Você está na página 1de 14
1 – (VUNESP - 2014 - TJ-SP - Escrevente Técnico Judiciário) Nos termos do art.

1 (VUNESP - 2014 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) Nos termos do art. 252

do CPP, o juiz não poderá exercer jurisdição no processo em que

a) ele próprio ou seu cônjuge ou seu irmão for

amigo íntimo de qualquer das partes.

b) for parte entidade associativa ou de classe

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

hipótese, presentes os requisitos atinentes à respectiva modalidade detentiva e com base unicamente no dispositivo de lei citado, está autorizado o juiz a decretar a prisão do acusado?

a) Sim, desde que o acusado já tenha sido

anteriormente condenado por outro crime.

da qual faça ou tenha feito parte.

b)

Não, nunca.

c)

seu amigo íntimo for credor ou devedor, tutor

c)

Sim, a prisão preventiva.

ou curador de qualquer das partes.

d)

Sim, a prisão temporária.

d) tiver funcionado como juiz de outra

e)

Sim, desde que o crime seja inafiançável.

instância, pronunciando-se, de fato ou de direito, sobre a questão.

5

(VUNESP - 2014 - TJ-SP - Escrevente

e) ele próprio ou seu cônjuge ou parente em

linha reta ou colateral até o terceiro grau tiver servido como testemunha.

2 (VUNESP - 2014 - TJ-SP - Escrevente

Nenhum

será pro-

cessado ou julgado sem defensor.”

preenche,

adequada e completamente, a lacuna, nos

termos do art. 261 do CPP

acusado,

Técnico

Judiciário)

alternativa

,

Assinale

a

que

Técnico Judiciário) No rito do procedimento comum ordinário, constata- se, imediatamente após o oferecimento da resposta escrita à acusação, que existe em favor do acusado manifesta causa de exclusão da ilicitude. Nesse caso, o art. 397 do CPP indica que se deve seguir a

a) decretação da extinção da punibilidade do

acusado.

b) absolvição sumária do acusado.

c) rejeição de denúncia.

a)

com exceção do foragido

d) designação de audiência de instrução e

b)

com exceção do ausente ou foragido

julgamento.

c)

com exceção do ausente

e)

designação de audiência preliminar.

d)

ainda que ausente

e)

ainda que ausente ou foragido

6

(VUNESP - 2014 - TJ-SP - Escrevente

3

(VUNESP - 2014 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) A composição civil dos danos, de acordo com o art. 74 da Lei nº

Técnico Judiciário) Nos termos do art. 351 do CPP, quando o réu estiver no território sujeito à jurisdição do juiz que houver ordenado a citação, esta se fará por

a) mandado.

b) meio eletrônico.

Dc) qualquer meio que atinja a finalidade. d) carta com aviso de recebimento (AR) ou telegrama. e) carta simples.

4 (VUNESP - 2014 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) Nos termos do quanto expressamente prescreve o art. 366 do CPP, se o acusado, citado por edital, não comparecer nem constituir advogado, ficarão suspensos o processo e o curso do prazo prescricional, podendo o juiz determinar a produção antecipada das provas consideradas urgentes. Nessa

9.099/95,

a) tem eficácia de título executivo, a ser

executado no próprio Juizado Especial Criminal.

b) prescinde de forma escrita, em atenção à

regra da oralidade.

c) impede a propositura da ação penal,

inclusive a pública incondicionada.

d) é modalidade de resolução de conflito que

pode ser homologada pelo Ministério Público.

e) é irrecorrível quando homologada por

sentença.

7 (VUNESP - 2013 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) O juiz não poderá exercer jurisdição no processo em que:

a) ele próprio ou seu cônjuge ou parente,

consanguíneo ou afim, em linha reta ou

no processo em que: a) ele próprio ou seu cônjuge ou parente, consanguíneo ou afim, em
1
1

www.cers.com.br

colateral até o quinto grau, inclusive, for parte ou diretamente interessado no feito. b) ele

colateral até o quinto grau, inclusive, for parte ou diretamente interessado no feito.

b) ele não houver funcionado como defensor

ou advogado, órgão do Ministério Público,

autoridade policial, auxiliar de justiça, perito ou servido como testemunha.

c) tiver funcionado seu cônjuge ou parente,

consanguíneo ou afim, em linha reta ou colateral até o quinto grau, inclusive, como defensor ou advogado, órgão do Ministério Público, autoridade policial, auxiliar de justiça ou perito.

d) tiver funcionado como juiz de outra

instância, pronunciando-se, de fato ou de direito, sobre a questão. e) ele próprio ou seu cônjuge ou parente, consanguíneo ou afim, em linha reta ou colateral até o quarto grau, inclusive, for parte ou diretamente interessado no feito.

8 (VUNESP - 2013 - TJ-SP - Escrevente Técnico Judiciário) O serventuário ou funcionário da justiça dar-se-á por suspeito e, se não o fizer, poderá ser recusado por qualquer das partes,

a) se ele, seu cônjuge, ou parente,

consanguíneo, ou afim, até o quinto grau, inclusive, sustentar demanda ou responder a

processo que tenha de ser julgado por qualquer das partes.

b) se ele, seu cônjuge, ascendente ou

descendente, estiver respondendo a processo por fato análogo, sobre cujo caráter criminoso

haja controvérsia.

c) se ele, seu cônjuge, ou parente,

consanguíneo, ou afim, até o quarto grau, inclusive, sustentar demanda ou responder a processo que tenha de ser julgado por qualquer das partes.

d) se não for amigo íntimo ou inimigo capital de

qualquer deles.

e) se ele, seu cônjuge, ou parente,

consanguíneo, ou afim, até o terceiro grau, inclusive, estiver respondendo a processo por fato análogo, sobre cujo caráter criminoso haja controvérsia.

9 (VUNESP - 2013 - TJ-SP - Escrevente Técnico Judiciário) No tocante à citação, assinale a alternativa correta.

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

a) O processo seguirá sem a presença do

acusado que, citado ou intimado pessoalmente

para qualquer ato, deixar de comparecer sem motivo justificado.

b) Se o réu estiver preso, sua citação far-se-á

por precatória.

c) Se o réu não for encontrado, será citado, por

edital, com o prazo de 5 (cinco) dias.

d) Quando o réu estiver fora do território da

jurisdição do juiz processante, será citado mediante mandado de citação expedido pelo juiz processante.

e) A citação inicial far-se-á por precatória,

quando o réu estiver no território sujeito à

jurisdição do juiz que a houver ordenado.

10 (VUNESP - 2013 - TJ-SP - Escrevente Técnico Judiciário) Com relação aos processos em espécie, é correto afirmar:

a) o procedimento comum será ordinário

quando tiver, por objeto, crime cuja sanção

máxima cominada seja inferior a 4 (quatro) anos de pena privativa de liberdade.

b) o procedimento comum será sumário,

quando tiver, por objeto, crime cuja sanção

máxima cominada seja inferior a 4 (quatro) anos de pena privativa de liberdade. c) aplica-se a todos os processos o procedimento sumário, salvo disposições em contrário do Código de Processo Penal ou de lei especial.

d) nos procedimentos ordinário e sumário, no

caso de citação por edital, o prazo para a

defesa começará a fluir a partir da data da publicação do Edital.

e) o procedimento comum será sumário para

as infrações penais de menor potencial ofensivo, na forma da lei.

11 (VUNESP - 2013 - TJ-SP - Escrevente Técnico Judiciário) No tocante aos recursos, assinale a alternativa correta.

a) O recurso será interposto por petição ou por termo nos autos, assinado pelo recorrente ou por seu representante. b) Caberá recurso, no sentido estrito, da decisão que receber a denúncia ou a queixa. c) Caberá apelação no prazo de 20 (vinte) dias das sentenças definitivas de condenação ou absolvição proferidas por juiz singular.

20 (vinte) dias das sentenças definitivas de condenação ou absolvição proferidas por juiz singular. 2 www.cers.com.br
2
2

www.cers.com.br

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado d) O Ministério Público somente poderá c)

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

d) O Ministério Público somente poderá

c) I e III, apenas.

desistir do recurso que haja interposto.

d) I, II e III.

e) Dentro de dez dias, contados da

e)

I, apenas.

interposição do recurso, no sentido estrito, o recorrente oferecerá as razões e, em seguida,

14

(VUNESP - 2012 - TJ-SP - Escrevente

será aberta vista ao recorrido por igual prazo.

Técnico Judiciário) O CPP (art. 261) admite

12 (VUNESP - 2013 - TJ-SP - Escrevente Técnico Judiciário) Com relação às

que seja o acusado processado ou julgado sem defensor?

infrações de menor potencial ofensivo, seu

a)

Sim, apenas o foragido.

processo e julgamento, é correto afirmar

b)

Não.

que

c)

Sim, o foragido, o ausente e o revel.

d)

Sim, apenas o ausente.

a)

além das hipóteses do Código Penal e da

e)

Sim, apenas o revel.

legislação especial, dependerá de representação a ação penal relativa aos crimes de lesões corporais dolosas de natureza grave.

(VUNESP - 2012 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) Determina o art. 353 do CPP: quando o réu estiver fora do território

15

a)

b)

a citação será pessoal e far-se-á no próprio

da jurisdição do juiz processante será

Juizado, sempre que possível, ou por edital. c) a competência do Juizado será determinada pelo lugar de residência do réu.

citado mediante

d)

se consideram infrações penais de menor

b)

carta de ordem. publicação em jornal de grande circulação

potencial ofensivo, para os efeitos da Lei n.º

c)

carta com aviso de recebimento ou

9.099/95, as contravenções penais e os crimes

telegrama.

a

que a lei comine pena máxima não superior

d)

edital.

a

um ano, excetuados os casos em que a lei

e)

precatória

preveja procedimento especial.

16

(VUNESP - 2012 - TJ-SP - Escrevente

e) nos crimes em que a pena mínima cominada

for igual ou inferior a um ano, abrangidas ou não pela Lei n.º 9.099/95, o Ministério Público,

ao oferecer a denúncia, poderá propor a suspensão do processo, por dois a quatro anos, desde que o acusado não esteja sendo processado ou não tenha sido condenado por outro crime, presentes os demais requisitos que autorizariam a suspensão condicional da pena.

13 (VUNESP - 2012 - TJ-SP - Escrevente Técnico Judiciário) Nos termos do art. 257 do CPP cabe, ao Ministério Público,

I. promover, privativamente, a ação penal

pública, na forma estabelecida no CPP;

II. buscar a condenação dos indiciados em

inquérito policial;

III. fiscalizar a execução da lei.

É correto o que se afirma em

a) I e II, apenas. b) II e III, apenas.

Técnico Judiciário) O CPP, no § 3.º do art. 406, logo após a citação, faculta ao acusado que apresente resposta escrita

a) oferecendo documentos e justificações, e

especificando provas pretendidas, apenas.

b) arguindo preliminares, oferecendo documentos e justifi-cações, e especificando provas pretendidas, apenas.

c) arguindo preliminares, alegando tudo que

interesse a sua defesa, oferecendo

documentos e justificações, especifi-cando provas pretendidas e arrolando testemunhas.

d) arguindo preliminares, apenas.

e) arguindo preliminares e arrolando testemunhas, apenas.

17 (VUNESP - 2012 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) São requisitos necessários para que se articulem os embargos infringentes e de nulidade do parágrafo único do art. 609 do CPP:

I. decisão de segunda instância; II. decisão desfavorável ao réu;

único do art. 609 do CPP: I. decisão de segunda instância; II. decisão desfavorável ao réu;
3
3

www.cers.com.br

III. decisão unânime. É correto o que se afirma em a) I e II, apenas.

III. decisão unânime. É correto o que se afirma em

a) I e II, apenas.

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

Crime cuja pena máxima seja de 3 anos. Considere que os crimes serão isoladamente processados.

b) I, II e III

a)

Ordinário; sumaríssimo; sumário.

c) I e III, apenas.

b)

Ordinário; ordinário; sumaríssimo.

d) II e III, apenas.

c)

Ordinário; sumário; sumaríssimo.

e) I, apenas.

d)

Sumário; sumário; sumaríssimo.

18 (VUNESP - 2012 - TJ-SP - Escrevente

a) de menor potencial ofensivo … não esteja

e)

Sumário; sumário; sumário.

Técnico Judiciário) Nos crimes

20

(VUNESP - 2011 - TJ-SP - Escrevente

, o Ministério Público, ao

Técnico Judiciário) Considere as seguintes

oferecer a denúncia, poderá propor a

assertivas:

suspensão do processo, por dois a quatro anos, desde que o acusado , presentes os demais requisitos que autorizariam Assinale a alternativa cujas expressões completam, correta e respectivamente, o art. 89 da Lei n.º 9.099/95.

sendo processado ou não tenha sido condenado por outro crime … a suspensão condicional da pena

I. a suspeição não poderá ser declarada nem reconhecida, quando a parte injuriar o juiz ou de propósito der motivo para criá-la; II. nos juízos coletivos, não poderão servir no mesmo processo os juízes que forem entre si parentes, consanguíneos ou afins, em linha reta ou colateral até o terceiro grau, inclusive; III. o juiz dar-se-á por suspeito, e, se não o fizer, poderá ser recusado por qualquer das partes, se ele, seu cônjuge, ascendente ou

É correto o que se afirma em

b)

em que a pena mínima cominada for igual

descendente, estiver respondendo a

ou inferior a um ano, abrangidas ou não por esta Lei … não esteja sendo processado ou não tenha sido condenado por outro crime … a suspensão condicional da pena c) de menor potencial ofensivo … seja primário

processo por fato análogo, sobre cujo caráter criminoso haja controvérsia.

… a substituição da pena privativa de liberdade

a)

III, apenas.

d)

em que a pena mínima cominada for igual

b)

I e II, apenas.

ou inferior a um ano, abrangidas ou não por

c)

I e III, apenas.

esta Lei

seja

pri-mário

a suspensão

d)

II e III, apenas.

condicional da pena

e)

I, II e III.

e)

em que a pena mínima cominada for igual

 

ou inferior a um ano, abrangidas ou não por

21

(VUNESP - 2011 - TJ-SP - Escrevente

esta Lei

não tenha sido condenado por outro crime substituição da pena privativa de liberdade

não esteja sendo processado ou

a

19 (VUNESP - 2011 - TJ-SP - Escrevente Técnico Judiciário) (QUESTÃO ADAPTADA) Assinale a alternativa que, respectivamente, traz a espécie do rito procedimental adotado (CPP, art. 394 e Lei n.º 9.099/95, art. 61) para o processo e julgamento de cada um dos três crimes citados.

Crime cuja pena máxima seja de 8 anos. Crime cuja penal máxima seja de 1 ano.

Técnico Judiciário) Se por ocasião do interrogatório o acusado indica seu defensor (advogado), o qual não traz por

escrito o instrumento de mandato (procuração),

a) deverá o juiz nomear defensor público ao

acusado. b) referida constituição é válida, não sendo

necessária outra providência de regularização.

c) deverá o advogado providenciar a juntada

do instrumento de mandato no próximo ato processual que realizar.

o advogado providenciar a juntada do instrumento de mandato no próximo ato processual que realizar. 4
4
4

www.cers.com.br

d) deverá o juiz conceder prazo de 2 (dois) dias, a fim de que a

d) deverá o juiz conceder prazo de 2 (dois)

dias, a fim de que a representação processual

seja regularizada.

e) deverá o juiz declarar o acusado indefeso,

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

De acordo com o CPP em suas disposições gerais sobre os recursos (arts. 574 a 580), é correto apenas o que se afirma em

intimando-o a indicar por escrito novo defensor no prazo de 2 (dois) dias.

a)

II.

b)

III.

22

(VUNESP - 2011 - TJ-SP - Escrevente

c)

I e II.

Técnico Judiciário) Estabelece o art. 366 do

d)

I e III.

CPP que o acusado citado por edital que não comparece nem nomeia defensor

e)

II e III.

25

(VUNESP - 2010 - TJ-SP - Escrevente

a) será declarado revel, com consequente

nomeação de defensor dativo, o qual

acompanhará o procedimento até seu final. b) será declarado revel, admitindo-se verdadeiros os fatos articulados na denúncia ou queixa.

c) terá, obrigatoriamente, decretada prisão

preventiva em seu desfavor.

d) terá o processo e o curso do prazo

Técnico Judiciário) Normatiza o art. 274 do Código de Processo Penal: as prescrições sobre suspeição dos juízes estendem-se aos serventuários e funcionários da justiça, no que lhes for aplicável. Nos exatos termos do art. 254 do mesmo Código de Processo Penal, o juiz é considerado suspeito se

prescricional suspensos.

I.

for amigo íntimo ou inimigo capital de

e)

será intimado por hora certa.

qualquer das partes;

23

(VUNESP - 2011 - TJ-SP - Escrevente

II.

tiver aconselhado qualquer das partes;

Técnico Judiciário) Considere o tratamento atual dado pelo CPP ao registro audiovisual dos depoimentos realizados em audiência. Trata-se de

III. tiver funcionado como juiz de outra instância, pronunciando- se, de fato ou de direito, sobre a questão. É correto o que se afirma em

 

a)

I, apenas.

a) modalidade expressamente vetada.

b)

I e II, apenas.

b) inovação desejável, mas que ainda não é

c)

I e III, apenas.

expressamente autorizada.

d)

II e III, apenas.

c)

providência obrigatória para todos os juízos

e)

I, II e III.

de primeiro grau.

 

d)

possibilidade prevista legalmente, a fim de

26

(VUNESP - 2010 - TJ-SP - Escrevente

obter maior fidelidade das informações.

e) salutar medida de economia processual,

mas que só tem validade se realizada a posterior e integral transcrição por escrito das

gravações.

24 (VUNESP - 2011 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) Considere as seguintes assertivas:

I. o Ministério Público poderá desistir de recurso que haja interposto;

II. não se admitirá recurso da parte que não

tiver interesse na reforma ou modificação da decisão; III. salvo a hipótese de má-fé, a parte não será prejudicada pela interposição de um recurso por outro.

Técnico Judiciário) Considere as seguintes

situações com relação à citação: réu militar; réu que não é encontrado; réu que se oculta para não ser citado. Assinale a alternativa que traz, correta e respectivamente, as modalidades de citação que estão adequadas às três situações mencionadas, nos termos dos arts. 351 a 369 do Código de Processo

Penal.

a) Por correio; por hora certa; por edital.

b) Por carta de ordem; por edital; por rogatória.

c) Pessoal, por mandado; por hora certa; por

hora certa. d) Por intermédio do chefe de serviço; por edital; por hora certa.

por hora certa; por hora certa. d) Por intermédio do chefe de serviço; por edital; por
5
5

www.cers.com.br

e) Por intermédio do chefe de serviço; por hora certa; por correio. 27 (VUNESP -

e) Por intermédio do chefe de serviço; por hora certa; por correio.

27 (VUNESP - 2010 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) Assinale a alternativa correta com relação à regra instituída pelo Código de Processo Penal no que concerne

aos procedimentos comuns.

a) O sumaríssimo é adotado para os réus

maiores de 70 (setenta) anos.

b) O sumário é adotado para as infrações

penais de menor potencial ofensivo.

c) O sumário é adotado quando o réu estiver

preso, ou quando estiver presente outro motivo que justifique o desenvolvimento célere dos atos processuais.

d) O sumaríssimo é adotado quando o crime

objeto da ação penal tiver sanção máxima

cominada igual ou inferior a 4 (quatro) anos de pena privativa de liberdade.

e) O ordinário é adotado quando o crime

objeto da ação penal tiver sanção máxima cominada igual ou superior a 4 (quatro) anos

de pena privativa de liberdade.

28 (VUNESP - 2010 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) Nos estritos termos do art. 395 do Código de Processo Penal, a

denúncia ou queixa será rejeitada quando

a) o agente for inimputável.

b) faltar justa causa para o exercício da ação

penal.

c) existir manifesta causa excludente de

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

c) O número máximo de testemunhas a serem

ouvidas a requerimento da acusação e da

defesa. d) A possibilidade de oitiva do perito,

unicamente prevista para o procedimento comum ordinário.

e) A possibilidade de absolvição sumária,

unicamente prevista para o procedimento comum sumário.

30 (VUNESP - 2010 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) Consideram-se infrações penais de menor potencial ofensivo, nos termos do art. 61 da Lei n.º

9.099/95,

a) as contravenções penais e os crimes a que

a lei comine pena máxima não superior a 2 (dois) anos, cumulada ou não com multa.

b) aquelas assim descritas a critério do órgão

do Ministério Público, titular da ação penal pública.

c) aquelas que estejam sujeitas à aplicação do

instituto da suspensão condicional do

processo.

d) aquelas cujo prejuízo material não for

superior a 20 (vinte) salários mínimos. e) as punidas exclusivamente com multa ou prisão simples.

31 (VUNESP - 2014 - TJ-RJ - Juiz Substituto) Recurso que exige concomitante interposição e apresentação de razões:

ilicitude do fato.

a)

apelação no rito ordinário.

d)

ficar patente a incompetência do juízo a que

b)

apelação no rito sumaríssimo.

fora oferecida.

c)

apelação no rito sumário.

e)

existir manifesta causa excludente da

d)

recurso em sentido estrito no rito ordinário.

culpabilidade do agente.

 

32

(VUNESP - 2009 - TJ-SP - Oficial de

29 (VUNESP - 2010 - TJ-SP - Escrevente

Técnico Judiciário) Assinale a alternativa em que consta aspecto que diferencia o procedimento comum ordinário do procedimento comum sumário.

a) A ordem de inquirição das testemunhas

arroladas pela acusação e defesa.

b) O período de tempo que é concedido para

acusação e defesa falarem em alegações finais orais.

Justiça) Quanto à intimação da decisão de

pronúncia, pode-se afirmar que

I. o acusado solto que não for encontrado será intimado por edital; II. o acusado preso será intimado por via postal; III. o acusado solto será intimado pessoalmente, desde que seu advogado ainda não tenha sido intimado pelo diário oficial.

Está correto apenas o contido em

que seu advogado ainda não tenha sido intimado pelo diário oficial. Está correto apenas o contido
6
6

www.cers.com.br

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado a) I e II. I. O acusado,

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

a)

I e II.

I. O acusado, na relação jurídica processual, pode ser chamado de sujeito

b)

I e III.

do processo.

c)

II e III.

II. O acusado possui direitos no processo

d)

I.

penal, entre eles: de ser processado e

e)

III.

julgado por autoridade competente, à assistência jurídica gratuita no caso de não

33

(VUNESP - 2009 - TJ-SP - Oficial de

dispor de recursos e de não ser submetido

Justiça) A regularidade na intimação da

testemunha, que será ouvida em juízo, poderá implicar a

a) validade de seu depoimento.

b) sua condução coercitiva.

c) absolvição do acusado.

d) condenação do acusado.

à identificação criminal, quando civelmente

identificado. III. O acusado será declarado revel e terá seu processo suspenso, sempre que não seja encontrado para a citação pessoal.

Está correto o contido em

e) nulidade de seu depoimento.

a)

I e II, apenas.

b)

I e III, apenas.

34 (VUNESP - 2012 - TJ-MG Juiz) Analise

c)

II e III, apenas.

as proposições seguintes.

d)

I, II e III.

I. Aplica-se a revelia ao acusado que, citado

36

(VUNESP - 2009 - TJ-MS - Titular de

ou intimado pessoalmente para qualquer

Serviços de Notas e de Registros) Assinale

ato, deixar de comparecer ao juízo sem motivo justificado e não atender ao chamado deste, ou, no caso de mudança de residência, não comunicar o novo endereço

alternativa que apresenta o prazo correto para o oferecimento da resposta à acusação nos procedimentos ordinário e sumário.

a

ao juízo. II. No caso de determinação de citação por

a) 15 dias em ambos os procedimentos.

carta rogatória, de réu no estrangeiro, em

b) 10 dias em ambos os procedimentos.

lugar sabido, suspende-se o curso do prazo

c) 15 dias no procedimento ordinário e 10 dias

prescricional até o seu cumprimento.

no procedimento sumário.

III. As cartas rogatórias só serão expedidas

d)

20 dias no procedimento sumário e 10 dias

se demonstrada previamente a sua

no procedimento ordinário.

imprescindibilidade, arcando a parte

e)

10 dias no procedimento ordinário e 5 dias

requerente com os custos do envio. IV. Quando o réu se ocultar para não ser

no procedimento sumário.

citado no juízo deprecado, deve-se

37

(VUNESP - 2009 - TJ-MS - Titular de

devolver a carta precatória ao juízo deprecante para realizar a citação por edital. Está correto apenas o que se afirma em

Serviços de Notas e de Registros) Seguindo a regra geral contida no art. 403 do CPP, é correto afirmar que no procedimento ordinário as alegações finais serão

a)

II e III

b)

III e IV

a) oferecidas por escrito no prazo de 10 dias.

c)

I, II e IV

b) orais por vinte minutos, respectivamente,

d)

II, III e IV.

pela acusação e pela defesa, com direito à prorrogação por mais 10 minutos.

35

(VUNESP - 2008 - DPE-MS - Defensor

c) apresentadas no prazo sucessivo de 5 dias,

Público) Leia as afirmações quanto ao acusado no processo penal brasileiro.

por memorial. d) orais por trinta minutos, respectivamente, pela acusação e pela defesa, com direito à prorrogação por mais 10 minutos

respectivamente, pela acusação e pela defesa, com direito à prorrogação por mais 10 minutos 7 www.cers.com.br
7
7

www.cers.com.br

e) oferecidas por escrito no prazo de 8 dias, respectivamente, pela acusação e pela defesa.

e) oferecidas por escrito no prazo de 8 dias,

respectivamente, pela acusação e pela defesa.

38 (VUNESP - 2010 - MPE-SP - Analista de

Promotoria) Conforme preceitua o art. 396

do CPP, no procedimento comum sumário,

o juiz, ao receber a denúncia ou queixa,

a) notificará o acusado e designará data para

seu interrogatório.

b) nomeará defensor para articular resposta

escrita em favor do acusado.

c) determinará a intimação do acusado e seu

defensor para apresentação de defesa prévia.

d) ordenará a citação do acusado para responder à acusação, por escrito, no prazo de 10 (dez) dias.

e) designará audiência de instrução, debates e

julgamento, oportunidade em que o acusado deverá, por seu defensor, apresentar defesa escrita.

39 (VUNESP - 2013 - TJ-RJ Juiz) Assinale

a alternativa correta relativamente ao

procedimento penal sumaríssimo.

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

41 (VUNESP - 2014 - TJ-PA - Juiz de Direito

Substituto) Defensor de acusado em juízo criminal por bigamia, em sede de resposta escrita à acusação, faz prova de que corre no juízo cível, ainda em primeiro grau, ação anulatória do primeiro casamento. Pede a suspensão da ação penal. Em caso de

deferimento do pedido de suspensão,

de

indeferimento,

. Assinale a alternativa que preenche as lacunas adequada e respectivamente.

; em

caso

a) cabe recurso em sentido estrito

não cabe

qualquer recurso.

b) não cabe qualquer recurso

cabe.

também não

c) cabe recurso em sentido estrito

d) cabe apelação

e) cabe apelação

também.

também.

cabe

recurso em sentido

estrito.

42 (VUNESP - 2014 - PC-SP - Delegado de

Polícia) Cabe recurso de ofício da sentença

a) que conceder habeas corpus.

a)

processual e da informalidade, é inadmissível

Embora vigorem os princípios da economia

b) que absolver o réu por inexistência do crime.

a prolação de uma sentença que não contenha

c)

de pronúncia.

relatório.

d)

de absolvição sumária.

b)

Não se pronunciará qualquer nulidade sem

e)

que denegar habeas corpus.

que tenha havido prejuízo.

 

c)

Não encontrado o acusado para ser citado,

43

(VUNESP - 2011 - TJ-SP - Titular de

o juiz encaminhará as peças existentes ao

juízo comum para adoção do procedimento ordinário.

d) A competência territorial do Juizado será

Serviços de Notas e de Registros) Assinale

a alternativa correta. Qual o recurso cabível das decisões de absolvição sumária e impronúncia?

determinada pelo lugar em que se consumar a infração, ou, no caso da tentativa, pelo lugar

a)

Apelação.

em que for praticado o último ato de execução.

b)

Recurso em sentido estrito.

c)

Agravo.

40

(VUNESP - 2008 - TJ-SP Juiz) Se a

d)

Nenhuma das alternativas anteriores.

infração,

embora de menor potencial

44

(VUNESP - 2009 - TJ-SP Juiz) No

ofensivo, deva processar-se perante o juízo

comum, em virtude da impossibilidade de

66,

parágrafo único, da Lei n.º 9.099/95), o rito procedimental será o

citação

pessoal

do

acusado

(art.

a) ordinário.

b) sumário.

c)

d)

sumaríssimo.

especial.

procedimento relativo aos processos da

competência do Tribunal do Júri, a decisão

impronuncia o acusado pode ser

que

impugnada, na esfera recursal, por meio de

a) habeas corpus.

b) recurso em sentido estrito.

c)

d)

agravo.

apelação.

esfera recursal, por meio de a) habeas corpus. b) recurso em sentido estrito. c) d) agravo.
8
8

www.cers.com.br

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado 45 (VUNESP - 2012 - DPE-MS -

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

45 (VUNESP - 2012 - DPE-MS - Defensor Público) Assinale a alternativa que contém hipótese correta de cabimento do recurso

indicado.

a) Caberá recurso, no sentido estrito, da

decisão, despacho ou sentença que decidir o

incidente de falsidade.

b) Dar-se-á carta testemunhável da decisão

que admitir o recurso e não crie óbice à sua expedição e seguimento para o juízo ad quem.

c) Aos acórdãos proferidos pelos Tribunais de

Apelação, Câmaras ou Turmas, poderão ser opostos embargos de declaração, no prazo de

três dias contados da sua publicação, quando não for unânime a decisão de segunda instância.

d) Caberá apelação da decisão que não

receber a denúncia ou a queixa no rito ordinário do procedimento comum previsto no Código de Processo Penal.

46 (VUNESP - 2011 - TJ-RJ Juiz) Assinale a alternativa correta.

a) Dar-se-á carta testemunhável da decisão

que denegar o recurso.

b) O Ministério Público pode desistir de

recurso que haja interposto desde que se trate

de crime de menor potencial ofensivo. c) Réu que teve declarada extinta a

punibilidade por prescrição pode recorrer pedindo decisão de mérito da acusação.

d) A apelação da sentença absolutória impede

que o réu seja posto imediatamente em liberdade.

47 (VUNESP - 2011 - TJ-SP Juiz) A respeito dos recursos no processo penal, analise as proposições seguintes.

I. Da decisão que recebe a denúncia ou a

queixa cabe recurso em sentido estrito.

II. Caso a parte interponha o recurso errado,

por mero equívoco e de boa-fé, dentro do prazo para o recurso correto, o juiz o receberá e mandará processá-lo pelo rito do recurso cabível. III. Na hipótese de concurso de agentes, caso o Tribunal, no julgamento de apelação interposta apenas por um dos acusados, dê provimento ao recurso para absolvê-lo, reconhecendo a atipicidade da conduta,

por ter ocorrido abolitio criminis, deverá estender o resultado ao corréu, ainda que a sentença tenha transitado em julgado com relação a este. IV. O recurso cabível da decisão de absolvição sumária no processo comum (art. 397, do Código de Processo Penal) é o de apelação. V. É admissível a reiteração de pedido revisional, ainda que não fundado em novas provas.

Está correto apenas o contido em

a) I, III e IV.

b) I, II e III.

c) II, III e IV

d) II, III e V.

e) I, II e V.

48 (VUNESP - 2011 - TJ-SP - Titular de Serviços de Notas e de Registros) Qual o recurso cabível da decisão, despacho ou sentença que concluir pela incompetência do juízo?

a) Correição Parcial.

b) Apelação.

c) Agravo.

d) Recurso em Sentido Estrito.

49 (VUNESP - 2010 - MPE-SP - Analista de Promotoria) No que diz respeito ao procedimento dos processos de competência do Tribunal do Júri, assinale a alternativa que traz, respectivamente, os recursos cabíveis contra as decisões de rejeição da denúncia, de impronúncia, de pronúncia e de absolvição sumária.

a) Recurso em sentido estrito; apelação;

apelação; apelação.

b) Apelação; apelação; apelação; recurso em

sentido estrito.

c) Recurso em sentido estrito; apelação;

recurso em sentido estrito; apelação.

d) Apelação; recurso em sentido estrito;

apelação; recurso em sentido estrito. e) Recurso em sentido estrito; recurso em sentido estrito; recurso em sentido estrito; apelação.

e) Recurso em sentido estrito; recurso em sentido estrito; recurso em sentido estrito; apelação. 9 www.cers.com.br
9
9

www.cers.com.br

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado 50 (VUNESP - 2007 - OAB-SP -

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

50 (VUNESP - 2007 - OAB-SP - Exame de Ordem) Qual o recurso cabível em face da decisão de um juiz de primeira instância que concede ou nega ordem de habeas corpus?

54 (VUNESP - 2008 - TJ-MT - Técnico Judiciário) Se o réu estiver condenado e preso, e for ordenada judicialmente sua citação em razão de um novo processo

a)

deverá ser realizada por edital.

a) Recurso ordinário.

b)

deverá ser realizada por carta precatória.

b) Apelação.

c)

deverá ser realizada pessoalmente.

c) Recurso em sentido estrito.

d)

não poderá ser realizada senão por

d) Carta testemunhável.

51 (VUNESP - 2007 - OAB-SP - Exame de Ordem) Assinale a alternativa correta no que tange aos recursos.

a) O Ministério Público poderá desistir do

recurso que haja interposto.

b) Caberá apelação da decisão que indeferir o

pedido de reconhecimento da prescrição.

c) O réu não poderá apelar de sentença

absolutória proferida em primeira instância.

d) O Juiz de 1.o grau deverá recorrer de ofício

da sentença que conceder habeas corpus.

52 (VUNESP - 2008 - TJ-MT - Técnico Judiciário) A denúncia ou queixa será rejeitada quando:

I. o fato narrado evidentemente não constituir crime; II. o réu estiver foragido;

III. já estiver extinta a punibilidade pela

prescrição ou outra causa.

intermédio do chefe do estabelecimento prisional. e) não poderá ser realizada até que seja

cumprida a pena que ensejou a prisão.

55 (VUNESP - 2014 - DPE-MS - Defensor Público) Considere que é efetivada a citação por hora certa e, mesmo assim, o acusado não comparece para se defender e nem constitui advogado. Nessa hipótese

a) ficarão suspensos o processo e o curso do

prazo prescricional, com possibilidade de

produção antecipada de provas.

b) ficarão suspensos o processo e o curso do

prazo prescricional, com possibilidade de imediata decretação de prisão preventiva. c) ser-lhe-á nomeado defensor dativo e o processo seguirá seu curso.

d) será tentada a citação por edital, com prazo

de 15 (quinze) dias.

56 (VUNESP -

2014 -

TJ-PA -

Analista

 

Judiciário

-

Fiscal

de

Arrecadação)

Está correto apenas o contido em

Assinale

a

alternativa

que

preenche

adequadamente a lacuna.

a) I

Determina o

art.

546

do

CPP

que

os

b) II

causadores

de

extravio

de

c) III

autos

d) I e II.

e) I e III.

53 (VUNESP - 2008 - TJ-MT - Técnico Judiciário) Quando o réu residir fora do território da jurisdição do juiz processante, sua citação será

a) suspensa até que ele seja encontrado.

b) suspensa e o réu será declarado revel.

c) realizada por edital.

d) realizada por carta precatória.

e) realizada com hora certa.

a) não mais poderão com eles lidar

b) ficam proibidos de manusear documentos

sigilosos

c) serão multados em valor de um a cinco

salários-mínimos

d) sofrerão punição disciplinar de advertência

a demissão do serviço público

e) responderão pelas custas, em dobro, sem

prejuízo da responsabilidade criminal

57 (VUNESP - 2008 - TJ-SP Juiz) É correto afirmar que a impossibilidade de identificar o acusado com o seu nome e outros dados qualificativos

afirmar que a impossibilidade de identificar o acusado com o seu nome e outros dados qualificativos
10
10

www.cers.com.br

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado a) impede o oferecimento de denúncia. b)

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

a) impede o oferecimento de denúncia.

b) obsta a prolação da sentença.

c) constitui obstáculo à execução da

sentença.

d) não retarda a ação penal quando certa a

identidade física do acusado.

58 (VUNESP - 2008 - TJ-SP Juiz) Quanto ao sursis processual (Lei n.º 9.099/95), assinale a alternativa correta.

a) Os requisitos previstos para a concessão

da suspensão condicional da pena (CP, art.

77), também subordinam a proposta de suspensão condicional do processo.

b) O benefício é incogitável após o

encerramento da instrução criminal, pois, nos crimes em que a pena mínima cominada for igual ou inferior a 1 (um) ano, abrangidas ou não por esta Lei, o Ministério Público, ao oferecer denúncia, poderá propor a suspensão condicional do processo (art. 89, caput, da Lei n.º 9.099/95).

c) O descumprimento das condições legais do

sursis processual (Lei n.º 9.099/95, § 1º),

constitui causa de revogação obrigatória do benefício.

d) A aceitação do sursis processual impede

que o acusado conteste, por qualquer meio, durante o período de prova, a falta de justa

causa para a ação penal.

59 (VUNESP - 2008 - TJ-SP Juiz) No tocante ao acusado que, citado pessoalmente, muda de residência e, sem motivo justificado, não comunica ao juiz o novo endereço, é correto afirmar que:

a) a revelia torna desnecessária a intimação

do acusado para os demais atos do processo

até a sentença. b) a revelia irradia seus efeitos após a sentença condenatória, autorizando a intimação do acusado por edital sem nova procura pessoal.

c) a revelia não dispensa a intimação do

acusado para os demais atos do processo.

d) a revelia somente dispensa a intimação

para os demais atos do processo do acusado que tiver defensor constituído.

60 (VUNESP - 2007 - TJ-SP - Técnico

Judiciário Interior) Assinale a alternativ.a

que apresenta hipótese de recurso de ofício.

a) Sentença definitiva de absolvição, motivada

na inexistência de provas para a condenação.

b) Decisão absolutória do tribunal do júri.

c) Sentença que conceder habeas corpus.

d) Sentença que não receber a denúncia ou

queixa.

e) Decisão que julgar procedente qualquer

das exceções, salvo a de suspeição

61 (VUNESP - 2007 - TJ-SP - Técnico

Judiciário Interior) “X” foi denunciado pelos crimes de lesão corporal e furto. Todavia, há cinco dias atrás foi condenado tão somente pelo delito de lesão corporal, tendo sido absolvido pelo crime de furto, uma vez que foi reconhecida na sentença a inexistência do fato. Assim sendo, é correto afirmar que

a) “X” não poderá apelar da sentença, visto

que foi absolvido.

b) ”X” não poderá recorrer da sentença, uma

vez que não interpôs o termo de apelação no prazo de 3 dias conforme previsto em lei.

c) “X” não poderá intentar o recurso cabível

por falta de interesse e legitimidade

processual.

d) considerando que as apelações poderão

ser interpostas, quer em relação a todo o

julgado, quer em relação a parte dele, “X” poderá recorrer com relação à condenação pelo crime de lesão corporal

e) por se tratar de uma das hipóteses de

recurso em sentido estrito, “X” deverá interpor,

por meio de seu advogado, recurso no prazo legal de 10 dias, contados da data de sua intimação pessoal da condenação pelo crime de lesão corporal.

62 (VUNESP - 2007 - TJ-SP - Técnico

Judiciário Interior) Os recursos nos casos

das decisões proferidas pelo Tribunal do Júri

a) serão em sentido estrito, não sendo cabível

nenhuma outra espécie recursal.

b) poderão ser de apelação se houver erro ou

injustiça no tocante à aplicação da pena.

recursal. b) poderão ser de apelação se houver erro ou injustiça no tocante à aplicação da
11
11

www.cers.com.br

c) não serão admitidos em face da soberania ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo

c) não serão admitidos em face da soberania

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

a) III, apenas.

absoluta do Tribunal Popular.

b)

I e II, apenas.

d) serão interpostos em até 10 dias após

c)

I e III, apenas.

proferida a decisão do plenário do júri.

d)

II e III, apenas.

e)

somente serão interpostos no plenário do

e)

I, II e III.

júri imediatamente após o juiz tomar ciência da votação dos jurados e proferir a sentença.

66

(VUNESP - 2007 - TJ-SP - Técnico

63 (VUNESP - 2007 - TJ-SP - Técnico

Judiciário Interior) Analise as afirmações:

I. Estendem-se aos escreventes judiciários as regras de suspeição dos juízes.

II. O juiz não poderá exercer a jurisdição em

processo em que ele próprio tiver servido como testemunha. III. O juiz dar-se-á por suspeito se for vizinho do réu.

Está correto o contido apenas em

a) I e II.

b) I e III.

c) II e III

d) I.

e) II.

64 (VUNESP

Judiciário Interior - ADAPTADA PELA

ALTERAÇÃO

processo penal, caso o haja a informação nos autos de que o réu se oculta para não ser encontrado para a citação,

No

Técnico

-

2007

DO

-

TJ-SP

EM

-

CPP

2008)

a) proceder-se-á à citação por hora certa.

b) determinará seja feita a citação por edital.

c) declarará o réu revel.

d) determinará a expedição de mandado de

prisão preventiva.

e) determinará, com o prazo de cinco dias, o

comparecimento do réu ao cartório para ser citado pessoalmente sob pena desobediência.

65 (VUNESP - 2007 - TJ-SP - Técnico

Judiciário)

necessariamente contém:

I. nome completo do réu;

II. subscrição do escrivão e a rubrica do

mandado de citação

Todo

juiz;

III. finalidade.

Está correto o contido em

Judiciário - ADAPTADA) Ao efetuar uma citação por mandado, o oficial de justiça deverá

a) tão somente entregar o mandado ao réu,

pessoalmente.

b) após citar pessoalmente o réu, adverti-lo de

que caso deixe de comparecer ao interrogatório , ser- lhe-á nomeado um defensor, e o processo seguirá sem a sua presença

c) entregar o mandado ao réu pessoalmente e

lavrar certidão de sua aceitação ou recusa.

d) proceder à leitura do mandado ao réu e

entregar-lhe a contrafé, e ainda, certificar a

entrega da confrafé e de sua aceitação ou recusa.

e) fazer com que o réu faça aposição de ciente

no original do mandado.

67 (VUNESP - 2007 - TJ-SP - Técnico

Judiciário - ADAPTADA) No procedimento

comum ordinário,

a) poderão ser ouvidas até 8 testemunhas de

acusação e até 8 testemunhas de defesa.

b) poderão ser ouvidas no mínimo 8

testemunhas de acusação e 8 testemunhas de defesa.

c) poderão ser ouvidas todas as testemunhas

arroladas na denúncia, e no máximo 10 testemunhas arroladas pela defesa.

d) poderão ser ouvidas até 5 testemunhas

arroladas por cada parte.

e) somente poderão ser ouvidas as

testemunhas arroladas na denúncia.

68 (VUNESP - 2007 - TJ-SP - Técnico

Judiciário) As presenças imprescindíveis,

diante do juiz, na audiência preliminar prevista na Lei n.º 9.099/95, são:

a) autor do fato e vítima, devidamente

acompanhados por seus advogados.

b) autor do fato, vítima, representante do

Ministério Público e o responsável civil.

advogados. b) autor do fato, vítima, representante do Ministério Público e o responsável civil. 12 www.cers.com.br
12
12

www.cers.com.br

c) réu, vítima e representante do Ministério Público. d) réu, vítima ou seu representante legal,

c) réu, vítima e representante do Ministério

Público.

d) réu, vítima ou seu representante legal, promotor de justiça e o responsável civil.

e) autor do fato, vítima e seus respectivos

advogados, e o representante do Ministério Público.

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

representante do Ministério Público. ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado 13 www.cers.com.br
13
13

www.cers.com.br

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado GABARITO – D 1 – E 3

ESCREVENTE TÉCNICO TJ/SP Direito Processual Penal Paulo Machado

GABARITO

D

1

E

3

4

B

- C

7

B

9

B

A

12

13

B

15

16 C

17 A

18 B

19 A

20 E

21 B

22 D

23 D

24 E

25 B

26 D

27 E

28 B

29 C

30 A

31 B

32 D

33 - B

34 A

35 A

36 B

37 B

38 D

39 B

40 B

41 A

42 A

43 A

44 D

45 A

46 A

47 C

48 D

49 - C

50 C

51 D

8

6

5

2

A

C

D

A

10

11

14

-

E

C

E

52

53

54

55

56

57

58

59

60

61

62

63

64

65

66

67

68

E

D

C

C

E

D

D

A

C

D

B

A

A

D

D

A

E

– C – C – E – D – D – A – C – D
14
14

www.cers.com.br