Você está na página 1de 2

MA280208

Frente: 01 Aula: 03

PROFº: MAURO NASCIMENTO INTERPRETAÇÃO TEXTUAL


A Certeza de Vencer
Fale conosco www.portalimpacto.com.br

Francie Baltazar-Schwartz

Jerry era o tipo do sujeito que você adoraria odiar. Estava sempre bem e tinha sempre algo positivo para dizer. Quando
alguém perguntava "Como vai?", ele respondia: "Muito bem, e cada vez melhor!". Ele era o único gerente de uma cadeia de
restaurantes. E todos os garçons seguiam seu exemplo. A razão dos garçons seguirem Jerry era a sua atitude. Ele era
naturalmente motivador. Se algum empregado estivesse tendo um mau dia, Jerry estava lá, mostrando ao empregado como olhar
pelo lado positivo da situação.
Sentia-me realmente curioso ao observar o seu estilo, e então, um dia eu perguntei: "Eu não acredito! Não podes ser uma
pessoa positiva o tempo todo... Como consegues?". E ele: "Toda manhã eu acordo e digo a mim mesmo: Jerry, tens duas escolhas
hoje: escolher estar bem ou escolher estar mal, estar "em baixo"... Então eu escolho estar bem. Quando acontece alguma coisa
desagradável, eu posso escolher ser vítima da situação ou posso escolher aprender algo com isso. Eu escolho aprender algo com
isso! Quando alguém vem reclamar comigo, eu posso escolher aceitar a reclamação, ou posso escolher apontar o lado positivo da
vida para a pessoa. Eu escolho apontar o lado positivo da vida."
Então eu argumentei: "OK!!! Mas não é tão fácil assim!!!" "É fácil sim" - Jerry disse... "Ávida consiste em escolhas.
Quando tiras todos os detalhes e "enxugas" a situação, o que sobra são escolhas, decisões a serem tomadas. Tu escolhes como
reagir às situações. Tu escolhes como as pessoas te irão afectar. Tu escolhes estar feliz ou triste, calmo ou nervoso... Em suma: é
escolha tua como você vive sua vida!".
Bem, eu não tinha escolha senão refletir sobre tudo o que Jery dissera...
Algum tempo depois deixei o restaurante para abrir meu próprio negócio. Nós perdemos contacto, mas eu frequentemente
pensava nele quando tomava a decisão de viver ao invés de ficar reagindo às coisas. Alguns anos mais tarde, eu ouvi dizer que
Jerry havia feito algo que nunca se deve fazer quando se trata de restaurantes: deixou a porta dos fundos aberta, e foi rendido por
três assaltantes armados. Enquanto tentava abrir o cofre, nervoso, errou a combinação. Os ladrões entraram em pânico, atiraram
nele e fugiram. Por sorte, Jerry foi encontrado relativamente rápido e foi levado às pressas ao pronto-socorro local. Depois de
dezoito horas de cirurgia e algumas semanas de tratamento intensivo, Jerry foi liberado do hospital com alguns fragmentos de
balas ainda em seu corpo. Encontrei com Jerry seis meses depois do incidente.
Quando perguntei: "Como estás?" ele respondeu "Muito bem, e cada vez melhor!!! Queres ver minhas cicatrizes?"
Perguntei o que passou pela mente dele quando os ladrões invadiram o restaurante. "A primeira coisa que veio à minha cabeça foi
que eu deveria ter trancado a porta dos fundos..." respondeu. "Então, depois, quando estava baleado no chão, lembrei que eu tinha
duas escolhas: podia escolher viver ou podia escolher morrer. Eu escolhi viver".
Perguntei: "Não tiveste medo? Não perdeste os sentidos?" Jerry
continuou: "A equipe médica era óptima. Eles diziam o tempo todo que tudo ia
dar certo, que tudo ia ficar bem. Mas, quando fui levado de maca para a sala de
emergência eu vi as expressões nos rostos dos médicos e enfermeiras. E tive
medo. Em seus olhos eu lia: 'Ele é um homem morto'. Eu sabia que tinha que
fazer alguma coisa."
"E o que fizeste?" - perguntei. "Bem, havia uma enfermeira grande e
forte fazendo perguntas... Ela perguntou se eu era alérgico a alguma coisa...
'Sim', eu respondi. Os médicos e enfermeiras pararam imediatamente,
esperando por minha resposta... eu respirei fundo e respondi: 'Balas!' Enquanto
eles riam eu disse: 'Eu estou escolhendo viver. Operem como se eu estivesse vivo,
não morto.'"
Jerry sobreviveu graças à experiência e habilidade dos médicos, mas
também por causa de sua atitude. E aprendi com ele que todos os dias temos que escolher viver a vida em sua plenitude, viver por
completo.
Para entender o valor de um
TEXTO II Para entender o valor de uma hora: milisegundo:
pergunte aos apaixonados pergunte a um atleta
O valor do tempo que estão à espera do momento de se
Autor Desconhecido que ganhou uma medalha de prata nas
encontrarem. Olimpíadas.
Para entender o valor de um ano:
pergunte a um estudante Para entender o valor de um minuto: O tempo não
que não passou nos exames finais. pergunte ao viajante espera por
que perdeu o comboio, autocarro ou
ENSINO MÉDIO - 2008

ninguém.
Para entender o valor de um mês: avião. Valoriza cada
pergunte a uma mãe Para entender o valor de um segundo: momento da tua
que teve um filho prematuro. pergunte a uma pessoa vida.
que sobreviveu a um acidente. Tu irás apreciá-
Para entender o valor de uma semana: los ainda mais
pergunte ao editor de uma revista se puder dividi-
semanal.
FAÇO IMPACTO - A CERTEZA DE VENCER!!!
los com alguém especial.
Fale conosco www.portalimpacto.com.br

01. As aspas presentes no primeiro parágrafo do texto I foram 09. Na poesia o autor faz uma relação de:
usadas para:
a) E feito e causa
a) Indicar o discurso direto b) Causa e efeito
b) Indicar o discurso indireto c) Exemplo e efeito
c) marcar uma citação d) Efeito e exemplo
d) retornar uma afirmativa
10. O sujeito do segundo parágrafo verso da ultima estrofe é:
02. No segundo parágrafo do texto I a palavra que resumiria
seria: a) Tempo
b) Ninguém
a) Fé c) Tu
b) determinação d) Vida
c) Comodismo
d) Opção QUESTÕES DISCURSIVAS
03. Em: “Qando tiro todos os detalhes e “enxugas” a situação 01. Qual a principal relação existente entre o texto 1 e 2?
...”a expressão entre aspas substituidas sem alteração de __________________________________________________
sentido seria:
__________________________________________________
a) Quando teras todos os detalhes e colocas a situação. __________________________________________________
b) Quando teras todos os detalhes e secas a situação...
c) Quando tiras todos os detalhes e enumera todos os __________________________________________________
detalhes __________________________________________________
d) Quando tiras todos os detalhes e sintetizas a situação.

04. As reticências presentes no quarto parágrafo nos infere 02. Que lição de vida nos dá a personagem do texto 1?
que: __________________________________________________
__________________________________________________
a) o autor passou a pensar no assunto
b) o autor deixou a interpretação do contexto em aberto __________________________________________________
c) o autor deixou claro que caberá a ele continuar a pensar __________________________________________________
d) o autor deixa um pensamento fechado
__________________________________________________
05. O sexto parágrafo em relação ao quinto estabelece uma
relaçõa de: 03. Reescreva o segundo parágrafo do texto 1 de forma que
se elimine o discurso direto.
a) causa __________________________________________________
b) consequência
c) modo __________________________________________________
d) concessão __________________________________________________
06.No sétimo parágrafo do texto podemos concluir que: __________________________________________________
__________________________________________________
a) Jerry acreditou que iria ficar vivo, pois tinha fé na equipe
médica.
b) Jerry acreditou que a fé poderia salvá-lo. 04. Para o autor do texto 1 o que seria então viver por
c) A fé no que acredita fez com que jerry conseguisse se completo?
salvar. __________________________________________________
d) A vida nos permite opções que deverão ser tornadas em __________________________________________________
situações dificeis.
__________________________________________________
As questões deveram ser respondidas __________________________________________________
baseadas no texto II __________________________________________________
07.Segundo o texto:
05. Na útima estrofe do texto 2 o autor nos dá uma ordem.
a) o tempo é mistério Retire tal verso que caracteriza esta afirmativa.
b) o tempo é distância __________________________________________________
c) o tempo é experiência
__________________________________________________
d) o tempo é vida
__________________________________________________
08. Na 2ª estrofe do texto podemos encontrar um verso que:
__________________________________________________
ENSINO MÉDIO - 2008

a) uma afirmativa __________________________________________________


b) uma dúvida
c) uma interrogação
d) uma interação

FAÇO IMPACTO - A CERTEZA DE VENCER!!!

Você também pode gostar