Você está na página 1de 15

Arcos na Circunferência

1. (Uerj 2015) Um tubo cilíndrico cuja base tem centro F e raio r rola sem deslizar sobre um
obstáculo com a forma de um prisma triangular regular. As vistas das bases do cilindro e do
prisma são mostradas em três etapas desse movimento, I,II e III, nas figuras a seguir.

Admita que:

- as medidas do diâmetro do círculo de centro F e da altura do triângulo ABC são


respectivamente iguais a 2 3 decímetros;
- durante todo o percurso, o círculo e o triângulo sempre se tangenciam.

Determine o comprimento total, em decímetros, do caminho descrito pelo centro F do círculo


que representa a base do cilindro.

2. (Uea 2014) Caminhando 100 metros pelo contorno de uma praça circular, uma pessoa
descreve um arco de 144°. Desse modo, é correto afirmar que a medida, em metros, do raio da
circunferência da praça é
a) 125π
175
b)
π
125
c) π
250
d)
π
e) 250π

www.nsaulasparticulares.com.br Página 1 de 15
3. (Fgv 2013) Na figura, AB e AE são tangentes à circunferência nos pontos B e E,
respectivamente, e BÂE  60.

Se os arcos BPC, CQD e DRE têm medidas iguais, a medida do ângulo BÊC, indicada na
figura por α, é igual a
a) 20°
b) 40°
c) 45°
d) 60°
e) 80°

4. (Uem 2013) Considere uma circunferência de centro O e raio 2 u.c. Sejam A, B, C, D e E


pontos sobre essa circunferência, nesta ordem, e tais que AD e BE sejam diâmetros.
Assinale o que for correto.
1) Os triângulos ABD e ACD são triângulos retângulos.
2) O quadrilátero ABDE é um retângulo.
04) A área do triângulo ACD é maior do que 4 u.a.
08) A medida do ângulo AÊB é a metade da medida do ângulo EÔD.
3
16) A área do quadrilátero ABDE é maior do que da área do círculo.
4

5. (G1 - cftmg 2013) Considere três circunferências de raio unitário e de centros A, B e C,


conforme a figura.

Dessa forma, o perímetro da região sombreada, em unidades de comprimento, é


π
a) .
3
π
b) .
2
c) π.
d) 2π.

www.nsaulasparticulares.com.br Página 2 de 15
6. (Insper 2013) Ao projetar um teatro, um arquiteto recebeu o seguinte pedido da equipe que
seria responsável pela filmagem dos eventos que lá aconteceriam:

“É necessário que seja construído um trilho no teto ao qual acoplaremos uma câmera de
controle remoto. Para que a câmera não precise ficar mudando a calibragem do foco a cada
movimentação, o ângulo de abertura com que a câmera captura as imagens do palco deve ser
sempre o mesmo, conforme ilustração abaixo.
Por exemplo, dos pontos P1 e P2 a câmera deve ter o mesmo ângulo de abertura α para o
palco.”

Das propostas de trilho a seguir, aquela que atende a essa necessidade é

a) b)

c) d)

e)

www.nsaulasparticulares.com.br Página 3 de 15
2
7. (G1 - cftmg 2013) Um hexágono regular de área 12 cm e de centro P foi pintado em duas
tonalidades, conforme a figura.

2
A área pintada na tonalidade mais clara, em cm , é
a) 3.
b) 4.
c) 5.
d) 6.

8. (Enem 2012) Em 20 de fevereiro de 2011 ocorreu a grande erupção do vulcão Bulusan nas
Filipinas. A sua localização geográfica no globo terrestre é dada pelo GPS (sigla em inglês para
Sistema de Posicionamento Global) com longitude de 124° 3’ 0” a leste do Meridiano de
Greenwich.
Dado: 1° equivale a 60’ e 1’ equivale a 60”.

PAVARIN, G. Galileu, fev. 2012 (adaptado)

A representação angular da localização do vulcão com relação a sua longitude da forma


decimal é
a) 124,02°.
b) 124,05°.
c) 124,20°.
d) 124,30°.
e) 124,50°.

9. (Enem PPL 2012) Durante seu treinamento, um atleta percorre metade de uma pista circular
de raio R, conforme figura a seguir. A sua largada foi dada na posição representada pela letra
L, a chegada está representada pela letra C e a letra A representa o atleta. O segmento LC é
um diâmetro da circunferência e o centro da circunferência está representado pela letra F.
Sabemos que, em qualquer posição que o atleta esteja na pista, os segmentos LA e AC são
perpendiculares. Seja θ o ângulo que o segmento AF faz com segmento FC.

Quantos graus mede o ângulo θ quando o segmento AC medir R durante a corrida?


a) 15 graus
b) 30 graus
c) 60 graus
d) 90 graus
e) 120 graus

www.nsaulasparticulares.com.br Página 4 de 15
10. (Mackenzie 2012) Na figura, se a circunferência tem centro O e BC = OA, então a razão
entre as medidas dos ângulos AÔD e CÔB é

5
a)
2
3
b)
2
c) 2
4
d)
3
e) 3

11. (G1 - ifsp 2011) Na figura, a reta t é tangente, no ponto P, ao círculo de centro O. A medida
do arco é 100º e a do arco é 194º. O valor de x, em graus, é

a) 53.
b) 57.
c) 61.
d) 64.
e) 66.

www.nsaulasparticulares.com.br Página 5 de 15
12. (Fuvest 2009) Na figura, B, C e D são pontos distintos da circunferência de centro O, e o
ponto A é exterior a ela. Além disso,

(1) A, B, C, e A, O, D, são colineares;


(2) AB = OB;
(3) CÔD mede α radianos.

Nessas condições, a medida de A B̂ O, em radianos, é igual a:


a) π - (α/4)
b) π - (α /2)
c) π - (2α/3)
d) π - (3α/4)
e) π - (3α/2)

13. (Fgv 2008) Dado um pentágono regular ABCDE, constrói-se uma circunferência pelos
vértices B e E de tal forma que BC e ED sejam tangentes a essa circunferência, em B e E,
respectivamente.

A medida do menor arco BE na circunferência construída é


°
a) 72 .
°
b) 108 .
°
c) 120 .
°
d) 135 .
°
e) 144 .

www.nsaulasparticulares.com.br Página 6 de 15
14. (Ufrrj 2005) Um arquiteto vai construir um obelisco de base circular. Serão elevadas sobre
essa base duas hastes triangulares, conforme figura a seguir, onde o ponto O é o centro do
círculo de raio 2 m e os ângulos BOC e OBC são iguais.

O comprimento do segmento AB é
a) 2 m.
b) 3 m.
c) 3 2 m.
d) 2 5 m.
e) 2 3 m.

15. (G1 - cftmg 2005) Na figura, os segmentos PB e PD são secantes à circunferência, as


cordas AD e BC são perpendiculares e AP = AD. A medida x do ângulo BPD é

°
a) 30
°
b) 40
°
c) 50
°
d) 60

www.nsaulasparticulares.com.br Página 7 de 15
16. (G1 - cftmg 2005) Na figura, os triângulos ABC e BCD estão inscritos na circunferência. A
soma das medidas m + n, em graus, é

a) 70
b) 90
c) 110
d) 130

17. (G1 - cftmg 2005) Na figura, o triângulo ABC está inscrito em uma circunferência de centro
O, cujo comprimento é 10 ð cm. Se o lado AB mede 6 cm, a medida do lado BC, em cm, é

a) 5
b) 6
c) 8
d) 9

www.nsaulasparticulares.com.br Página 8 de 15
18. (Ufes 2004) Na figura, os segmentos de reta AP e DP são tangentes à circunferência, o
arco ABC mede 110 graus e o ângulo CAD mede 45 graus. A medida, em graus, do ângulo
APD é

a) 15
b) 20
c) 25
d) 30
e) 35

19. (Uerj 2003) José deseja construir, com tijolos, um muro de jardim com a forma de uma
espiral de dois centros, como mostra a figura a seguir.

Para construir esta espiral, escolheu dois pontos que distam 1 metro um do outro. A espiral tem
4 meias-voltas e cada tijolo mede 30 cm de comprimento.
Considerando ð = 3, o número de tijolos necessários para fazer a espiral é:
a) 100
b) 110
c) 120
d) 130

20. (Enem 2002) As cidades de Quito e Cingapura encontram-se próximas à linha do equador
e em pontos diametralmente postos no globo terrestre. Considerando o raio da Terra igual a
6370km, pode-se afirmar que um avião saindo de Quito, voando em média 800km/h,
descontando as paradas de escala, chega a Cingapura em aproximadamente
a) 16 horas.
b) 20 horas.
c) 25 horas.
d) 32 horas.
e) 36 horas.

www.nsaulasparticulares.com.br Página 9 de 15
Gabarito:

Resposta da questão 1:

Na figura, temos:
3
tg60  x1
x
a 3
2 3a4
2
2π  3 120 2π 3
y 
360 3

Portanto, a distância d percorridapelo centro F é dada por:


2π 3
daxaxy 6 dm
 
3 
 

Resposta da questão 2:
[C]

Admitindo R a medida do raio, temos:


4π 100 125
144  rad  R .
5 R π

Resposta da questão 3:
[B]

Seja S um ponto do menor arco BE.

Como BPC  CQD  DRE  2α, segue-se que BSE  360  6α. Portanto, como EAB é
excêntrico exterior, temos

BQE  BSE 6α  (360  6α)


EAB   60 
2 2
 60  6α  180
 α  40.

www.nsaulasparticulares.com.br Página 10 de 15
Resposta da questão 4:
01 + 02 + 08 = 11.

[1] Correto. Como ABD e ACD estão inscritos no semicírculo de diâmetro AD, com AD
sendo lado comum de ABD e ACD, segue-se que ABD e ACD são triângulos
retângulos.

[2] Correto. Sendo ABD, BDE, DEA e EAD ângulos inscritos que determinam arcos de 180,
temos ABD  BDE  DEA  EAD  90. Portanto, ABDE é um retângulo.

[04] Incorreto. Seja H o pé da perpendicular baixada de C sobre AD. Como


AD  2  2  4 u.c., segue-se que a área do triângulo ACD é

1
(ACD)   AD  CH  2  CH.
2

Por outro lado, como C está entre B e D, temos CH  2 u.c. e, portanto, (ACD)  4 u.a.

AB
[08] Correto. Como AEB é ângulo inscrito e determina o arco AB, tem-se AEB  . Por
2
outro lado, EOD e AOB são opostos pelo vértice, o que implica em EOD  AOB. Logo,
EOD
como AOB é ângulo central, vem EOD  AOB  AB e, portanto, AEB  .
2

[16] Incorreto. A área do quadrilátero ABDE é dada por

1
(ABDE)   AD  BE  senA OB
2
1
  4  4  senA OB
2
 8  senA OB.

Logo, (ABDE) é máxima quando senAOB  1, ou seja, quando AOB  90.

3
Por outro lado, a área do círculo é igual a   22  4 u.a. Logo, 8   4  8  3  0 e,
4
3
portanto, qualquer que seja ABDE, sua área é menor do que da área do círculo.
4

www.nsaulasparticulares.com.br Página 11 de 15
Resposta da questão 5:
[C]

Comprimento do arco cuja medida é x:


2  π 1 π
x  .
6 3

Portanto, o perímetro da figura será:


π
3 π
3

Resposta da questão 6:
[E]

Para qualquer ponto P, o ângulo AP̂B situado na semicircunferência (mostrada na figura) será
reto.

180
AP̂B =  90
2

Logo, o trilho deverá ser o representado na figura da alternativa [E].

www.nsaulasparticulares.com.br Página 12 de 15
Resposta da questão 7:
[C]

Dividindo o hexágono em 12 triângulos de mesma área (ver figura), cada área terá 1 cm 2.
Portanto, a área destacada terá 5 1cm2  5 cm2.

Resposta da questão 8:
[B]

3’= (3/60)° = 0,05°

124° 3’ 0” = 124,05°

Resposta da questão 9:
[C]

Se AC = R, temos o triângulo AFC equilátero. Logo, θ  60.

Resposta da questão 10:


[E]

Considere a figura.

Sejam AOD  e COB  .

Sabendo que BC  OA  OC, vem OBC  . Daí, como AD  e CE  , encontramos

AD  CE   
OBC  
2 2

  3.


www.nsaulasparticulares.com.br Página 13 de 15
Resposta da questão 11:
[D]

Como x é excêntrico exterior, segue que:


BCP  AP
x .
2
Mas
AP  360  (AB  BCP).

Portanto,
194  360  100  194 128
x   64.
2 2

Resposta da questão 12:


[C]

AB̂D  x

ΔCOB é isósceles de base BC, logo OB̂C=OĈB = π - x


π-x
ΔABO é isósceles de base AO, logo OÂB=BÔA =
2
No triângulo AOB:

π-x
α π -x+ (ângulo externo)
2
2α = 2π  2x  π  x

3x  3π  2α

3π  2α
x
3

x π
3

Portanto, AB̂O  π   2α/3 

www.nsaulasparticulares.com.br Página 14 de 15
Resposta da questão 13:
[E]

Resposta da questão 14:


[E]

Resposta da questão 15:


[A]

Sabendo que AP  AD, tem-se ADP  BPD. Além disso, os ângulos inscritos ABC e ADC
subentendem o mesmo arco, bem como os ângulos BAD e BCD. Logo, ABC  ADC e
BAD  BCD. Por outro lado, BAD é ângulo externo do triângulo ADP e, portanto,
BAD  2  ADP. Desse modo, como AD  BC e sendo Q o ponto de interseção das cordas AD
e BC, vem, do triângulo QCD,

ADC  BCD  90  ADP  BAD  90


 ADP  2  ADP  90
 ADP  30.

Resposta da questão 16:


[A]

Resposta da questão 17:


[C]

Resposta da questão 18:


[B]

Resposta da questão 19:


[A]

Resposta da questão 20:


[C]

π.R 3,14.6.370
  25 horas.
800 800

www.nsaulasparticulares.com.br Página 15 de 15