Você está na página 1de 19
E E E C C E C C C
E E E C C E C C C
E
E
E
C
C
E
C
C
C
C C C E E E E C E
C C C E E E E C E
C C C E E E E C E
C
C
C
E
E
E
E
C
E
C E C C E C C C E E C E
C
C
E C C E
E
C
C
E
C C C E E C E
C
C
C
E
E
C
E
E A planária pertence ao reino Animalia, Filo Platyhelminthes e classe Turbellaria. de reprodução assexuada
E A planária pertence ao reino Animalia, Filo Platyhelminthes e classe Turbellaria. de reprodução assexuada

E

A planária pertence ao reino Animalia, Filo Platyhelminthes e classe Turbellaria.
A planária pertence ao reino Animalia, Filo
Platyhelminthes e classe Turbellaria.

de

reprodução assexuada por fissão seguida de regeneração.

A

tirinha

retrata

uma

forma

Taenia sp e Schistosoma mansoni são exemplos de vermes parasitas.

E E E C C C C E C C E 0 1 7
E E E C C C C E C C E 0 1 7
E
E
E
C
C
C
C
E
C
C
E
0 1
7
C C C C E E E
C C C C E E E
C C
C
C
C C E E E
C
C
E
E
E
C
C
C C E
C E
C
E
C E C E E
C E C E E
C
E
C
E
E
C E 1 5 0
C E 1 5 0
C E 1 5 0
C
E
1 5 0
E C 8 1 9
E C 8 1 9
E
C
8
1 9
E C 8 1 9
C B D A

C

C B D A

B

C B D A

D

A
A
C B D A
C
C
C
C
C
C
C C C E E
C C E E
C
C
E
E

Comentários sobre a Redação

Na proposta de redação desta etapa do PAS, é exigido que o candidato ela- bore um texto de natureza argumentativa. Nesse caso, o aluno deve imaginar uma situação no futuro, no ano de 2079, quando robôs com aparência humana circulam pelas ruas em meio aos seres humanos. Dentro desse con- texto, é promulgada uma lei mundial que determina que todos os androides sejam deportados para colônias extraterrestre. A proposta ainda ressalta que o problema deriva do fato de que o candidato descobre que é um androide. Assim, a banca exige a construção de um texto que convença os líderes da Terra de que não há diferença entre androides e humanos. Os textos da prova possibilitam uma antiga e clássica reflexão: homem versus máquina.

Quanto à estruturação, o aluno deve usar a 1ª pessoa do singular la e e
Quanto à estruturação, o aluno deve usar a 1ª pessoa do singular
la
e e
apresentar
um parágrafo introdutório com uma breve exposição da história da protago-
ória
nista; parágrafos de desenvolvimento que demonstrem que não há
o há
diferenças
entre androides e máquinas, além de estabelecer um diálogo ao longo do
,
a
texto com os interlocutores afim de convencê-los disso; e um último parágra-
ti
fo de conclusão, enfatizar que androides e humanos são iguais. fo de conclu fa ti
fo de conclusão, enfatizar que androides e humanos são iguais.
fo de conclu
fa ti
e andro
umano s são i
is
Ao longo dessa segunda
A
gu
da
etapa,
os
os alunos do Colégio Galois foram
o
ois
m
preparados
parad
para lidar com textos argumentativos e seu processo de composição e estru-
xtos
arg
at
u p
co
si
estru-
turação,
t
além das s
demais tipologias textuais exigidas pelo PAS e seus respec- -
is t
gi
is e
o P
e s
tivos critérios de
tivos critério
de
avaliação.
ão.
Assim, não há surpresa ou desafio frente ao que
sim, não h
urpre
u de
fre
ao que
foi exigido pela prova.
ão. Assim, não há surpresa ou desafio frente ao que sim, não h urpre u de
ão. Assim, não há surpresa ou desafio frente ao que sim, não h urpre u de
ão. Assim, não há surpresa ou desafio frente ao que sim, não h urpre u de
ão. Assim, não há surpresa ou desafio frente ao que sim, não h urpre u de