Você está na página 1de 1

EN3216 Métodos Computacionais para Análise Estrutural

UFABC, Segundo quadrimestre de 2014


Prof. Juan Avila

Lista 4

O exercício (2) está resolvido no livro de Cook et al (2002). Ver também o exemplo resolvido 16.4
do livro de Logan (2012) para o cálculo de resposta de uma barra.

Nota: Se a solução do problema (2) for satisfatória o aluno poderá ganhar pontos sobre a
média final.

1) (3) Uma viga de comprimento L e rigidez à flexão EI é engastada no extremo esquerdo e tem um
apoio tipo pino no extremo direito. Usando os dados a seguir

L  6 m , A=2 102 m2 ,   7800 kg/m3 , I=8105 m4 , E  210 109 N/m2

a) calcule as duas primeiras frequências naturais da viga usando dois elementos de viga do mesmo
comprimento. Use a matriz de massas concentradas.

b) repita a parte (a) usando a matriz de massas consistentes.

Compare seus resultados com a solução exata a seguir:

15, 42 EI 49,96 EI
1  , 2 
L2 A L2 A

2) (7) Uma barra com um dos extremos fixo é submetida a uma carga axial instantânea como
mostra a figura. A fim de calcular a reposta dinâmica da barra, implemente no Matlab o método das
diferenciais centrais para resolver este problema de propagação de onda. A barra deve ser
discretizada com 40 elementos de barra de dois nós, assim que cada elemento barra sendo de
deformação constante tem um comprimento L  LT 40  0,5 in. Usando a matriz de massas
concentradas para os elementos finitos, calcule a variação no tempo da tensão axial em x  9,75 in,
o qual é o ponto meio do vinte avo elemento. Considere um tempo de simulação igual a 0,4 ms.
Faça um gráfico dos resultados. Condições são assumidas a serem linearmente elásticas.

A  1,0 in 2 , E  30(106 ) psi,  =7,4(104 ) lb-s2 in 4 ,


LT  20 in. Carga P0 é aplicada em t  0.