Você está na página 1de 8

CONTROLES ELETRÔNICOS LTDA

TERMO DE GARANTIA E ASSISTÊNCIA TÉCNICA

O equipamento é garantido contra eventuais defeitos de fabricação e mão de obra pelo período de 12 meses (um ano),
a partir da data do faturamento, salvo outra determinação devidamente estabelecida em contrato assinado entre as
partes.

Por conter componentes susceptíveis à ação do tempo e com rígidas condições de armazenagem, a garantia perderá
efeito caso o equipamento adquirido não seja colocado em operação em até 3 meses após a data do faturamento.

Estão excluídos da garantia os reparos devido a acidentes provocados, uso além dos limites da especificação técnica,
atos de terceiros, forças da natureza e alterações feitas por pessoas ou empresas não autorizadas pela AMPLIMAG.
Estão também excluídos da garantia fusíveis e lâmpadas.

A Assistência Técnica em garantia é Fob. Fábrica, salvo outra especificação estabelecida em contrato, somente será
realizada em horário comercial da AMPLIMAG.

Nas cidades onde houver representante autorizado e num raio de 50 Km (cinqüenta quilômetros), os serviços técnicos
em garantia serão realizados no cliente sem ônus .

Onde não houver assistência técnica autorizada, ou em atendimentos com distâncias maiores que 50Km (cinqüenta
quilômetros), serão cobradas as despesas de viagem e estadia do técnico. Se o equipamento precisar ser removido, as
despesas de transporte, embalagem e seguro correrão por conta do cliente.

Esta garantia limita-se ao equipamento fornecido e não compreende responsabilidades por danos gerais, especiais,
diretos ou indiretos, inclusive danos emergentes, lucros cessantes ou indenizações conseqüentes.

RECOMENDAÇÕES IMPORTANTES :

Em qualquer correspondência relacionada com a operação do equipamento ou com a sua assistência técnica, favor
incluir o código e número de série de sua fabricação.

Ocorrendo danos no equipamento durante o transporte, quando esse for de responsabilidade da Amplimag, a fábrica
deverá ser informada imediatamente, visando acionar a companhia seguradora. Por essa razão, o equipamento deverá
ser inspecionado mecânica e eletricamente por ocasião do seu recebimento antes da assinatura do canhoto da Nota
Fiscal. A mora superior a 24 horas do recebimento na comunicação de qualquer ocorrência no transporte determinará
a perda da garantia da anormalidade ocorrida.
Em caso de instalações em locais remotos, recomenda-se conservar alguns subconjuntos eletrônicos sobressalentes.

AMPLIMAG CONTROLES ELETRÓNICOS LTDA.: RUA LUAR DO MEU BEM, 132 FONE: 011 2842.9000
HTTP:\\ WWW.AMPLIMAG.COM.BR E-MAIL: AMPLIMAG@AMPLIMAG.COM.BR
MANUAL DE INSTRUÇÃO

SISTEMA DE TRANSFERÊNCIA

CHAVE ESTÁTICA

MONOFÁSICA

ISOLADA

ÍNDICE PAG.

1- ESPECIFICAÇÕES GERAIS .....................................................................................................................2


2- DESCRIÇÃO GERAL DO FUNCIONAMENTO .........................................................................................2
3- INSTALAÇÃO .............................................................................................................................................3
4- DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO:.............................................................................................................4
5- VERIFICAÇÃO DAS TENSÕES E SEQÜÊNCIA DE FASES:..................................................................5
6- INÍCIO DE OPERAÇÃO DO SISTEMA: ....................................................................................................6
7- ARMAZENAGEM E MANUTENÇÃO.........................................................................................................7
8- SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA .................................................................................................7
Controles Eletrônicos Ltda. - Manual de Instrução Chave Estática Isolada pag. 2

1 - ESPECIFICAÇÕES GERAIS

Este sistema de chave estática e chave de "by-pass" tem por função transferir a carga alimentada por uma
fonte ininterrupta de energia ( no-break ) para uma outra fonte alternativa, podendo esta última ser a
própria rede elétrica. Essa transferência pode ser efetuada automaticamente ou manualmente (através de
botoeiras no painel) não existindo interrupção na tensão que alimenta a carga crítica. O sistema permite
também que seja feita manualmente através de botoeiras no painel a retransferência sem interrupção para
o no-break. A chave de by-pass faz a transferência manualmente da carga para a fonte alternativa e vice-
versa em caso de manutenção.

DETALHES CONSTRUTIVOS:

Tiristores: Bloco compacto com dois tiristores configurados em antiparalelo montados


diretamente sobre o painel interno para dissipação de calor.

Cartões Eletrônicos: Montados em circuitos impressos, com base em fibra de vidro, com
conectores, de fácil substituição.

Transformadores: (Quando houver) Fabricados com chapa siliciosa de baixa perda e bobinas
com fio de cobre esmaltado classe F, impregnados em sistema de vácuo/pressão, resultando numa
grande durabilidade e ótimo desempenho.

Caixa Metálica: Robusta, construída em chapa de aço carbono de espessura adequada para dar
proteção ao conjunto; pré-tratada com jato de granalha de aço, para garantia contra corrosão, e
acabamento com pintura a eletrostática em poliester (50%) e epoxi (50%) cor cinza (caixa) e
laranja (placa interna). Com flange removível na base da caixa para facilitar a passagem dos
cabos.

2 - DESCRIÇÃO GERAL DO FUNCIONAMENTO

Este sistema é composto de uma chave estática que transfere a alimentação das cargas na saída do no-
break para uma rede auxiliar, automaticamente e sem interrupção da tensão que alimenta a carga, em caso de falha
do no-break. Também é composto por uma chave de "by-pass" manual para fazer esta transferência manualmente
no caso de manutenção preventiva e/ou corretiva.

2.1 Chave Estática

Acompanhe a descrição de funcionamento pelo esquema elétrico nº 15.814-4 nas últimas páginas deste
manual. O sistema de chave estática é controlado por um circuito eletrônico (P1) que supervisiona continuamente as
condições da tensão de saída do no-break e da rede alternativa quanto ao valor da tensão e o sincronismo entre
fases. Os limites máximos permitidos para variação das tensões do no-break e rede alternativa são previamente
ajustados em fábrica em +/- 10% do valor nominal, e o desvio de fase de até 50º (2,5ms). Estando dentro destas
condições a transferência ocorre normalmente. O parâmetro que estiver fora da faixa especificada é indicado no
painel.

NB ANORMAL: (led vermelho) indica que a tensão de saída do no-break está fora dos limites pré-ajustados.

REDE FA ANORMAL: (led vermelho) indica que a rede alternativa está fora dos limites pré-ajustados.

FORA DE FASE: (led amarelo) indica que existe um erro de fase entre a fonte alternativa e a saída do no-
break.

A indicação de anormalidade em algum parâmetro provoca o bloqueio parcial na transferência automática, e


a transferência só ocorrerá se a tensão de saída do no-break cair abaixo de 50% do valor nominal.

O led verde referente a NO-BREAK aceso, indica que a carga esta sendo alimentada pelo no-break, e o led
verde REDE FA aceso indica que a carga esta sendo alimentada pela rede alternativa.

AMPLIMAG: Rua Luar do Meu Bem, 132 Bairro do Limão–- São Paulo – SP Fone: 011 2842-9000
http://www.amplimag.com.br E-mail: amplimag@amplimag.com.br
Controles Eletrônicos Ltda. - Manual de Instrução Chave Estática Isolada pag. 3

No painel existe uma chave designada COMANDO que pode ser comutada nas posições automático e
manual. Quando na posição automático, a chave estática é comandada pelo no-break que solicita a transferência da
carga por estar em determinadas condições de alarme, que podem causar o desligamento automático do mesmo.

Quando o circuito eletrônico recebe o comando do no-break e as tensões de rede e de saída do no-break
atendem aos limites descritos acima, é iniciado o processo de transferência. Imediatamente são disparados os
tiristores TH1 que provocam um paralelo entre a rede alternativa e a saída do no-break. Simultaneamente a
contatora CH1 que leva a tensão do no-break à carga é desenergizada, sendo então energizada a contatora CH2 que
está em paralelo com TH1, mantendo fechado o caminho de alimentação da carga pela rede alternativa, sendo então
desligado TH1. O tempo total do paralelismo varia entre 8ms e 12ms, que é o tempo necessário para a contatora CH1
perder a magnetização de sua bobina e abrir os contatos.

Para retornar a alimentação da carga para a saída do no-break basta pressionar a botoeira NB no painel, e
se não houver nenhuma anormalidade a retransferência será executada. Este retorno é manual, pois se houve a
transferência ocorreu algum problema com o no-break que deve ser verificado antes de alimentar novamente a carga.

Quando a chave COMANDO estiver na posição manual, as transferências são comandadas manualmente
através do pressionamento da botoeira correspondente, e serão executadas desde que não haja nenhuma indicação de
anormalidade que cause o bloqueio das transferências.

A chave LIGA/DESLIGA ativa o sistema eletrônico. Mesmo na posição desligado, havendo tensão de saída do no-
break, a contatora CH1 é energizada enviando esta tensão para a carga. Dois disjuntores na entrada FONTE
ALTERNATIVA protegem o equipamento.

Um teste visual dos led's do painel pode ser feito, pressionando a botoeira TESTE DE LED’S, que fará com que
todos os led’s acendam simultaneamente.

3 - INSTALAÇÃO

3.1 - Chave Estática

ATENÇÃO - Seja cauteloso ao trabalhar com No-break, pois sendo um sistema de fornecimento ininterrupto de
energia poderá haver tensão nos terminais de saída mesmo sem tensão de entrada AC. Para prevenir acidentes
por choque elétrico verifique se a chave liga/desliga do No-break, localizada na parte traseira do equipamento,
está na posição desliga. Se houver Chave de Baterias mantenha na posição desligada durante a instalação.

Sugestão:

O sistema é alojado em gabinete com rodízios sempre que a chave estática possui transformador, e deve se
possível ser instalado próximo ao no-break. A chave de "By-Pass" (tipo quadro) deve ser instalada na parede, também se
possível próximo ao no-break e com livre acesso para sua operação, a uma altura de aproximadamente 1,60m do chão.

Para executar a instalação sistema (chave estática e chave by-pass) utilize somente cabos flexíveis de cobre,
com isolação para 750V e 90oC no mínimo, em PVC ou EPR antichama. Os terminais usados devem ser do tipo para
compressão e prensados adequadamente nos cabos. Veja abaixo a bitola dos cabos para instalação de cada tipo de chave
estática:

POTÊNCIA 110V/115V/127V 220V / 2 X 110V TERRA


2KVA 4,0 mm2 2,5 mm2 2,5 mm2
3KVA 6,0 mm2 4,0 mm2 2,5 mm2
5KVA 10 mm2 6,0 mm2 4,0 mm2
7KVA 16 mm2 10 mm2 6,0 mm2
10KVA 25 mm2 16 mm2 10 mm2

AMPLIMAG: Rua Luar do Meu Bem, 132 Bairro do Limão–- São Paulo – SP Fone: 011 2842-9000
http://www.amplimag.com.br E-mail: amplimag@amplimag.com.br
Controles Eletrônicos Ltda. - Manual de Instrução Chave Estática Isolada pag. 4

4 - DIAGRAMA DE INTERLIGAÇÃO:

Quando o cabo utilizado pelo no-break para efetuar o comando da transferência não for fornecido pela
AMPLIMAG, deve ser utilizado um cabo blindado 2 x 1,0mm2 (tipo para microfone) e comprimento máximo de 20 metros.
A conexão tanto no no-break como na chave estática deve ser: borne nº 1 com borne nº 1 (fio preto), borne nº 2 com
nº 2 (fio vermelho), e borne T com borne T (blindagem).

IMPORTANTE: Um bom aterramento é necessário para prevenir ruídos eletromagnéticos e garantir a


operação segura do sistema. Considera-se um bom aterramento quando a resistência ôhmica entre Neutro e Terra
é menor ou igual a 4,0 Ohms, ou que a queda de tensão entre Neutro e Terra com sistema carregado não seja
maior que 3Vac.

AMPLIMAG: Rua Luar do Meu Bem, 132 Bairro do Limão–- São Paulo – SP Fone: 011 2842-9000
http://www.amplimag.com.br E-mail: amplimag@amplimag.com.br
Controles Eletrônicos Ltda. - Manual de Instrução Chave Estática Isolada pag. 5

5 - VERIFICAÇÃO DAS TENSÕES E SEQÜÊNCIA DE FASES:

Certifique-se de que as características de tensão de entrada, de saída e potência da chave estática (veja
pág. 3) está de acordo com as tensões de saída do no-break, da rede alternativa, e a de saída para carga.
Bem como a instalação deve estar conforme diagrama da página anterior.

5.1 - Mantenha a chave liga/desliga da chave estática na posição desliga durante as medidas de
seqüência de fase. Ligue o banco de baterias e o no-break e os disjuntores da chave estática (se houver), a contatora
CH1 da chave estática deve ligar automaticamente. Energize também a rede alternativa.

5.2 - Com um voltímetro AC meça as tensões entre os bornes da chave estática indicados abaixo e
anote os resultados nos espaços específicos. Caso o modelo em teste não possua algum dos bornes descritos abaixo,
deixe a leitura em branco.

A – 03 e 04 =___________________Vac 06 e 07 =___________________Vac

B – 03 e 05 =___________________Vac 06 e 08 =___________________Vac

Estes valores devem ser próximos de 110Vac, com diferença < 10%.

C – 04 e 05 =___________________Vac 07 e 08 =___________________Vac

Estes valores devem ser próximos de 220Vac, com diferença < 10%.

D – 03 e 06 =___________________Vac

O valor deve ser 0V.

E – 04 e 07 =___________________Vac 05 e 08 =___________________Vac

Estes valores devem ser < 30Vav.


Se for encontrado um valor muito maior (220Vac) significa que uma das entradas
está invertida. Para corrigir, desligue tudo e inverta os cabos de entrada do transformador
ou do no-break. Repita este item.

753 - Desligue o no-break e a rede alternativa. Instale agora os cabos de carga.

Se as tensões anotadas nos passos deste item estiverem inaceitáveis entre em contato com a
Assistência Técnica Amplimag pelo Fone: (011) 2842-9000

AMPLIMAG: Rua Luar do Meu Bem, 132 Bairro do Limão–- São Paulo – SP Fone: 011 2842-9000
http://www.amplimag.com.br E-mail: amplimag@amplimag.com.br
Controles Eletrônicos Ltda. - Manual de Instrução Chave Estática Isolada pag. 6

6 - INÍCIO DE OPERAÇÃO DO SISTEMA:

6.1 PAINEL DA CHAVE ESTÁTICA :

CHAVE COMANDO BOTOEIRAS LED'S


LIGA/ AUTOMÁTICO/ DE SELEÇÃO INDICADORES
DESLIGA MANUAL

* CHAVE LIGA/DESLIGA : liga e desliga o sistema de transferência.

* COMANDO AUTOMÁTICO/MANUAL : seleciona o modo de transferência.

* BOTOEIRAS DE SELEÇÃO : seleciona o caminho da alimentação e o teste de led's.

* LED'S DE INDICADORES : indicações da situação do sistema.

6.2 TESTE DE FUNCIONAMENTO DO SISTEMA :

6.2.1 - Ligue o no-break, a rede alternativa (transformador), os disjuntores da chave estática (quando
houver), a contatora CH1 deve ligar. Ligue a chave estática. O led LIGADO (verde) e o led NO-BREAK (verde)
devem acender.

6.2.2 - Pressione o botão TESTE DE LED'S, observando se todos acendem simultaneamente.

6.2.3 - Verifique se as indicações de no-break anormal, rede anormal e fora de fase estão apagadas,
isto indica que a operação da chave estática está desbloqueada.

6.2.4 - Passe a chave de comando para MANUAL, e pressione o botão REDE FA do painel, o led
COMANDO (amarelo) acenderá enquanto o botão estiver pressionado. Neste momento deve ocorrer a transferência para
rede, havendo a comutação das contatoras, apagando o led NO-BREAK (verde) e acendendo o led REDE FA (verde).
Verifique a tensão nos bornes de saída para carga se está normal. Pressione agora o botão NO-BREAK, novamente o led
COMANDO acenderá, devendo ocorrer a nova comutação das contatoras e dos led’s de REDE FA para NO-BREAK.

6.2.5 - Passe agora a chave de comando para AUTOMÁTICO, e desligue o no-break. Deverá ocorrer a
transferência automática para rede, acendendo seu respectivo led. Religue o no-break e pressione o botão NO-BREAK do
painel, a retransferência será executada acendendo o led NO-BREAK e apagando o led REDE FA.

Executados todos os passos sem anormalidades o sistema está pronto para operação normal.
No caso de algum passo deste item não tiver o resultado esperado reveja os tópicos 5, 6 e 7 novamente.

AMPLIMAG: Rua Luar do Meu Bem, 132 Bairro do Limão–- São Paulo – SP Fone: 011 2842-9000
http://www.amplimag.com.br E-mail: amplimag@amplimag.com.br
Controles Eletrônicos Ltda. - Manual de Instrução Chave Estática Isolada pag. 7

7 - ARMAZENAGEM E MANUTENÇÃO

7.1 - Armazenagem:

Para armazenagem da chave estática não há limite de tempo, apenas devem ser observadas as
seguintes recomendações:

A) Embalado ou não o equipamento jamais pode ser empilhado, e nenhum tipo de peso como caixas
ou outras peças deve ser colocado sobre ele.

B) O equipamento deve ser armazenado em local limpo e seco, e se possível embalado.

7.2 - Manutenção:

A chave estática exige pouca manutenção, e os únicos cuidados permanentes são:

A) Manter as aberturas de ventilação (se houver) sempre livres para perfeita troca de calor.

B) Manter o interior limpo em geral, especialmente de materiais metálicos como clips e grampos.

C) A cada três meses reapertar todas as conexões internas.

No caso de mau funcionamento do equipamento, o conserto deve ser feito em fábrica, ou no cliente por
técnicos especializados. Em qualquer caso consulte a assistência técnica.

8 - SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA

Nos casos em que V.S.as. necessitarem do nosso serviço de assistência técnica, tenha em mãos o código e o
número de série a chave estática ( ver pag. 2 ou 3 ). O encarregado do atendimento necessita destes dados para facilitar a
consulta ao arquivo de projetos e ensaios finais, os quais revelam eventuais particularidades do equipamento e permite
instruir o técnico com informações precisas do material para reposição.

Qualquer cobrança será baseada no tempo de execução no local, e nos materiais gastos, devidamente descritos
no relatório de visita técnica, que o técnico emitirá ao término da manutenção, onde constará também a assinatura do
responsável no cliente que ficará com a 2a via deste relatório.

No período de garantia, tanto o serviço com as peças substituídas são gratuitas desde que o equipamento seja
entregue à fábrica. Para manutenção no local, serão cobrados no máximo as despesas de viagens e/ou estadias. Neste
caso é conveniente definir com o responsável pela assistência técnica os detalhes de estadia e transporte mais
satisfatórios.

ASSISTÊNCIA TÉCNICA AMPLIMAG


fone: (011) 2842-9000 no horário comercial.
E-mail: tecnica@amplimag.com.br

AMPLIMAG: Rua Luar do Meu Bem, 132 Bairro do Limão–- São Paulo – SP Fone: 011 2842-9000
http://www.amplimag.com.br E-mail: amplimag@amplimag.com.br