Você está na página 1de 2

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO.

CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS, SAÚDE E TECNOLOGIA.


CURSO DE LICENCIATURA EM CIENCIAS HUMANAS/ SOCIOLOGIA
DISCIPLINA- SOCIOLOGIA URBANA
PROFESSOR: JESUS MARMANILLO PEREIRA 60 HORAS 2017.1

PROGRAMA DA DISCIPLINA

Objetivo- O objetivo da disciplina é oferecer um panorama geral sobre as principais perspectivas de


estudos urbanos e possibilitar a percepção do urbano enquanto produto social e coletivo.

Conteúdo Programático

I Unidade – Perspectivas micro e macro nos estudos urbanos


II Unidade – Escola de Chicago
III Unidade- Estudos de feiras e mercados urbanos

Metodologia de Ensino: Exposição dialogada.


Avaliação: os discentes serão avaliados por meio de trabalhos em grupo, prova escrita e fichamentos.

BIBLIOGRAFIA

I Unidade – Cidade nas Perspectivas Micro e macro

SOUZA, Perci Coelho de. Uma crítica francesa acerca do espaço urbano. Ser Social, Brasília, n.
17, p. 59-112, jul./dez. 2005. (Aula Expositiva)

KOWARICK, Lucio. A Lógica de desordem. In: A espoliação urbana. Rio de Janeiro: Paz e Terra,
1979. (Aula Expositiva)

MAGNANI, José Guilherme C. De perto e de dentro: notas para uma etnografia urbana. Revista
Brasileira de Ciências Sociais, vol 17, n. 49 – São Paulo, junho de 2002) (Aula Expositiva)

ECKERT, Cornelia.; ROCHA, A. L. C. Etnografia de rua: estudo de antropologia urbana. Porto


Alegre: Banco de Imagens e Efeitos Visuais, PPGAS/UFRGS, 2001. 25 f. (Iluminuras; n.44)
(Fichamento)

II Unidade- Escola de Chicago e outros clássicos

DURKHEIM, Émile. As Causas. IN: DURKHEIM, Émile. Da Divisão do Trabalho Social. Tradução
Eduardo Brandão. Martins Fontes. São Paulo 1999 –(Coleção tópicos) p. 251-307 (Fichamento)

WIRTH, Louis. O urbanismo como modo de vida. In.: Velho, Otávio. O fenômeno urbano. Rio de
Janeiro, Zahar, 1979. - Aula Expositiva

SIMMEL, Georg. A metrópole e a vida mental. In.: Velho, Otávio. O fenômeno urbano. Rio de
Janeiro, Zahar, 1979. - Aula Expositiva

CHOMBART DE LAUWE, P. H. A organização social no meio urbano. In: Velho, Otávio. O


fenômeno urbano. Rio de Janeiro, Zahar, 1979. - Aula Expositiva
WEBER, Max. Conceito e categorias da cidade. In: Velho, Otávio. O fenômeno urbano. Rio de
Janeiro, Zahar, 1979. (Fichamento)

PARK, Robert Ezra. A cidade: sugestões para a investigação do comportamento humano no meio
urbano. In.: Velho, Otávio. O fenômeno urbano. Rio de Janeiro, Zahar, 1979. ( Aula Expositiva)

III - Unidade – Estudos de feiras e mercados urbanos

SILVA, Luiz de Jesus Dias da; RODRIGUES, Carmem Izabel. Pedra do Peixe: redes sociais na
circulação do pescado do Ver-o-Peso para a cidade de Belém do Pará. Bol. Mus. Para. Emílio
Goeldi. Ciênc. hum. Belém , v. 11, n. 3, p. 581-599, Dec. 2016 .

VEDANA, Viviane. Fazer a feira e ser feirante: a construção cotidiana do trabalho em mercados
de rua no contexto urbano. Horizontes Antropológicos (UFRGS. Impresso), v. 19, p. 41-68, 2013.

SILVA. Antonio Elves Barreto. Antropologia na cidade: uma etnografia das “trocas” e
sociabilidades entre os feirantes e frequentadores da feira de Redenção-CE. Trabalho apresentado
na Pré-REA/ABANNE, UNILAB, 2015.

PALMEIRA, Moacir, “Feira e Mudança Econômica”. in: Vibrant – Virtual Brazilian Anthropology,
v. 11, n. 1. January to June 2014

MOTT, Luiz. “Feiras e Mercados: Pistas para pesquisa de campo”.. In: FERRETI, SERGIO.
(Org.). Reeducando o Olhar: Estudos sobre Feiras e Mercados. São Luis: Edições Universidade
Federal do Maranhão, 2000, v. , p. 13-34. ( Na XEROX)

FILGUEIRAS, Beatriz Silveira Castro. Do mercado popular ao espaço de vitalidade: buscando


outros sentidos para a experiência urbana contemporânea. In: 30° da ANPOCS, Caxambu-
MG:2006.

Cronograma:

22 de março de 2017 – Ementa e apresentação da disciplina


29 de março de 2017 – Texto do Perci Coelho Souza
5 de abril 2017 – Texto do Lucio Kowarick
12 de abril 2017 - Texto do José Guilherme Margnani
19 de abril de 2017 - Texto do José Guilherme Margnani
26 de abril de 2017 – 1º nota
3 de maio de 2017 – Texto do Louis Wirth
10 de maio de 2017 – Texto do e Robert Park
17 de maio de 2017 – Texto do Georg Simmel
24 de maio de 2017- Texto do Paul Chombart de Lauwe
31 de maio de 2017- Observação em campo
7 de junho de 2017– Seminário: 2 equipes (3º nota)
14 de junho de 2017 – Seminário: 2 equipes (3º nota)
21 de junho de 2017 – Seminário :2 equipes(3º nota)
28 de junho de 2017 – Exibição de filme
5 de julho de 2017– Fichamentos dos textos do Durkheim, Weber e da Cornelia ( 2º nota)
12 de julho de 2017 - Reposição
19 de julho de 2017 - Prova final