Você está na página 1de 12
Giovanna Carranza – Administração Geral Curso de Administração Geral – Módulo VI  Gerenciamento de

Giovanna Carranza Administração Geral

Curso de Administração Geral Módulo VI

Gerenciamento de Projetos

Entregam produtos, serviços ou resultados;

Desenvolvidos em etapas;

Realizados por pessoas;

Com restrição tripla: prazo, recursos e qualidade ou escopo

Etapas para a elaboração do Projeto

Estudos preliminares investigações em torno da idéia inicial do projeto.

Anteprojeto estudo mais sistemático de todos os aspectos que deverão integrar o projeto final, mas sem maiores detalhes.

Projeto Final estudo com detalhes suficientes que permitam a implantação do projeto.

Montagem execução dos investimentos previstos no projeto final.

Funcionamento Normal é a própria operação regular do empreendimento.

ELEMENTOS

Mercado

Tamanho

Localização

Custos

Receitas anuais

Características das Etapas

1

Eu Vou Passar e você?

 Cada fase do projeto é marcada pela entrega de um ou mais produtos* 

Cada fase do projeto é marcada pela entrega de um ou mais produtos*

No início de cada fase, define-se o trabalho a ser feito e o pessoal envolvido na sua execução;

O fim de cada fase é marcado por uma revisão dos produtos e do desempenho do projeto até o momento;

Geralmente, uma fase começa quando termina a outra.

Pode haver overlapping ou fast tracking

Os custos são geralmente crescentes à medida que a fase avança;

Os riscos são geralmente decrescentes à medida que a fase avança

A habilidade das partes envolvidas para alteração dos produtos de cada fase é decrescente à medida que a fase avança.

Ex: construção de uma casa, instalação de uma nova planta industrial, elaboração de um plano de marketing, informatização de um setor da organização, etc.

CUIDADO!!! Não esqueça dos STAKEHOLDERS.

E o que é Gestão de Projetos?

Escopo (mira, alvo) de Projeto

PMBOK (Project Management Body of Knowledge)

Beneficios:

É possível determinar aquilo que foi feito pelo projeto;

Possibilita a avaliação do projeto e se ele está progredindo;

Permite identificar o ponto exato em que se encontra um projeto.

Fases:

1. Fase de Iniciação ou Concepção

- Identifica-se uma necessidade

- Surge uma idéia

- Necessidade se transforma em um problema

2

Eu Vou Passar e você?

 - Missão e objeto do projeto  - Estratégias 2. Fase de Planejamento 

- Missão e objeto do projeto

- Estratégias

2.

Fase de Planejamento

- Detalha-se o que será feito

- Cronograma e interdependência das atividades

- Alocação de recursos

- Estudo dos Custos

3.

Fase de Execução

-

Implementa-se o planejado

-

Erros são identificados

-

Contêm maior parte do esforço

4. Fase de Monitoramento e Controle

-

ocorre paralelamente ao planejamento e à execução

-

Ações corretivas e preventivas caso sejam identificadas anomalias

5.

Fase de Encerramento ou Finalização

-

Ocorrem auditorias internas e externas

-

São encerrados os livros do projetos

-

Encerramento Administrativo e Processo de aprendizado

ESTRUTURA ANALITICA DO PROJETO (EAP)

- É a decomposição do trabalho em partes menores

- Evidencia os itens mais importantes

3

Eu Vou Passar e você?

 Ex: Preparar materiais  O Comprar tinta  O Comprar pincéis / rolos 

Ex: Preparar materiais

O Comprar tinta

O Comprar pincéis / rolos

O Comprar removedor de papel de parede

ESTRUTURA ANALITICA DO PROJETO (EAP)

Preparar o ambiente

o Remover papel de parede antigo

o Cobrir chão com jornais

o Cobrir tomadas com fita

o Cobrir móveis com lençóis velhos

Pintar o local

o Pintar grandes áreas com rolo

o Pintar rodapés com pincel

PERT

- Program Evaluation and Review Technique (Técnica de Avaliação e Revisão de Projetos)

- Representa graficamente uma rede de tarefas cujo encadeamento permite atingir os objetos almejados do projeto.

- Desenvolvimento

1. Segmenta-se o projeto em tarefas

2. Estima-se a duração de cada tarefa

3. Nomeia-se um chefe de projeto assegurará o cumprimento das tarefas

- Elementos

Tarefa (ou atividade): representada por uma flecha

4

Eu Vou Passar e você?

 Etapa (evento): o início e o fim de uma tarefa  Tarefa fictícia (fantasma)

Etapa (evento): o início e o fim de uma tarefa

Tarefa fictícia (fantasma)

OBS: EAP lida com a execução e o PERT lida com a avaliação dos projetos

- O Administrador pode ter:

uma visão gráfica das atividades do projeto;

estimativa do tempo que o projeto durará;

visão de quais atividades são críticas;

visão de quanto tempo de folga está disponível nas atividades não críticas

de folga está disponível nas atividades não críticas 5 http://www.euvoupassar.com.br Eu Vou Passar –

5

Eu Vou Passar e você?

 ESCRITÓRIO DE PROJETOS - Propósitos • Apoiar o Gerente de Projetos; • Gerar treinamento
 ESCRITÓRIO DE PROJETOS - Propósitos • Apoiar o Gerente de Projetos; • Gerar treinamento

ESCRITÓRIO DE PROJETOS

-

Propósitos

Apoiar o Gerente de Projetos;

Gerar treinamento para as equipes de projeto;

Implantar software de controle de projetos;

Estabelecer métodos e padrões;

Tornar-se centro de excelência em gerência de projetos;

Responsabilizar-se pelos resultados dos projetos

OBS:

O Escritório de Projetos, ou Project Management Office PMO, tem a função de dar subsídios ao Gerente de Projetos.

GRAFICO DE GANTT

Mostra a relação entre o trabalho planejado e o realizado em um eixo e tempo decorrido em outro.

Para cada atividade, existe um tempo, um prazo.

É possível ver a dependência de uma atividade com outra.

6

Eu Vou Passar e você?

 ÁREAS DE GERENCIAMENTO  1. Integração - consolidação dos diversos planos gerados em um
 ÁREAS DE GERENCIAMENTO  1. Integração - consolidação dos diversos planos gerados em um

ÁREAS DE GERENCIAMENTO

1. Integração - consolidação dos diversos planos gerados em um plano único, denominado Plano do Projeto;

2. Escopo - abrangência ou as fronteiras do projeto;

3. Tempo começo, meio e fim;

4. Custo limites orçamentários existentes, através da administração de fluxos de caixa.;

5. Qualidade a satisfação dos stakeholders e o cumprimento de requisitos são fundamentais;

6. Recursos humanos pessoas que devem ser bem gerenciadas e motivadas;

7. Comunicações É preciso definir os melhores canais de comunicação;

8. Riscos as incertezas do futuro são típicas dos projetos, sendo fundamental detectar as ameaças e oportunidades;

9. Aquisições ou Suprimentos lidar com os fornecedores de serviços e materiais

7

Eu Vou Passar e você?

1.(FCC/TRF-4/Analista Administrativo) O conjunto de fases coletivas atravessadas pelo projeto é denominado (A)

1.(FCC/TRF-4/Analista Administrativo)

O conjunto de fases coletivas atravessadas pelo projeto é denominado

(A)

análise de passagem.

(B)

ciclo de vida do projeto.

(C)

ponto de encerramento.

(D)

passagem de estágio.

(E)

saída de fase.

2. (FCC/TRE-RN/Analista Administrativo NÃO se trata de um grupo de processos do PMBOK):

(A)

planejamento.

(B)

monitoramento e controle.

(C)

modelagem organizacional.

(D)

encerramento.

(E)

execução.

3. (FCC/TRE-RN/Analista Administrativo) Gerenciar as expectativas das partes interessadas é um dos

processos do gerenciamento

(A)

dos riscos do projeto.

(B)

dos recursos humanos do projeto.

(C)

das comunicações do projeto.

(D)

da integração do projeto.

(E)

do escopo do projeto.

4. (FCC/TRE-PI/Analista Administrativo) Segundo o PMBOK, assegurar que os produtos ou serviços de

um projeto estejam em conformidade com o solicitado pelo cliente é o objetivo dos processos da área

de gerenciamento

(A) de escopo.

8

Eu Vou Passar e você?

(B) de tempo. (C) de custos. (D) de qualidade. (E) de aquisições. 5. (FCC/TRE-PI/Analista

(B)

de tempo.

(C)

de custos.

(D)

de qualidade.

(E)

de aquisições.

5. (FCC/TRE-PI/Analista Administrativo) O PMBOK define:

I. Os grupos de processos de gerenciamento de projetos representam as fases do ciclo de vida de um projeto.

II. As áreas de conhecimento organizam os processos de gerenciamento de projetos pelos assuntos de gestão afins.

III. O gerenciamento de projetos é realizado por meio de processos reunidos em grupos de processos e em áreas de conhecimento.

Está correto o que se afirma em

(A)

I, apenas.

(B)

I e II, apenas.

(C)

I, II e III.

(D)

II e III, apenas.

(E)

I e III, apenas.

6. (FCC/TJ-PE/Analista de Sistemas) No modelo descrito pelo PMI, dentre as Ferramentas e Técnicas

para o Planejamento da Qualidade, aquela que envolve a comparação das práticas reais ou planejadas do projeto com as de outros projetos, para gerar ideias para a melhoria e para fornecer um padrão pelo

qual se possa medir o desempenho é denominada

(A)

Benchmarking.

(B)

Declaração do Escopo.

(C)

Flowcharting.

(D) Listening.

(E) Downsizing.

9

Eu Vou Passar e você?

7. (FCC/TRE-PE/Analista Administrativo) Uma das ferramentas de gestão de projetos mais apropriada à previsão e

7. (FCC/TRE-PE/Analista Administrativo) Uma das ferramentas de gestão de projetos mais apropriada à

previsão e ao controle das atividades a serem exercidas, de forma a possibilitar a visão da interdependência entre as mesmas, dos prazos necessários, caminho crítico e eventuais folgas de tempos é denominada:

(A)

Diagrama temporal de atividades.

(B)

Cronograma de barras.

(C)

Rede PERT.

(D)

Diagrama de Ishikawa.

(E)

Fluxograma.

8. (CESPE/TCE-AC) É correto classificar como objetivos de projetos: o estabelecimento de política de

promoção de pessoas, a definição de equipamentos e software a serem adquiridos para o processo de

capacitação profissional e a criação de programa de realocação de pessoal.

9. (CESPE/TCE-AC/2008) O gerenciamento dos riscos em projetos tem início com a identificação das

fontes de risco para o sucesso do projeto e termina quando são desenvolvidas respostas para os riscos identificados.

10. (CESPE/TCU/2008) Na fase de iniciação do projeto, a técnica bottom-up é a mais indicada para a

estimativa de custos.

11. (CESPE/TCU) No início do processo de planejamento do projeto, quando todos os detalhes começam a ser especificados, é conveniente a utilização de técnicas top-down para a estimativa de duração das atividades.

12. (CESPE/TCU) Na gestão de projetos, uma organização projetizada pode apresentar como

desvantagem a redundância nas operações desenvolvidas entre os vários projetos.

13. (CESPE/TCE-AC) As atividades que visam manter um projeto nocaminho preestabelecido e que

incluem avaliação do progresso e correção, se necessária, integram a fase de planejamento do projeto.

10

Eu Vou Passar e você?

14. (CESPE/STJ) Na elaboração de projetos, é imprescindível identificar os alvos e o público a

14. (CESPE/STJ) Na elaboração de projetos, é imprescindível identificar os alvos e o público a serem

alcançados e formular estudos de viabilidade. Na fase de implantação, são identificados os responsáveis pelo projeto e é definido um cronograma.

15. (CESPE/STJ) A elaboração de determinado projeto deve levantar alguns pontos fundamentais, tais

como as atividades que comporão cada uma das ações, o público alvo e as estratégias de ação que

serão tomadas, não se preocupando em definir uma justificativa do projeto, nem tampouco os indicadores de resultados que devem ser definido no momento de avaliação do projeto.

(CESPE/TRE-ES) A crescente aceitação do gerenciamento de projetos indica que a aplicação de conhecimentos, processos, habilidades, ferramentas e técnicas adequados pode ter um impacto significativo no sucesso de um projeto. No guia PMBOK4, identifica-se esse subconjunto do conhecimento em gerenciamento, que pode ser empregado na maioria dos projetos, como boa prática. (Guia PMBOK).

Tendo o texto acima como referência inicial e considerando o guia PMBOK4, julguenos itens que se seguem, relativos a gerenciamento de projeto.

16. O gerenciamento da qualidade do projeto, que engloba o gerenciamento do projeto e o produto do

projeto, aplica-se a todos os projetos, independentemente da natureza do produto.

17. Um projeto pode ser definido como o esforço temporário empreendido para se criar um produto,

serviço ou resultado, e o seu término somente é alcançado quando se atingem os objetivos.

18. O gerenciamento de portfólios, que, entre outras finalidades, visa garantir que projetos e programas

sejam analisados de modo a se priorizar a alocação de recursos, deve ser consistente e estar alinhado às

estratégias da organização.

19. Define-se programa como um grupo de operações relacionadas e gerenciadas de modo coordenado

com vistas à obtenção de benefícios e controle, que não seriam alcançados caso essas operações fossem gerenciadas em separado.

11

Eu Vou Passar e você?

20. O grupo de monitoramento e controle constitui-se de processos para acompanhamento, revisão e regulação

20. O grupo de monitoramento e controle constitui-se de processos para acompanhamento, revisão e

regulação do progresso e do desempenho do projeto, para identificação de todas as áreas que demandam alterações no plano e para a iniciação dessas alterações.

Gabarito

1. B

2. C

3. C

4. D

5. D

6. A

7. C

8. C

9. E

10.

E

11. C

12. C

13. E

14. E

15. E

16. C

17. E

18.

C

19. E

20. C

 

12

Eu Vou Passar e você?