Você está na página 1de 11

LINHA DE TEMPO DETALHADA

https://en.wikipedia.org/wiki/Timeline_of_the_evolutionary_history_of_life#cite_note-45
Nesta linha do tempo, Ma (para megaannum ) significa "há milhões de anos", ka (por kiloannum )
significa "mil anos atrás", e você quer dizer "anos atrás".
Hadean Eon

Lua
4000 Ma e mais cedo.
Encontro Evento
4600 Ma O planeta Terra se forma a partir do disco de acréscimo que gira em torno do
jovem Sol com compostos orgânicos(moléculas orgânicas complexas) necessários para a
vida, tendo talvez formado no disco protoplanetário de grãos de poeira cósmicos que
o rodeiam antes da formação da Terra.
4500 Ma De acordo com a hipótese de impacto gigante , a Lua foi formada quando o planeta Terra e
o planeta hipótese Theiacolidiram, enviando um número muito grande de lua em órbita ao
redor da Terra jovem, que eventualmente se juntou para formar a Lua. A atração
gravitacional da nova Lua estabilizou o eixo de rotação flutuante da Terra e estabeleceu as
condições em que a abiogênese ocorreu.
4404 Ma Primeira aparência de água líquida na Terra.
4280 Ma A primeira aparência da vida na Terra.
Archean Eon
Artigo principal: Arqueano

Fragmento do Gneiss Acasta exibido no Museu de História Natural em Viena

A esteira cianobactéria -algal, o lago salgado no litoral do Mar Branco


Halobacterium sp. esmaga NRC-1
4000 Ma - 2500 Ma
Encontro Evento
4000 Ma Formação de um cinturão de pedra verde do Gneiss
Acasta do Craton dos Escravos nos Territórios do Noroeste ,Canadá , o cinturão de
rock mais antigo do mundo.
4100-3800 Ma Bombardeamento pesado tardio (LHB): barragem prolongada
de eventos de impacto nos planetas internos por meteoroids. O fluxo térmico da
atividade hidrotérmica generalizada durante a LHB pode ter sido propício à
abiogênese e à diversificação precoce da vida. "Restos de vida biótica " foram
encontrados em rochas de 4,1 bilhões de anos na Austrália Ocidental . De acordo com
um dos pesquisadores, "Se a vida surgiu relativamente rapidamente na Terra ... então
poderia ser comum no universo ".
3900-2500 Ma Células parecidas com procariotas aparecem. Estes primeiros organismos
são chemoautotrofos : eles usamdióxido de carbono como fonte
de carbono e oxidam materiais inorgânicos para extrair energia. Mais tarde, os
procariotes evoluem a glicólise , um conjunto de reações químicas que liberam a
energia de moléculas orgânicas como a glicose e armazenam-na nas ligações químicas
da ATP . A glicólise (e ATP) continua a ser utilizada em quase todos os organismos,
inalterados, até hoje.
3800 Ma Formação de um cinturão de pedra verde do complexo de Isua da região ocidental
da Gronelândia , cujas rochas mostram uma freqüência isotópica sugestiva da
presença da vida. As primeiras evidências para a vida na Terra são
a hematita biogênica de 3,8 bilhões de anos em
uma formação de ferro em bandas do cinto de Greenstone Nuvvuagittuq no
Canadá , grafite em rochas metasedimentares de 3,7 bilhões de anos descobertas no
oeste da Groenlândia e os fósseis microbianos da esteira encontrados em arenitos
de 3,48 bilhões de anos descobertos emAustrália Ocidental .
3500 Ma Vida do último antepassado comum universal (LUCA); ocorre a separação
entre bactérias e arqueias .
As bactérias desenvolvem formas primitivas de fotossíntese que inicialmente não
produziram oxigênio . Estes organismos geraram trifosfato de adenosina , explorando
um gradiente de prótons , um mecanismo ainda utilizado em praticamente todos os
organismos.
3000 Ma Cianobactérias fotossintéticas evoluíram; eles usaram a água como um agente
redutor , produzindo assim oxigênio como produto residual. O oxigênio inicialmente
oxida o ferro dissolvido nos oceanos, criando minério de ferro . A concentração de
oxigênio na atmosfera aumentou lentamente, agindo como um veneno para muitas
bactérias e eventualmente desencadeando o Grande Evento de Oxigenação . A Lua,
ainda muito próxima da Terra, causou marés de 1.000 pés (305 m) de altura. A Terra
foi continuamente destruída pelo furacão- Força os ventos. Essas influências de
mistura extremas pensam que estimularam os processos evolutivos.
2800 Ma A evidência mais antiga para a vida microbiana em terra sob a forma
de paleossóis ricos em matéria orgânica , lagoas efêmeras e sequências aluviais ,
algumas delas com microfósseis .
Proterozoico Eon

Detalhe do sistema endomembranar eucariótico e seus componentes

Dinoflagelate Ceratium furca

Blepharisma japonicum , umprotozoário ciliado de vida livre

Dickinsonia costata , um icónico organismo ediacariano , apresenta a característica aparência


acolchoada de enigmata Ediacaran.

Artigo principal: Proterozóico


2500 Ma - 542 Ma. Contém as eras palaeoproterozóicas , mesoproterozóicas e neoproterozóicas .
Encontro Evento
2500 Ma Ótimo Evento de Oxigenação liderado pela fotossíntese oxigenada de
cianobactérias. Início das tectônicas de placascom crosta marinha antiga com
densidade suficiente para subduzir .
2000 Ma Diversificação e expansão de acritarchs .
Em 1850 Ma Aparecem células eucarióticas . Os eucariotas contêm organelas ligadas
à membrana com funções diversas, provavelmente derivadas de procariotas
envolvendo-se através de fagocitose . (Veja Symbiogenesis e endosymbiont ).Os vírus
bacterianos ( bacteriófagos ) emergem antes ou logo após a divergência das linhagens
procariótica e eucariótica. A aparência de camas vermelhas mostra que uma atmosfera
oxidante tinha sido produzida. Os incentivos agora favoreceram a propagação da vida
eucariótica.
1400 Ma Grande aumento na diversidade de estromatólitos .
Por 1200 Ma A meiose e a reprodução sexual estão presentes em eucariotas unicelulares e,
possivelmente, no antepassado comum de todos os eucariotas. O sexo pode ter surgido
anteriormente no mundo do RNA . A reprodução sexual aparece pela primeira vez
nos registros fósseis ; pode ter aumentado a taxa de evolução.
800 Ma O primeiro organismo multicelular pode ter surgido.
750 Ma Primeiro protozoário (ex: Melanocyrillium )
850-630 Ma Uma glaciação global pode ter ocorrido. A opinião está dividida sobre se aumentou ou
diminuiu a biodiversidade ou a taxa de evolução.
600 Ma O acúmulo de oxigênio atmosférico permite a formação de uma camada de
ozônio . Antes disso, a vida terrestre provavelmente exigiria outros produtos químicos
para atenuar a radiação ultravioleta o suficiente para permitir a colonização da terra.
580-542 Ma A biota de Ediacara representa os primeiros organismos multicelulares grandes e
complexos - embora suas afinidades continuem sendo assunto de debate.
580-500 Ma A maioria dos filipinos modernos de animais começam a aparecer no registro fóssil
durante a explosão cambriana .
560 Ma Primeiros fungos
550 Ma Primeira evidência fóssil para Ctenophora (gelatina de
pente), Porifera (esponjas), Anthozoa ( corais e anêmonas marinhas )

Eon Phanerozoico
542 Ma - presente
O Eon Phanerozoico , literalmente o "período de vida bem-exibida", marca a aparência no registro
fóssil de organismos abundantes, formadores de conchas e / ou traçambicentes. É subdividido em três
eras, o paleozoico , o mesozoico eo cenozóico , que são divididos por grandes extinções em massa .

Era paleozóica
542 Ma - 251,0 Ma e contém os períodos
Cambriano , Ordovicêutico , Siluriano , Devoniano , Carbonífero e Permiano .
Encontr
Evento
o
535 Ma Grande diversificação dos seres vivos nos oceanos: cordados , artrópodes (por exemplo,
trilobites, crustáceos ), equinodermos , moluscos , braquiópodes ,foraminíferos e radiolares
, etc.
530 Ma As primeiras pegadas conhecidas em terra chegam a 530 Ma, indicando que as primeiras
explorações de animais podem ter sido anteriores ao desenvolvimento
deplantas terrestres .
525 Ma Primeiras graptólitas
510 Ma Primeiros cefalópodes ( nautiloides ) e chitons
505 Ma Fossilização do xisto de Burgess
485 Ma Primeiros vertebrados com ossos verdadeiros ( peixes sem mandíbula )
450 Ma Primeiros conodonts completos e equinóides aparecem
440 Ma Primeiros peixes agnathan: Heterostraci , Galeaspida e Pituriaspida
434 Ma As primeiras plantas primitivas se deslocam para a terra, tendo evoluído a partir de algas
verdes que viviam ao longo das bordas dos lagos. Eles são acompanhados por fungos, que
podem ter ajudado a colonização da terra através da simbiose .
420 Ma Primeiros peixes com raios finos , aracnídeos trigonotarbidos e escorpiões terrestres
410 Ma Primeiros sinais de dentes nos peixes. Early Nautilida , lycophytes e trimerophytes .
395 Ma Primeiros líquenes , pedras . Primeiros colheitas , ácaros , hexápodos ( springtails )
e ammonoids . As primeiras pistas de tetrapod conhecidas em terra.
363 Ma No início do Período Carbonífero , a Terra começa a se assemelhar ao seu estado
atual. Insetos percorreram a terra e logo levariam os céus; os tubarões nadaram nos
oceanos como predadores de topo, e a vegetação cobriu a terra, com plantas e florestas
que cultivam vegetais logo florescerão.
Os tetrápulos de quatro limas gradualmente adotam adaptações que os ajudarão a ocupar
um hábito de vida terrestre.
360 Ma Primeiros caranguejos e samambaias . Flora terrestre dominada por samambaias de
sementes .
350 m Primeiros tubarões grandes, ratfishes e hagfish
340 m Diversificação de anfíbios
330 Ma Primeira amniote vertebrados ( Paleothyris )
320 Ma Sinapsídeos (precursores de mamíferos) separados das sauropsidas (répteis) em
Carbonífero tardio.
305 Ma Primeiros répteis diapsídicos (eg Petrolacosaurus )
280 Ma Primeiros besouros , plantas de sementes e coníferas diversificar
enquanto lepidodendrids e esfenófitas diminuir. Os anfíbios temnospondylos terrestres e os
pelycosaurios (eg Dimetrodon ) se diversificam em espécies.
275 Ma Sinapsídeos de Therapsid separados de sinapsídeos de Pelycosaur
251,4 Ma O evento de extinção Permiano-Triássico elimina mais de 90 a 95% das espécies
marinhas. Os organismos terrestres não foram tão seriamente afetados quanto a biota
marinha. Esta "limpeza da ardósia" pode ter levado a uma diversificação subseqüente, mas
a vida em terra levou 30 milhões de anos para se recuperar completamente.

Mesozoic Era

Utatsusaurus é a forma mais conhecida de um ictiopterygiano .


Plateosaurus engelhardti

Cycas circinalis
De 251,4 Ma a 66 Ma e que contém os períodos Triássico , Jurássico e Cretáceo .
Encontro Evento
O Mesozóico Revolução Marinha começa: cada vez mais bem adaptadas e diversos
predadores pressurizar grupos marinhos sésseis ; O "equilíbrio de poder" nos oceanos muda
dramaticamente como alguns grupos de presas adaptar-se mais rápido e eficazmente do que
outros.
248 Ma O esturjão e o paddlefish ( Acipenseridae ) aparecem pela primeira vez.
245 Ma Primeiros ictiosaurios
240 Ma Aumento da diversidade de gynodont cynodonts e rhynchosaurs
225 Ma Dinossauros mais antigos ( prosauropodes ), primeiros bivalves de cardiídeos , diversidade
em ciclos , bennettitaleans e coníferas. Primeiros peixes teleósticos . Primeiros mamíferos
( Adelobasileus ).
220 Ma As florestas de gimnospermas produtoras de sementes dominam a terra; Os herbívoros
crescem em tamanhos enormes para acomodar as tripas grandes necessárias para digerir as
plantas pobres em nutrientes.
Primeiromoscas e tartarugas ( Odontochelys ). Primeiro dinossauros coelófitos .
a extinção maciça de Triássico / Jurássico , que acabou com a maior parte do grupo
205
de pseudosuchians e foi dada a oportunidade de dinossauros, incluindo o Apatosaurus,
Ma
Tyrannosaurus, Perrotasaurus, e Stegosaurus para entrar em sua idade de ouro.
200 Ma A primeira evidência aceita para vírus que infectam células eucarióticas (pelo menos, o
grupo Geminiviridae ) existiram. Os vírus ainda são mal compreendidos e podem surgir
antes da "vida", ou podem ser um fenômeno mais recente.
Principais extinções em vertebrados terrestres e grandes anfíbios. Primeiros exemplos
de dinossauros blindados
195 Ma Primeiros pterossauros com alimentação especializada
( Dorygnathus ). Primeiro dinossauros sauropod . Diversificação
emdinossauros pequenos, ornithischian : heterodontosaurids , fabrosaurids e scelidosaurids .
190 Ma Os pliosauroides aparecem no registro fóssil. Primeiros insetos
lepidópteros ( Archaeolepis ), caranguejos ermitaticos ,estrelas- do-
mar modernas , equinóides irregulares, bivalves corbóbicos e bryozoários
tubuliporos . Desenvolvimento extensivo de recifes de esponja .
176 Ma Primeiros membros do grupo Stegosauria de dinossauros
170 Ma Primeiros salamandras , tritões , cryptoclidids , elasmosaurid plesiossauros e cladotherian m
amíferos. Os dinossauros Sauropod se diversificam.
165 Ma Primeiros raios e bivalves de gliceridida
163 m Pterodactyloid pterosaurs aparece pela primeira vez
161 Ma Os dinossauros de Ceratopsian aparecem no registro fóssil ( Yinlong ) e o mais antigo
mamífero eutheriano conhecido aparece no registro fóssil: Juramaia .
160 Ma Os mamíferos multituberculos (gênero Rugosodon ) aparecem no leste da China
155 Ma Primeiros insectos sugadores de sangue ( ceratopogonids ), rudist bivalves,
e cheilostome briozoários. Archaeopteryx , um possível antepassado dos pássaros, aparece
no registro fóssil, juntamente com os mamíferos triconodontidos e simétricos .Diversidade
em dinossauros stegosaurianos e terópodes .
130 Ma O surgimento das angiospermas : algumas dessas plantas floridas possuem estruturas que
atraem insetos e outros animais para espalhar o pólen , outras angiospermas foram
polinizadas pelo vento ou pela água. Esta inovação provoca uma grande explosão de
evolução animal através da coevolução . Primeiras tartarugas pelomedusidas de água doce.
120 Ma Os fósseis mais antigos de heterokonts , incluindo diatomeas marinhas e silicoflagelados
115 Ma Primeiros mamíferos monotreme
110 Ma Primeiros hesperornithes , pássaros de mergulho dentados. Primeiro limopsid , verticordiid ,
e bivalves thyasirid .
106 Ma Spinosaurus , o maior dinossauro terópodo, aparece no registro fóssil
100 Ma Abelhas iniciais
90 Ma Extinção de ichthyosaurs. Primeiras cobras e bivalves de nuculanídeos . Grande
diversificação em
angiospermas:magnoliídeas , rosídeas , hamamelidids , monocotiledôneas e gengibre . Prim
eiros exemplos de carrapatos . Origens prováveis de mamíferos placentários (a evidência
fóssil indiscutível mais adiantada é 66 Ma).
80 Ma Primeiras formigas
70 Ma Os mamíferos multituberculos aumentam a diversidade. Primeiro bivalves yoldiidos .
68 Ma O tiranossauro , o maior predador terrestre do que é ocidental da América do
Norte, aparece no registro fóssil. Primeira espécie de Triceratops .

Cenozoic Era
66 Ma - presente

Monte de oxyaenid Patriofelis do Museu Americano de História Natural


O morceu Icaronycteris apareceu 52,2 milhões de anos atrás

Flores de grama
Encontro Evento
66 Ma O evento de extinção do Cretáceo-Paleogene erradica cerca de metade de todas as espécies
de animais, incluindomosasaurídeos , pterosaurios,
plesiosauras, amonites , belemnitas , bivalves de rudist e inoceramid , a maioria dos
foraminíferos plankticos e todos os dinossauros excluindo os pássaros.
De 66 Ma Domínio rápido de coníferas e ginkgos em altas latitudes, juntamente com os mamíferos
tornando-se a espécie dominante. Primeiro bivalves psammobiídicos . Os
primeiros roedores . Rápida diversificação em formigas.
63 Ma Evolução dos creodões , um importante grupo de mamíferos carnívoros
60 Ma Diversificação de pássaros grandes e sem vôo . Primeiros primatas verdadeiros, juntamente
com os primeiros
mamíferos bivalves semelídicos , edentados , carnivoranos e lipoticliflúdios e corujas . Os
ancestrais dos mamíferos carnívoros ( miacids ) estavam vivos.
56 Ma Gastornis , um grande pássaro sem vôo, aparece no registro fóssil
55 Ma Grupos de aves modernas diversificar (primeira canção
aves , papagaios , mergulhões , andorinhões , pica-paus ),
primeira baleia ( Himalayacetus ), primeiros lagomorfos , tatus , aparência
de sirenian , proboscidean , perissodactyle artiodactyl mamíferos no registro fóssil. As
angiospermas se diversificam. O antepassado (de acordo com a teoria) das espécies do
gênero Carcharodon , o primeiro tubarão Isurus hastalis , está vivo.
52 Ma Os primeiros bastões aparecem ( Onychonycteris )
50 Ma Diversidade máxima de dinoflagelados e nannofóssolos , aumento da diversidade
de bivalves anomalodesmatan e
heteroconch, brontotheres , antas , rinocerontes e camelos aparecem no registro fóssil,
diversificação de primatas
40 Ma São aparecem borboletas de tipo moderno e mariposas . Extinção
de Gastornis . Basilosaurus , uma das primeiras das baleias gigantes, apareceu no registro
fóssil.
37 m Os primeiros carnívoros nimravid ("sabuesos de dentes falsos") - estas espécies não estão
relacionadas a felinos de tipo moderno
35 Ma As ervas se diversificam entre as angiospermas monocotiledôneas ; As pastagens começam
a se expandir. Um leve aumento na diversidade de ostracods e foraminíferos tolerantes ao
frio , juntamente com grandes extinções degastrópodes , répteis, anfíbios e mamíferos
multituberculados. Muitos grupos modernos de mamíferos começam a aparecer:
primeiros glptodonts , preguiças , canídeos , pecaris e as
primeiras águias e falcões . Diversidade nadentadas e barbas baleias.
33 Ma Evolução das thylacinid marsupiais ( Badjcinus )
30 Ma Primeiros balanids e eucaliptos , extinção de embrithopod e brontothere mamíferos,
primeiros porcos e gatos
28 Ma Paraceratherium aparece no registro fóssil, o maior mamífero terrestre que já viveu
25 Ma Pelagornis sandersi aparece no registro fóssil, o maior pássaro voador que já viveu
25 Ma Primeiro veado
20 Ma Primeiros girafas , hienas , ursos e tamanduás gigantes , aumento da diversidade de aves
15 Ma O gênero Mammut aparece no registro fóssil, primeiro bovídeos e cangurus , diversidade
na megafauna australiana
10 Ma São estabelecidas pastagens e savanas , diversidade em insetos, especialmente formigas
e térmitas , os cavalosaumentam no tamanho do corpo e desenvolvem dentes de coro alto ,
grande diversificação em mamíferos e cobras
9.5 Ma The Great American Interchange , onde várias terras e faunas de água doce migraram entre
o norte e a América do Sul . Armadillos, gambás , colibris Phorusrhacids , Ground
Sloths , Glyptodonts e Meridiungulates viajaram para a América do Norte,
enquanto cavalos , tapires , gatos de dentes de
sabre , Jaguares , Ursos , Coelhos , Furões ,Lontra , Centelhas e cervos entraram na
América do Sul.
6,5 Ma Primeiros hominins ( Sahelanthropus )
6 Ma Australopithecines diversificar ( Orrorin , Ardipithecus )
5 Ma Primeiros preguiças de árvores e hipopótamos , diversificação de herbívoros de pastoreio
como zebras e elefantes, grandes mamíferos carnívoros, como leões e gêneros Canis ,
roedores machucados, cangurus, aves e pequenos carnívoros, abutres aumentam de
tamanho, diminuem o número de mamíferos perissodactilados. Extinção de carnívoros
nimravídeos.
4,8 Ma Mammoths aparecem no registro fóssil
4 Ma Evolução do Australopithecus , Stupendemys aparece no registro fóssil como a maior
tartaruga de água doce, os primeiros elefantes modernos, girafas, zebras, leões,
rinocerontes e gazelas aparecem no registro fóssil
2,7 Ma Evolução do Paranthropus
2,5 Ma As primeiras espécies de Smilodon evoluem
2 Ma Os primeiros membros do gênero Homo aparecem, Homo Habilis no registro
fóssil. Diversificação de coníferas em altas latitudes. O eventual antepassado de
gado, aurochs ( Bos primigenus ), evolui na Índia.
1,7 Ma Extinção de australopithecines
1,2 Ma Evolução do Homo antecessor . Os últimos membros do Paranthropus desaparecem.
800 Ka Os ursos de rosto curto ( Arctodus simus ) se tornam abundantes na América do Norte
600 ka Evolução de Homo heidelbergensis
350 ka Evolução dos Neandertais
300 ka Gigantopithecus , um parente gigante do orangotango da Ásia, morre
250 ka Humanos anatômicos modernos aparecem na África . [65] [66] [67] Cerca de 50 mil anos antes
do presente, eles começaram a colonizar os outros continentes, substituindo os neandertais
na Europa e outros hominins na Ásia.
40 ka O último dos gigantes lagartos do monitor ( Varanus priscus ) desaparece
30 ka Extinção de neandertais , primeiros cães domésticos
15 ka Acredita-se que o último rinoceronte de lã ( Coelodonta antiquitatis ) esteja extinto
11 ka Os ursos de rosto curto desaparecem da América do Norte, com os últimos preguiças
gigantes morrendo. Todos osequídeos se tornaram extintos na América do Norte.
10 ka A época do Holoceno começa 10 mil [68] anos atrás após o Máximo Glacial Tardio . As
últimas espécies continentais de mamute lanudo ( Mammuthus primigenus ) desaparecem,
assim como as últimas espécies deSmilodon .
8 ka O Lemur gigante morreu
Extinções históricas [ editar ]

Selo da monge do Caribe


Ilustração de um Baiji , declarado extinto funcionalmentepela Fundação Baiji.org em 2006.

Rinoceronte preto ocidental , espécime de holótipo de tiro feminino em 1911

Thylacine disparou em 1936


Encontro Evento
6000 ya (c. 4000 aC) Populações pequenas de mastodonte americano morrem em lugares
como Utah e Michigan
4500 ya (c. 2500 aC) Os últimos membros de uma raça anã de mamutes lanudos desaparecem da Ilha
Wrangel perto do Alasca
c. 600 ya (c. 1400) O moa e seu predador, a águia de Haast , morrem na Nova Zelândia
390 ya (1627) Os últimos auroques selvagens registrados desaparecem
329 ya (1688) O dodo vai extinto
249 ya (1768) A vaca do mar Steller vai extinta
134 ya (1883) O quagga , uma subespécie de zebra, vai extinto
103 ya (1914) Martha , último pombo conhecido de passageiros , morre
81 ya (1936) O thylacine vai extinto em um zoológico da Tasmânia , o último membro da
família Thylacinidae
65 ya (1952) O selo do monge do Caribe está extinto
9 ya (2008) O baiji , o golfinho do rio Yangtze , se torna funcionalmente extinto , de acordo
com a Lista Vermelha da UICN
6 ya (2011) O rinoceronte preto ocidental é declarado extinto