Você está na página 1de 4

Cena 1:

André: Juca, ô Juca! Jucaaaa!

Juca (Sonolento): André, o que você está fazendo a essa hora aqui em casa?

André: Juca, você se esqueceu? Eu te convidei semana passada, é hoje que começa a EBF,
aquela escola de férias que a gente canta “Nossa EBF vai começar, venha com gente, venha
pra cá...”

Juca: AI, MEU DEUS! É hoje? Eu não tava nem lembrando!

André: Pois é, Juca, vamos logo senão a gente se atrasa!

Juca: Tá bom, vamos logo, André. Eu adoro a EBF, a gente aprende muita coisa legal, ano
passado a gente aprendeu sobre a família, e agora eu só me comporto bem lá em casa, eu
aprendi que com Jesus nós podemos ser crianças abençoadas! Eu falei de Jesus pra todo
mundo lá de casa, falei pra minha mãe, pro meu pai...

André: Que legal, Juca! Que bom que você falou de Jesus pra toda a sua família, mas, e aí?
Além da sua família, pra quem mais você falou de Jesus?

Juca: Ué, achei que era pra falar só pra minha família...

André: Hahaha Não, Juca! Vi que você não aprendeu a lição completa. Você sabia que Jesus
nos ensinou que devemos falar do amor dele para todo mundo?

Juca: Pra todo o mundo? Puxa, é um bocado de gente!

André: Pois é, Juca, mas imagina como seria se a gente ouvisse sobre o amor de Deus e
guardássemos só pra nós?

Juca: Aí ninguém mais ficaria sabendo! Puxa, agora estou um pouco chateado, imagina o tanto
de gente pra quem eu poderia ter falado de Jesus se eu soubesse disso...

André: Mas ainda há tempo, Juca! Que tal aproveitarmos que a EBF ainda não começou pra
gente ir pela rua falando do amor de Jesus e convidando todas as crianças?

Juca: Só se for agora, André!

MÚSICA 1

Juca: Ah, que legal é poder falar do amor de Deus para as pessoas, André!

André: Com certeza, Juca. Agora você já sabe: Jesus nos deu a missão de espalharmos o amor.

Juca: Mas André, eu estou confuso. Existem crianças que não tem nenhum vizinho, nenhum
parente ou colega que conheça e possa levar o amor de Deus até elas. Como eu posso falar do
amor de Deus para uma pessoa do outro lado do mundo?
André: Pois é, Juca. Infelizmente há muitas pessoas que estão sem esperança, pois não
conhecem o amor de Deus. E é aí que nós entramos em ação: podemos trazer conforto e
esperança a essas pessoas através da nossa oração.

Juca: Sério, da oração? Eu quero saber como fazer. Me ensina, André!

André: A oração é um instrumento poderoso de ligação com Deus. Toda vez antes de dormir,
devemos orar e dizer: “estende a tua mão e toca, traz esperança ao pequeno coração”

MÚSICA 2

Juca: É tão bom saber que podemos trazer conforto e esperança para as pessoas através da
oração, André.

André: Fazendo isso, estamos demonstrando amor por essas pessoas.

Juca: É, André, mas você sabe que nem sempre é tão fácil assim amar algumas pessoas. Tem
muita gente ruim, chata e que não merece o amor.

André: Ah, Juca, ninguém merece o amor, nem a gente! Mas Deus é tão bondoso que ele nos
amou incondicionalmente e nos ensinou a amar os outros da mesma forma que ele nos amou!

Juca: É, você tem razão, André. Jesus demonstrou tanto amor pela gente, então nada mais
legal que demonstrarmos o mesmo amor pelo nosso próximo.

André: É isso aí, vamos amar uns aos outros!

Juca: Êêêê!

MÚSICA 3:

André: O amor é o maior dom que Jesus nos ensinou a cultivar, ele é a base de tudo. Quando
amamos, servir à Deus e ao próximo se torna uma alegria!

Juca: Servir? Por acaso a gente vai virar garçom?

André: Hahaha Não, Juca. Servir é tudo que envolve o modo como falamos e agimos em
relação às pessoas e Deus.

Juca: Ainda não entendi, André.

André: Veja, Juca, podemos servir à Deus obedecendo a Ele, louvando e fazendo a obra dele
com alegria. Podemos servir ao nosso próximo o ajudando quando precisa ou mesmo lhe
dando uma palavra de conforto e carinho.

Juca: Você está me dizendo que Deus mandou a gente ficar fazendo favor para as pessoas?

André: Não é favor, Juca, é amor. Quando se ama, tudo o que você faz para servir é uma prova
desse amor. Aquele que serve com alegria agrada o coração de Deus.
Juca: Olha, até que esse negócio de servir parece interessante. Afinal, se Deus me deu duas
mãos, e elas funcionam muito bem, eu posso servir a Deus e aos meus amigos com alegria com
certeza.

MÚSICA 4

Juca: Agora eu já sei, servir a Deus e ao próximo é realmente importante, além de ser muito
bom! Quando plantamos amor, colhemos muitas coisas boas!

André: É mesmo, Juca, o amor que sentimos por Cristo é o que nos move em um só corpo, um
só coração. Quando estamos assim, juntinhos, ligados pelo amor e pelo serviço à Deus e ao
próximo, estaremos sempre alegres.

Juca: Mesmo naqueles momentos tristes?

André: Principalmente neles, Juca. É nesses momentos que o servir ao próximo se faz
necessário novamente. Quando estamos unidos, os momentos tristes se tornam alegres com
Jesus! Às vezes podemos pensar que somos muito diferentes das outras pessoas, mas quando
estamos com Cristo, nós vamos perceber que temos muitas coisas em comum!

MÚSICA 5

Juca: Obrigado, André, por ter me ajudado a aprender tantas coisas que eu ainda não
entendia.

André: Não precisa agradecer Juca, eu mesmo não sei de tudo, por isso que momentos como o
da EBF são bastante importantes. Quanto mais aprendemos sobre a bíblia e sobre Deus, mais
vamos estar preparados para ensinar sobre amor Dele.

Juca: Estou com muita vontade de sair pelo mundo falando do amor dele, servindo as pessoas,
mostrando para todos o mesmo amor que Jesus mostrou por nós!

André: Que legal ouvir você falando assim, Juca, mas para isso, você precisa se preparar. E que
momento melhor para isso que a Escola Bíblica de Férias? Falando nisso, acabamos de chegar
na igreja. A EBF está para começar, uma festa muito alegre, onde vamos aprender sobre Jesus
e sobre o que ele fez pela gente!

Juca: Então o que estamos esperando? Vamos começar logo de uma vez, estou ansioso para
por em prática o que aprendi sobre servir! E vocês? Vem comemorar com a gente também,
servir é bom demais!!!

REPRISE SERVIR