Você está na página 1de 3

Revisões

As características do Texto Dramático

I. Escolhe a melhor opção para completar cada afirmação, colocando um X.

1. O texto dramático destina-se a ser:


A. representado;
B. ouvido;
C. lido.

2. As indicações cénicas ou didascálias servem para:


A. informar sobre a movimentação das personagens, atitudes e comportamentos, o cenário, a luz, o
som…;
B. informar sobre o autor; informar exclusivamente sobre as personagens e o espaço.

3. Que nome se dá a quem escreve textos dramáticos?


A. encenador; C. ator;
B. dramaturgo; D. cenógrafo.

4. Quais são as divisões, ao nível da forma, num texto dramático?


A. capítulos; C. atos e capítulos;
B. atos e cenas; D. cenas e capítulos.

5. O texto dramático é constituído pelas:


A. falas das personagens;
B. falas das personagens; e didascálias;
C. didascálias e intervenções do narrador.

6. No texto dramático, existe mudança de ato, quando:


A. há entrada ou saída de personagens;
B. existe mudança de tema de conversa;
C. mudam o local onde se passa a ação.

7. No texto dramático, existe mudança de cena, quando:


A. existe mudança de cenário;
B. há entrada e saída de personagens;
C. desce o pano.

8. O figurante é:
A. aquele que não desempenha qualquer papel específico.
B. aquele que sabe desenhar cenários;
C. aquele que não desempenha um papel de maior relevância.

2. Faz corresponder as definições às funções ou atividades dos profissionais do teatro:

1) Dramaturgo a) Pessoa que controla a entrada dos atores em cena.


2) Figurinista b) Pessoa que escreve peças de teatro.
3) Caracterizador c) Pessoa que organiza e dirige o espetáculo de teatro.
4) Encenador d) Pessoa que transforma o aspeto exterior dos atores.
5) Ponto e) Pessoa que trata dos adereços.
6) Ator/Atriz f) Pessoa que concebe e manda executar os trajes.
7) Cenógrafo g) Pessoa que ajuda os atores lembrando-lhes o texto.
8) Aderecista h) Pessoa que interpreta o papel das personagens.
9) Contrarregra i) Pessoa que concebe o cenário de acordo com as indicações do encenador.
Revisões

As características do Texto Poético

1. Assinala a hipótese correta com um X.


1. Um verso é: 6. Uma estrofe com seis versos chama-se:
a) uma linha de um poema. a) sexta.
b) uma estrofe. b) sextilha.
c) um conjunto de frases separado graficamente por c) dístico.
um espaço.
2. Uma estrofe é: 7. Quando os versos rimam dois a dois, a rima
a) uma linha de um poema. designa-se:
b) um conjunto de versos separados graficamente por a) rima interpolada.
um espaço. b) rima cruzada.
c) um conjunto de frases poéticas. c) rima emparelhada.
3. O monóstico é uma estrofe com: 8. O esquema rimático abab representa:
a) um conjunto de versos. a) rima cruzada.
b) um verso, mais uma palavra. b) rima interpolada.
c) um verso. c) rima emparelhada.
4. Determinar a métrica de um verso é: 9. O esquema da rima interpolada é:
a) contar o número de sílabas gramaticais. a) abab.
b) contar o número de versos. b) abca.
c) contar o número de sílabas métricas.
c) aabb.
5. Uma estrofe com quatro versos denomina-se: 10. Há poemas em que os versos não rimam são:
a) quadrilha. a) os versos soltos ou brancos.
b) quadra. b) os versos cruzados.
c) quarteto.

2. Lê atentamente o poema e responde às questões.


O Menino Grande
Também eu, também eu, Vida!,
joguei às escondidas, fiz baloiços, não me venhas roubar o meu tesoiro:
tive bolas, berlindes, papagaios, não te importes que eu ria,
automóveis de corda, cavalinhos... que eu salte como dantes.
E se eu riscar os muros
Depois cresci, ou quebrar algum vidro
tornei-me do tamanho que hoje tenho; ralha, ralha comigo, mas de manso...
os brinquedos perdi-os, os meus bibes
deixaram de servir-me. (Eu tinha um bibe azul...
Mas nem tudo se foi: Tinha berlindes,
ficou-me, tinha bolas, cavalos, papagaios...
dos tempos de menino A minha Mãe ralhava assim como quem beija...
esta alegria ingénua E quantas vezes eu, só pra ouvi-la
perante as coisas novas ralhar, parti os vidros da janela
e esta vontade de brincar. e desenhei bonecos na parede...)

Vida!, ralha também,


ralha, se eu te fizer maldades, mas de manso,
como se fosse ainda a minha Mãe...

Sebastião da Gama, Itinerário Paralelo

1. O poema faz referência a dois momentos distintos na vida do sujeito poético.


1.1. Identifica-os.
Revisões
2. A que momento da vida se refere o eu poético na primeira estrofe?

2.1. Que mensagem pretende transmitir quando diz «Também eu, também eu…»?

3. Enumera as modificações que o tempo operou no sujeito poético.

3.1. No entanto, algo da infância permanece. O quê?

4. Refere o recurso estilístico predominante na primeira estrofe.

5. Atenta agora na forma do poema.


5.1. Por quantas estrofes é constituído?

5.2. Classifica-as quanto ao número de versos.