Você está na página 1de 24

Equilíbrio de um corpo

Rígido – Equilíbrio 3D
CAP 5 – 5.5, 5.6 E 5.7
PROFª AMANDA JAREK
AMANDA@UFPR.BR - TURMA C
5.5 Diagramas de Corpo Livre
Ao resolver um problema de Equilíbrio seja 2D ou 3D, é necessário desenhar o
DCL.
Reações de Apoio:

 Uma força é desenvolvida por um apoio que limite a translação de seu


membro conectado.

 Um momento de binário é desenvolvido quando a rotação do membro


conectado é impedido.
Tipos de Conexão
Exemplos de DCL
Exemplos de DCL
Exemplos de DCL
5.6 Equações de Equilíbrio
Para o equilíbrio de um sistema de forças tridimensionais, exige-se que a força e o momento de
binário resultantes sejam nulos.

Equações de equilíbrio vetoriais:


5.6 Equações de Equilíbrio
Equações de equilíbrio escalares:

Estas equações são satisfeitas desde que:


5.7 Restrições e determinação estática
Para garantir o equilíbrio de um corpo rígido, é necessário não apenas satisfazer as equações de
equilíbrio, mas também o corpo precisa estar adequadamente fixo ou restrito por seus apoios.
Restrições redundantes:
Quando o corpo possui mais apoios do que o necessário para mantê-lo em equilíbrio, ele se
torna estaticamente indeterminado. Ou seja, haverá mais cargas desconhecidas sobre o corpo
do que equações de equilíbrio disponíveis para solução do problema.
DCL
5.7 Restrições e determinação estática
Restrições redundantes:

DCL
5.7 Restrições e determinação estática
Restrições impróprias: O fato de existir o mesmo número de forças reativas desconhecidas que
equações de equilíbrio disponíveis, nem sempre garante que um corpo será estável quando
sujeito a uma determinada carga.

DCL

Linhas de ação das forças são


concorrentes no ponto A.

Esta viga está incorretamente restrita.


5.7 Restrições e determinação estática
DCL

Todas as forças reativas interceptam um eixo comum.


5.7 Restrições e determinação estática

𝐹𝑥 ≠ 0
5.7 Restrições e determinação estática

𝐹𝑥 ≠ 0
5.7 Restrições e determinação estática
Exemplos
◦ 5.65. Se P =6 kN, x =0,75 m e y =1 m, determine a tração desenvolvida nos cabos AB, CD e EF. Despreze o peso da chapa.

Respostas:
Exemplos
5.71. A montagem de barras é usada para sustentar o cilindro de 1,25kN (125kg). Determine as
componentes da reação na junta esférica A e no mancal radial E; determine também a força
desenvolvida ao longo da barra CD. As conexões em C e D são juntas esféricas.

Respostas:
Exemplos
5.74. Se a carga tem um peso de 200 kN, determine as componentes x, y e z da reação na junta
esférica A e a tração em cada um dos cabos.

Respostas:

Az=50kN
Exemplos
5.78. A placa possui um peso W com centro de gravidade em G. Determine a tração
desenvolvida nos fios AB, CD, e EF se a força P=0,75W é aplicada em d=L/2.

Respostas:
Exemplos
5.79. A lança é sustentada por uma junta esférica em A e um fio tirante em B. Se as cargas de
5kN se situam no plano que é paralelo ao plano x-y, determine as componentes x, y, z da reação
em A e a tração no cabo em B.

Respostas:
Exemplos
5.83. O membro AB é sustentado em B por um cabo e em A por uma barra retangular fixa e lisa
encaixada frouxamente no furo retangular do colar. Determine a tração no cabo BC se a força
F={-4,5k}kN.

Respostas:

Você também pode gostar