Você está na página 1de 8

UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI

ESCOLA DE ENGENHARIA E TECNOLOGIA


CURSO DE ENGENHARIA CIVIL

Andr Santos de Lima


Cludio Olegrio
Leonardo Uva do Amaral
Moacir Caldeira Gilberto

ADES

So Paulo
2017
Andr Santos de Lima RA: 20700797
Cludio Olegrio RA: 20717069
Leonardo Uva do Amaral RA: 20508210
Moacir Caldeira Gilberto RA: 20709292

ADES

Listas de Atividade Discente Efetiva,


realizado fora do horrio acadmico para
avaliao da disciplina de Obras de Terra,
do curso de Engenharia Civil da
Universidade Anhembi Morumbi,
ministrada pela Prof. Cntia C. Schultz.
Data de entrega: 08/10/2017

So Paulo
2016
Lista 2 - Resistencia ao Cisalhamento

1) (2,5 pts.). Em uma caixa de cisalhamento direto, com 36 cm2 de rea,


foram obtidos os valores a seguir, durante os ensaios de uma amostra
indeformada de argila arenosa.

Determinar a coeso e ngulo de atrito deste solo (2,5 pontos).


OBS:
Apresentar grfico em Excel, obter do grfico a coeso a ngulo de atrito
ou exportar grfico para o CAD (ou obter o ngulo de atrito).
Resultados em kg/cm2.

RESOLUO:
RA: 20700797
RA: 20717069
RA: 20508210
RA: 20709292
7+9+0+2=1+8=9

Logo:

A= 36 cm2
P=F/A ; F= Fora.
Dessa forma rescrevendo a tabela em k/cm2:
CP1 CP2 CP3 CP4 CP5
Vertical (kg/cm) 0,250 0,500 0,750 1,000 1,250
Cisalhante Mxima (kg/cm) 0,347 0,431 0,514 0,625 0,708

Com a tabela a cima gera-se o grafico abaixo:

Dessa forma deduzimos graficamente que:

Coeso= 0,253 kg/cm2


ngulo de atrito= 25
2) (3,0 pts.). Foram realizados 3 ensaios triaxiais, sendo obtidos os
seguintes resultados:

Determinar o diagrama de Mohr, o valor do ngulo de atrito e as tenses de


cisalhamento nos planos de ruptura (2,5 pontos).
OBS:
Apresentar grfico em AUTOCAD, obter do grfico a coeso a ngulo de
atrito.
Resultados em kPa.

RESOLUO:

(kPa)
x

(kPa)
Pelo grfico temos:
c= 6 kPa
= 20

3) Num terreno arenoso, cujo peso especfico natural de 18 kN/m e o


ngulo de atrito interno estimado de 30o, o nvel dgua encontra-se a
2 m de profundidade. Deseja-se estudar o estado das tenses a z m de
profundidade. Onde:

Calcule:
a) (1,5 pts.). As tenses principais, totais e efetivas devido ao peso prprio.
z = 8 m.

= + = = =
Onde:
= tenso total;
= tenso efetiva;0
= tenso neutra.
Por falta de dados, adota - se: = 19 /3
Logo:
Tenses de resistncia em tenses totais:
= (18 2) + (19 6) = 150
= 150 30 = 86,60
Tenses de resistncia em tenses efetivas:
= (18 2) + (19 6) (10 6) = 90
= 90 30 = 51,96
Com os dados obtidos na letra a), na profundidade z, as tenses normais
efetivas principais de um elemento de solo, determinar pelas equaes de
estado duplo (analiticamente) e pelo desenho do crculo de MOHR
(graficamente):

b) (0,75 pts.). As tenses que atuam num plano que forma um ngulo de
20 com o plano principal maior.
c) (0,75 pts.) A inclinao do plano no qual a tenso normal de y kPa e
a tenso de cisalhamento que atua neste plano. Onde:
y=63 kPa.