Você está na página 1de 2

PROJUDI - Processo: 0002038-53.2016.8.16.0179 - Ref. mov. 113.

1 - Assinado digitalmente por Marcelo Mazzali:9138


05/10/2017: EMBARGOS DE DECLARAÇÃO ACOLHIDOS. Arq: Acolho embargos de declaração

Documento assinado digitalmente, conforme MP nº 2.200-2/2001, Lei nº 11.419/2006, resolução do Projudi, do TJPR/OE
PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO PARANÁ
COMARCA DA REGIÃO METROPOLITANA DE CURITIBA - FORO CENTRAL DE
CURITIBA
25ª VARA CÍVEL DE CURITIBA - PROJUDI
Rua Mateus Leme, 1142 - 13° Andar - Centro Cívico - Curitiba/PR - CEP:
80.530-010 - Fone: (41) 3221-9525

Validação deste em https://projudi.tjpr.jus.br/projudi/ - Identificador: PJTXS M425Y 2PDS9 C5NT3


Autos nº. 0002038-53.2016.8.16.0179

I. Revogo o despacho do mov. 108, do Sistema Projudi.

II. A parte autora opôs embargos de declaração em face da sentença, sob a alegação de
omissão e contradição.

Aduziu a parte embargante que houve omissão na medida em que não foi determinado na
sentença de homologação a expedição de ofício ao 4º Ofício de Registro de Imóveis de Curitiba
pata que procedesse a baixa do pacto comissório averbado na certidão de matrícula n.º 73.393
de sua serventia, conforme pactuado.

Alegou que a sentença foi contraditória em função deste juízo ter supostamente afirmado que
não houve disposição no tocante às custas processuais no acordo entabulado. No entanto,
alegou que foi convencionado que a parte autora iria arcar com as despesas do processo.

Postulou, assim, que os embargos sejam conhecidos e acolhidos, suprindo a omissão e a


contradição indicadas.

Em face da presença do pressuposto da tempestividade, recebo o recurso de embargos de


declaração.

De acordo com a disposição contida no artigo 1.022 do Código de Processo Civil, o mencionado
recurso visa dirimir erro material, obscuridade, contradição ou omissão de ponto ou questão
sobre o qual devia se pronunciar o juiz de ofício ou a requerimento.

Sustenta a embargante a existência de omissão, que existe quando o juiz não enfrenta todas as
questões ou pedidos formulados pelas partes, e de contradição, que, para ser acolhida, precisa
ocorrer entre as proposições postas na decisão e não quanto aos documentos ou alegações nos
autos.
PROJUDI - Processo: 0002038-53.2016.8.16.0179 - Ref. mov. 113.1 - Assinado digitalmente por Marcelo Mazzali:9138
05/10/2017: EMBARGOS DE DECLARAÇÃO ACOLHIDOS. Arq: Acolho embargos de declaração

Documento assinado digitalmente, conforme MP nº 2.200-2/2001, Lei nº 11.419/2006, resolução do Projudi, do TJPR/OE
De tal modo, a sentença mencionou os conceitos dos contratos de representação comercial e de
distribuição e, em comparação com o objeto do negócio jurídico firmado entre as partes,
verificou que há adequação com aquele tipo de instrumento jurídico.

Validação deste em https://projudi.tjpr.jus.br/projudi/ - Identificador: PJTXS M425Y 2PDS9 C5NT3


A sentença foi omissa na medida em que não determinou a expedição de ofício ao 4º Ofício de
Registro de Imóveis de Curitiba como acordado na transação realizada entre as partes.

De outro lado, com relação à contradição apontada, não assiste razão a embargante.

Não há proposições contraditórias na sentença de homologação. Contudo, diante do fato de que


a parte autora afirmou que arcará com qualquer despesa processual remanescente, deverá ela
ser responsabilizada por eventuais valores ainda pendentes de pagamento.

Pelo exposto, conheço os embargos de declaração opostos e acolho-os a fim de determinar a


expedição de ofício ao 4º Ofício de Registro de Imóveis de Curitiba pata que procedesse a baixa
do pacto comissório averbado na certidão de matrícula n.º 73.393 de sua serventia e que a
parte autora arque com as custas processuais remanescentes, conforme pactuado.

Publique-se. Registre-se. Intimem-se.

Curitiba, 05 de Outubro de 2017.

Marcelo Mazzali

Juiz de Direito