Você está na página 1de 5

Antologiade

Antologia dePoemas
Poemas

Viveraapoesia
Viver poesia

Lê este poema em silêncio. Após uma 1ª leitura, vais lê-lo com ritmo
cadenciado sugerindo o comboio no carril.

Trem de Ferro

Página3
Café com pão De ingazeira
Café com pão Debruçada
Café com pão Que vontade
De cantar!
Virgem Maria que foi isto maquinista?
Oô...
Agora sim
Café com pão Quando me prendero no canaviá
Cada pé de cana era um oficiá
Agora sim
Café com pão
Ôo...
Voa, fumaça Menina bonita
Corre, cerca Do vestido verde
Ai seu foguista Me dá tua boca
Bota fogo Pra matá minha sede
Na fornalha Ôo...
Que eu preciso Vou mimbora vou mimbora
Muita força Não gosto daqui
Muita força rapazes Nasci no sertão
Muita força Sou de Ouricuri
Oô.. Ôo...
Foge, bicho Vou depressa
Vou correndo
Foge, povo
Passa ponte Vou na toda
Que só levo
Passa poste
Passa pato Pouca gente
Passa boi Pouca gente
Passa boiada Pouca gente...
Passa galho

Página3
Trem de Ferro, Manuel Bandeira

1. Lê este poema e responde ao questionário apresentado.


NAUFRÁGIO COMPREENSÃO/ INTERPRETAÇÃO

Não era por mal… 1. Este poema sugere uma paisagem


A onda que vinha marítima. Enumera os elementos textuais
não vinha por mal. que te fazem essa sugestão.
2. Nessa paisagem, movimentam-se dois
Mas veio, mas veio…
grupos de pessoas: o dos “meninos
E logo a barquinha
pobres” e o dos seus “pais”.
partiu pelo meio.
2.1 O que fazem uns e outros nesse espaço?
2.2 O que representa o mar para cada um dos
Nem homens, nem velas.
grupos?
– : Quanto a bordo ia,
3. Explica o uso das reticências no texto.
com fé abalara,
4. Relê a 1ª e a última estrofes do texto e
morreu já sem ela.
determina aquela que parece ser a
Mas, se a onda veio, intenção do sujeito poético.
não veio por mal:
5. Descreve o esquema estrófico do poema
6. Classifica a rima do poema.
era irmã daquela
7. Completa no teu caderno os espaços em
que chegou à praia,
que embala barquinhos branco com as letras em falta de forma a
de meninos pobres. obteres palavras da família de mar.
8. Faz o levantamento de todas as
Os meninos brincam. preposições do texto.
Navegam em barcos MAR
feitos de cortiça, ________________
feitos de jornal. _________________
Quase à mesma hora, _________________
longe, os pais naufragam _________________
sem nenhuma ajuda.
COMPREENSÃO/ INTERPRETAÇÃO
Mas não é por mal…
1. Este poema apresenta-nos um diálogo
Sebastião da Gama, Cabo da Boa Esperança imaginário entre uma nuvem e uma pessoa.
Identifica os versos que constituem a fala de
2. Lê, agora, o poema de Eugénio de Andrade.
uma e outra.
2. Relê os versos enunciados pela nuvem e
Aquela nuvem
responde:
2.1 Que características da nuvem são
 É tão bom ser nuvem,
ter um corpo leve, destacadas?
Página3

e passar, passar. 2.2 O facto de a nuvem falar, revelar


sabedoria e capacidade de visão aponta
para uma figura de estilo. Qual?
2.3 O que simbolizará a nuvem no contexto
do poema
 Leva-me contigo.
Quero ver Granada.
Quero ver o mar.

 Granada é longe,
o mar é distante,
não podes voar. 3. Relê agora os versos atribuídos à pessoa..

3.1. Que pedido faz à nuvem?


 Para que te serve
ser nuvem, se não 3.2. Que capacidade tem a nuvem que o ser
me podes levar?
humano não tem?

 Serve para te ver. 3.3. Qual o valor simbólico do pedido?


E passar, passar.
Aquela nuvem e outras, Eugénio de Andrade

ESCRITA CRIATIVA
“Um dia, disseram-me que, na vida, teria de optar entre escrever e viver. Optei, sem
hesitar, por escrever. E sei, hoje, que é ao escrever, e só ao escrever, que
sou capaz de viver." Pedro Chagas Freitas

Escrever à maneira de …
1. Apresento-te o início de alguns poemas. Tu só tens que dar continuidade a
estes primeiros versos, respeitando a estrutura e o estilo evidenciados.

Ou se tem chuva ou não se tem sol,


ou se tem sol ou não se tem chuva!

Ou se calça a luva e não se põe o anel,


ou se põe o anel e não se calça a luva!

Cecília Meireles

Poema para uma letra


Página3

2. Escolhe uma letra e elabora um texto sobre ela, tal como fez o poeta Manuel
Alegre.
V de vulcão V de Vesúvio V de lava
V de livre e livro V de
V de vinho V de verde
Verde vento

Página3

Interesses relacionados