráujo: À esquerda, Orbitur

Pinto da Costa: Sempre em frente, para a esquerda. Passa à frente da funerária António Aráujo: Exatamente, elá vou eu

Pinto da Costa:

António Aráujo: E lá vou eu

esquerda. É aqui? Pinto da Costa: Jardinzeco à sua esquerda? António Aráujo: Sim, tipo um triângulo. Pinto da Costa: Não, o senhor vem sempre em frente.

António Aráujo: Sempre em frente, aqui vou eu. Agora temos aqui

Pinto da Costa: Hum

António Aráujo: Campismo, farmácia P Pinto da Costa: O senhor passou, passou António Aráujo: Ou viro para o , para o ideal clube da Madalena

agora tem aqui uma tabuleta que diz: Avim??

Apeadeiro à direita

eheheh.

Farmácia

E agora aqui em baixo tem costa, estaleiro de Madalena, Orfeão

isso

eu não estou a ver onde é

à direita ou à esquerda?

E

vem, e vem sempre em frente

sempre por aqui abaixo

agora

tenhou outra, outra

,

mais um jardinzeco à minha

Para a igreja ou para a praia?

ora, deixe-me ver onde é que está?

Pinto da Costa: Vira para aí, que é para a esquerda, não é? António Aráujo: Exatamente Pinto da Costa: E vai passar nuns columbófilos

António Aráujo: Ora aqui vou

Pinto da Costa: Exacto, e vai passar na sociedade columbófila e no clube da Madalena não sei qué António Aráujo: Pronto, tem aqui um cruzeiro

Pinto da Costa: Exatamente, sempre em frente é estreitinho aí António Aráujo: Exatamente Pinto da Costa: Pronto, e o senhor depois António Aráujo: Sociedade Columbófila da Madalena, Já estou a passar

Pinto da Costa: Passa por ela e depois no fundo vira à direita, que tem aí o clube da Madalena António Aráujo: Exatamente, à minha esquerda é o clube da Madalena. Pinto da Costa: E o senhor vem aí e vai chegar à frente António Aráujo: É sentido proíbido, tenho que virar à direita Pinto da Costa: À direita, é uma rua larga, estão aí muitos gajos aí parados e encostados António Aráujo: É, parece que é "Para a viola"

P Pinto da Costa: É É

António Aráujo: Exatamente Pinto da Costa: E nessa rua larga vira à esquerda. António Aráujo: Aqui já estou eu Pinto da Costa: Vire à esquerda António Aráujo: Já estou eu na, na esquerda Pinto da Costa: E no fundo, vira à esquerda. António Aráujo: Outra vez à esquerda Pinto da Costa: Outra vez à esquerda e depois vai em frente. António Aráujo: Já vou

Pinto da Costa: E no fundo dessa rua tem uma seta que diz praia António Aráujo: Exatamente

Pinto da Costa:

António Aráujo: Viro à esquerda. Aqui vou eu Pinto da Costa: E 100 metros à frente o senhor vira à direita e é nessa rua, na casa que está iluminada

António Aráujo: Ok, isso já, já estou! Já estou a ver

agora a estrada estreita aqui um pouquinho

"Para

a viola" e o senhor vem em frente.

e o senhor vira à esquerda

1.

Apito Dourado e Apito Final - recortes de imprensa

9

1.3 27/10/2003 Boavista 0 - 1 FC Porto

Escutas Apito Dourado

27/10/2003 Boavista 0 - 1 FC Porto

Após o jogo, Pinto da Costa combina com o jornalista Tavares Teles uma notícia falsa sobre a possibilidade de Deco recusar jogar pela Selecção no Euro 2004 se fosse castigado no caso da bota atirada contra o árbitro Paulo Paraty. Pinto da Costa combina tudo com Deco. Antero Henrique dá os para béns a Pinto da Costa pela genial chantagem.

Conversa entre Tavares Teles e Pinto da Costa

28/11/2003

Pinto da Costa: Estou? Tavares Teles: Sim, Jorge Nuno? Pinto da Costa: Então?

Tavares Teles: Então? Olha pá, eu

estava

Pinto da Costa: Não, não ponhas porque

Pinto da Costa:

Tavares Teles: Pronto! Ouve lá, e Deco o que é que vai dizer?

Pinto da Costa: O Deco vai dizer que está a pensar! Tavares Teles: Que está a pensar, não é? Pinto da Costa: É.

Tavares Teles: Está

Pinto da Costa: Não. Eu falo com o Antero e ele avisa.

Tavares Teles: Fala

Pinto da Costa: Ok. Tavares Teles: Está bom? Pinto da Costa: Está bem.

Tavares Teles: Pronto

eu já escrevi aquela história

do

do

Deco

opá,

aquilo

o Manuel Tavares

a querer pôr aquilo

em grande destaque pá!

não ponhas nada

Tem mais impacto aí do que

e

e

entretanto, o FC Porto vai jogar

e

e os gajos vão perguntar ao Deco! O

o gajo não é maluco o suficiente para dizer que não

fala com ele a dizer que lhe vão perguntar.

que não é nada, que é tudo mentira?

um abração

tem aqui muitas coisas giras! Lê isto, amanhã, que tem aqui coisas muito giras.

Conversa entre Deco e Pinto da Costa

Deco: Fala. Pinto da Costa: Tou, Deco? Deco: Sim. Pinto da Costa: Estou, é o presidente. Tás bom Deco? Deco: Ó presidente, então, tudo bem? Pinto da Costa: Olha, estou-te a falar pelo seguinte não é? Deco: Sim, sim.

Pinto da Costa: Amanhã, vai sair naquele coiso do Pato

Pinto da Costa:

amanhã, como sabes, nós metemos o recurso do teu castigo,

uma coisa a dizer

do género de: pode estourar uma bomba

ofendido com o que foi dito

aquele termo de indigno e o castigo

Pinto da Costa: Então pode estourar uma bomba, que é possível que o Deco, desgostoso com a perseguição, dentro daquilo que tu disseste hoje Deco: Sim, sim.

Pinto da Costa: Ofendido com a perseguição que lhe está a ser feita, se calhar, vai pedir dispensa de jogar na Seleção

ou no Europeu

Deco: Hum, hum. Pinto da Costa: Que é como forma de pressão para Deco: Hum, hum. Pinto da Costa: Para o Conselho! Portanto, se amanhã alguém te perguntar se isso é verdade, se não é, ou que é que

pensas, tu dizes: desculpe, sobre isto eu não falo nem uma palavra! Na altura própria, eu dizer. Deco: Claro, está bem. Pinto da Costa: Compreendes?

Deco: Só que é assim

Antero tinha falado comigo, por acaso

não sair.

Pinto da Costa: Mas o que é que dizias na entrevista?

Deco: Não

forma Pinto da Costa: Não, não prejudica, não! É só se te perguntarem

não é? E o que é que há? Dizes "desculpe, sobre isso eu não digo nada, falarei na altura devida". Deco: Tá bem, tá bem. Pinto da Costa: Compreendes?

Deco: Tá bem. Pinto da Costa: Falarei na altura devida

deixa lá reduzir isto. Deco: Claro, claro. Pinto da Costa: Agora nem dizes nem que sim nem que não nem que estás Deco: Está bem, está bem. Pinto da Costa: Deco, um abraço. Até amanhã. Deco: Está. Um abraço

tinha marcado já com o gajo e o

uma coisa assim, estás a perceber?

eu direi o que tiver a

hoje

hoje, eu dei uma entrevista para a Bola

e então, se for o caso

porque eu

fala com o Antero para poder então a entrevista

disse o básico, o normal como

aquilo que eu já disse mas agora não se isso prejudica de alguma

se te perguntarem alguma coisa: Isso é verdade

que é para eles ficarem a dizer assim: Epá, isto é uma bronca dos diabos,

nada! "Na altura própria, eu falarei"

Conversa entre Pinto da Costa e Antero

Pinto da Costa: Sim? Antero: Presidente, bom dia. Pinto da Costa: Então? Antero: Esta do Pato, do Deco

foda-se! Pinto da Costa: Como é que vem? Antero: Vem espectacular pá! Pinto da Costa: Como é que está? Antero: Acho que é uma chantagem fantástica! Pinto da Costa: Como é que está? Antero: Por aquilo que o Pato sabe, pode rebentar, muito em breve, uma bomba dos diabos! Deco ofendido com os termos que a comissão disciplinar da Liga utilizou para qualificar o seu comportamento no já famoso caso da bota, entre outras coisas comportamento indigno e intimidatório consabidamente descabelado e indisciplinado com redobrado intento de desonrar, desprestigiar e fazer ver ao árbitro do que era capaz, parece estar na disposição de

vou-lhe dizer uma coisa pá! Eu já sabia que o presidente era um génio, mas esta

pedir escusa da Seleção Nacional, pelo menos enquanto a dita comissão disciplinar não se retratar daquilo que ele considera ser um atentado ao seu nome, pelo que Scolari pode ter de reduzir o número de jogadores que fazem parte da sua primeira Seleção de 28 para 27. Pinto da Costa: Ahahahahahahah Antero: Espectáculo pá !! P Pinto da Costa: E o que é que traz mais? Antero: Espectacular presidente! Espectacular pá. Antero: Está presidente. Olhe, um abraço, até logo. Pinto da Costa: Ok.

1.

Apito Dourado e Apito Final - recortes de imprensa

13

1.4 Escutas no Caso Deco

Escutas no Caso Deco

Fonte: anti-corrupcao.150m.com e Correio da Manhã

Pressões para evitar castigo

As pressões exercidas para que Deco, jogador do FC Porto, não fosse punido no caso que ficou conhecido como o da ‘bota’ – um incidente ocorrido no final de Outubro de 2003, num jogo Boavista-FC Porto, arbitrado por Paulo Paraty – podem ser conhecidas através da leitura das escutas telefónicas no âmbito do processo ‘Apito Dourado’. As transcrições estão anexas ao processo e sustentam uma das certidões que se mantém em investigação no Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) do Porto. Pinto da Costa e Valentim Loureiro estão indiciados por tráfico de influências. Mas as conversas envolvem muitos outros intervenientes. Designadamente, Antero Henriques e Adelino Caldeira, dirigentes portistas, e também Gilberto Madaíl, presidente da Federação Portuguesa de Futebol, e Pinto de Sousa, dirigente da arbitragem.

Punido inicialmente com três jogos de suspensão, o castigo foi diminuído para dois, por intervenção da Federação. Pinto da Costa tinha falado dias antes com Gilberto Madaíl, alertando-o de que Deco ameaçava não jogar pela Selecção e não representar Portugal no europeu.

Nas mesmas escutas anexas ao inquérito ‘Apito Dourado’, pode ainda ler-se uma conversa de Pinto da Costa com Pinto de Sousa onde o dirigente da arbitragem garante ao líder portista que já falara com o árbitro Paulo Paraty. O receio de ambos era que o relatório falasse de uma agressão, mas Pinto de Sousa deixa Pinto da Costa descansado: “Eu dá-me a ideia de que não vai utilizar a expressão agressão, de modo nenhum!”

Para as autoridades, este caso assumiu especial gravidade por se tratar de um dos principais jogadores. Deco era uma peça fundamental na equipa que meses depois se sagrou campeã europeia e foi também um dos atletas cuja transferência rendeu uma mais elevada maquia para os cofres do clube.

Estas escutas são anteriores ao caso Mourinho, que o CM noticiou na edição de ontem, mas fazem parte da mesma investigação. Na certidão enviada para o DIAP do Porto, Carlos Teixeira, magistrado de Gondomar, alertou ainda para a alegada promiscuidade com os magistrados que presidiam os órgãos disciplinares da Liga. Mais uma vez, o nome dos juízes foi referido nas escutas.

CONVERSA ENTRE PINTO DA COSTA E VALENTIM LOUREIRO

Pinto da Costa sabe que o delegado da Liga escreveu que se tratou de uma agressão. Telefona a Valentim Loureiro a protestar pelo teor do relatório.

Pinto da Costa (PC) - Estou? Valentim Loureiro (VL) - Então, ilustre presidente! PC - Como? VL - dono do prédio das Antas! PC - Já sei! VL - Fala o inquilino! Está tudo bem ou quê? PC - Olhe não está nada tudo bem, que lá o delegado da Liga é um filho da puta!

VL - Quem é o gajo? PC - É VL - Eu não sei, nem sei quem foi O sr. Óscar! PC - É mas é um o gajo é mentira! Eu estive a ver as imagens VL - Ah, já? PC - o gajo atira ostensivamente bota para o chão e o gajo diz que o atingiu atirou ostensivamente a bota ao árbitro e que o atingiu, o que não é verdade! VL - Mas o árbitro mas o árbitro também não diz qualquer coisa disso?

PC - Não, o árbitro diz que lhe lançou lançou a em direcção a ele a bota (

ostensivamente, o que é mentira! ( ) Ó pá, é fodido ser expulso injustamente VL - Eu percebo, eu percebo. PC - e reage, pá!, que o gajo é que lhe tira a bota o gajo diz: “Saltou-lhe a bota.” VL - Mas, ó Jorge, você veja veja aí com os seus serviços como as coisas poderiam conduzir-se para minorar os efeitos, pá ponha aí alguém a estudar isso, pá! PC - Pois, isso já estão! VL - a estudar isso porque a estudar essa merda porque é esta coisa e que vem nos jornais é estúpido. PC - Aquele Paraty Paraty é uma merda! Nem VL - Ó pá uma merda PC - não tem categoria para um jogo daqueles! VL - Sim, não o gajo ali chegava, matava a jogada e tal PC - Já sabe quem saiu para a Taça? VL - Quem? PC - Porto-Boavista! ( ) VL - Lá vai o Boavista descansar, caralho. Foda-se!, o caralho!

)

agora, o outro é que diz que atirou

CONVERSA ENTRE PINTO DA COSTA E PINTO DE SOUSA

Pinto da Costa fala com Pinto de Sousa sobre o relatório de Paraty. Que já garantira ao presidente da arbitragem que não iria utilizar a expressão “agressão”.

Pinto de Sousa (PS) - Olha, é o seguinte (

Já falámos portanto, eu dá-me ideia que não vai utilizar a expressão “agressão”, de modo nenhum!

disse, muito contritamente: “Não, eu não sou vilão!” e, portanto, não vai utilizar a frase portanto, será o

comportamento incorrecto, etc., etc., pronto!, e isso foi o e até, inclusivamente, ele disse: “Já estou estou a ser convocado pelo Conselho de Disciplina ” até podias dizer ao Adelino Caldeira que ele vai ser ouvido pela Comissão Disciplinar da Liga ( ) Não convém dizer nada só nós é que sabemos, não é? PC - Claro, claro! PS - ( ) Agora, ficaria bem, pá, ouve lá!, e ajudava muito, vê lá se podias fazer isso, pá, que alguém do FC Porto, talvez o Reinaldo Teles e o Deco telefonarem a pedir desculpa, pá! ( ) vês algum inconveniente nisso?

PC - O Reinaldo não vejo problema ( PS - E o Deco! E o Deco! PC - Ó!, muito menos! Ah, ah, ah! PS - Porquê? PC - Mas foi ele que deu a ideia, não? PS - Foi ele que deu a ideia, pá ( ) Pelo menos podiam pedir-lhe desculpa, não é? PC - Mas ele, quem? PS - Ele! Ele, Paraty!, como é evidente!

)

portanto, ele até

)

CONVERSA ENTRE ADELINO CALDEIRA E PINTO DA COSTA

Adelino Caldeira telefona a Pinto da Costa a dar-lhe conta da punição que será aplicada a Deco.

Adelino Caldeira (AC) - Olhe, não comente até segunda-feira se não eles apanham o meu informador!

jogos!

Pinto da Costa (PC) - Está bem era o que calculava, não é? AC - Não, calculava dois e estava com medo dos gajos, porque os gajos realmente são uns cabrões, pá! Agravaram em um até mandou proposta para o instrutor! Para nós é igual porque ele não jogar no Marítimo é igual mas é uma filha

da putice destes gajos! Ainda gozaram lá com a situação, os cabrões!

mas deu três

CONVERSA ENTRE DECO E PINTO DA COSTA

Pinto da Costa fala com Deco e combina que o jogador deverá ameaçar que não joga na Selecção. Só assim poderá atemorizar a Federação para que diminua o castigo.

Pinto da Costa (PC) - Estou! Deco (D) - Sim. PC - Estou! É presidente! (

não é? (

D - Hum

PC - uma coisa a dizer do género de: “Pode estourar uma bomba ofendido com o que foi dito aquele termo de

“indigno” e o castigo”.

D - Hum.

PC - e tal

que tu dissestes hoje!

D - Sim, sim

PC - “ofendido com a perseguição que lhe está a ser feita, se calhar, vai pedir dispensa de jogar no no na Selecção ou

“Pode estourar uma bomba, que é possível que o Deco, desgostoso com a perseguição ” – dentro daquilo

)

Estou-te a falar pelo seguinte amanhã, como sabes nós metemos o recurso do teu castigo,

)

e vai sair naquela coisa do “Pato”

no Europeu” uma coisa assim, estás a perceber?

D - Hum, hum!

PC - que é como forma de pressão para

D - Hum, hum

PC - para o Conselho! Portanto, se amanhã alguém te perguntar se isso é verdade, se não é, o que pensas, tu dizes:

“Desculpe, sobre isto não falo nem uma palavra! Na altura própria, eu eu direi ”

CONVERSA ENTRE ANTERO HENRIQUES E PINTO DA COSTA

Pinto da Costa recebe uma chamada de Antero Rodrigues, que já está a par da pressão exercida sobre a Federação e comenta a ameaça de Deco não jogar.

PC - Sim?

A - Presidente, bom dia!

PC - Então?

A - Esta do “Pato”, do Deco vou-lhe dizer uma coisa, pá! PC - Como é que vem?

A - Vem espectacular, pá!

PC - Como é que está?

A - Acho que é uma chantagem fantástica!

eu sabia que o presidente era um génio mas esta!, foda-se!

CONVERSA ENTRE GILBERTO MADAÍL E PINTO DA COSTA

Pinto da Costa recebe uma chamada de Gilberto Madaíl e faz a mesma ameaça. Diz que Deco admite abandonar a Selecção por causa do castigo da Liga.

Pinto da Costa (PC) - Estou? Gilberto Madaíl (GM) - Como é que está o meu amigo? PC - Óóó, oó!, então? ( ) PC - Olhe, eu preciso de falar com o meu amigo, mas tem tempo ( posição sobre a Selecção GM - Ai é? Hum

PC - é! Porque aquilo é muito grave o que foi dito, nós já temos a informação de que quem escreveu aquilo foi o próprio presidente do Conselho de Disciplina e entendo que se não houver uma reparação, se ele é indigno, não deve

jogar pela Selecção!

GM - Mas o presidente do Conselho de Disciplina já escreveu? PC - escreveu no relatório no acórdão, quando foi castigado ( ) ele diz que se não houver uma reparação, seja de quem for, ou da Federação a desmarcar-se do GM - Não, tem que ser! PC - daquilo, ele ele, depois do Real Madrid vai pedir escusa da Selecção! GM - Hum presidente, eu vou ver isso obrigadinho por me ter avisado!

)

é só depois do Real Madrid. O Deco vai tomar uma

(

)

CONVERSA ENTRE VALENTIM LOUREIRO E PINTO DA COSTA

A Federação diminui o castigo a Deco e Pinto da Costa telefona a Valentim Loureiro a dar-lhe conta disso.

PC - Estou, sr. Major! Como está? VL - Então como é que vai o meu amigo? Está na Madeira, cara no bananal! PC - Então mais uma mais uma vez desautorizados ! VL - Em quê? PC - No Deco! Baixou de três para dois! VL - Já se sabia, carago! PC - Já se sabia? Mas é uma esses gajos não têm vergonha, caralho!, se tivessem vergonha. VL - Ó Jorge! PC - Eu vou eu vou sabe o que é que vou dizer? VL - Ó você vai dizer! PC - “É é pena que para ser juiz não seja preciso ter vergonha!” VL - Ó não diga isso. PC - Eles depois que me processem! VL - Hum, não diga isso, pá! As várias instâncias podem sempre ( ) os tribunais é a mesma coisa! Você não viu agora o caso do Ritto e da Rita e dessa gente toda. PC - Ó ó Major, o que é engraçado é que é sempre é sempre do VL - Enquanto, enquanto lá estiver o Mortágua, é assim, pá! PC - É e enquanto estiver o Cebola VL - é a resposta é a resposta que eles podem dar, pá! PC - É ? VL - É! PC - Então que “deiam”! Que “deiam”! ( )

PC - Major, Major! VL - Diga! PC - mas você, um dia vamos os três Eu, você e o Mortágua e depois o Mortágua conta-lhe coisas! VL - Óptimo! Pronto ! Se ele me contar, pá sei lá! Sei lá disso! Mas quê?!, do Gomes da Silva? PC - O pior de todos é um tal Cebola

VL - O Cebola

Famalicão ou não sei quê!, pá!

conheço, pá! Cebola ?!

PC - É de Coimbra! É um gajo de Coimbra VL - Não sei quem é! E e e é quê? do Benfica? PC - Não sei o que é! Sei que é o mais anti-Porto possível! Isto dito pelo Mortágua!

mas eu nem sei quem ele é o Cebola eu só conheço este gajo e um rapaz agora novo, que apareceu de

substituiu um outro gajo que foi para Timor ou para o caralho, pá! De resto, nem os

Cebola, até cheira mal, pá! Cebola

Outras observações;

BARCELONA Deco saiu do FC Porto no final da época 2003/2004, quando o clube se sagrou campeão europeu. Nos últimos anos, foi um dos mais rentáveis negócios dos azuis-e-brancos.

15 MILHÕES EM CAIXA O acordo com o Barcelona, oficializado a 6 de Julho de 2004, estabeleceu o pagamento de 15 milhões e a aquisição dos direitos desportivos do jogador Ricardo Quaresma.

AGRESSÃO DAVA SUSPENSÃO A agressão ao árbitro poderia ser punida com vários meses de suspensão. Dois anos antes, um caso semelhante tivera como interveniente João Pinto, durante o Mundial da Coreia/Japão.

JOGADOR FUNDAMENTAL Na época 2003/2004 o FC Porto ganhou os mais importantes títulos nacionais e europeus. A participação de Deco era fundamental para alcançar os objectivos portistas.

JUIZ NEGA PEDIDOS O juiz António Mortágua assegurou ontem ao CM que nem ele nem qualquer um dos seus dois filhos “tem ou teve qualquer contrato de trabalho” celebrado com a Câmara Municipal de Gondomar.

1.

Apito Dourado e Apito Final - recortes de imprensa

19

1.5 01/02/2004 Sporting 1 - 1 FC Porto

Escutas Apito Dourado

01/02/2004 Sporting 1 - 1 FC Porto 20ª Jornada

Após o jogo, Pinto da Costa liga para o Major Valentim Loureiro e pede que seja instaurado um processo sumaríssimo a Liedson por ter dado uma cotovelada a Jorge Costa. Ambos discutem o caso da camisola rasgada de Rui Jorge. Pinto da Costa insulta José Eduardo Bettencourt e o roupeiro do Sporting.

Conversa entre Pinto da Costa e Valentim Loureiro

02/02/2004

Valentim: Estou? PC: Estou? Valentim: Sim PC: Senhor presidente! Valentim: Oh ilustre amigo. Então? Como é que vão as coisas?

PC: Ainda

Valentim: Não! A dormir?! Estou já acordadíssimo! PC: Ah Ah Ah Valentim: Está tudo aí à pancada, carago

estava

a dormir, não?

Pinto da Costa: Está tudo à pancada. Valentim: Eu ontem não vi o jogo do Boavista. Estive a jantar com o PC: Ahh

ministro

lá o Teaias, do ambiente

e

Valentim: E não havia lá televisor e

e eu não vi

ahahah

mas depois apercebi-me

 

PC: Não, foi correto! Valentim: Foi uma merda do caralho PC: Não podem pôr cadeiras ahahahah

PC: Foi igual

foi igual ao que os gajos do Sporting fizeram no Restelo! Atiraram com as cadeiras!

 

VL: Ah sim, sim, mas eu não vi! A minha mulher é que me esteve depois a contar! PC: É, andou tudo à batatada

 

Valentim:

E o caralho, isto é uma merda! Isto tá tudo

PC: Olhe uma coisa

Valentim: Diga. PC: Ó Major, estou-lhe a falar pelo seguinte

o Liedson

logo no princípio do jogo

a televisão mostra!

dá uma

cotovelada no Jorge Costa Valentim: Vê-se??

PC:

Valentim: Hum

PC:

Valentim: Está bem, vou ver. PC: Não é? Não é preciso a gente estar-se a queixar, não é? Valentim: Vou ver, vou ver. PC: O sr vê-me isso, a sério?

era preciso que os gajos fizessem

portanto

Vê-se perfeitamente

Ó pá

o sumaríssimo!

Valentim: Vou falar, vou falar PC: Está!Ok! Valentim: Ora bem. Eu não

PC: Leia. Mas ainda Valentim: Ai sim? PC: Ontem no resumo

Valentim: Deu a quem?? No PC: Aliás, há, hoje no jornal

Valentim: Ahh

PC: Aliás, há um jornal hoje que fala nisso! Então esperemos agora pelo sumaríssimo.

Valentim: Mas como é que

PC: Hã?? Valentim: Como é que foi a cena da camisola?

PC: Opá, a cena da camisola é muito simples: os gajos no fim, foram lá para trocar a camisola e o Mourinho pegou na camisola do Rui Jorge e disse: "Deste gajo não troca com ninguém que este gajo Valentim: Sim

PC:

deixei-o publicamente de mão no ar, perante Valentim: Pois eu sei!

PC:

camisola! Como se um gajo pudesse rasgar a camisola assim sem mais nem menos! Não, vamos-lhe pôr um processo-crime! Agora Valentim: Eheheh

PC: Agora o gajo vem com a desculpa de que foi o roupeiro

Isso a mim não me interessa! Até pode dizer que foi o cão, não é? Quem disse foi o gajo!

que foi o Mourinho que não sei quê?!

PC: O

Valentim: Eu ouvi! Isso eu ouvi, pronto!

PC:

Valentim: Mas quem é que disse que

mas eu vi o jogo pá.

até ontem no resumo mostrou!

no resumo mostrou. O gajo salta e dá-lhe uma cotovelada no pescoço

?

dá a quem, dá a quem?

o Liedson no Jorge Costa!

ê-se perfeitamente!

Jorge Costa!

como é que se dá isso? Como é que foi a cena lá da camisola, porra?!

este gajo é indigno

e o gajo

o

o cabelo branco, como estava lixado, porque antes do jogo deixei-o

eu

perante os funcionários

deixei-o de mão no ar

e o gajo então fez aquela cena de que o Mourinho rasgou a

que é um atrasado mental, o tal Paulinho

que disse!

o

o Bettencourt veio dizer

Que quem disse foi o roupeiro, que é aquele atrasado mental

Valentim: O roupeiro deles?

PC: Sim

PC: Está a perceber? Valentim: Enfim! Isso

PC: É

Valentim: Está bem!

PC:

Valentim: Eu vou falar ao homem! PC: Está!Um abraço! Valentim: Está! Um abraço, até logo.

que é o Paulinho, aquele gajo que é atrasado mental!!!

é preciso algum folclore nesta merda!

mas, ó major, mas veja lá isso

do

do coiso, então!

22

1.6 Escutas no Caso Mourinho

Escutas no Caso Mourinho

Fonte: anti-corrupcao.150m.com e Correio da Manhã

As escutas telefónicas anexas ao processo ‘Apito Dourado’ entre dirigentes do FC Porto indiciam que José Mourinho insultou mesmo Rui Jorge, dizendo que gostava que o jogador do Sporting tivesse morrido em campo e que lhe terá rasgado a camisola após o encontro entre portistas e verde-e-brancos, realizado no dia 31 de Janeiro de 2004.

As conversas mantidas entre os dirigentes portistas depois do encontro de Alvalade e as pressões exercidas junto da Liga para que Mourinho não fosse castigado revelam ainda que os factos seriam pelo menos do conhecimento de Pinto da Costa, Antero Henriques (actual número dois da SAD portista) e Adelino Caldeira (administrador da mesma SAD). As transcrições mostram os dias que se seguiram aos incidentes, até ao desfecho do caso que terminou com a suspensão do treinador por dez dias e aplicação de uma multa de três mil euros. Um castigo ‘leve’, atendendo ao que havia sido admitido como possível pelos dirigentes portistas.

Para pressionar Valentim Loureiro, Pinto da Costa chegou mesmo a simular uma ‘rebelião’ de jogadores que ameaçavam não jogar na Luz, reunião que nunca terá existido e que foi apelidada por Pinto da Costa numa conversa com Adelino Caldeira como sendo uma “tanga”. O mesmo termo (“tanga”) foi ainda usado por Antero Henriques para qualificar a história que teria de ser inventada pelos dirigentes do FC Porto sobre os acontecimentos à entrada dos balneários em Alvalade.

Durante dias, os dirigentes desdobraram-se em conversas e a punição da Comissão Disciplinar da Liga acabou por ser bastante inferior ao que os próprios admitiram.

Adelino Caldeira também pediu a Pinto da Costa que alguém abordasse o delegado da Liga, para que aquele alterasse o que havia escrito no relatório.

CONVERSA ENTRE PINTO DA COSTA E ANTERO HENRIQUE

Horas depois do caso Mourinho, Antero Henrique, dirigente da SAD, prepara com Pinto da Costa as primeiras explicações para negar os insultos de Mourinho e o caso da camisola rasgada.

Antero Henrique(A) - Foda-se! Não dormi um caralho! Estou com uma enxaqueca, pá.

Pinto da Costa (PC) - Filhos da puta

A - Embora eu ache que o Mourinho, no final, também se exaltou muito! PC - É, um bocado.

A - É! Aquela história de dizer que o Rui Jorge morreu em campo e PC - Ele disse aonde?

A - Ele diz que disse cá em baixo, disse cá em baixo, junto a

‘Bola’ e para o ‘Jogo’ a desmentir! A dizer que ele estava a dizer que era mentira!

]

A - É

PC - Arranjar que ele foi provocar para a porta do balneário!

A - É. E que o Mourinho disse que: “Esta camisola é indigna de ser trocada. Porque se a tivesse rasgado não a mandava

outra vez para o balneário do Sporting.” *

[

]

Tínhamos morto esta merda ontem [

]

quando estava a malta toda ali! Mas eu liguei para a

PC - Não, não! Não

não é desmentir! A gente tem é de processar o gajo que diz! [

e em relação à camisola, também tem de se arranjar ali uma tanga, presidente!

+

É! Temos de arranjar aí uma tanga, senão saímos por baixo desta merda

toda.

PC - Mas já falou com o Mourinho, não?

A - Não, não, não. Vou agora com ele ver o Rio Ave, agora, às quatro horas!

PC - É

A - Não, por isso é que vou com ele! Por isso é que vou com ele! PC - E amanhã é um processo-crime contra

A - É

diga-lhe só

mas diga-lhe, é pá! Ele que não preste dec

PC - Esse Bettencourt e os jornais carago!

A - É que esse gajo é mesmo um cobarde!

CONVERSA ENTRE VALENTIM LOUREIRO E PINTO DA COSTA

No dia 2 de Fevereiro, Pinto da Costa toma conhecimento de que Mourinho terá um processo disciplinar e que não haverá qualquer processo contra Liedson, jogador do Sporting, que alegadamente teria agredido Jorge Costa. Zangado, liga para Valentim Loureiro a pedir explicações.

Valentim Loureiro (VL) - Estou! Pinto da Costa (PC) - Sr. presidente, como está? VL - Ilustre amigo! PC - Eu estou um bocado fodido com o meu amigo! VL - Comigo?

PC - Então! Eu falo-lhe no Liedson

VL - Isso ainda não está decidido, pois não? PC - Está! Então! O processo disciplinar

VL - Eu cheguei agora à Liga [ PC - Oh VL - Foi algum comunicado?

PC - Estou a dizer-lhe! Processo disciplinar ao Mourinho! VL - Ó pá, desconheço isso em absoluto! Cheguei agora!

PC - E ao Liedson nada! [

uma coisa e pronto! E o treinador tem um processo disciplinar! VL - Jorge, eu vou ver isso, está bem? PC - Está!

o Liedson não apanha nada, põe um processo disciplinar ao Mourinho!!!

]

Como é que você sabe?

]

Vai um gajo à televisão dizer que o Paulino, que o Paulino que é um atrasado mental disse

CONVERSA ENTRE PINTO DA COSTA E ADELINO CALDEIRA

Quatro horas depois de ter falado com Valentim, Pinto da Costa recebe um telefonema de Adelino Caldeira, também administrador da SAD, que já conhecia o relatório do árbitro.

Pinto da Costa (PC) - Estou? Adelino Caldeira (AC) - Estive a ver o relatório, pá Paulino, sabe quem é? PC - Sim, sim AC - O gajo escreve que viu! A história da camisola! [ PC - Oh!

AC - Pois, está bem! Agora, ó presidente, das duas uma: ou se arranja alguém que chegue ao pé do gajo, que o gajo vá

dizer que não viu mas que lhe foram contar no mínimo!

ali há uma coisa complicada! O

aquele cabrão de Braga, o

]

É o que ele escreve, presidente!

ou se o gajo mantém essa versão no relatório, no mínimo uma semana,

PC - É um filho da puta! [

AC - Ó presidente, quer que eu fale com ele?

PC - O Zé. Eu falo com o Zé Mário!

AC - É que

diz a seguir: e quanto à afirmação veio contar-me o Bettencourt! Portanto! PC - Ah!

AC -

também me contaram!”

PC - Pois.

AC - Ó pá! É tão simples quanto isso! É que se não aquilo dá um mês de pena mínima, no caso dos treinadores é

reduzido para 25 por cento!

pode dar e depois e

por causa do passado do Mourinho! ou quatro

PC - É

] Quem se dá

quem se dá bem com ele é o Zé Mário!

atenção! Ou o gajo chega lá

o gajo, o gajo não chega lá a dizer que viu! Porque ele

porque ele, depois

o que se presume que ele viu! Agora o que ele pode dizer como está lá escrito no relatório! – “Não, a mim

é pá, que dá um mínimo de uma semana

[

]

Não tem hipótese nenhuma mas

ó pá,

estes cabrões

pode dar sempre duas a três semanas. E se eles derem por exemplo três meses

25 por cento é um mês não é? [

]

mas eu falo com ele amanhã.

CONVERSA ENTRE PINTO DA COSTA E ADELINO CALDEIRA

No dia seguinte, 4 de Fevereiro, Pinto da Costa e Antero falam logo pela manhã. Antero Henrique está preocupado com Mourinho que entende não ter recebido a necessária solidariedade dos dirigentes portistas.

Pinto da Costa (PC) - Estou!

Antero Henriques (A) - Devia ir a Gaia, que o gajo está todo atrofiado! PC - Porquê? Lá por causa

A - Estive agora a falar com ele, diz que não sente da parte do clube

sozinho!

PC - Não sente, da parte do clube?

A - Não!

PC - Uma grande defesa???

A - Disse-lhe: “Ó pá, isso não tem jeito nenhum!”

pessoas vão dizer que

PC - Não! Nós já ontem pusemos uma coisa no site

A - Eu sei, eu sei, eu sei. Mas ó presidente, eu acho que devíamos ir com uma queixa-crime para cima do delegado da Liga se fosse possível!

PC - Isso é a minha ideia!

A - Se fosse possível

uma defesa que vai

que vai

vai avançar

diz: “Ó pá, mas pronto! Não, não sinto uma solidariedade pá

*

+

as

pede desculpa ao Sporting” e o caralho

falar com o Adelino, se é tecnicamente possível

Avançar já com essa merda!

CONVERSA ENTRE PINTO DA COSTA E VALENTIM LOUREIRO

Minutos depois de terminar a conversa, Pinto da Costa telefona a Valentim e ameaça que os jogadores não vão à Luz se Mourinho for punido. A intenção no entanto nunca existiu, como se comprova em outros telefonemas.

Pinto da Costa (PC) - Eu precisava de falar consigo porque isto está a tomar proporções que vai dar uma bronca do

carago!

Valentim Loureiro (VL) - Então? PC - Eu estou aqui no centro de estágio

VL - Hum PC - e querem faltar ao jogo da Luz! VL - Faltar?

e os jogadores estão reunidos

PC - Sim VL - Oh! PC - Perdem os três pontos, não há problema! VL - Oh, oh, oh.

PC - Não querem e o Mourinho vai processar judicialmente o delegado da Liga! Já entregou a um advogado!

VL - Hum PC - Eu

VL - Então ligue-me, lá para o meio-dia.

Você vem para baixo? eu estou aqui, estou a falar com eles

estão reunidos [

]

Depois vou para a torre das Antas!

CONVERSA ENTRE PINTO DA COSTA E ANTERO HENRIQUE

O actual número dois do Porto depois de se reunir com José Mourinho liga a Pinto da Costa a contar-lhe o estado de espírito do treinador. Por sua vez, Pinto da Costa relata a Antero a conversa com Valentim e conta-lhe que disse que os jogadores ameaçavam não ir à Luz.

Pinto da Costa (PC) - Esteve com o homem?

Antero (A) - [

correu com o Major, presidente? PC - Ó pá, disse-lhe que havia a bomba de podermos dia 14

eu sei que não adianta nada, mas pelo menos, olhe, vamos ter a oportunidade de dizer ao mundo do futebol porque é

que temos de fazer isto!”

]

Ele está um bocado atrofiado

mas ó presidente, ele também é incoerente, percebe? [

faltar! Ele entrou em pânico

]

Como é que

e eu disse-lhe: “Ó Major,

CONVERSA ENTRE PINTO DA COSTA E ADELINO CALDEIRA

Terminado o telefonema com Antero, Pinto da Costa telefona a Adelino Caldeira e conta-lhe da ameaça de não jogarem com o Benfica. Ao administrador da SAD, Pinto da Costa diz que aquilo não passou de uma tanga e que serviu para assustar Valentim. Caldeira promete ligar depois ao Major a meter “veneno” sobre a mesma matéria. E no dia seguinte volta a ligar a Pinto da Costa porque já “conseguira” mudar o relatório do observador.

Adelino Caldeira (AC) -Ameaçou com o Estádio do Benfica?

Pinto da Costa (PC) - Exacto, fiz uma tanga quando estava a falar com ele, de modo que o gajo ficou em pânico. [

AC - O relatório, segundo o relatório, diz claramente que não viu nada o que escreveu! Portanto melhor que isto é impossível!

PC - É impossível, está bem! [

AC - Portanto o relatório limpa tudo completamente, OK? PC - OK.

AC - Diz exactamente isso. Claro que o gajo vai ser sacrificado, se calhar vai ter de lhe deitar a mão, mas também o gajo

foi um filho da puta, escreveu primeiro portanto

e que foi só o Bettencourt que lhe contou tudo

]

]

que se lixe, né?

GOMES DA SILVA

Adelino Caldeira diz a Pinto da Costa que falou com o juiz Gomes da Silva, da Comissão Disciplinar da Liga, porque Mourinho só podia ser ouvido após ter recebido a nota de culpa.

Adelino Caldeira (AC)- Antes do sr. ligar pedi uma chamada para o Gomes da Silva. Foi combinado entre mim, o dr. Gomes da Silva e o Major que o sr. José Mourinho só seria ouvido depois de receber a nota de culpa. Porque eu quero que ele seja acusado só naquele artigo que dá multa, que foi o que nós combinámos.

ANTERO HENRIQUE: INCIDENTES DESMENTIDOS AOS JORNAIS

“Ele disse cá em baixo, junto a

A dizer que era mentira!”

quando estava a malta toda. Mas eu já liguei para a ‘Bola’ e para o ‘Jogo’ a desmentir!

CALDEIRA QUER MUDAR DEPOIMENTO

“Ou se arranja alguém que chegue ao pé do gajo, que o gajo vá dizer que não viu mas que lhe vieram contar *

o gajo mantém a versão é uma semana no mínimo.”

+ ou se

PINTO DA COSTA: AMEAÇA DE BOICOTE NA LUZ

“Fiz uma tanga *os jogadores não irem jogar à Luz+ quando estava a falar com ele de modo que o gajo *Valentim+ ficou em pânico.”

J. BETTENCOURT: RELATÓRIO FOI MUDADO

“O relatório limpa tudo *

escreveu! Melhor era impossível.”

+ diz claramente que não viu nada

e que foi só o Bettencourt que lhe contou tudo o que

GOMES DA SILVA: COMBINAR COM JUIZ DATA DA AUDIÇÃO

“Foi combinado entre mim, o dr. Gomes da Silva e o Major que o sr. José Mourinho só seria ouvido depois de receber a

nota de culpa. *

+

Foi isso o que nós combinámos”

Notas;

INQUÉRITO EM CURSO Carlos Teixeira, procurador de Gondomar, considerou que as escutas que o CM divulgou configuravam suspeitas do crime de tráfico de influências. O inquérito ainda está a correr.

CONDUTA VIOLADORA

A Comissão Disciplinar da Liga concluiu que os incidentes em Alvalade eram reveladores de “conduta violadora de

deveres elementares”. Mourinho foi castigado com dez dias de suspensão.

CONSCIÊNCIA Os elementos da CD Liga concluem ainda que o técnico do FC Porto, José Mourinho, agiu com “consciência da ilicitude”

e “censurabilidade da sua conduta”.

JUIZ NEGA EMPREGO António Mortágua, um dos juízes apanhado nas escutas do ‘Apito Dourado’, negou ao CM que o filho tenha alguma vez trabalhado na Câmara de Gondomar.

CAMISOLA RASGADA O Relatório da Comissão Disciplinar da Liga deu como provado que o roupeiro do FC Porto regressou do balneário portista com uma camisola do Sporting rasgada.

28

1.7 Uma rede de informao bem montada - As conversas proibidas

Uma rede de informação bem montada - As conversas proibidas

Fonte: anti-corrupcao.150m.com e Correio da Manhã em 18-04-2007

As escutas do ‘Apito Dourado’, anexas ao processo em investigação, mostram Pinto da Costa a conversar com frequência com Pinto de Sousa, combinando os árbitros que iriam dirigir os jogos da Taça.

Revelam também que o dirigente portista que ontem completou 25 anos sobre a data em que pela primeira vez foi eleito presidente do FC Porto sabia antecipadamente os castigos dos seus atletas (nas edições de domingo e segunda-feira o CM já tinha revelado que Pinto da Costa soube antecipadamente dos castigos a aplicar a Deco e Mourinho) e mostram também o presidente portista a conversar com Pinto de Sousa sobre as classificações dos árbitros.

Nem todas as escutas que hoje revelamos deram origem a inquéritos autónomos, mas todas foram usadas por Carlos Teixeira, o magistrado de Gondomar responsável pelo inquérito, para demonstrar o poder de Pinto da Costa no mundo do futebol.

Um poder relacionado com os 45 anos que leva como dirigente do FC Porto em várias modalidades, mas desde 1976 sempre ligado ao futebol, primeiro como chefe do departamento de futebol e depois como presidente do clube, a partir de 1982.

Só entre 1980 (ano do chamado ‘Verão Quente’ portista) e 1982 Jorge Nuno de Lima Pinto da Costa, que completará 70 anos no próximo dia 28 de Dezembro, esteve afastado do clube, mas não do futebol pois nesse período continuou a ter muitos contactos com jogadores e treinadores, nomeadamente José Maria Pedroto.

José António Pinto de Sousa, que aparece nas escutas como presidente do Conselho de Arbitragem da FPF, era um dos vários amigos de juventude que também fizeram carreira no desporto. Esta é aliás uma das justificações que tem apresentado nos vários interrogatórios a que foi sujeito para justificar a aparente familiaridade com o dirigente.

30

1.8 Pinto da Costa acusado de corrupcoo desportiva

Pinto da Costa acusado de corrupção desportiva

Fonte: record.xl.pt | Terça-Feira, 12 Junho de 2007 - 20:31

Reinaldo Teles também foi indiciado

Pinto da Costa acaba de ser acusado formalmente do crime de corrupção de desportiva.

O presidente dos dragões é suspeito de ter subornado uma equipa de arbitragem por troca de favores sexuais com

prostitutas. Em causa o jogo entre o FC Porto e o Estrela da Amadora de 2004, também conhecido como o "jogo da

fruta".

Além de Pinto da Costa também foram acusados Reinaldo Teles, admnistrador da SAD portista, António Araújo, empresário de futebol, e os árbitros Jacinto Paixão, José Chilrito e Manuel Quadrado, tendo sido notificados em simultâneo.

Recorde-se que Pinto da Costa já tinha sido ilibado há 14 meses neste mesmo processo da prática de corrupção desportiva activa. Mas em Janeiro deste ano, Maria José Morgado, responsável pelo processo Apito Dourado, decidiu reabrir os autos depois de ler o livro de Carolina Salgado, ex-companheira do dirigente portista, e cumprindo também ordens directas do Procurador-Geral da República, Pinto Monteiro, para que os factos fossem apurados.

Entretanto, uma fonte citada pela Agência Lusa revelou que o presidente dos dragões, que se encontrava de férias no Algave, já viajou para o Porto para tomar conhecimento da acusação.

A mesma fonte referiu que o processo Apito Dourado deverá estar concluído até ao final do mês e que poderá haver novos desenvolvimentos ainda esta semana.

Os factos

Pinto da Costa foi ouvido em Dezembro de 2004 no Tribunal de Gondomar, tendo sido confrontado com o teor das escutas telefónicas que manteve com o empresário António Araújo, no dia do jogo com o E. Amadora, depois de Jacinto Paixão ter telefonado a pedir-lhe o serviço de prostitutas.

A PJ concluiu que o empresário telefonou de imediato para Pinto da Costa a explicar que lhe haviam ligado a "pedir

fruta", para um tal "JP", esclarecendo ainda que era para "dormir", pergunta a que o presidente do FC Porto respondeu

ter sido mandada.

O

Ministério Público entendeu da conversa que já não era a primeira vez que se enviava "fruta" a árbitros - termo

correspondente a prostitutas -, referindo que, de imediato, Araújo telefonou a uma brasileira, Claúdia Gomes, que

trabalhava como "alternadeira", para esta arranjar três prostitutas para essa noite.

A investigação detectou que o Estrela de Amadora terá sido prejudicado durante o jogo, que perdeu por 0-2,

nomeadamente com um golo em "fora de jogo", atribuindo o facto às três mulheres contratadas para uma noite de prazer, no hotel onde estavam hospedados.

Refere que António Araújo esperou pelos três árbitros com as três mulheres, a quem pagou 150 euros a cada, apresentando-as quando chegaram e indicando que poderia tratar um deles por Paixão.

No final do jogo, o trio de arbitragem - que assumiu a confraternização com as prostitutas - jantou numa marisqueira em Matosinhos, com Reinaldo Teles, vice-presidente do FCP, e onde apareceu Pinto da Costa, que pagou a conta.

Confrontado com o telefonema, Pinto da Costa disse que o FC Porto devia 130 mil dólares a António Araújo, que é co- proprietário do clube brasileiro Corinthians Alagoano, justificando desta forma as boas relações entre os dois, explicando ainda que Araújo passa muito tempo no Brasil, pelo que tem uma forma de falar abrasileirada, na qual "fruta" queria dizer dinheiro, no caso de uma dívida que estaria a ser saldada.

Sobre as iniciais JP utilizadas na conversa telefónica, afirmou que se estavam a referir a outro indivíduo com um nome parecido, amigo do empresário para quem eram as companhias em causa e que era casado, o que exigia sigilo.

No final do inquérito, o DIAP/Porto decidiu arquivar o processo com base em que "as provas recolhidas, reproduzidas em julgamento, sobretudo numa fase processual em que vigora o princípio "in dúbio pró reo", não teriam a virtualidade de conduzirem à condenação dos arguidos.

"As provas não permitem afirmar, com um grau de certeza razoável, que os ditos serviços foram oferecidos e aceites com o sentido da contrapartida de uma actuação fraudulenta por parte da equipa de arbitragem", concluiu o DIAP.

1.

Apito Dourado e Apito Final - recortes de imprensa

33

1.9 Agressoes a Bexiga - Pinto da Costa arguido

Agressões a Bexiga Pinto da Costa arguido

Fonte: diario.iol.pt

Investigadores já fizeram reconstituição do crime. Há mais quatro suspeitos

O presidente do Futebol Clube do Porto, Pinto da Costa, foi constituído arguido no processo relacionado com as

agressões ao antigo vereador socialista de Gondomar, Ricardo Bexiga.

O PortugalDiário confirmou a notícia avançada pelo «Correio da Manhã» e soube ainda que a equipa da procuradora-

geral adjunta, Maria José Morgado, já esteve no Porto a fazer a reconstituição do crime no parque de estacionamento

da Alfândega.

De acordo com informações recolhidas pelo PortugalDiário, além dos três arguidos já constituídos [Carolina Salgado, Fernando Madureira, líder da claque dos Super Dragões e agora Pinto da Costa] a equipa investiga ainda o envolvimento de pelo menos mais quatro indivíduos que, cerca de três semanas antes das agressões, se dirigiram ao escritório de Ricardo Bexiga, na zona da Alfândega, a pretexto de uma consulta sobre direito penal.

Intrigado com o aspecto dos suspeitos, o ex-autarca terá querido saber quem tinha dado a referência daquele escritório, tanto mais que o causídico não trabalha na área penal. Apanhados de surpresa com a pergunta, um dos indivíduos ainda terá respondido que tinha sido o avô a sugerir o advogado Ricardo Bexiga.

A conversa terminou com os quatros homens a saírem precipitadamente do escritório. A equipa acredita tratar-se de

elementos ligados à claque de futebol Super Dragões e que pretenderiam conhecer pessoalmente o alvo a agredir.

Recorde-se que o ex-vereador Ricardo Bexiga foi espancado por dois homens encapuzados, no dia 25 de Janeiro de

2005.

As agressões aconteceram por volta das 19h30 desse dia, quando o advogado saía do seu escritório, no Porto, e se dirigia para a viatura, estacionada no parque da Alfândega.

Os agressores atacaram-no com uma trave de madeira, entre dois carros estacionados no parque, durante cinco minutos. Bexiga ainda tentou esquivar-se, mas não conseguiu evitar um corte na cabeça, tratado com 17 pontos, e várias outras contusões, pelas quais foi assistido no Hospital de Santo António.

Quando depôs no Ministério Público, a ex-companheira de Pinto da Costa terá referido o envolvimento de quatro ou cinco pessoas nas agressões ao ex-vereador socialista, entre intermediários e executantes directos das ofensas corporais.

No livro «Eu Carolina», a ex-companheira de Pinto da Costa conta que foi ela que contactou directamente os indivíduos que deveriam agredir o ex-vereador socialista de Gondomar. Referia ainda que Pinto da Costa acreditava ter sido aquele socialista o responsável pelo espoletar das investigações do processo «Apito Dourado».

Para tal, referiu que o presidente do F.C. Porto lhe entregou dez mil euros em dinheiro para que pagasse aos autores materiais das agressões.

Pinto da Costa já desmentiu a ex-companheira e anunciou a intenção de a processar criminalmente.

Pinto da Costa queixa-se de «difamação»

Ouvido pelo PortugalDiário, o advogado do presidente portista, Gil Moreira dos Santos, não confirmou nem desmentiu a constituição como arguido alegando o facto de o processo estar em segredo de justiça.

Além disso, desvalorizou as notícias que dão Pinto da Costa como arguido em vários processos [«para sermos arguidos em Portugal, basta estarmos vivos e haver alguém que se lembre de nós», ironizou], acrescentando, no entanto, a intenção de processar o «Correio da Manhã» pelo facto de ter alegadamente difamado o seu cliente ao escrever na primeira página: «Pinto da Costa mandante das agressões a Bexiga».

14-03-2007 17:12h Por: Cláudia Rosenbusch

36

1.10 Lider dos Super Dragoes constituido arguido

Lider dos Super Dragões constituído arguido

Fonte: anti-corrupcao.150m.com e Correio da Manhã

O líder da claque dos Superdragões, Fernando Madureira, foi ouvido esta quinta-feira na PJ do Porto pela equipa de

Maria José Morgado e constituído arguido no caso das agressões ao vereador da câmara de Gondomar Ricardo Bexiga, a 25 de Janeiro de 2005.

Isto mesmo confirmou o arguido à saída das instalações da PJ, cerca das 13 horas, exactamente duas horas após ter entrado no edifício. O líder da claque portista escusou-se a prestar mais declarações.

O PortugalDiário sabe que Fernando Madureira aceitou responder às questões dos investigadores e que negou o seu

envolvimento no crime.

Fernando Madureira foi ouvido na sequência das declarações à PJ, em Janeiro deste ano, da ex-companheira de Pinto da Costa, Carolina Salgado, que o terá envolvido no crime.

De acordo com informações recolhidas pelo PortugalDiário, no depoimento que fez no Ministério Público, a ex- companheira de Pinto da Costa terá referido o envolvimento de quatro ou cinco pessoas nas agressões ao ex-vereador socialista, entre intermediários e executantes directos das ofensas corporais, tudo indicando que a alegada mandante do crime desconhece as pessoas que efectivamente o executaram.

No livro «Eu Carolina», a ex-companheira de Pinto da Costa conta que foi ela que contactou directamente os indivíduos para encomendar uma tareia ao ex-vereador socialista de Gondomar que Valentim Loureiro e Pinto da Costa acreditavam ter sido responsável pelo espoletar das investigações do processo Apito Dourado.

Para tal, referiu que o presidente do F.C. Porto lhe entregou dez mil euros em dinheiro para que pagasse aos autores materiais das agressões.

O líder dos Superdragões disse à entrada das instalações da PJ do Porto que já apresentou queixa contra Carolina

Salgado. Pinto da Costa também já referira a intenção de processar a ex-companheira.

Recorde-se que, conforme avançou o PortugalDiário na altura, Carolina Salgado já foi constituída arguida no âmbito deste processo.

38

1.11 Atletas do FC Porto ilegais

Atletas do FC Porto ilegais

Fonte: anti-corrupcao.150m.com e Correio da Manhã

Funcionários do SEF investigados pelos próprios camaradas

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) detectou um esquema de legalizações fraudulentas em alguns futebolistas e andebolistas do FC Porto. O esquema foi detectado na sequência das escutas telefónicas a diversos funcionários do SEF suspeitos por envolvimento numa alegada organização criminosa que se dedicaria a permitir a entrada em Portugal de imigrantes oriundos de África e da Ásia, como Argélia, Marrocos, Paquistão e Bangladesh.

As suspeitas, que envolvem os departamentos de futebol e andebol do FC Porto, levaram a buscas nas instalações daquelas modalidades, o que confirmou os indícios de crimes de corrupção e auxílio à imigração ilegal. Os indícios surgiram durante o processo principal, em que são suspeitos pelos crimes de associação criminosa para tráfico de influência, burla, extorsão e falsificação de documentos a advogada de Barcelos Elisabete Chaves, fundadora do movimento pela ‘Nova Democracia’.

Está já detido o inspector Jaime Oliveira bem como um administrativo do SEF da Delegação Regional do Norte. Segundo o DIAP, José Alberto Campanhã, em vez de dinheiro obtia favores sexuais de candidatas para a legalização. Segundo as fontes contactadas pelo CM, “como a melhor maneira de vender facilidades é criar muitas e muitas

dificuldades”, José Campanhã começaria por complicar a situação, levando então jovens brasileiras ao desespero, sendo obrigadas depois a manter relações sexuais com ele. Foi o que as jovens afirmaram quando foram ouvidas durante as investigações criminais em que foram detidos alguns elementos do SEF, adiantou a fonte contactada pelo

CM.

A operação ‘Ícaro’ foi desencadeada há um ano. E a acusação deduzida só a poucos minutos antes de expirar o prazo, de um ano, o que, se não acontecesse, implicaria a libertação dos três suspeitos já presos preventivos: Elisabte Chaves, Jaime Oliveira e José Alberto Campanhã.

Ao todo, soube o CM, existem cinco funcionários do SEF suspeitos, quatro do Porto e outro do Algarve, numa lista de 15 arguidos, que incluiu um advogado do Porto, os pais da advogada de Barcelos e um inspector do Trabalho que tinha

a incumbência de aceitar uma série de falsos contratos de trabalho manuscritos por diversos empresários ligados à restauração e serviços.

O FC do Porto emitiu ontem um comunicado acerca das notícias por alegado envolvimento nos crimes de falsificação de documentos a alguns dos seus futebolistas, considerando já que “mentem descaradamente”.

OPERAÇÃO 'ÍCARO'

TRÊS MIL EUROS CADA

A rede desmantelada pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) obrava três mil euros a cada imigrante ilegal, para

forjar os documentos, legalizar as suas situações e jogar em equipas, ou praticar prostituição, como sucedia com as brasileiras. A rede dedicava-se a legalizar imigrantes endinheirados.

SACOS COM DINHEIRO

O SEF areendeu sacos cheios de notas na residência de uma familiar de Elisabete Chaves. A advogada tinha 125 mil euros a render numa conta bancária já bloqueada pelo TIC o Porto. A jovem advogada deslocava-se num Porsche e tinha clientes quase só imigrantes. Utilizava um escritório que o namorado, advogado e assistente universitário tem no Porto.

FALSOS CASAMENTOS

Os falsos casamentos com que a rede de imigrantes legalizava a permanência em Portugal dos futebolistas e dos andebolistas, todos do FC Porto, deverão ser anulados, por iniciativa do Ministério Público.

1.

Apito Dourado e Apito Final - recortes de imprensa

41

1.12 Arguidos do Apito Dourado

Arguidos do 'APITO DOURADO'

Fonte: anti-corrupcao.150m.com

DIRIGENTES

- Pinto da Costa - Presidente do FC Porto; 1 crime de falsificação, 2 de corrupção e 2 de tráfico de influências

- Pinto de Sousa - Presidente da Comissão de Arbitragem da FPF; 2 crimes de falsificação, 1 de abuso de poder e 17 de corrupção

- Valentim Loureiro - Presidente da Liga de Clubes, da Câmara de Gondomar e administrador do Metro do Porto; 4 crimes de tráfico de influências, 19 de corrupção

- António Henriques - Vice-presidente da Comissão de Arbitragem da FPF; 2 crimes de falsificação, 4 de abuso de poder, 2 de corrupção

- José Luís Oliveira - Presidente do Gondomar SC e vice-presidente da Câmara de Gondomar; 1 crime de tráfico de influências, 33 de corrupção

- Azevedo Duarte - Vogal da Comissão de Arbitragem da FPF; 2 crimes de abuso de poder, 2 de corrupção

- Carlos Silva - Vogal da Comissão de Arbitragem da FPF; 1 crime de abuso de poder, 3 de corrupção

- Francisco Costa - Vogal da Comissão de Arbitragem da FPF; 17 crimes de corrupção

- Luís Nunes - Vogal da Comissão de Arbitragem da FPF; 16 crimes de corrupção

- Joaquim Castro Neves - Chefe do departamento de futebol do Gondomar e vereador da Câmara de Gondomar; 15 crimes de corrupção

- Paulo Torrão - Funcionário do departamento de informática da FPF; 2 crimes de falsificação

Outros, cujos crimes são desconhecidos;

- Rui Alves - Presidente do Nacional

- Mário Graça - Comissão de Arbitragem da Liga

- Júlio Mouco - Comissão de Arbitragem da Liga

- Isabel Damasceno - Presidente da Câmara de Leiria

- João Loureiro - Presidente do Boavista

- Avelino Ferreira Torres - Presidente da Câmara da Marco de Canaveses

- Jorge Sousa - Ex-presidente do Marco

- Reinaldo Teles - Vice-presidente do FC Porto

- José Manuel Ferreira - Dirigente do Leixões

- António Candelária - Presidente do Santana

- Américo Neves - Presidente do Sousense

- Carlos Carvalho - Presidente do Conselho de Arbitragem da AF Porto

- Simão Ribeiro - Penafiel

- Fernando Melo - Penafiel

ÁRBITROS

- Pedro Sanhudo - 12 crimes de corrupção

- Augusto Duarte - Quatro crimes de corrupção

- Jorge Saramago - Quatro crimes de corrupção

- Jacinto Paixão - Dois crimes de corrupção

- Licínio Santos - Dois crimes de corrupção

- Manuel Valente Mendes - Dois crimes de corrupção

- Pedro Valente - Dois crimes de corrupção

- António Eustáquio - Um crime de corrupção

- José Manuel Rodrigues - Um crime de corrupção

Outros, cujos crimes são desconhecidos:

- Lucílio Baptista

- Paulo Paraty

- Martins dos Santos

- Sérgio Ferreira

- Rui Silva

- Cosme Machado

- José Palmeira

- Marco Delgado

- Rui Mendes

- Nuno Borba

- Luís Lameira

- Sérgio Pereira

- Pedro Maia

- Pinto Miranda

- Bernardino Silva

ÁRBITROS ASSISTENTES

- Ricardo Pinto - Assistente de Pedro Sanhudo 5 crimes de corrupção

- João Macedo - Assistente de Pedro Sanhudo 3 crimes de corrupção

- Manuel Quadrado - Assistente de Jacinto Paixão 2 crimes de corrupção

- José Chilrito - Assistente de Jacinto Paixão 1 crime de corrupção

Outros, cujos crimes são desconhecidos;

- António Perdigão

- Serafim Nogueira

- Sérgio Lacroix

- Paulo Alves

- Carlos Amado

- Ângelo Ferreira

- Patrick Pinto

- António Neiva

- Devesa Neto

- Serafim Nogueira

OBSERVADORES (crimes são desconhecidos)

- Pinto Correia

- Miguel Mendonça

- Jorge França

- Teresa Faria

OUTROS ARGUIDOS

- António Araújo - Empresário de futebol 5 crimes de corrupção

- Mário Reis - Treinador crimes são desconhecidos

- Fernando Cerqueira - PS de Gondomar e apoiante de Pinto da Costa crimes são desconhecidos

- Joaquim Camilo - Empreiteiro crimes são desconhecidos

- Augusto Alves - Empreiteiro crimes são desconhecidos

2.

Blogue Polvo dos Papalvos - arquivo online

45

2 Blogue Polvo dos Papalvos - arquivo online

Copia dos textos disponibilizados online pelo site http://opolvodospapalvos.blogspot.pt/

2.1 Apresentacao Blogue

O polvo dos papalvos: Quem sou

Page 1 of 9

O polvo dos papalvos: Quem sou Page 1 of 9 Mais Blogue seguinte» Criar blogue Iniciar
O polvo dos papalvos: Quem sou Page 1 of 9 Mais Blogue seguinte» Criar blogue Iniciar

Mais

Blogue seguinte»

Criar blogue

Iniciar sessão

1 of 9 Mais Blogue seguinte» Criar blogue Iniciar sessão Contra o medo instalado na imprensa

Contra o medo instalado na imprensa desportiva portuguesa.

SEGUNDA-FEIRA, 21 DE MARÇO DE 2011

Quem sou

Apresento-me: tenho, além de outras coisas, 40 anos de jornalismo desportivo em cima, muitos dos quais dedicados a assuntos que extravasaram em muito a reles e entediante análise futebolística a que estamos habituados. Fui aprendiz de feiticeiros, chefe de uns, subalterno de outros, assisti a muita coisa, vi, cheirei, repudiei muita outra e, nos juízos finais, quis sempre poder dizer mais do que me deixaram. Ao longo destas 4 décadas de serviço profissional, prezei sempre o contacto directo com os meus leitores, ouvi muitas críticas, ouvi muitos elogios e, ao fim deste tempo todo, e já há algum tempo, o que me pedem é que fale, que diga o que sei. Por razões puramente profissionais, não pude nunca apontar directamente o dedo àqueles que mancharam - e mancham - a verdade e a justiça do futebol em Portugal. Sofri ameaças, promessas de despedimento, insultos e fui passando pelo jornalismo desportivo como pude, procurando ser fiel aos meus princípios e à conduta profissional que sempre respeitei e quis cumprir. Mas nem sempre pude. Por razões que se prendem com factos tão simples quanto os de querer chegar ao final do dia e poder alimentar-me, alimentar os meus filhos e não acabar a boiar num rio qualquer. Sim, é assim perigoso, desafiar as leis do polvo futeboleiro português. Não é história, ou estória, contada por mentirosos. O futebol em Portugal está - acreditem - corrompido por uma força poderosa a que ninguém tem a coragem de olhar nos olhos e enfrentar seriamente. Muitos refugiam-se em insinuações mais ou menos evidentes, muitos queixam-se do conteúdo mas usam formas que não beliscam os alvos nem informam os leitores do que verdadeiramente se passa desde que Jorge Nuno Pinto da Costa chegou um dia ao poder. Nada, nem ninguém, foi igual no nosso futebol desde esse fatídico dia. Tenho amigos que, no cumprimento das suas funções jornalísticas, foram insultados (como eu), foram humilhados (como eu) e foram, ao contrário de mim, violentados e agredidos apenas e só porque se dedicaram ao seu labor. Isto acontece há 30 anos no futebol em Portugal. Quis sempre muito mas não pude. E foi esse peso na consciência (porque acredito que todos devem saber a realidade) que me fez andar a vaguear na ideia de encontrar um espaço em que, anonimamente, desse lugar às palavras e às histórias reais que se passaram comigo e com colegas meus ao longo destas décadas. Não sou hipócrita, como muitos que dizem não ter clube. Eu sou um apaixonado pelo desporto, pelo futebol em particular, e como tal tenho a minha preferência clubística. Sou do Sporting, sempre fui do Sporting. Desde muito novo porque o meu Pai, sportinguista doente, me transmitiu essa paixão e eu segui-a, sem nunca ferir as minhas obrigações como jornalista. Espero que o facto de admitir o meu clube sirva não para me julgarem sob esse foco mas pelo contrário para verem na assumpção um caminho facilitador contra demagogias e falsas pretensões. Estou aqui para informar. Escreverei sobre o polvo (que tem muitos, alguns inimagináveis, tentáculos) e o mal a que tem votado o nosso futebol. Um polvo criado por papalvos, ignorantes, mesquinhos, donos de uma falta de civilidade

ignorantes, mesquinhos, donos de uma falta de civilidade REVOLUCIONÁRIOS Seguidores (95) Seguinte Seguir Ocorreu um

REVOLUCIONÁRIOS

Seguidores (95) Seguinte

Seguir
Seguir

Ocorreu um erro neste dispositivo

DE MÁSCARA NO NOME

Seguir Ocorreu um erro neste dispositivo DE MÁSCARA NO NOME completo John McSmith opolvodospapalvos @hotmail.com Ver

completo

John McSmith

opolvodospapalvos

@hotmail.com

Ver o meu perfil

VIERAM À RUA

9 2 7 2 2 INFORMA-TE Pesquisar
9
2
7
2
2
INFORMA-TE
Pesquisar

OS MANIFESTOS CONTRA A OBSCURIDADE

2011 (10)

O polvo dos papalvos: Quem sou

Page 2 of 9

a todos os níveis abominável que lhes permite viver na completa impunidade, subjugando e martirizando
a todos os níveis abominável que lhes permite viver na completa impunidade,
subjugando e martirizando quem procura denunciá-los.
Sejam todos bem-vindos ao O Polvo dos papalvos.
Denunciado por John McSmith à(s) 12:49
36 comentários:
Manuel disse
Ora até que enfim um sportinguista com coragem, com espinha dorsal, que
não tem medo de colocar a boca no trombone. Seja bem-vindo! Esperamos
ansioso que comece a contar tudo aquilo que sabe e viveu. Será um
serviço inestimável que prestará aos desportistas que anseiam por um
deporto mais limpo e honesto, em particular, e aos portugueses em geral.
21 de março de 2011 às 13:41
leaozinhoatemorrer disse
Gostei desta: mas todos sabemos que algo muito grave continua a passar-
se no nosso triste Futebol. Quem manda neste momento na Liga? Um
Senhor que após não ter dado por ela uma viagem ao Brasil paga por
subornos a senhor Árbitro que por sinal estava indicado pelo porto para
mandar na arbitragem, se zanga e diz que abandona a SAD da Máfia.Logo
a seguir aparece candidato à Liga de Futebol. É demasiado visível que está
tudo podre de cima abaixo, e o pior é que o polvo mor mesmo morrendo vai
deixar tentáculos durante muitos anos. Todos os Árbitros dito os melhores,
foram lá postos por este POLVO. Esta época foi mais uma palhaçada.
Quem sabe o Sporting não poderia ter ficado pelo menos em 2º. lugar?
Assim, temos que lutar para ir à Liga Europa.Vamos a ver o que se vai
saber mais. Para mim, nada será de admirar um dia. Quando o Apito
Dourado nada deu, que mais se poderá fazer?
21 de março de 2011 às 14:28
Peter Gunn disse
Seja bem vindo à Blogosfera!
Espero que tudo corra bem e que no fim a verdade tantas vezes escondida
pela tinta do polvo venha finalmente ao de cima.
Cumprimentos
21 de março de 2011 às 14:59
Pedro disse
Bem vindo e que não tenhas medo dos ataques e ameaças q irás,
infelizmente, receber.
21 de março de 2011 às 15:35
RS disse
Bem vindo!
Venha o próximo post!! :)
cumps
21 de março de 2011 às 16:35
Luis Azores disse
Como já aqui disseram, "finalmente um Sportinguista" a admitir 25 Anos de
corrupção no futebol Português.
Talvez se esse velho não tiveses aparecido o Sporting ainda fosse o

Junho (2)

Abril (1)

Março (7)

Para depois o que não pode agora

Um caos chamado Sporting

As eleições e o elemento imponderável

Uma revolução inteligente

O

doping, o túnel e a intimidação

O

(velho) apedrejamento

Quem sou

O polvo dos papalvos: Quem sou

Page 3 of 9

segundo de Portugal. Pois o Sporting teria ganho mais campeonatos. Boa sorte, e é mesmo
segundo de Portugal. Pois o Sporting teria ganho mais campeonatos.
Boa sorte, e é mesmo melhor por enquanto não dar a cara, senão ja sabe o
que lhe espera!
21 de março de 2011 às 16:36
Luis Azores disse
25 Anos
Boavista 1, Sporting 2, Benfica 6 e PORCOS 16.
Isso diz tudo, como um clube de segunda linha (FCPorcos) em 25 anos
ganha 16 vezes. Que até ai só tinha 8 campeonatos.
21 de março de 2011 às 16:49
Talk Talk disse
Boa sorte neste blog é o que desejo.
No entanto aguarda: falas no polvo do FCP e tens benfiquistas a darem
palmadinhas nas costas, amanhã ao criticares o Benfica e o "polvo" que
esta direcção tenta a todo o custo construir verás que te chamarão de
"lagarto faccioso"
e depois quando criticares o Sporting
serás uma
"melancia"!
É
dificil tentar que um adepto de clube veja o todo
21
de março de 2011 às 17:06
Carlos Alberto disse
Não poupe nas palavras. Carregue na guerra ao Polvo!
21 de março de 2011 às 18:44
Peter disse
Eu sou Benfiquista e acho que o sr. se é realmente aquilo que diz(desculpe
a desconfiança mas como está a dar-se como anónimo tudo é possível)
deve informar os portugueses daquilo que sabe e se possível com
provas.Embora não tenha exercido alguma vez essa profissão cheguei a ter
dialógos interessantes sobre as temáticas que descreve com um jornalista
da SIC o Daniel Cruzeiro (outro sportinguista) que me explicou que os
jornalistas desportivos cedem muito aos clubes porque senão deixam de
poder trabalhar nas suas instalações.Espero que traga dados novos sobre
aquilo que muita gente já vê há muito tempo mas contínua impune.
21 de março de 2011 às 19:17
luster disse
Cá estarei para ler tudo o que vai escrever.Será necessário que aos factos
lhes ponha datas e nomes dos intervenientes.Tudo sem medo.As pessoas
que têm acompanhado o futebol português nos últimos 30 anos, concerteza
que saberão ligar as datas aos nomes.Tudo sem receio.FORÇA!!!
22 de março de 2011 às 08:12
John McSmith disse
Agradeço a simpatia de todos. Quanto ao conselhos, não me levem a mal
quando digo que não me interessa minimamente se quem aqui vem
concorda com a forma como critico este ou aquele clube. O blogue nasceu
da ideia de denunciar a corrupção existente no futebol português. Nesse
sentido, falarei sobre tudo o que vivi e sei. Sem alvos definidos nem clubes
protegidos. Se falar mais nuns do que noutros, será apenas porque há uns
que são mais corruptos do que outros. Tão-somente isso.
22 de março de 2011 às 08:40

O polvo dos papalvos: Quem sou

Page 4 of 9

Anónimo disse Vamos lá ver se não vais falar sempre no mesmo, ou se és
Anónimo disse
Vamos lá ver se não vais falar sempre no mesmo, ou se és um milhafre
disfarçado de lagarto
olha, não te esqueças das histórias Mr. King, ok?
22 de março de 2011 às 21:33
Anónimo disse
quanto ao ultimo anonimo e o mr. king
é o desespero e a falta de
argumentos. com efeito, nos ultimos trinta anos, temos dezenas de casos
do porto, de arbitros, doping, fruta, brasil, quinhentinhos
respondem eles? com o vazio.
e com o que
o mr. king, um arbitro que diz ter sido alvo de oferta de prostitutas em
lisboa, mas sem dizer quem as ofereceu
porque falta os portistas dizerem
que nesse jogo o benfica foi ROUBADO pela arbitragem
pequeno
pormenor.
ah, e se quiserem falar das escutas do apito dourado em que o antonio
araujo diz que o arbitro do porto-lyon da champions de 2004 teve direito a
prostituta
estejam à vontade.
aos portistas a verdade dói sempre, porque normalmente pensam pela
cabeça do pinto da costa. nao acreditam no que veem ou ouvem: acreditam
no que o pintinho disser. mesmo que seja absurdo e desmentido com
provas. pois é.
fruta. café. amarelinha.
quinheitnhos. ferias no brasil. envelopes. arbitros em casa. fugas para a
galiza. agressoes a carlos pinhao, marinho neves, adriano, adriaanse, paulo
assuncao, cebola rodriguez, raul meireles no avião!
guarda abel. carlos calheiros. jacinto paixao. azevedo duarte. soares dias.
pinto correia. bento marques. isidoro rodrigues. marques da silva. josé
silvano.
antónio garrido. observadores e delegados. doping. superdragoes. juizes às
ordens. fpf a mentir na uefa para o porto ir a champions. presidentes do cj a
violar a lei.
enfim: a mística do porto. nestes 30 anos, por cada pecado do SLB ou SCP
50 ou 60 do clube corrupto.
22 de março de 2011 às 21:49
Anónimo disse
seja bem vindo.
afinal ainda existem sportinguistas, sim sportinguistas e nao lagartos anti
benfica.
espero que percebam de uma vez por todas, que quem prejudica o sporting
é
o porto e nao o Benfica.
o
Benfica só quer um futebol limpo e o sporting se quisesse o mesmo nao
estava na situaçao que está.
que deixem de ser submissos e que defendam o seu clube contra o inimigo
do futebol, os corruptos do porto.
23 de março de 2011 às 02:32
Joseph Lemos disse
Meu caro
Possivelmente já nos cruzámos na sagrada arte de comunicar e digo
possivelmente porque,o tempo vai diluindo muitas coisas e até memórias.
Há 27 anos que deixei o país e já quase nada me liga ao torrão
natal,embora o vá visitando uma vez por outra.

O polvo dos papalvos: Quem sou

Page 5 of 9

Contactos foram-se também perdendo com o tempo e distância.Para além de um ou outro amigo,(não
Contactos foram-se também perdendo com o tempo e distância.Para além
de um ou outro amigo,(não estou contando os virtuais) dois ou três
familiares com pouca ou quase nula interligação,a ligação mais forte com o
país é mesmo o Benfica. Pronto, sou lampião e com muito orgulho.
Serve a ''introdução'' para lhe dar as boas-vindas no combate ao mais
ignóbil animal sobre a terra: Gangster da Costa.
Força companheiro.
P.S.- O Polvo dos papalvos fará parte,desde agora da lista de preferência lá
no meu cantinho.
23 de março de 2011 às 05:13
mWo disse
Seja muito bem-vindo à blogosfera meu caro. É sempre útil e de saudar
mais uma pessoa a lutar contra e a desmascarar uma das maiores
vergonhas da nossa sociedade.
Com certeza esta vai ser a primeira de muitas visitas ao seu espaÇo!
Cumprimentos e SaudaÇões Desportivas!
André Manita
http://benfica-world-order.blogs.sapo.pt
23 de março de 2011 às 10:54
ÉS UM OTÀRIO disse
este é tanto sportinguista como eu sou do belenenses. é como as
melancias, verde por fora mas vermelho por dentro!
Cobardolas que nem coragem tem para se assumir!
23 de março de 2011 às 11:58
Tiago disse
Congratulo esta iniciativa. E percebo que só possa ser efetuada desta
forma. É óbvio que durante vários anos houve jornalistas que foram
silenciados e que outros (quase sempre do FCP) foram promovidos muito
rapidamente. E muito mais se passou que uma pessoa como eu, que não é
do meio, não assistiu ou tomou conhecimento.
23 de março de 2011 às 14:27
Hugo Surrador disse
Este comentário foi removido pelo autor.
23 de março de 2011 às 14:48
Anónimo disse
nao se deixe intimidar caro John, a verdade sempre triunfa e nós somos
mais que eles, voce está bem protegido.
23 de março de 2011 às 14:59
Hugo S. disse
Boa tarde,
Venho por este meio dar o meu virtual apoio nas tentativas de desmascarar
a podridão do nosso futebol, sejam eles quem forem que pertençam a este
dito polvo.
Sejam de clube que forem, julgo que temos de ser mais honestos, se for o
nosso clube o desonesto, não podemos virar a cara para o lado e fingir que

O polvo dos papalvos: Quem sou

Page 6 of 9

não é nada connosco. Como se pode ver por alguns comentários, nota-se como o polvo
não é nada connosco.
Como se pode ver por alguns comentários, nota-se como o polvo trabalha
bem, não só nos meandros do futebol, mas também na lavagem cerebral,
pois qualquer coisa que se diga contra o FCP, é logo visto como um ataque
ao mesmo, que estão a persegui-los.
Seja eu adepto do clube que for, não é importante para o que o Sr.
McSmith possa revelar o que tiver para revelar, é importante é ser revelado.
Doa a quem doer, é importante correr com as corjas que prejudicam o
nosso futebol.
Sr. McSmith, obrigado por aparecer e vá revelando o seu conhecimento das
coisas.
Eu sou português, adepto do futebol, contra os jogos de secretaria e
camuflados.
23 de março de 2011 às 15:40
Anónimo disse
Bebe agua que a azia passa depois
23 de março de 2011 às 17:13
xplisboa disse
Benvindo à blogosfera.
Espero ansiosamente pelos próximos posts, porque pelo que li, gosto muito
da atitude.
Um forte abraço
23 de março de 2011 às 17:29
JJD disse
So agora tive conhecimento
Seja
bem vindo e que nunca lhe doam os
dedos.Por um futebol verdadeiro.
SLB4EVER Rumo****
23 de março de 2011 às 19:32
Anónimo disse
Força amigo não tenha medo e revele tudo o que sabe acerca deste
assunto.O País em geral e o futebol em particular irão ficar-lhe muito
gratos.A corrupção continua.1.ª jornada penalti que não existe contra a
Naval, mão de rolando no jogo com o Nacional da Madeira penalti contra
eles no jogo com o Vitória de Guimarães penalti contra eles no jogo com o
vitória de Setubal, se o jogador do Setubal não falhasse ainda agora lá
estaria a marcar até falhar; dupla falta de álvaro pereira para penalti contra
eles no jogo com o Rio Ave, o Árbitro mostrou cartão amarelo ao jogador do
Rio Ave.Abaixo a corrupção lutemos pela verdade desportiva.
23 de março de 2011 às 23:36
Anónimo disse
Parabéns pela coragem e iniciativa. Como Benfiquista, vejo que
infelizmente muitos dos adeptos do Sporting não têm a sua postura e
preferem aliar-se à corrupção, desprezando o seu próprio clube, deixando-o
chegar ao estado em que se encontra. Espero que muitos "sportinguistas"
sigam o seu exemplo e sejam verdadeiros Sportinguistas, com coragem e
personalidade para combater os criminosos.
Votos de um bom trabalho, que certamente irei acompanhar.

O polvo dos papalvos: Quem sou

Page 7 of 9

24 de março de 2011 às 19:24 Anónimo disse Meu caro , eu estou na
24 de março de 2011 às 19:24
Anónimo disse
Meu caro , eu estou na mesma luta que você e como você nãop tenho
medo dos desdentados e criminosos adeptos do Clube da Corrupção , a
mim nunca me irão calar e um dia irão pagar pelos crimes que cometeram
24 de março de 2011 às 20:13
Anónimo disse
Excelente blog, não tenha medo.
Cumprimentos,
Jorge P.
25 de março de 2011 às 00:01
às vezes
disse
Este comentário foi removido pelo autor.
25 de março de 2011 às 11:28
the_passenger disse
Aqueles (andrades, que já eriçaram o pêlo para o que aí vem e já vêm com
as suas estórias 'fabulásticas' para se ilibarem de alguma coisa) que falam
no Howard King, sugiro que verifiquem bem a história dele. O homem foi
pago pelo News of the World para contar aquela historieta. Posteriormente
a UEFA investigou as alegações dele e concluiu que foi tudo mentira e
baniram-no por isso. Mais tarde na sua vida foi apanhado a masturbar-se
dentro dum táxi. Ainda foi acusado por jogadores do Caen de arbitrar um
jogo bêbado.
Para além disso, as historietas dele às tantas reservam-nos está pérola:
«Quando precisava de uma rapariga dirigia-me a intermediários dos
representantes do clube que me parecia mais vulnerável e dizia-lhes:" Este
jogo é muito importante para vocês: carecem da qualificação e o árbitro
serei eu, a menos que arranjem as coisas de forma a que possa levar a
rapariga comigo garanto-vos que a vitória não será vossa ."» - quando é o
próprio árbitro a fazer exigências aos clubes para que estes não sejam
prejudicados por ele, acho que está tudo dito em relação à sua
credibilidade. Já ouvi falar em clubes que corrompem árbitros para obter
favores, agora árbitros que corrompem clubes para não os prejudicar é sem
dúvida a primeira vez que oiço falar de tal coisa… Sem dúvida, um exemplo
de moral e de isenção que qualquer árbitro deve seguir
daqueles árbitros que nunca o deveriam ter sido.
Portanto,
Quanto ao John McSmith, peço-lhe que nos conte tudo o que sabe sem
medo e sem reservas, não se coibindo de referir nomes, lugares e datas. E
não tenha medo, que na internet o que não faltam são cães corajosos que
atrás de um teclado ladram e ganem que nem cães raivosos, mas quando o
têm que largar e dar a cara são mansos, mansos
27 de março de 2011 às 22:00
Anónimo disse
Os blog dos tristes!
30 de março de 2011 às 14:19
Ricardo disse
Coragem para admitir o clube mas sem coragem para admitir a identidade!
Mas compreendo.

O polvo dos papalvos: Quem sou

Page 8 of 9

Este é um problema que vai para além dos clubes. Todos são mais ou menos
Este é um problema que vai para além dos clubes. Todos são mais ou
menos culpados e todos, mais ou menos cumplices. Começa a afectar a
própria sociedade. Tem que acabar!
Só haverá verdade desportiva quando os clubes se começarem a queixar
de terem sido beneficiados!
Gostei do que li. Já está nos favoritos. Vou acompanhar. Felicidade na
continuação do projecto.
1 de abril de 2011 às 11:34
Seismilhoesum disse
Para o és um otário:
A "impressão" que tem é que o jornalista deste blog é melancia. Nada pior
que a ignorância arrogante, logo, propalada. Informe-se melhor pois o
senhor em causa é um Sportinguita a que lhe louvo a coragem (e a
temeridade)e com certeza que os "podres" que deve saber (também devem
existir) sobre o Benfica e o Sporting irão ser "postados"!
8 de abril de 2011 às 11:14
Bruno disse
Ó´MEU GANDA PAPALVO´VEME ISTO:
https://picasaweb.google.com/blogdoblueboy/CoNtRaDOSsiErOApitoBerme
lho#slideshow/5090158036797158210
21 de abril de 2011 às 14:40
Manuel disse
Este Bruno engana quem? É mais um andrade a quem lhe passaram, pelo
MPA (MInistério da Propaganda Andrade), cópias de um chorrilho de
especulações feitas pelos jornais pasquins, cópias feitas às dezenas da
mesma notícia especulativa, muitas delas fabricadas pelos suspeitos do
costume, os especialistas do Pato.
Fizeram um Apito Vermelho, mais um documento à Pato, que mais tarde a
PJ acusou de ser um documento forjado, feito com papel timbrado roubado
de dentro da PJ.
Como aliás são quase todas forjadas as insinuações feitas ao LFV, Veiga, e
outras pessoas mais ou menos ligadas ao Benfica. O Veiga até é acusado
de ter almoçado comcia um ex-árbitro, como se isso fosse algum crime, um
árbitro que, por acaso até fez arbitragens vergonhosas e escandalosas
CONTRA o Benfica. É só ir ao YouTube.
Já não conseguem enganar ninguém. É o desespero, pois não conseguem
encontrar absolutamente nada que se compare àquilo que fazem e têm
vindo a fazer. É como comparar, e tentar desculpar e branquear, um
sistema mafioso bem implantado na sociedade portuguesa com a pequena
delinquência. Máfia essa que até possui aquilo que ainda consegue manter
a verdadeira Máfia viva e activa: a Òmerta, A LEI DO SILÊNCIO. Que
também impera na Palermo portuguesa.
24 de abril de 2011 às 14:20
Enviar um comentário
Hiperligações para esta mensagem
Criar uma hiperligação

O polvo dos papalvos: Quem sou

Page 9 of 9

Mensagem mais recente

Página inicial

Subscrever: Enviar comentários (Atom)

Tema Janela desenhada. Imagens de temas por wibs24. Com tecnologia do Blogger.

2.

Blogue Polvo dos Papalvos - arquivo online

55

2.2 O (velho) apedrejamento

O polvo dos papalvos: O (velho) apedrejamento

Page 1 of 11

O polvo dos papalvos: O (velho) apedrejamento Page 1 of 11 Mais Blogue seguinte» Criar blogue
O polvo dos papalvos: O (velho) apedrejamento Page 1 of 11 Mais Blogue seguinte» Criar blogue

Mais

Blogue seguinte»

Criar blogue

Iniciar sessão

1 of 11 Mais Blogue seguinte» Criar blogue Iniciar sessão Contra o medo instalado na imprensa

Contra o medo instalado na imprensa desportiva portuguesa.

TERÇA-FEIRA, 22 DE MARÇO DE 2011

O (velho) apedrejamento Mais lá para a tarde porei aqui um episódio do final dos
O (velho) apedrejamento
Mais lá para a tarde porei aqui um episódio do final dos anos 80, que é de ir às
lágrimas - se não fosse deprimente.
Deixem-me, entretanto, abordar um tema da actualidade: o apedrejamento que
ocorreu na noite de ontem ao autocarro do Benfica e ao carro onde se
encontrava Luis Filipe Vieira.
Não é nada de novo. Já foi feito. Mais do que possam pensar. A diferença é
que hoje em dia a Comunicação Social tem acesso directo, na hora, aos
acontecimentos; há 20 anos, muitas coisas eram abafadas, directa ou
indirectamente. Mas aconteceram. Assim e pior, muito pior.
O que eu vos quero dizer é muito simples: o objectivo é forçar os adeptos do
Benfica ou os seus dirigentes a uma atitude menos precavida que culmine ou
numa tragédia de grandes proporções ou num episódio que permita à Direcção
da Liga uma plausível justificação para que o Estádio da Luz seja interditado.
Pelo que vou sentindo na opinião pública benfiquista, não tenho dúvidas
nenhumas de que as pessoas começam a ferver e um dia irão explodir. Não
querendo ser moralista nem pai de ninguém aconselharia apenas os adeptos
do Benfica a não enveredar pelo caminho mais fácil. Porque além de correrem
o risco de magoar alguém inocente que nada tem a ver com a luta de galos
entre os dois clubes podem de facto acabar forçados a não verem o seu clube
no próprio estádio.
Por aquilo que recolhi, à Liga só falta a justificação. Seja ela trágica ou de
circunstância.
Denunciado por John McSmith à(s) 08:35
37 comentários:
Anónimo disse
De facto não é novo. Aliás ainda na época passada tivemos
apedrejamentos do carro de Pinto da Costa ou das viaturas de adeptos
após a final da Taça.
Claro que na altura ninguém falou nisso. Estes actos cobardes e imbecis só
são noticiados quanto atingem alguém ligado ao clube da Luz
22 de março de 2011 às 09:43
Anónimo disse
Adoro estes filhos de pinto da costa. Vai lá mudar os lençóis da cama da
mãe, que o próximo cliente é o Artur Soares Dias.
22 de março de 2011 às 11:00
Peter disse
Soares Dias. 22 de março de 2011 às 11:00 Peter disse REVOLUCIONÁRIOS Seguidores (95) Seguinte Seguir

REVOLUCIONÁRIOS

Seguidores (95) Seguinte

Seguir
Seguir

Ocorreu um erro neste dispositivo

DE MÁSCARA NO NOME

Seguir Ocorreu um erro neste dispositivo DE MÁSCARA NO NOME completo John McSmith opolvodospapalvos @hotmail.com Ver

completo

John McSmith

opolvodospapalvos

@hotmail.com

Ver o meu perfil

VIERAM À RUA

9 2 7 2 3 INFORMA-TE Pesquisar
9
2
7
2
3
INFORMA-TE
Pesquisar

OS MANIFESTOS CONTRA A OBSCURIDADE

2011 (10)

O polvo dos papalvos: O (velho) apedrejamento

Page 2 of 11

Concordo o que esta gente quer é que os adeptos do Benfica se tornem caceteiros
Concordo o que esta gente quer é que os adeptos do Benfica se tornem
caceteiros como os do fcp para se vingarem é perpetrarem alguma acção
menos correcta sobre um inocente portista e que prejudique a imagem dos
adeptos e o clube.Quanto ao anónimo portista o apedrejamento ao pinto da
costa foi notícia que eu lembro-me e há 1 uma coisa que ninguém pode
negar, quando há este tipo de ataques 90% dos casos a vítima é o Benfica,
aliás basta ver quantas casas do Benfica foram apedrejadas e
vandalizadas, quantas vezes o autocarro do Benfica foi apedrejado, e fazer
o exercício inverso.
22 de março de 2011 às 12:28
Anónimo disse
http://www.record.xl.pt/Futebol/Nacional/1a_liga/Porto/interior.aspx?
content_id=689490
Por acaso não foste deste jornalistas que chamou à capa principal este
incidente, mas o do PdC foi relegado para 2º plano, pois não???
22 de março de 2011 às 21:31
Anónimo disse
aos anónimos portistas:
o incidente com pinto da costa foi destacado, tanto que toda a gente sabe e
soube no dia seguinte o que tinha acontecido.
mas nao queiram confundir alhos e bugalhos. é que esse incidente foi ha
um ano, e o do autocarro dos super dragoes foi ha dois anos. dois
incidentes em dois anos.
o autocarro do benfica foi apedrejado cinco vezes nos ultimos dez meses,
no norte.
ora dois incidentes em dois anos sao acontecimentos soltos, de facto de
vandalos.
cinco incidentes em dez meses, e este no unico viaduto nao vigiado
isto
nao sao acontecimentos soltos, sao orquestrados e instrumentalizados
como parte de um plano. sao sistematicos.
22 de março de 2011 às 21:41
Anónimo disse
"o autocarro do benfica foi apedrejado cinco vezes nos ultimos dez meses,
no norte. "
enumera e explica lá as vezes
22 de março de 2011 às 21:54
Anónimo disse
os adeptos do FCP quando no ano passado se deslocaram ao Algarve para
a final taça da liga, não tinham nenhum vidro partido de nenhuma
camioneta
felizmente
um autocarro de adeptos do FCP num jogo contra o slb de hoquei não foi
incendiado
felizmente
os adeptos do FCP não foram apedrejados o ano passado na final da taça
de portugal
felizmente
a comitiva do FCP não foi apedrejada aquando da deslocação ao estoril
felizmente

Junho (2)

Abril (1)

Março (7)

Para depois o que não pode agora

Um caos chamado Sporting

As eleições e o elemento imponderável

Uma revolução inteligente

O

doping, o túnel e a intimidação

O

(velho) apedrejamento

Quem sou

O polvo dos papalvos: O (velho) apedrejamento

Page 3 of 11

o presidente do FCP não sofreu uma tentativa de agressão a saída do hotel altis
o presidente do FCP não sofreu uma tentativa de agressão a saída do hotel
altis em Lisboa
felizmente
a casa do Porto de lisboa e de Quarteira e de Setubal nunca foram
apedrejadas nem vandalizadas nestes ultimos anos
felizmente
Graças a Deus só existe violência contra o slb
22 de março de 2011 às 21:58
Viriato de Viseu disse
JOHN,
Saudo o teu blogue ao qual auguro longa vida.
Apenas um porém
Quando te deres conta e se não te pões a pau, vão entrar por este teu
blogue uns certos androides que te vão avacalhar isto.
Quem te avisa teu amigo é.
Por estes 3 postes já vi que tens muita coisa a contar
falte a coragem.
força
que
te não
22 de março de 2011 às 22:50
Anónimo disse
Apedrejamentos ao autocarro do Benfica nos ultimos 10 meses:
01
Maio 2010 :FCP-SLB (campeonato)
10
Setembro 2010 : Guimaraes-SLB (campeonato)
07
Novembro 2010 : FCP-SLB (campeonato)
02
Fevereiro 2011 : FCP-SLB (taça)
06
Março 2011 : Braga-SLB (campeonato)
21
Março 2011 : Paços-SLB (campeonato)
22
de março de 2011 às 22:51
Viriato de Viseu disse
Este comentário foi removido pelo autor.
22 de março de 2011 às 22:51
Viriato de Viseu disse
Não aceites anónimos
um nik
quem
é valente mostra a cara e é tão fácil arranjar
22 de março de 2011 às 22:53
Anónimo disse
camioneta
"os adeptos do FCP quando no ano passado se deslocaram ao Algarve
para a final taça da liga, não tinham nenhum vidro partido de nenhuma
"
felizmente
tinham? pois o que se viu na estacao de servico foi os superdragoes a
apedrejar carros particulares de familias.
"um autocarro de adeptos do FCP num jogo contra o slb de hoquei não foi
"
incendiado
felizmente
daqui a nada dizes que foi com eles la dentro. mas nao foi.
de portugal
"os adeptos do FCP não foram apedrejados o ano passado na final da taça
"
felizmente
mentira.
"a comitiva do FCP não foi apedrejada aquando da deslocação ao estoril

O polvo dos papalvos: O (velho) apedrejamento

Page 4 of 11

felizmente " foi, mais um caso isolado ao contrario dos 6 apedrejamentos ao benfica em
felizmente "
foi, mais um caso isolado ao contrario dos 6 apedrejamentos ao benfica em
menos de um ano.
"o
hotel altis em Lisboa
presidente do FCP não sofreu uma tentativa de agressão a saída do
"
felizmente
MENTIROSO. nao houve nem agressao nem tentativa. houve um sujeito,
um unico, que passou encostado a pinto da costa e nao o empurrou, nao
lhe bateu, nao lhe cuspiu, nao lhe fez nada de nada. MENTIROSO.
"a
apedrejadas nem vandalizadas nestes ultimos anos
casa do Porto de lisboa e de Quarteira e de Setubal nunca foram
"
felizmente
A DE LISBOA, DE FACTO, NAO FOI. ou se calhar foi
uma vez. a de
quarteira nao foi. as casas do benfica a norte têm sido vandalizadas - uma
vez mais - sistematicamente. quase todas as semanas.
"Graças a Deus só existe violência contra o slb "
aqui tens razao. é que a proporção deve ser de dez para um. e a direccaod
o benfica condena sempre, sempre esses actos, ao contrario da do porto
que diz que ha agressoes simuladas ou finge condenar enquanto critica o
ministro por cumprir o seu dever contra o terrorismo organizado do futebol
clube do porto e frutas.
22 de março de 2011 às 23:06
Anónimo disse
obrigado ao anonimo que listou os apedrejamentos.
seis vezes em dez meses = premeditacao e sistematizacao.
22 de março de 2011 às 23:07
Dylan disse
A recente cobarde agressão ao vice-presidente do Benfica, na cidade do
Porto, e o novo apedrejamento da comitiva encarnada perto de Paços de
Ferreira, vem demonstrar aquilo que já se sabia: o futebol é uma espécie de
rede de arrasto do que de pior existe nas sociedades, um abjecto refugo. Já
Hermínio Loureiro tinha apontado a dedo quem lhe "ameaçou fazer a vida
negra" - os pirómanos do futebol disfarçados de anjos regionalistas. As
frustrações descarregadas em jornalistas (Rui Santos, Carlos Pinhão,
Marinho Neves, João Pedro Silva), em dirigentes políticos (Rui Rio, Ricardo
Bexiga), em treinadores (Co Adriaanse), em atletas (Adriano, Paulo
Assunção) e dirigentes desportivos (João Santos e Dias Ferreira), que
consubstanciam crimes que ficarão impunes. As labaredas do ódio
incendeiam camionetas, os líderes das claques são elevados à condição de
escritores-insurrectos, ao mesmo tempo que escoltam o presidente do
clube à porta dos Tribunais. Até quando?
23 de março de 2011 às 00:09
Berrante De Encarnado disse
É uma grande mentira, mais uma, a de dizerem que Pinto Da Costa sofreu
uma tentativa de agressão na Final Da Taça do ano passado à saída do
Hotel.
Tenham vergonha nessa cara uma vez na vida e condenem quem
incendeia o futebol. Essas imagens passaram em directo e todos nós
vimos! Ninguém o tentou agredir em nenhum momento, foram lá cantar o
hino do Glorioso e, quando muito, chamar-lhe os nomes que ele
provavelmente não merece. Merecia outros.
Quanto ao resto, nem vale a pena comentar, todos temos olhos para ver a

O polvo dos papalvos: O (velho) apedrejamento

Page 5 of 11

quantidade de vezes que elas acontecem, a tamanha desproporção da violência e, a forma como
quantidade de vezes que elas acontecem, a tamanha desproporção da
violência e, a forma como é orquestrada. Claramente encomendas, dentro e
fora do estádio.
As três pedras que atiraram ontem à porta da casa do FCP da Coimbra, foi
mais uma tentativa de trazer o Benfica para o mesmo patamar
antidesportivo do clube corrupto.
23 de março de 2011 às 02:06
Anónimo disse
A Casa do FC Porto em Coimbra, localizada na Rua Fernando Namora, foi
apedrejada ao final da tarde desta terça-feira.
Do acto de vandalismo resultaram estragos materiais: os vidros da entrada
principal e uma parede interior foram danificados, conforme explicou a A
BOLA o presidente da agremiação, Ricardo Cruz"
Os mestres das pedradas voltam a atacar de novo
23 de março de 2011 às 02:20
Anónimo disse
foram os proprios adeptos do porto que o fizeram, voces pensam que
enganam alguem, afinal quem simula o que?
tenham vergonha seus corruptos.
23 de março de 2011 às 02:34
Anónimo disse
foram os proprios adeptos do porto que o fizeram
Lol. Realmente vocês são ridículos. Muito gostam de se armar em anjinhos
mas já mataram um adepto no estádio
23 de março de 2011 às 02:39
Anónimo disse
mas tu bates bem da carola? entao apedrejam o carro do presidente do
Benfica, e agora reclamam q a casa do porto foi apedrejada? ate onde vai a
vossa falta de vergonha na cara? o ano passado vandalizavam casas do
Benfica todas as semanas. ate onde vai a vossa falta de vergonha na cara
corruptos assumidos???
23 de março de 2011 às 02:45
Anónimo disse
O fcporco é a vergonha do Norte, a escumalha cá de cima, o refugo, está
quase