Você está na página 1de 110

HERDEIRO APOSTÓLICO

- Efésios 1:1-23

O diabo quer tirar de nós a autoridade que Jesus conquistou para a sua Igreja. Assim como Isaque tinha
sua herança, nós também temos: somos herdeiros de Deus em Cristo.
Cristo fez do homem o seu herdeiro, o herdeiro é aquele que tem esperança e recebe aquilo que já foi
conquistado por Jesus.
A religiosidade que quer quebrar essa herança, será destruída! A estratégia de satanás é que briguemos
entre nós para não desfrutarmos da herança que nos foi dada.
Eclesiastes 5:19 – Deus nos deu a bênção de desfrutar da sua riqueza!
Não posso ser roubado:
1º pela minha carne
2º por terceiros que se levantam para falar contra mim
3º por satanás
Nada vai nos impedir de viver a nossa herança!
Para nos tornarmos herdeiros:
1º Jesus nos resgatou e nos deu dignidade ( I Pe.2:9-10)
( II Sm.9:3,7,10,13) Nós éramos como Mefibosete, fomos roubados da herança, mas hoje nos
assentamos na mesa do Rei dos reis.
2º Ele nos deu acesso a herança mostrando e limpando os nossos caminhos
( Lc.23:45 / Jo.14:6 / Hb.10:19-22)
O véu limitava o acesso dos homens com o Senhor, mas quando ele foi rasgado, nós passamos a ter
acesso a nossa herança, e nos tornamos sacerdotes para termos a porção do Senhor e fomos feitos reis
para nos assentarmos à mesa.
3º O testador morreu para que o testamento tivesse validade. Hb.9:15-17 Nossa herança não está só no
céu, mas aqui na terra também.
Jesus nos deu a Sua autoridade para fazer tudo o que Ele fez!!!!! Somos imagem de Jesus.
O herdeiro tem a marca daquele que é filho.
1º (Lc.19:12-27) O papel do filho é multiplicar a herança do pai para que haja crescimento do reino! Se
somos filhos de Deus, temos sangue nos olhos e vamos expandir o Seu Reino.
2º (Lc.15:13-14) Nós não vamos destruir a herança do nosso Deus. Durante um tempo Deus ficou sem
os herdeiros apostólicos, mas agora foi achado e o Cordeiro ( Jesus ) foi morto, hoje temos novas vestes
e marca de filho.
A herança apostólica:
1 – Salvação (Mt.9:19)
2 – Herança da bênção (IPe.3:9)
3 – Herança dos santos
4 – Herança dos filhos (Sl.127)
5 – Herança da Glória de Deus (Ef.1:18)
6 – O Senhor como minha herança
7 – A terra como minha herança (Hb.5:9)
8 – Reino (Lc.12:32)
9 – O Espírito Santo é minha herança
10 – As promessas
11 – Unção de Jesus Cristo
12 – Herança de Jesus Cristo
Temos que ministrar essa herança para aqueles que amamos.
Em tudo que fomos roubados o Senhor está trazendo de volta.
A nossa colheita não é de trabalho, é de herança. O escravo era marcado com argola, mas o filho tinha
uma capa ou um bracelete que o distinguia como filho.
A partir de hoje não haverá pregação fraca nem palavras dúbias e nem vidas presas nas mentiras do
diabo porque nós temos uma herança apostólica que nos diferencia.

O Primogênito Apostólico
Gn 21:1-12
A consciência da primogenitura apostólica não obedece a lei da primogenitura carnal, mas obedece a
vontade de Deus.
Ismael, na verdade era o primogênito, mas Deus deu a descendência através de Isaque. Carnalmente
não era ele, mas espiritualmente era. Portanto nossa primogenitura não é carnal, mas espiritual.
Gn 27:28-29

Encontramos aqui a bênção da primogenitura indo para Jacó. Jacó tinha características apostólicas:
estrategista, determinado e ousado. Jacó entendeu no espírito a importância da primogenitura.

O tempo passou (Gn.32:28-29) e podemos ver Jacó sendo marcado, sendo transformado em Israel e
marcado fisicamente. Nos planos do Senhor Jacó se transformaria em Israel. O primeiro filho de Jacó
foi Rúben, mas tinha atitudes carnais, por isso José foi escolhido por Deus.

I Sm 8, o povo pediu um rei, e Deus permitiu, mas o escolhido, Saul, era o rei carnal, só que o
verdadeiro primogênito foi Davi.

Hb. 12:23
Devemos entender no espírito aquilo que significa ter a primogenitura apostólica como escolha do
Senhor nosso Deus, e eu preciso tirar da minha vida todos os impedimentos.
Lc. 12:2, Deus quer nos revelar somos herança de Jesus Cristo. A primogenitura não pertence ao povo
de Israel, mas à Igreja Apostólica.

Quem tem esta primogenitura tem:

1º A primogenitura de Isaque

1.1 Nos torna povo de Deus

1.2 Traz o poder da colheita, vence a maldição da terra (Gn. 3:17-18), Deus amaldiçoou a terra por
causa do pecado do homem (Gn. 5:29), portanto a terra é maldita por causa do pecado, mas o que vence
a maldição da terra é o poder da primogenitura de Isaque, a semente de Isaque quebrou a maldição da
terra. Nós colhemos a 100/1 porque para nós a maldição da terra está quebrada. A quebra desta
maldição é feita com a queda do destruidor.

Joel 2:26-27 – A quebra da destruição na nossa colheita.

2º A primogenitura de José

Gn. 41:41-44

José foi constituído como 1º no Egito, foi colocado por cabeça e foi tão poderoso que Faraó disse que
ele seria o maior no Egito.
Esta primogenitura tem o poder:

1.1 Poder de nos tirar do fundo do poço

1.2 A unção de nos tirar da prisão, dos sentimentos, vícios, etc. Um primogênito é livre.

1.3 Quebra toda a opressão familiar e externa que vem para me roubar.
No Egito rasparam a cabeça de José, colocaram nele as roupas dos egípcios de príncipe e deram-lhe
uma mulher. Ele consagrou todas estas coisas e reinou. Tg.1:17
Somos livres para desfrutar o que Deus nos dá como primogênitos.
3º Primogenitura de Jacó

É aquela que nos leva a viver uma vida espiritual transformada. I Co. 11, Deus tem uma vida espiritual
poderosa para nós. Deus tem uma vida espiritual poderosa, mas às vezes não temos liberdade no
espírito.
É tempo de se ver a Glória de Deus!
Como Jacó lá no val de Jaboque, eu vou ver o Senhor face a face.

4º A primogenitura de Davi

Salmos 89:20-27
O inimigo jamais nos tocará!

5º A primogenitura de Jesus Cristo

Rm 8:29-30
Ap 1:5-6
A primogenitura apostólica está sobre nós por meio de Jesus Cristo.
Hb 12:24, deixa claro que Ele foi o último enviado e para nós estão reservadas coisas superiores.
Cl 1:18-19

Hoje temos toda plenitude desta unção da primogenitura e este é tempo em que Deus nos dará vitória:

1º Autoridade para colher no mundo espiritual


João 4:35-38, os campos já estão brancos. Iremos colher 100 vezes mais do que pedimos a Deus.

2º Autoridade para eu colher muito além daquilo que eu pedi ou pensei.


Ef 3:20

3º A autoridade de Isaque veio para quebrar a maldição da terra e a primogenitura de Jesus veio para
curar a terra. A saliva de Jesus curou a terra para que nós pudéssemos ter a maior colheita das nossas
vidas.

João 9:6-7, a terra está curada dentro de mim e ao meu redor. Jesus disse para aquele cego ir ao tanque
de Siloé, que significa “enviado” e enviado significa apostólico.

5 Bênçãos da primogenitura

1ª Samuel- Deus vai falar com você.

Samuel não era primogênito, mas ele se transformou no primogênito dos sacerdotes. (Fala que o teu
servo ouve).

2ª Jacó- Bênção espiritual da experiência.

Peniel – lugar de grande experiência, Deus vai nos dar grandes experiências.

3ª José- Deus vai nos marcar com sonhos para realizarmos como José.
Os sonhos de Deus vão se realizar em nossas vidas.

4ª Davi- O óleo da unção vai cair sobre nós.

Quando este óleo cai:

1º lugar, sou rei como Davi


2º lugar, sou sacerdote como Arão

5ª Jesus- Bênção da plenitude.

Vamos alcançar o máximo em todas as coisas.

O que é semear no Espírito

Gl. 6:6-10-“E o que está sendo instruído na palavra, faça participante em todas as boas coisas aquele
que o instrui.
7 Não vos enganeis; Deus não se deixa escarnecer; pois tudo o que o homem semear, isso também
ceifará.
8 Porque quem semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção; mas quem semeia no Espírito, do
Espírito ceifará a vida eterna.
9 E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido.
10 Então, enquanto temos oportunidade, façamos bem a todos, mas principalmente aos domésticos da
fé.”

Mt. 13 diz que o semeador saiu a semear e lançou as suas sementes. Paulo fala sobre a semeadura no
mundo espiritual. Deus fez disso uma lei.
Mc. 4:26-29-“Disse também: O reino de Deus é assim como se um homem lançasse semente à terra,
27 e dormisse e se levantasse de noite e de dia, e a semente brotasse e crescesse, sem ele saber como.
28 A terra por si mesma produz fruto, primeiro a erva, depois a espiga, e por último o grão cheio na
espiga.
29 Mas assim que o fruto amadurecer, logo lhe mete a foice, porque é chegada a ceifa.”
No mundo espiritual a semeadura é uma lei de Deus que acontece independente da ação dos homens,
porque o que Ele derrama sobre a terra vai frutificar.
Somente no final do processo é que depende de nós: o fruto precisa ser colhido. O tempo da colheita é
agora.
Quando semeamos no Espírito estabelecemos a vontade de Deus de servos guiados pelo Espírito e
existe a promessa de que tudo nos irá bem.
Ef.3:10-“... para que agora seja manifestada, por meio da igreja, aos principados e potestades nas
regiões celestes,”
As sementes espirituais são as nossas atitudes.
Jo. 4:36-“Quem ceifa já está recebendo recompensa e ajuntando fruto para a vida eterna; para que o que
semeia e o que ceifa juntamente se regozijem.”
Deus semeou Jesus em nós. Nós em Cristo assumimos o papel de Isaque (que era semeador e ceifeiro).
Este processo traz a fertilidade de Deus em nós.
V. 38-“Eu vos enviei a ceifar onde não trabalhaste; outros trabalharam, e vós entrastes no seu trabalho.”
Todas as bênçãos que não colheram nós vamos colher. Tudo o que foi semeado nós vamos colher.
Para termos esta habilitação para colher esta colheita precisamos ser um campo fértil, uma terra
preparada para o Senhor derramara em nós o que nos vai levar a colher.
Para nos tornar uma terra boa é necessário:
1- Fazer morrer a natureza humana.
Cl. 3:5-“Exterminai, pois, as vossas inclinações carnais; a prostituição, a impureza, a paixão, a vil
concupiscência, e a avareza, que é idolatria;”
O pecado se originou na vida de Adão e a natureza humana começou a ser viva. Sendo assim, vemos
algumas características nos homens como ira, com aversões uns contra os outros, com ódio, corruptos,
etc.
Precisamos nos esvaziar da natureza humana e nos encher do Espírito Santo de Deus.
2- Dar frutos espirituais.
O diabo tem roubado a fertilidade de muitos. Quando você está limpo acontecem milagres.
I Jo. 3:9-“Aquele que é nascido de Deus não peca habitualmente; porque a semente de Deus permanece
nele, e não pode continuar no pecado, porque é nascido de Deus.”
Ter a divina semente é ter a natureza de Cristo.
II Pd. 1:4-“...pelas quais ele nos tem dado as suas preciosas e grandíssimas promessas, para que por
elas vos torneis participantes da natureza divina, havendo escapado da corrupção, que pela
concupiscência há no mundo.”
Esta semente divina é sentimento.
Fl. 2:5-“Tende em vós aquele sentimento que houve também em Cristo Jesus,”
Quando tenho o sentimento de Cristo isto quer dizer que não tenho mais sentimentos carnais. O
sentimento divino de Cristo está em mim.
Este sentimento nos faz semelhantes a Jesus e a Isaque: Herdeiro, Primogênito, Herdeiro, Realizador,
Consagrado, Ungido, Abençoador.
Todo homem apostólico tem a semente divina que o impulsiona a fazer a vontade de Deus, pois dentro
dele existe o sentimento de Cristo.
O Senhor abre os nossos olhos para enxergarmos que os campos estão brancos.
Quando você está limpo e habita em você esta semente você é a terra trabalhada para o Espírito Santo
de deus derramar a semente divina.
Em At. 4 Pedro e João foram reconhecidos como aqueles que andaram com Jesus.

Os campos estão brancos:


1- Para realizarmos uma colheita excepcional. Existem princípios espirituais que a religiosidade sempre
impediu o poder da colheita.
Na nossa vida não existem slogans, existe uma Palavra profética que se manifesta.
2- É tempo de encher os celeiros.
Pv. 3:10- “...assim se encherão de fartura os teus celeiros, e trasbordarão de mosto os teus lagares.”
Gn. 26:12-“ Isaque semeou naquela terra, e no mesmo ano colheu o cêntuplo; e o Senhor o abençoou.”
Isaque era abençoado porque o Senhor o abençoava. Isaque plantava 1 e colhia 100.
3- Quando os campos estão brancos colhemos e desfrutamos da colheita.
Ec. 5:19-“ E quanto ao homem a quem Deus deu riquezas e bens, e poder para desfrutá-los, receber o
seu quinhão, e se regozijar no seu trabalho, isso é dom de Deus.”
Gn. 26:13-“E engrandeceu-se o homem; e foi-se enriquecendo até que se tornou mui poderoso;”
Paulo diz para procurarmos a excelência dos dons. A religiosidade desprezou o dom de adquirir
riquezas.

12 chaves apostólicas para realizar a maior colheita:


1- Vou semear no Espírito e vou fazer tudo em nome de Jesus.
2- Ter nas mãos a semente que vem de Deus. Ele dá semente para quem semeia. I Co. 9
3- Colher debaixo de promessa.
4- Consagrar ao Senhor as primícias.
5- Enxergar pela fé a grande colheita que virá. Olhar para o que não existe e saber que virá a bênção.
6- Limpar a terra e torná-la saudável. Seja desesperado para ser íntegro.
7- No tempo certo colher o que Deus faz brotar- todas as boas dádivas e dom perfeito.
8- Tirar do solo o máximo que ele possa produzir. Jacó no vale de Jaboque disse: Não te deixarei
enquanto não me abençoares.
9- Ter motivações espirituais para colher.
10- Lutar para proteger o que plantamos.
11- Estar habilitado no mundo espiritual no Altar para colher.
12- Profetizar sobre a terra a grande colheita.

ANO DA COLHEITA, ANO DE ISAQUE


TEXTO BASE:
GEN.15:1-6
GEN.21:1-7

A – O ANO DE 2006 SERÁ O ANO DA COLHEITA

Isaque era fruto da fidelidade de DEUS para com Abraão e Sara, DEUS os preparou 100 anos para que
eles pudessem receber a bênção de viver a promessa.
Ter Isaque era uma justificação poderosa de DEUS, contra todo o período de escravidão e vergonha.
Ter Isaque era: Apalpar, Carregar, Enxergar a materialização da promessa.
Este ano de Isaque será para o povo de Deus um ano de viver as promessas.
Isaque tinha no seu nascimento as habilitações apostólicas, que nós vamos viver em nossas vidas no
ano de 2006.

B – VIVEREMOS CINCO HABILITAÇÕES APOSTÓLICAS EM NOSSAS VIDAS NO ANO DE


2006

1º- PRIMOGÊNITO- A BÊNÇÃO DA PRIMOGENITURA- GEN. 27:28-29

2º- HERDEIRO- ROM 8:17

Somos filhos herdeiros de Deus e co-herdeiros de Cristo.

3º- REALIZADOR- JOÃO 14:12

4º- CONSAGRADO- GEN.22:16

5º UNGIDO/ ABENÇOADO- GEN. 26:3-4

As bênçãos de Isaque são a herança da igreja Apostólica, essas bênçãos se manifestarão em todas as
áreas da nossa vida. Isaque prosperou na terra dos filisteus.
Gen. 22:6
Nós vamos prosperar como Isaque, no mundo que significa o domínio dos ímpios. Neste ano teremos a
colheita de Isaque, esta é uma poderosa colheita preparada por Deus.

C) O QUE AS BÊNÇÃOS DA COLHEITA VÃO NOS TRAZER

1- A semente abençoada que vence o solo estéril, vamos semear no deserto e vamos colher. Gen. 26:12

2- Vamos ter uma porção reservada dos filhos da promessa que o ímpio não conhece.
Gen. 26:14.
3- Vamos viver a bênção da colheita de 100 por 1
Gen.26:12.

Essas bênçãos da grande colheita de 2006 nos farão viver aquilo que nunca vivemos, teremos no ano de
2006:
1- Uma prosperidade poderosa. Gen.26:13

Deus vai mudar a história em nossas vidas, vamos ter poder financeiro.

2- Vamos vencer toda a inveja, contenda e lutas profissionais, familiares e espirituais.

3- Tudo o que foi entulhado por anos Deus vai liberar para o seu povo.
4- Vamos encontrar fontes de água no deserto e prosperaremos em Berseba. Gn.26:22

5- Esse ano de Isaque Deus vai diferenciar a vida do seu povo.

D – ORAÇÃO DO ANO DE ISAQUE

NESSE ANO DA COLHEITA , ANO DE ISAQUE, EU RECEBO A MINHA CONSTITUIÇAO


COMO PRIMOGÊNITO, HERDEIRO, REALIZADOR,CONSAGRADO, UNGIDO/ABENÇOADO.
TODAS ESSAS BÊNÇÃOS QUE ESTAVAM SOBRE A VIDA DE ISAQUE, ESTÃO SOBRE A
MINHA VIDA.
EU ORO A PALAVRA DE GAL. 3 A BÊNÇÃO DE ABRAÃO, ISAQUE, JACÓ, QUE SE
MANIFESTARAM NA VIDA DE JOSÉ NO EGITO, ME ALCANÇARÃO E EU SEREI HONRADO
POR CABEÇA POR CABEÇA AONDE EU FOR.
EU DECLARO QUE TODO ESPÍRITO DE INVEJA, CONTENDA E PERSEGUIÇÃO, NÃO
CONSEGUIRÃO DETER A UNÇÃO QUE ESTÁ SOBRE A MINHA VIDA.
EU TOMO POSSE QUE VIVEREI A GRANDE COLHEITA DE ISAQUE, VOU PLANTAR 1, VOU
COLHER 100.
TODAS AS MINHAS SEMENTES SÃO BENDITAS, PARA VENCER A ESTERILIDADE NO
MUNDO.
COMO ISAQUE, O SENHOR ME PROSPERARÁ ME DARÁ GRANDE ABUNDÂNCIA,
ENRIQUECEREI, PROSPERAREI E TODOS SABERÃO QUE EU TENHO ALIANÇA COM UM
DEUS TODO PODEROSO.
EM NOME DE JESUS, O PRIMOGÊNITO DOS PRIMOGÊNITOS, ESSE SERÁ UM ANO DE
VIVER TODAS AS PROMESSAS SUPERIORES EM CRISTO EU TEREI LUGAR NA TERRA,
VOU ENCONTRAR O MEU REOBOT, E PROSPERAR EM BERSEBA.
TOMO POSSE DE TODAS AS BÊNÇÃOS E COMEÇO A VIVER ESSA GRANDE COLHEITA
AGORA, AGORA, EM NOME DE JESUS.
ALELUIA!!!

A Primogenitura Apostólica

Gn.25:27-34
Gn.27:28 e 29

Os filhos de Isaque e Rebeca eram gêmeos e havia uma guerra entre os dois. Já no ventre brigavam
pelo direito de primogenitura. No ventre Deus falou que Ele já estava determinado a bênção da
primogenitura.
(25:22-23)
Espiritualmente Esaú e Jacó significam a lei e a graça. O mais velho serviria ao mais novo. A lei serve a
graça que é a primogenitura de Deus.
Esaú significa o religioso, aquele que desprezou o direito de primogenitura. Sempre que desprezam
algo espiritual , uma maldição vem sobre a pessoa( Hb12:14-17). Vivemos um tempo em que muitas
pessoas têm desprezado os valores de Deus, o precioso do Senhor. Esaú não tinha consciência no
espírito do significado da primogenitura., que tinha a primazia, os direitos espirituais.
Muitos deixam os valores espirituais e os desprezam. Quando Esaú caiu em si ,chorou, mas não
conseguiu caminho de volta.
Esaú estava com fome, portanto por causa do estômago deixou as coisas de Deus e foi amaldiçoado.
Deus tem desejado levantar pessoas e elas desprezam e não há mais tempo para esta conquista quando
querem de volta.
Nos últimos dias muitos querem o que satanás lança sobre eles.
Jacó, embora mais pacato, entendeu algo em seu espírito – a bênção do Senhor enriquece e não
acrescenta dores. O que era de direito de Esaú, poderia ser dele. Usou uma estratégia e tornou-se Israel
( povo de Deus )
Jesus foi desprezado pelos judeus (I Jo) e a bênção da primogenitura veio para a Igreja Apostólica.
Esaú seria eleito e perdeu, assim como os judeus perderam a bênção de Abraão e Isaque
Gálatas 3:14
Abraão deu a Isaque, que deu a Jacó a bênção da primogênito: serás bendito, reinarás e abençoarás...
Conseqüentemente Jesus é o primogênito de Deus (Efésios 1:3)
Somos filhos porque Rm. 8:16 e 17 diz que somos herdeiros.
A primogenitura nos faz herdeiros e vamos receber:
1) A primogenitura de Isaque. A primogenitura é uma sucessão. Isaque passou para Jacó porque foi
desprezado por Esaú.
2) A primogenitura de José porque ele era primogênito – Raquel, Sara, José e Benjamim
Gn.5:1-2
Gn.35:22
Rubens era primogênito e perdeu a primogenitura por causa do pecado de ter se deitado com Bila.
A Igreja Apostólica tem a primogenitura de Jesus por amor. Os que estavam na lei perderam por causa
do pecado.
Recebemos então, por amor a primogenitura apostólica. Tudo o que Isaque tinha, o que José tinha, a
Igreja Apostólica tem e o que Jesus nos deixou nós temos.
Satanás reconhece a autoridade apostólica porque temos a primogenitura em nossas vidas.
Hb.12:22-23
A Igreja Apostólica é a Igreja dos primogênitos. O menor vai governar sobre o maior. Os religiosos
desprezam esta verdade espiritual e abrem mão da primogenitura.
Somos primogênitos, por isso somos:
1) Consagrados – propriedade exclusiva de Deus. A 1ª coisa que satanás deseja é que a pessoa seja
consagrada para ele.
Êx.13:2
Jesus era o 1º filho de Maria e foi consagrado ao Senhor. Você não se pertence, você pertence ao
Senhor Jesus.
Na parábola do filho pródigo o mais novo foi embora (assim como Jacó era o mais novo).
O filho mais velho ficou em casa e não fazia nada.
O mais novo voltou e foi tratado como primogênito.
Estávamos comendo as bolotas dos porcos e quando voltamos para casa do Pai comemos do melhor e
usufruímos da primogenitura.

Os religiosos só falam mal como o filho mais velho e só sabem reclamar.

2) É preservado pelo Pai e não pode ser tocado pelo exterminador.

Mt. 16 Pedro, tu és pedra ...( Hb.11:28 )

Êx.12:21 – a última praga foi dos primogênitos do diabo, mas sobre o primogênito dele havia o sangue
e o exterminador não os tocou.

3) É constituído sacerdote na graça.

Na lei o sacerdote que pertencer à tribo de Abraão e Levi.

Ap.1:5-6- Nós fomos constituídos através de Jesus como Reino e sacerdotes para o nosso Deus, porque
Ele é o primogênito.

4) Não é governado, mas governa.

Gn. 27:29

Você vai governar sobre o ciúme, angústias, ansiedades, mentiras, prostituições, etc.

Os filhos de Isaque não sabiam porque José tinha aqueles sonhos, mas ele estava sobre a bênção da
primogenitura. José era primogênito. Não fazemos aliança com a sujeira.
Dt.28 – bênçãos
Davi não era o filho mais velho, mas foi o rei porque primogenitura não é na carne, mas no espírito.

Ele pôde comer o pão consagrado, porque era sacerdote em seu espírito. Podia dançar na liberdade.

Quando Samuel derramou o óleo sobre Davi, Deus o elegeu como sacerdote.

1) Capacitação para derrubar gigantes.

2) Primogenitura de Isaque – vai plantar 1 e vai ter 100.

3) Josué tocou o pé na terra.

4) Primogenitura de sacerdote colocando os pés no Jordão.

5) No Egito os primogênitos não foram mortos e atravessaram o mar.

6) Tg. 1:17 – plenitude do dons.

Todo o dom perfeito para que o espírito do justo seja aperfeiçoado Ap.1:5

Jesus apareceu e se apresentou em 1° lugar para os apóstolos porque os apóstolos eram as primícias.
Adão foi o 1°, recebeu o sopro e a marca da primogenitura e desprezou, mas Jesus ressuscitou e
recebeu tudo de volta. E no cenáculo ( Jo. 20:22 ) Jesus soprou sobre os discípulos para ser a força aqui
na terra.

O primogênito tinha uma capa diferenciada, governava, e se alimentava do melhor do que tinha na
mesa.

Os 1°s a falar em línguas foram os apóstolos.

A graça vai governar sobre a lei.

A Igreja Apostólica vai governar sobre a religiosidade.

As marcas apostólicas que dão habilitação ao homem de Deus

Pregação - I Sm.17:33-37
O diabo treme ao ver um homem que tem o Espírito de Deus em sua vida. Precisamos ter marcas em
nosso espírito que nos habilite para as coisas que Deus vai fazer no futuro. A religiosidade acha que
todas as doenças e lutas são por causa do pecado. Esta situação muitas vezes é uma mentira que vem
para nos manipular.
Passamos por situações difíceis, mas que nos habilitam para viver o grande de Deus.
Deus está trabalhando e qualificando a nossa vida para que possamos suportar o peso da obra.
Para ser qualificado espiritualmente precisamos:
1- Experiências espirituais profundas
Muitos querem viver superficialmente, pois muitos têm comichão em seus ouvidos e não conseguem
ouvir a Palavra e se apegam ao superficial.
O que nos sustenta é ter uma verdadeira experiência, como Paulo que viu o ungido de Deus sendo
apedrejado e glorificando ao Senhor. Viu uma luz no caminho de Damasco e ouviu a voz de Cristo. As
escamas caíram de seus olhos e aceitou as palavras de Ananias ( sofreria pelo evangelho ).
Viveu a transformação de Saulo para Paulo, em ministro do evangelho do Sr. Jesus.
Quando você tem experiências nada e ninguém demove a sua fé, porque você está firmado em seu
espírito.
Além das experiências espirituais, precisamos de experiências pessoais.
Jó 42 – conhecia Deus de ouvir falar, mas agora de andar com o senhor.
Is.6 Enquanto Isaías não tinha visto a luz, era como uma criança, mas depois virou um profeta de Deus.
Davi teve experiências pessoais: lutou contra o leão e o urso e os venceu. Foi fortalecido pelo poder de
Deus. Isto ele falou para Saul quando este disse que ele não venceria o gigante. Diante dos relatos de
Davi o rei Saul mudou o discurso, pela habilitação espiritual de Davi.
As experiências pessoais de Davi trouxeram habilitação diante de Saul. Saul viu os milagres e a
intimidade de Davi com Deus.
Mesmo que digam que você não vai conquistar , você vai contar as suas experiências e as pessoas vão
mudar o discurso: você vai porque o Senhor é contigo.
Fp.3:16 “Todavia andemos de acordo com aquilo que alcançamos...”
Mesmo nas minhas aflições eu não sou derrotado porque tudo coopera para o meu bem.
Luta é habilitação para coisas maiores.
Fp.4:13 “Tudo posso naquele que me fortalece”
Este versículo é para os qualificados e habilitados.
Deus, através de Davi, estava habilitando a sua Igreja Apostólica contra os principados que satanás está
lançando sobre a igreja.
Por 40 dias o exército de Israel ouviu as ameaças e se encolheram.
40 dias a igreja ficou enclausurada no cenáculo, mas depois aqueles homens saíram poderosamente.
A vitória de Davi foi para derrotar todos os gigantes que Deus mostrou para Daniel.
Dn.7:4-7
Estes demônios querem impedir o avanço apostólico. Davi, venceu os demônios:
1) leão ( mente de homem ) demônio com capacidade de inteligência anormal.
Satanás tem dado força e raciocínio humano deste demônio para colocar a mente dele nos homens.
ICo. 2:16
Quem serve a satanás tem a mente de satanás. O leão devorador, destruidor, enviado para destruir as
pessoas.
Dn.1:10
Daniel se consagrou e ficou 10 vezes mais sábio, porque tinha a mente de Cristo.
Pensamentos de morte, adultério, tudo o que é mal vem de satanás.
Quando alguém se desvia fica 7 vezes pior porque passa a ter a mente de satanás.
Este demônio vai trazer calúnias, esquemas manipulados, sendo anjo de luz para enganar os escolhidos.
Pessoas estão se alimentando do que não é de Deus com pregadores heréticos.
Davi venceu este leão e satanás não pode mais nos derrotar na nossa mente.
Este demônio tem dividido Igrejas, tem trazido politicagem humana, mas sobre nós satanás não vai
povoar nossos pensamentos, atitudes e família.
2) Davi venceu o urso.
Em Daniel o urso é devorador de muita carne. Domínio da carnalidade.
Sexo: em todo o lugar a nudez é exposta. É um espanto quando alguém fala que está se santificando
para Deus.
Gl.5:19
O urso se alimenta da carne, mas esta carnalidade está quebrada na Igreja Apostólica ( adultério, obras
da carne, prostituição, intrigas, guerras, política e humana e etc. )
3) leopardo
Em Daniel significa domínio religioso, teológico, da letra.
ITm. 4:1-2
Este domínio impede a pessoa de viver no espírito.
Muitos dizem coisas a respeito de nossa vida espiritual como religioso.
Temos que ter a liberdade em nosso culto e na nossa vida.
4) Animal terrível, sobremodo forte com 4 cabeças e 10 chifres.
Forte IJo. 4:4 – se tornou fraco
Rm.16:20
Terrível e espantoso – At.2
Os discípulos passaram 40 dias no cenáculo e quando satanás os viu percebeu que perdeu.
4 cabeças
Ez.37 - Espírito de Deus dos 4 cantos da terra.
10 chifres
Dn1:10 – Somos 10 vezes mais inteligentes do que ele.
Estes impedimentos não poderão te suportar.
Josué colocou os pés no pescoço e cortou a cabeça dos reis. Davi do mesmo modo derrotou o gigante e
cortou a sua cabeça. Assim vamos pisar na cabeça do inimigo e estaremos habilitados para a vitória,
cortando a cabeça do gigante.
1) um homem apostólico anda porque todos os impedimentos já saíram.
2) você vai buscar hoje a habilitação apostólica para derrubar gigantes maiores.
3) Deus vai fazer maiores milagres ainda.
Dn.7:11-12
O domínio deles foi tirado da nossa igreja, nossa família.
v.14
I Samuel diz que Davi tirou o cordeiro da boca do leão, que significa Jesus Cristo.
O domínio de Jesus é eterno e o seu Reino não será destruído.

A Visão celestial

Atos 26:19

Jesus disse que pela multiplicação da iniqüidade o amor de muitos se esfriaria, mas existiria um povo
que seria trigo.
O que transforma a vida é a salvação como motivo da morte de Jesus
Temos que nos levantar com uma visão. Paulo recebeu a visão apostólica porque era uma visão
espiritual.
O mundo está dividido em quem enxerga espiritualmente e os que são cegos espirituais. A vontade de
Jesus é que nossos olhos sejam abertos.
Gn. 3:22
O homem foi criado sem enxergar o mal, mas foi criado para enxergar o bem de Deus. Desobedeceu e
recebeu a capacidade de olhar o mal. Então Deus excluiu o homem de enxergar as coisas espirituais e
passou a enxergar somente as coisas carnais. Adão não tinha mais olhos espirituais e não podia mais se
apresentar diante de Deus.
1) olhos carnais foram contaminados pela malignidade.
II Pe. 2:14
Olhos contaminados, olhos carnais. Muita gente está na igreja e cai em adultério, é ladrão, não enxerga
a Deus.
2) Deus fechou os olhos espirituais do homem para ele não ver as coisas espirituais.
Mt.13:15
Deus viu que os olhos daquelas pessoas estavam fechados e enxergavam carnalmente e não conseguiam
se converter.
Jo. 12:40
Rm. 11:8
Deus os cegou para não enxergarem espiritualmente.
Nm. 13:33
Josué e Calebe tinham a visão apostólica e os outros 10 tinham a visão carnal.
Dois grupos se formaram e viram:
1º)gigantes
2º)promessa espiritual
Mt.13:16
Jesus veio trazer esta visão apostólica para a Igreja. Quem não tem uma visão não vai além.
Is. 42:7
Isaías fala dos cegos espirituais, dizendo que Jesus tiraria esta cegueira.
Jo. 9:2-8
Jesus fez milagres diferentes – Ele disse que era a Luz, aplicou o lodo e o mandou o cego lavar-se no
tanque de Siloé ( tanque apostólico ) e, este voltou vendo. Antes pedia esmola, agora tinha visão
apostólica.
3 ingredientes
- Terra: o homem que se tornou maldito, a carne contaminada
Gn. 3 - não enxergam a árvore da vida
Somente os que enxergam as coisas espirituais poderão ver a árvore da vida.
- Saliva: Ez. 47 “ Águas curadoras ”
- Água do tanque: A Igreja recebeu a visão apostólica.
Visão apostólica é uma:
1) Visão de amor
A visão religiosa exclui a pessoa, mas nós abrimos a igreja para todos.
2) Visão de restauração
Não podemos amar pelo que vemos no exterior. Esta é visão de restauração. Deus restaura e transforma
o vale.
3)Visão de conquista
Calebe estava há 45 anos esperando.
4)Visão realizadora
Precisamos trabalhar mais e realizar mais.
5) Visão estratégica
Marcha para Jesus – precisamos enxergar estrategicamente para conquistar.
6) Visão de futuro
“ Haverá bom futuro para você ”
7) Visão pioneira
Faremos o que nunca fizeram.
8) Visão de prosperidade
Mt. 3:33
Gn. 26 – Isaque plantou na terra e colheu a cento por um.
9) Visão de família
O diabo não pode tocar nos nossos filhos quando somos família bendita do Senhor.
10) Visão do mundo espiritual
Daniel na Babilônia.
Deus mostra as potestades e abre os nossos olhos.
Lc.12:2
11) Visão da glória de Deus
At.7:55
Estevão era apóstolo e tinha uma visão apostólica
12) Visão de águia
Visão perfeita para enxergar todas as coisas
“ Eis que vem sobre as nuvens e todo olho verá”.
Todos verão Jesus. Naquele dia, até o ímpio enxergará
At.9:18
Paulo foi o único apóstolo que não viu Jesus como homem.
Quando Jesus ressuscitou se apresentou aos discípulos como homem.
A Paulo ele se apresentou como luz. Jesus disse para o cego: “Eu sou a luz”.
Quando você ora você faz imagem de Jesus na mente de Jesus
homem ( criada pela religião ). A religião nos ensinou a adorar um
ídolo. Jesus quer que você o veja como luz.
Paulo tinha a imagem de Jesus religioso e precisava de uma visão
apostólica. Quando recebeu oração apostólica as escamas caíram. A
partir daquele momento enxergou as coisas espirituais.
Ef.1:18
Iluminados os olhos do meu coração, entendimento, razão, vejo a
glória de Deus.
Ap.2:5
ICo2:9
Ap.4:7-8
O homem apostólico que é restaurado e tem olhos por todos os lados
e enxerga o Senhor.
Ap.5:6
Os 7 olhos e os 7 Espíritos de Deus estão na igreja apostólica
Deus vai transformar a sua visão porque o grande milagre de Deus
está começando e as escamas dos seus olhos estão caindo.

O Espírito Apostólico que conquista os montes


Josué 14:6
Calebe foi escolhido para conquistar pelo Senhor.
A personalidade que satanás coloca no homem faz ele perder a porção de Deus e se distancia do
Senhor.
Calebe foi marcado com espírito apostólico.
Nas olimpíadas se instaura o espírito olímpico, isto é o sentimento.
Sentimento apostólico nos faz viver em uma dimensão nunca vivida, não para vivermos como meninos
guiados pelo vento.
Calebe tinha características de Deus e não as dos seus compatriotas, com suas manias e costumes.
Nm. 14:24 - Calebe tinha outro espírito.
Calebe tinha espírito diferenciado , tinha um sentimento de Deus dentro dele.
O religioso não tem essência, mas nós temos a unção que nos impulsiona.
O homem que tem essa essência é marcado com integridade e fidelidade.
Nm 32: 11 e 12
Falta perseverança e fidelidade dentro das igrejas.
Estevão preferiu morrer do que negar ao Senhor.
Temos que manter o nosso coração limpo e íntegro.
Ninguém pode servir a dois senhores.
Mude a história através de uma vida íntegra. O espírito apostólico é santo e cheio de fidelidade.
Somente um homem apostólico poderia esperar 45 anos sem reclamar.
A voz do homem apostólico pode no começo ser solitária, mas com o tempo ela conquista multidões.
Calebe foi conduzido à terra e lá tinham poderosos reis. Havia Aba com 3 poderosos herdeiros. Josué
15:19
Sesai significa o domínio da carne.
O diabo quer que você seja problemático com obras da carne.
Você será renovado em liberdade para glorificar a Deus.
Aimã significa domínio da mente. Nós temos a mente de Cristo e levamos cativo todo pensamento a
Ele.
Talmai significa o domínio espiritual.
Demônio não é maior que o nosso Deus.
Jesus é o único que ressuscitou e não existe macumba ou feitiço que nos detenha.
1) Você vai conquistar os montes através da unção de Calebe.
Os montes mais altos pertencem aos ídolos no mundo todo.
Mt. 17: 1-5

O espírito apostólico se manifesta através de Jesus Cristo no monte.

Jesus, envolvido naquela nuvem, derramou do espírito apostólico sobre a igreja. Foi tão bom que Pedro
pediu para construir e tendas.
Lá apareceram Moisés e Elias. Elias foi arrebatado.

Moisés teve o corpo tomado pelo anjo do Senhor.


Quando Moisés subiu no monte viu a glória de Deus e o povo fez bezerro lá embaixo.
O Senhor tem um lugar alto para colocar na sua vida.
Os reis de Israel colocavam os ídolos nos lugares altos, mas fomos chamados para colocar nossa vida.
As primícias sobre ímpios. Somos a geração que faremos os demônios saírem.
2) Teremos o monte da nossa honra.
No monte Deus vai nos honrar fazendo os gigantes caírem através do espírito apostólico que está em
nós.
Os ímpios e religiosos não puderam conquistar e nós poderemos.
Temos um espírito de luta, de confronto das obras do diabo, de tomada de posse da herança e de
conquistas.
“ Elevo os meus olhos para os montes ” – Este monte é nosso, da família, da vitória financeira, no
monte se multiplicam pães e peixes, a sarça está ardendo e eu recebo a unção; é no monte que eu
recebo a minha família porque foi lá que Abraão entregou seu filho.
Profetize para os montes e declare que vão cair, que Deus vai restaurar.
Ez. 36: 1-8,11 – “Tu, ó filho do homem, profetiza aos montes...”
Deus diz que dará honra para o povo apostólico porque Calebe está chegando para tomar posse do seu
monte.
O espírito apostólico conquista os montes. Jesus foi levado no Monte das Oliveiras e voltará e levará
seu povo com poder e grande glória

unção de João Batista que está sobre a Igreja Apostólica

Mt. 3: 1-17

João Batista não tinha alianças ou associações com a religiosidade. Era diferente, pois tinha
características de nazireu e tinha autoridade. João Batista saiu do deserto. Todo homem espiritual,
apostólico, sai do deserto e conquista um reino espiritual à força.
Mt. 11:11-13
João era um preparador do caminho de Jesus e saiu do deserto para ganhar um Reino à força. Esta
unção é poderosa:
1) Anuncia o evangelho do arrependimento arrancando vidas do inferno
2) Denuncia as obras demoníacas, pois afronta e confronta o pecado na autoridade de João Batista
3) Prepara o caminho do Messias
João Batista preparou caminho para Jesus ser apresentado ao mundo e nós estamos preparando o
caminho da volta de Jesus, pois somos preparadores de veredas.

Para viver esta unção de conquista é necessário:


1) Ter um cenáculo – o cenáculo de João Batista e Josué foi o deserto
Mt.16 –
A igreja é força e essa força se recebe no cenáculo.
At. 2 – a Igreja recebeu força e poder para trazer a manifestação e poder de Deus para o nosso tempo.
A religiosidade deixou que esta autoridade e força se perdesse. João anunciava o Reino e denunciava os
fariseus e hipócritas. O Senhor está nos revelando, revelando ao povo apostólico que esta unção é força
para construir o que não existe.
Is. 42:13
Esta força entra quando cantamos um cântico novo, pois o Senhor sai como homem de guerra através
de nós, como saiu através de João Batista.
Mt. 14:2
Deus nos ressuscitou dos mortos e opera em nós forças miraculosas.
At. 1:8
Se tenho a unção, como João Batista, saio como homem valente e os inimigos tremem.
Esta unção faz:
1) Confrontar os poderes humanos demoníacos
Mt. 14: 3-4
Herodes, o rei, tinha Herodias como amante. João chegou para o rei e disse que aquilo era ilícito, sem o
próprio João temer o mal que poderia lhe sobrevir.
A religiosidade se acomoda com a malignidade. Deus nos dá autoridade para denunciar o pecado de
qualquer pessoa.
2) Realizar obras miraculosas
Deus está nos levantando para realizar uma obra nunca realizada.
Não há limites para aquilo que Deus vai fazer.
3) Expandir o Reino de Deus
Jesus não veio direto, veio 1º João Batista. Jesus não nasceu da força de mulher e sim do Espírito Santo
em Maria. João veio de mulher ( Gn. – o homem pisaria na cabeça da serpente )
I Jo. 3:8
Jesus se manifestou em nós para destruir as obras do diabo.
A unção de João Batista é a força do Senhor.
4) Esta unção nos faz reconhecidos como ungidos de Deus.
Mc. 6:20
Até o inferno vai reconhecer que somos a força de Deus nesta terra.
Herodes era reconhecido como poderoso, mas quando João ( vestido de pele de cabra, cajado na mão )
entrava para falar do poder de Deus, Herodes ficava perplexo, pois reconhecia que João Batista era
maior que ele.
5) Esta unção vence a religiosidade.
A religiosidade tratou Jesus e João da mesma maneira . Ela ( religiosidade ) não está preocupada com a
pessoa, mas com a unção que está sobre a pessoa.
Mt.11:18-19
Os fariseus diziam que havia demônio, mas as obras justificam.
Não buscamos reconhecimento dos religiosos que nos tratam com indiferença, mas do Senhor.

Herodes representava Roma, Herodias a prostituta que é a babilônia.


Ele pediu a cabeça de João Batista, a voz profética da igreja.
Roma tem que ouvir que é ilícito adorar imagens, pois a voz profética não se calou, existe a voz da
igreja apostólica dando continuidade à voz de João Batista.
Esta unção está aqui para encher a tua vida com:
1) Mesma constituição e autoridade que Deus deu a João Batista
Lc. 7:28
Não há ninguém nascido de mulher que tenha mais unção que nós como igreja apostólica.
É um diferencial pois traz em nós a relação que João Batista tinha com Jesus.
João Batista viu Jesus 1 vez, mas Jesus era íntimo dele. Nós somos íntimos de Jesus.
Jesus estava no ventre de uma mãe e João Batista de outra. O que João Batista sentiu foi a presença de
Jesus ali. Temos que ter intimidade com Jesus no ventre, no batismo, no chamado ( ambos deram sua
vida ) na conquista.
Estamos preparando a volta de Jesus. Estes são dias como João Batista mas nós estamos aqui para
preparar a chegada de Jesus, um casamento do noivo com a sua igreja.
O vinho transformado no casamento é a transformação profética do que a igreja apostólica faz
transformando vidas para o casamento da noiva com cristo.
Os profetas falaram até João Batista, depois de João Batista a voz profética se calou porque Herodes
mandou cortar as cordas vocais de João Batista. Mas hoje temos a voz profética. Hoje não existem mais
os homens profetas, mas a igreja que tem a voz do que clama no deserto deste mundo.
Ap. 19:5,6
Estas vozes eram a voz apostólica da igreja do Senhor Jesus que traz glorificação ao nome do Senhor.
Era voz de multidão, de muitas águas e fortes trovões, a voz apostólica.
1-8 Sl.29:3
9- Mq.6:9
10- Ap. 1:15
11- Jô. 37:15
12- Rm.4:17 voz que cria
Jo1:1
Doze manifestações da voz de Deus dentro da palavra. O tempo de profecia não terminou pois a voz
profética continua através da igreja apostólica.

A unção vai te deixar marcas


1) Vai te fazer anunciador do cordeiro
2) Batizador
3) Marcar com realização de milagres
4) Formar discípulos
5) Conhecido como aquele que confronta as obras do diabo
6) O mundo não vai te discernir, vão tentar descobrir quem você é
7) Marcados pelo chamado como quem conquista reino para cristo
8) Você será água que transformará vinho
9) A água esta no batismo e depois
10) Boca de Deus não teme
11) Poder de Roma e Babilônia vão cair
12) Você é a unção de João Batista em 2005, a voz que cessou por um tempo, mas que agora é a voz
poderosa de Deus, que faz tremer a terra.
A marca apostólica do nazireado

Ef. 6:10
Cl. 1:11
Josué 1:9
Nm. 6:1-8
Deus delegou o nazireado, era um modo de vida de um homem marcado no meio do povo. O nazireu
não era um homem normal, ele era um homem que se destacava pelos seus cabelos longos, ele se
destacava pelo fato de não andar em bebedices, e ele se destacava por uma manifestação diferenciada
da presença de Deus em sua vida, sendo reconhecido no meio do povo de Israel. Quando alguém era
separado, passava por um período de preparação, para que durante este tempo ele crescesse naquilo que
realmente Deus tinha para sua vida. O nazireu do VT era uma preparação daquilo que Deus faria com
Jesus, porque Ele também era um nazireu, e nós podemos espiritualmente atestar que o povo apostólico
é um povo nazireu do Senhor nos dias de hoje, porque somos marcados diferenciadamente pelo Senhor,
naquilo que é unção e que está sobre nossas vidas.
Jz. 13: 4,5
Jz. 13: 24,25
Deus instituiu o voto do nazireu para que qualquer pessoa que desejasse pudesse fazê-lo, mas Deus
desejou nazireus vindo Dele próprio. Deus escolheu a sua Igreja Apostólica para que ele nascesse
marcado pelo nazireado, separado pelo Deus vivo. Josué e Calebe, no espírito, eram nazireus do Deus
vivo.

Nm. 14: 24,25


Calebe tinha um espírito diferente, marca de um nazireu do Deus vivo, por isso que ele e Josué
enxergaram aquilo que os outros não enxergavam. Esta porção é para a igreja apostólica dos últimos
dias, você não vai enxergar como a pessoa carnal enxerga, mas você vai ter a porção diferente que
havia em Sansão, em Josué, que havia em Calebe que os diferenciava, porque eles eram nazireus do
Deus vivo.
Com esta marca o nazireu, ele tinha obrigações diante do Senhor.
1ª marca- Ser santo, ser separado,
O nazireu era reconhecido pela santidade, ele não contaminava o seu corpo.
I Co. 6: 10,11
Deus chama a milhares de pessoas para serem nazireus e muitos que são chamados, quebram esta
aliança por causa do pecado ( Isaías fala que o pecado é o que causa separação entre nós e Deus,
conseqüentemente quando você quebra um elo dessa aliança, você perde aquela sua constituição ).
Muitos estão vivendo dias de acomodação nas coisas espirituais, se deixando levar por mentiras, sexo e
roubos.
2ª marca- Identificado fisicamente – cabelo
Nm. 6:5
Temos que ser marcados fisicamente como servos de Deus, levando as marcas de Cristo.
Gálatas 6:17
Quando você for perseguido, não reclame, mas louve a Deus.
Quando em Atos 4, Pedro e João falaram com os sacerdotes, os sacerdotes olharam para eles e falaram,
esses aí andaram com Cristo, eram reconhecidos fisicamente. Os cristãos eram reconhecidos na Igreja
Primitiva, aonde eles iam, todo mundo sabia que eles eram cristãos.
Existem tribos em que os feiticeiros marcam o seu corpo para demônios. O diabo quer imitar as
verdades espirituais.
3ª marca- Ser forte.
Nossa força é no Espírito, e essa força é uma força apostólica. Essa força faz derrubar muralhas, essa
força expulsa demônios, esta força quebra todas as armas do diabo e essa força faz com que ninguém
possa me suportar todos os dias da nossa vida.
Atos 1:8
I Co 10
4ª marca- Era incitado pelo Espírito de Deus.
Significa ser empurrado, enviado, ser comandado, ser guiado, ser impulsionado.
Juízes 14
João 20:22
O Senhor enviou o Espírito Santo com poder para que os discípulos pudessem ser levantados com
poder para destruírem as obras do diabo.
Deus quer que sejamos conquistadores, guerreiros, sacerdotes e sucessores e estas características estão
na igreja apostólica do Senhor Jesus, porque a religiosidade, abriu mão de viver a plenitude desse
nazireado como Sansão abriu mão.
Em primeiro lugar, se entregou à prostituição.
- Livro de Apocalipse, a grande prostituta a Babilônia que se entregou à prostituição espiritual.
- Em Éfeso, onde às prostitutas cultuais levavam pessoas para os seus deuses, e lamentavelmente a
religiosidade tem entregue-se à prostituição e tem aberto mão do seu nazireado, assim como Sansão
fez.
Juízes 16:1-4
Sansão foi a Gaza e viu ali uma prostituta e coabitou com ela. Sansão teve uma vida marcada pela
prostituição, ele viu aquela prostituta e a desejou, ele esqueceu tudo o que Deus havia dado a ele e nós
temos visto a igreja em muitas coisas se prostituindo. Quando a igreja se prostitui, ela entrega o seu
nazireado.
Em segundo lugar faz com que a exemplo de Sansão, a igreja abra mão dos seus segredos.
Em Juízes 16:17 –
Muitas pessoas religiosas abrem mão dos segredos e banalizam, vulgarizam as coisas de Deus. Sansão
disse à Dalila o segredo que ela desejava. Existem muitas pessoas que são inimigas da cruz e falam mal
das coisas de Deus.
Em terceiro lugar a religiosidade perde a visão
Juízes 16:21 –
Vazaram os olhos de Sansão. A visão que vem de deus é o que o diabo quer roubar. Paulo era
perseguido porque tinha visão que Deus lhe deu. O nazireu verdadeiro, ele não é furado nos olhos, mas
ele enxerga a vontade de Deus, e eu vou enxergar a vontade de Deus para sempre.
Se a religiosidade representa o Sansão caído, nós representamos o Sansão restaurado, o Sansão no
centro da vontade de Deus, o Sansão cheio do Espírito Santo de Deus.
Sansão era um homem apostólico, porque ele foi marcado cinco vezes poderosamente com o Espírito
Santo de Deus.
1ª vez- Sansão foi abençoado para ser marcado como um sacerdote.
Jz. 13:24 –
O nazireu é marcado com a bênção do Senhor que está derramada sobre nossa cabeça e, como Davi
recebeu óleo para ser nazireu, nós temos óleo do Espírito que nos faz abençoados, e onde formos nós
temos esta marca.
2ª vez- Sansão foi restaurado, foi um guerreiro
Juízes 14:5-6
O Espírito de Deus se apossou de Sansão, e ele pegou um leão e o matou. O leão aqui significa o maior
poder animal que tem na natureza, e este poder animal não significa nada contra um guerreiro do
Senhor, quando ele está cheio do Espírito Santo.
3ª vez- Sansão foi ungido
Juízes 15:14 –
Enquanto você está na carne o inimigo pode lhe amarrar. Os filisteus amarraram Sansão e começaram
fazer a maior festa, mas veio o Espírito de Deus sobre ele.
Nada poderá nos suportar, nada poderá nos deter, o Espírito de Deus habita em nós.
4ª vez- Sansão teve a experiência de Mestre
Jz. 14:19

Sansão teve a experiência de mestre, ao ensinar um enigma, e ele conquistou aquela resposta através da
experiência de ser cheio do Espírito de Deus, de destruir os asquelonitas que perseguiam o povo de
Israel, através da força de ser um nazireu.
I João 2:27
A unção que está sobre você, ela é poderosa para te ensinar todas as coisas.
5ª vez- Sansão recebeu a experiência de Renascer
Jz.15:19
Sansão teve a maior de todas as experiências que o fez um evangelista, porque, ele bebeu água viva.
Ele estava cansado por causa da batalha em Leí, e ele chegou naquela fonte e bebeu daquela água, ele
fendeu a rocha. Ele pegou as suas mãos e abriu a rocha, e saiu água e a água era Jesus, e ele reviveu, ele
renasceu, ele se levantou como um homem apostólico

Sansão caiu, mas nós precisamos preservar esta força do Senhor para não cairmos jamais. Para isto
acontecer são necessárias cinco atitudes apostólicas:

1ª- Obediência
Adão era um nazireu apostólico, ele desobedeceu e perdeu força. Obedeça ao Senhor até as ultimas
conseqüências.
2ª- Saiba guardar os segredos de Deus
Não abra os teus valores, não aceite conversas, não se assente à roda dos escarnecedores.
3ª- Santidade
Seja santo, como Ele é Santo.
4ª- Esteja debaixo da cobertura do sangue
Coloque a sua casa, sua família, seus filhos, sua vida sempre debaixo da cobertura do sangue do
cordeiro, que é a marca física e espiritual nas nossas vidas.
5ª- Esteja debaixo da cobertura apostólica.
Saul caiu porque Samuel era a cobertura apostólica que estava sobre ele, um profeta, um homem de
Deus, um nazireu marcado, separado, que ficou ali no templo, e quando ele se desconectou, quando ele
saiu debaixo da cobertura de Samuel, ele caiu. Da mesma maneira Sansão foi roubado, para que você
não seja levado à condição da religiosidade de Apocalipse 3:17; o Espírito Santo mostra João na ilha de
Patmos, o estado da igreja caída, fora da unção apostólica e fora da cobertura apostólica e fora do
nazireado

Dimensão espiritual de conquista

Josué 11:1-8 e 23
Deus tinha o desejo de fazer essa dimensão conhecida através de Josué, para que fosse liberada na terra
para todos viverem. A igreja apostólica deve viver esta condição.
O reino de Deus é tomado à força, pois a conquista tem que ser incorporada como um modo de vida.
Nada é dado de mãos beijadas, pois existe resistência do inferno. Quando você entra nesta dimensão
você fica acima de todos os obstáculos. Nesta dimensão satanás não pode impedir as conquistas.
Estes reis relacionados em Josué eram poderosos e convocaram todos os povos para batalhar. Mas Deus
trouxe uma palavra dizendo que amanhã Deus iria dar o livramento.
Este nível nos leva a viver como guerreiros.

1) No campo espiritual
Ef 1 – estar com Jesus acima de principados, potestades, de toda malignidade.
I Jo. 4:4
Is 62:1
2) No campo pessoal
Você não pode ser falido e sim um referencial do poder de Deus.
Existe a diferença entre os homens apostólicos e quem não está – os espias, 12 homens apostólicos, 2
eram apostólicos e conheciam a dimensão da conquista.
Calebe sabia que Deus lhe daria o monte dos Enaquins ( esperou 45 anos ). Ele não estava preocupado
com o tempo, pois sabia esperar.
Não olhou para o impossível e era conquistador em seu espírito até se materializar. Se Deus prometeu,
não importa o tempo, você vai conquistar. Não somos roubados na promessa.

05 características apostólicas

1) Auto-motivado da expectativa de viver a promessa.


Calebe disse: eu tenho mais vigor...
O diabo nos rouba pelo que não aconteceu, por isso louve a Deus pelo que vai acontecer.
2) Se alimenta da esperança
“ A minha esperança não será confundida, haverá bom futuro ”.
As palavras de Deus são profetizadas e alimentam nossa esperança.
3) Usa a fé para se revigorar.
Nos revigoramos no que o Senhor pode nos dar.
4) Não teme o insucesso
O resultado é para o Senhor. A Deus pertence o sim e o amém.
5) Disposição ilimitada
Não pode existir limites para fazer para Deus.
Josué tinha um espírito diferente, desligado das coisas materiais.

Para entrarmos nesta dimensão nós precisamos de experiências de poder.

1) Pagar um preço para ser um valente do Senhor.


Jz 6:12
Gideão quebrou a sua auto-imagem destruída, sendo transformada de covarde em valente.
Vencer o espírito de coitado.
Ser abnegado, assim como a minha família.
Coitado recebe esmolas, mas o ungido recebe as bênçãos do sobrenatural.
Maldição hereditária
Jerubaal foi à casa do pai dele e em um ato profético quebrou toda maldição familiar.
Gl.3 - toda maldição foi destruída

2) Marca da fidelidade
II Sm 23:9-10
Eleazar foi o homem mais fiel a Davi.
Se desejarmos conquistar, precisamos derrotar a divisão e a infidelidade.
Quem é fiel a uma visão não se deixa levar pelas pessoas, pelas fofocas.

3) Coração na guerra
Jz. 20:15 e 16
Havia 700 homens, atiravam com uma pedra no fio de cabelo, com a mão esquerda ( lugar do
coração ).
Coloque o seu coração na guerra e onde você atirar, Deus vai lhe honrar.
Coração na guerra significa que o Senhor já venceu por nós.
Ap. 5:4
Ele abriu o selo e venceu e deu a vitória para a igreja.
Os nossos dias de choro terminaram porque entramos na dimensão do Cordeiro.
Nós reinamos sobre todas as coisas e vencemos tudo porque Ele é mais do que vencedor.
“ O Senhor entregou a vitória em nossas mãos.”
O Leão venceu e deu a vitória para a igreja e um reinado para reinarmos.
II Sm 2:12 Com Jesus reinaremos nessa dimensão espiritual.
Ap. 5:10 Reinaremos sobre a terra.
Deus nos constituiu para reinar sobre a terra como sacerdote.
As lutas e os problemas não reinarão mais sobre nós, nós vamos reinar sobre eles.

Vitória Apostólica no plano estratégico

Js.10:28-35,40-42
Nm.23:4, 14 e 29
Josué derrotou 7 dos mais poderosos reis da terra de Canaã. Esta vitória já estava profetizada. Ao sair
de Ai (25:8) 12 mil homens foram mortos.
Js.23:10
Deus é Deus de propósitos e estratégias. O princípio básico é estarmos habilitados, é conquistarmos o
direito de ser habilitado.
Por três vezes Balaão tentou amaldiçoar o povo. Por três vezes Deus mandou o povo fazer sete altares
(que significa a derrota dos sete reis que foram contra Josué) e sete novilhos.
A vitória do povo de Deus está no altar, no plano de deus.
Quando Josué se deparou diante dos reis, tinha um significado profético para hoje. As vitórias são
estratégias no mundo espiritual: é tempo destes reis caírem por terra em nossa vida.
Sete estratégias apostólicas para nos habilitar à vitória:
1ª-Rute- Rt.1:16- Fazer alianças no dia da humilhação e necessidade. A deformação humana diz que
quando alguém está bem, todos o querem ao lado. No mundo, quando necessitamos de ajuda, a pessoa
nos deixa de lado, na miséria. Precisamos aprender quem está em dificuldade.
O Senhor fez uma aliança conosco.
2ª-Ana – I Sm.11-Ana orou e fez um voto com Deus: deu-lhe seu filho. Precisamos aprender a dar a
Deus o que temos.
3ª-Abraão- Gn.22:9- Deixar no altar o que nos é precioso.
4ª-Coração 100% limpo e voltado a Deus. At.13:22
Onde você for Deus lhe dará a vitória.
5ª-Neemias- Ne.1:4- Chorar, sentir o peso pela desgraça do povo de Deus. Neemias estava em uma
situação boa, mas não desprezou os seus irmãos.
6ª-José - Gn.39:7-8- Ser santo, fiel ao sonho e à visão de Deus.
A casa de Potifar prosperava e a mulher tentou José e ele se manteve fiel.
7ª-Paulo - Gl.6:17- Você precisa estar marcado pelo sangue, pelo evangelho.

Estas estratégias são de poder que você deve receber no seu espírito para um plano de Deus se realizar
no futuro.
Muitos cristãos não estão se habilitando hoje para as conquistas do futuro. As vitórias não virão por
coincidência.
As sete voltas de Jericó eram para os sete Reis caírem mais adiante.
As tribos de Israel deveriam acordar e tomar posse da terra. Js. 18:2 e 3
Eles já tinham a habilitação, a conquista, mas estavam dormindo. Josué disse para eles se levantarem e
partirem para a conquista.
A Igreja já tem tudo pronto para a conquista, mas muitos estão dormindo. Precisamos acordar, pois já
temos direito adquirido sobre as bênçãos.
A Igreja não pode se encolher para sentenças, mas tem que se levantar. Jo.16:37 – Ele venceu o
mundo!!!
Rm.8:37 – Eu sou mais que vencedor!!!
A vitória da igreja não é de um homem, nem de uma organização, mas do Senhor Jesus.

Sete vitórias que habilitam a Igreja:


1ª - Vitória contra o velho homem
Jo. 2:9 – milagre da transformação
Jo. 3:3 – nascer de novo
Se uma pessoa é problemática, com atitudes do velho homem, ela precisa ser transformada.
2ª - Vitória contra a miséria
Muitos insistem em viver miseravelmente. Jesus quebrou esta miséria.
Jo.6 Jesus multiplicou pães e peixes e nos deixou a vitória da multiplicação. II Co.8:9
3ª - Vitória contra a religiosidade
O fruto cai balançando a árvore. Jesus inaugurou a graça para andarmos no mover apostólico. Jesus já
venceu estrategicamente. O religioso só imita.
4ª - Vitória contra as enfermidades
At. 10:38 - Somos sarados
5ª - Vitória contra a prostituição
Este espírito tem vencido a Igreja, porque muitos têm feito até abortos, convivendo com sexo ilícito,
sem a bênção de Deus.
Quando você se arrepende de um pecado você não pratica mais aquele pecado e, foi perdoado. Tudo o
que está encoberto virá à tona.
6ª - Vitória contra a morte
Morte no ministério, sentimentos, capacidade de realizar a obra.
Eu preciso ser perfeito. Você precisa cuidar com a medida com que mede as pessoas. Jo.11:25
Muitas pessoas já deixaram a tristeza tomar conta do ministério, por isso a morte entrou.
7ª - Vitória contra satanás
Satanás é o dominador porque este mundo jaz no maligno. No deserto Jesus venceu satanás, depois no
Getsêmani e por fim na cruz. O lugar de satanás é debaixo dos pés da Igreja.
O povo não tomou posse da terra prometida, mas as vitórias clamavam para eles terem vitória plena. Os
sete reis caíram por terra.
Ap.1:11
As sete Igrejas são as sete estrelas que estão nas mãos do Senhor Jesus. As sete Igrejas são as Igrejas
apostólicas e representam o candeeiro aceso. Jesus estava no meio do candeeiro. Aquelas Igrejas
morreram por causa da contaminação dos sete reis ( que foram vencidos apostolicamente )

1-Éfeso - Ap.2:4->Frieza.
2-Esmirna – v.9 – Miséria.
3-Pérgamo- v.14 – Prostituição.
4-Tiatira – v.20 – Domínio Feminino.
5-Sardes – Ap.3:2 – Falta de Integridade.
6-Filadélfia – v.8 – Não tem Força e Autoridade.
7-Laodicéia – v.16 – Mornidão, hipocrisia.
Estes demônios venceram porque as Igrejas se contaminaram e a chama se apagou. Mas, Ele nos
chamou para sermos uma Igreja sem mancha, mácula ou ruga.
O Cap.1 diz que Jesus está no meio da Igreja, mas está no meio da igreja apostólica. Quando vencemos
os reis, começamos a viver a plenitude das sete tochas acesas, transformando seus ministros em
labaredas de fogo. Ap.4:5 .

O PODER DA CONQUISTA

Ex. 39: 8-15-" Fez-se também o peitoral de obra de desenhista, semelhante à obra do éfode, de ouro,
azul, púrpura, carmesim e linho fino torcido.
9 Quadrado e duplo fizeram o peitoral; o seu comprimento era de um palmo, e a sua largura de um
palmo, sendo ele dobrado.
10 E engastaram nele quatro fileiras de pedras: a primeira delas era de um sárdio, um topázio e uma
esmeralda;
11 a segunda fileira era de uma granada, uma safira e um ônix;
12 a terceira fileira era de um jacinto, uma ágata e uma ametista;
13 e a quarta fileira era de uma crisólita, um berilo e um jaspe; eram elas engastadas nos seus engastes
de ouro.
14 Estas pedras, pois, eram doze, segundo os nomes dos filhos de Israel; eram semelhantes a gravuras
de selo, cada uma com o nome de uma das doze tribos.
15 Também fizeram sobre o peitoral cadeiazinhas, semelhantes a cordas, obra de trança, de ouro puro."
Temos autoridade para viver a Palavra de Deus.
Todo poder de conquista está concentrado na Igreja Apostólica. Na época de Josué, ele tinha o poder de
conquista.
As batalhas de Moisés foram mínimas e quem guerreou foi Josué. Em Josué foi que este poder de
guerra se manifestou.
Js.3-5-"3 Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo dei, como eu disse a Moisés.
4 Desde o deserto e este Líbano, até o grande rio, o rio Eufrates, toda a terra dos heteus, e até o grande
mar para o poente do sol, será o vosso termo.
5 Ninguém te poderá resistir todos os dias da tua vida. Como fui com Moisés, assim serei contigo; não
te deixarei, nem te desampararei."
Deus estava dando à Josué um poder de conquista e autoridade nunca vistos.
Mt. 16:17-18-" Disse-lhe Jesus: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue
que to revelou, mas meu Pai, que está nos céus.
18 Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do
inferno não prevalecerão contra ela;"
Deus nos capacitou com esta unção. Muitas vezes somos tímidos e acanhados e não vivemos esta
autoridade que nos foi dada em Jesus como sumo-sacerdote.
Hb. 7:14 e 27-" visto ser manifesto que nosso Senhor procedeu de Judá, tribo da qual Moisés nada
falou acerca de sacerdotes.
que não necessita, como os sumos sacerdotes, de oferecer cada dia sacrifícios, primeiramente por seus
próprios pecados, e depois pelos do povo; porque isto fez ele, uma vez por todas, quando se ofereceu a
si mesmo."
Ap. 5:10-"e para o nosso Deus os fizeste reino, e sacerdotes; e eles reinarão sobre a terra."
Ap. 20:6-"Bem-aventurado e santo é aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem
poder a segunda morte; mas serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele durante os mil
anos."
Esta autoridade nos faz reinar sobre a terra, pois foi dada à Igreja.
Ef. 1:22-23-"e sujeitou todas as coisas debaixo dos seus pés, e para ser cabeça sobre todas as coisas o
deu à igreja,
23 que é o seu corpo, o complemento daquele que cumpre tudo em todas as coisas."
Durante anos não vivemos esta verdades, mas vivemos à mercê das religiosidades. Precisamos reinar
na terra da nossa herança.
Mc. 16 – autoridade sacerdotal e de rei.
Dt. 28
Josué era diferenciado, tinha autoridade representada pelos 5 ministérios apostólicos de Jesus no
peitoral do sacerdote.
Êx. 39:8-"Fez-se também o peitoral de obra de desenhista, semelhante à obra do éfode, de ouro, azul,
púrpura, carmesim e linho fino torcido."
Ef. 4:11-" E ele deu uns como apóstolos, e outros como profetas, e outros como evangelistas, e outros
como pastores e mestres;"

Apóstolo, Profeta, Evangelista, Pastor e Mestre.


Na estola, no peitoral do sacerdote existiam as 12 pedras, que hoje representam a autoridade apostólica.
Mt. 16:18-" Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as
portas do inferno não prevalecerão contra ela;"
Neste mover, se manisfestavam as características de Josué, de guerreiro, conquistador, sacerdote e
sucessor.
Com estas funções precisa se manisfestar uma morte.
Josué 1 – meu servo Moisés é morto.
Aquelas características do deserto morreram com Moisés.
As deformações do deserto de Moisés ficariam para trás, sendo assim, nossas características do deserto
precisam morrer para que se levante um homem de Deus com as 4 características apostólicas.
No deserto:
1) Tem que morrer o tímido, o fraco e o medroso para nascer um guerreiro.
Juízes 7:10-"Mas se tens medo de descer, vai com o teu moço, Purá, ao arraial;"
2) Tem que morrer o religioso, o rebelde para nascer o sacerdote.
Saul era religioso e rebelde e ele morreu.
Hb. 7:8 - "E aqui certamente recebem dízimos homens que morrem; ali, porém, os recebe aquele de
quem se testifica que vive."
Jesus nasceu como sacerdote, segundo a ordem de Melquisedeque.
3) Tem que morrer a criança , imatura para nascer o conquistador.
Isaque tinha que deixar de ser criança e no Monte Moriá Deus mostrou que ele era grande.
Jr. 1:6- "Então disse eu: Ah, Senhor Deus! Eis que não sei falar; porque sou um menino."
4) Tem que morrer o murmurador, o usurpador para nascer o sucessor.
I Sm. 31:9- "Então cortaram a cabeça a Saul e o despejaram das suas armas; e enviaram pela terra dos
filisteus, em redor, a anunciá-lo no templo dos seus ídolos e entre e povo,"

O povo que murmurou não entrou na Terra Prometida.


Muitas vezes você não busca a sua porção e quer a do irmão. ( Coré )
O homem apostólico pode exercer a autoridade de conquista para tomar a terra. No deserto você só
peregrina e não conquista.
Quando nasce este homem apostólico começa a acontecer:
Ez. 10: 1 – " Depois olhei, e eis que no firmamento que estava por cima da cabeça dos querubins,
apareceu sobre eles uma como pedra de safira, semelhante em forma a um trono.2 E falou ao homem
vestido de linho, dizendo: Vai por entre as rodas giradoras, até debaixo do querubim, enche as tuas
mãos de brasas acesas dentre os querubins, e espalha-as sobre a cidade. E ele entrou à minha vista.
3 E os querubins estavam de pé ao lado direito da casa, quando entrou o homem; e uma nuvem encheu
o átrio interior.
4 Então se levantou a glória do Senhor de sobre o querubim, e passou para a entrada da casa; e encheu-
se a casa duma nuvem, e o átrio se encheu do resplendor da glória do Senhor."
Josué 3:5- "Disse Josué também ao povo: Santificai-vos, porque amanhã o Senhor fará maravilhas no
meio de vós."
Josué 10:11- "Pois, quando eles iam fugindo de diante de Israel, à descida de Bete-Horom, o Senhor
lançou sobre eles, do céu, grandes pedras até Azeca, e eles morreram; e foram mais os que morreram
das pedras da saraiva do que os que os filhos de Israel mataram à espada."
Ezequiel 10:6- "Sucedeu pois que, dando ele ordem ao homem vestido de linho, dizendo: Toma fogo
dentre as rodas, dentre os querubins, entrou ele, e pôs-se junto a uma roda."
O fogo estava nas mãos do homem de linho.
v. 2-" E falou ao homem vestido de linho, dizendo: Vai por entre as rodas giradoras, até debaixo do
querubim, enche as tuas mãos de brasas acesas dentre os querubins, e espalha-as sobre a cidade. E ele
entrou à minha vista."
Hb. 1:7- "Ora, quanto aos anjos, diz: Quem de seus anjos faz ventos, e de seus ministros labaredas de
fogo."
Somos pedras de fogo. Ele falou: Amanhã farei maravilhas. Deus mandou pedras incandescentes, que
eram o manifestar das maravilhas de Deus.
O Senhor Jesus nos faz pedras de labaredas de fogo e nos lança sobre as cidades de todo nosso país.
Somos pedras incandescentes nas mãos de Jesus Cristo.
Ez. 10:9- "Então olhei, e eis quatro rodas junto aos querubins, uma roda junto a um querubim, e outra
roda junto a outro querubim; e o aspecto das rodas era como o brilho de pedra de crisólita."
Quatro unções que andam ao lado dos querubins. Giram e parecem berilo brilhante. O que nos acontece
é a comunhão do povo de Deus.
v. 10 – 14-"10 E, quanto ao seu aspecto, as quatro tinham a mesma semelhança, como se estivesse uma
roda no meio doutra roda.
11 Andando elas, iam em qualquer das quatro direções sem se virarem quando andavam, mas para o
lugar para onde olhava a cabeça, para esse andavam; não se viravam quando andavam.
12 E todo o seu corpo, as suas costas, as suas mãos, as suas asas, e as rodas que os quatro tinham,
estavam cheias de olhos em redor.
13 E, quanto às rodas, elas foram chamadas rodas giradoras, ouvindo-o eu.
14 E cada um tinha quatro rostos: o primeiro rosto era rosto de querubim, o segundo era rosto de
homem, o terceiro era rosto de leão, e o quarto era rosto de águia."
1) Você é esta roda em movimento. Em Jo.4 diz que rios de água viva fluirão do nosso interior. Rolo
compressor de conquistas.
2) Não há nada encoberto. Deus nos encheu de olhos para enxergar o que precisamos. Você enxergará
as oportunidades até onde não existem.
3) O Fogo do Espírito Santo nos enche.
4) Somos como Josué no espírito. Espírito diferenciado.
v. 14 – 4 rostos
querubim – guerreiro
homem – conquistador
águia – sacerdote ( voa os vôos altos do Senhor )
leão – sucessor
Somos sucessores do Leão da Tribo de Judá

Palavra Ano de 2005 Ano Apostólico de Josué

Texto: Josué 1
- O Senhor escolheu a Josué como sucessor de Moisés
- O Homem sobre o qual o Senhor derramaria a maior unção de conquista da Bíblia.
- Josué era separado no ventre da sua mãe e tinha constituição de Guerreiro e sacerdote.

Êxodo : 17: 8 a 14
8 Então veio Amaleque, e pelejou contra e Israel em Refidim.
9 Pelo que disse Moisés a Josué: Escolhe-nos homens, e sai, peleja contra Amaleque; e amanhã eu
estarei sobre o cume do outeiro, tendo na mão a vara de Deus.
10 Fez, pois, Josué como Moisés lhe dissera, e pelejou contra Amaleque; e Moisés, Arão, e Hur
subiram ao cume do outeiro.
11 E acontecia que quando Moisés levantava a mão, prevalecia Israel; mas quando ele abaixava a mão,
prevalecia Amaleque.
12 As mãos de Moisés, porém, ficaram cansadas; por isso tomaram uma pedra, e a puseram debaixo
dele, e ele sentou-se nela; Arão e Hur sustentavam-lhe as mãos, um de um lado e o outro do outro;
assim ficaram as suas mãos firmes até o pôr do sol.
13 Assim Josué prostrou a Amaleque e a seu povo, ao fio da espada.
14 Então disse o Senhor a Moisés: Escreve isto para memorial num livro, e relata-o aos ouvidos de
Josué; que eu hei de riscar totalmente a memória de Amaleque de debaixo do céu.

Êxodo: 24: 13
E levantando-se Moisés com Josué, seu servidor, subiu ao monte de Deus,

(na utilização do Urim, no caso de Acã, na distribuição das terras Josué, era um oficio sacerdotal ao
lado de Eleazar) Josué 14:12 Agora, pois, dá-me este monte de que o Senhor falou naquele dia; porque
tu ouviste, naquele dia, que estavam ali os anaquins, bem como cidades grandes e fortificadas.
Porventura o Senhor será comigo para os expulsar, como ele disse.

Neste ano de 2005 vamos viver todas as promessas


de conquistas do Senhor!

1. A unção de guerreiro sacerdote e sucessor


Números 27:18 a 23
18 Então disse o Senhor a Moisés: Toma a Josué, filho de Num, homem em quem há o Espírito, e
impõe-lhe a mão;
19 e apresenta-o perante Eleazar, o sacerdote, e perante toda a congregação, e dá-lhe a comissão à vista
deles;
20 e sobre ele porás da tua glória, para que lhe obedeça toda a congregação dos filhos de Israel.
21 Ele, pois, se apresentará perante Eleazar, o sacerdote, o qual por ele inquirirá segundo o juízo do
Urim, perante o Senhor; segundo a ordem de Eleazar sairão, e segundo a ordem de Eleazar entrarão, ele
e todos os filhos de Israel, isto é, toda a congregação.
22 Então Moisés fez como o Senhor lhe ordenara: tomou a Josué, apresentou-o perante Eleazar, o
sacerdote, e perante toda a congregação,
23 impôs-lhe as mãos, e lhe deu a comissão; como o Senhor falara por intermédio de Moisés.

Josué era um homem que tinha o espírito de Deus; naquele dia o Senhor o estava marcando com uma
unção até então não conhecida.

Neste ano a unção de Josué será derramada sobre nossas vidas e seremos marcados como:

GUERREIROS
Vamos lutar todas as lutas do Senhor com força, animo e coragem.
Vamos levar nossos amados e nossas famílias a conquistar as terras das nossas promessas Josué :1 –9
Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não pasmes, nem te espantes; porque o SENHOR, teu
Deus, é contigo, por onde quer que andares.

II Samuel 23 – 8 a 10
8 São estes os nomes dos valentes de Davi: Josebe-Bassebete, o taquemonita; era este principal dos
três; foi ele que, com a lança, matou oitocentos de uma vez.
9 Depois dele Eleazar, filho de Dodó, filho de Aoí, um dos três valentes que estavam com Davi, quando
desafiaram os filisteus que se haviam reunido para a peleja, enquanto os homens de Israel se retiravam.
10 Este se levantou, e feriu os filisteus, até lhe cansar a mão e ficar pegada à espada; e naquele dia o
Senhor operou um grande livramento; e o povo voltou para junto de Eleazar, somente para tomar o
despojo.

CONQUISTADORES
Vamos conquistar todas as nossas promessas, nossos desafios e nossos sonhos, Deus vai colocar nossos
pés na Terra Prometida – Josué :1- 3 Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo dei, como eu
disse a Moisés.

Durante quarenta anos os israelitas aguardaram a terra prometida, o tempo chegou quando a unção de
Josué foi manifestada.

- Nesse ano, essa unção será liberada para conquistarmos promessas novas e antigas!
- As nossas promessas vão se materializar em grandes milagres de conquistas!

SACERDOTES
Vamos oficiar a vontade do Senhor, conhecer os planos e as estratégias das batalhas, fazer da nossa
comunhão íntima e santa com Deus um diferencial que nos marque como sacerdotes apostólicos II
Crônicas 20:13 a 17 E todo o Judá estava em pé diante do Senhor, como também os seus pequeninos,
as suas mulheres, e os seus filhos.
14 Então veio o Espírito do Senhor no meio da congregação, sobre Jaaziel, filho de Zacarias, filho de
Benaías, filho de Jeiel, filho de Matanias o levita, dos filhos de Asafe,
15 e disse: Dai ouvidos todo o Judá, e vós, moradores de Jerusalém, e tu, ó rei Jeosafá. Assim vos diz o
Senhor: Não temais, nem vos assusteis por causa desta grande multidão, porque a peleja não é vossa,
mas de Deus.
16 Amanhã descereis contra eles; eis que sobem pela ladeira de Ziz, e os achareis na extremidade do
vale, defronte do deserto de Jeruel.
17 Nesta batalha não tereis que pelejar; postai-vos, ficai parados e vede o livramento que o Senhor vos
concederá, ó Judá e Jerusalém. Não temais, nem vos assusteis; amanhã saí-lhes ao encontro, porque o
Senhor está convosco.

SUCESSORES
Somos sucessores espirituais, isso significa ter as mesmas características espirituais.
Vamos no caso de Elias e Eliseu ter as mesmas manifestações, e no caso de Moisés e Josué, os mesmos
eventos e milagres que aconteceram com Moisés, Josué também foi instruído por Deus para realiza-los.

Josué 1:3 Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo dei, como eu disse a Moisés.

Exemplos: Como Moisés, Josué enviou espias, atravessou o Jordão, etc...

Nesse Ano de Josué, Deus estará nos marcando como sucessores da Unção Conquistadora de Jesus!

Somos sucessores das mesmas características pessoais de Jesus!

2. Nos dará um Ano de maravilhas.


Josué 3:5 Disse Josué também ao povo: Santificai-vos, porque amanhã o Senhor fará maravilhas no
meio de vós.

Maravilhas, na Palavra, é a liberação daquilo que só Deus conhece,


é chamar a existência as coisas que não existem.
Romanos 4:17 (como está escrito: Por pai de muitas nações te constituí) perante aquele no qual creu, a
saber, Deus, que vivifica os mortos, e chama as coisas que não são, como se já fossem.

- O Deus que vivifica os mortos, e chama a existência as coisas que não existem.
- Em todas as áreas das nossas vidas se manifestarão as maravilhas do Senhor.
3.Neste Ano de Josué vamos ter uma honra como nunca tivemos em nossas vidas, porque:
Josué 3:7 Então disse o Senhor a Josué: Hoje começarei a engrandecer-te perante os olhos de todo o
Israel, para que saibam que, assim como fui com Moisés, serei contigo.

3.1 Para que todos que se relacionam conosco saibam que a mão do Senhor é forte.
Josué 4:24 para que todos os povos da terra conheçam que a mão do Senhor é forte; a fim de que vós
também temais ao Senhor vosso Deus para sempre.

3.2 Para que os milagres do Senhor te dêem a condição de cabeça.


Josué 6:27 Assim era o Senhor com Josué; e corria a sua fama por toda a terra.

3.3 Porque nunca mais o opróbrio do Egito (a escravidão, a vergonha, a desonra) estará sobre nós.
Josué 5:9 Disse então o Senhor a Josué: Hoje revolvi de sobre vós o opróbrio do Egito; pelo que se
chama aquele lugar: Gilgal, até o dia de hoje.

3.4 Porque passaremos a comer das novidades da terra.


Josué 5:12 E cessou o maná no dia seguinte, depois que comeram do trigo da terra, do ano antecedente,
e os filhos de Israel não tiveram mais maná; porém no mesmo ano, comeram das novidades da terra de
Canaã.
Nesse Ano Apostólico de Josué, “Deus” vai colocar Seu povo em novos patamares espirituais e
materiais.
Deixaremos todo deserto e viveremos na Terra da nossa promessa.
“DEUS” estará trazendo a constituição a nós, como verdadeiramente seu povo.

1. Teremos nossa identidade confirmada, todos saberão que somos filhos de Deus,

2. Teremos um ano de prosperidade e expansão em todas as áreas,

3. Viveremos um ano de queda de grandes muralhas.,

4. A nossa família terá a marca do Senhor, e um local de habitação,

5. Viveremos dias de milagres sobrenaturais, nunca sonhados,

6. Nenhuma promessa de todas Boas Palavras do Senhor falhará,

7. Haverá um mover de Santificação, uma conquista de vida ministerial e espiritual,

8. teremos todos os dias do ano nossos celeiros cheios; vamos repartir e não pedir

9. Veremos os que se levantaram contra nós envergonhados. E, a nossa constituição levará medo e
terror aos nossos inimigos,

10. Vamos atravessar os obstáculos e oposições de forma sobrenatural. O rio Jordão vai se abrir! Vamos
atravessar á pés enxutos,

11. Teremos tantas realizações, milagres e conquistas, que vamos construir um altar de testemunhos
Josué : 22 - 34 E os filhos de Rúben e os filhos de Gade chamaram ao altar Testemunha; pois, disseram
eles, é testemunho entre nós que o Senhor é Deus. (Nossa rede de Radio e TV, 1000 igrejas, nossa
torre).

12. Teremos tanta saúde, força e autoridade que só um de nós, perseguirá a mil
Josué 23:10 um só homem dentre vós persegue a mil, pois o Senhor vosso Deus é quem peleja por vós,
como já vos disse.
Este e o ano das nossas conquistas!!!
ALELUIA!!!!!!

Ser o homem chave

Isaías 22:15 -25

Deus fala com seu povo.


Jeremias 33:3
A Expressão "Você é um homem chave", tem origem na Palavra de Deus, de um homem diferenciado,
marcado, seu espírito é diferenciado pelos seus (Juízes 14 –
Posicionamentos:
Josué e Calebe eram homens chaves no meio do povo de Deus.
Homem chave está acima da mediocridade, pode receber tarefas de confiança.
Sebna era um administrador que servia Ezequias, que carregava as chaves de Davi (onde tinham
depósitos, locais secretos, etc...)
Sebna se destacava, mas abusou de sua autoridade. Mandou fazer uma sepultura poderosa para
perpetuar o seu nome, ferindo a santidade de Deus, querendo ser igual a Deus.
Sebna significa a religiosidade que recebeu as chaves espirituais e teve em seu coração altivez.
I Crônicas 10:14
Isaías traz a palavra dizendo que Sebna seria retirado de sua posição por ter se deixado levar pelo
poder.
Deus, então, escolheu Eliaquim, que era filho do sacerdote Ilquias.
O homem chave precisava ter as seguintes características:
- Santo, fiel, humilde, valente, disciplinado, próspero, justo, com autoridade, sábio, incorruptível,
empreendedor, conquistador.
O mundo espiritual existe para que recebamos autoridade, descortinando o entendimento da palavra,
sendo cheio do Espírito Santo, digno de carregar as chaves de Davi.
As chaves tinham a marca de conquista, vitória e realizações.
Espiritualmente, vai ser entregue para a Igreja Apostólica.
Mateus 16:19
Apocalipse 3:7
Jesus tem as chaves de um rei e não ficou com estas chaves, pois elas precisavam ser carregadas por
homens. Jesus entregou esta chave para o Apóstolo Pedro.
Jesus entregou as chaves da autoridade apostólica para Pedro exercer o ministério apostólico. O que ela
abre ninguém fecha e o que ela fecha ninguém abre. Esta chave fecha o inferno e abre as portas do céu.
As chaves de Davi estão nas mãos da Igreja Apostólica.
5 habilitações Apostólicas de Isaías 22 que a chave de Davi traz.
É tocado pelo poder de Deus. Deus tirou de Sebna e deu para Eliaquim.
1- v. 21 – O Senhor tirou a túnica, a faixa e a autoridade e colocou sobre a nossa vida, como herança
apostólica.
Você colocará a túnica, a faixa e todos irão reconhecer que você é o homem da chave de Deus.
Os religiosos pegaram a chave para construir uma sepultura.

2- Somos pais apostólicos “Você entrará em Jerusalém e todos verão que você é pai”.
Somos honrados como pai.

3 – Coloca nos ombros a chave – Jesus disse: “ Tomai sobre vós meu jugo...”
Existe o governo sobre os teus ombros, e quem governa tem as chaves para abrir, entrar e sair.
As chaves traziam poder e autoridade diante de todos e o rei chamava Sebna para abrir seus tesouros.
Você é aquele que abre portas para que o Rei entre.

4- Fincado como estaca – As estacas não deixam o vento balançar nossa vida.
Nada abala o servo de Deus, podem vir os ventos e a tempestades.

5- Deus pega os seus homens chaves e dá responsabilidade da Casa do Rei.


O que Deus quiser nós damos, pois não somos manipulados pela carne.

Neemias foi um homem chave, construiu, edificou, destruiu todo opróbrio.

As mãos de Moisés não podiam ficar erguidas sozinhas por que ele tinha as chaves apostólicas, por isso
precisava de Arão e Ur erguendo seus braços.

Você receberá as chaves:

1- Chave de capacitação, inteligência como Daniel 1:10


Noé fez o que nunca ninguém fez, construiu uma arca.

2- Chaves do Mundo Espiritual – Daniel 10 – Batalha dos Arcanjos

Eliseu na guerra dos Siros, Deus mostrou para ele a estratégia.

3- Chave da Fé – “Tudo que pedido com fé, crendo recebereis”.


Esta fé vai fazer você crer no Deus do impossível.

4- Chave da conquista – Josué 1:9


Isaías 54 – Alargando as estacas da tenda.

5- Chave de resgate – Rt 4:1


Você será um resgatador, quebrando o opróbrio da vida dos outros, ajudando a todos ao seu redor.

6- Chave da Fidelidade – Jó venceu porque foi fiel, recebendo tudo em dobro.

7- Chave das Realizações – Ne. 6 “Pela interferência do meu Deus”

8- Chave do Livramento – Et. 4:14


Ester recebeu livramento não só para ela, mas também para o povo (Purim).

9- Chave da Vitória – II Samuel 8:6

10 – Prosperidade – Salmo 1
Gênesis 26 – Isaque – 1 vira 100 – O homem prosperou, ficou riquíssimo.

11- Chave da felicidade – Ml. 3:12


Recebemos o nosso Isaque, os nossos dias de riso, pois somos o povo mais feliz da terra.

12 – Chave da autoridade apostólica – II Co. 12:12 – A igreja é quem tem as chaves.

Para que seremos homens chave:

- Para não viver mais – Não vivo eu, mas Cristo vive em mim;
- Para que todos vejam a Glória de Deus;
- Para ser enviado;
- Para ser levantado;
- Para abrir portas para o Senhor aqui na Terra;
- Para dar oportunidade aos outros;
- Para ter sucesso;

Isaías 3:10 – Vamos alimentar dos frutos das nossas ações.

As portas estão abertas e só entra quem é servo de Deus.


TEMPO APOSTÓLICO

Ne. 12,27; 43-47


Deus tem um tempo apostólico na minha vida e Ele está começando esse tempo agora.
No tempo apostólico, temos o tempo antes da construção do muro e o tempo depois da construção do
muro. E é depois da construção do muro que a glória da segunda casa será maior, porque a Igreja tem o
direito de viver a profecia de Ageu 2:6-9:
“Pois assim diz o Senhor dos exércitos; Ainda uma vez, daqui a pouco, e abalarei os céus e a terra, o
mar e a terra seca.
Abalarei todas as nações; e as coisas preciosas de todas as nações virão, e encherei de glória esta casa,
diz o Senhor dos exércitos.
Minha é a prata, e meu é o ouro, diz o Senhor dos exércitos.
A glória desta última casa será maior do que a da primeira, diz o Senhor dos exércitos; e neste lugar
darei a paz, diz o Senhor dos exércitos.”
Ageu aqui nesse texto se referia não a uma construção, a um edifício em si e, sim, a um tempo: o tempo
apostólico que a Igreja de Jesus Cristo vai viver. Quem é essa Igreja? Nós somos essa Igreja! E esta
glória está reservada para o povo apostólico de Deus.
A Palavra de Deus nos relata que Jesus disse que destruiria o santuário de Deus e o reedificaria em 3
dias. A reconstrução que Jesus se referia também não era em relação a um templo físico, a um templo
de pedras, mas, sim, a ressurreição do próprio Cristo. A reconstrução dos muros é a ressurreição de
Cristo!
Após a reconstrução do muro, o povo começou a viver um tempo novo de realização do Senhor. Tudo
começou novo em suas vidas: começaram a obedecer ao Senhor, a seguir e confiar na palavra do
profeta (Neemias), readquiriram a confiança e auto-estima, reergueram o altar do Senhor, davam com
justiça a quem era merecido, reconquistaram o seu espaço dentro dos muros de Jerusalém, obtiveram de
novo o respeito pelas pessoas de fora do muro (seus inimigos) e terminaram o que haviam começado,
dando, assim, um senso de realização.
Após esta reconstrução dos muros, 5 grandes eventos aconteceram e vão acontecer conosco:
1) Ne. 13:10,11 – a manutenção e restituição dos ministérios dos levitas e sacerdotes;
2) Ne. 13:1-3 – a estrangeirice foi tirada porque o muro foi levantado. [ O Ap. Estevam profetizou: “O
estrangeiro no nosso meio não vai ficar e, se houver, Deus vai denunciar.”];
3) Ne. 13:8 – a expulsão de Tobias do templo. [O Ap. Estevam profetizou: “O Senhor já expulsou o
espírito de Tobias do nosso meio.”]
4) Ne. 13:15 – o povo voltou a observância do sábado: voltaram a servir ao Senhor e entregá-lo aquele
dia especial: servir em obediência.
5) Ne. 13:23 – foi proibido o casamento misto, que os levava a idolatria fazendo-os pecar, tal como foi
com Salomão (v. 26).

E para viver esse tempo apostólico, temos que ser a Igreja desejada de Jesus, que se encontra em Ef.
5:26,27:
“(...) a fim de a santificar, tendo-a purificado com a lavagem da água, pela palavra,
27 para apresentá-la a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga, nem qualquer coisa semelhante,
mas santa e irrepreensível.”
Esta é a Igreja que o Senhor deseja e temos que buscar, pela fé, no Espírito Santo ser essa Igreja que
traz o mover e o poder apostólico de Jesus sobre nós.
Viver a glória da segunda casa é viver exatamente a glória e a plenitude da Igreja de Atos, logo depois
que os apóstolos receberam o poder do Espírito Santo, sendo batizados com línguas de fogo: se
moveram apostolicamente e viveram o tempo apostólico. O muro da honra havia sido ressuscitado e
agora poderiam viver o tempo apostólico (I Co. 2:9,10). Isso é viver o tempo apostólico e, para isso
acontecer conosco, devemos entender o que o Senhor tem para nós. Como? Mt. 25:1-13:
“1 Então o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram ao
encontro do noivo.
2 Cinco delas eram insensatas, e cinco prudentes.
3 Ora, as insensatas, tomando as lâmpadas, não levaram azeite consigo.
4 As prudentes, porém, levaram azeite em suas vasilhas, juntamente com as lâmpadas.”
Essas 10 virgens representavam a divisão: os que vivem o tempo apostólico (as 5 virgens prudentes
com o óleo do Espírito) e os que não vivem (5 virgens insensatas sem o óleo do Espírito). E as 5
virgens prudentes, cheias do óleo do Espírito Santo, representavam os 5 ministérios de Ef. 4:11, que
são: apóstolos, profetas, evangelistas, pastores e mestres.
Assim, para vivermos este tempo apostólico, temos que viver como as 5 virgens prudentes que viviam
cheias do óleo do Espírito. E dentro da Igreja do Senhor ficarão de fora aqueles que não possuem o
ministério apostólico de Ef. 4:11. São esses 5 ministérios apostólicos restaurados que trarão a vitória
para o Corpo de Cristo, tal como na mão temos 5 dedos e, com esses 5 dedos, conseguimos agir
habilmente para fazer a obra e não apenas com dois dedos. (Antigamente, a Igreja do Senhor agia
apenas com “dois dedos” da mão, representados pelos ministérios de evangelistas e mestres, razão pela
qual não conseguiam vencer seus inimigos.)
Quais são os que não possuem o ministério apostólico? São aqueles descritos em Ap. 22:15, os cães.
Ficarão de fora os cães, que são 5 tipos de pessoas:
1) feiticeiros; 2) impuros; 3) assassinos; 4) idólatras; 5) os que amam e praticam a mentira.
Quem vive o tempo apostólico não é feiticeiro, não tem rebeldias, pelo contrário, é obediente. Muitos
ficam no misticismo porque não conhecem a prosperidade que provem da santidade. Os impuros são
aqueles que acham que podem servir a dois senhores. Há pessoas impuras no altar, que não vivem
como luz do mundo e sal da terra. Fofoca é impureza; sexo promíscuo é impureza, são assassinos que
matam o Espírito de Deus. Há ainda aquelas pessoas que têm assassinado o seu próprio ministério. Mas
também há aqueles que idolatram seus filhos e param o ministério. Existem maridos acomodados que
trocam Deus por um jogo de futebol; pessoas que idolatram outras pessoas (Ex.: Como o jogador Kaká
que, quando vem na Lins, todos correm até ele para pedir autógrafos e não o deixam em paz. Ele só é o
que é porque é um servo do Senhor; apenas servo!).
Por isso é que se diz que a prosperidade é conseqüência de uma vida santa no altar de Deus. Só posso
ter alguma coisa se eu servir ao Senhor. E para tanto, tenho que observar o que o Senhor me diz em:
Mt. 5:37; Jo. 8:44. Isto mesmo porque o Senhor nos deixa claro em Ec. 2:26 que “(...) ao homem que
lhe agrada (...)” o Senhor dá sabedoria, conhecimento e prazer. O homem que lhe dá prazer é aquele
que O agrada.
Por outro lado, os cães são aqueles que não têm o óleo do Espírito sobre a cabeça, mas amam e
praticam aquilo que não é do Senhor, trazendo em si a marca daquele que é mentiroso, daquele que
“(...) nunca se firmou na verdade, porque nele não há verdade (...).”
Enquanto não havia porta, os cães ficavam pelo lado de dentro. Mas quando a porta foi restaurada os
cães ficaram de fora. A nossa porta é Jesus e quem não entra pela porta das ovelhas é ladrão e salteador,
que ataca de repente para roubar ou matar. Quem entra pela porta das ovelhas, que é Jesus, será salvo,
entrará e sairá, e achará pastagens (suprimentos necessários para a vida verdadeira).
É em função de todos esses aspectos que se afirma que a glória da segunda casa é a restauração da
glória que vem após a ressurreição. Esta glória significa que:
1) Hb. 11:40 – Deus tem coisas superiores para as nossas vidas;
2) At. 4:33 – Esse é o tempo apostólico que estamos vivendo no Senhor;
3) Jl. 2:28 – Nesse tempo apostólico tem o maior derramar do Espírito sobre toda carne. Somos um
povo apostólico que tem a identidade do tempo apostólico.
Por que o derramar do Espírito?
1) Para a manutenção do tempo apostólico a fim de que não a fé não se esfrie;
2) Para que haja crescimento e não estagnação; crescimento para transbordar em todas as áreas.

O futuro apostólico

Ne.2:1-20-
1 Sucedeu, pois, no mês de nisã, no ano vigésimos do rei Artaxerxes, quando o vinho estava posto
diante dele, que eu apanhei o vinho e o dei ao rei. Ora, eu nunca estivera triste na sua presença.
2 E o rei me disse: Por que está triste o teu rosto, visto que não estás doente? Não é isto senão tristeza
de coração. Então temi sobremaneira.
3 e disse ao rei: Viva o rei para sempre! Como não há de estar triste o meu rosto, estando na cidade, o
lugar dos sepulcros de meus pais, assolada, e tendo sido consumidas as suas portas pelo fogo?
4 Então o rei me perguntou: Que me pedes agora? Orei, pois, ao Deus do céu,
5 e disse ao rei: Se for do agrado do rei, e se teu servo tiver achado graça diante de ti, peço-te que me
envies a Judá, à cidade dos sepulcros de meus pais, para que eu a reedifique.
6 Então o rei, estando a rainha assentada junto a ele, me disse: Quanto durará a tua viagem, e quando
voltarás? E aprouve ao rei enviar-me, apontando-lhe eu certo prazo.
7 Eu disse ainda ao rei: Se for do agrado do rei, dêem-se-me cartas para os governadores dalém do Rio,
para que me permitam passar até que eu chegue a Judá;
8 como também uma carta para Asafe, guarda da floresta do rei, a fim de que me dê madeira para as
vigas das portas do castelo que pertence à casa, e para o muro da cidade, e para a casa que eu houver de
ocupar. E o rei mas deu, graças à mão benéfica do meu Deus sobre mim.
9 Então fui ter com os governadores dalém do Rio, e lhes entreguei as cartas do rei. Ora, o rei tinha
enviado comigo oficiais do exército e cavaleiros.
10 O que ouvindo Sambalate, o horonita, e Tobias, o servo amonita, ficaram extremamente agastados
de que alguém viesse a procurar o bem dos filhos de Israel.
11 Cheguei, pois, a Jerusalém, e estive ali três dias.
12 Então de noite me levantei, eu e uns poucos homens comigo; e não declarei a ninguém o que o meu
deus pusera no coração para fazer por Jerusalém. Não havia comigo animal algum, senão aquele que eu
montava.
13 Assim saí de noite pela porta do vale, até a fonte do dragão, e até a porta do monturo, e contemplei
os muros de Jerusalém, que estavam demolidos, e as suas portas, que tinham sido consumidas pelo
fogo.
14 E passei adiante até a porta da fonte, e à piscina do rei; porém não havia lugar por onde pudesse
passar o animal que eu montava.
15 Ainda de noite subi pelo ribeiro, e contemplei o muro; e virando, entrei pela porta do vale, e assim
voltei.
16 E não souberam os magistrados aonde eu fora nem o que eu fazia; pois até então eu não havia
declarado coisa alguma, nem aos judeus, nem aos sacerdotes, nem aos nobres, nem aos magistrados,
nem aos demais que faziam a obra.
17 Então eu lhes disse: Bem vedes vós o triste estado em que estamos, como Jerusalém está assolada, e
as suas portas queimadas a fogo; vinde, pois, e edifiquemos o muro de Jerusalém, para que não
estejamos mais em opróbrio.
18 Então lhes declarei como a mão do meu Deus me fora favorável, e bem assim as palavras que o rei
me tinha dito. Eles disseram: Levantemo-nos, e edifiquemos. E fortaleceram as mãos para a boa obra.
19 O que ouvindo Sambalate, o horonita, e Tobias, o servo amonita, e Gesem, o arábio, zombaram de
nós, desprezaram-nos e disseram: O que é isso que fazeis? Quereis rebelar-vos contra o rei?
20 Então lhes respondi: O Deus do céu é que nos fará prosperar; e nós, seus servos, nos levantaremos e
edificaremos: mas vós não tendes parte, nem direito, nem memorial em Jerusalém.
O futuro é o fruto de nosso presente. É o princípio da semeadura:
Mc.4:26-29-“26 Disse também: O reino de Deus é assim como se um homem lançasse semente à terra,
27 e dormisse e se levantasse de noite e de dia, e a semente brotasse e crescesse, sem ele saber como.
28 A terra por si mesma produz fruto, primeiro a erva, depois a espiga, e por último o grão cheio na
espiga.
29 Mas assim que o fruto amadurecer, logo lhe mete a foice, porque é chegada a ceifa.”
Gl.6:6-“E o que está sendo instruído na palavra, faça participante em todas as boas coisas aquele que o
instrui.”
O que estamos fazendo, estamos plantando para o nosso futuro.
Is.3:10-“ Dizei aos justos que bem lhes irá; porque comerão do fruto das suas obras.”
Neemias olhava o presente e chorava. Seu coração foi ficando triste e o rei notou. Neemias até aquele
momento só enxergava a degradação e a miséria de Israel. Quando enxergamos só o presente nós não
conseguimos olhar para o futuro.
A Bíblia é um livro de futuros, projetado para o amanhã.
Enquanto Neemias olhou o hoje, não enxergou a amplitude do futuro. Quando Neemias conseguiu
enxergar a grandiosidade que Deus tinha para realizar, tudo mudou no coração de neemias.
Deus deu tudo para adão e Eva e satanás apareceu para roubá-los. Esaú foi roubado quando vendeu a
sua primogenitura, Sansão foi roubado no seu futuro de nazireu quando entregou o seu futuro à
prostituição e à derrota.
O diabo deseja roubar o seu futuro através de :
1-Ilusões carnais
Gl.3:1-“Ó insensatos gálatas! quem vos fascinou a vós, ante cujos olhos foi representado Jesus Cristo
como crucificado?”
Satanás tem roubado o futuro das pessoas por causa das paixões carnais. Muitos têm sido roubados pela
oferta da carne com ilusões terríveis. O diabo ofereceu a Jesus que Ele transformasse pedras em pães.
2-Promessas carnais
Jo.8:44-“Vós tendes por pai o Diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai; ele é homicida desde
o princípio, e nunca se firmou na verdade, porque nele não há verdade; quando ele profere mentira, fala
do que lhe é próprio; porque é mentiroso, e pai da mentira.”
Mt.4:8 e 9-“Novamente o Diabo o levou a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do
mundo, e a glória deles;
9 e disse-lhe: Tudo isto te darei, se, prostrado, me adorares.”
O diabo é o pai da mentira, faz promessas que são acolhidas pelas nossas deformações.
3-Imediatismo
Jó.31:4 e 5-“Não vê ele os meus caminhos, e não conta todos os meus passos?
5 Se eu tenho andado com falsidade, e se o meu pé se tem apressado após o engano.”
Deus conhece as lutas que passamos e sabe que se esperarmos na grandiosidade do Poder Dele, teremos
vitórias.
No tempo de Deus as coisas vão acontecer.
Queremos as coisas na nossa hora. Arão não soube esperar Moisés descer do monte. O povo queria um
Deus para enxergar, como o tinham os egípcios. Ao invés de construírem um Templo com as riquezas
que trouxeram do Egito, para Deus, construíram um bezerro de ouro para adorar.
Deus havia prometido uma terra onde manaria leite e mel e no entanto, eles acabaram morrendo no
deserto por não esperar no Senhor.
“Bom é esperar no Senhor e em silêncio.”
O futuro pode ser roubado por satanás ou tirado por Deus. Satanás nos induz ao erro, como fez com
Davi, com Salomão, com Gideão. Leva as pessoas a cometerem abominações espirituais e acabam com
o futuro roubado.
Assim como Neemias, precisamos:
a-enxergar, b-sentir, c-antever
José estava no poço, mas mesmo naquele lugar ele enxergava que iria chegar em lugares honrados,
porque sabia que Deus lhe havia mostrado em sonhos um futuro de bênçãos. Poderia ter desistido de
lutar no poço, na casa de Potifar, na cadeia, mas não, continuou crendo.
Lá no fundo do poço José já era o 2º no Egito, o primeiro ministro do Egito.
Neemias já enxergava em sua visão da fé a cidade de Jerusalém totalmente reconstruída.
Is.53:10-12-“Todavia, foi da vontade do Senhor esmagá-lo, fazendo-o enfermar; quando ele se puser
como oferta pelo pecado, verá a sua posteridade, prolongará os seus dias, e a vontade do Senhor
prosperará nas suas mãos.
11 Ele verá o fruto do trabalho da sua alma, e ficará satisfeito; com o seu conhecimento o meu servo
justo justificará a muitos, e as iniqüidades deles levará sobre si.
12 Pelo que lhe darei o seu quinhão com os grandes, e com os poderosos repartirá ele o despojo;
porquanto derramou a sua alma até a morte, e foi contado com os transgressores; mas ele levou sobre si
o pecado de muitos, e pelos transgressores intercedeu.”
Nós somos o futuro que Jesus enxergou ao aceitar a missão de vir a esta terra. Nós somos o resultado
do penoso trabalho de Cristo.
Quando o diabo viu Jesus na cruz ele não sabia que ali estava a vitória da Igreja.
I Jo.3:9-“Aquele que é nascido de Deus não peca habitualmente; porque a semente de Deus permanece
nele, e não pode continuar no pecado, porque é nascido de Deus.”
Quem é nascido de Deus sabe que nada pode ser comparado à glória futura.
Pv.23:18-“Porque deveras terás uma recompensa; não será malograda a tua esperança.”
Is.44:7-8-“Quem há como eu? Que o proclame e o exponha perante mim! Quem tem anunciado desde
os tempos antigos as coisas vindouras? Que nos anuncie as que ainda hão de vir.
8 Não vos assombreis, nem temais; porventura não vo-lo declarei há muito tempo, e não vo-lo
anunciei? Vós sois as minhas testemunhas! Acaso há outro Deus além de mim? Não, não há Rocha; não
conheço nenhuma.”

12 grandes ações que garantem o futuro:


1-Semear a vida.
2-Enxergar no espírito o que Deus tem para fazer em nossa vida.
3-Disposição para que isto aconteça.
4-Lutar pelo futuro.
5-Trabalhar pela família e pelo Senhor.
6-Não praticar usura com os irmãos, não se beneficiando do irmão.
7-Não parar a obra de Deus em nossa vida, por nada.
8-Ser fiel nos dízimos e nas ofertas.
9-Limpar-se espiritualmente.
10-Limpar-se financeiramente.
11-Governar.
12-Olhar para o amanhã, não andando por vista, mas por fé.

12 bênçãos apostólicas que você vai receber vivendo em Igreja:

1-Família salva e restaurada.


2-Ver homens e mulheres transformados milagrosamente.
3-Pessoas capacitadas pela força e poder de Deus.
Dn.1:20-“E em toda matéria de sabedoria e discernimento, a respeito da qual lhes perguntou o rei, este
os achou dez vezes mais doutos do que todos os magos e encantadores que havia em todo o seu reino.”
4-Pessoas resgatadas das cinzas, vivendo em honra.
Ageu 2:9-“A glória desta última casa será maior do que a da primeira, diz o Senhor dos exércitos; e
neste lugar darei a paz, diz o Senhor dos exércitos.”
6-Pessoas honradas e prósperas.
Joel 2:27-“Vós, pois, sabereis que eu estou no meio de Israel, e que eu sou o Senhor vosso Deus, e que
não há outro; e o meu povo nunca mais será envergonhado.”
7-Viver a constituição a nós reservada.
I Pd.-reis e sacerdotes
8-Construir o que até então não foi construído, como Noé-nunca ninguém havia construído uma arca.
9-Viver o que foi sonhado.
10-Andar em uma dimensão espiritual apostólica do 3º céu-foi o que Paulo viveu.
11-Futuro de conquistas-Calebe desejou o Monte para ele e para seus filhos.
12-Viver a mais poderosa e ampla restauração. Jesus vem buscar uma Igreja sem mancha, nem ruga
nem mácula.

O governo apostólico da Igreja de Jesus Cristo

Ne. 5:13-14
“Também sacudi as minhas vestes, e disse: Assim sacuda Deus todo o homem da sua casa e do seu
trabalho que não confirmar esta palavra, e assim seja sacudido e vazio. E toda a congregação disse:
Amém! E louvaram ao SENHOR; e o povo fez conforme a esta palavra.
14 Também desde o dia em que me mandou que eu fosse seu governador na terra de Judá, desde o ano
vinte, até ao ano trinta e dois do rei Artaxerxes, doze anos, nem eu nem meus irmãos comemos o pão
do governador.”

A Palavra nos leva a revelações de que Neemias governou por 12 anos, um período apostólico.
12 apóstolos, 12 tribos.
Satanás que conduziu as pessoas para o lado contrário da constituição de Deus para nossas vidas.
Mt. 15:18,19 – “Mas, o que sai da boca, procede do coração, e isso contamina o homem.
19 Porque do coração procedem os maus pensamentos, mortes, adultérios, prostituição, furtos, falsos
testemunhos e blasfêmias.”
Jesus falou com Pedro em Cesaréia de Felipo, onde adoravam o deus Pã, em Banias.
Existem 2 governos: de satanás e da Igreja de Cristo. Contra a minha igreja as portas do inferno não
prevalecerão. Satanás comanda o mundo, mas não a Igreja.
Este governo espiritual, Deus deu para (Gn. 1:2,8) o homem. O homem dominava animais ferozes com
autoridade, mas satanás sabia que o homem foi criado para governar e tentou tirar através do pecado do
desobediência, este governo.
No Éden, o homem perdeu este governo espiritual, mas Jesus resgatou este governo.
I Sm. 8
O povo estava sendo governado por juízes e profetas, e pediram um governo do rei.
Deus diz que eles ficariam subjugados àquele rei que estavam pedindo. Mesmo com este ônus,
desprezaram o governo espiritual.
I Sm. 8 é a descrição profética do que acontece com a Igreja. Temos um rei que é Jesus, mas muitas
vezes somos governados pelas nossas deformações.
Neemias entendeu que a única maneira de conquistar aquela obra seria através de um governo
apostólico. Ele se levantou na força do Senhor, honrou a Deus e fez a vontade do Senhor.
Is. 9:6 – “Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros
(...).”
Este é o governo espiritual que está sobre os ombros de Jesus.
Mt. 11:30 – “Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.”
Receber o jugo de Jesus significa receber o governo de Jesus na nossa vida. Sobre os seus ombros está
o governo de Jesus.
A Igreja não tem modelo humano, mas I Co. 12:28, que diz “E a uns pôs Deus na igreja, primeiramente
apóstolos, em segundo lugar profetas, em terceiro doutores, depois milagres, depois dons de curar,
socorros, governos, variedades de línguas” tem um governo espiritual.
Governador é um dom de Deus que está sobre a Igreja de Jesus; é o modelo de Jesus que nos dá
autoridade.
A Igreja ao invés de governar, ela é governada. Precisamos ir para um novo nível de autoridade para
governar. Este modelo de autoridade vai nos dar:
1) Dominar e guerrear:
Gn. 4:7 – “Se bem fizeres, não é certo que serás aceito? E se não fizeres bem, o pecado jaz à porta, e
sobre ti será o seu desejo, mas sobre ele deves dominar.”

Gl. 5:22 – “Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé,
mansidão, temperança.”

Tg. 4:1 – “DE onde vêm as guerras e pelejas entre vós? Porventura não vêm disto, a saber, dos vossos
deleites, que nos vossos membros guerreiam?”

A guerra que está em nosso interior é demoníaca, da falta de domínio. Caim foi avisado: o teu desejo é
contra ti, cabe a ti dominá-lo.
A maioria das pessoas caem no pecado porque são indisciplinadas como instrumentos de satanás que as
faz deixar de dominar.
Você precisa governar suas finanças, a carne sexualmente, as vontades, o nervosismo.
O homem de Deus é diferenciado porque é governado pelo Senhor e tem autoridade nos seus ombros
para o comando, o governo.
Não podemos banalizar o arrependimento, o perdão.
Até nas coisas da igreja precisamos de disciplina e domínio. Os mulçumanos são um exemplo de
disciplina.
Precisamos nos submeter à vontade de Deus e não alimentar as deformações da carne.
Satanás induziu Adão e Eva a perderem o domínio, mas Jesus, na cruz do calvário, resgatou o domínio
para a Igreja.
Temos que ser diferenciados em nossas características. Quem não tem sucesso não tem governo sobre a
sua vida e nem espírito empreendedor e realizador.
Quando Jesus foi tentado no deserto, ele foi como homem e não comeu por 40 dias. Satanás ofereceu
comida e Jesus teve domínio, fazendo a vontade de Deus. Satanás foi humilhado.
Exemplo: cigarro. As pessoas não conseguem deixar de fumar, pois satanás as escraviza. Mesmo
sabendo que dá câncer, não conseguem dominar.
Nada pode lhe dominar se você assumir o governo apostólico. Temos tribulações, mas sabemos que vão
passar e teremos vitória. Não somos escravos do pecado, nos levantamos diante dos muros caídos
sabendo que tudo vai mudar por causa da constituição e governo do Senhor na nossa vida.
2) Este governo nos é entregue espiritualmente.
Mc. 16:15 – "E disse-lhes: Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura."
Temos o poder realizador para nos movermos no espírito. Só Deus e o homem têm o governo espiritual.
Satanás é um anjo e os anjos não receberam governo espiritual (eles são espíritos ministradores que
recebem ordem do Senhor; eles são comissionados para missões especificas).
Satanás veio para roubar, matar e destruir, e não tem governo espiritual.
Em Rm. 16:20 diz que "E o Deus de paz em breve esmagará a Satanás debaixo dos vossos pés. A graça
de nosso Senhor Jesus Cristo seja convosco."
A Igreja precisa colocar satanás debaixo dos nossos pés.
Não podemos nos relacionar com medo aos demônios. Demônios não têm governo, são mandados por
Deus e pelos homens.
Na macumbaria, os demônios são mandados por homens e trazem destruição.
Temos autoridade para ordenar demônios embora em nome de Jesus. Satanás gostaria de ter este dom,
mas não tem.
O ungido de Deus é diferenciado pelas atitudes e onde está, ali existe a unção de autoridade.
Esta autoridade nos leva a caminhos mais elevados. Satanás é usurpador e tem usado um poder que não
é dele.
Quando você exerce este governo você recebe:
1) Todo o suprimento para a obra que você necessita.
2) Você recebe este poder para desfazer todas as mentiras espirituais.
3) Limpar toda estrangeirice.
4) Quando você coloca ânimo na sua vida. Restaurado no Senhor.
5) Exerço este mover para realizar o impossível. Não é mais para chorar e olhar ruínas, é para realizar.
6) Traz autoridade que os outros tremem de ver Deus na sua vida.
7) Você sobe patamares não conhecidos. Estamos renovados para a conquista.
8) Você faz como Neemias e se desliga de governos anteriores, tem autonomia. Gl. 5:1 – "Para a
liberdade Cristo nos libertou; permanecei, pois, firmes e não vos dobreis novamente a um jogo de
escravidão."
9) Você tem soberania restituída. Estamos assentados nos lugares celestiais em Cristo Jesus.
10) Você exerce o topo de autoridade deste tempo. A escrava hebréia disse a Naamã que lá em Israel
havia Deus.
11) Ser honrado na Palavra Profética. Is. 54. A palavra sai de nossa boca e faz prosperar os nossos
caminhos.
12) Você vive o governo espiritual de uma restauração completa e nunca imaginada.

Construir em cima dos nossos sonhos

Ne. 6:15-19
"15 Acabou-se, pois, o muro aos vinte e cinco do mês de elul, em cinqüenta e dois dias.
16 Quando todos os nosso inimigos souberam disso, todos os povos que havia em redor de nós
temeram, e abateram-se muito em seu próprio conceito; pois perceberam que fizemos esta obra com o
auxílio do nosso Deus.
17 Além disso, naqueles dias o nobres de Judá enviaram muitas cartas a Tobias, e as cartas de Tobias
vinham para eles.
18 Pois muitos em Judá estavam ligados a ele por juramento, por ser ele genro de Secanias, filho de
Ará, e por haver seu filho Joanã casado com a filha de Mesulão, filho de Berequias.
19 Também as boas ações dele contavam perante mim, e as minhas palavras transmitiam a ele. Tobias,
pois, escrevia cartas para me atemorizar."

Ne. 8:9,10
"9 Também viste a aflição de nossos pais no Egito, e ouviste o seu clamor junto ao Mar Vermelho;
10 e o operaste sinais e prodígios contra Faraó; e contra todos os seus servos, e contra todo o povo da
sua terra; pois sabias com que soberba eles os haviam tratado; e assim adquiriste renome, como hoje se
vê."
A disposição em uma vontade de Deus realizadora, levou Neemias a construir em cima de seus sonhos.
Este é o desafio que o Espírito Santo coloca na vida daqueles que são chamados vasos de honra.
No Sl. 139 diz que o Senhor criou você desde o ventre da sua mãe. Satanás quer macular os vasos de
Deus. Belsazar pediu as coisas consagradas do Senhor para a promiscuidade e foi pesado por Deus, que
declarou a sua morte.
Rm. 9:21 – " Ou não tem o oleiro poder sobre o barro, para da mesma massa fazer um vaso para uso
honroso e outro para uso desonroso?"
O oleiro tem este poder, e nos fez vasos de honra.
Satanás sabe que esta unção é derramada sobre nós e deseja impossibilitar esta construção.
Se você deseja construir para você não será uma edificação verdadeira, mas se for Deus Ele fará. Deus
não dá a sua glória a homens.

1. Neemias sonhou em estar em Jerusalém.


2. Desejou construiu em cima dos sonhos, e isto dependia das ações e atitudes de Neemias.

Nossas ações nos impedem de construir em cima de sonhos, pois a indignidade, a malignidade vem
enredando com pequenez, egoísmo e carnalidade.
Se formos fiéis no pouco, sem desprezar os pequenos começos, não teremos dentro de nós espírito de
ingratidão. Deus nos dá além do que merecemos e é paciente conosco. Não podemos desistir por
posições carnais. Precisamos cuidar para termos posicionamentos diferentes dos ímpios, com
profundidade e não com meninices.
Construir em cima dos sonhos é:
1. Construir em cima da Rocha.
Mt. 7:24-27 – “Todo aquele, pois, que ouve estas minhas palavras e as põe em prática, será comparado
a um homem prudente, que edificou a casa sobre a rocha.
25 E desceu a chuva, correram as torrentes, sopraram os ventos, e bateram com ímpeto contra aquela
casa; contudo não caiu, porque estava fundada sobre a rocha.
26 Mas todo aquele que ouve estas minhas palavras, e não as põe em prática, será comparado a um
homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia.
27 E desceu a chuva, correram as torrentes, sopraram os ventos, e bateram com ímpeto contra aquela
casa, e ela caiu; e grande foi a sua queda.”
Sobre o que estamos construindo? Construir sobre a rocha é ter santidade; é ter valores espirituais,
saber esperar o tempo de Deus para que o demônio não derrube.
Pode estar tudo difícil, mas Deus vai mostrar a você a construção, pois por enquanto é só a estaca, a
torre já vai aparecer.
Ne. 4:3 – "Ora, estava ao lado dele Tobias, o amonita, que disse: Ainda que edifiquem, vindo uma
raposa derrubará o seu muro de pedra."
Nenhuma raposa vai derrubar o que está sendo construído em cima da rocha.
2. Construir em cima dos fundamentos apostólicos
Com doze estacas apostólicas nós poderemos ver a construção que não balança.
Ef. 2:19,20 – "(...) 19 e conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais
cheios até a inteira plenitude de Deus.
20 Ora, àquele que é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que pedimos
ou pensamos, segundo o poder que em nós opera (...)."
A pedra angular não permitirá que você balance, pois você já tem profetizado poder, autoridade com
estrutura que o diabo não pode derrubar.
Para ter estacas precisamos:
a) Água para amolecer a terra: Jesus vai amolecer as áreas, tirando a resistência;
b) Areia e cimento: o Espírito Santo dará consistência. Pó da terra: o homem.
Nada poderá derrubar esta construção.
3. Edificar para Deus
II Sm. 7:2,3 – "(...) 2 disse ele ao profeta Natã: Eis que eu moro numa casa de cedro, enquanto que a
arca de Deus dentro de uma tenda. 3 Respondeu Natã ao rei: Vai e faze tudo quanto está no teu coração,
porque o Senhor é contigo."

Davi não se conformava em ter uma casa boa e Deus não ter. Deus disse que o sonho seria realizado
através de seu filho Salomão.
I Rs. 3: 6-13 – "Respondeu Salomão: De grande benevolência usaste para com teu servo Dai, meu pai,
porquanto ele andou diante de ti em verdade, em justiça, e em retidão de coração para contigo; e
guardaste-lhe esta grande benevolência, e lhe deste um filho, que se assentasse no seu trono, como se
vê neste dia.
7 Agora, pois, ó Senhor meu Deus, tu fizeste reinar teu servo em lugar de Davi, meu pai. E eu sou
apenas um menino pequeno; não sei como sair, nem como entrar.
8 Teu servo está no meio do teu povo que elegeste, povo grande, que nem se pode contar, nem numerar,
pela sua multidão.
9 Dá, pois, a teu servo um coração entendido para julgar o teu povo, para que prudentemente discirna
entre o bem e o mal; porque, quem poderia julgar a este teu tão grande povo?
10 E pareceu bem aos olhos do Senhor o ter Salomão pedido tal coisa.
11 Pelo que Deus lhe disse: Porquanto pediste isso, e não pediste para ti muitos dias, nem riquezas,
nem a vida de teus inimigos, mas pediste entendimento para discernires o que é justo,
12 eis que faço segundo as tuas palavras. Eis que te dou um coração tão sábio e entendido, que antes de
ti teu igual não houve, e depois de ti teu igual não se levantará.
13 Também te dou o que não pediste, assim riquezas como glória; de modo que não haverá teu igual
entre os reis, por todos os teus dias."
Ne. 2:3 – "(...) e disse ao rei: Viva o rei para sempre! Como não há de estar triste o meu rosto, estando
na cidade, o lugar dos sepulcros de meus pais, assolada, e tendo sido consumidas as suas portas pelo
fogo?"
Deus está lhe capacitando para construir, porque teus valores são espirituais. Muitos querem construir
para si e perdem a oportunidade.

– 12 capacitações apostólicas para construir em cima dos sonhos:


1. Sabedoria
Is. 11: 2 – "E repousará sobre ele o Espírito do Senhor, o espírito de sabedoria e de entendimento, o
espírito de conselho e de fortaleza, o espírito de conhecimento e de temor do Senhor."
Dn. 1:10 – "E disse o chefe dos eunucos a Daniel: Tenho medo do meu senhor, o rei, que determinou a
vossa comida e a vossa bebida; pois veria ele os vossos rostos mais abatidos do que os dos outros
jovens da vossa idade? Assim poríeis em perigo a minha cabeça para com o rei."
At. 6:10 – "(...) e não podiam resistir à sabedoria e ao Espírito com que falava."
I Rs. 3:12 – "(...) eis que faço segundo as tuas palavras. Eis que te dou um coração tão sábio e
entendido, que antes de ti teu igual não houve, e depois de ti teu igual não se levantará."
2. Intrepidez
Paulo e o rei Agripa
At. 26:28 – "Disse Agripa a Paulo: Por pouco me persuades a fazer-me cristão."
Paulo falou com autoridade diante do rei, que o rei Agripa quase se converteu. Ele falou cheio do
Espírito Santo.
João Batista pregava com intrepidez: é chegado o Reino de Deus.
4. Determinação
Daniel na Babilônia disse que não iria se contaminar.
A mulher com fluxo de sangue foi determinada para tocar nas vestes de Jesus e foi curada.
4. Prosperidade
Ninguém constrói se não for próspero. Temos que ser agradecidos, mas não satisfeitos e acomodados.
Rm. 12:1 – "Rogo-vos pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos como
um sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional."
Na Casa de Deus não existem mortos e falidos.
5. Obediência
I Rs. 2:3 – "Guarda as ordenanças do Senhor teu Deus, andando nos seus caminhos, e observando os
seus estatutos, os seus mandamentos, os seus preceitos e os seus testemunhos, como está escrito na lei
de Moisés, para que prosperes em tudo quanto fizeres e por onde quer que fores (...)."
At. 26:19 – "(...) o que, com efeito, fiz em Jerusalém. Pois havendo recebido autoridade dos principais
dos sacerdotes, não somente encerrei muitos dos santos em prisões, como também dei o meu voto
contra eles quando os matavam."
Ne. 4: 2 – "(...) Vivificarão dos montões de pó as pedras que foram queimadas?"
Deus tem nos dado a visão para todos serem transformados pelo poder de Deus.
6. Liberal
Tenha o dom do liberal que dá com liberalidade.
7. Guerreiro
Davi e Josué. Não seja covarde nas lutas, não tenha medo das dificuldades.
Só constrói quem está na guerra.
Ef. 6:10-18 – " Finalmente, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu poder.
11 Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para poderdes permanecer firmes contra as ciladas do
Diabo;
12 pois não é contra carne e sangue que temos que lutar, mas sim contra os principados, contra as
potestades, conta os príncipes do mundo destas trevas, contra as hostes espirituais da iniqüidade nas
regiões celestes.
13 Portanto tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo,
permanecer firmes.
14 Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestida a couraça da justiça,
15 e calçando os pés com a preparação do evangelho da paz,
16 tomando, sobretudo, o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do
Maligno.
17 Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus;
18 com toda a oração e súplica orando em todo tempo no Espírito e, para o mesmo fim, vigiando com
toda a perseverança e súplica, por todos os santos (...)."
Somos chamados para luta. Neemias colocou uma mão na espada e outra na obra.
Corte os laços com o diabo. Vá contra o gigante cheio do poder do Senhor dos Exércitos.
8. Capacitação do amor
I Cr. 29: 3 – " Além disso, porque pus o meu afeto na casa de meu Deus, o ouro e prata particular que
tenho, eu o dou para a casa do meu Deus, afora tudo quanto tenho preparado para a casa do santuário
(...)."
Só constrói em cima dos sonhos se tiver amor. Tenha mais amor ao próximo, abençoando uns aos
outros.
9. Discernimento
Ne. 6:10-12 – "Fui à casa de Semaías, filho de Delaías, filho de Meetabel, que estava em recolhimento;
e disse ele: Ajuntemo-nos na casa de Deus, dentro do templo, e fechemos as suas portas, pois virão
matar-te; sim, de noite virão matar-te.
11 Eu, porém, respondi: Um homem como eu fugiria? e quem há que, sendo tal como eu, possa entrar
no templo e viver? De maneira nenhuma entrarei.
12 E percebi que não era Deus que o enviara; mas ele pronunciou essa profecia contra mim, porquanto
Tobias e Sambalate o haviam subornado."
Neemias soube discernir que aquela profetiza não era de Deus.
I Co. 2:14 – "Ora, o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque para ele são
loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.
15 Mas o que é espiritual discerne bem tudo, enquanto ele por ninguém é discernido."
10. Disciplina
Indisciplina é deixar de fazer o que se tem que fazer.
Is. 6:8 – "(...) Eis-me aqui, envia-me a mim."
Neemias teve disciplina e construiu o muro que era o seu objetivo.
11. Persistência
Calebe tinha persistência (Js. 14). Já fazia 45 anos de sua promessa e, como não desistiu, ele foi atrás
da possessão de terra que seria para os seus filhos e conquistou.
Você ainda vai colocar os seus pés no monte da sua promessa.
12 . Capacitação de homem apostólico
Dia após dia Deus fez uma revolução em Atos e vai continuar na sua vida, as águas vão se mover.
II Co. 12:12 – "Os sinais do meu apostolado foram, de fato, operados entre vós com toda a paciência,
por sinais, prodígios e milagres."
Estas são as credenciais do apostolado.
Rm. 4:17 – "(...) Deus, que vivifica os mortos, e chama as coisas que não são, como se já fossem."

6° Pilar - Resgate da Alegria


Ne. 8:13 – "Ora, no dia seguinte ajuntaram-se os cabeças das casas paternas de todo o povo, os
sacerdotes e os levitas, na presença de Esdras, o escriba, para examinarem as palavras da lei (...)."
Et. 9:21-26 – "(...) ordenando-lhes que guardassem o dia catorze do mês de adar e o dia quinze do
mesmo, todos os anos,
22 como os dias em que os judeus tiveram repouso dos seus inimigos, e o mês em que se lhes mudou a
tristeza em alegria, e o pranto em dia de festa, a fim de que os fizessem dias de banquetes e de alegria, e
de mandarem porções escolhidas uns aos outros, e dádivas aos pobres.
23 E os judeus se comprometeram a fazer como já tinham começado, e como Mordecai lhes tinha
escrito;
24 porque Hamã, filho de Hamedata, o agagita, o inimigo de todos os judeus, tinha intentado destruir os
judeus, e tinha lançado Pur, isto é, a sorte, para os assolar e destruir;
25 mas quando isto veio perante o rei, ordenou ele por cartas que o mau intento que Hamã formara
contra os judeus recaísse sobre a sua cabeça, e que ele e seus filhos fossem pendurados na forca.
26 Por isso aqueles dias se chamaram Purim, segundo o nome Pur. portanto, por causa de todas as
palavras daquela carta, e do que tinham testemunhado nesse sentido, e do que lhes havia sucedido (...)."

Existe a alegria da carne que é a euforia por situações. A alegria espiritual independe das
circunstâncias, permanece em nós e nos fortalece.
Satanás trabalha impedindo que a alegria venha para o seu interior.
Jo.4 - Aquela mulher samaritana era triste, teve cinco maridos e era infeliz.
Deus não criou o homem triste e deprimido, mas com capacidade renovadora.
Amargura e tristeza separam as pessoas de Deus. Adão e Eva ficaram tristes e amargurados, separando-
se do Senhor.

1. Separando o homem de Deus através do pecado.


Is. 59:2 – "(...) mas as vossas iniqüidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos
pecados esconderam o seu rosto de vós, de modo que não vos ouça."
Os pecados encobrem o rosto de Deus para que Ele não nos ouça.
Sl. 51 - "Senhor, torna-me a dar alegria da salvação."
Quando a alegria da salvação é tirada, o homem vive a apostasia.
I Tm. 4:1 – "Mas o Espírito expressamente diz que em tempos posteriores alguns apostatarão da fé,
dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios (...)."
Esfriamento e distanciamento de Deus. Sem a alegria da salvação a nossa vida perde o sentido.

2. Satanás leva a pessoa a viver a derrota que é contrária à vontade de Deus.


Existe pessoa que não conseguem ter vitória contra o pecado e a pessoa vive presa a satanás.
Precisamos estar presos a Deus porque Ele é a nossa alegria e nos tira da derrota.
Ap. 2:17 – "Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas. Ao que vencer darei do maná
escondido, e lhe darei uma pedra branca, e na pedra um novo nome escrito, o qual ninguém conhece
senão aquele que o recebe."
Deus tem mistérios reservados para aqueles que vencem.
Davi enquanto estava debaixo do adultério tornou-se triste e abatido, mas quando se colocou diante de
Deus, este o transformou.

3. Impede-nos de assumir a nossa filiação.


Rm. 8:15,16 – "Porque não recebestes o espírito de escravidão, para outra vez estardes com temor, mas
recebestes o espírito de adoção, pelo qual clamamos: Aba, Pai!
16 O Espírito mesmo testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus (...)."
Somos filhos, herdeiros e co-herdeiros com Jesus. Satanás quer que sejamos bastardos, mas somos
filhos.

4. Rouba a alegria do coração, quando andamos fora dos estatutos e propósitos de Deus.
O homem que anda nos estatutos e na presença do Senhor se realiza pessoalmente e no Senhor.
Ne. 8 – A alegria do Senhor é a nossa força. É a alegria do Senhor que á força, é um dom irrevogável
que Ele derrama sobre o seu servo. É um dom que fortalece, faz saltar muralhas, fazendo-lhe forte para
esmagar satanás.
Satanás quer nos descaracterizar, trazendo assolação, miséria e opróbrio. Satanás quer nos colocar na
maldição do Pur (sorte sobre a pessoa para que ela fosse destruída, assolada). Era um jogo de sorte que
existia na Pérsia.
Et. 9
Ef.4:30,31 - " E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual fostes selados para o dia da
redenção.
31 Toda a amargura, e cólera, e ira, e gritaria, e blasfêmia sejam tiradas dentre vós, bem como toda a
malícia."
Entristeço o Espírito Santo quando peco ou perco a alegria da salvação.
O religioso não consegue conviver com a alegria espiritual; ele não tem forças para ter esta alegria.
Quem está preso não tem este dom.
Sl. 137:1 – "Junto aos rios de Babilônia, ali nos assentamos e nos pusemos a chorar, recordando-nos de
Sião."
Quem está cativo não consegue ter a liberdade do Espírito Santo. Os resgatados, no entanto, voltarão a
Sião com júbilo. Nós fomos resgatados!
A alegria é a marca de reconstrução, de sairmos da miséria e opróbrio.
Este dom traz:
1. Alegria de volta
I Rs. 6:14-19 - "Salomão, pois, edificou aquela casa, e a acabou.
15 Também cobriu as paredes da casa por dentro com tábuas de cedro; desde o soalho da casa até e
teto, tudo cobriu com madeira por dentro; e cobriu o soalho da casa com tábuas de cipreste.
16 A vinte côvados do fundo da casa fez de tábuas de cedro uma divisão, de altura igual à do teto; e por
dentro a preparou para o oráculo, isto é, para a lugar santíssimo.
17 E era a casa, isto é, o templo fronteiro ao oráculo, de quarenta côvados de comprido.
18 O cedro da casa por dentro era lavrado de botões e flores abertas; tudo era cedro; pedra nenhuma se
via.
19 No meio da casa, na parte mais interior, preparou o oráculo, para pôr ali a arca do pacto do Senhor."

Davi pegou a arca e a glória de Israel estava de volta. Agora Israel seria respeitada pelos inimigos,
porque a glória estava de volta.
Jesus não habita em um túmulo. Por isso, nossa igreja, nossa casa não pode ter pranto, tristeza.
Mical estava cheia de tristeza e de religiosidade e Davi estava cheio da alegria do Senhor.

2. Foi quebrada a condenação e a cédula de dívida que tinha contra nós.


Satanás gostaria que você estivesse em um prostíbulo, nas drogas, na tristeza, mas Jesus nos colocou
em liberdade.
Et. 3:13 – "Entiaram-se as cartas pelos correios a todas províncias do rei, para que destruíssem,
matassem, e fizessem perecer todos os judeus, moços e velhos, crianças e mulheres, em um mesmo dia,
a treze do duodécimo mês, que é o mês de adar, e para que lhes saqueassem os bens."
Amã fez assinar uma lei que o povo de Deus seria exterminado, fazendo a alegria de Satanás, mas Deus
deu o escape.
Cl. 2:13-15 – "(...) e a vós, quando estáveis mortos nos vossos delitos e na incircuncisão da vossa carne,
vos vivificou juntamente com ele, perdoando-nos todos os delitos;
14 e havendo riscado o escrito de dívida que havia contra nós nas suas ordenanças, o qual nos era
contrário, removeu-o do meio de nós, cravando-o na cruz;
15 e, tendo despojado os principados e potestades, os exibiu publicamente e deles triunfou na mesma
cruz."
I Co. 15:55 – "Onde está, ó morte, a tua vitória? Onde está, ó morte, o teu aguilhão?"

Somos o povo mais feliz da terra.


Et. 9:16 – "Da mesma sorte os demais judeus que se achavam nas províncias do rei se reuniram e se
dispuseram em defesa das suas vidas, e tiveram repouso dos seus inimigos, matando dos que os
odiavam setenta e cinco mil; porém ao despojo não estenderam a mão.”
A Igreja de Cristo é a Igreja da ressurreição. Nosso lugar não é no túmulo, mas no trono.

3. Alegria pela obra impossível que foi realizada.


Todas as dificuldades estavam presentes na reconstrução dos muros de Jerusalém, mas Deus interferiu e
a obra foi realizada em 52 dias.
No tempo de Deus, a obra será realizada. Por isso, não pode permanecer a tristeza, mas regozijo pela fé.
O Espírito Santo mantém esta arma acesa em seu espírito.
Gl. 5:22 – "Mas o fruto do Espírito é: o amor, o gozo, a paz, a longanimidade, a benignidade, a
bondade, a fidelidade." Mas o fruto do Espírito é: o amor, o gozo, a paz, a longanimidade, a
benignidade, a bondade, a fidelidade.
O fruto do Espírito Santo é a alegria, porque Deus criou a alegria para nós.
Is. 65:18 – "Pois eu conheço as suas obras e os seus pensamentos; vem o dia em que ajuntarei todas as
nações e línguas; e elas virão, e verão a minha glória."
A alegria traz uma caminhada apostólica de vitória.
Seja fiel no pouco, porque Deus colocará você no muito. Alegre-se em todas as situações.

A caminhada apostólica nos dá:


1. Dupla honra e perpétua alegria:
Js. 61: 7 –“7 Em lugar da vossa vergonha, haveis de ter dupla honra; e em lugar de opróbrio exultareis
na vossa porção; por isso na sua terra possuirão o dobro, e terão perpétua alegria.”

2. Longevidade
Is. 65

3. Não vive em meio a clamor de desespero e pronto.


Você vai comemorar o Purim, o opróbrio do Pur foi quebrado.
Sl. 89 – Nossa boca haverá som festivo.

4. Deus vai fazer eu habitar e edificar o fruto daquilo que realizei.


Ec. 5:19 – " E quanto ao homem a quem Deus deu riquezas e bens, e poder para desfrutá-los, receber o
seu quinhão, e se regozijar no seu trabalho, isso é dom de Deus."

5. Você não vai plantar para outros colherem.


Is. 65:22 – "Não edificarão para que outros habitem; não plantarão para que outros comam; porque os
dias do meu povo serão como os dias da árvore, e os meus escolhidos gozarão por longo tempo das
obras das suas mãos (...)."

6. Você não trabalhará em vão e não terá filhos para calamidade.


7. Antes de clamar será ouvido.
Is. 65:24 – "E acontecerá que, antes de clamarem eles, eu responderei; e estando eles ainda falando, eu
os ouvirei."
8. Ter sossego de todos os inimigos.
Et. 9:22 – "(...) como os dias em que os judeus tiveram repouso dos seus inimigos, e o mês em que se
lhes mudou a tristeza em alegria, e o pranto em dia de festa, a fim de que os fizessem dias de banquetes
e de alegria, e de mandarem porções escolhidas uns aos outros, e dádivas aos pobres."
O inimigo não vai nos perturbar e vamos descansar, pois Deus vai cuidar daqueles que satanás
potencializa e já estão debaixo dos nossos pés.

9. Alegria que é força trará prosperidade para repartir.


Porções gordas, bebidas fortes. O Espírito Santo nos dá honra.

10. Teremos a alegria da salvação.


Jesus enviou os 70 discípulos e voltaram alegres, mas Jesus disse que deveríamos nos alegrar pelo
nome escrito na eternidade.
Ef.1:3 – "Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as
bênçãos espirituais nas regiões celestes em Cristo (...)."
Temos que viver a vida abundante.

11. Traz a esperança no coração que nos confunde.


Sl. 119:116 – "Ampara-me conforme a tua palavra, para que eu viva; e não permitas que eu seja
envergonhado na minha esperança."
12. Ser uma família restaurada pela obra de reconstrução do Senhor.
Fp. 4:4 – "Regozijai-vos sempre no Senhor; outra vez digo, regozijai-vos."

A limpeza das contaminações

Ne. 13:4-9

“4 Ora, antes disto, Eliasibe, sacerdote, que presidia sobre a câmara da casa do nosso Deus, se tinha
aparentado com Tobias;
5 E fizera-lhe uma câmara grande, onde dantes se depositavam as ofertas de alimentos, o incenso, os
utensílios, os dízimos do grão, do mosto e do azeite, que se ordenaram para os levitas, cantores e
porteiros, como também a oferta alçada para os sacerdotes.
6 Mas durante tudo isto não estava eu em Jerusalém, porque no ano trinta e dois de Artaxerxes, rei de
Babilônia, fui ter com o rei; mas após alguns dias tornei a alcançar licença do rei.
7 E voltando a Jerusalém, compreendi o mal que Eliasibe fizera para Tobias, fazendo-lhe uma câmara
nos pátios da casa de Deus.
8 O que muito me desagradou; de sorte que lancei todos os móveis da casa de Tobias fora da câmara.
9 E, ordenando-o eu, purificaram as câmaras; e tornei a trazer para ali os utensílios da casa de Deus,
com as ofertas de alimentos e o incenso.”

Neemias promoveu uma limpeza financeira no povo de Israel. A vontade de Deus para a nossa vida
financeira é que haja uma transformação interior com uma limpeza.
A limpeza financeira era um complemento da restauração que Deus estava fazendo naquele povo que
estava contaminado. Precisamos nos limpar das contaminações.
Neemias obedeceu a princípios espirituais para que acontecesse a limpeza.
1) Identificar qual a origem da maldição que estava sobre o povo. (v.4).
Precisamos identificar a origem da maldição da amarração da vida financeira.
Muitos têm potencial, mas não prosperam. O Brasil foi consagrado ao catolicismo, matando os índios e
roubando o ouro desta terra. Precisamos conhecer esta origem para não estarmos na condição deste
mundo.
Eliasibe, o sacerdote, se aparentou com Tobias. Pegou da câmara que alimentava os sacerdotes e deixou
Tobias naquele lugar, deixando os sacerdotes na miséria. O diabo consome e se alimenta desta
maldição.
2) Desalojou o posseiro do lugar santo. (v. 8)
Neemias sabia que precisava romper e para isto teria que ser na autoridade enérgica. Ele se indignou e
atirou os móveis para fora da Câmara. Não podemos habitar com o inimigo.
O diabo não pode habitar o lugar de suprimento.
3) Purificou o lugar santo com ofertas.
A falta de santidade é religiosidade de Tobias.
Neemias pegou o lugar contaminado e purificou com ofertas. Neemias obedeceu com um princípio
espiritual: colocar ofertas santas no que estava contaminado.
4) Promoveu um conserto com todos os que trabalhavam na casa de Deus. ( vv. 10-12)
Neemias pagou tudo com as porções necessárias. Os levitas e sacerdotes voltaram e o povo também
voltou a ofertar. Não podemos ter pendências quando queremos limpeza espiritual.
Isto iniciou um novo tempo, que os transformou de opróbrios em honrados, a grande vergonha se
transformou em honra.
Para cada dia de vergonha dupla de honra.
Naquele dia resgataram a bênção de Abraão –> seriam prósperos ocupariam a terra e seriam prósperos.
Gl. 3 –> Ele quebrou a maldição e trouxe a bênção para nós.
Jesus quebrou toda maldição e não podemos ser um povo miserável. Temos que ser prósperos e tudo o
que fizermos prosperará.

A limpeza passa por princípios espirituais:


1) Limpar-nos da escravidão do dinheiro e colocá-lo em uma escala de prioridade inferior ao nosso
chamado.
Lc. 19:18 – “E veio o segundo, dizendo: Senhor, a tua mina rendeu cinco minas.”
Zaqueu era rico e Jesus o chamou: desce depressa. Deu a metade de seus bens e restituiu quatro vezes
mais àqueles que ele defraudou, porque agora ele era filho de Abraão porque foi resgatada a promessa
na vida dele.
O meu chamado é mais importante do que tudo.
A moeda dos céus se chama bênçãos que enriquece e não acrescenta dores.
2) Servir a Jesus com nossos bens.
Lc. 8:3 – “E Joana, mulher de Cuza, procurador de Herodes, e Suzana, e muitas outras que o serviam
com seus bens.”
Devemos desejar servir ao Senhor.
Maria e José de Arimatéia serviram a Deus com seus bens, porque sabiam que podiam dar a Deus o que
era deles para serem prósperos em todos as áreas.
Sirva ao Senhor com os teus bens.
3) Coloque as suas finanças debaixo do mover apostólico.
At. 4:32-35 – “E era um o coração e a alma da multidão dos que criam, e ninguém dizia que coisa
alguma do que possuía era sua própria, mas todas as coisas lhes eram comuns.
33 E os apóstolos davam, com grande poder, testemunho da ressurreição do Senhor Jesus, e em todos
eles havia abundante graça.
34 Não havia, pois, entre eles necessitado algum; porque todos os que possuíam herdades ou casas,
vendendo-as, traziam o preço do que fora vendido, e o depositavam aos pés dos apóstolos.
35 E repartia-se a cada um, segundo a necessidade que cada um tinha.”

Colocavam seus bens aos pés dos apóstolos, porque a autoridade da Igreja volta para você. Você
consagra aos pés dos apóstolos, mas a cabeça é de Cristo. Então, satanás não pode tocar nas finanças.
Ananias e Safira tiraram seus bens dos pés dos apóstolos e foram mortos. Quem tira seus bens da
autoridade apostólica tem morte.
Toda a provisão que está sobre a Igreja estão na minha vida.
A limpeza financeira é uma lei.
Lv. 25:25-28 – “Quando teu irmão empobrecer e vender alguma parte da sua possessão, então virá o
seu resgatador, seu parente, e resgatará o que vendeu seu irmão.
26 E se alguém não tiver resgatador, porém conseguir o suficiente para o seu resgate,
27 Então contará os anos desde a sua venda, e o que ficar restituirá ao homem a quem a vendeu, e
tornará à sua possessão.
28 Mas se não conseguir o suficiente para restituir-lha, então a que foi vendida ficará na mão do
comprador até ao ano do jubileu; porém no ano do jubileu sairá, e ele tornará à sua possessão.”

O que acontecia de 7 e 7 anos passou a acontecer todos os dias na Igreja do Senhor Jesus.
Quem é sujo é porque não conhece a Palavra e é egoísta.
Não teremos mais pobres no nosso meio porque teremos tudo em comum.

Princípios da Igreja Apostólica:


1) Você está debaixo de um envio apostólico.
II Rs. 20:1 – “Naqueles dias adoeceu Ezequias mortalmente; e o profeta Isaías, filho de Amós, veio a
ele e lhe disse: Assim diz o SENHOR: Põe em ordem a tua casa, porque morrerás, e não viverás.”
Devemos colocar a nossa casa em ordem. Foi dito a Ezequias que ele iria morrer, mas teve uma chance
para colocar a casa dele em ordem.
Começou uma revolução porque ele colocou a casa dele em ordem.
Pessoas dando cheque sem fundo e nem vão pegá-lo de volta na Igreja. Servo de Deus tem que acertar
a sua vida, negociar o que está pendente.
2) Dê ao Senhor porções diárias para a manutenção da Casa do Senhor.
Deus quer porções diárias, pois fazemos coisas boas para nós diariamente.
Ne. 12:47 – “Por isso todo o Israel, já nos dias de Zorobabel e nos dias de Neemias, dava aos cantores e
aos porteiros as porções de cada dia; e santificavam as porções aos levitas, e os levitas as santificavam
aos filhos de Arão.”
Separar para Deus da nossa prosperidade todos os dias.
3) Dividir a nossa prosperidade com os que não têm nada.
Ne. 8:10 – “Disse-lhes mais: Ide, comei as gorduras, e bebei as doçuras, e enviai porções aos que não
têm nada preparado para si; porque este dia é consagrado ao nosso Senhor; portanto não vos
entristeçais; porque a alegria do SENHOR é a vossa força.”
Nós construímos a nossa prosperidade e precisamos dividi-la a cada dia.
Amarração financeira é causa de problemas diversos: separação, problemas com os filhos.
O dinheiro é a raiz de todos os males. Em Provérbios diz que o dinheiro atende a todas as coisas,
quando é um dinheiro abençoado.
Dez princípios espirituais:
1) Saiba andar de acordo com o que Deus lhe dá;
2) Nunca construa sem antes perguntar ao Senhor;
3) Não deseje para você, mas para Deu;
4) Aprenda a trabalhar para o Senhor, trazendo os recursos para o Senhor;
5) Nunca tenha no coração o desejo de ter vantagem sobre o seu irmão. Se eu quiser subtrair o meu
irmão Deus não me dará o que preciso.
6) Aprenda a trabalhar pela sua família. O povo dizia sobre Gideão: por Deus e por Gideão.
7) Aprenda a desejar para a casa do Senhor antes do que para a sua. Ageu;
8) De tudo dê o dízimo. Trabalhe 10% do seu tempo no dia para o Senhor;
9) Seja justo com você, sem ser religioso. A injustiça gera mentira;
10) Não seja ladrão, não roube a Deus e nem a você mesmo (senta demais na frente da TV, não vai à
escala).

Grande Mover Apostólico

II Co. 12:12-“ Os sinais do meu apostolado foram, de fato, operados entre vós com toda a paciência,
por sinais, prodígios e milagres.”
A obra de reconstrução de Jerusalém era uma obra espiritual(apesar de precisar de coisas materiais. Se
Deus não interferisse , esta obra não poderia ser feita. O homem pode até ter em mãos todos os
recursos(capacidade, dinheiro), mas se não tiver a interferência de Deus, ela não aconteceria.
O Senhor enviou Neemias para realizar espiritualmente a obra. Era necessário que acontecesse um
avivamento. Este avivamento não pode ser um passar de ondas espirituais, mas um grande mover do
Espírito Santo. É um mover que nos capacita a realizações: o mover apostólico.
Neemias e os apóstolos viveram um tempo em que o povo viveu debaixo deste mover.
No deserto o povo experimentou: fogo e nuvem .
Neemias, na força da carne e com o dinheiro do rei Artaxerxes nada poderia fazer, mas foi debaixo do
mover do Espírito Santo que conquistou para Deus em 52 dias.
Comece a enxergar com olhos espirituais.
Zc.4:6-“ Ele me respondeu, dizendo: Esta é a palavra do Senhor a Zorobabel, dizendo: Não por força
nem por poder, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos exércitos.”
O que precisamos é entrar debaixo deste mover, que traz sobre nós:
1-Fogo e avivamento:
Gideão só pôde realizar a obra de libertação após cair fogo dos céus sobre sua oferta.
Elias só viu a obra sendo realizada quando caiu fogo dos céus.
Salomão só viu a o templo realizado quando o fogo caiu do céu.
At.2:2-4-“De repente veio do céu um ruído, como que de um vento impetuoso, e encheu toda a casa
onde estavam sentados.
3 E lhes apareceram umas línguas como que de fogo, que se distribuíam, e sobre cada um deles pousou
uma.
4 E todos ficaram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito
lhes concedia que falassem.”
O fogo do Espírito Santo permanece na Terra, pois o poder e fogo estão sobre a Igreja.
Não precisamos pedir avivamento, pois o fogo e o avivamento já está em nós. Temos que colocá-lo em
movimento.
No cenáculo ficaram 40 dias e de lá saiu a Igreja de Cristo. O diabo deseja paralisar, enfatuando-nos
com palavras e sem realizações.
Não podemos ficar parados em nossas deformações. Todas que são cheios do Espírito Santo de Deus
são transformados e não param.
2-Retorno a Casa do Senhor:
Traz o povo de volta para a Casa do Senhor, mudando nossa condição espiritual.
Quando os reis eram ungidos e os sacerdotes separados, o óleo vinha sobre a cabeça. Quando alguém é
ungido, satanás identifica o óleo e o fogo em nossa cabeça.
O que os discípulos realizaram nos Evangelhos é diferente do que realizaram em Atos.
II Rs. 19:29 – “E isto te será por sinal: Este ano comereis o que nascer por si mesmo, e no ano seguinte
que daí proceder; e no terceiro ano semeai e comei, e plantai vinhas, e comei os seus frutos.”
Precisamos plantar vinhas e colher dos frutos em todas as áreas de nossa vida.
Abre as portas do templo, quebrando a religiosidade, fazendo o povo volta a beber.
Quem tem sede que beba da água da vida. (Ap. 22:17)
Neemias queria abrir as portas do templo.
II Cr. 29
II Cr. 30:18-20 – “Porque uma multidão do povo, muitos de Efraím e Manassés, Issacar e Zebulom, não
se tinham purificado, contudo comeram a páscoa, ainda que não segundo o que está escrito; pois
Ezequias tinha orado por eles, dizendo: O Senhor, que é bom, perdoe todo aquele que dispõe o seu
coração para buscar a Deus, o Senhor, o Deus de seus pais, ainda que não esteja purificado segundo a
purificação do santuário. 20 E o Senhor ouviu Ezequias, e sarou o povo.”
Ezequias queria abrir as portas do templo e convidou o povo para a páscoa. É a graça no AT. O povo
não estava purificado conforme as leis, mas Ezequias os liberou dos pecados.
At. 3:1-10 – “Pedro e João subiam ao templo à hora da oração, a nona.
2 E, era carregado um homem, coxo de nascença, o qual todos os dias punham à porta do templo,
chamada Formosa, para pedir esmolas aos que entravam.
3 Ora, vendo ele a Pedro e João, que iam entrando no templo, pediu que lhe dessem uma esmola.
4 E Pedro, com João, fitando os olhos nele, disse: Olha para nós.
5 E ele os olhava atentamente, esperando receber deles alguma coisa.
6 Disse-lhe Pedro: Não tenho prata nem ouro; mas o que tenho, isso te dou; em nome de Jesus Cristo, o
nazareno, anda.
7 Nisso, tomando-o pela mão direita, o levantou; imediatamente os seus pés e artelhos se firmaram
8 e, dando ele um salto, pôs-se em pé. Começou a andar e entrou com eles no templo, andando,
saltando e louvando a Deus.
9 Todo o povo, ao vê-lo andar e louvar a Deus,
10 reconhecia-o como o mesmo que estivera sentado a pedir esmola à Porta Formosa do templo; e
todos ficaram cheios de pasmo e assombro, pelo que lhe acontecera.”
Desta forma começou: com Pedro e João encontrando um paralítico na porta do templo. Foi curado e
pôde entrar no templo, louvando a Deus e pulando. Não tem que ter religiosidade, mas tem que ter as
portas abertas.
3- Traz santidade:
Neemias conclamou o povo, dizendo que precisavam se purificar (casamentos mistos, estrangeirices) e
a santidade veio. Quem é santo é feliz. Pecado é tormento. Santidade faz o homem ver a glória de Deus.
Quanto mais me aproximo de Deus, mais eu sou feliz.
Ser santo para o religioso é peso, mas para os que são de Jesus é vida com Deus.
4-Traz Ação evangelizadora:
At. 3 – Pedro ganhou quase 3000 almas.
At. 3:16 – “E pela fé em seu nome fez o seu nome fortalecer a este homem que vedes e conheceis; sim,
a fé, que vem por ele, deu a este, na presença de todos vós, esta perfeita saúde.”
Precisamos ser transformados e as pessoas vão desejar ser como nós.
Todos queriam ser como Neemias, por isto os judeus fizeram como ele e conquistaram.
Is. 61:1 – “O Espírito do Senhor Deus está sobre mim, porque o Senhor me ungiu para pregar boas-
novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a
abertura de prisão aos presos (...).”
5-Traz a restauração dos ministérios:
Deus nos chamou desde o ventre de nossas mães para realização nos ministérios da Igreja.
O diabo quer nos ocupar com as coisas deste mundo e nos impedir de realizar para o Senhor.
6- Traz ação de fé no meio do povo:
I Jo. 5:4,5 – “(...)porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o
mundo: a nossa fé. Quem é o que vence o mundo, senão aquele que crê que Jesus é o Filho de Deus?”
O diabo quer matar a fé no meio apostólico.
A vitória que vence o mundo e a nossa fé. Quem domina o mundo é o maligno e quem vence o mundo
é a nossa fé, aquele que crê em Jesus. Jesus disse: “Haverá fé na terra quando eu voltar?” (Lc. 18:8).
Com que povo Neemias reconstruiu o muro? Com um povo destruído, aqueles que Esdras tentou e não
conseguiu. Eles creram que Deus havia enviado Neemias e que a obra poderia ser realizada.
Se aquele povo não cresse em Deus e que Deus podia usar Neemias, eles continuariam duros e
destruídos.
O poder da fé trouxe novamente identidade com Deus.
Jesus diante do túmulo de Lázaro teve a fé que existe hoje no movimento apostólico.
Marta cria teoricamente e Maria cria com fé. Satanás quer nos ver sem fé e desiludidos.
Temos que ser como uma criança, crendo como elas. Criança não tem base de informação e tudo o que
falar ela vai crer.
Crer que não há impossíveis para Deus. A incredulidade é gerada na alma.
A fé antecipa o milagre.
Sl. 85 – “Senhor, dá-me um sinal do teu favor.”
I Rs. – “É uma nuvenzinha (...).”
Você não precisa ir a uma cruzada de milagres para ver milagres. Eles estão na sua vida, na sua casa.
Jo. 17 – crendo você vai receber.
Precisava colocar em prática a fé. Profetizando a Palavra e crendo.
Ez. – profetiza para que o vale de osso secos (...).
O anjo do Senhor vai pegar a palavra e trazer as realizações de Deus, confirmando com milagres,
prodígios e poderes miraculosos.
Sambalá e Tobias só enxergavam ruínas. Neemias deu espada, pá e os homens realizaram.
Is. 35 – “No teu deserto arrebentarão (...).”
7- Este é o mover apostólico que prepara a Igreja para o arrebatamento.

A honra espiritual

Ne. 2:11-21

A honra do homem é um atributo divino. A honra da carne é algo que exalta o homem.
A honra espiritual é o que determina a condição das pessoas de ter ânimo ou desânimo. Satanás retirou
do homem a honra espiritual que é resgatada pelo sacrifício de Cristo.
Três dias Neemias chorou sobre Jerusalém.
II Tm. 3:9 e Jd. 1:16,19, 23
O estado que Paulo fala e o que Judas fala é a respeito de homens desprovidos de honra. São pessoas
que dentro da Igreja não mudam e são contaminadas. Satanás tirou de Adão a honra espiritual. Quando
conversou com Adão, este se cobriu.
Neemias encontrou em Jerusalém dois grupos: um com mentes cauterizadas (II Tm. 4:1-3) e eram sem
honra, afastados de Deus, não podiam morar em Jerusalém e se prostituíram pelos povos da terra.
Judas andou com Jesus por três anos e, mesmo assim, o traiu, pois estava desprovido de honra com o
interior contaminado por Satanás. Muitos classificam problemas emocionais erradamente, pois estas
pessoas estão sem honra espiritual que isto só é quebrado na Cruz do Calvário.
Sansão (Jz. 16:1) coabitou com uma prostituta e, ele se apaixonou por Dalila. Por causa do pecado ele
perdera a honra espiritual. A unção é irrevogável, mas Sansão não podia exercitar a sua unção, pois
estava sem honra espiritual; perdeu a capacidade de se mover no espírito. Assim, foi envergonhado e
desprovido do que Deus tinha para ele.
O povo de Israel não tinha forças para reconstruir o muro e chegou um homem com honra e construiu,
assim como quando Sansão se arrependeu e buscou a Deus, Ele restituiu a sua honra. A força lhe foi
devolvida pela atitude de arrependimento.
Esta honra espiritual que o homem perdeu foi resgatada por Cristo e entregue à Igreja. Isto gerou
homens que não deixaram o evangelho por nada. Morreram perseguidos, sofrendo por amor ao
evangelho e cheios de honra.
Cl. 3
Jesus triunfou na cruz e expôs satanás à vergonha. Na cruz Ele retomou a honra espiritual e a deu à
Igreja.
Fp. 2:5 – “Tende em vós aquele sentimento que houve também em Cristo Jesus (...).”
Homem sem honra é fraco, não tem convicções, não conquista, porém o que tem honra espiritual
conquista e recebe autoridade para vencer.
Homens que foram um sinal no Velho Testamento:
1) Noé – poder realizador;
2) Abraão;
3) Jeremias – determinação;
4) Josué – conquista;
5) Jó – fidelidade;
6) Davi;
7) Daniel – sabedoria;
8) Isaías;
9) Elias;
10) Eliseu;
11) Calebe – estrategista;
12) José – próspero.

Neemias não esperava reconhecimento humano e, sim, fazer tudo para o Senhor. Honra espiritual é
aquela que o homem recebe e transfere para o Senhor.
Muitos não aceitam a prosperidade porque são religiosos e foram condicionados a se envergonhar
como trapos. Em Provérbios fala que assim como o homem se imagina assim ele o é.
O povo de Deus anda de glória em glória, de vitória em vitória.
Onde Jesus ia tinha sempre uma grande multidão ao seu redor. Na cruz Ele estava sozinho, porque eram
perseguidores de milagres, porque não eram aqueles que tinham honra espiritual.
Estevão foi apedrejado, mas ele viu os céus abertos com as pedras que fizeram um altar sobre ele.

Doze pilares que a honra nos traz:


1) Quebra todo opróbrio, miséria, assolação. Não temos aliança com sujeira espiritual.
2) Resgate da soberania. Pessoas oram pouco, são relapsos, não se sujeitam à autoridade, são
acomodados e perdem a soberania.
3) Esta honra nos faz participantes da natureza divina de Cristo. Paulo diz que quem se une à
prostituição se faz um como ela. Se eu me uno a Cristo eu participo da sua natureza divina
(multiplicação, ressurreição, cura, libertação).
4) Abre os caminhos para a reconstrução.
5) Capacita em níveis superiores de autoridade. Davi era pastor, enfrentou o gigante e Deus o capacitou
para ser rei.
6) Traz a cura das nossas almas. II Jo. 3. Muitos se prostituem, muitos se corrompem, muitos casais se
separam por causa da beleza ou da falta dela. Nosso padrão não é humano, o importante é o padrão
espiritual.Gl. 5:1 – “Para a liberdade Cristo nos libertou; permanecei, pois, firmes e não vos dobreis
novamente a um jogo de escravidão.”
7) Impulsiona-nos a fazermos a vontade de Deus. Todo desânimo, depressão, tristeza estão quebrados.
8) Coloca chaves em nossas mãos. Jesus disse a Pedro que daria as chaves dos céus para abrir caminhos
para nós andarmos. Ml. 3: janelas abertas para que as bênçãos venham sobre nós. A oração é a chave
dos céus.
9) Traz os despojos. I Sm –> como Davi em Ziclague. I Cr. 20: três dias Neemias orou e chorou, Josafá
foi sobre o exército dos amalequitas.
10) Traz um derramar de Deus sobre as nossas vidas. Joel 2; Pv. 3:16; Pv. 3:35; Ec. 6:2
11) O Senhor nos faz um vaso de honra.
12) Quem tem esta unção tem dupla honra. Neemias teve honra, mas nós temos dupla honra. Is. 61:7

As doze portas da cidade celestial

Ne. 3:1-3; 6:15,16


A restauração das portas era importante, mas era uma manifestação profética da obra de Cristo. O
homem sendo tirado de sua miséria e opróbrio, porém a obra redentora de Cristo transformou aquela
obra.
Jo. 10:9 : “Eu sou a porta; se alguém entrar a casa; o filho fica entrará e sairá, e achará pastagens.”
Jesus é a porta que quebra toda malignidade. Jesus se multiplicou em 12, que se multiplicaram em
milhares.
Aquela cidade estava sendo restaurada assim como nós estamos fundamentando uma cidade celestial.
Ap. 21:10-14: “E levou-me em espírito a um grande e alto monte, e mostrou-me a santa cidade de
Jerusalém, que descia do céu da parte de Deus, tendo a glória de Deus; e o seu brilho era semelhante a
uma pedra preciosíssima, como se fosse jaspe cristalino; e tinha um grande e alto muro com doze
portas, e nas portas doze anjos, e nomes escritos sobre elas, que são os nomes das doze tribos dos filhos
de Israel. Ao oriente havia três portas, ao norte três portas, ao sul três portas, e ao ocidente três portas.
O muro da cidade tinha doze fundamentos, e neles estavam os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro.”
Nós somos os edificadores da nova Jerusalém. Somos as portas multiplicadas com 12 fundamentos
apostólicos do Cordeiro.
Ap. 5:5: “E disse-me um dentre os anciãos: Não chores; eis que o Leão da tribo de Judá, a raiz de Davi,
venceu para abrir o livro e romper os sete selos.”
O Cordeiro tem a chave para abrir as portas. As chaves foram entregues para a Sua Igreja apostólica.
Mt. 16:19: “(...) dar-te-ei as chaves do reino dos céus; o que ligares, pois, na terra será ligado nos céus,
e o que desligares na terra será desligado nos céus.”
A Igreja de Roma usa esta passagem, mas Jesus não entregou a chave para um homem e, sim, para um
apóstolo. Todos nós temos esta autoridade.
Precisamos abrir as portas espirituais habilitados desta forma:
1. Ter o nosso chamado maior do que a nosso vida. Ter as prioridades do nosso Deus.
Neemias poderia ter ficado na corte de Artaxerxes, mas ele deixou tudo para seguir a Deus.
Precisamos estabelecer as prioridades do Reino e não as nossas. Temos que sair do lugar de nosso
comodismo, assim como Lucas e Pedro deixaram as suas prioridades.
Satanás chama o homem bomba para se explodir em nome de seu deus. Os filhos das trevas são mais
astutos que os filhos da luz.
Aceitamos o ministério e vamos viver poderosos milagres.
2. Não tendo aliança com estrangeiros.
Ne. 13:30,31: “Assim os purifiquei de tudo que era estrangeiro, e determinei os cargos para os
sacerdotes e para os levitas, cada um na sua função; como também o que diz respeito à oferta da lenha
em tempos determinados, e bem assim às primícias. Lembra-te de mim, Deus meu, para o meu bem.”
A ordem de Deus foi clara: limpe-se de toda estrangeirice. Temos que conviver com a santidade. Jesus
radicalizou: "quem não é por nós é contra nós". Muitos candidatos, políticos em época de campanha
vêm para Igreja querendo se aliançar.
Hoje, muitos jovens têm seus amigos mundanos. Estrangeiro é aquele que não se alegra com as
realizações do Senhor. Muitos se dizem pastor e só trazem malignidade.
Eliasibe tinha um genro, filho de Sambalá: ou são transformados ou não podem andar conosco. Trazem
coisas de fora para dentro da Igreja.
Muitos são partidários e vão aos cultos somente quando bispos pregam. Não olhe para homens; ande
com sua vida limpa diante do Senhor. Quem não quer cura Deus vai tirar, limpando o joio. Neemias fez
isto: tirou toda estrangeirice.
Tenha atitudes de At. 4:13, deixando transparecer que você anda com Jesus.
3. Não posso conviver com a traição da religiosidade.
Ne. 6:7-12: “e que constituíste profetas para proclamarem a respeito de ti em Jerusalém: Há rei em
Judá. Ora, estas coisas chegarão aos ouvidos do rei; vem pois, agora e consultemos juntamente.
8 Então mandei dizer-lhe: De tudo o que dizes, coisa nenhuma sucedeu, mas tu mesmo o inventas.
9 Pois todos eles nos procuravam atemorizar, dizendo: As suas mãos hão de largar a obra, e não se
efetuará. Mas agora, ó Deus, fortalece as minhas mãos.
10 Fui à casa de Semaías, filho de Delaías, filho de Meetabel, que estava em recolhimento; e disse ele:
Ajuntemo-nos na casa de Deus, dentro do templo, e fechemos as suas portas, pois virão matar-te; sim,
de noite virão matar-te.
11 Eu, porém, respondi: Um homem como eu fugiria? e quem há que, sendo tal como eu, possa entrar
no templo e viver? De maneira nenhuma entrarei.
12 E percebi que não era Deus que o enviara; mas ele pronunciou essa profecia contra mim, porquanto
Tobias e Sambalate o haviam subornado.”
A profetiza falsa veio trazendo uma palavra contrária à Palavra de Deus: ele não era rei e nem sacerdote
para entrar no templo.
Deus é sério e fala trazendo Palavra que prospera.
O poder apostólico abre portas e Deus vai restaurar e edificar a sua vida.
As portas do tempo de Neemias mudaram de nome até o tempo atual.
Hoje temos as porta da Jerusalém celestial com o vento do Espírito Santo de Deus soprando nas quatro
direções.
Existem 3 portas que serão abertas em cada lado: 1-Sul:
a) Salvação: Jo. 3:16; At. 16:31
b) Santidade: Tg. 4:4; Hb. 12:14
Precisamos chegar no horário; cumprir as escalas; fazer Escola de Profetas; ter a boca santa; ler a
Palavra.
c) Sucesso: diferente de fama. Quando você é falido e derrotado ninguém lhe dá crédito. Sl. 144 e Js.
1:8
2-Norte:
a) Notabilidade: Deus nos chamou para sermos notáveis, diferenciados. At. 15:22
b) Novidade: Deus tem para cada manhã uma misericórdia nova. Is. 65:17-19
Deus cria para Jerusalém, para o seu povo a alegria e o renovo. Não vamos mais estar ligados às coisas
velhas.
c) Negócio: Dn. 2:49
Saia da rotina. Tenha espírito empreendedor.
3-Leste:
a) Libertação
b) Liberação
c) Livramentos: Sl. 124: “Se não fora o Senhor, que esteve ao nosso lado, ora diga Israel (...).”
Sl. 91:7: “Mil poderão cair ao teu lado, e dez mil à tua direita; mas tu não serás atingido.”
Rm. 5:1: “Justificados, pois, pela fé, tenhamos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo (...).”
4-Oeste:
a) Obter: Você vai construir em cima dos seus sonhos e desejos.
Posso obter todas as coisas.
Sl.24:5: “Faze-me saber os teus caminhos, Senhor; ensina-me as tuas veredas.”
b) Operosidade: I Ts. 1:3; II Co. 12:12; Jo. 20:27
c) Oportunidades: Cl. 4:5

PALAVRA PARA O ANO DE 2004: ANO APOSTÓLICO DE NEEMIAS

TEXTO: NEEMIAS 3

Deus chamou Neemias e colocou no seu coração um incômodo que transformou o seu chamado, mais
importante que a própria vida.

Neste ano de 2004, o Espírito Santo, vai trabalhar em cada coração esse chamado para viver a vontade
de Deus e ter um ano
excepcional “ATÉ ENTÃO NÃO VIVIDO” por seus servos.

O ano Apostólico de Neemias está baseado na Obra de Restauração das Doze Portas de Jerusalém, nos
12 (doze) anos que Neemias
governou Israel.

Ne 5.14 – Também desde o dia em que fui nomeado seu governador na terra de Judá, desde o vigésimo
ano até ao trigésimo segundo ano
do rei Artaxerxes, doze anos, nem eu nem meus irmãos comemos o pão devido ao governador.

A AÇÃO DO ESPÍRITO SANTO NESTE ANO DE NEEMIAS, SERÃO NESSAS ÁREAS:

I – RESTAURAÇÃO DAS 12 PORTAS DA CIDADE ONDE DEUS MORA, QUE É A NOSSA


VIDA, À EXEMPLO DA CIDADE DE JERUSALÉM.

1 – PORTA DO PEIXE – ficava à oeste da Porta das Ovelhas, próximo às torres de Ameá e Hamanel.
Os nomes de portas citados em Neemias
são os nomes dados naquele tempo, por ter sido destruída e construída muitas vezes, a depender da
época seus nomes por vezes eram
modificados.

Ne. 12.39 - e desde a Porta de Efraim, passaram por cima da Porta Velha e da Porta do Peixe, pela Torre
de Hananel, pela Torre dos
Cem, até à Porta do Gado; e pararam à Porta da Guarda.

2 – PORTA VELHA – também citada em Ne. 3.6 - Joiada, filho de Paséia, e Mesulão, filho de
Besodias, repararam a Porta Velha;
colocaram-lhe as vigas e lhe assentaram as portas com seus ferrolhos e trancas.

3 – PORTÃO DO VALE OU PORTA DO OLEIRO – a Porta do Vale ficava ao Norte e, sem dúvida
diferente ao vale de Hinom conforme o relato
bíblico.

Ne. 11.30 - em Zanoa, em Adulão e nas aldeias delas; em Laquis e em seus campos, em Azeca e suas
aldeias. Acamparam-se desde Berseba
até ao vale de Hinom.

Je. 19.2 - sai ao vale do filho de Hinom, que está à entrada da Porta do Oleiro, e apregoa ali as palavras
que eu te disser;

4 – PORTA DO MONTURO – ou do esterco. Ficava seguindo-se o muro no sentido leste ao portão do


vale.

5 – PORTA DA FONTE – ficava segundo a localização bíblica a leste, próximo ao poço de Siloé.

Jo. 9.7 - dizendo-lhe: Vai, lava-te no tanque de Siloé (que quer dizer Enviado). Ele foi, lavou-se e
voltou vendo.

6 – PORTA DOS CAVALOS – provavelmente é também a Porta do Gado, citada em Ne. 12.39 - e
desde a Porta de Efraim, passaram por cima
da Porta Velha e da Porta do Peixe, pela Torre de Hananel, pela Torre dos Cem, até à Porta do Gado; e
pararam à Porta da Guarda.

7 - PORTA DA GUARDA – citada acima em Ne. 12.39.

8 – PORTA DAS OVELHAS – pela descrição bíblica, sabe-se que está situada próxima ao tanque de
Betesda.

Jo. 5.2 - Ora, existe ali, junto à Porta das Ovelhas, um tanque, chamado em hebraico Betesda, o qual
tem cinco pavilhões.

9 – PORTA DE EFRAIM – entre esta porta e a Porta da Esquina ficavam a torre das Fornalhas.

10 – PORTA DAS ÁGUAS – o que se sabe é que ficava ao lado da Fonte da Virgem.

11 – PORTÃO GENATE – pertencente ao muro reconstruído por Neemias, significa JARDIM. Esta
cercava o segundo muro, o qual na época de
Jesus significava ou era chamado de Bezeta, terminando na Torre Antônia ao norte.

12 – PORTA DA ESQUINA – próximo à torre das fornalhas, na seqüência da Porta de Efraim.

Essa obra nas PORTAS tem o significado profético, que: De janeiro à dezembro de 2004 vamos
experimentar uma grande obra de
RESTAURAÇÃO, SUPRIMENTO E CURA.

Ap. 22.2 - No meio da sua praça, de uma e outra margem do rio, está a árvore da vida, que produz doze
frutos, dando o seu fruto de
mês em mês, e as folhas da árvore são para a cura dos povos.

II – A RECONSTRUÇÃO DAS GRANDES PORTAS TRARÁ UMA RESTAURAÇÃO DA HONRA.


As portas queimadas demonstravam a miséria e assolação.
Ne. 2.17 - Então, lhes disse: Estais vendo a miséria em que estamos, Jerusalém assolada, e as suas
portas, queimadas; vinde, pois,
reedifiquemos os muros de Jerusalém e deixemos de ser opróbrio.

O Senhor vai tirar do seu povo toda miséria, assolação e opróbrio.

III – DEUS VAI RECONSTRUIR OS MUROS CAÍDOS E DESTRUÍDOS.


As ruínas vão ressuscitar dentro do ano de 2004, em 52 dias.
Dentro do período do Ano Apostólico Deus vai realizar uma grande obra de construção das nossas
vidas.

Ne. 6.15,16 - Acabou-se, pois, o muro aos vinte e cinco dias do mês de elul,
em cinqüenta e dois dias. 16 Sucedeu que, ouvindo-o todos os nossos
inimigos, temeram todos os gentios nossos circunvizinhos e decaíram muito
no seu próprio conceito; porque reconheceram que por intervenção de nosso
Deus é que fizemos esta obra.

IV – DEUS VAI PROPORCIONAR UM GRANDE MOVER APOSTÓLICO EM NOSSAS VIDAS


COM SINAIS E MARAVILHAS.
Neemias promove um grande avivamento, esse mover vai invadir as nossas vidas, fazendo com que
DONS, MINISTÉRIOS, se manifestem na
vida do povo de Deus.

II Co. 12.12 - Pois as credenciais do apostolado foram apresentadas no meio de vós, com toda a
persistência, por sinais, prodígios e
poderes miraculosos.

Ne. 12.27-30

27 Na dedicação dos muros de Jerusalém, procuraram aos levitas de todos os seus lugares, para fazê-los
vir a fim de que fizessem a
dedicação com alegria, louvores, canto, címbalos, alaúdes e harpas.
28 Ajuntaram-se os filhos dos cantores, tanto da campina dos arredores de Jerusalém como das aldeias
dos netofatitas,
29 como também de Bete-Gilgal e dos campos de Geba e de Azmavete; porque os cantores tinham
edificado para si aldeias nos arredores
de Jerusalém.
30 Purificaram-se os sacerdotes e os levitas, que também purificaram o povo e as portas e o muro.

V – A LIMPEZA DA NOSSA VIDA FINANCEIRA.


Será um ano de limpar os nomes, as pendências, de tirar todo o roubo das nossas câmaras de
suprimento.
O espírito de Tobias que ocupava o espaço da nossa prosperidade e suprimento será expulso, e os
celeiros serão cheios da provisão do
Senhor.
Ne. 13.7 – 9
7 Então, soube do mal que Eliasibe fizera para beneficiar a Tobias, fazendo-lhe uma câmara nos pátios
da Casa de Deus.
8 Isso muito me indignou a tal ponto, que atirei todos os móveis da casa de Tobias fora da câmara.
9 Então, ordenei que se purificassem as câmaras e tornei a trazer para ali os utensílios da Casa de Deus,
com as ofertas de manjares
e o incenso.
VI – O RESGATE DA ALEGRIA EM FAMÍLIA E A COMUNHÃO QUE FOI ROUBADA POR
SATANÁS.
Todo espírito de divisão será desmascarado e uma grande obra de reconstrução familiar acontecerá em
2004.

Ne. 8.10 - Disse-lhes mais: ide, comei carnes gordas, tomai bebidas doces e enviai porções aos que não
têm nada preparado para si;
porque este dia é consagrado ao nosso Senhor; portanto, não vos entristeçais, porque a alegria do
SENHOR é a vossa força.

VII – SERÁ UM ANO DE CONSTRUIR EM CIMA DOS NOSSOS SONHOS E DESEJOS.


Uma grande unção de construção será liberada sobre a vida do povo de Deus.
Vamos virar um grande canteiro de obras espiritual com data marcada de inauguração – 31/12/2004.

Ne. 12.27 e 43

27 Na dedicação dos muros de Jerusalém, procuraram aos levitas de todos os seus lugares, para fazê-los
vir a fim de que fizessem a
dedicação com alegria, louvores, canto, címbalos, alaúdes e harpas.
43 No mesmo dia, ofereceram grandes sacrifícios e se alegraram; pois Deus os alegrara com grande
alegria; também as mulheres e os
meninos se alegraram, de modo que o júbilo de Jerusalém se ouviu até de longe.

O Ano Apostólico de Neemias trará ao povo de Deus um grande e inesquecível mover de realizações.

VAMOS PROFETIZAR A PALAVRA:

Neste Ano Apostólico de Neemias o Senhor está:

Ø Livrando-nos dos inimigos que se levantam contra nossa casa, família e constituição. Caia o espírito
de Sambalá e Tobias!
Ø Uma grande alegria vai estar presente todas os dias desse ano na nossa vida.
Ø Deus vai ressuscitar, mês a mês as Portas da nossa vida.
Ø Deus vai interferir para construir o grande muro da nossa honra.
Ø O Senhor vai nos livrar de todo espírito de religiosidade e estrangeirice.
Ø Esse será o ano, em nome de Jesus, que não haverá na nossa vida, casa e família, assolação, miséria e
opróbrio.
Ø Nós declaramos que todos os suprimentos nos serão enviados, e teremos uma limpeza na nossa vida
financeira e profissional.
Ø Tomamos posse que vamos construir em cima dos nossos sonhos.

O Ano Apostólico de Neemias será uma grande revolução em nossas vidas.

Cura Apostólica

Jesus estava em seu ministério e foi procurado por Jairo, chefe da sinagoga. Precisava de cura de sua
filha e isto mostraria para nós a cura que está em Cristo e chega até nós.
No caminho, Jesus encontrou uma mulher enferma há 12 anos.
1)Mulher enferma há 12 anos
Doze é o número Apostólico. A enfermidade assolava a mulher sem vida e energia. Existe nos dias de
hoje hemorragia que emana dos enfermos.
Esta mulher cria que se tocasse em Jesus seria curada. Fé em ação.
Precisamos ter as hemorragias curadas para satanás não tirar a energia do corpo. Precisamos tocar no
sangue de Jesus. Satanás que roubar a cura do corpo de Cristo.
Cl. 3:5-10
“Fazei, pois, morrer a vossa natureza terrena: prostituição, impureza, paixão lasciva, desejo maligno e a
avareza, que é idolatria; por estas coisas é que vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência.
Ora, nessas mesmas coisas andastes vós também, noutro tempo, quando vivíeis nelas.
Agora, porém, despojai-vos, igualmente, de tudo isto: ira, indignação, maldade, maledicência,
linguagem obscena do vosso falar.
Não mintais uns aos outros, uma vez que vos despistes do velho homem com os seus feitos e vos
revestistes do novo homem que se refaz para o pleno conhecimento, segundo a imagem daquele que o
criou (...).”

O Apóstolo Paulo relaciona 12 áreas que são fluxos que muitas vezes saem do corpo de Cristo.

1ª. Prostituição (valores, área sexual)


Quando Pedro negou Jesus, vemos uma forma de prostituição de valores.
Paulo fala: “Pois não me envergonho do evangelho (...)” Rm. 1:16a
Existe dentro da Igreja muitas deformações: reclamações, maledicências, isto porque no interior são
hipócritas, querem glória humana.
2ª. Paixão lasciva
No seu interior, as pessoas são corrompidas, olham e desejam o que não lhes pertencem. Pessoas com
inveja, o que o outro tem lhes incomoda. A indústria do apelo sexual, não podemos desejar aquilo que o
diabo tem.
Tg. 1:19-“Sabeis estas coisas, meus amados irmãos. Todo homem, pois, seja pronto para ouvir, tardio
para falar, tardio para se irar.”
3ª. Avareza
Ferimos o princípio espiritual não conseguindo prosperidade em muitas áreas, pois muitas vezes somos
avarentos. Não podemos deixar de repartir o que temos. Ter o coração na riqueza é idolatria. Muitos são
avarentos até ser no ministério, pessoas que não repartem o altar, não deixam pregar, cantar. Se você
quiser crescer tem que repartir e formar outros. O R12 – Grupo de Discipulado – significa repartir:
fazer discípulos.
Existem homens que não deixam a mulher fazer nada. Tudo o que você não entrega para Deus o diabo
rouba.
4ª. Ira (ódio)
Os corações com raiz de ódio. Muitos querem distância de irmãos e falam mal uns dos outros. Deus
abomina doença no Corpo. Pessoas ficam doentes por causa da malignidade no coração. Pessoas que
recebem uma unção e mudam para o pior.
5ª. Maldade
Tudo o que é planejado para maldade. Para ficarem bem não importa o que acontece com o outro.
Nesta situação muitos são sufocados. Pessoas que recebem uma unção e mudam para o pior.
6ª. Maledicência
Fofocas ferem o Espírito de Deus. Os pensamentos de Deus são de vida e não de morte. Existem
pessoas que se alimentam de falar mal, de profetizar coisas ruins, como por exemplo Imineu e Fileto.
Mateus 7 diz que não devemos julgar para não sermos julgados. Muitos têm sido juízes, mas o grande
juiz é quem vai nos julgar. Ame o seu irmão.
7ª. Língua torpe
Hoje existe o evangelho da permissividade. Artistas que dizem que são cristãos, mas que não são
transformados. O procedimento, o falar, palavras distorcidas habilitam demônios.
8ª. Mentira
Satanás é o pai da mentira. Existem situações de pressão que você quer mentir, mas a verdade liberta.
Quando você mente, o Espírito de Deus sai de sua vida.
9ª. Impureza
Desejo impuro, que tem contaminação.
No culto quando você começa a pensar em outras coisas, pessoas que precisam sair de seus lugares
com comichão (nos últimos dias aconteceria isto), ficam sem ouvir o que Deus quer.
A Casa de Deus é santa. Pastores que chegam tarde para pregar, sem respeitar o horário. Quando chego
tarde perco a bênção. Muitas pessoas chegam tarde e ainda querem cantar.
10ª. Desejo maligno
Temos que fazer morrer a natureza terrena. Cristianismo tem que ser vivido na prática: desejar ao
próximo o que se deseja para os filhos. O desejo maligno é egoísta e só olha para sua necessidade.
11ª. Destruição
Essa é a destruição que vem do ódio e da ira. Precisamos tirar a trave do nosso olho e não justificar
nossas atitudes erradas.
Muitos fecham as portas que Deus abre: solteiros que Deus já colocou mulheres e homens na sua frente
e não quiseram.
Espírito de Jezabel que fere o profeta e Herodes que quer destuir.
12ª. Indignação
É quando você se sente prejudicando e assume uma postura contra o outro.
Um corpo doente quando toca no Corpo sarado recebe unção de cura. Virtude é unção.
At. 10:38- “(...) como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com poder, o qual andou
por toda parte, fazendo o bem e curando a todos os oprimidos do diabo, porque Deus era com ele (...).”
2) Cura Apostólica que age no espírito. Marcos fala no v. 42 que a menina tinha 12 anos.
Lc. 8:55-“Voltou-lhe o espírito, ela imediatamente se levantou, e ele mandou que lhe dessem de
comer.”
Marcos mostra a revelação 12 anos e Lucas fala que a doença não era no corpo, pois ela estava
dormindo.
A enfermidade no espírito que traz a apostasia e faz o cristão dormir. A pessoa que não tem mais prazer
nas coisas de Deus.
As pessoas riram de Jesus quando falou que ela estava dormindo. O espírito voltou ao seu corpo no
momento em que Jesus orou.
O Senhor está aqui para vivificar o seu espírito, tirando a dormência e fazendo com que você viva os
sonhos de Deus.
Muitos lêem Isaías 53, dizendo que estão sarados, mas acomodam-se em malignidades que os faz
doentes e adormecidos. É tempo de despertar o seu espírito.
Os times de futebol têm fanáticos que fazem de tudo para estar com o time em que jogam, brigam por
ele e até aumentam a produtividade nas fábricas quando o time vence. Quando é que vamos lutar assim
por Jesus? Deus quer mais de nós.
Volte a desejar estar mais em comunhão com Deus, renovado e cheio do Espírito.
Sl. 51:10-12-“Cria em mim, ó Deus, um coração puro e renova dentro de mim um espírito inabalável.
Não me repulses da tua presença, nem me retires o teu Santo Espírito.
Restitui-me a alegria da tua salvação e sustenta-me com um espírito voluntário.”
A cura apostólica traz três bênçãos:
1ª) Alegria da salvação
2ª) Espírito voluntário
3ª) Espírito inabalável: firmado na Rocha.
Gl. 5:22-“Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade,
fidelidade, mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei.”
3) Cura será manifesta ao ser enviado
Mc. 6:7-13-“Chamou Jesus os doze e passou a enviá-los de dois a dois, dando-lhes autoridade sobre os
espíritos imundos. Ordenou-lhes que nada levassem para o caminho, exceto um bordão; nem pão, nem
alforje, nem dinheiro; que fossem calçados de sandálias e não usassem duas túnicas.
E recomendou-lhes: Quando entrardes nalguma casa, permanecei aí até vos retirardes do lugar.
Se nalgum lugar não vos receberem nem vos ouvirem, ao sairdes dali, sacudi o pó dos pés, em
testemunho contra eles. Então, saindo eles, pregavam ao povo que se arrependesse; expeliam muitos
demônios e curavam numerosos enfermos, ungindo-os com óleo.”

Autoridade sobre os espíritos imundos. Curando enfermos, expelindo demônios e ungindo com óleo.
Houve a cura apostólica na mulher no corpo; houve a cura na menina no espírito e a alma. Assim,
seremos enviados de dois em dois.
Deus trará:
–cura emocional e psicológica;
–cura de deformações;
–cura de enfermidades;
–cura do espírito (mágoas, tristezas, palavras, desânimos e lutas).

A diferença do espírito de Saul e o de Davi


I Sm. 10.1
Precisamos ter vitória contra o espírito de Saul. Em I Sm. 8 Saul foi chamado porque o coração do
povo queria um rei. Esta não era a vontade perfeita, mas permissiva de Deus.
Deus concedeu a Saul todas as qualidades e o honraria se ele andasse nos caminhos do Senhor. O
espírito de Saul não estava 100 % diante do Sr. Este é o estereótipo do religioso. Com a boca confessa
algo e os atos são outros. O espírito de Saul se manifesta através de uma personalidade espiritual,
através da passividade, que é característica dos religiosos. Pessoas que se preocupam mais com as suas
coisas e não com as de Deus. (Ag. 2)
A pessoa acomoda-se na passividade, o tempo vai passando e a pessoa apóstata da fé. Já não se
empolga com a conversão das pessoas, não se santifica, vive como o ímpio.
Apostasia – não dar valor ao acesso a Deus.

REBELDIA – 2 NÍVEIS:

Passiva – não falo, mas também não faço. Engano a homens, mas não posso enganar a Deus. Guarda no
interior muitas coisas, julga e murmura.

Ativa – se acham melhores do que os outros.


Todas as oportunidades para Saul alcançar a constituição foram dadas, mas ele não era um homem
aberto para que Deus comandasse.

ATITUDES QUE FERIRAM O ESPÍRITO SANTO:

1 – Tentam esconder-se do seu chamado


I Sm. 10.22 –Quando você olha o contexto do chamado de Saul havia um ditado popular em Israel:
Saul está no meio das bagagens. Sou médico, advogado, juiz ... você não é nada disso, você foi
chamado por Deus.
A obra tem sido prejudicada, porque existe potencial escondido no meio da bagagem. (Jo. 15.15 )
Fp. 4.13
Nada é maior do que o poder de Deus que lhe chamou.
Precisamos ter discernimento quanto ao ter chamado – mortos têm que enterrar seus mortos.
2 – O erro de Saul foi ser omisso. Se fez de surdo diante das afrontas que recebia.
I Sm. 10.27 - Já estava na condição de rei e os filhos de belial o afrontavam. Tenha o espírito de
ousadia – profetize que existe Deus em Israel.
Você muitas vezes tem ficado surdo espiritualmente e não fica incomodado contra nada.
3 – Foi tímido e medroso no campo de batalha.
I Sm. 13.7 - Saul não conhecia o Deus a quem servia. Foram batalhar contra os filisteus e se
encolheram. Aceitaram o espírito de temor e Saul se encolheu com o povo. O Senhor não nos chamou
para temer, mas para destruir o inimigo no campo de batalha.
4 – Usurpou o serviço sacerdotal
I Sm 13.9 - O espírito de rebeldia se potencializou na arrogância de Saul. Fez o que era para Samuel
fazer. Isto trouxe uma grande malignidade. O espírito de Saul fez você sofrer a autoridade espiritual e
perder a sua constituição. (I Sm. 13.13,14)
5 – Trouxe precipitação
Fez um voto que era fruto de sua ansiedade e fez o povo pecar.
I Sm. 14.24 e I Sm. 29.32
Jônatas não ficou em jejum, comeu mel, estava fortalecido para guerra.
O resto do povo começou com desespero, comer carne estrangulada, com sangue.
Muitos são precipitados e não aguardam no Senhor.
6 – Foi desobediente a uma determinação do Senhor.
I Sm. 15.3 - Deveriam ter destruído tudo, porque era o que Deus havia mandado. Saul poupou o melhor
para si, quis dar uma de bonzinho para Agague, desejou as coisas boas e não as destruiu como Deus
havia mandado.

ABOMINAÇÕES:

1 – Lutar a guerra de acordo com a sua vontade, colocando-se como Deus. Não guerreie as guerras do
seu jeito, mas da maneira de Deus.
Muitas vezes fazemos concessões no meio da guerra – Deus manda abandonar e você diz que é muito
radical, mas você vai perder a constituição se agir conforme a sua vontade.
2 – Pseudo-independência – Precisamos ser dependentes do Deus vivo. É melhor serem dois do que um
– precisamos andar como Corpo. O diabo coloca que você pode ser independente. Deus jamais vai
abençoar a rebeldia. Muitas mulheres querem ser independentes e nunca vão casar.(I Sm. 15.22, 23)
Nós somos uma nação de reis e sacerdotes. Precisamos depender Dele.
Fp. 4.39 ou 19
3 – Procurar juntar para si e não para o Senhor.
I Sm. 15.12 - Fez um monumento para si. O único altar que precisa haver é para o Senhor. A arrogância
precede a queda. Não deixe que o espírito de egoísmo tome conta do seu coração.

Características de Davi:
1 – Nunca se sentir um gafanhoto. Samuel falou para Saul: você vai ser rei e ele respondeu como
Gideão: eu sou pequeno.
Quando Davi foi escolhido ele não ficou cheio de questionamentos e disse sim a sua eleição.

2 – Não fuja do seu chamado, aceite o óleo.


Davi estava no campo e recebeu a unção, mesmo que Samuel o julgasse pela aparência.

3 – Respeitava as autoridades e honrava os ungidos. Davi era obediente, era realizador. Honrava ao
sacerdote, ao ungido, respeitava as leis espirituais. Davi tinha consciência de autoridade.

4 – Se constituiu em um guerreiro belicoso. Partia para cima, não aceitava derrotas, obedecia.
Mt. 11.12 - O reino deve ser tomado à força, sem choro, sem alimentar deformações.
I Jo 4.4 - Não podemos arrefecer nossos ânimos.
Quando o gigante afrontava o exército por 40 dias, Saul e seus soldados ouviram o xingamento e
ficaram parados, passivos porque estavam contaminados pelo espírito de Saul. Quando Davi chegou,
veio cheio de ousadia.
DOZE CARACTERÍSTICAS APOSTÓLICAS QUE LHE FARÃO UM GRANDE GUERREIRO
COMO DAVI:

1 – Saiu de casa – perder as características do passado. Davi era pastor de ovelhas e humanamente não
seria rei. Quando o óleo caiu, ele saiu de sua casa e foi guerrear e por fim foi rei.(I Sm. 17.17 e 46)

2 – Disposição para buscar a porção dobrada.


Não podemos guerrear as guerras pela metade, mas temos que sempre ir além do que foi pedido.
I Sm. 18.25-27 - Saul pediu 100 prepúcios e Davi trouxe 200.

3 – Apresente-se no campo de batalha não como Saul, mas como um verdadeiro ungido de Deus.- I Sm.
17.36-38
A nossa armadura é a de Ef. 6.- Deus vai lhe livrar do incircunciso filisteu.
Davi atirou a pedra que é Jesus, nos gigantes.

4 – Incômodo no seu espírito para não aceitar as afrontas.- I Sm. 17:45

5 – Atitude apostólica de fazer aliança com a saúde de Jônatas e não com a enfermidade emocional e
psicológica de Saul.
Existem pessoas que ficam falando mal e você ouve; e o mal que estava nele passa para você, com
contaminação.
Olhe para quem ora e jejua, que é limpo e que o Espírito de Deus fala através dele.
Com quem você tem feito alianças? Davi fez com Jônatas.- I Sm. 20.16

6 – Incorpore as vitórias como um modo de vida.


II Sm. 5.10; 8.6
I Sm. 18.14
7 – Mover-se como um ungido de Deus- I Sm. 17.47
O Senhor salva não com lança ou espada. Saul parou 40 dias e o povo ficara humilhado e derrotado.
Quando o ungido se move o povo se move junto. Se o ungido fica parado e passivo as pessoas também
ficam. Quando o ungido se move o povo vê que é possível ter vitórias.

8 – Ser determinado, decidido- I Sm. 30


Em Ziclague Davi encontrou tudo destruído, mas determinou-se e buscou a vitória. Davi buscou o que
lhe foi roubado.

9 – Construir tudo e sempre para o Senhor- II Sm. 7.1-3


Saul construía para si e Davi construía para o Senhor, porque amava ao Senhor.

10 – Sempre achar um caminho de arrependimento

Sl 51 – Davi clama por perdão diante do que havia feito.


II Sm. 12.20
Devemos nos humilhar e nos arrepender.
I Jô. 1.7

11 – Ter sempre a glória de Israel perto de si- I Cr. 16.1-2


A nossa alma tem que desejar mais de Deus.
R12 – Todos oficiais têm que ministrar. Temos a palavra, mas temos que cumprir nosso chamado.
Muitos andam intimidados e não têm gerado outras vidas.

12 – Derramar água para o Senhor- I Sm. 23.17


Precisamos ter uma aliança com o Senhor e abrir o nosso coração para quebrar o espírito de Saul para
que um novo tempo comece.
Não seguirei funerais, mas vida.

O poder transformador

Romanos 12:1 e 2 – “Rogo-vos, pois, irmãos, pelas misericórdias de Deus, que apresenteis o vosso
corpo por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.
2 E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que
experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.”

A fé vem pelo ouvir e ouvir a palavra.

A palavra tem poder de transformação e age de maneira sobrenatural.


O Senhor Jesus é o precursor – O primeiro milagre foi transformar água em vinho. Em João 2 em Caná
da Galiléia pediu água e deu início aos seus sinais.
O primeiro milagre de transformação, transformou-se em homem e sem relações de homens fez-se
homem em Maria.
Esse poder transformador está sobre a Igreja Apostólica.

Êxodo 15:22 - “Fez Moisés partir a Israel do mar Vermelho, e saíram para o deserto de Sur;
caminharam três dias no deserto e não acharam água.”

As águas de Mara eram salobras. Este tipo de água para tomar precisaria ser transformada, pois era
amarga.

IIRs.2 – Jericó também foi transformada em suas águas, de ruins para boas. Eliseu colocou sal e a água
foi transformada.

1o Moisés – poder transformador – através de uma videira – é o poder transformador de Jesus.


2o Eliseu – poder transformador dos servos de Jesus –
Mateus 5:13 - “Vós sois o sal da terra; ora, se o sal vier a ser insípido, como lhe restaurar o sabor? Para
nada mais presta senão para, lançado fora, ser pisado pelos homens.”

Jesus se manifestou como videira para transformar as águas de Mara, e nós somos o poder
transformador pelo sal que somos.

Is. 43:18 e 19 – “Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas.
19 Eis que faço coisa nova, que está saindo à luz; porventura, não o percebeis? Eis que porei um
caminho no deserto e rios, no ermo.”

“Eis que faço novas todas as coisas”.


O diabo tem poder de mudança e não de transformação.
Jesus não reforma as coisas, Ele faz coisas novas em sua vida.

João 3 – Importa nascer de novo.

Quem não nasce de novo não é transformado.


Mudança de vida, tratamentos humanos podem fazer, mas transformar, é só Jesus. É necessário um
novo nascimento.

II Co 5:17 - “ E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que
se fizeram novas.”

Quem muda de vida pode apenas ter mudado o endereço, mas quem foi transformado tem uma nova
vida e não pode voltar para o endereço antigo, com referências do velho homem e raízes.
Muitos vivem problemáticos dentro da Igreja e não conseguem viver na liberdade, ficam lembrando das
coisas antigas como o povo de Israel, que mudou do Egito para o deserto. Quem é povo de Deus muda
para a terra Prometida.
Quem é transformado fica totalmente diferente, espera no Senhor todas as coisas, ouve a voz de Jesus e
o segue, confundindo o mundo com os nossos posicionamentos.

Gl. 2:20 –“ (...)logo, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e esse viver que, agora, tenho
na carne, vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim.”

Precisamos falar do que Jesus fez em nossas vidas e exaltá-lo sempre.


O Senhor quer transformar:

1. Transformar você em discípulo – Romanos 6:22 - “Agora, porém, libertados do pecado,


transformados em servos de Deus, tendes o vosso fruto para a santificação e, por fim, a vida eterna;”

Os discípulos foram chamados e deixaram tudo. Discípulo segue o mestre. Pedro depois que Jesus foi
morto voltou a pescar e não conseguiu pescar nada. Era um super pescador e não conseguia pescar
nada. Não dava mais para ser pescador de peixes.
Nosso prazer é na lei do Senhor, somos servos de Deus.

2. De glória em glória – II Co 3:18 – “E todos nós, com o rosto desvendado, contemplando, como por
espelho, a glória do Senhor, somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem, como
pelo Senhor, o Espírito.”

As transformações geram grandes mudanças.


O Senhor nos transforma de derrotado em vitorioso.
O Corpo de Cristo foi glorificado, não se esfacelou e não virou pó. Nos veremos a Glória de Deus,
Nele.
João 17:5 e 22 – “(...)e, agora, glorifica-me, ó Pai, contigo mesmo, com a glória que eu tive junto de ti,
antes que houvesse mundo.”
22-“ Eu lhes tenho transmitido a glória que me tens dado, para que sejam um, como nós o somos;”

Jesus nos transformou e transmitiu a Glória do Pai.


Aqui na Terra somos o Corpo Glorificado de Jesus Cristo e um com Ele.
“Pai que eles sejam um , como eu e tu somos um”.
“Tudo que recebi do Pai eu vos dei”.
A glória de Deus nos foi transmitida.
Como homem glorificado você tem autoridade nesta terra para se mover no Espírito.

3. Sou agente de transformação.


Onde você chegar as coisas têm que se transformar.
A – o diabo vai sair.
Muitos vão se levantar contra você, mas você vai prevalecer.

B – A Glória de Deus vai atrair pessoas para serem salvas.

Como vencer o reino deste mundo

PREGAÇÃO APÓSTOLO - 30/08


Dn.2:12-36-“Então o rei muito se irou e enfureceu, e ordenou que matassem a todos os sábios de
Babilônia.
13 saiu, pois, o decreto, segundo o qual deviam ser mortos os sábios; e buscaram a Daniel e aos seus
companheiros, para que fossem mortos.
14 Então Daniel falou avisada e prudentemente a Arioque, capitão da guarda do rei, que tinha saído
para matar os sábios de Babilônia;
15 pois disse a Arioque, capitão do rei: Por que é o decreto do rei tão urgente? Então Arioque explicou
o caso a Daniel.
16 Ao que Daniel se apresentou ao rei e pediu que lhe designasse o prazo, para que desse ao rei a
interpretação.
17 Então Daniel foi para casa, e fez saber o caso a Hananias, Misael e Azarias, seus companheiros,
18 para que pedissem misericórdia ao Deus do céu sobre este mistério, a fim de que Daniel e seus
companheiros não perecessem, juntamente com o resto dos sábios de Babilônia.
19 Então foi revelado o mistério a Daniel numa visão de noite; pelo que Daniel louvou o Deus do céu.
20 Disse Daniel: Seja bendito o nome de Deus para todo o sempre, porque são dele a sabedoria e a
força.
21 Ele muda os tempos e as estações; ele remove os reis e estabelece os reis; é ele quem dá a sabedoria
aos sábios e o entendimento aos entendidos.
22 Ele revela o profundo e o escondido; conhece o que está em trevas, e com ele mora a luz.
23 Ó Deus de meus pais, a ti dou graças e louvor porque me deste sabedoria e força; e agora me fizeste
saber o que te pedimos; pois nos fizeste saber este assunto do rei.
24 Por isso Daniel foi ter com Arioque, ao qual o rei tinha constituído para matar os sábios de
Babilônia; entrou, e disse-lhe assim: Não mates os sábios de Babilônia; introduze-me na presença do
rei, e lhe darei a interpretação.
25 Então Arioque depressa introduziu Daniel à presença do rei, e disse-lhe assim: Achei dentre os filhos
dos cativos de Judá um homem que fará saber ao rei a interpretação.
26 Respondeu o rei e disse a Daniel, cujo nome era Beltessazar: Podes tu fazer-me saber o sonho que
tive e a sua interpretação?
27 Respondeu Daniel na presença do rei e disse: O mistério que o rei exigiu, nem sábios, nem
encantadores, nem magos, nem adivinhadores lhe podem revelar;
28 mas há um Deus no céu, o qual revela os mistérios; ele, pois, fez saber ao rei Nabucodonosor o que
há de suceder nos últimos dias. O teu sonho e as visões que tiveste na tua cama são estas:
29 Estando tu, ó rei, na tua cama, subiram os teus pensamentos sobre o que havia de suceder no futuro.
Aquele, pois, que revela os mistérios te fez saber o que há de ser.
30 E a mim me foi revelado este mistério, não por ter eu mais sabedoria que qualquer outro vivente,
mas para que a interpretação se fizesse saber ao rei, e para que entendesses os pensamentos do teu
coração.
31 Tu, ó rei, na visão olhaste e eis uma grande estátua. Esta estátua, imensa e de excelente esplendor,
estava em pé diante de ti; e a sua aparência era terrível.
32 A cabeça dessa estátua era de ouro fino; o peito e os braços de prata; o ventre e as coxas de bronze;
33 as pernas de ferro; e os pés em parte de ferro e em parte de barro.
34 Estavas vendo isto, quando uma pedra foi cortada, sem auxílio de mãos, a qual feriu a estátua nos
pés de ferro e de barro, e os esmiuçou.
35 Então foi juntamente esmiuçado o ferro, o barro, o bronze, a prata e o ouro, os quais se fizeram
como a pragana das eiras no estio, e o vento os levou, e não se podia achar nenhum vestígio deles; a
pedra, porém, que feriu a estátua se tornou uma grande montanha, e encheu toda a terra.
36 Este é o sonho; agora diremos ao rei a sua interpretação.”

O rei Nabucodonosor desejava saber o significado do seu sonho. Daniel teve a revelação do Senhor
com relação aos sonhos do rei. Há várias interpretações a respeito desta palavra, mas o que nos
ateremos é que o mistério foi revelado para os últimos dias, pois somos dos últimos dias.

A grande estátua significa o domínio à ostentação do mundo de hoje. Satanás tem a sua estátua em
todas os cantos desta terra, atrás de estátuas que são adoradas em todas as catedrais. Os que adoram a
estes ídolos são os que estavam adorando a Nabucodonosor. Hoje o homem tem sido idólatra (Sl. 115),
adorando a satanás.

Da estátua emanam 3 poderosos reinos que satanás usa:

1 – Cabeça de ouro – Ez. 28 – Era o querubim caído, aquele que se achava o cabeça. O inimigo quer
voltar para si a condição de cabeça. Significa o intelecto, o poder da alma para amarrar o homem, para
impedir o mover de Deus, trazendo incredulidade, estimulando o homem a viver na alma e não no
espírito. A filha de Jairo foi curada quando Jesus chamou o espírito dela. Muitos cristãos dormem no
espírito, a exemplo dos discípulos, ficaram dormindo enquanto Jesus orava (Jo.37 – nascidos na carne
ou do espírito).
Nossa mente simula muitas coisas, até adoração (Rm. 7:23) fazendo as pessoas ficarem destruídas
espiritualmente (II Tm. 6:5).
Se vivermos na alma seremos problemáticos, mas se vivermos com a mente de Cristo teremos vitória.
Está na hora de termos fome de Deus, sem ficarmos nos digladiando com palavras e atos. No Reino do
Espírito existem instrumentos de Deus, não almas que comandam as coisas e pessoas.

2 – Reino de Bronze – Ap.11:15


O reino deste mundo se tornará do nosso Senhor. O reino de bronze, não as pessoas com suas vidas
centradas na terra; o mundanismo e tudo o que ele produz – Jo. 17. Agora o mundo pertence a satanás,
pois jaz no maligno, com suas desgraças, misérias, prostituição. Se este mundo não pertence a Jesus, eu
também não pertenço a ele.
Vai chegar um dia que Jesus tomará conta desta terra, mas por enquanto satanás quer desvincular-nos
do Senhor.
Jo. 14:30-“ Já não falarei muito convosco, porque vem o príncipe deste mundo, e ele nada tem em
mim;”
A Igreja não pode ter relacionamento com o mundo. No altar existem músicos tocando músicas que
louvam satanás, não podemos ser coniventes com situações como esta.
I Jo. 3:18 – temos que destronar satanás deste mundo. Temos que ter mais consciência das coisas
espirituais, filtrando conversas e atitudes, fechando as portas da nossa casa para as malignidades.
Este reino (I Jo. 5:4-“ porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence
o mundo: a nossa fé.”) é vencido com a nossa fé. O diabo enganou os crentes fazendo-os como agentes
secretos durante muito tempo, mas hoje não tem mais isso; existem pessoas posicionadas para tirar o
espaço do diabo.
Ele pode ser o príncipe deste mundo, mas o domínio é da Igreja, dos servos de Deus.
Mergulhe nas coisas do Senhor, porque o reino deste mundo está chegando ao fim.

3 – Reino de Ferro –
O reino de ferro é o mundo espiritual onde satanás opera se transformando em anjo de luz (I Co.
13:14). Todas as abominações contra Deus ocorrem neste reino e nós, como seres espirituais, temos que
anular as ações dele. Se satanás nos excluir do reino espiritual, nos tornamos uma oposição a menos.
Na visão de Daniel, a visão era forte e fraca ao mesmo tempo. Ninguém expulsa demônio em nome de
belzebu, pois reino dividido não prospera.
O espírito de divisão, confusão, fofoca, miséria, prostituição são liberados contra o reino de Jesus;
porque a Igreja Apostólica é o Reino de Cristo.
Nossa luta não é contra carne e sangue, mas contra potestades e dominadores.
Muitas vezes trazemos a doutrina de Caim, irmão matando irmão. Satanás quer contaminar o reino de
Cristo trazendo enfraquecimento espiritual. À medida que você se enfraquece ele se alimenta e se
fortalece. Satanás quer o lugar de Cristo em sua vida e na Igreja. Quando ele consegue infiltrar-se, ele
fica forte.
Profecia by fone, intrigas, conversas que não edificam. A mistura é de bronze (força) com lodo
(sujeira). Estes dois elementos que não se misturam.
Não dê direito a satanás para que ele comente a sua vida ou a dos outros. Resista!!!
Naquela visão existia satanás e Cristo. Satanás na estátua com aparência terrível- vs.31.
Vs.35 – Jesus Cristo é quem vence o reino de satanás.
Vs. 44 – Suscitará um reino que jamais será vencido!!! Subsistirá para sempre.
O Reino de Cristo consumirá todos os outros reinos e subsistirá para sempre.
A primeira coisa que João Batista falou foi: é chegado o Reino de Deus.
A autoridade da Igreja de Cristo vai trazer o domínio de Cristo.
Mt. 10:7,8-“(...) e indo, pregai, dizendo: É chegado o reino dos céus.
8 Curai os enfermos, ressuscitai os mortos, limpai os leprosos, expulsai os demônios; de graça
recebestes, de graça dai.”

É chegado o Reino de Deus!

A ação da Trindade na Igreja Apostólica destrói os três reinos de satanás. O Senhor vai levá-lo a uma
nova constituição espiritual. Estes reinos foram destruídos pela pedra.
Davi derrotou o gigante com uma pedra.
Nós também temos uma pedra que destruirá satanás. Em I Pedro diz que Cristo é a pedra angular.
Mesmo com aquela estátua esplendorosa veio uma pedra e destruiu os reinos e a estátua foi consumida.
A pedra também se dividiu, não ficou íntegra formou um montão. I Co. 11:24-“(...) e, havendo dado
graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo que é por vós; fazei isto em memória de mim.”
O Corpo Dele foi partido em favor de nós.
A pedra dividiu-se e formou um monte de pedras – I Pe 2:5-“(...) vós também, quais pedras vivas, sois
edificados como casa espiritual para serdes sacerdócio santo, a fim de oferecerdes sacrifícios
espirituais, aceitáveis a Deus por Jesus Cristo.”
Eu também sou pedra.
A pedra se dividiu e formou milhões de outras pedras. Pedra para ser casa espiritual. Para sermos reinos
temos que agir como o rei Davi. Somos reinos e sacerdotes. O rei para ser rei tem que pegar a pedra e
destruir o gigante.
Hoje, o corpo que foi dividido nos fez um com Cristo. Na comunhão ela se forma novamente.
O reino de Deus chegou para você, acabou o domínio da mente. Você vencerá todas as coisas tomando
atitudes radicais contra o reino de satanás.

Os doze milagres na manifestação apostólica

I Rs.19:19-20-“Partiu, pois, Elias dali e achou Eliseu, filho de Safate, que andava lavrando com doze
juntas de bois adiante dele, estando ele com a duodécima; chegando-se Elias a Eliseu, lançou a sua capa
sobre ele.
20 Então, deixando este os bois, correu após Elias, e disse: Deixa-me beijar a meu pai e a minha mãe, e
então te seguirei. Respondeu-lhe Elias: Vai, volta; pois, que te fiz eu?”

Eliseu buscava a Deus e Ele tinha coisas profundas para Eliseu. Quando esperamos de Deus, Ele nos
visita com unção diferenciada. Existiu uma manifestação apostólica na vida de Eliseu.
Eliseu recebeu manifestação dobrada. Eram doze juntas de bois e doze é o número apostólico. Onze
juntas estavam sozinhas e a décima segunda era do comando de Eliseu.
A presença apostólica estava na vida de Elias. Assim como esta unção está manifestada na vida da
Igreja.
Mt.17:1-3, e 11-“1 Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, a Tiago e a João, irmão deste, e os
conduziu à parte a um alto monte;
2 e foi transfigurado diante deles; o seu rosto resplandeceu como o sol, e as suas vestes tornaram-se
brancas como a luz.
3 E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com ele.”
“Respondeu ele: Na verdade Elias havia de vir e restaurar todas as coisas;”
Ml.4:5-“Eis que eu vos enviarei o profeta Elias, antes que venha o grande e terrível dia do Senhor;
6 e ele converterá o coração dos pais aos filhos, e o coração dos filhos a seus pais; para que eu não
venha, e fira a terra com maldição.”

Elias foi arrebatado a exemplo do que acontecerá com a Igreja.


Elias viria e restauraria todas as coisas. Esta é a complementação da Igreja apostólica.
A unção de Elias foi dada em dobro para Eliseu (milagres em dobro ).
Doze grandes milagres relacionados: Eliseu foi profeta, mas realizou muito mais do que profetizou. A
autoridade extraordinária está depositada sobre a Igreja do Senhor Jesus Cristo.
1-II Rs. 2:14-“Então, pegando da capa de Elias, que dele caíra, feriu as águas e disse: Onde está o
Senhor, o Deus de Elias? Quando feriu as águas, estas se dividiram de uma à outra banda, e Eliseu
passou.”
Eliseu abriu o Jordão após ter recebido a capa. O poder e autoridade para abrir caminhos impossíveis
para a Igreja.
Lc. 1:19
2-II Rs. 2:19-“-“ Os homens da cidade disseram a Eliseu: Eis que a situação desta cidade é agradável,
como vê o meu senhor; porém as águas são péssimas, e a terra é estéril.”
Curou as águas de Jericó que eram salobras.
Este é o poder de cura do homem integral:corpo, alma e espírito. É a plenitude da cura.
3- II Rs.2:24-“E, virando-se ele para trás, os viu, e os amaldiçoou em nome do Senhor. Então duas
ursas saíram do bosque, e despedaçaram quarenta e dois daqueles meninos.”
Eliseu liberou as ursas quando zombaram dele e quarenta e dois homens foram destruídos.
Autoridade de juízo. Usá tocou na arca e morreu.
At. 5-> Ananias e Safira mentiram e morreram. Pessoas brincam com as coisas e desprezam as
autoridades da Igreja.
4- II Rs.4:6-“Cheias que foram as vasilhas, disse a seu filho: Chega-me ainda uma vasilha. Mas ele
respondeu: Não há mais vasilha nenhuma. Então o azeite parou.”
Eliseu aumentou o azeite da viúva.
Esta é a unção de suprimento pleno. O que não tinha vida ( vale de ossos secos ), transformando a
maldição em bênção.
5- II Rs. 4:17-“ Mas a mulher concebeu, e deu à luz um filho, no tempo determinado, no ano seguinte
como Eliseu lhe dissera.”
Eliseu quebrou a esterilidade da mulher sulamita.
Unção e poder de trazer à existência o que não existe. Os milagres que nunca aconteceram vão
acontecer.
6- II Rs. 4:35-“ Depois desceu, andou pela casa duma parte para outra, tornou a subir, e se encurvou
sobre ele; então o menino espirrou sete vezes, e abriu os olhos.”
Ressurreição do filho da sulamita.
Poder e autoridade contra a morte que está na Igreja..
I Co.15:57-“
7- II Rs. 4:41-“Ele, porém, disse: Trazei farinha. E deitou-a na panela, e disse: Tirai para os homens, a
fim de que comam. E já não havia mal nenhum na panela.”
Eliseu tirou a morte da panela ( que tinha na raiz maligna ).
Poder e autoridade contra tudo o que é mortífero->raiz de amargura, inveja, tristeza, etc.
8- II Rs.4:44-“Então lhos pôs diante; e comeram, e ainda sobrou, conforme a palavra do Senhor.”
Multiplicou vinte pães de cevada.
Poder de multiplicação ( Jo. 6 )
Multiplicação de todas as coisas de Deus em nossas vidas.
9- II Rs. 5:14-“Desceu ele, pois, e mergulhou-se no Jordão sete vezes, conforme a palavra do homem
de Deus; e a sua carne tornou-se como a carne dum menino, e ficou purificado.”
Cura da lepra de Naamã.
Is.53 e Mc 16.
Autoridade e poder contra a enfermidade.
10- II Rs. 6:6-“ Perguntou o homem de Deus: Onde caiu? E ele lhe mostrou o lugar. Então Eliseu
cortou um pau, e o lançou ali, e fez flutuar o ferro.”
Eliseu fez flutuar o machado.
Autoridade de trazer à tona o que está encoberto.
O Espírito Santo trará a revelação. Deus tem os olhos em todos os lugares e em tudo.
Pecado para cura, obras malignas cairão por terra.
11- II Rs.3:20-“ E sucedeu que, pela manhã, à hora de se oferecer o sacrifício, eis que vinham as águas
pelo caminho de Edom, e a terra se encheu d'água:”
Eliseu orou e a terra se encheu de água.
Jesus acalmou as águas do mar e andou sobre as águas.
Rm.8
Poder e autoridade para agir na natureza.
12- II Rs. 6:18-“Quando os sírios desceram a ele, Eliseu orou ao Senhor, e disse: Fere de cegueira esta
gente, peço-te. E o Senhor os feriu de cegueira, conforme o pedido de Eliseu.”
Eliseu feriu de cegueira os inimigos do Senhor, que foram levados à Samaria.
Poder total e domínio da Igreja contra o inimigo.

Eram doze juntas de bois e foram doze milagres apostólicos.


Esta é a glória da segunda casa, profetizada por Ageu.
Ele voltará e encontrará a porção dobrada de Elias atuante na porção apostólica.
Quem jogará a capa é Jesus sobre nós.
Para viver esta manifestação apostólica, precisamos saber que:
1-Saber o que aconteceu conosco.
I Rs. 19:20-“ Então, deixando este os bois, correu após Elias, e disse: Deixa-me beijar a meu pai e a
minha mãe, e então te seguirei. Respondeu-lhe Elias: Vai, volta; pois, que te fiz eu?”
Você morreu e tem saber onde é a sua sepultura. Não podemos ter mais nada a ver com o que éramos.
A capa sobre Eliseu é a cobertura da unção derramada sobre nós que muda completamente nossos
valores.
O seu maior objetivo tem que ser cumprir a vontade de Deus.
Gl. 20
Nossos valores são transformados. Não podemos ser meio cristãos, mas por inteiro.
O Senhor quer ressuscitar você para vencer os desejos da carne.
Se você é ressuscitado, os seus valores são os do Senhor, você opta pela santidade.
Se você morreu Deus o transformou e você agora é diferente. Precisamos de mais defuntos, chega de
carne, que traz brigas, arranja desculpas para os erros, extrapola em tudo o que faz, se precipita, etc.
Morto não briga, não faz a sua vontade.
Sede santos como eu sou santo, é assim que diz o Senhor. Para mudar não precisamos de fórmulas
mirabolantes, nem de grandes tratamentos, basta nos colocarmos diante do altar para sermos libertos.
Elias queria dizer para Eliseu: agora vão falar de você, vão persegui-lo, , porque você está cheio do
espírito Santo de Deus. Aquela pessoa triste que estava arando a terra, já não existe mais.
2-Dar alimento ao povo
v.21-“ Voltou, pois, de o seguir, tomou a junta de bois, e os matou, e com os aparelhos dos bois cozeu a
carne, e a deu ao povo, e comeram. Então se levantou e seguiu a Elias, e o servia.”
Eliseu matou a junta de boi, alimentou o povo e seguiu Elias e o servia.
Rm. 1:14,15-“
Paulo sabia que havia recebido e que era devedor.
Eliseu não se alimentou do boi, deu aquela comida ao povo.
Jesus deu a sua carne em favor de cada um de nós, como pão.
Aquele povo precisava receber o alimento apostólico. Você vai alimentar outras vidas: sendo servo,
desejando para o outro, se esforçando e servindo.
Têm pessoas que acham que a Igreja está aqui para servi-lo.
Uns cobram cachê evangélico para cantar, fazem exigências em cima daquele dom que Deus lhe deu de
graça. O altar é para Deus me usar e alimentar as pessoas e não para eu me alimentar.
Quem se utiliza da Igreja do senhor Jesus não serve para servir.
É tempo de doação e entrega, tempo de quebrar as barreiras.
3-Mover de milagres
De baixo da capa existia um mover de milagres.
Jesus subiu aos céus da mesma forma que Elias foi arrebatado.
At. 1:8-“
At.2
Jesus deixou a sua capa, o seu Espírito para nos cobrir com toda sorte de milagres e Consolo.
Você vai se mover em milagres maravilhosos, extraordinários.
Isto transforma vidas, faz de nós realizadores de milagres.
Só não acontece quando não temos ação imediata.
Eliseu foi até a sua família, se despediu, matou os bois e grudou em Elias.
Se você servir ao Senhor como Eliseu serviu à Elias, vai viver o melhor desta terra.
Muitos recebem a capa e continuam na lamúria, achando-se um trapo, desfavorecido, etc. Deus
conhece suas deformações, não se lamente, agarre em Jesus e os milagres vão acontecer.
1-Deixe o passado
2-Desligue-se de tudo o que tem lhe prendido e feito estagnar
3-Grude em Jesus.

A unção que vence o deserto

Êx.15:22-27-"Depois Moisés fez partir a Israel do Mar Vermelho, e saíram para o deserto de Sur;
caminharam três dias no deserto, e não acharam água.
23 E chegaram a Mara, mas não podiam beber das suas águas, porque eram amargas; por isso chamou-
se o lugar Mara.
24 E o povo murmurou contra Moisés, dizendo: Que havemos de beber?
25 Então clamou Moisés ao Senhor, e o Senhor mostrou-lhe uma árvore, e Moisés lançou-a nas águas,
as quais se tornaram doces. Ali Deus lhes deu um estatuto e uma ordenança, e ali os provou,
26 dizendo: Se ouvires atentamente a voz do Senhor teu Deus, e fizeres o que é reto diante de seus
olhos, e inclinares os ouvidos aos seus mandamentos, e guardares todos os seus estatutos, sobre ti não
enviarei nenhuma das enfermidades que enviei sobre os egípcios; porque eu sou o Senhor que te sara.
27 Então vieram a Elim, onde havia doze fontes de água e setenta palmeiras; e ali, junto das águas,
acamparam."

Deus tirou o povo de uma escravidão material. Não eram escravos espirituais. Deus os tirou para
viverem profundas experiências
espirituais para a vida deles. Traria conhecimento de quem era Deus.
No Egito tinham se aculturado com os deuses de lá.

Sl.115-4-8- “Os ídolos deles são prata e ouro, obra das mãos do homem.
5 Têm boca, mas não falam; têm olhos, mas não vêem;
6 têm ouvidos, mas não ouvem; têm nariz, mas não cheiram;
7 têm mãos, mas não apalpam; têm pés, mas não andam; nem som algum sai da sua garganta.
8 Semelhantes a eles sejam os que fazem, e todos os que neles confiam.”

Era este tipo de deus que haviam assimilado daquela cultura.


Fomos criados debaixo da mesma cultura imaginando o padrão de deus que não é o verdadeiro.
Carregamos em nosso interior uma
projeção do rosto das pinturas do que nos mostraram. Deus queria curá-los e era necessário abandonar
o que haviam aprendido no
cativeiro egípcio. Precisamos nos renovar e conhecer o verdadeiro Deus.

Tg.1:17-"Toda boa dádiva e todo dom perfeito vêm do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há
mudança nem sombra de variação."

Deus queria que o povo desejasse conhecê-lo.


Os.4:6-“O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. Porquanto rejeitaste o
conhecimento, também eu te rejeitarei, para que não sejas sacerdote diante de mim; visto que te
esqueceste da lei do teu Deus, também eu me esquecerei de teus filhos."

O Senhor deseja que conheçamos o seu poder, pois a falta de conhecimento traz a rejeição. Não
podemos ter comportamento medroso, tímido.

Os.6:1-3-“Vinde, e tornemos para o Senhor, porque ele despedaçou e nos sarará; fez a ferida, e no-la
atará.
2 Depois de dois dias nos ressuscitará: ao terceiro dia nos levantará, e viveremos diante dele.
3 Conheçamos, e prossigamos em conhecer ao Senhor; a sua saída, como a alva, é certa; e ele a nós virá
como a chuva, como a chuva serôdia que rega a terra”.

Lutas, problemas e dificuldades prosperam e acontecem porque não conhecemos a Deus como
deveríamos.
Muitas pessoas confundem vida religiosa com espiritual.
A murmuração entrou no coração daquele povo.
Quem conhece a Deus, quando chegam as dificuldades, descansam, não se angustiam e nem
murmuram.
Quem não conhece a Deus anda nos caminhos da carne.
Aquele povo estava andando em direção a uma grande bênção, mas murmuraram. Ore, vigie e conheça-
o para que você não perca de viver na plenitude o que Deus tem para você.
Paulo fala aos romanos que Deus não é Deus de confusão. Portanto, Ele não está no meio da
carnalidade, da mentira e da murmuração.
Tenha a mente de Cristo e ande conforme Deus mandar.
Não tenha Deus segundo o padrão de homens, mas segundo o padrão que você aprendeu com Ele.
Aqueles homens caminharam três dias. Perceba o que está escrito em Os.6:2-“Depois de dois dias nos
ressuscitará: ao terceiro dia nos levantará, e viveremos diante dele”.
Jesus ficou três dias na sepultura. Deus queria que aquele povo conhecesse a ressurreição, por isso não
deveriam murmurar.
Rm.8:11-“ E, se o Espírito daquele que dos mortos ressuscitou a Jesus habita em vós, aquele que dos
mortos ressuscitou a Cristo Jesus há de vivificar também os vossos corpos mortais, pelo seu Espírito
que em vós habita”.
Três dias andando no deserto não era para se levantarem contra Moisés e nem deixar a ansiedade, a
angústia e a precipitação entrarem em seus corações.
No terceiro dia Deus ressuscitou Jesus. Conheça o poder da ressurreição no meio do deserto.
Deus permitiu que depois de três dias encontrassem as águas amargas para que conhecessem a doçura
do poder transformador de Jesus Cristo.
Saiba esperar o tempo de Deus . Em toda luta saiba que Deus não está de braços cruzados, mas está
mandando o suprimento e o livramento.
No primeiro dia parece que nada vai melhorar. No segundo dia o corpo já vai se mover e, no terceiro é
dia de ressurreição.
Deus ordenou que Moisés colocasse naquela água uma árvore.

Jo.15:1-“Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o viticultor.”


Ap.22:2-“No meio da sua praça, e de ambos os lados do rio, estava a árvore da vida, que produz doze
frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas da árvore são para a cura das nações”.

A árvore significa profeticamente Jesus.


As águas amargas se transformaram em águas saborosas.
A árvore traz no meio do deserto um suprimento apostólico. Após três dias Deus proveu um suprimento
apostólico através da árvore da vida. A árvore dá doze frutos que significam os doze apóstolos.
Foram para Elim, lugar das fontes, de doze fontes.
Deus tem este suprimento para revolucionar a sua vida desértica.
Você beberá desta fonte e comerá do fruto da árvore da vida.

Êx.15:27-“Então vieram a Elim, onde havia doze fontes de água e setenta palmeiras; e ali, junto das
águas, acamparam”.
Em Elim havia doze fontes e setenta palmeiras.
No deserto estava a presença da autoridade apostólica através do discipulado.

Nm.11:16 e 17-“Disse então o Senhor a Moisés: Ajunta-me setenta homens dos anciãos de Israel, que
sabes serem os anciãos do povo e seus oficiais; e os trarás perante a tenda da revelação, para que
estejam ali contigo.
17 Então descerei e ali falarei contigo, e tirarei do espírito que está sobre ti, e o porei sobre eles; e
contigo levarão eles o peso do povo para que tu não o leves só”.

Moisés orou desesperadamente e Deus mandou com que ele separasse setenta homens para que fosse
derramada sobre eles a unção de Deus.

Lc.10:1-“Depois disso designou o Senhor outros setenta, e os enviou adiante de si, de dois em dois, a
todas as cidades e lugares aonde ele havia de ir.

Saíram setenta de dois em dois. Havia uma aliança entre os discípulos enviados.
Doze fontes e doze palmeiras- Ele tem este suprimento para que da provisão apostólica a Igreja seja
enviada no mesmo espírito para a missão que Ele tem designado.

O versículo 17 de Números 11 diz: “Então descerei e ali falarei contigo, e tirarei do espírito que está
sobre ti, e o porei sobre eles; e contigo levarão eles o peso do povo para que tu não o leves só”.
Moisés era tipicamente um apóstolo, pois estava levando o povo sozinho. A partir daquele momento a
sua unção foi derramada em igualdade sobre homens e mulheres que seriam os superintendentes da
obra.
A unção que Deus dá para um ministério apostólico é sempre diferenciada. Moisés tinha unção
específica e aqueles setenta homens receberam a mesma unção.
Esta provisão nós precisamos para enfrentar as dificuldades do deserto.
Da mesma forma, então, precisamos de um mover apostólico para enfrentar as adversidades.
Quando aqueles homens receberam aquela unção, passaram a se mover como Moisés se movia.
Precisamos desta unção de conquista, pois o deserto tenta impedir a caminhada do povo. Sendo assim,
ao ser liberado este mover, deixamos de lado as coisas que nos impedem de caminhar.
Simão, o mágico, queria comprar esta unção. Esta unção não é negociável, é um suprimento de Deus
para os seus.
Você não saiu do Egito para ser problemático, mas para ter a unção de Deus para enfrentar, lutar e
vencer.
O mover apostólico nos traz a bênção de Deus de não morrermos de sede, mas de sermos conduzidos a
águas tranqüilas.
O mundo só piora, mas melhoramos em Cristo a cada dia. Por isso precisamos levar as pessoas a
conhecerem Jesus.
Rios de águas vivas fluirão e você ganhará outras vidas, cheio do Espírito Santo de Deus.
A Sua voz tem como som de muitas águas. Não faltarão águas curadoras, revigoradoras, limpadoras.
Moisés mandou doze espias, porque é a autoridade apostólica de Deus aqui na terra para entender que
onde chega a autoridade apostólica aquele lugar não pertence mais a ninguém.
Josué e Calebe se posicionaram e tomaram posse de suas provisões, enquanto que os outros
esmoreceram e morreram sem tomar posse de nada.
Eram trinta e três o número de reis que foram vencidos. Jesus tinha 33 anos de idade. Portanto, temos
um ano para cada potestade cair por terra em nossas vidas.

Efraim e Manassés

Gn 48.11-20-“ E Israel disse a José: Eu não cuidara ver o teu rosto; e eis que Deus me fez ver também a
tua descendência.
12 Então José os tirou dos joelhos de seu pai; e inclinou-se à terra diante da sua face.
13 E José tomou os dois, a Efraim com a sua mão direita, à esquerda de Israel, e a Manassés com a sua
mão esquerda, à direita de Israel, e assim os fez chegar a ele.
14 Mas Israel, estendendo a mão direita, colocou-a sobre a cabeça de Efraim, que era o menor, e a
esquerda sobre a cabeça de Manassés, dirigindo as mãos assim propositadamente, sendo embora este o
primogênito.
15 E abençoou a José, dizendo: O Deus em cuja presença andaram os meus pais Abraão e Isaque, o
Deus que tem sido o meu pastor durante toda a minha vida até este dia,
16 o anjo que me tem livrado de todo o mal, abençoe estes mancebos, e seja chamado neles o meu
nome, e o nome de meus pois Abraão e Isaque; e multipliquem-se abundantemente no meio da terra.
17 Vendo José que seu pai colocava a mão direita sobre a cabeça de Efraim, foi-lhe isso desagradável;
levantou, pois, a mão de seu pai, para a transpor da cabeça de Efraim para a cabeça de Manassés.
18 E José disse a seu pai: Nãa assim, meu pai, porque este é o primogênito; põe a mão direita sobre a
sua cabeça.
19 Mas seu pai, recusando, disse: Eu o sei, meu filho, eu o sei; ele também se tornará um povo, ele
também será grande; contudo o seu irmão menor será maior do que ele, e a sua descendência se tornará
uma multidão de nações.
20 Assim os abençoou naquele dia, dizendo: Por ti Israel abençoará e dirá: Deus te faça como Efraim e
como Manassés. E pôs a Efraim diante de Manassés.”

Jesus disse que existem sinais que seguem os que crêem e um deles é a cura.
Mas disse também que nos últimos dias o amor de muitos se esfriaria e haveria uma comichão em ouvir
as iniqüidades.
Jesus cobrou posicionamentos porque nossa caminhada é uma guerra.
Quando nos encolhemos na fé, deixamos de praticar a palavra na plenitude.
O joio será separado do trigo, o Senhor de obra que separará. Aquele que serve de maneira íntegra vai
crescer, o que serve superficialmente vai ficar para trás.
Fique atento para que o diabo não roube a sua unção. Não retroceda diante do seu chamado.
Havia uma autoridade Apostólica na vida de José.
José tinha 2 filhos que receberam a bênção como povo de Deus. Aquela constituição estava sobre eles –
Israel (12 tribos) sem José e sem a possessão de Levi. Devem vir a ser a composição de Israel e gentios.
Os dois filhos de José não eram judeus, eram filhos de uma egípcia e não teriam parte no povo. Mas,
foram abençoados por Jacó e receberam a herança.
Profeticamente representam os gentios na herança de Israel.
Ap 21:14-“ O muro da cidade tinha doze fundamentos, e neles estavam os nomes dos doze apóstolos do
Cordeiro.”
A Israel material deveria estar em cima deste fundamento apostólico. A divisão da terra era em 12
partes ocupando o espaço da promessa (Efraim) e dos gentios (Rubenitas e ½ tribo de Manassés).
A Igreja tem sua porção muito maior do que os Israelitas. Filhos de José receberam porção dobrada.
Gl 3
Nm 26:52-56-“ Disse mais o senhor a Moisés:
53 A estes se repartirá a terra em herança segundo o número dos nomes.
54 À tribo de muitos darás herança maior, e à de poucos darás herança menor; a cada qual se dará a sua
herança segundo os que foram deles contados.
55 Todavia a terra se repartirá por sortes; segundo os nomes das tribos de seus pais a herdarão.
56 Segundo sair a sorte, se repartirá a herança deles entre as tribos de muitos e as de poucos.”
Js 16:4-“ Assim receberam a sua herança os filhos de José, Manassés e Efraim.”
Deus escolheu as coisas que não são, para confundir as que são.
Nossa herança nunca será tirada de nós.
Manassés e Efraim receberam a herança que é da Igreja de Cristo.
Temos esta habilitação no mundo espiritual. Deus nos cobrou na mesma condição de Israel.

1a– Manassés significa -> Deus nos fará esquecer de todos os nossos trabalhos (dores, lutas,
dificuldades)
Is 43:19-“ Eis que faço uma coisa nova; agora está saindo à luz; porventura não a percebeis? eis que
porei um caminho no deserto, e rios no ermo. “
O que Deus vai fazer é para herança de Manassés. Eu vou fazer você esquecer todas as suas lágrimas,
porque o meu povo vai viver esta herança apostólica.
Você veio viver: Rm. 6:4-“ Fomos, pois, sepultados com ele pelo batismo na morte, para que, como
Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim andemos nós também em novidade de
vida.”
Deus quer que você saia das prisões religiosas: Já fiz isso e não certo. Eu não acho, eu tenho certeza
que já deu certo.
Não faça sempre as mesmas coisas, faça coisas diferentes. Temos que perturbar o inferno.
Não fique amarrado ao passado. Ele tem coisas novas.
Lv 26 – Eu tiro as coisas velhas para receber o novo de Deus.
Abandone as malignidades.

1b – Manassés significa: Deus me fez esquecer a casa dos meus pais:


Todas as dores e até mesmo as alegrias são coisas do passado.
Gl 5:1-“ Para a liberdade Cristo nos libertou; permanecei, pois, firmes e não vos dobreis novamente a
um jogo de escravidão.”
Esquecer fases em que fomos prejudicados.
Deus disse a Abraão: Sai da tua terra, da tua casa, da tua família.
Significa maturidade espiritual e psicológica. Para ter herança não posso ser bebê na terra, que ninguém
pode falar nada que já fico com dodóis.
Deus quer fazer de você um referencial. Não fique amarrado a ninguém. Busque maturidade que traz
soberania sobre as lutas. Não seja alguém que precisa de aprovação humana.

1c – Manassés significa: eu tenho soberania sobre as adversidades.

2 – É tempo de Efraim. Efraim se tornou religioso depois, mas enquanto foi fiel, foi grandemente
abençoado.
Deus me prosperará na terra da minha aflição. Sf. 3:20-“Naquele tempo vos trarei, naquele tempo vos
recolherei; porque farei de vós um nome e um louvor entre todos os povos da terra, quando eu tornar o
vosso cativeiro diante dos vossos olhos, diz o Senhor.”
Deus vai mudar a sua sorte. É o tempo em que a Igreja vai viver prosperidade no local da sua
dificuldade.
Jo. 16:33-“Tenho-vos dito estas coisas, para que em mim tenhais paz. No mundo tereis tribulações; mas
tende bom ânimo, eu venci o mundo.”
Terra de aflição significa todas as áreas de lutas, perseguições, etc.
Efraim para a Igreja: prosperidade na terra da aflição.
1 – tempo -> aflição.
2 – tempo -> prosperar nesta terra.
Somos a geração apostólica sobre fundamentos.
Manassés e Efraim -> temos que andar de 2 em 2 para ganhar a terra.
Mt. 18 -> ligado na terra e nos céus
Sl. 60:7-“ Meu é Gileade, e meu é Manassés; Efraim é o meu capacete; Judá é o meu cetro.”

3 coisas Efraim e Manassés receberam:


1 – Enxertados na videira. Não eram, mas passaram a ser. Jo 15.
2 – Receberam a bênção de Israel.
3 – Receberam a porção na terra, a herança do Senhor.

4 regras para receber a herança:


1 – Tire as coisas físicas que lhe fazem lembrar do tempo de lutas, como fotos e outros objetos. É
tempo de limpeza. Estas habilitações não deixam você viver o tempo de Manassés e Efraim.
2 – Não alimente ilusões de ter coisas antigas. Guarde o novo. José teve tudo novo. Levanta os seus
olhos.
3 – Profetize que você tem herança todos os dias. José recebeu Efraim e Manassés. Deus vai lhe
levantar no Egito.
4 – Não abra mão de ter a sua herança.

ABUNDÂNCIA SOBRENATURAL

José passou por um ciclo espiritual que o levou a viver a abundância.


Ele passou e foi habilitado para a abundância porque ele foi:
1 – Fiel no pouco.
Mt 25:25-“(...)receoso, escondi na terra o teu talento; aqui tens o que é teu.”
Lc 19:17-“Respondeu-lhe o senhor: Muito bem, servo bom; porque foste fiel no pouco, terás autoridade
sobre dez cidades.”
A fidelidade é um princípio, uma condição para viver a abundância.
Por isso em Malaquias 3, diz que temos que dar o dízimo e oferta.
Jesus mostra através destes versículos que passando por adversidades temos que ter um coração
humilde.
O que recebe pouco e é humilde vai receber muito mais; vai ser colocado em honra.
A arrogância é inimiga da humildade. Muitos músicos negociam a sua voz com cachês exorbitantes,
pedindo carro, hotel, fazendo exigências e esquecendo que o Senhor é Aquele que nos dá o dom.
Nós não éramos nada, se Deus tirar o Seu Espírito Dele eu volto a ser nada. Se Ele me oferecer o
pouco, serei fiel porque Ele vai me honrar. Devo pregar, cantar em todos os lugares, independente das
condições adversas.
A carne traz malignidades.
Não existem artistas na obra de Deus.
José não tinha nada e era fiel ao Senhor, sabia que Deus o abençoaria. O diabo ainda vai ver você na
mesa como faraó.
Em Mateus diz que receberemos o muito de Deus se formos fiéis no pouco em Lucas diz que teremos
autoridade sobre cidades. Governador tem autoridade. É assim que Deus vai lhe fazer.

2 – Aprendeu que a prosperidade estava nele.


A prosperidade está em nós. Precisamos declarar e saber que não está nas coisas e objetos, mas em nós.
Inúmeras vezes o inimigo coloca em nossa mente:O dia que eu for isso ou aquilo, Deus vai me
abençoar.
“Josué 1:8 Não cesses de falar deste Livro da Lei; antes, medita nele dia e noite, para que tenhas
cuidado de fazer segundo tudo quanto nele está escrito; então, farás prosperar o teu caminho e serás
bem-sucedido.”
A prosperidade não estava na casa de Potifar, nem na cadeia, mas estes lugares receberam a visita de
um homem próspero. Muitas vezes ficamos esperando situações e condições para receber prosperidade,
porém Deus nos fez prósperos, independente de onde estivermos.
Você fará prosperar os seus caminhos...
Vá para o lugar certo, assim como José precisava ir para casa de Potifar e a cadeia especial, pois Potifar
era um general; por isso foi para cadeia real e de lá prosperou.
Você vai prosperar tudo e todas as coisas ao seu redor.

3 – Aprendeu os princípios espirituais de repartir.


Não poderia ser grande se não repartisse.
Lc 6:38-“(...)dai, e dar-se-vos-á; boa medida, recalcada, sacudida, transbordante, generosamente vos
darão; porque com a medida com que tiverdes medido vos medirão também.”
Ecl 11:1-“ Lança o teu pão sobre as águas, porque depois de muitos dias o acharás. 2 Reparte com sete
e ainda com oito, porque não sabes que mal sobrevirá à terra. 4 Quem somente observa o vento nunca
semeará, e o que olha para as nuvens nunca segará.”
Nunca José alimentou um espírito de vingança. Muitos querem prosperar para se vingar de pessoas que
o humilharam ou roubaram.
José não era egoísta, mas estava pronto para repartir da sua prosperidade com a sua família.
Aquele que reparte está habilitado para ser suprido no futuro.
Muitos são egoístas, deformados nos relacionamentos: ministérios que não delegam, estão destinados a
morrer.
Repartir tem o princípio em delegar. Deus multiplica o que nós entregamos. Têm mães que não querem
repartir os filhos com genros ou noras, pastores que não repartem seu ministério com outros com medo
de perder.
Quando a família de José chegou no Egito, José mostrou que era desprovido de arrogância e era
abençoado. Espírito de murmuração, de egoísmo têm que sair.

4 – José incorporou no seu espírito às bênçãos de Abraão.


Gn 12:2-“(...) de ti farei uma grande nação, e te abençoarei, e te engrandecerei o nome. Sê tu uma
bênção!”
José, Jacó, Isaque, Abraão, geração abençoada.
Temos que incorporar no nosso modo de vida as bênçãos de Abraão.
José era diferente de seus irmãos. Sabia que Deus era poderoso para lhe dar sonhos diferentes. Eram da
mesma linhagem, mas José sabia que as bênçãos de Abraão fariam diferença na vida dele. Os irmãos de
José significavam a incredulidade de Israel. Eles tinham nos seus corpos a bênção de Abraão, mas
viviam a teoria. José é a Igreja do Deus Vivo que vive os milagres. Você não é incapaz, não é
desprovido de cultura, mas você vai conquistar porque a prosperidade do Senhor está disponível para
nós.
Alguns homens em si mesmos não tinham nenhuma capacidade, como: Moisés gago, Pedro semi-
analfabeto, mas eram cheios do poder do Espírito Santo.
Nunca diga: Não posso, não conquistarei... quem sou eu?!
O que Deus tem para sua vida o Senhor vai lhe dar.
Deus pega o que não é e confunde os que são. Mas isto precisa de fé.
Certa vez um pastor ganhou uma égua, ungiu e agradeceu. Soube de um cavalo muito bom e cruzou
com aquela égua. Nasceu um cavalo campeão, multiplicando em cavalos campeões.
“Gl 3:14 para que a bênção de Abraão chegasse aos gentios, em Jesus Cristo, a fim de que
recebêssemos, pela fé, o Espírito prometido.”

Partindo deste ciclo então José foi abençoado porque recebeu:

1 – Visão de guerra espiritual para ser próspero.


Quem imaginaria que Davi, um simples pastor seria o maior rei de Israel e José, vendido como escravo
viveria o melhor, o excelente.
O que você tinha escrúpulo de conquistar vai cair por terra. Tenha prazer em realizar para Deus. O seu
rosto vai brilhar porque você vai ser um reflexo Dele aqui na terra. Entre em guerra espiritual para
conquistar a abundância, cura, libertação, prosperidade em todas as áreas.
O Espírito Santo tem poder de fazer tudo novo, deixe as coisas velhas para trás. Tudo o que lhe roubou,
o que descaracterizou, que você não consegue crer, Deus vai fazer tudo novo.

2 - Lutar contra a cegueira.


Preciso enxergar como José a minha prosperidade.

3 – Guerrear contra o medo de que você seja próspero e os outros pensem mal de você.
Deus vai mudar a sua sorte. Enxergue a sua bênção e admita que você quer ser próspero.

III Jo 2-“ Amado, acima de tudo, faço votos por tua prosperidade e saúde, assim como é próspera a tua
alma.”
Tenha mente de livre e não pense mais como escravo. Tudo o que está engavetado você receberá de
volta. Sonhe e receba em Nome de Jesus.
Quantos anos demorou para José ter a maior prosperidade que esta terra já viu? Sete anos.
Is 11:2-“ Repousará sobre ele o Espírito do SENHOR, o Espírito de sabedoria e de entendimento, o
Espírito de conselho e de fortaleza, o Espírito de conhecimento e de temor do SENHOR.”

7 espíritos de Deus, são características de Deus que foram colocadas em José e são colocadas sobre
você.
Você terá 7 anos de prosperidade.

Três bênçãos sobre nós:

1 – Gênesis 49, suprimento como os da areia do mar. Tu serás supridor de famílias e nações da Palavra
que colocarei na tua boca.

2 – Teu casamento será um suprimento, modelo de abundância. Suprimento além da medida normal
que você já vive, viva o excesso.
3 – Siro - suprimentos dos tesouros escondidos.
Is 45:2-“ Eu irei adiante de ti, endireitarei os caminhos tortuosos, quebrarei as portas de bronze e
despedaçarei as trancas de ferro; 3 dar-te-ei os tesouros escondidos e as riquezas encobertas, para que
saibas que eu sou o SENHOR, o Deus de Israel, que te chama pelo teu nome.”

Você é José, você não é miserável. Enxergue aonde Deus vai lhe levar.
Prepare os seus celeiros, prepare o seu bolo para a festa.

Realização dos Sonhos

Texto Gn.41:37-43
37 Esse parecer foi bom aos olhos de Faraó,olhos de todos os seus servos.
38 Perguntou, pois, Faraó a seus servos: Poderíamos achar um homem como este, em quem haja o
espírito de Deus?
39 Depois disse Faraó a José: Porquanto Deus te fez saber tudo isto, ninguém há tão entendido e sábio
como tu.
40 Tu estarás sobre a minha casa, e por tua voz se governará todo o meu povo; somente no trono eu
serei maior que tu.
41 Disse mais Faraó a José: Vê, eu te hei posto sobre toda a terra do Egito.
42 E Faraó tirou da mão o seu anel-sinete e pô-lo na mão de José, vestiu-o de traje de linho fino, e lhe
pôs ao pescoço um colar de ouro.
43 Ademais, fê-lo subir ao seu segundo carro, e clamavam diante dele: Ajoelhai-vos. Assim Faraó o
constituiu sobre toda a terra do Egito.
A-Introdução-A dimensão em que José vivia era a da fé que o possibilitou a viver a concretização dos
seus sonhos. Gn.37:5 José teve um sonho, que contou a seus irmãos.....
O Egito e todo o Israel se inclinaram conforme os sonhos proféticos que o Senhor dera a José.
O sonho profético se cumpre, pois ele é como a palavra profética.
Isaias 55:8-13-“Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos
os meus caminhos, diz o Senhor.
9 Porque, assim como o céu é mais alto do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que
os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos.
10 Porque, assim como a chuva e a neve descem dos céus e para lá não tornam, mas regam a terra, e a
fazem produzir e brotar, para que dê semente ao semeador, e pão ao que come,
11 assim será a palavra que sair da minha boca: ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me
apraz, e prosperará naquilo para que a enviei.
12 Pois com alegria saireis, e em paz sereis guiados; os montes e os outeiros romperão em cânticos
diante de vós, e todas as árvores de campo baterão palmas.
13 Em lugar do espinheiro crescerá a faia, e em lugar da sarça crescerá a murta; o que será para o
Senhor por nome, por sinal eterno, que nunca se apagará.”
B-O sonho profético se cumpre.
Processo de preparação para o cumprimento do sonho profético.
1-Não abrir mão dos sonhos que Deus deu.
João10: 10
O diabo veio senão para roubar, matar e destruir, e constantemente o inimigo luta para fazer você abrir
mão dos sonhos que Deus tem para a sua vida.
Ao abrir mão dos sonhos a incredulidade se instala com o objetivo de matar a palavra profética,
impossibilitando o agir de Deus, pois sem fé é impossível agradar a Deus.
2-Estar disposto a romper com aquilo que te afasta de Deus.
Mt 10:37-39
37 Quem ama o pai ou a mãe mais do que a mim não é digno de mim; e quem ama o filho ou a filha
mais do que a mim não é digno de mim.
38 E quem não toma a sua cruz, e não segue após mim, não é digno de mim.
39 Quem achar a sua vida perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de mim achá-la-á.
Os sonhos proféticos se realizarão quando toda a dependência de estrutura humana e maligna for
quebrada e você se revestir do homem espiritual.
Ter a certeza do agir de Deus, não dependendo de posicionamentos carnais para a realização do que é
de Deus para a sua vida.
Neste ano de José sonhos ministeriais só se realizarão se você estiver na completa dependência do
Espírito Santo.
3-Não deixar tropeços amarrarem os seus pés.
IITm 4:7
7 Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé.
Temos o chamado para ficarmos em pé, pois o reino de Deus é conquistado por esforço.
Você precisa lutar para conquistar os sonhos, andar naquilo que é o teu chamado e guardar a fé que
significa viver com integridade, em testemunho de fidelidade para com Deus
4-Não olhar para traz.
Gn. 19:26
26 Mas a mulher de Ló olhou para trás e ficou convertida em uma estátua de sal.
A mulher de Ló estava desligada do alvo que era deixar para traz o pecado de Sodoma e Gomora, e
andar em novidade de uma vida santa e comprometida com Deus.
Você não pode ficar desligado daquilo que é o seu alvo.
Renove a sua mente em Cristo Jesus, pois com a mente de Cristo você pode conquistar os seus sonhos.
C-Os sonhos irão trazer.
1-A cura de toda a religiosidade.
A religiosidade é uma distorção da verdadeira fé, pois ela impõe jugo que limita e transtorna a vida do
homem.
2-A materialização dos sonhos.
Você deve se esforçar para poder conquistar.
Pv 24:30-34
30 Passei junto ao campo do preguiçoso, e junto à vinha do homem falto de entendimento;
31 e eis que tudo estava cheio de cardos, e a sua superfície coberta de urtigas, e o seu muro de pedra
estava derrubado.
32 O que tendo eu visto, o considerei; e, vendo-o, recebi instrução.
33 Um pouco para dormir, um pouco para toscanejar, um pouco para cruzar os braços em repouso;
34 assim sobrevirá a tua pobreza como um salteador, e a tua necessidade como um homem armado.
A deformação que rouba o sonho é a preguiça.A preguiça é a falta de vontade de realizar o que Deus já
mandou fazer.Vença a preguiça e conquiste os teus sonhos.
3-Abrir as portas do mundo espiritual para grandes realizações.
Salmo 126:5-6
5 Os que semeiam em lágrimas, com cânticos de júbilo segarão.
6 Aquele que sai chorando, levando a semente para semear, voltará com cânticos de júbilo, trazendo
consigo os seus molhos.
Neste ano o jubilo de festa estará em teus lábios pelas grandes realizações que você terá em Deus.
D-Ministério de Sonhos.
7 Pensamentos Proféticos
1-Você é filho e herdeiro de Deus. Rm 8:17
2-Não temer, você é de Deus. Is 43:3
3-Você será um Jardim regado.
4-Abrir-se-ão portas por lugares nunca vistos II Cr.16:9
5-Ser forte, pois ninguém te suportará.
6-Ter espírito excelente, como Devi e José.
7-Realizar sonhos com lugar de destaque. Ser cabeça.

ANO DE JOSÉ - Como sair do fundo do poço

Vamos aprender a viver na dimensão de José. Haverá um resgate em sua família que estava separada e
através de sua vida abençoou a sua casa.
A vitória começa na vida espiritual. Tudo tem que ter uma base espiritual. Onde José estivesse o Senhor
estava em primeiro lugar.
Muitos têm o coração comprometido com a falta de perdão. Temos que ser um diferencial em nossa
casa. Deus vai te honrar.
Gn. 45.8 – “Assim, não fostes vós que me enviastes para cá, e sim Deus, que me pôs por pai de Faraó, e
senhor de toda a sua casa, e como governador em toda a terra do Egito.”
Gn 37.11.19-22
“Seus irmãos, pois, o invejavam; mas seu pai guardava o caso no seu coração.”
“dizendo uns aos outros: Eis que lá vem o sonhador!
20 Vinde pois agora, matemo-lo e lancemo-lo numa das covas; e diremos: uma besta-fera o devorou.
Veremos, então, o que será dos seus sonhos.
21 Mas Rúben, ouvindo isso, livrou-o das mãos deles, dizendo: Não lhe tiremos a vida.
22 Também lhes disse Rúben: Não derrameis sangue; lançai-o nesta cova, que está no deserto, e não
lanceis mão nele. Disse isto para livrá-lo das mãos deles, a fim de restituí-lo a seu pai.”
A-1º Pilar – Como sair do fundo do poço. A origem desta expressão veio da situação de José.
Deus só dá algo que você possa administrar. Ele precisou ser tratado, quebrantado para que o plano se
cumprisse.
Muitas vezes nossa arrogância, prepotência, nos impede de viver o plano de Deus.
Existem pessoas que vivem um evangelho do achismo, que querem que a sua própria vontade
prevalece.
O espírito de rebeldia, da usurpação de Saul tem se manifestado na personalidade das pessoas.
Para Deus não existe acepção de pessoas, se você tem ou não tem dinheiro, a cor, seu status. Deus está
interessado no que Ele falou para Samuel – Eu olho o teu interior e não o exterior. José tinha que passar
por situações difíceis para receber a vitória. Fp. 1.6 – “Estou plenamente certo de que aquele que
começou boa obra em vós há de completá-la até ao Dia de Cristo Jesus”.
Satanás quer transformar o plano de Deus desvirtuando o que Deus quer. Deus é amor, cuida da minha
vida, está na frente e tudo corresponde para o meu bem.
Dentro da humildade, Deus vai trabalhar pois há um propósito maravilhoso lá na frente. Deus usa o
diabo para realizar a obra dele.
A malignidade que estava nos irmãos de José - jogaram-no no fundo do poço e isto foi usado por Deus
para tratá-lo.
Condições que leva um servo ao fundo do poço:
1 – Sua causa
2 – Deus permite
Poço do deserto deveria ter um pouco de água (os Ismaelitas pararam para beber).
No fundo do poço ele deve ter ouvido que não havia mais jeito, que era o fim, mas ele não desistiu. O
inimigo não terá poder de perturbar a sua mente, ninguém poderá impedir a ação de Deus em nossa
vida.
Na hora que Jesus estava indo para a cruz ficou sozinho. Os discípulos dormiram. Mas ele não deixou
de fazer a obra. Não tem desculpas – o Reino de Deus é tomado à força.
Você vai se levantar contra o inferno.
O fundo do poço é a rota de passagem para o trono.
Deus vai lhe tirar do fundo do poço. Rm. 12.2 – “E não vos conformeis com este século, mas
transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e
perfeita vontade de Deus.”
Só permanece no fundo do poço quem é passivo. Se cruzar os braços e ficar lá não acontece nada. José
estava cheio do Espírito Santo, tinha um sonho e não abria mão dele.
Por causa do seu sonho você vencerá. Não se conforme, ande e viva em vitória. Se você está parado,
Ele veio mandar os teus livramentos.

B-Para sair do fundo do poço precisamos tomar atitudes:


1 – Enxergar o sonho.
Gn 37-Religioso não enxerga o melhor, não sabe que Deus tem em abundância para dar.
2 – Viver no Espírito a promessa.
Seria mais fácil José dar uma de camaleão. Falar o que os outros falam, andar como outros andam. Ao
ver a reação dos seus irmãos ele poderia pedir desculpas e dizer que este sonho não tinha nada há ver.
“Aquele que prometeu é fiel”.
Têm pessoas que fazer pós-graduação em Deus e fica achando que tudo é ficção. Homem de Deus é o
que estuda a Palavra e pratica. Deus nos forma. Dn 7 – O espírito excelente habitava em Daniel “. É
este espírito excelente que deve estar em você.
Deus só honra e constitui aquele que é tratado; pagando o preço.
3 - Venceu as opiniões humanas.
O que mais o diabo tem feito é dar opiniões desfavoráveis.Para servir a Deus importa não agradar a
homens. Sl. 3.15 – “O SENHOR afastou as sentenças que eram contra ti e lançou fora o teu inimigo. O
Rei de Israel, o SENHOR, está no meio de ti; tu já não verás mal algum.”
José ouvia o Espírito, ele era aquilo que no Sl 1 é falado.
Você tem que meditar de dia e noite.
Amós. 3.3 – “Andarão dois juntos, se não houver entre eles acordo?”
Deus tem opinião a meu respeito: pensamentos de vida.
4 – Venceu a auto-imagem.
Tinha estereotipo completamente diferente dos egípcios. José era um estrangeiro. José foi o mais
importante, porque venceu sua auto-imagem. O que Deus tem para fazer em você é maravilhoso.
A unção vem com o desejo de servir a Deus, independente de quem for. Quem constitui é o Senhor.
5 – Manter-se vivo.
Alguns morreram em seu interior e andam por aí mais mortos do que vivos. Jo. 10.10 – “O ladrão vem
somente para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância.”
Sl. 112 – Espera no Senhor teu Deus.
Muitos só são espirituais quando tudo está bem e quando está mal desejam morrer. Ter vida é ter prazer
nas coisas de Deus.
O sonho tem quer alimentar o teu espírito.
6 – Vencer a família
Mq. 7 – Inimigos são da sua própria casa. Jesus veio para trazer confusão. Não é para desonrar, mas
não podermos deixar de dar prioridade ao Senhor. Cuide das coisas do Senhor e Ele vai cuidar da sua
família.
7 – Vencer obstáculos
Sl. 18 – Com meu Deus eu salto muralhas.
Muralhas espirituais precisam de atitudes ousadas, de luta. José estava pronto para sair do poço. Saiu na
hora, não ficou chorando e triste com seu destino.

O fogo de Deus

Nm 16.1-40
"1 Ora, Corá, filho de Izar, filho de Coate, filho de Levi, juntamente com Datã e Abirão, filhos de
Eliabe, e Om, filho de Pelete, filhos de Rúben, tomando certos homens,
2 levantaram-se perante Moisés, juntamente com duzentos e cinqüenta homens dos filhos de Israel,
príncipes da congregação, chamados à assembléia, varões de renome;
3 e ajuntando-se contra Moisés e contra Arão, disseram-lhes: Demais é o que vos arrogais a vós, visto
que toda a congregação e santa, todos eles são santos, e o Senhor está no meio deles; por que, pois, vos
elevais sobre a assembléia do Senhor?
4 Quando Moisés ouviu isso, caiu com o rosto em terra;
5 depois falou a Corá e a toda a sua companhia, dizendo: Amanhã pela manhã o Senhor fará saber
quem é seu, e quem é o santo, ao qual ele fará chegar a si; e aquele a quem escolher fará chegar a si.
6 Fazei isto: Corá e toda a sua companhia, tomai para vós incensários;
7 e amanhã, pondo fogo neles, sobre eles deitai incenso perante o Senhor; e será que o homem a quem
o Senhor escolher, esse será o santo; demais é o que vos arrogais a vós, filhos de Levi.
8 Disse mais Moisés a Corá: Ouvi agora, filhos de Levi!
9 Acaso é pouco para vós que o Deus de Israel vos tenha separado da congregação de Israel, para vos
fazer chegar a si, a fim de fazerdes o serviço do tabernáculo do Senhor e estardes perante a
congregação para ministrar-lhe,
10 e te fez chegar, e contigo todos os teus irmãos, os filhos de Levi? procurais também o sacerdócio?
11 Pelo que tu e toda a tua companhia estais congregados contra o Senhor; e Arão, quem é ele, para que
murmureis contra ele?
12 Então Moisés mandou chamar a Datã e a Abirão, filhos de Eliabe; eles porém responderam: Não
subiremos.
13 É pouco, porventura, que nos tenhas feito subir de uma terra que mana leite e mel, para nos matares
no deserto, para que queiras ainda fazer-te príncipe sobre nós?
14 Ademais, não nos introduziste em uma terra que mana leite e mel, nem nos deste campos e vinhas
em herança; porventura cegarás os olhos a estes homens? Não subiremos.
15 Então Moisés irou-se grandemente, e disse ao Senhor: Não atentes para a sua oferta; nem um só
jumento tenho tomado deles, nem a nenhum deles tenho feito mal.
16 Disse mais Moisés a Corá: Comparecei amanhã tu e toda a tua companhia perante o Senhor; tu e
eles, e Arão.
17 Tome cada um o seu incensário, e ponha nele incenso; cada um traga perante o Senhor o seu
incensário, duzentos e cinqüenta incensários; também tu e Arão, cada qual o seu incensário.
18 Tomou, pois, cada qual o seu incensário, e nele pôs fogo, e nele deitou incenso; e se puseram à porta
da tenda da revelação com Moisés e Arão.
19 E Corá fez ajuntar contra eles toda o congregação à porta da tenda da revelação; então a glória do
Senhor apareceu a toda a congregação.
20 Então disse o senhor a Moisés e a Arão:
21 Apartai-vos do meio desta congregação, para que eu, num momento, os possa consumir.
22 Mas eles caíram com os rostos em terra, e disseram: ó Deus, Deus dos espíritos de toda a carne,
pecará um só homem, e indignar-te-ás tu contra toda esta congregação?
23 Respondeu o Senhor a Moisés:
24 Fala a toda esta congregação, dizendo: Subi do derredor da habitação de Corá, Datã e Abirão.
25 Então Moisés levantou-se, e foi ter com Datã e Abirão; e seguiram-nos os anciãos de Israel.
26 E falou à congregação, dizendo: Retirai-vos, peço-vos, das tendas desses homens ímpios, e não
toqueis nada do que é seu, para que não pereçais em todos os seus pecados.
27 Subiram, pois, do derredor da habitação de Corá, Datã e Abirão. E Datã e Abirão saíram, e se
puseram à porta das suas tendas, juntamente com suas mulheres, e seus filhos e seus pequeninos.
28 Então disse Moisés: Nisto conhecereis que o Senhor me enviou a fazer todas estas obras; pois não as
tenho feito de mim mesmo.
29 Se estes morrerem como morrem todos os homens, e se forem visitados como são visitados todos os
homens, o Senhor não me enviou.
30 Mas, se o Senhor criar alguma coisa nova, e a terra abrir a boca e os tragar com tudo o que é deles, e
vivos descerem ao Seol, então compreendereis que estes homens têm desprezado o Senhor.
31 E aconteceu que, acabando ele de falar todas estas palavras, a terra que estava debaixo deles se
fendeu;
32 e a terra abriu a boca e os tragou com as suas famílias, como também a todos os homens que
pertenciam a Corá, e a toda a sua fazenda.
33 Assim eles e tudo o que era seu desceram vivos ao Seol; e a terra os cobriu, e pereceram do meio da
congregação,
34 E todo o Israel, que estava ao seu redor, fugiu ao clamor deles, dizendo: não suceda que a terra nos
trague também a nós.
35 Então saiu fogo do Senhor, e consumiu os duzentos e cinqüenta homens que ofereciam o incenso.
36 Então disse o Senhor a Moisés:
37 Dize a Eleazar, filho de Arão, o sacerdote, que tire os incensários do meio do incêndio; e espalha tu
o fogo longe; porque se tornaram santos
38 os incensários daqueles que pecaram contra as suas almas; deles se façam chapas, de obra batida,
para cobertura do altar; porquanto os trouxeram perante o Senhor, por isso se tornaram santos; e serão
por sinal aos filhos de Israel.
39 Eleazar, pois, o sacerdote, tomou os incensários de bronze, os quais aqueles que foram queimados
tinham oferecido; e os converteram em chapas para cobertura do altar,
40 para servir de memória aos filhos de Israel, a fim de que nenhum estranho, ninguém que não seja da
descendência de Arão, se chegue para queimar incenso perante o Senhor, para que não seja como Corá
e a sua companhia; conforme o Senhor dissera a Eleazar por intermédio de Moisés."

Corá, Datã e Abirão eram pessoas do povo de Deus. Saíram do Egito e guiaram-se pela palavra que
Moisés seria o libertador.
Satanás trabalha para inviabilizar aquilo que Deus tem como plano.
Você está caminhando na direção da sua promessa, mas satanás começa a trabalhar em sua mente para
impedir a realização.
Os três já estavam dizendo que a terra que manava leite e mel era o Egito, invertendo valores. A vida
deles foi tragada.

O que significa cada um destes nomes:


CORÉ - demônio da rebeldia - aquele que se levanta conta autoridades, partindo das deformações.
DATÂ - entidade que traz arrogância, prepotência, insolência, aqueles que se acham no direito de
confrontar as autoridades.
ABRÃO - espírito de divisão e traição, insufla a divisão.

Agem contra a soberania do corpo de Cristo trazendo sacrifícios de corpo estranho.


"Moisés para cada homem você trará um incensário, a fumaça que eu aceitar significa que estou
contigo."
Nos dias de hoje o espírito de Corá, Data e Abirão ainda atua: vida sexual ilícita, inveja, negativismo,
fofoca...
Exalam incenso que o Senhor não recebe; Deus só recebe o que provém da santidade.
A santidade começa nos jovens, no Projeto Amar, na Casa de Deus tem que haver santidade.
Muitos estão sofrendo, porque pensam que estão enganando a Deus. Onde você está Deus enxerga.
Pessoas que não assistem culto, marcam tudo para aquele horário - isto é malignidade.
Oficiais andando sem prestar atenção à santidade de Deus durante o culto. Precisamos trabalhar e
exalar incenso agradável.
Pessoas críticas que não tiram a trave de seus olhos.
Pessoas que pensam que a Igreja é um clube, marcando churrasco domingo. Domingo é dia do Senhor.
A prioridade é servir a Deus em santidade.
Cuidado com a religiosidade - é uma capa.
Se você almeja trabalhar, santifique-se. Estes três demônios têm que cair, porque Deus não aceita fogo
estranho.
Cuidado com pessoas que ficam ligando para você, satanás também ligou para os anjos e juntos
quiseram derrubar a Deus.
O sagrado não pode ser tocado. Ex.: pastores, voluntários que entram com ação trabalhista.
O trigo e a palha serão queimados. Palha - queimada.

Estes demônios se manifestaram - fariseus.


Mt. 9.34-" Os fariseus, porém, diziam: É pelo príncipe dos demônios que ele expulsa os demônios."
Mt. 8.28,29- "Tendo ele chegado ao outro lado, à terra dos gadarenos, saíram-lhe ao encontro dois
endemoninhados, vindos dos sepulcros; tão ferozes eram que ninguém podia passar por aquele
caminho.
29 E eis que gritaram, dizendo: Que temos nós contigo, Filho de Deus? Vieste aqui atormentar-nos
antes do tempo?"
Mt. 26.15,16-" e disse: Que me quereis dar, e eu vo-lo entregarei? E eles lhe pesaram trinta moedas de
prata.
16 E desde então buscava ele oportunidade para o entregar."
No ministério de Paulo ele enfrentou muitas oposições:
Alexandre - 2 Tm 4.14-"Alexandre, o latoeiro, me fez muito mal; o Senhor lhe retribuirá segundo as
suas obras."- rebeldia.
Mineu e Fileto - 2 Tm 2.17-18-"...e as suas palavras alastrarão como gangrena; entre os quais estão
Himeneu e Fileto,
18 que se desviaram da verdade, dizendo que a ressurreição é já passada, e assim pervertem a fé a
alguns." - palavra como câncer que corroía.
Três homens não se venderam: Dn 3 - a estátua foi levantada e eles não se ajudaram.
O fogo da fornalha era fogo estranho, porém para os três era um fogo agradável a Deus. Estes
demônios não têm autoridade.
Três dias Jesus esteve na sepultura e os venceu: ressuscitou e colocou os três demônios debaixo dos
seus pés.

Fogo de Deus:
1- Vem para trazer justiça;
2- Traz todas as bênçãos de avivamento.

Ex.:
Oferta - Jz 6.21-" E o anjo do Senhor estendeu a ponta do cajado que tinha na mão, e tocou a carne e os
bolos ázimos; então subiu fogo da rocha, e consumiu a carne e os bolos ázimos; e o anjo do Senhor
desapareceu-lhe da vista."
Nesta ocasião Gideão se posicionou.
2 Cr. 7.1-"Tendo Salomão acabado de orar, desceu fogo do céu e consumiu o holocausto e os
sacrifícios; e a glória do Senhor encheu a casa".- O Senhor abriu os céus e encheu a casa com sua
glória.
1 Rs 18.38 - Elias orou e o fogo desceu.
At. 2-Quando os discípulos estavam orando as línguas se manifestaram.

A Igreja não nasceu de rebeldia, de acordos e concessões, mas nasceu do fogo santo de Deus.
Quando a santidade é total, sobe o incenso e agrada ao Senhor.
O fogo de Deus venceu Datã, Abrião e Corá.
Quando subiu o fogo santo de Moisés, Deus respondeu com fogo.

Para receber este fogo, precisamos ter:

1 - Marcas do evangelho - Gl 617-" Daqui em diante ninguém me moleste; porque eu trago no meu
corpo as marcas de Jesus."
Filemom 13 - perseguições.
Quando tudo estiver contra você glorifique e o Senhor vai marcá-lo com poder.
Paulo deixou claro que devemos sentir prazer nas tribulações...

2 - Coração submisso a Deus e às autoridades- Submissão plena.


Hb 11 - Heróis da fé que passaram por tudo em vitória.
Somos submissos a uma constituição apostólica.
O coração rebelde não vê o fogo de Deus.

3 - Santidade
1 Pd 1.15,16-" mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em todo o vosso
procedimento;
16 porquanto está escrito: Sereis santos, porque eu sou santo."
Ter santidade em todos os relacionamentos: filhos, esposa (o), lá fora.
Contagie o mundo com Jesus e não seja contaminado por ele.
Mt. 5 - para que a vossa luz brilhe diante dos homens.
Afaste-se dos rebeldes, daqueles que ficam falando mal dos outros. Santidade ao Senhor.
Deus está esperando que os incensários se acendam e cheguem até ele.
Unção - Is 10.27-" E naquele dia a sua carga será tirada do teu ombro, e o seu jugo do teu pescoço; e o
jugo será quebrado por causa da gordura." - unção que quebra o jugo - AVIVAMENTO!

Sete bênçãos decorrentes de uma vida no fogo de Deus:

1 - Cura das enfermidades - corpo, alma e espírito.


Para viver Jo 3 - o que importa é a opinião de Deus. Pensamentos de vida e não de morte. Todo
abatimento vai cair por terra.

2 - Purificar e purificar no fogo como ouro o nosso ministério.


3 - Marcar com unção de fogo.
Os rituais demoníacos usam fogo. Os indígenas têm o deus-fogo. Altares com fogo estranho (velas).
At. 2.3-" E lhes apareceram umas línguas como que de fogo, que se distribuíam, e sobre cada um deles
pousou uma." - labaredas de fogo.
4 - Testemunho com poder: At. 1.8; At 4.4 - diante do sacerdote oram cheios de poder.
5 - Andar na dimensão do Espírito Santo de Deus.
6 - Portador da unção do fogo que vai mudar o mundo.
7 - Deus vai lhe fazer uma labareda de fogo. Hb 1.7-" Ora, quanto aos anjos, diz: Quem de seus anjos
faz ventos, e de seus ministros labaredas de fogo."

A nuvem guiava o povo como coluna de fogo que trazia a presença de Deus. Cheio deste fogo ninguém
poderá resistir todos os dias da sua vida.

Apóstolo Estevam
Não podemos ficar estagnados

Introdução:
Gn.13:1-15->»GÊNESIS [13]
1 Subiu, pois, Abrão do Egito para o Neguebe, levando sua mulher e tudo o que tinha, e Ló o
acompanhava.
2 Abrão era muito rico em gado, em prata e em ouro.
3 Nas suas jornadas subiu do Neguebe para Betel, até o lugar onde outrora estivera a sua tenda, entre
Betel e Ai,
4 até o lugar do altar, que dantes ali fizera; e ali invocou Abrão o nome do Senhor.
5 E também Ló, que ia com Abrão, tinha rebanhos, gado e tendas.
6 Ora, a terra não podia sustentá-los, para eles habitarem juntos; porque os seus bens eram muitos; de
modo que não podiam habitar juntos.
7 Pelo que houve contenda entre os pastores do gado de Abrão, e os pastores do gado de Ló. E nesse
tempo os cananeus e os perizeus habitavam na terra.
8 Disse, pois, Abrão a Ló: Ora, não haja contenda entre mim e ti, e entre os meus pastores e os teus
pastores, porque somos irmãos.
9 Porventura não está toda a terra diante de ti? Rogo-te que te apartes de mim. Se tu escolheres a
esquerda, irei para a direita; e se a direita escolheres, irei eu para a esquerda.
10 Então Ló levantou os olhos, e viu toda a planície do Jordão, que era toda bem regada (antes de haver
o Senhor destruído Sodoma e Gomorra), e era como o jardim do Senhor, como a terra do Egito, até
chegar a Zoar.
11 E Ló escolheu para si toda a planície do Jordão, e partiu para o oriente; assim se apartaram um do
outro.
12 Habitou Abrão na terra de Canaã, e Ló habitou nas cidades da planície, e foi armando as suas tendas
até chegar a Sodoma.
13 Ora, os homens de Sodoma eram maus e grandes pecadores contra o Senhor.
14 E disse o Senhor a Abrão, depois que Ló se apartou dele: Levanta agora os olhos, e olha desde o
lugar onde estás, para o norte, para o sul, para o oriente e para o ocidente;
15 porque toda esta terra que vês, te hei de dar a ti, e à tua descendência, para sempre.

Abraão tinha sido chamado por Deus e Ló foi junto com ele nesta caminhada.Enquanto estava com
Abraão prosperou tanto que chegou um momento em que os pastores entraram em conflito.Ló tinha em
seu coração o espírito de disputa e este espírito faz você ficar ganancioso e desejar mais ter do que ser.
Após a discussão com os pastores, Ló olhou para as Campinas do Jordão e seus olhos as desejaram.
Ló não tinha o ministério da reconciliação:ao invés de chamar seus pastores e ministrar, ele aceitou
passivamente a proposta de Abraão.Isto foi uma grande destruição, pois enxergou a independência, fora
da ação de Abraão.Enxergou possibilidades e se afastou do ungido do Senhor.O servo que se afasta do
Corpo traz para si problemas e situações difíceis que ele não consegue combater sozinho.Como mesmo
a palavra nos ensina:não fazendo como muitos que deixam de se congregar.

A-Conseqüências de nosso afastamento do Corpo de Cristo:

1- Gn 14:12- Tomaram também a Ló, filho do irmão de Abrão, que habitava em Sodoma, e os bens
dele, e partiram.
->Após separarem- se alguns reis se reuniram e foram contra Ló.
2-Gn 13:13-Ora, os homens de Sodoma eram maus e grandes pecadores contra o Senhor.
->Ló foi obrigado a habitar no meio da malignidade(pessoas que não serviam ao Senhor).Começou a
conviver dentro daquela cidade, no meio da promiscuidade e se contaminou com ela e acabou perdendo
casa, filhos ...O inimigo o colocou numa trama:até a mulher virou uma estátua de sal.
3-Ló andou para trás em sua vida espiritual, ficou estagnado.Quando estamos estagnados, somos
roubados naquilo que temos e somos impedidos de prosperar.Com Ló só aconteceram desgraças e nós
temos que cuidar de nossos casamentos, dos filhos, não dar brechas para que a malignidade não entre
em nosso lar.
Ló acabou cometendo incesto com as filhas e delas originaram-se dois povos:Amonitas e
Moabitas.Hoje ninguém sabe onde foram parar estes povos, mas os descendentes de Abraão até hoje
são conhecidos.A estagnação espiritual de Ló o tirou do ramo, da linhagem de Deus e fez com que ele
buscasse realização na carne.Iludido,
roubado,comprometido com a carne.Deus havia dado a Ló todos aqueles bens e não era da vontade
Dele que tudo isto fosse perdido.Enquanto que Abraão era conduzido pelo Senhor e fazia a vontade do
Espírito e prosperava.
O que acontece é que muitos são filhos de Ló e estão estagnados.Os estagnados têm tempo para fazer
coisas erradas:fofocas, falar mal, olham só a aparência...
Não deixe o diabo estacionar a sua vida nos problemas, seja como o homem do Sl1

1 Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho
dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores;
2 antes tem seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e noite.
3 Pois será como a árvore plantada junto às correntes de águas, a qual dá o seu fruto na estação própria,
e cuja folha não cai; e tudo quanto fizer prosperará.
->Esta unção será liberada sobre você.Repita:
Eu não permitirei que encantos mentirosos me roubem e me deixem estagnado.Permanecerei ao lado do
meu Senhor e dentro do Corpo de Cristo.

B-Através do que satanás faz com que a estagnação tome conta das pessoas:
1-Olhos:
Gn15:5-7-
5 Então o levou para fora, e disse: Olha agora para o céu, e conta as estrelas, se as podes contar; e
acrescentou-lhe: Assim será a tua descendência.
6 E creu Abrão no Senhor, e o Senhor imputou-lhe isto como justiça.
7 Disse-lhe mais: Eu sou o Senhor, que te tirei de Ur dos caldeus, para te dar esta terra em herança.

->Abraão olhou para aquilo que Deus queria que ele olhasse.Ló olhou para os seus interesses, que seria
o local da sua maldição.

Mt 6:22-23- A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo teu corpo
terá luz;
23 se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são
trevas, quão grandes são tais trevas!
->Ló foi manipulado pelos seus interesses, pelos seus próprios olhos.

II Cor 5:7 -Porque andamos por fé, e não por vista.


->Precisamos olhar para a vontade de Deus, como Abraão fez.

At 9:18- Logo lhe caíram dos olhos como que umas escamas, e recuperou a vista: então, levantando-se,
foi batizado.
->Paulo foi mandado a Ananias, que orou por ele e lhe caíram as escamas dos olhos.Ele precisava
enxergar a perspectiva de Deus para a sua vida, mas para isso as escamas precisavam cair.
Ló tinha a visão da carne(olhou as Campinas e as desejou) e Abraão a de Deus(olhou para os céus e
creu).

Ap 3:18-Aconselho-te que de mim compres ouro refinado no fogo, para que te enriqueças; e vestes
brancas, para que te vistas, e não seja manifesta a vergonha da tua nudez; e colírio, a fim de ungires os
teus olhos, para que vejas.
->Hoje é dia de colocarmos colírio em nossos olhos e enxergar as possibilidades de Deus em nossas
vidas.

Coloque as mãos em seus olhos e repita:


Estarei sempre olhando para aquilo que Deus tem para a minha vida e não me deixarei levar pelas
ilusões dos meus olhos que desejam me guiar para os interesses da minha carne.Tira as escamas dos
meus olhos Senhor para que eu possa enxergar através da Sua ótica e derrama sobre eles o colírio do
Espírito que limpa e restaura a visão.

2-Pés:
Satanás deseja colocar doenças nos pés dos servos de Deus para os desviar do caminho.
II Cr 16:12-17- Naquele mesmo tempo veio Hanâni, o vidente, ter com Asa, rei de Judá, e lhe disse:
Porque confiaste no rei da Síria, e não confiaste no Senhor teu Deus, por isso o exército do rei da Síria
escapou da tua mão.
8 Porventura não foram os etíopes e os líbios um grande exército, com muitíssimos carros e cavaleiros?
Confiando tu, porém, no Senhor, ele os entregou nas mãos.
9 Porque, quanto ao Senhor, seus olhos passam por toda a terra, para mostrar-se forte a favor daqueles
cujo coração é perfeito para com ele; nisto procedeste loucamente, pois desde agora haverá guerras
contra ti.
10 Então Asa, indignado contra o vidente, lançou-o na casa do tronco, porque estava enfurecido contra
ele por causa disto; também nesse mesmo tempo Asa oprimiu alguns do povo.
11 Eis que os atos de Asa, desde os primeiros até os últimos, estão escritos no livro dos reis de Judá e
de Israel.
12 No ano trinta e nove do seu reinado Asa caiu doente dos pés; e era mui grave a sua enfermidade; e
nem mesmo na enfermidade buscou ao Senhor, mas aos médicos.
->O rei Asa ficou doente dos pés porque deixou de confiar em Deus e não podia andar.É isto o que o
inimigo de Deus deseja que aconteça:que você tenha os seus pés contaminados.Porém a palavra fala
que lâmpada para os meus pés é a palavra de Deus e luz para os meus caminhos.Para andar à noite,
antigamente, aos sapatos eram acopladas lamparinas que iluminavam os caminhos.

Josué1:3- Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo dei, como eu disse a Moisés.
->Este é o referencial de Deus para as nossas vidas.

Jo13:12-12 Ora, depois de lhes ter lavado os pés, tomou o manto, tornou a reclinar-se à mesa e
perguntou-lhes: Entendeis o que vos tenho feito?
->Jesus deseja lavar os seus pés nesta noite, fazer de cada um de nós igreja poderosa, sem enfermidade.
Você foi chamado por Deus para pisar serpentes(todo tipo de malignidade)-pisarás a áspide.Satanás não
pode picar os pés lavados pelo sangue de Jesus.

Sl 40:2- Também me tirou duma cova de destruição, dum charco de lodo; pôs os meus pés sobre uma
rocha, firmou os meus passos.
->Seus pés têm que estar firmados numa estrutura poderosa:o doente dos pés balança diante das
situações, mas o firmado na rocha, não.

Rm16:20- E o Deus de paz em breve esmagará a Satanás debaixo dos vossos pés. A graça de nosso
Senhor Jesus Cristo seja convosco.
->Esmague a satanás porque ele se encontra debaixo dos seus pés.

Ef 6:15- E calçando os pés com a preparação do evangelho da paz...


->Calçando os seus pés com o Evangelho, com as Boas Novas você estará apto a pisar na serpente dos
problemas, das situações difíceis, das malignidades.

Repita:Senhor, tira toda doença dos meus pés, o que me impede de andar, que me deixa estagnado.Lava
os meus pés com o Sangue do Cordeiro e assim poderei , calçando o evangelho da paz, pisar serpentes
e ser vencedor.

3-Cabeça:
Gn 3:15- Porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua descendência e a sua descendência; esta te
ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.
->Nas seitas o que satanás pede é a cabeça(fazer a cabeça, derramar sangue de animais, pó de ossos
humanos,expressão também usada para quem usa drogas).
Nossa cabeça foi feita para que o óleo do Espírito seja derramado(unção).
Sl 133:2- É como o óleo precioso sobre a cabeça, que desceu sobre a barba, a barba de Arão, que
desceu sobre a gola das suas vestes;
->A cabeça é o referencial de Deus.

Sl 21:3- Pois o proveste de bênçãos excelentes; puseste-lhe na cabeça uma coroa de ouro fino.
->Satanás deseja colocar malignidades, espírito de loucura na cabeça das pessoas, mas Deus tem uma
coroa de ouro puro para colocar.

Is 32:5-6-Ao louco nunca mais se chamará nobre, e do avarento nunca mais se dirá que é generoso.
6 Pois o louco fala tolices, e o seu coração trama iniqüidade, para cometer profanação e proferir
mentiras contra o Senhor, para deixar com fome o faminto e fazer faltar a bebida ao sedento.
->O espírito de loucura entrou em Ló e trabalhou para que ele se separasse de Abraão.É assim que este
espírito deseja trabalhar em nós para nos levar a Sodoma e a Gomorra.

Ap2:10 Sê fiel até a morte, e dar-te-ei a coroa da vida

Is 59:17- vestiu-se de justiça, como de uma couraça, e pôs na cabeça o capacete da salvação; e por
vestidura pôs sobre si vestes de vingança, e cobriu-se de zelo, como de um manto.

Ef 6:17- Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus;
->A sua cabeça tem que receber o capacete que impedirá os dardos inflamados do maligno (sofismas,
heresias, loucuras)de se apossarem dos seus pensamentos.

Repita:Senhor, a minha cabeça é consagrada somente a Ti.Quebro com toda consagração que por
ventura eu tenha feito anteriormente.Todos pensamentos, feridas, informações que me fizeram estagnar
neste momento derrama do teu óleo na minha cabeça, coloca o capacete da salvação na minha cabeça e
a coroa de ouro para que os meus pensamentos sejam os teus pensamentos de vitória.Eu não sou
geração dos edomitas nem dos moabitas, pertenço à geração que vem de Abraão.

C-10 milagres que Abraão viveu e deixou como herança para você também viver:

1-Gn 14:20-E bendito seja o Deus Altíssimo, que entregou os teus inimigos nas tuas mãos! E Abrão
deu-lhe o dízimo de tudo.
->Abraão encontrou Melquisedeque e entregou para a obra do Senhor o dízimo de tudo o que tinha.
2-Gn20:17- Orou Abraão a Deus, e Deus sarou Abimeleque, e a sua mulher e as suas servas; de
maneira que tiveram filhos;
->Abraão orou e a esterilidade das mulheres que estavam com Melquisedeque saíram na mesma hora.
3-Gn21:5- Ora, Abraão tinha cem anos, quando lhe nasceu Isaque, seu filho.
->Quase 100 anos esperando a promessa, e pela perseverança recebeu dias de riso:Isaque.
4-Gn 22-.2 Prosseguiu Deus: Toma agora teu filho; o teu único filho, Isaque, a quem amas; vai à terra
de Moriá, e oferece-o ali em holocausto sobre um dos montes que te hei de mostrar. 7 Então disse
Isaque a Abraão, seu pai: Meu pai! Respondeu Abraão: Eis-me aqui, meu filho! Perguntou-lhe Isaque:
Eis o fogo e a lenha, mas onde está o cordeiro para o holocausto?8 Respondeu Abraão: Deus proverá
para si o cordeiro para o holocausto, meu filho. E os dois iam caminhando juntos. 13 Nisso levantou
Abraão os olhos e olhou, e eis atrás de si um carneiro embaraçado pelos chifres no mato; e foi Abraão,
tomou o carneiro e o ofereceu em holocausto em lugar de seu filho.
->Abraão foi provado e aprovado.
5-Gn 25:7-8-7 Estes, pois, são os dias dos anos da vida de Abraão, que ele viveu: cento e setenta e,
cinco anos.8 E Abraão expirou, morrendo em boa velhice, velho e cheio de dias; e foi congregado ao
seu povo.
->Teve longevidade, morrendo com 175 anos.
6-Gn 28:4- E te dê a bênção de Abraão, a ti e à tua descendência contigo, para que herdes a terra de
tuas peregrinações, que Deus deu a Abraão.
->Deus deu esta bênção e ela se perpetuou até nossos dias.
7-Gn 12:3-3 Abençoarei aos que te abençoarem, e amaldiçoarei àquele que te amaldiçoar; e em ti serão
benditas todas as famílias da terra.
->Esta aliança permanece viva, não será desfeita.
8-Mt1:1- Livro da genealogia de Jesus Cristo, filho de Davi, filho de Abraão.
->Jesus é da descendência de Abraão.Se Ló tivesse se reconciliado teria a bênção.
9-Mt 8:11- Também vos digo que muitos virão do oriente e do ocidente, e reclinar-se-ão à mesa de
Abraão, Isaque e Jacó, no reino dos céus;
->Abraão tem lugar especial à mesa, assim com você.
10-Hb 11:8- Pela fé Abraão, sendo chamado, obedeceu, saindo para um lugar que havia de receber por
herança; e saiu, sem saber para onde ia.
Abraão é o pai da fé.A fé que você tem,precisa ser a mesma que Abraão tinha.
Rm 4:12- bem como fosse pai dos circuncisos, dos que não somente são da circuncisão, mas também
andam nas pisadas daquela fé que teve nosso pai Abraão, antes de ser circuncidado.
Tg 2:21- Porventura não foi pelas obras que nosso pai Abraão foi justificado quando ofereceu sobre o
altar seu filho Isaque?
22 Vês que a fé cooperou com as suas obras, e que pelas obras a fé foi aperfeiçoada.
23 E se cumpriu a escritura que diz: E creu Abraão em Deus, e isso lhe foi imputado como justiça, e foi
chamado amigo de Deus.

Viver no unificado no Reino de Deus e não em um reino dividido.

I Reis 11:1-25->”Ora, o rei Salomão amou muitas mulheres estrangeiras, além da filha de Faraó:
moabitas, amonitas, edomitas, sidônias e heteias,
2 das nações de que o Senhor dissera aos filhos de Israel: Não ireis para elas, nem elas virão para vós;
doutra maneira perverterão o vosso coração para seguirdes os seus deuses. A estas se apegou Salomão,
levado pelo amor.
3 Tinha ele setecentas mulheres, princesas, e trezentas concubinas; e suas mulheres lhe perverteram o
coração.4 Pois sucedeu que, no tempo da velhice de Salomão, suas mulheres lhe perverteram o coração
para seguir outros deuses; e seu coração já não era perfeito para com o Senhor seu Deus, como fora o
de Davi, seu pai;5 Salomão seguiu a Astarete, deusa dos sidônios, e a Milcom, abominação dos
amonitas.6 Assim fez Salomão o que era mau aos olhos do Senhor, e não perseverou em seguir, como
fizera Davi, seu pai.
7 Nesse tempo edificou Salomão um alto a Quemós, abominação dos moabitas, sobre e monte que está
diante de Jerusalém, e a Moleque, abominação dos amonitas.8 E assim fez para todas as suas mulheres
estrangeiras, as quais queimavam incenso e ofereciam sacrifícios a seus deuses.9 Pelo que o Senhor se
indignou contra Salomão, porquanto e seu coração se desviara do Senhor Deus de Israel, o qual duas
vezes lhe aparecera,10 e lhe ordenara expressamente que não seguisse a outros deuses. Ele, porém, não
guardou o que o Senhor lhe ordenara.11 Disse, pois, o Senhor a Salomão: Porquanto houve isto em ti,
que não guardaste a meu pacto e os meus estatutos que te ordenei, certamente rasgarei de ti este reino, e
o darei a teu servo.12 Contudo não o farei nos teus dias, por amor de Davi, teu pai; da mão de teu filho
o rasgarei.13 Todavia não rasgarei o reino todo; mas uma tribo darei a teu filho, por amor de meu servo
Davi, e por amor de Jerusalém, que escolhi.14 O Senhor levantou contra Salomão um adversário,
Hadade, o edomeu; o qual era da estirpe real de Edom.15 Porque sucedeu que, quando Davi esteve em
guerra contra Edom, tendo Jeabe, o chefe do exército, subido a enterrar os mortos, e ferido a todo varão
em Edom16 (porque Joabe ficou ali seis meses com todo o Israel, até que destruiu a todo varão em
Edom),17 Hadade, que era ainda menino, fugiu para o Egito com alguns edemeus, servos de seu pai.18
Levantando-se, pois, de Midiã, foram a Parã; e tomando consigo homens de Parã, foram ao Egito ter
com Faraó, rei do Egito, o qual deu casa a Hadade, proveu-lhe a subsistência, e lhe deu terras.19 E
Hadade caiu tanto em graça a Faraó, que este lhe deu por mulher a irmã de sua mulher, a irmã da rainha
Tafnes.20 Ora, desta irmã de Tafnes nasceu a Hadade seu filho Genubate, a qual Tafnes criou na casa
de Faraó, onde Genubate esteve entre os filhos de rei.21 Ouvindo, pois, Hadade no Egito que Davi
adormecera com seus pais, e que Jeabe, chefe do exército, era morto, disse o Faraó: Deixa-me ir, para
que eu volte à minha terra.22 Perguntou-lhe Faraó: Que te falta em minha companhia, que procuras
partir para a tua terra? Respondeu ele: Nada; todavia, peço que me deixes ir.23 Deus levantou contra
Salomão ainda outro adversário, Rezom, filho de Eliadá, que tinha fugido de seu senhor Hadadézer, rei
de Zobá.
24 Pois ele ajuntara a si homens, e se fizera capitão de uma tropa, quando Davi matou os de Zebá; e,
indo-se para Damasco, habitaram ali; e fizeram-no rei em Damasco.25 E foi adversário de Israel por
todos os dias de Salomão, e isto além do mal que Hadade fazia; detestava a Israel, e reinava sobre a
Síria.”
A-O que levou Salomão a perder a comunhão com Deus?
1-Salomão era um grande milagre, fruto do perdão de Deus a Davi e Bateseba.Tinha um reinado
maravilhoso. Porém Salomão agasalhou um espírito de prostituição familiar (de Davi quando este se
apaixonou por Berseba-II Sm 11).
2-Ele foi levado à idolatria e à prostituição por causa de suas mulheres. Não poderia ter se unido a elas,
pois Deus o havia avisado de que elas perverteriam seu coração, sua fé. E foi justamente o que
aconteceu após Salomão amar aquelas mulheres e desobedecer à ordem de Deus: Acabou construindo
em Jerusalém altares para os deuses delas.
->Oséias 4:11-14 -“ A incontinência, e o vinho, e o mosto tiram o entendimento.
12 O meu povo consulta ao seu pau, e a sua vara lhe dá respostas, porque o espírito de luxúria os
enganou, e eles, prostituindo-se, abandonam o seu Deus.
13 Sacrificam sobre os cumes dos montes; e queimam incenso sobre os outeiros, debaixo do carvalho,
do álamo, e do terebinto, porque é boa a sua sombra; por isso vossas filhas se prostituem, e as vossas
noras adulteram.
14 Eu não castigarei vossas filhas, quando se prostituem, nem vossas noras, quando adulteram; porque
os homens mesmos com as prostitutas se desviam, e com as meretrizes sacrificam; pois o povo que não
tem entendimento será transtornado ( povo que corre para sua perversão ). O Senhor fala o que
Salomão não ouviu.”

3-Salomão voltou as costas ao Senhor de tudo aquilo que Ele havia lhe dado I Reis 3:11-14- “Pelo que
Deus lhe disse: Porquanto pediste isso, e não pediste para ti muitos dias, nem riquezas, nem a vida de
teus inimigos, mas pediste entendimento para discernires o que é justo,
12 eis que faço segundo as tuas palavras. Eis que te dou um coração tão sábio e entendido, que antes de
ti teu igual não houve, e depois de ti teu igual não se levantará.
13 Também te dou o que não pediste, assim riquezas como glória; de modo que não haverá teu igual
entre os reis, por todos os teus dias.
14 E ainda, se andares nos meus caminhos, guardando os meus estatutos e os meus mandamentos,
como andou Davi.”
Cl. 3:16 - “Andai de acordo com aquilo que tendes recebido.”
->Tudo o que Salomão tinha vinha do Senhor e voltou às costas para Deus. Se recebo e viro às costas é
porque a ingratidão tomou conta do meu coração e fico vulnerável à destruição que vem do inimigo.
B-As abominações de Salomão provocaram a ira de Deus e Ele permitiu que:
1º) Um inimigo fosse enviado - Hadade - que tem poder de ressuscitar aquilo que já havia morrido em
nossas vidas. Deus age por justiça. Hadade já havia sido vencido por Davi. Hadade havia fugido para o
Egito por causa de Davi, ou seja, era um inimigo que tinha medo de Davi.
Salomão foi cometendo abominações e Deus levanta contra ele aquele inimigo que já havia sido
vencido trazendo grande luta e destruição.
2º) Hezom - Era o rei da Síria. Este inimigo representa aquilo que achávamos que não tinha mais
importância, mas que se fortaleceu para nos destruir. Davi também já tinha vencido aquele homem,
tanto é que ele, Hezom, fugiu e formou um grupo para ele.
II Co. 11:14-“ E não é de admirar, porquanto o próprio Satanás se disfarça em anjo de luz.”

Hezom veio para ser justiça de Deus contra as abominações de Salomão.


->Salomão interrompeu o ciclo da bênção de Deus em sua vida. Satanás deseja interromper o ciclo do
seu ministério, das bênçãos de Deus em sua vida. Salomão deveria ter deixado o reino preparado para a
herança, a posteridade de Davi, entretanto dividiu o Reino em dois: Judá e Samaria.
Salomão foi usado pelo diabo para dividir o reino de Israel.
Não deixe o diabo tomar o seu coração e tirar o seu coração de Deus.
->Satanás tem colocado divisão nas famílias, nas Igrejas, nos negócios porque sabe que casa dividida
não prospera.
->Cristo veio para unificar o reino de Davi até nós. Jesus quando entrou em Jerusalém foi aclamado
como rei e quebrou todo espírito de divisão que entrou através de Salomão. Isto é reconciliação.
Os que estão debaixo de divisão, Deus levanta estes inimigos contra suas vidas.
Enquanto Salomão foi de Deus, foi o mais rico, o mais sábio, o mais abençoado, mas o dia que o
coração dele pertenceu às mulheres ele perdeu tudo o que tinha.Não deixe o diabo roubar o seu
coração. Não se divida, nada é mais importante do que a sua vida com o Senhor.
Repita:ESTÁ DENUNCIADO O ESPÍRITO DE DIVISÃO EM MINHA VIDA, EM NOME DE
JESUS!!!
A unificação em Cristo nos traz:
1º) Uma aliança-de Deus com o homem através de Cristo. No evangelho de João Jesus diz: “Pai que
eles sejam um como nós somos.”
Hb 8:10-13-“ Porque esta é a aliança que depois daqueles dias Farei com a casa de Israel, diz o Senhor;
Porei as minhas leis no seu entendimento, E em seu coração as escreverei; E eu lhes serei por Deus, E
eles me serão por povo; 11 E não ensinará cada um a seu próximo, Nem cada um ao seu irmão,
dizendo: Conhece o Senhor; Porque todos me conhecerão, Desde o menor deles até ao maior. 12
Porque serei misericordioso para com suas iniqüidades, E de seus pecados e de suas prevaricações não
me lembrarei mais. 13 Dizendo Nova aliança, envelheceu a primeira. Ora, o que foi tornado velho, e se
envelhece, perto está de acabar.”

2º) A herança de reinarmos com Cristo .II Tm 2:12-“Se sofrermos, também com ele reinaremos; se o
negarmos, também ele nos negará.”
Repita: Eu reinarei com Jesus acima de todo problema, de toda situação difícil.

3º) Ele nos resgatou da maldição da divisão. I Jo5:7-8-“ Porque três são os que testificam no céu: o Pai,
a Palavra, e o Espírito Santo; e estes três são um. 8 E três são os que testificam na terra: o Espírito, e a
água e o sangue; e estes três concordam num.”
4º) Sou abençoado com toda sorte de bênçãos- Ef. 1:3->” Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor
Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nas regiões celestes em Cristo.”

5º) Ele nos deu a posição dentro de um reino que não terá mais fim .Is.9: 6-“ Porque um menino nos
nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome:
Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz.”

Repita:Não tem fim o que Deus vai fazer em minha vida. Não vou voltar a ser o que eu era, vou ser
cada vez melhor.

6º) Ele nos fez assentar num banquete. Eu vou me alimentar do que existe na mesa do Senhor Jesus. Mt
22- parábola das bodas.
Repita:Eu vou me alimentar do existe na mesa de Jesus.Comerei o melhor desta terra.

7º) Ef. 2:6 -“ E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo
Jesus.” Estamos assentados com Ele acima de todos os principados e potestades.

Repita:Ninguém me tirará desta posição.


8º) No reino de Cristo, Ele é rei e nos ungiu como reis e sacerdotes . No reino dividido eles se
digladiavam, não conseguiam um entendimento, enquanto que no Reino de Cristo Ele nos coloca acima
de qualquer desavença e nos une.
I Pe 2:9-“ Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que
anuncieis as grandezas daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz;”

9º) Nós estamos definitivamente livres de toda maldição hereditária .


Gl. 3:13-“Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito:
Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro;”
Salomão não entendeu isto e aceitou a herança maldita.
10º) Amós 7:1-8: “O Senhor Deus assim me fez ver: e eis que ele formava gafanhotos no princípio do
rebentar da erva serôdia, e eis que era a erva serôdia depois da segada do rei.
2 E quando eles tinham comido completamente a erva da terra, eu disse: Senhor Deus, perdoa, peço-te;
como subsistirá Jacó? pois ele é pequeno.
3 Então o Senhor se arrependeu disso. Não acontecerá, disse o Senhor.
4 Assim me mostrou o Senhor Deus: eis que o Senhor Deus ordenava que por meio do fogo se
decidisse o pleito; o fogo, pois, consumiu o grande abismo, e também queria consumir a terra.
5 Então eu disse: Senhor Deus, cessa agora; como subsistirá Jacó? pois ele é pequeno.
6 Também disso se arrependeu o Senhor. Nem isso acontecerá, disse o Senhor Deus.
7 Mostrou-me também assim: eis que o senhor estava junto a um muro levantado a prumo, e tinha um
prumo na mão.
8 Perguntou-me o Senhor: Que vês tu, Amós? Respondi: Um prumo. Então disse o Senhor: Eis que eu
porei o prumo no meio do meu povo Israel; nunca mais passarei por ele.”
? Os gafanhotos foram enviados para destruir o suprimento do rei. Então todos os que estavam debaixo
daquele reinado perderiam.
Mas ali Deus colocou um prumo. Ou seja, agora existe um prumo que divide o lado da destruição do
lado dos que serão preservados por Deus. Aparentemente não tem nada, mas existe uma linha divisória
que é o sangue do cordeiro.
? Salomão era a manifestação profética do reino do Messias, enquanto ele tinha comunhão com Deus.
Mas Salomão se prostituiu e abriu mão de sua riqueza, sabedoria, poder de Deus.
Quando a Igreja se prostitui não vê a glória de Deus.

? Onde não tem divisão tem sabedoria, riqueza, fogo do céu...


Escolha: ou você participa do reino de Cristo ou você vive num reino dividido.
Ao escolher o reino de Cristo, Deus me dará sabedoria para reconhecer as obras do diabo.
Isaías 11:2-“ E repousará sobre ele o Espírito do Senhor, o espírito de sabedoria e de entendimento, o
espírito de conselho e de fortaleza, o espírito de conhecimento e de temor do Senhor”.
Todas as coisas vou discernir e não serei discernido.
O Senhor fará cair um tremendo fogo do céu sobre mim, haverá um avivamento.
? Ficarei firme no meu chamado, permanecerei na minha posição.
O diabo pensou em dividir a igreja, mas o inferno não prevalece contra a igreja.
Deus vai mudar a minha sorte.E nós veremos sempre o comando de Jesus Cristo sobre as nossas vidas.

O fermento dos fariseus e dos saduceus:

Marcos 8:1-21-“1 Naqueles dias, havendo de novo uma grande multidão, e não tendo o que comer,
chamou Jesus os discípulos e disse-lhes:
2 Tenho compaixão da multidão, porque já faz três dias que eles estão comigo, e não têm o que comer.
3 Se eu os mandar em jejum para suas casas, desfalecerão no caminho; e alguns deles vieram de longe.
4 E seus discípulos lhe responderam: Donde poderá alguém satisfazê-los de pão aqui no deserto?
5 Perguntou-lhes Jesus: Quantos pães tendes? Responderam: Sete.
6 Logo mandou ao povo que se sentasse no chão; e tomando os sete pães e havendo dado graças,
partiu-os e os entregava a seus discípulos para que os distribuíssem; e eles os distribuíram pela
multidão.
7 Tinham também alguns peixinhos, os quais ele abençoou, e mandou que estes também fossem
distribuídos.
8 Comeram, pois, e se fartaram; e dos pedaços que sobejavam levantaram sete alcofas.
9 Ora, eram cerca de quatro mil homens. E Jesus os despediu.
10 E, entrando logo no barco com seus discípulos, foi para as regiões de Dalmanuta.
11 Saíram os fariseus e começaram a discutir com ele, pedindo-lhe um sinal do céu, para o
experimentarem.
12 Ele, suspirando profundamente em seu espírito, disse: Por que pede esta geração um sinal? Em
verdade vos digo que a esta geração não será dado sinal algum.
13 E, deixando-os, tornou a embarcar e foi para o outro lado.
14 Ora, eles se esqueceram de levar pão, e no barco não tinham consigo senão um pão.
15 E Jesus ordenou-lhes, dizendo: Olhai, guardai-vos do fermento dos fariseus e do fermento de
Herodes.
16 Pelo que eles arrazoavam entre si porque não tinham pão.
17 E Jesus, percebendo isso, disse-lhes: Por que arrazoais por não terdes pão? Não compreendeis ainda,
nem entendeis? Tendes o vosso coração endurecido?
18 Tendo olhos, não vedes? E tendo ouvidos, não ouvis? E não vos lembrais?
19 Quando parti os cinco pães para os cinco mil, quantos cestos cheios de pedaços levantastes?
Responderam-lhe: Doze.
20 E quando parti os sete para os quatro mil, quantas alcofas cheias de pedaços levantastes?
Responderam-lhe: Sete.
21 E ele lhes disse: Não entendeis ainda?”

Os discípulos estavam vivendo milagres. Tinham acabado de ver sete pães e alguns peixes serem
multiplicados e alimentando uma multidão. Estavam diante de milagres constatados, porém no coração
ainda estavam endurecidos. Como seria possível eles ainda estarem endurecidos?Por causa da carne, da
ingratidão e da falta de profundidade. O livro de Oséias diz que devemos prosseguir em conhecer ao
Senhor.
Aonde Jesus chegava as multidões iam atrás, portanto a popularidade Dele era grande. O que eles
estavam acostumados era com a superficialidade e não com a essência. Muitos de nós convivemos com
milagres, mas continuamos endurecidos. Saímos atrás do oba-oba como os discípulos. Milagres não
acontecem para que o homem seja reconhecido, mas para que Deus seja glorificado.
Jesus se retira e vai para uma outra região, e lá se depara com fariseus e saduceus.
v. 11- Saíram os fariseus e começaram a discutir com ele, pedindo-lhe um sinal do céu, para o
experimentarem.
Jesus havia acabado de fazer um milagre.
No livro de Mateus 16:1-4 diz:
“1- Então chegaram a ele os fariseus e os saduceus e, para o experimentarem, pediram-lhe que lhes
mostrasse algum sinal do céu.
2 Mas ele respondeu, e disse-lhes: Ao cair da tarde, dizeis: Haverá bom tempo, porque o céu está rubro.
3 E pela manhã: Hoje haverá tempestade, porque o céu está de um vermelho sombrio. Ora, sabeis
discernir o aspecto do céu, e não podeis discernir os sinais dos tempos?
4 Uma geração má e adúltera pede um sinal, e nenhum sinal lhe será dado, senão o de Jonas. E,
deixando-os, retirou-se.”
O sinal do profeta Jonas foi a resposta de Jesus para aqueles homens.Jonas foi chamado a pregar em
Nínive para uma geração incrédula e levá-los ao arrependimento.
Nossa geração também é incrédula e precisa de arrependimento, e para tanto Jesus nos convoca: pare
de fofocar, de ser um religioso, de fazer política humana com as coisas de Deus.
Temos que viver este sinal.
Jesus entra no barco e encontra os discípulos sem preocupação alguma. Jesus começa a falar sobre eles
estarem se guardando do fermento dos fariseus. Os discípulos sem entender o que ele queria dizer,
ficaram com interrogações: Será que estamos tomando essa dura porque esquecemos os pães? Entraram
em acusação.Quem acusa é o diabo e quem exorta é Deus.
Jesus estava falando de algo muito mais profundo do que o pão. Eles precisavam abster-se do fermento
dos fariseus, saduceus e de Herodes.
O fermento só incha. O crescimento verdadeiro é aquele fundamentado na rocha.
Os fariseus: eram opressores, cruéis e também proselitistas.
Em Lc 12:1 diz: “ Ajuntando-se entretanto muitos milhares de pessoas, de sorte que se atropelavam uns
aos outros, começou Jesus a dizer primeiro aos seus discípulos: Acautelai-vos do fermento dos fariseus,
que é a hipocrisia. “
Ser hipócrita é tudo o que os fariseus sabiam ser. E esta característica é o que o diabo deseja lançar
sobre aqueles que são religiosos. Hipócrita é aquele que vive como um sepulcro caiado-Mt 23:27. O
sepulcro por fora é bonito e por dentro só tem podridão. Em Mt9:33-34- “E, expulso o demônio, falou o
mudo e as multidões se admiraram, dizendo: Nunca tal se viu em Israel.
34 Os fariseus, porém, diziam: É pelo príncipe dos demônios que ele expulsa os demônios.”
Aqui nós encontramos os fariseus imputando os milagres de Jesus à satanás.
Deixe de se preocupar com as coisas pequenas e preocupe-se em buscar o Senhor.
Rejeite: Toda a palavra, toda doutrina do farisaísmo.Diga ao Senhor que você deseja ser adorador.
Jesus bebia com pecadores, foi na casa de ladrões. Vai na casa e salva, por onde ia algo maravilhoso
acontecia.
Os saduceus: eram materialistas, pregavam a existência de um mundo espiritual. Criam que os anjos
não existiam e nem a ressurreição.Mt22:23-30- “ No mesmo dia vieram alguns saduceus, que dizem
não haver ressurreição, e o interrogaram, dizendo: Mestre, Moisés disse: Se morrer alguém, não tendo
filhos, seu irmão casará com a mulher dele, e suscitará descendência a seu irmão. Ora, havia entre nós
sete irmãos: o primeiro, tendo casado, morreu: e, não tendo descendência, deixou sua mulher a seu
irmão;da mesma sorte também o segundo, o terceiro, até o sétimo. Depois de todos, morreu também a
mulher. Portanto, na ressurreição, de qual dos sete será ela esposa, pois todos a tiveram?Jesus, porém,
lhes respondeu: Errais, não compreendendo as Escrituras nem o poder de Deus; pois na ressurreição
nem se casam nem se dão em casamento; mas serão como os anjos no céu.”
A capa da religiosidade tem que cair.Essas são as pessoas teóricas que não conhecem a unção do
Espírito.
E é justamente isto que Jesus queria dizer aos discípulos: Vocês viram tantos milagres e ainda não
entenderam??? Aquela multidão chegou faminta, mas saiu alimentada. O Senhor Jesus é uma fonte
inesgotável de vida.
Jesus deseja dar grandes coisas aos seus filhos e satanás deseja usurpar, roubar esta porção especial.
Se o filho tem fome a Bíblia diz qual pai lhe dará uma serpente. Se você sabe tão bem buscar o pão
para seu filho, imagine o que Deus Pai pode fazer então por você que é seu filho.Rm 8:16-17-“ O
Espírito mesmo testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus;e, se filhos, também herdeiros,
herdeiros de Deus e co-herdeiros de Cristo; se é certo que com ele padecemos, para que também com
ele sejamos glorificados.”
Foram recolhidos sete cestos com o resto do que havia sobrado. Em Ap5:5 diz “E disse-me um dentre
os anciãos: Não chores; eis que o Leão da tribo de Judá, a raiz de Davi, venceu para abrir o livro e
romper os sete selos.”
Sete selos:
1-Ap6:1-2-“E vi quando o Cordeiro abriu um dos sete selos, e ouvi um dos quatro seres viventes dizer
numa voz como de trovão: Vem! Olhei, e eis um cavalo branco; e o que estava montado nele tinha um
arco; e foi-lhe dada uma coroa, e saiu vencendo, e para vencer.”
Cavalo branco-É o início da grande autoridade da Igreja de Cristo. Em Joel 2 diz que no final dos
tempos Deus derramaria do seu Espírito sobre toda a carne.
Está na hora do povo de Deus esquecer os probleminhas, picuinhas e mergulhar no Senhor. O saduceu
vai ficar apavorado por causa deste poder. O leão venceu e não há mais tempo para brincadeiras.
2-V.3- “Quando ele abriu o segundo selo, ouvi o segundo ser vivente dizer: Vem!
E saiu outro cavalo, um cavalo vermelho; e ao que estava montado nele foi dado que tirasse a paz da
terra, de modo que os homens se matassem uns aos outros; e foi-lhe dada uma grande espada.”
Cavalo Vermelho- Tribulação que vem sobre a terra para tirar a paz. Nunca se viu tantas mortes. As
pessoas já convivem normalmente com a morte no dia a dia, achando normal.
Este é um demônio que assola para deixar os corações endurecidos.
3-V. 5-6-“Quando abriu o terceiro selo, ouvi o terceiro ser vivente dizer: Vem! E olhei, e eis um cavalo
preto; e o que estava montado nele tinha uma balança na mão.E ouvi como que uma voz no meio dos
quatro seres viventes, que dizia: Um queniz de trigo por um denário, e três quenizes de cevada por um
denário; e não danifiques o azeite e o vinho.”
Cavalo Preto- Fome, peste por causa do pecado. Desespero das pessoas que terão fome da Palavra e
não vão se alimentar.
4-V. 7-8- “Quando abriu o quarto selo, ouvi a voz do quarto ser vivente dizer: Vem!
E olhei, e eis um cavalo amarelo, e o que estava montado nele chamava-se Morte; e o inferno seguia
com ele; e foi-lhe dada autoridade sobre a quarta parte da terra, para matar com a espada, e com a fome,
e com a peste, e com as feras da terra.”
Cavalo Amarelo- Traz enfermidade:Aids, ebola e doenças que deixam pessoas ficam amarelas.
5-V.9-11-“ Quando abriu o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que tinham sido mortos por
causa da palavra de Deus e por causa do testemunho que deram. E clamaram com grande voz, dizendo:
Até quando, ó Soberano, santo e verdadeiro, não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre
a terra?. E foram dadas a cada um deles compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda
por um pouco de tempo, até que se completasse o número de seus conservos, que haviam de ser mortos,
como também eles o foram.
Revestimento dos Santos na Eternidade: Jesus está preparando a sua volta e todos os perseguidos vão
declarar a Sua majestade.
6-V.12-16-“ E vi quando abriu o sexto selo, e houve um grande terremoto; e o sol tornou-se negro
como saco de cilício, e a lua toda tornou-se como sangue; e as estrelas do céu caíram sobre a terra,
como quando a figueira, sacudida por um vento forte, deixa cair os seus figos verdes. E o céu recolheu-
se como um livro que se enrola; e todos os montes e ilhas foram removidos dos seus lugares. E os reis
da terra, e os grandes, e os chefes militares, e os ricos, e os poderosos, e todo escravo, e todo livre, se
esconderam nas cavernas e nas rochas das montanhas; e diziam aos montes e aos rochedos: Caí sobre
nós, e escondei-nos da face daquele que está assentado sobre o trono, e da ira do Cordeiro;”
Grandes Catástrofes-Os poderosos estão sendo humilhados, as estações do ano estão totalmente
incoerentes, falta água, falta luz, etc.
7-V17-“... porque é vindo o grande dia da ira deles; e quem poderá subsistir?”
Volta do Senhor-Volta triunfal. Fp 2:7-11-“Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo,
tornando-se semelhante aos homens; e, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo,
tornando-se obediente até a morte, e morte de cruz. Pelo que também Deus o exaltou soberanamente, e
lhe deu o nome que é sobre todo nome; para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho dos que estão
nos céus, e na terra, e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é Senhor, para glória de
Deus Pai.”

Como nos dias de Noé, as pessoas acham que podem tudo...


O Cristo chegará com poder e grande glória e acontecerá o arrebatamento da Igreja.
Mc8:21-“ E ele lhes disse: Não entendeis ainda?”
Sobraram doze porções:um livramento para cada mês do ano.
Meu Senhor vai acrescentar o que a incredulidade não alcança.
Jesus não quis dar um sinal porque precisavam se arrepender e enxergar os maiores sinais: a conversão
dos discípulos e a obra que Jesus fez em cada coração.
Você é um sinal de Deus para esta geração. O impossível na minha vida é o sinal dos fariseus e
saduceus.
Quando eu me preocupo com o pão, me preocupo com o que é material, mas quando eu me derramo na
profundidade de Deus, eu busco o Reino.

Ande no limite da fé

"ISAÍAS [54]
1 Canta, alegremente, ó estéril, que não deste à luz; exulta de prazer com alegre canto, e exclama, tu
que não tiveste dores de parto; porque mais são os filhos da desolada, do que os filhos da casada, diz o
Senhor.
2 Amplia o lugar da tua tenda, e estendam-se as cortinas das tuas habitações; não o impeças; alonga as
tuas cordas, e firma bem as tuas estacas.
3 Porque transbordarás para a direita e para a esquerda; e a tua posteridade possuirá as nações e fará
que sejam habitadas as cidades assoladas.
4 Não temas, porque não serás envergonhada; e não te envergonhes, porque não sofrerás afrontas; antes
te esquecerás da vergonha da tua mocidade, e não te lembrarás mais do opróbrio da tua viuvez.
5 Pois o teu Criador é o teu marido; o Senhor dos exércitos é o seu nome; e o Santo de Israel é o teu
Redentor, que é chamado o Deus de toda a terra.
6 Porque o Senhor te chamou como a mulher desamparada e triste de espírito; como a mulher da
mocidade, que fora repudiada, diz o teu Deus:
7 Por um breve momento te deixei, mas com grande compaixão te recolherei;
8 num ímpeto de indignação escondi de ti por um momento o meu rosto; mas com benignidade eterna
me compadecerei de ti, diz o Senhor, o teu Redentor.
9 Porque isso será para mim como as águas de Noé; como jurei que as águas de Noé não inundariam
mais a terra, assim também jurei que não me irarei mais contra ti, nem te repreenderei.
10 Pois as montanhas se retirarão, e os outeiros serão removidos; porém a minha benignidade não se
apartará de ti, nem será removido ao pacto da minha paz, diz o Senhor, que se compadece de ti.
11 e aflita arrojada com a tormenta e desconsolada eis que eu assentarei as tuas pedras com antimônio,
e lançarei os teus alicerces com safiras.
12 Farei os teus baluartes de rubis, e as tuas portas de carbúnculos, e toda a tua muralha de pedras
preciosas.
13 E todos os teus filhos serão ensinados do Senhor; e a paz de teus filhos será abundante.
14 Com justiça serás estabelecida; estarás longe da opressão, porque já não temerás; e também do
terror, porque a ti não chegará.
15 Eis que embora se levantem contendas, isso não será por mim; todos os que contenderem contigo,
por causa de ti cairão.
16 Eis que eu criei o ferreiro, que assopra o fogo de brasas, e que produz a ferramenta para a sua obra;
também criei o assolador, para destruir.
17 Não prosperará nenhuma arma forjada contra ti; e toda língua que se levantar contra ti em juízo, tu a
condenarás; esta é a herança dos servos do Senhor, e a sua justificação que de mim procede, diz o
Senhor.

Deus chamou o seu povo para viver no limite da fé-Jesus disse se você tiver fé pode dizer àquele monte
para sair, porque ele vai sair.
Deus quer que a renovação do Espírito esteja com você todas as horas, viver cheio do Espírito Santo de
Deus, não ficar parado, não ficar estagnado.
Quando você servia o diabo, ele delimitava a sua caminhada.
Deus deu ao homem o poder de realizar-Jo 14:12-" Em verdade, em verdade vos digo: Aquele que crê
em mim, esse também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas; porque eu vou para o
Pai;
13 e tudo quanto pedirdes em meu nome, eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho."
Por que não as fazemos?
Porque não temos fé, não aceitamos os desafios de Deus para nossas vidas, somos muito cheios de
resquícios do velho homem.
Fp.4:4-" Regozijai-vos sempre no Senhor; outra vez digo, regozijai-vos."
Você foi chamado para viver a alegria do Senhor.
Ne 8:10-" Disse-lhes mais: Ide, comei as gorduras, e bebei as doçuras, e enviai porções aos que não
têm nada preparado para si; porque este dia é consagrado ao nosso Senhor. Portanto não vos
entristeçais, pois a alegria do Senhor é a vossa força."
Ml 3-12-" E todas as nações vos chamarão felizes; porque vós sereis uma terra deleitosa, diz o Senhor
dos Exércitos."
Não seremos conhecidos como o povo mais triste, mais complicado da terra.quando Jesus está em nós,
está na nossa casa, na nossa vida trazendo alegria, paz, amor, sem complicações.
Dt 28:13-" E o Senhor te porá por cabeça, e não por [cauda]; e só estarás por cima, e não por baixo; se
obedeceres aos mandamentos do Senhor teu Deus, que eu hoje te ordeno, para os guardar e cumprir."
Deus deu para você uma posição espiritual e quer que você ande acima das tempestades, ande sobre as
águas olhando para Ele.Precisamos alargar as estacas da tenda, tirar nossa visão carnal e colocar a
espiritual. Precisamos cobrir as nossas ações com o sangue do cordeiro, que nos garante imunidade
contra as obras do diabo.
Rm 4:6-8- "Assim também Davi declara bem-aventurado o homem a quem Deus atribui a justiça sem
as obras, dizendo:
7 Bem-aventurados aqueles cujas iniqüidades são perdoadas, e cujos pecados são cobertos.
8 Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não imputará o pecado."

Muitos se deixam roubar na posição que Deus dá de ser bem aventurado. Mais do que feliz. Sobre nós
não há desgraça...tudo o que parece catástrofe Deus transforma em bênção. TUDO será como bênção
na sua vida.
O Senhor manda esticar a corda( v.2 )-é o teu potencial alargado diante. Você é aquilo que o Espírito
Santo diz que você é. Deus diz que os pensamentos que Ele tem ao seu respeito são pensamentos de
vida e não de morte. Você vai esticar seu potencial no Senhor.
Você é o que diz em Fp 4:13-" Posso todas as coisas naquele que me fortalece".
Abra os olhos e saiba qual o tempo que você está passando para que possa expandir o potencial que
vem de Deus sobre você. Se for problema financeiro Ele vai lhe fortalecer com portas de emprego, com
idéias, estratégias maravilhosas para você vencer. Se o problema é que você perdeu seu namorado e
parece que o mundo vai acabar, é bênção porque Deus tem outro bem melhor. Alargue a sua visão.
Você não pode temer realizar porque você não será envergonhado. As decepções e derrotas fazem parte
da velha criatura, tudo se fez novo.
Lv 26:10-" E comereis da colheita velha por longo tempo guardada, até afinal a removerdes para dar
lugar à nova. "
Temos que tirar o velho para que o novo encontre lugar.

Is 35: 1-10-" O deserto e a terra sedenta se regozijarão; e o ermo exultará e florescerá; como o narciso
florescerá abundantemente, e também exultará de júbilo e romperá em cânticos; dar-se-lhe-á a glória do
Líbano, a excelência do Carmelo e Sarom; eles verão a glória do Senhor, a majestade do nosso Deus.
Fortalecei as mãos fracas, e firmai os joelhos trementes. Dizei aos turbados de coração: Sede fortes, não
temais; eis o vosso Deus! com vingança virá, sim com a recompensa de Deus; ele virá, e vos salvará.
Então os olhos dos cegos serão abertos, e os ouvidos dos surdos se desimpedirão. Então o coxo saltará
como o cervo, e a língua do mudo cantará de alegria; porque águas arrebentarão no deserto e ribeiros
no ermo. E a miragem tornar-se-á em lago, e a terra sedenta em mananciais de águas; e nas habitações
em que jaziam os chacais haverá erva com canas e juncos. E ali haverá uma estrada, um caminho que
se chamará o caminho santo; o imundo não passará por ele, mas será para os remidos. Os caminhantes,
até mesmo os loucos, nele não errarão. Ali não haverá leão, nem animal feroz subirá por ele, nem se
achará nele; mas os redimidos andarão por ele. E os resgatados do Senhor voltarão; e virão a Sião com
júbilo, e alegria eterna haverá sobre as suas cabeças; gozo e alegria alcançarão, e deles fugirá a tristeza
e o gemido."

A sua casa está dentro desta palavra.Deus vai realizar o sobrenatural na sua vida, o milagre que você
espera vai acontecer.
Jesus fez uma aliança com você e ninguém poderá mudar esta verdade, este pacto de amor.
No v.14 de Isaías fala sobre justiça. Nós sofremos injustiças, mas não vamos ficar chorando, vamos
lutar para alargar as tendas, pois estamos debaixo da justiça de Deus.
v.15-Se levantarem contenda contra você não vem de Deus...hoje você só guerreia contra satanás. De
Deus só vem bênção.
Todo o potencial atrofiado está liberado na sua vida, pois o Senhor é Aquele que fará você transbordar
para direita e para esquerda v.3, você vai ocupar todos os espaço da prosperidade.

Progredir no Senhor

I Tm 4:1-16-“1 Mas o Espírito expressamente diz que em tempos posteriores alguns apostatarão da fé,
dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios,

2 - Pela hipocrisia de homens que falam mentiras e têm a sua própria consciência cauterizada,

3 -Proibindo o casamento, e ordenando a abstinência de alimentos que Deus criou para serem recebidos
com ações de graças pelos que são fiéis e que conhecem bem a verdade;

4 -Pois todas as coisas criadas por Deus são boas, e nada deve ser rejeitado se é recebido com ações de
graças;

5 -Porque pela palavra de Deus e pela oração são santificadas.

6 - Propondo estas coisas aos irmãos, serás bom ministro de Cristo Jesus, nutrido pelas palavras da fé e
da boa doutrina que tens seguido;

7 - Mas rejeita as fábulas profanas e de velhas. Exercita-te a ti mesmo na piedade.

8 - Pois o exercício corporal para pouco aproveita, mas a piedade para tudo é proveitosa, visto que tem
a promessa da vida presente e da que há de vir.

9 - Fiel é esta palavra e digna de toda aceitação.

10 - Pois para isto é que trabalhamos e lutamos, porque temos posto a nossa esperança no Deus vivo,
que é o Salvador de todos os homens, especialmente dos que crêem.

11 - Manda estas coisas e ensina-as.

12 - Ninguém despreze a tua mocidade, mas sê um exemplo para os fiéis na palavra, no procedimento,
no amor, na fé, na pureza.

13 - até que eu vá, aplica-te à leitura, à exortação, e ao ensino.

14 - Não negligencies o dom que há em ti, o qual te foi dado por profecia, com a imposição das mãos
do presbítero.

15 Ocupa-te destas coisas, dedica-te inteiramente a elas, para que o teu progresso seja manifesto a
todos.

16 Tem cuidado de ti mesmo e do teu ensino; persevera nestas coisas; porque, fazendo isto, te salvarás,
tanto a ti mesmo como aos que te ouvem.”
Estamos enfrentando o maior adversário do Espírito Santo de Deus. Há uma grande resistência a esse
mover.Joel 2:28-“ Acontecerá depois que derramarei o meu Espírito sobre toda a carne; vossos filhos e
vossas filhas profetizarão, os vossos anciãos terão sonhos, os vossos mancebos terão visões;”

Exortação a ter um procedimento que vença a apostasia da religiosidade. Pessoa que se liga
superficialmente com Deus, com atitudes fora da Palavra.

Nós precisamos acabar com a apostasia. O que fazer?

1 – Alimentar-se da Palavra da fé ® edificar-se em raízes profundas. Não ser volúvel, alimentar-se.

I Cor 3:1-3-“ E eu, irmãos não vos pude falar como a espirituais, mas como a carnais, como a
criancinhas em Cristo.

2 - Leite vos dei por alimento, e não comida sólida, porque não a podíeis suportar; nem ainda agora
podeis;

3 - porquanto ainda sois carnais; pois, havendo entre vós inveja e contendas, não sois porventura
carnais, e não estais andando segundo os homens?”

Na Igreja, se existem contendas e ciúmes, significa que somos carnais e não estamos formados na
Palavra. Não precisamos de estímulos para alcançar a constituição espiritual com invejas, ciúmes,
infantilidades espirituais.

Fé superficial- ilude para as pessoas serem alguém na Casa de Deus. Você tem que ter a seguinte
motivação em seu coração:Que Ele cresça e eu diminua.

Rejeite as fábulas profanas- das mulheres velhas caducas. Se eu tenho juízo não vou falar contra a obra
de Deus, contra homens de Deus.

Is 58:8-“Então romperá a tua luz como a alva, e a tua cura apressadamente brotará. e a tua justiça irá
adiante de ti; e a glória do Senhor será a tua retaguarda.”

Justiça- é isto que nos acompanha. Fofocas, manipulações é o que alguns têm no coração.

2 – Não despreza a mocidade, ser padrão no procedimento e no amor.

Não posso aparecer e sim o Senhor. Pratique o amor às últimas conseqüências. Devemos tirar a trave de
nossos olhos para amarmos a todos. Torna-te um padrão de amor. Amor, vínculo da perfeição.

Padrão da fé-Hb 11:1-“Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas
que não se vêem.”

Clame a Deus e aprenda a andar em vitória ® Deus pode todas as coisas!

Aqueles que oram por obrigação e não por convicção, não vêem as coisas acontecer. Deus quer nos dar
batismo de fé. Padrão de pureza- nova criatura, sai do arraial dos assírios.

Pv 22:10-11-“Lança fora ao escarnecedor, e a contenda se irá; cessarão a rixa e a injúria.

11 O que ama a pureza do coração, e que tem graça nos seus lábios, terá por seu amigo o rei”.® lança
fora...

Atitudes motivadas pela santidade, amor e fé.

3 – Não ser negligente com o dom que há na sua vida.


Tg 1:19-“ Sabei isto, meus amados irmãos: Todo homem seja pronto para ouvir, tardio para falar e
tardio para se irar.”-dom perfeito.

Temos os dons e eles vão se manifestar assim que você precisar.

I Jo 2:27-“E quanto a vós, a unção que dele recebestes fica em vós, e não tendes necessidade de que
alguém vos ensine; mas, como a sua unção vos ensina a respeito de todas as coisas, e é verdadeira, e
não é mentira, como vos ensinou ela, assim nele permanecei.”

Ele vai gerar esta unção e acrescentar dentro de nós.

Deformações de pequenos, inferiores, inibidos- Abra sua boca e eu a encherei. O Senhor tem a fazer na
sua vida sinais, prodígios e maravilhas. Deus quer lhe usar! Não vou troque a sua primogenitura.

4 – É necessário que o seu progresso seja manifesto.

Não podemos ser um povo problemático, enrolado e religioso. Meu progresso é manifesto porque Deus
mostra como sinal para o incrédulo. O espírito da apostasia quer impedir a sua caminhada. Muitas
vezes ficamos deficitários em nossos projetos porque não fazemos a nossa parte.

Ele é poderoso para fazer .

Ef 3:20-“Ora, àquele que é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que
pedimos ou pensamos, segundo o poder que em nós opera”.

Não fique contente, acomodado com o que você está fazendo.

A estagnação alimenta o espírito de apostasia - vocês não recebem porque pedem mal.

4 “s” da fé para que haja progresso:

1º s – Salvação – promover a solução através da pregação.

Mc 16:15-16 –“E disse-lhes: Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura.

16 Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.”

Pv 11:30-“ O fruto do justo é árvore de vida; e o que ganha almas sábio é.”

Evangelismo pessoal traz uma revolução –precisamos fazer propaganda de Jesus. Se o viciado não
mede esforços para passar a cocaína, muito mais nós temos que passar muito Jesus. Evangelizar, amar e
pregar e em conseqüência ganhar almas. Vista o capacete da salvação e não permita que nada roube o
renovo de Deus na sua vida. Não existe ponte com o seu passado.

Lc 19:40-“ Ao que ele respondeu: Digo-vos que, se estes se calarem, as pedras clamarão.”As pedras
vão clamar se nós não fazermos a nossa parte.

Mais importante do que tudo é a salvação.O diabo não está interessado na sua casa, seu carro, suas
coisas.Ele quer que você se desencante com Deus. Desenvolver a salvação- Fp 2:12-“ De sorte que,
meus amados, do modo como sempre obedecestes, não como na minha presença somente, mas muito
mais agora na minha ausência, efetuai a vossa salvação com temor e tremor.”

Evangelho é a salvação da alma.

2º s – Santidade – separação do mundo, vida compromissada com a verdade. Santidade por opção,
quero agradar ao meu Senhor. Não podemos viver com duas caras, máscaras e servindo a dois senhores.
Hb 12:10-14-“ Pois aqueles por pouco tempo nos corrigiam como bem lhes parecia, mas este, para
nosso proveito, para sermos participantes da sua santidade.

11 - Na verdade, nenhuma correção parece no momento ser motivo de gozo, porém de tristeza; mas
depois produz um fruto pacífico de justiça nos que por ele têm sido exercitados.

12 - Portanto levantai as mãos cansadas, e os joelhos vacilantes,

13 - e fazei veredas direitas para os vossos pés, para que o que é manco não se desvie, antes seja
curado.

14 - Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor.”

Ser santo é participar da santidade do Senhor. O véu se rasgou e temos livre acesso ao Santo dos
Santos. Muitos preferem vidas duplas.

I Pe 1:15-16 –“ mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em todo o vosso
procedimento;

16 porquanto está escrito: Sereis santos, porque eu sou santo.”

3º s – Sanidade – ser curado no corpo, alma e espírito. Viver numa atmosfera de cura divina.
Relacionamentos doentes, pessoas doentes, é o que vemos. Não podemos aceitar relacionamentos
doentios. III Jo-“O ancião ao amado Gaio, a quem eu amo em verdade.

2 - Amado, desejo que te vá bem em todas as coisas, e que tenhas saúde, assim como bem vai à tua
alma.

3 - Porque muito me alegrei quando os irmãos vieram e testificaram da tua verdade, como tu andas na
verdade.

4 - Não tenho maior gozo do que este: o de ouvir que os meus filhos andam na verdade.

5 - Amado, procedes fielmente em tudo o que fazes para com os irmãos, especialmente para com os
estranhos,

6 - Os quais diante da igreja testificaram do teu amor; aos quais, se os encaminhares na sua viagem de
um modo digno de Deus, bem farás;

7 - Porque por amor do Nome saíram, sem nada aceitar dos gentios.

8 - Portanto aos tais devemos acolher, para que sejamos cooperadores da verdade.

9 - Escrevi alguma coisa à igreja; mas Diótrefes, que gosta de ter entre eles a primazia, não nos recebe.

10 - Pelo que, se eu aí for, trarei à memória as obras que ele faz, proferindo contra nós palavras
maliciosas; e, não contente com isto, ele não somente deixa de receber os irmãos, mas aos que os
querem receber ele proíbe de o fazerem e ainda os exclui da igreja.

11 - Amado, não imites o mal, mas o bem. Quem faz o bem é de Deus; mas quem faz o mal não tem
visto a Deus.

12 - De Demétrio, porém, todos, e até a própria verdade, dão testemunho; e nós também damos
testemunho; e sabes que o nosso testemunho é verdadeiro.

13 - Tinha eu muitas coisas que te escrever, mas não o quero fazer com tinta e pena.
14 Espero, porém, ver-te brevemente, e falaremos face a face.

15 Paz seja contigo. Os amigos te saúdam. Saúda os amigos nominalmente. “

Precisamos ter nossa alma próspera, curada.

Hipocondríacos espirituais- relacionamentos doentes. Is 53:5- “Mas ele foi ferido por causa das nossas
transgressões, e esmagado por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre
ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados”.

Enfermidades no Corpo de Cristo - Deus quer curar - ciúmes, timidez, medo de demônios, medo de
doenças, hipocondríacos, insegurança, fofoca, não se alegrar com a prosperidade do outro, não
conseguem orar, sentimentos da carne ® Deus vai sarar e trazer sanidade!

4º s – Sucesso – Deus não nos chamou para ostracismo, ficarmos sem realizações. Ter sucesso é ter
vida abundante, aprovado no que faz.

Sl 1-3-“...e tudo quanto fizer prosperará.”

Pessoas que tudo o que fazem dá errado- o Senhor vai abençoar a sua vida e o insucesso vai sair.

Deus vai fazer a obra através do sobrenatural.

Pontaria de Davi com a pedra ainda que você tenha dado tiros errados, o Senhor vai arrumar a sua
trajetória.

Fidelidade

Jr 35:1-19-“ A palavra que da parte do Senhor veio a Jeremias, nos dias de


Jeoiaquim, filho de Josias, rei de Judá, dizendo:
2 Vai à casa dos recabitas, e fala com eles, introduzindo-os na casa do
Senhor, em uma das câmaras, e lhes oferece vinho a beber.
3 Então tomei a Jaazanias, filho de Jeremias, filho de Habazínias, e a seus
irmãos, e a todos os seus filhos, e a toda a casa dos recabitas,
4 e os introduzi na casa do Senhor, na câmara dos filhos de Hanã, filho de
Jigdalias, homem de Deus, a qual estava junto à câmara dos príncipes que
ficava sobre a câmara de Maaséias, filho de Salum, guarda do vestíbulo;
5 e pus diante dos filhos da casa dos recabitas taças cheias de vinho, e
copos, e disse-lhes: Bebei vinho.
6 Eles, porém, disseram: Não beberemos vinho, porque Jonadabe, filho de
Recabe, nosso pai, nos ordenou, dizendo: Nunca jamais bebereis vinho, nem vós nem vossos filhos;
7 não edificareis casa, nem semeareis semente, nem plantareis vinha, nem a possuireis; mas habitareis
em tendas todos os vossos dias; para que vivais muitos dias na terra em que andais peregrinando.
8 Obedecemos pois à voz de Jonadabe, filho de Recabe, nosso pai, em tudo quanto nos ordenou, de não
bebermos vinho em todos os nossos dias, nem nós, nem nossas mulheres, nem nossos filhos, nem
nossas filhas;
9 nem de edificarmos casas para nossa habitação; nem de possuirmos vinha, nem campo, nem semente;
10 mas habitamos em tendas, e assim obedecemos e fazemos conforme tudo quanto nos ordenou
Jonadabe, nosso pai.
11 Sucedeu, porém, que, quando subia Nabucodonosor, rei de Babilônia, contra esta terra, dissemos:
Vinde, e vamo-nos a Jerusalém, por causa do exército dos caldeus, e por causa do exército dos sírios; e
assim habitamos em Jerusalém.
12 Então veio a palavra do Senhor a Jeremias, dizendo:
13 Assim diz o Senhor dos exércitos, o Deus de Israel: Vai, e dize aos
homens de Judá e aos moradores de Jerusalém: Acaso não aceitareis instrução, para ouvirdes as minhas
palavras? diz o Senhor.
14 As palavras de Jonadabe, filho de Recabe, pelas quais ordenou a seus
filhos que não bebessem vinho, foram guardadas; pois não o têm bebido até o dia de hoje, porque
obedecem o mandamento de seu pai; a mim, porém, que vos tenho falado a vós, com insistência, vós
não me ouvistes.
15 Também vos tenho enviado, insistentemente, todos os meus servos, os
profetas, dizendo: Convertei-vos agora, cada um do seu mau caminho, e
emendai as vossas ações, e não vades após outros deuses para os servir, e assim habitareis na terra que
vos dei a vós e a vossos pais; mas não
inclinastes o vosso ouvido, nem me obedecestes a mim.
16 Os filhos de Jonadabe, filho de Recabe, guardaram o mandamento de seu pai
que ele lhes ordenou, mas este povo não me obedeceu;
17 por isso assim diz o Senhor, o Deus dos exércitos, o Deus de Israel: Eis
que trarei sobre Judá, e sobre todos os moradores de Jerusalém, todo o mal
que pronunciei contra eles; pois lhes tenho falado, e não ouviram; e clamei
a eles, e não responderam.
18 E à casa dos recabitas disse Jeremias: Assim diz o Senhor dos exércitos, o Deus de Israel: Pois que
obedecestes ao mandamento de Jonadabe, vosso pai, guardando todos os seus mandamentos e fazendo
conforme tudo quanto vos ordenou;
19 portanto assim diz o Senhor dos exércitos, Deus de Israel: Nunca jamais
faltará varão a Jonadabe, filho de Recabe, que assista diante de mim.”
Recabitas – nação dos queneus, parente dos judeus. Jz 1:16-“ Também os
filhos do queneu, sogro de Moisés, subiram da cidade das palmeiras com os
filhos de Judá ao deserto de Judá, que está ao sul de Arade; e foram habitar com o povo.”
Quando foram para terra prometida os queneus moravam no deserto e faziam tendas para si.
I Cr 2:55-“As famílias dos escribas que habitavam em Jabes: os tiratitas, os
simeatitas e os sucatitas; estes são os queneus que descenderam de Hamate, pai da casa de Recabe.”
Jonadabe era o pai dos guerreiros e fez uma aliança com aquele povo que
nenhuma geração bebesse vinho e habitassem no deserto (não em casas).
Fidelidade – pacto. Aquela nação era reconhecida pela fidelidade.
Jeremias foi usado por Deus para provar a fidelidade daqueles que não eram o povo escolhido.
Ofereceu vinho na Casa do Senhor a eles. Os recabitas não quiseram beber o vinho porque tinham um
voto, uma aliança, eram fiéis aos princípios de um homem.
Os filhos de Israel que receberam orientações e ordenanças eram infiéis.
Deus colocou características que são do Senhor – capacidade de ser fiel.
Infidelidade é a porta da traição (Judas). É um câncer espiritual, porém, em
II Tm 2:13-“... se somos infiéis, ele permanece fiel; porque não pode negar-se a si mesmo.”
Infidelidade se acumula e mata a fé.
Himineu e Fileto eram infiéis ao ministério de Paulo.
Infidelidade – falatórios, olhar, atitudes...
Deus quer santidade para sermos diferenciados do mundo.
Algo que tem se alastrado é a infidelidade. O infiel – tem seus próprios
interesses, não tem alianças.
A infidelidade também é hereditária – pai prostituto, gera filhos
prostitutos (demônio que traz deformidade).
Precisamos de fidelidade que não seja humana e sim a de Deus.
Fiel a Deus é uma dimensão mais profunda.Precisamos ser fiéis :
1 – Até a morte – Ap 2:10-“ Não temas o que hás de padecer. Eis que o Diabo está para lançar alguns
de vós na prisão, para que sejais provados; e tereis uma tribulação de dez dias. Sê fiel até a morte, e
dar-te-ei a coroa da vida.”
O infiel não tem lugar na eternidade. Aquele que é fiel pode ir à fornalha
em sua vida. Todos se ajoelharam e Sadraque, Mesaque e Abdnego não se
ajoelharam, continuaram fiéis.
Namoro, problemas financeiros, interesses pessoais, quebram-se diante das adversidades. Precisamos
de posicionamentos radicais. Aconteça o que for nada vai me separar do Amor de Deus.
Não seja como aquele que tem característica de camaleão – muda de acordo conforme a circunstância.
Temos que ser fiéis até a morte.
2 – Ao teu chamado e à tua constituição. Mt 4:21-22-“ E, passando mais adiante, viu outros dois
irmãos-Tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João, no barco com seu pai Zebedeu, consertando as redes;
e os chamou.
22 Estes, deixando imediatamente o barco e seu pai, seguiram-no.”
Muitos não seguem Jesus e vêm com tantas desculpas, tantos interesses. O seu chamado tem que ser
prioridade. Não posso trocar por um prato de lentilha porque o Senhor me chamou.
A quem muito dá, muito Ele requer. O pecado destrói o chamado, mas a
santidade traz a labareda de fogo sobre nós.
3 – Seja fiel a uma visão – assim como os recabitas
35:6-7 “Desde o tempo do nosso pai Jonadabe temos a visão... e não mudamos esta visão”
Visão apostólica – Deus quer que recebamos em nosso espírito “vocês são a marca do meu apostolado”.
Se sou sincero na visão, prospero no que faço.
Vou mudar a sociedade, mas não me contamino com o mundo.
Identidade espiritual – sabemos quem é livre e renasceu no Senhor. Seja um
recabita, seja fiel ao Senhor.

Os recabitas eram profeticamente um exemplo do verdadeiro discípulo:


1 – Têm a palavra do seu mestre no seu espírito. Mt 10:5-7 – “A estes doze
enviou Jesus, e ordenou-lhes, dizendo: Não ireis aos gentios, nem entrareis
em cidade de samaritanos;
6 mas ide antes às ovelhas perdidas da casa de Israel;
7 e indo, pregai, dizendo: É chegado o reino dos céus.
8 Curai os enfermos, ressuscitai os mortos, limpai os leprosos, expulsai os
demônios; de graça recebestes, de graça dai.”
Jesus determinou: levem a minha palavra. Não podemos ter raízes nas coisas materiais. Mt 6:19-21-“
Não ajunteis para vós tesouros na terra; onde a traça e a ferrugem os consomem, e onde os ladrões
minam e roubam;
20 mas ajuntai para vós tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem os consumem, e onde os
ladrões não minam nem roubam.
21 Porque onde estiver o teu tesouro, aí estará também o teu coração.”

Eram completamente desprovidos de raízes, temos raízes só no Senhor. O que tem roubado servos de
Deus são raízes. Você só pode possuir aquilo que você pode entregar a Deus – filhos, casamentos,
carros.
Você pode entregar, então você sempre terá.
É nômade – não tem raízes. Antes de ser brasileiro, sou cidadão celestial.
2 – viviam pela convicção daquilo que receberam. As palavras Dele estão em nós.
Jo 15:7-“ Se vós permanecerdes em mim, e as minhas palavras permanecerem em vós, pedi o que
quiserdes, e vos será feito.”
Precisamos ter convicção quando vem a adversidade, não murmurar porque Deus lhe ouve. Não
podemos ser guiados por “revelações”. A heresia vem para roubar a sua convicção. Estamos
fundamentados na Palavra.
- Os recabitas receberam bênçãos por causa da fidelidade.
Bênçãos:
1 – Aprovação Tg 1:12-“ Bem-aventurado o homem que suporta a provação; porque, depois de
aprovado, receberá a coroa da vida, que o Senhor prometeu aos que o amam.”– Seja aprovado e viva a
glória da segunda casa. Jo 42:10
2 – Relação espiritual, transbordante de poder e autoridade.
“Nunca faltará homem na tua casa” – autoridade. Não faltará óleo da
autoridade do Senhor. Você vai fazer todas as coisas na unção do Espírito
Santo na sua vida.
3 – Nunca irá faltar o óleo da unção sobre a sua cabeça. Davi era fiel, por
isso era o homem segundo coração de Deus..

O fiel verá a glória do Senhor com poder na sua vida 100 vezes mais.
Fala para os recabitas que eu enxerguei a fidelidade deles. Deus vai
enxergar a sua fidelidade e a sua aliança com Ele.
Apóstolo Estevam

Deus vai lhe livrar na cova dos leões

DANIEL 6:10-28
10 Quando Daniel soube que o edital estava assinado, entrou em sua casa, no seu quarto em cima, onde
estavam abertas as janelas que davam para o lado de Jerusalém; e três vezes no dia se punha de joelhos
e orava, e dava graças diante do seu Deus, como também antes costumava fazer.
11 Então aqueles homens foram juntos, e acharam a Daniel orando e suplicando diante do seu Deus.
12 Depois se foram à presença do rei e lhe perguntaram no tocante ao interdito real: Porventura não
assinaste um interdito pelo qual todo homem que fizesse uma petição a qualquer deus, ou a qualquer
homem por espaço de trinta dias, exceto a ti, ó rei, fosse lançado na cova dos leões? Respondeu o rei, e
disse: Esta palavra é certa, conforme a lei dos medos e dos persas, que não se pode revogar.
13 Então responderam ao rei, dizendo-lhe Esse Daniel, que é dos exilados de Judá, e não tem feito caso
de ti, ó rei, nem do interdito que assinaste; antes três vezes por dia faz a sua oração.
14 Ouvindo então o rei a notícia, ficou muito penalizado, e a favor de Daniel propôs dentro do seu
coração livrá-lo; e até o pôr do sol trabalhou para o salvar.
15 Nisso aqueles homens foram juntos ao rei, e lhe disseram: Sabe, ó rei, que é lei dos medos e persas
que nenhum interdito ou decreto que o rei estabelecer, se pode mudar.
16 Então o rei deu ordem, e trouxeram Daniel, e o lançaram na cova dos leões. Ora, disse o rei a
Daniel: O teu Deus, a quem tu continuamente serves, ele te livrará.
17 E uma pedra foi trazida e posta sobre a boca da cova; e o rei a selou com o seu anel e com o anel dos
seus grandes, para que no tocante a Daniel nada se mudasse:
18 Depois o rei se dirigiu para o seu palácio, e passou a noite em jejum; e não foram trazidos à sua
presença instrumentos de música, e fugiu dele o sono.
19 Então o rei se levantou ao romper do dia, e foi com pressa à cova dos leões.
20 E, chegando-se à cova, chamou por Daniel com voz triste; e disse o rei a Daniel: Ó Daniel, servo do
Deus vivo, dar-se-ia o caso que o teu Deus, a quem tu continuamente serves, tenha podido livrar-te dos
leões?
21 Então Daniel falou ao rei: Ó rei, vive para sempre.
22 O meu Deus enviou o seu anjo, e fechou a boca dos leões, e eles não me fizeram mal algum; porque
foi achada em mim inocência diante dele; e também diante de ti, ó rei, não tenho cometido delito
algum.
23 Então o rei muito se alegrou, e mandou tirar a Daniel da cova. Assim foi tirado Daniel da cova, e
não se achou nele lesão alguma, porque ele havia confiado em seu Deus.
24 E o rei deu ordem, e foram trazidos aqueles homens que tinham acusado Daniel, e foram lançados
na cova dos leões, eles, seus filhos e suas mulheres; e ainda não tinham chegado ao fundo da cova
quando os leões se apoderaram deles, e lhes esmigalharam todos os ossos.
25 Então o rei Dario escreveu a todos os povos, nações e línguas que moram em toda a terra: Paz vos
seja multiplicada.
26 Com isto faço um decreto, pelo qual em todo o domínio do meu reino os homens tremam e temam
perante o Deus de Daniel; porque ele é o Deus vivo, e permanece para sempre; e o seu reino nunca será
destruído; o seu domínio durará até o fim.
27 Ele livra e salva, e opera sinais e maravilhas no céu e na terra; foi ele quem livrou Daniel do poder
dos leões.
28 Este Daniel, pois, prosperou no reinado de Dario, e no reinado de Ciro, o persa.
Daniel era um homem que era honrado por Deus em todas as suas atitudes porque o coração dele era
temente ao Senhor. Até aquele momento as suas atitudes na Babilônia demonstravam que ele não era
uma pessoa comum. E isso é exatamente o que o Espírito de Deus quer produzir na sua vida, porque se
nós não tivermos uma mudança verdadeira pelo nosso caminhar com Deus isto significa que Deus não
está em nós. O homem cheio do Espírito Santo não é um homem comum, é um homem marcado pela
presença de Deus na sua vida, e assim era com Daniel. A tentativa do inimigo de parar um homem
cheio do Espírito Santo é levantar-se contra ele através de invejas, através de calúnias, através de
planos que são gerados no inferno. Agora quando Satanás se levanta contra a vida de alguém significa
espiritualmente que Deus tem uma grande obra pra realizar naquela vida. Significa que Satanás
identifica no mundo espiritual que algo poderoso Deus está fazendo, então ele procura destruir
antecipadamente, assim como ele fez quando Moisés nasceu. Ele colocou aquela malignidade para que
todos os primogênitos hebreus fossem mortos no Egito. Quando Jesus nasceu, da mesma maneira,
Herodes mandou que todos os meninos (primogênitos) hebreus fossem mortos. O que Satanás quer é
atingir a sua constituição. Agora faça ele o que ele quiser, mas se você estiver habilitado, firmado,
fundamentado na Palavra ele não terá poder para impedir a sua caminhada diante do Senhor. Hoje você
será ministrado no seu coração como não ser comido pelos leões. Eu já ouvi algumas versões, algumas
pessoas incrédulas e até alguns teólogos dizem: “Ah, mas os leões estavam alimentados, um leão
alimentado não come ninguém.” Eu falei então: “Puxa, manda-os entrarem na jaula de um leão
alimentado pra fazer um teste.” Agora como é que os leões estavam alimentados se logo em seguida o
rei mandou jogar todos aqueles que estavam perseguindo Daniel e eles nem chegaram no fundo e os
leões já comeram. Ora, nós temos que nos curvar e saber que Deus fechou a boca dos leões para que
eles não fizessem nada contra a vida de Daniel. Deus vai fechar a boca dos leões para que eles não
toquem na sua vida, nem na sua casa e nem na sua herança. Eles vão tocar em quem eles quiserem, mas
na sua vida eles não vão tocar porque nós estamos debaixo das bênçãos do Senhor nosso Deus. Nós
queremos vencer os leões, e aqueles leões obviamente eram animais físicos. Em I Pedro, Pedro diz que
Satanás anda como leão ao nosso derredor buscando a quem possa tragar. É por isso que muitas pessoas
vacilam no seu testemunho. Por isso que muitas pessoas vacilam na sua caminhada. Por isso que muita
gente começa muito bem vindo à Igreja, ora, lê a Bíblia, e depois de seis meses ele nem na Igreja vem
mais. Porque foi devorado pelos leões. Porque o mover de Deus naquela vida foi tirado pelo inimigo. E
eu vou dizer pra vocês: “Uma pessoa que perde o seu chamado, uma pessoa que perde o mover de Deus
em sua vida é a pessoa mais infeliz da terra porque a alegria, a realização, só existe quando eu estou na
presença do Senhor meu Deus.”
Pode inventar o que quiser, mas alguém que é devorado pelos leões a vida dele é uma vida desgraçada,
porque ele está fora da graça de Deus. E o Senhor quer que você vença os leões em Nome de Jesus.
Existem 3 estágios diferentes pra você vencer os leões:

1º Estágio O Antes da cova - Daniel não foi devorado simplesmente por um acaso.
· Primeiro: Existia um histórico de vida antes da cova. Como Daniel não vivia uma vida de pecados.
Ele não aceitava contaminações.
Daniel 1:8 “E Daniel assentou no seu coração não se contaminar com a porção do manjar do rei, nem
com o vinho que ele bebia; portanto, pediu o chefe dos eunucos que lhe concedesse não se contaminar.”
O segredo antes da cova é nós não nos contaminarmos com este mundo. Este mundo está
completamente nas mãos do inimigo. Quando você aceita qualquer tipo de aliança, quando você pratica
a mentira, quando você aceita o pecado, quando você está no adultério, quando você está em aliança na
roda dos escarnecedores, quando você permite dentro da sua casa a malignidade, você está permitindo a
contaminação. E aqui está o segredo de Daniel, “ele não se contaminou”, e ele tomou uma decisão “eu
não vou comer da comida que estão sendo servidas ali e vou me consagrar”. Então ele estabeleceu um
referencial e uma habilitação diante do Senhor.
· Segundo: Para não ser comido pelos leões antes da cova é necessário ter uma vida de oração a
despeito de todas as lutas e dificuldades que estamos enfrentando. Daniel sabia que o decreto estava
escrito. Muita gente poderia falar “Ah, mas Daniel foi rebelde.” Não, ele sabia que aquele edito era
demoníaco, ele sabia que nada e ninguém poderia impedi-lo de ter uma vida de oração. I Ts 5 “Orai
sem cessar”. Três vezes ao dia Daniel orava. O coração dele se derramava e ele sentia a presença de
Deus. A grande diferença entre orar e derramar o coração diante do Senhor é a cada vez que você vai
orar você ser cheio da presença de Deus. Porque aquela oração mecânica, religiosa, não resolve nada na
sua vida. Mas quando você realmente pára, ora, Deus lhe visita, as suas forças são renovadas, você
começa a enxergar na perspectiva de Deus, você começa a ter autoridade no mundo espiritual. E a
oração é a chave que abre as portas para os servos do Senhor, nosso Deus. Ore, porque quem ora não é
tragado pelos leões. Ore, porque o seu exercício de oração vai trazer a manifestação da Glória de Deus
na sua vida. Ore, porque enquanto você está orando Satanás está sendo derrotado. Enquanto você está
orando você está abençoando a sua família, o seu trabalho e o povo de Deus precisar ter uma disciplina
de oração. “Orai sem cessar”. Você quer ver Deus fazer uma revolução na sua vida? Comece a orar
insistentemente. Uma coisa que nós vimos na Coréia é a oração perseverante. Nós temos uma tendência
de orar pelas coisas assim: Você vem para Casa do Senhor, você precisa de um milagre, aí você ora:
“Senhor me dá aquela bênção em Nome de Jesus, Amém”. Você esqueceu. Mas Jesus disse em Mateus
7: “Pedi, pedi e dar-se-vos-à. Batei, batei e abrir-se-vos-à.” Não é pedir com sofrimento “Ah Senhor,
me dá eu estou desesperado” e sim “Senhor eu creio em ti, eu creio que o Senhor vai fazer a obra” e
você vai orando e a sua oração vai enchendo o cálice do Senhor até que Ele pega o cálice e derrama na
sua vida e a honra do Senhor vem e as portas do Senhor se abrem poderosamente. Faça uma campanha
de oração na sua casa. Faça um período de oração com seu marido. Tenha atitudes de oração e você vai
ver as janelas dos céus se abrindo.
· Terceiro: é ser cheio do Espírito Santo de Deus. Daniel 5:11 e 12 “Há no teu reino um homem que
tem o espírito dos deuses santos; e nos dias de teu pai se achou nele luz, e inteligência, e sabedoria,
como a sabedoria dos deuses; e teu pai, o rei Nabucodonozor, sim, teu pai, ó rei, o constituiu chefe dos
magos, dos astrólogos, dos caldeus e dos adivinhadores. Porquanto se achou neste Daniel um espírito
excelente, e ciência, e entendimento, interpretando sonhos, e explicando enigmas, e solvendo dúvidas,
ao qual o rei pôs o nome de Belessazar; chama-se pois, agora Daniel e ele dará interpretação.”
Nós vemos que Daniel era reconhecido como um homem cheio do Espírito Santo. Quem era Daniel: “O
homem cheio do Espírito Santo de Deus”. Daniel era escravo na Babilônia. Ele era uma pessoa limitada
nas suas atitudes e nas suas ações porque ele era escravo, mas o espírito dele era livre no Senhor e Deus
está querendo trabalhar na sua vida, porque um homem cheio do Espírito Santo até vai para a cova dos
leões, mas ele não é engolido pelos leões. Deus tem um potencial borbulhando na sua vida. Às vezes
nós perdemos muito tempo, deixamos de orar, falar em novas línguas, de glorificar a Deus e vamos
remoendo nossos problemas, ficamos olhando para as dificuldades e até choramos por causa delas, mas
quando você é cheio de Espírito Santo de Deus, você salta muralhas, você é marcado por este poder.
Em você vai se achar luz, inteligência, sabedoria e as pessoas vão lhe olhar e vão dizer: “nele habita o
excelente Espírito de Deus.”O Senhor vai lhe diferenciar, porque os leões não podem comer luz, os
leões não podem comer unção, porque você é marcado pelo poder do Espírito Santo de Deus e Deus vai
lhe encher dessas características e vai lhe livrar dos leões que querem lhe dominar, em nome de Jesus,
Amém!
Levante a sua mão e diga: “ Senhor, como Daniel, ensina-me a não me contaminar, me dá uma vida de
oração, faça-me um homem cheio do Espírito Santo, em Nome de Jesus.”
Você quer ser essa pessoa antes da cova? Então eu posso dizer para você: “pode entrar na cova”. Não
precisa ter paranóia. Por acaso está escrito que Daniel perdeu o sono? Quem perdeu o sono foi o rei.
Daniel estava numa boa. E eu acho que ele estava cantando “Eu sei que estás comigo, Senhor”. Pra
onde eu for, Deus está comigo. O Senhor me segura pela mão. Amanhã você vai sair pro seu trabalho,
pro seu dia, pra onde você for e eu quero ver se tem um leão no inferno que pode comer um ungido de
Deus. Eu quero ver se há demônio no inferno que pode engolir a unção de Deus na sua vida, porque a
unção quebra todo o jugo em Nome de Jesus.

2º Estágio Na cova
· Primeiro: o inimigo não pode lhe tocar.”Mil cairão ao meu lado, dez mil a minha direita mas eu não
serei atingido.” Uma certa pessoa disse que Daniel não foi comido pelos leões porque ele não tinha
cheiro de carne. Os leões, quando Daniel entrou, eles ficaram “o que é isso?” “isso é homem, isso é
capim?“ ”o que é isso?” Porque o homem espiritual ninguém discerne e de ninguém é discernido.
O que Daniel tinha na vida dele: primeiro luz (vs. 11). Jesus disse: “Eu sou a luz do mundo”. Nós
somos a luz do mundo e o sal da terra. Eu acho que quando Daniel entrou naquela cova os leões
começaram a baixar a cabeça porque eles não podiam olhar para Daniel. E de tal maneira a unção de
Deus vai entrar na sua vida que você vai entender I João 5:18 “Aquele que nasceu de novo não vive
pecando e o maligno não lhe toca”. Se você for cheio dessa luz o maligno não lhe toca. Uma vez eu fui
pregar no presídio lá no Carandiru, há muitos anos, e naquele dia eles estavam planejando uma rebelião
e nós fizemos o culto lá onde tinha um salão. Estava um ambiente muito estranho. Quando eu entrei e
vi um cara todo forte, todo tatuado. Eu falei “Jesus, o que é isso?” Ele não entrou no culto. Aí eu saí,
entrei no corredor, cheguei e bati no ombro dele e perguntei: “Puxa vida, você não gostaria de ter uma
experiência com Deus?”. Ele falou pra mim: “Não, eu sou macumbeiro”. Eu falei: “Mas eu não
perguntei o que você é, eu só estou perguntando se você quer ter uma experiência com Cristo?” E ele:
“Como é esse negócio?” Aí eu fiquei ministrando pra ele. Resultado: terminou chorando. Aquilo que
deveria ser um medo, uma insegurança, eu tenho certeza que ele viu na minha vida a Glória de Deus. O
inimigo vai ver a Glória de Deus na sua vida e não vai lhe tocar. E toda a cara feia que o inimigo lhe
fizer vai ser repreendida pela autoridade do Senhor na sua vida. Você pode até passar por lutas, por
dificuldades, vai enfrentar situações difíceis, vai entrar nas covas dos leões, mas os leões vão ficar no
murchinhos. Eles não vão lhe tocar em Nome de Jesus porque a glória do Senhor está na sua vida e
aquele que resplandece a glória de Deus tem autoridade no mundo espiritual.
· Segundo: Você tem uma promessa. Deus vai fechar a boca do devorador. Malaquias 3:10 “Por vossa
causa repreenderei o devorador.” Não é só na sua vida financeira. Tem muita gente que acha que esse
versículo é só para finanças. O devorador está com a boca fechada em todas as áreas da sua vida. Você
pode entrar na cova dos leões porque ele não abre a boca contra você, contra os seus filhos, contra a sua
família, ele não tem poder para abrir a boca quando você está 100% cheio da unção e habilitado diante
do Pai. Esta palavra estava dentro da cova: “Eu repreenderei o devorador”. O devorador está lá,
rugindo, mas estava amarrado, não podia fazer nada. A boca do devorador está fechada em nome de
Jesus.
· Terceiro: Você descansará, pois o que o inimigo preparou para lhe destruir, o Senhor vai mudar a sua
sorte diante dos seus olhos. O rei falou a noite inteira “Ai meu Deus, Daniel, o que eu fiz” ele disse
“Oh Daniel, porventura o Deus a quem tu serves lhe livrou da boca dos leões?” Acho que Daniel falou:
“O rei, me dá um café da manhã aí.”Porque Deus, o Deus a quem eu sirvo, visitou esta cova e
descansei no Senhor. Em nome de Jesus, seja qual for a luta, as enfermidades, o impedimento, a
dificuldade, a palavra que vier contra você, você vai descansar no Senhor, porque você viver o Salmos
23 “O Senhor te levará a pastos verdejantes, te guiará a águas tranqüilas e refrigerará a tua alma por
amor a ele.” Você vai descansar porque você está debaixo da promessa do Salmos 91 “Coberto com as
asas onipotentes do Senhor.” E Daniel descansou, por isso em Nome de Jesus saiba que na cova dos
leões não poderão tirar a sua paz. Não existirão lutas, dificuldades, palavras ou pessoas ou qualquer
enviado de Satanás que roubará a sua paz. A Paz de Cristo está na minha vida. Eu não estou confiado
em homens, estou fundamentado no meu Senhor e nada roubará a paz no meu coração. O ímpio só tem
paz quando morre. A maioria dos túmulos diz assim “descansa em paz”. Só quando morre. Nós não,
nós descansamos em paz em vida porque o Senhor é a nossa herança e a nossa porção. O Senhor vai lhe
dar descanso e paz em nome de Jesus e você não vai comer pão de dores.

3º Estágio O pós-cova - Porque você entrou na cova mas você vai sair em nome de Jesus.
· Primeiro: Os seus inimigos serão consumidos. O inimigo veio por um caminho e sairá por sete. O
Senhor dará os seus inimigos nas suas mãos e o meu povo jamais será envergonhado... Daniel 6:24-
“Aqueles que haviam tramado contra ele foram lançados na cova dos leões”. Como eles não tinham o
poder de Deus foram consumidos. Descansa no Senhor seu Deus porque os seus inimigos serão
confundidos e eles não prevaleceram contra a sua vida porque aquilo que eles fizeram contra você será
o instrumento da própria destruição deles e tudo aquilo que o inferno mandou pra lhe envergonhar você
está na palavra de Joel 2 “O meu povo jamais será envergonhado”. O inimigo queria destruir Daniel,
mas do trono de Deus levantou-se uma poderosa bênção, porque Ele transforma maldição em bênçãos.
Ele transforma uma grande luta numa grande vitória e num grande testemunho.
· Segundo: O Senhor lhe dará a dupla honra e ele vai usar todas as situações para que o nome Dele seja
glorificado na sua vida. Vocês viram o que o rei escreveu: “Todas as pessoas, de todo o meu domínio
vão servir e adorar ao Deus de Daniel porque não há Deus que livra como Deus de Daniel.”
Diga: “Eu declaro, em Nome de Jesus, Deus vai me tirar com tanta honra da cova dos leões que há um
decreto espiritual que pelo meu testemunho todos os meus familiares serão salvos e declararão que não
há Deus que livra como o meu Deus e eu terei dupla honra.” Hoje é dia de livramentos. Nesses dias que
estamos vivendo, Satanás está desesperadamente querendo lançar os servos de Deus em covas pra que
ele possa destruir. Nesses dias de tudo o inimigo tem feito, mas nós temos um que tem a chave da cova
dos leões porque Ele é o Leão da Tribo de Judá. Porque todos os leões, e aqui no mundo espiritual,
todos os demônios sabem aquilo que está escrito em Filipenses 2 “que não há nome que se nomeie nos
céus e na terra maior que o Nome do Senhor Jesus e que perante o nome Dele todo joelho se dobrará e
toda língua confessará que Jesus Cristo é o Senhor”. Diga: “Ele é o leão da Tribo de Judá, o Leão da
Tribo de Judá que abriu o selo e venceu.” E Daniel estava ali naquela cova para trazer-nos
profeticamente os grandes livramentos que o Senhor tem para as nossas vidas. E eu quero dizer para
você que não existe situações que sejam incontroláveis aos seus olhos que Deus não possa lhe livrar. E
nesta noite eu quero lhe perguntar qual é a cova dos leões que o inimigo quer lhe jogar? Da
enfermidade, do desespero pessoal, das enfermidades que são incuráveis aos olhos humanos, da cova
das finanças? Hoje o Senhor está aqui porque o principal dentro daquela cova foi o que aconteceu na
fornalha. Na fornalha eles jogaram três e viram quatro. Lá na cova era um e existiam dois, porque lá
dentro estava aquele no qual os leões se submetem, estava o Leão da Tribo de Judá. E você não está
sozinho, o Leão da Tribo de Judá está com você. E você vai viver o que Daniel viveu porque você viu o
que está escrito no vs 28 “E Daniel prosperou” e você vai prosperar porque o Senhor vai quebrar o
intento de Satanás e vai lhe constituir naquilo que o inimigo queria lhe envergonhar. O diabo queria lhe
envergonhar em várias áreas da sua vida, mas eu declaro em Nome de Jesus que em todas essas áreas
que ele intentou contra você para querer lhe envergonhar. Deus vai transformar em uma grande e
poderosa porta de milagres e você não será envergonhado em nome de Jesus.

Apóstolo Estevam

Enxergue-se como Deus lhe enxerga

Nm 13:25-33-"Ao fim de quarenta dias voltaram de espiar a terra.


26 E, chegando, apresentaram-se a Moisés e a Arão, e a toda a congregação dos filhos de Israel, no
deserto de Parã, em Cades; e deram-lhes notícias, a eles e a toda a congregação, e mostraram-lhes o
fruto da terra.
27 E, dando conta a Moisés, disseram: Fomos à terra a que nos enviaste. Ela, em verdade, mana leite e
mel; e este é o seu fruto.
28 Contudo o povo que habita nessa terra é poderoso, e as cidades são fortificadas e mui grandes.
Vimos também ali os filhos de Anaque.
29 Os amalequitas habitam na terra do Negebe; os heteus, os jebuseus e os amorreus habitam nas
montanhas; e os cananeus habitam junto do mar, e ao longo do rio Jordão.
30 Então Calebe, fazendo calar o povo perante Moisés, disse: Subamos animosamente, e apoderemo-
nos dela; porque bem poderemos prevalecer contra ela.
31 Disseram, porém, os homens que subiram com ele: Não poderemos subir contra aquele povo,
porque é mais forte do que nos.
32 Assim, perante os filhos de Israel infamaram a terra que haviam espiado, dizendo: A terra, pela qual
passamos para espiá-la, é terra que devora os seus habitantes; e todo o povo que vimos nela são homens
de grande estatura.
33 Também vimos ali os nefilins, isto é, os filhos de Anaque, que são descendentes dos nefilins; éramos
aos nossos olhos como gafanhotos; e assim também éramos aos seus olhos."
Deus nos dá autoridade para nós vencermos o deserto e nos dá condições para que nós enxerguemos
suas promessas. Deus na sua sabedoria não impede que nós passemos pela cova dos leões, que nós
atravessemos a fornalha de fogo e nem que enfrentemos o deserto. A diferença é: nós enfrentamos o
deserto, mas temos certeza que o Senhor tem reservado uma grande vitória para todos nós. Nós
enfrentamos o deserto não para sucumbir, nem para morrer. Nós enfrentamos o deserto para que o
poder de Deus se aperfeiçoe nas nossas vidas. Satanás tem colocado entre as pessoas um terrível
espírito de engano, de pessimismo, de negativismo e tem tirado o ânimo das pessoas. Nós, como servos
de Deus, muitas vezes somos imperceptivelmente envolvidos por esta malignidade que está ao ar e
deixamos que satanás se manifeste porque em II Co 11 está escrito que satanás se transforma em anjo
de luz, para que, se possível fora, engane aos próprios escolhidos e nós então, começamos a abrir mão
da vontade de Deus para nossas vidas. Qual é a vontade de Deus para a sua vida? Boa! Quais os
pensamentos de Deus a seu respeito? Pensamentos de vida e não de morte.
O que o Senhor quer que você tenha? Bom êxito como está escrito em Neemias. Neemias (nos
Capítulos 6 ou 7) fala que havia terminado a obra no 52º dia, depois de 52 dias o Senhor deu bom êxito
a eles. E agora, nesses tempos que estamos passando é que nós temos que ter um posicionamento
espiritual que nos faça vencer toda malignidade que estamos enfrentando. Que este deserto e que toda
esta malignidade de pensamento e de falas e tudo mais não tenha poder contra nós!!! Que nós andemos
com Jesus Cristo acima de todos os principados, potestades e dominadores. E nesse texto que nós
lemos Josué e Calebe com mais 10 Judeus, 1 representante de cada tribo de Israel, 12 espias. Eles
entraram na terra e Josué e Calebe foram naquela mesma palavra de Moisés, entraram nas mesmas
terras, mas enxergaram coisas diferentes. Qual era o propósito de Deus em enviar os espias? Era para
que eles olhassem a terra e para que eles tomassem posse pela fé. Por quê? Eu só posso receber aquilo
que eu enxergo, se eu não enxergar a minha vitória, se eu não tiver a direção de Deus e eu começar a
enxergar aquilo que o inimigo quer me mostrar, eu nunca vou ser abençoado. E eles voltaram até
Moisés e começaram a dizer: aquela terra é horrível, os frutos são bons, mas o povo que tem lá é um
povo que devora a gente. Eles são terríveis, nunca vamos conseguir vencê-los. Eles são muito fortes,
nós não somos nada. Josué e Calebe deram um grito e falaram: espera aí! Nos vimos a terra, nós
queremos aquela terra. E tem mais, nós trouxemos o fruto da terra. Olha o tamanho do fruto! E todo
mundo ficou espantado. E aqueles espias disseram novamente: olha, só quem mora lá são os filhos de
Anaque. São homens de 3 metros e nós éramos como gafanhotos diante deles de tão poderosos que eles
são. E novamente eles foram repreendidos por Josué e Calebe. E hoje eu quero lhe perguntar: o que
você tem enxergado na sua vida: gigantes ou livramento do poder de Deus? Os problemas,
enfermidades, as lutas, as adversidades ou o poder livrador que o Senhor tem pra lhe dar? Todo o
potencial do inimigo, ele tem olhado para você mesmo e tem dito: nós somos verdadeiros gafanhotos.
Eles até fizeram uma dedução demoníaca porque eles disseram: Olha, nós os enxergamos como
gigantes e aos olhos deles nós éramos como gafanhotos. Quando satanás vê um servo de Deus cheio de
Espírito Santo, ele sabe que ele não pode nos resistir, ele sabe que em nós habita a plenitude de Jesus
Cristo. E o diabo não consegue enxergar a sua vida, mas ele enxerga a marca do sangue de Jesus sobre
você, e ele não pode realizar nada contra sua vida. O diabo tem força lá no mundo, mas contra os
servos de Deus está escrito em I Jo 5:18-"Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não vive
pecando; antes o guarda aquele que nasceu de Deus, e o Maligno não lhe toca."
E muitas vezes o seu coração enganoso está lhe transformando num gafanhoto, mas o Espírito de Deus
diz que os servos dele não são gafanhotos, mas são servos do Deus altíssimos levantados para reinar
sobre a terra. Eu não sou gafanhoto!!! Eu tenho a minha posição diante do Deus Vivo. Eu sou herdeiro
e co-herdeiro de Jesus Cristo de todas as bênçãos espirituais. E o diabo tem roubado muitas vidas
porque as tem feito gafanhotos na sua vida profissional, ministerial, familiar, sentimental, etc. E você,
imperceptivelmente tem desprezado o poder de Deus na sua vida, e tem tremido diante dos desafios que
você tem. Deus é com você!
Deus tem desafios para colocar nas suas mãos. Mas enquanto você se sentir um gafanhoto Deus não vai
colocar. Não existem impossíveis para Deus realizar na sua vida. Tome uma posição diferenciada. Para
que nós possamos quebrar esta síndrome de gafanhoto, este mal e tomarmos uma porção é necessário:
Em primeiro lugar: ter certeza da vontade de Deus para nossas vidas e saber que Deus quer nos
abençoar, nos fazer grandes e nos tirar do opróbrio.
Dt 8:10-18 "Comerás, e te fartarás, e louvarás o Senhor, teu Deus, pela boa terra que te deu". Deus lhe
colocou no deserto porque você é amado. Ele lhe põe no deserto para que você sabia que Ele vai lhe
livrar da serpente, que Ele vai lhe livrar da falta de água, lhe livrar do espanto, de tudo o que é ruim no
deserto e quando você vencer o deserto você vai morar nas casa que o Senhor lhe deu, vai ter a bênção
no lar que o Senhor lhe deu, e o Senhor prometeu: Ele vai lhe dar o dom de adquirir riquezas para que
você possa prosperar todos os seus caminhos.
Por isso que está escrito em Hb 10:35 em diante "sê o meu justo retrocedor a minha alma não se
compraz nele". Nós não somos daqueles que retrocedem, mas pela nossa perseverança nós alcançamos
as promessas. E o Senhor então diz: Eu lhe darei abundância em todas as coisas e você apenas se
lembrará que você saiu daquela situação não por causa do seu braço forte, por causa dos seus amigos,
nem por causa de José ou de João. Você saiu daquele deserto porque o Deus Todo Poderoso lhe tirou
com mão forte, lhe abençoou, lhe levantou e lhe trouxe para uma terra prometida e você vai ter a marca
desta bênção agora, vivendo o dom de adquirir riquezas. Porque o Senhor não permitirá que você morra
no deserto.
O tempo da sua abundância pela fé já chegou porque o Senhor é quem lhe tira desse deserto e lhe
coloca na terra que mana leite e mel. Não seja envolvido pela síndrome do gafanhoto. Toda deformação
que vem do seu coração é para que você faça a constatação da sua carne.
A obra de Deus na sua vida vai lhe transformar de tal maneira, vai causar um questionamento no
coração dos outros porque o mundo está cheio de traidores, está cheio de corruptos, de relacionamentos
destruidores. A única solução para este mundo é Jesus Cristo. A única saída para que o País se torne
habitável é as pessoas se renderem a Cristo e mais do que nunca você vai ser a luz do mundo e sal da
terra. Porque enquanto o mundo estiver abalado pelo stress, pelo desespero, por todas as coisas terríveis
você vai estar em paz na sua casa. Louvando e adorando o Nome do Senhor seu Deus. Enquanto o
mundo estiver tragando e engolindo as pessoas, enquanto houver fome e miséria, vai ter o suprimento
do Senhor seu Deus na sua vida. Enquanto o mundo estiver cheio de violência, você vai ter sempre o
consolo do Espírito de Deus e não vai faltar sobre a sua cabeça o óleo da unção do Espírito.
Deus está do seu lado? Então você não vai fugir como um gafanhoto, mas você vai enfrentar todas as
lutas e as dificuldades porque quem vai recuar, quem vai retroceder são as enfermidades, são as obras
malignas, a obra do diabo, do vício e a retenção do inferno. Você não vai retroceder. Porque gafanhoto
é destruído, mas o servo de Deus é preservado para colocar os pés na terra da promessa e você é servo
do Deus Vivo como Josué e Calebe.
I Sm 17:10,11-" Disse mais o filisteu: Desafio hoje as fileiras de Israel; dai-me um homem, para que
nós dois pelejemos. Ouvindo, então, Saul e todo o Israel estas palavras do filisteu, desalentaram-se, e
temeram muito".
,25, 26-" Diziam os homens de Israel: Vistes aquele homem que subiu? pois subiu para desafiar a
Israel. Ao homem, pois, que o matar, o rei cumulará de grandes riquezas, e lhe dará a sua filha, e fará
livre a casa de seu pai em Israel.Então falou Davi aos homens que se achavam perto dele, dizendo: Que
se fará ao homem que matar a esse filisteu, e tirar a afronta de sobre Israel? pois quem é esse
incircunciso filisteu, para afrontar os exércitos do Deus vivo?"
Davi se achava um gafanhoto? Davi se achava pequeno? Davi se achava impotente diante do gigante?
Não. Davi se achava Filho do Deus Todo Poderoso. E quando os homens de Israel viram aquele
poderoso gigante, eles tremeram e não houve ninguém que se dispusesse para lutar com ele, mas Davi
chegou na unção do Espírito e ele não se preocupou com a luta que ele teria e nem com o resultado
dela. Ele só se preocupou com uma coisa: esse incircunciso está afrontando o Deus de Israel, quem ele
pensa que é? Ele não vai afrontar o meu Deus.
Tem muitas enfermidades, muitas situações financeiras, muitas situações que enfrentamos e
somatizamos essas doenças e deformações, estes medos e temores que vêm contra nós como uma
maneira de afrontar o Deus vivo em nós. Porque você vai na casa de Deus e você declara que maior é o
que está na sua vida, declara que Jesus é o seu Senhor, você tem convicção disso, mas muitas vezes a
luta é tão grande, a situação parece tão impossível de ser contornada que você mesmo não tem
entendimento do que está acontecendo, mas na realidade satanás está querendo afrontar a Deus através
da sua vida e se você retroceder no meio da batalha, satanás vai ter vitória, mas se você entender que
tudo aquilo que vem para lhe derrubar é para impedir o plano de Deus na sua vida, você não vai aceitar
afrontas do diabo, mas você vai partir contra ele, você vai se levantar contra ele, você vai dizer o que
Davi disse para Golias: olha, você vem contra mim com as suas armas, com o seu arco, com a sua
flecha, mas eu vou contra você em nome do Senhor dos exércitos.
Está na hora do povo de Deus mudar de postura, está na hora do povo de Deus ser menos religioso, está
na hora de nós não vivermos somatizando problemas, sermos uma bênção na Igreja e um problema em
casa. Está na hora de sermos um povo completamente diferente de tudo o que existe lá fora. Davi não
era igual aos outros israelitas. Davi tinha o Espírito Santo dentro de si. Você tem o Espírito Santo de
Deus na sua vida, então você pode dançar, você pode pular como Davi, você pode guerrear, você pode
ter vitórias, porque você tem a mesma unção de Davi e os seus inimigos Deus colocará por escabelo
dos teus pés.
Hoje o Senhor quer limpar a sua mente. Quantas vezes você pensou tantas coisas erradas, quantas vezes
você olhou para um problema e imaginou que aquele problema poderia ser o fim, quantas vezes você se
encolheu e não foi até o altar de Deus! Aqueles espias estavam comprometidos emocional e
psicologicamente, aqueles espias não oraram, não foram até o altar de Deus e por isso sofreram, mas
hoje temos o Espírito Santo de Deus para impedir que sejamos roubados, que sejamos como
gafanhotos.
Se fosse para enfrentar as lutas como você enfrentava, Deus não estaria fazendo nada, se fosse para
você viver aquela mesma vidinha medíocre de comer, dormir, trabalhar. Agora é diferente, há óleo da
unção na sua cabeça. Deus quer mais da sua vida. Deus quer levantar a sua vida diante dos homens e
Deus quer que a sua vida seja honrada para que você honre o nome Dele em todas as coisas. Deus quer
colocar gigantes debaixo de seus pés. É tempo de vitória do povo de Deus nesta terra. É tempo do
inimigo ser envergonhado, é tempo de uma postura de autoridade em Nome de Jesus.
2 Co 2.12-15 -Se você tem a mente de Cristo, por que sua mente fica perturbada com tantas lutas e
problemas? Se você tem a mente de Cristo você tem que esperar no Senhor e você tem que saber que o
Senhor está lhe conduzindo, está cuidando de sua família, que o Senhor cuida de todas as coisas e por
mais ansioso que você fique, você não consegue acrescentar um milímetro em nada. Lança sobre Jesus
a sua ansiedade, porque quando você está cheio de falta de paz você está se colocando na posição de
gafanhoto, você não está recebendo o que Jesus disse: Eu vos dou a minha paz, não como o mundo a
dá. Às vezes temos tanto desespero que no nosso desespero nós manifestamos incredulidade. Porque só
sabemos estar bem se todas as coisas aos nossos olhos estão bem. Mas, o que importa é saber como
Deus está tratando esta situação. Porque há um diagnóstico final sobre a sua vida. A vitória do Senhor é
certa.
Dn 1.20 - Depois de ter passado por aquele regime especial de se alimentar só de legumes, Daniel era
mais sábio, dez vezes mais do que todos os outros que estavam colocados ao lado dele. O que está
faltando para o povo de Deus e vai fazer a diferença é sabedoria. Mas não é um QI humano. O que vai
fazer a diferença é a sabedoria que vem dos céus.
Deus vai colocar em você a mente de Cristo e vai lhe dar a sabedoria que repousava em Jesus. E por
causa disso você não vai dar lugar a mentiras, a vozes, a entrigas. Deus tem o melhor para você. Se
você amanhã enfrentar intrigas, se você enfrentar situações em que satanás levante agoreiros que
venham com más notícias, com sentenças ou até mesmo você enfrente grandes oposições não deixe seu
coração se desesperar, diga: Deus tem o melhor para minha vida! Ele diz em Isaías 1.19 - "Se quiserdes
e me ouvirdes, comereis o melhor desta terra."
1 Jo 5. 4 - "Aquele que é nascido de Deus vence o mundo". Josué e Calebe tinham fé, eles sabiam que
Deus poderia dar-lhes a terra prometida.
Tenha fé que pode ter gigantes ocupando a terra, mas maior é o que está em você do que aquele que
está no mundo.

Apóstolo Estevam

Seja filho do Rei

Absalão, Tamar e Amnon


II Sm 13:1-29

1 Ora, Absalão, filho de Davi, tinha uma irmã formosa, cujo nome era Tamar; e sucedeu depois de
algum tempo que Amnom, filho de Davi enamorou-se dela.
2 E angustiou-se Amnom, até adoecer, por amar, sua irmã; pois era virgem, e parecia impossível a
Amnom fazer coisa alguma com ela.
3 Tinha, porém, Amnom um amigo, cujo nome era Jonadabe, filho de Siméia, irmão de Davi; e era
Jonadabe homem mui sagaz.
4 Este lhe perguntou: Por que tu de dia para dia tanto emagreces, ó filho do rei? não mo dirás a mim?
Então lhe respondeu Amnom: Amo a Tamar, irmã de Absalão, meu irmão.
5 Tornou-lhe Jonadabe: Deita-te na tua cama, e finge-te doente; e quando teu pai te vier visitar, dize-
lhe: Peço-te que minha irmã Tamar venha dar-me de comer, preparando a comida diante dos meus
olhos, para que eu veja e coma da sua mão.
6 Deitou-se, pois, Amnom, e fingiu-se doente. Vindo o rei visitá-lo, disse-lhe Amnom: Peço-te que
minha irmã Tamar venha e prepare dois bolos diante dos meus olhos, para que eu coma da sua mão.
7 Mandou, então, Davi a casa, a dizer a Tamar: Vai a casa de Amnom, teu irmão, e faze-lhe alguma
comida.
8 Foi, pois, Tamar a casa de Amnom, seu irmão; e ele estava deitado. Ela tomou massa e, amassando-a,
fez bolos e os cozeu diante dos seus olhos.
9 E tomou a panela, e os tirou diante dele; porém ele recusou comer. E disse Amnom: Fazei retirar a
todos da minha presença. E todos se retiraram dele.
10 Então disse Amnom a Tamar: Traze a comida a câmara, para que eu coma da tua mão. E Tamar,
tomando os bolos que fizera, levou-os à câmara, ao seu irmão Amnom.
11 Quando lhos chegou, para que ele comesse, Amnom pegou dela, e disse-lhe: Vem, deita-te comigo,
minha irmã.
12 Ela, porém, lhe respondeu: Não, meu irmão, não me forces, porque não se faz assim em Israel; não
faças tal loucura.
13 Quanto a mim, para onde levaria o meu opróbrio? E tu passarias por um dos insensatos em Israel.
Rogo-te, pois, que fales ao rei, porque ele não me negará a ti.
14 Todavia ele não quis dar ouvidos à sua voz; antes, sendo mais forte do que ela, forçou-a e se deitou
com ela.
15 Depois sentiu Amnom grande aversão por ela, pois maior era a aversão que se sentiu por ela do que
o amor que lhe tivera. E disse-lhe Amnom: Levanta-te, e vai-te.
16 Então ela lhe respondeu: Não há razão de me despedires; maior seria este mal do que o outro já me
tens feito. Porém ele não lhe quis dar ouvidos,
17 mas, chamando o moço que o servia, disse-lhe: Deita fora a esta mulher, e fecha a porta após ela.
18 Ora, trazia ela uma túnica talar; porque assim se vestiam as filhas virgens dos reis. Então o criado
dele a deitou fora, e fechou a porta após ela.
19 Pelo que Tamar, lançando cinza sobre a cabeça, e rasgando a túnica talar que trazia, pôs as mãos
sobre a cabeça, e se foi andando e clamando.
20 Mas Absalão, seu irmão, lhe perguntou: Esteve Amnom, teu irmão, contigo? Ora pois, minha irmã,
cala-te; é teu irmão. Não se angustie o seu coração por isto. Assim ficou Tamar, desolada, em casa de
Absalão, seu irmão.
21 Quando o rei Davi ouviu todas estas coisas, muito se lhe acendeu a ira.
22 Absalão, porém, não falou com Amnom, nem mal nem bem, porque odiava a Amnom por ter ele
forçado a Tamar, sua irmã.
23 Decorridos dois anos inteiros, tendo Absalão tosquiadores em Baal-Hazor, que está junto a Efraim,
convidou todos os filhos do rei.
24 Foi, pois, Absalão ter com o rei, e disse: Eis que agora o teu servo faz a tosquia. Peço que o rei e os
seus servos venham com o teu servo.
25 O rei, porém, respondeu a Absalão: Não, meu filho, não vamos todos, para não te sermos pesados.
Absalão instou com ele; todavia ele não quis ir, mas deu-lhe a sua benção.
26 Disse-lhe Absalão: Ao menos, deixa ir conosco Amnom, meu irmão. O rei, porém, lhe perguntou:
Para que iria ele contigo?
27 Mas como Absalão instasse com o rei, este deixou ir com ele Amnom, e os demais filhos do rei.
28 Ora, Absalão deu ordem aos seus servos, dizendo: Tomai sentido; quando o coração de Amnom
estiver alegre do vinho, e eu vos disser: Feri a Amnom; então matai-o. Não tenhais medo; não sou eu
quem vo-lo ordenou? Esforçai-vos, e sede valentes.
29 E os servos de Absalão fizeram a Amnom como Absalão lhes havia ordenado. Então todos os filhos
do rei se levantaram e, montando cada um no seu mulo, fugiram.
e 37-“ Absalão, porém, fugiu, e foi ter com Talmai, filho de Amiur, rei de Gesur. E Davi pranteava a
seu filho todos os dias.”

Absalão, Tamar e Amnon eram filhos do rei Davi. Tinham mães diferentes:Absalão e Tamar eram filhos
de Maaca e Amnon era filho de Aimoá.
Sendo filhos do mesmo pai tinham direito à mesma herança, que era o trono do rei.
Satanás sabia que Deus tinha uma promessa, então levantou um espírito de prostituição familiar.

Características que levaram o filho de Davi a perder as promessas:

1-Usou a obstinação: Amnon tinha desejo sexual por Tamar, que era sua irmã. I Sm 15:23-“ Porque a
rebelião é como o pecado de adivinhação, e a obstinação é como a iniqüidade de idolatria. Porquanto
rejeitaste a palavra do Senhor, ele também te rejeitou, a ti, para que não sejas rei”.
Fé é diferente de obstinação na carne. Na fé nos determinamos a conquistar para o Senhor e na
obstinação desejamos conquistar para saciar nossa carne.
Aquela obstinação maligna por Tamar fazia com que ele pensasse nela de dia e de noite. Idolatrava
Tamar e começou a se desesperar. A Bíblia diz que nem comer ele queria mais.
Temos que ficar atentos para não perseguirmos o que queremos na carne, buscar antes de tudo a
vontade de Deus em nossas vidas.

2-Mentiras: Na revista Veja da semana passada diz que ouvimos mais de 2.000 mentiras por dia.
A Palavra deixa claro que o pai da mentira é satanás. Amnon fingiu-se de doente para atrair a irmã.
Quantos ministérios, quantos casamentos, quantas relações roubadas por causa do espírito da mentira.
O que satanás propaga é o sexo irracional, os animais é que se relacionam irracionalmente . Rm 1-26-
32-
“Pelo que Deus os entregou a paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural no
que é contrário à natureza;
27 semelhantemente, também os varões, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua
sensualidade uns para como os outros, varão com varão, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos
a devida recompensa do seu erro.
28 E assim como eles rejeitaram o conhecimento de Deus, Deus, por sua vez, os entregou a um
sentimento depravado, para fazerem coisas que não convêm;
29 estando cheios de toda a injustiça, malícia, cobiça, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda,
dolo, malignidade;
30 sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos,
inventores de males, desobedientes ao pais;
31 néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, sem misericórdia;
32 os quais, conhecendo bem o decreto de Deus, que declara dignos de morte os que tais coisas
praticam, não somente as fazem, mas também aprovam os que as praticam.Se não queremos santidade
sexual não podemos optar por servir a Deus.”
A sexualidade exacerbada é o mal deste século. Muitas pessoas atraem mentiras para si e matam a
herança.

3-Morte ( assassinato )
I Jo 3:15-“Todo o que odeia a seu irmão é homicida; e vós sabeis que nenhum homicida tem a vida
eterna permanecendo nele.”
Absalão matou Amnon e foi para Gesur e Davi não podia vê-lo. Ao mesmo tempo prendeu dois filhos.
Ate que foi consolado e trouxe de volta Absalão que já estava tão contaminado pela malignidade que se
revoltou.

Jonadabe foi conselheiro do inferno. Quantas vezes damos ouvidos a estes conselheiros?! Sl 1-2-“
Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos
pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores;
2 antes tem seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e noite.
Tamar com Amnon foi prostituição familiar. Isto também acontece em nosso meio, no aspecto
espiritual, com falta de conversão, sem formação na Palavra, com comportamento igual o do mundo.
Pessoas que não evangelizam mais, não se preparam e acabam se contaminando com tudo o que existe
de errado ao seu redor.
Tamar clamou dizendo: Não faça isso!!!
Mas Amnon estava na condição de filho carnal e não de herdeiro.

Gl 5:22-23-“Mas o fruto do Espírito é: o amor, o gozo, a paz, a longanimidade, a benignidade, a


bondade, a fidelidade.
23 a mansidão, o domínio próprio; contra estas coisas não há lei.
O Espírito Santo nos dá autoridade contra a carne.”

O diabo gosta de sujar o templo do Espírito Santo. Quando temos um propósito com Deus não
admitimos contaminação, nem sujeiras em nossa vida.
Tenha uma posição radical quanto ao pecado.
O apelo sexual demoníaco que está lá fora vem para roubar o seu chamado, esteja posicionado com o
Senhor.
Numa só armadilha três filhos foram destruídos, pois não vigiaram.

Áreas que devemos vigiar sempre:

1-Nunca deixe o diabo encher os teus pensamentos:


Ou sua cabeça tem pensamentos de Deus ou tem pensamentos do diabo-não existe cabeça vazia.

Tg 4:8-“Chegai-vos para Deus, e ele se chegará para vós. Limpai as mãos, pecadores; e, vós de espírito
vacilante, purificai os corações.”
Rm 12-“ E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para
que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.”

O diabo deseja plantar pecados na nossa mente. Satanás quer a nossa mente, nosso pensamento, mas o
Espírito Santo nos deu autoridade para falar como Jesus: Para trás de mim, satanás!
Nós porém temos a mente de Cristo.
Ore, jejue e viça intensamente o poder de Deus.
2-Vigiar e orar:

Jer 17:9-“Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o poderá conhecer?”
Mt 26:41-“Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a
carne é fraca.”
Quem não ora e não jejua cai em tentação.
I Jo3:18-“Filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obras e em verdade.”
Há um campo de força a seu redor!!!
Não existem desculpas para viver na derrota. Resista e ele vai fugir em Nome de Jesus.

3-Afastar-se da aparência do mal:


Trevas não têm comunhão com a luz.

4-Afastar-se da malícia e da pornografia:


I Pd 2:16-“ ...como livres, e não tendo a liberdade como capa da malícia, mas como servos de Deus.”
A pornografia está até nas propagandas. O servo de Deus anda em liberdade, sem aliança com a
malícia.

5-Precisamos nos envolver com o Estudo da Palavra:


Jejue das coisas que roubam o seu tempo e leia a Palavra.
Qual tem sido a prioridade em sua vida? Tenha autoridade contra satanás.

6-Esteja sempre debaixo da cobertura da Igreja:


Mt 16:18-“Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as
portas do inferno não prevalecerão contra ela;”
Nós nunca fomos atrás de membros de outras denominações, porque sabemos do nosso chamado de ser
pescadores de almas. Vamos lá fora, no mundo e tiramos as vidas das cadeias, das prisões.
Pessoas que ligam para sua casa para falar mal...não aceite!!!
O que acontece quando saímos da cobertura da Igreja? Perdemos nossa herança, nos descobrimos da
cobertura da autoridade que Cristo deu à Igreja.

7-Aprender a não pecar por amor a Deus e não por religiosidade:


Temos que estar com nosso coração ligado no Senhor a tal ponto que não queremos desagradá-lo. Não
viver no pecado, não por medo de homens, mas por amor, pelo Espírito Santo de Deus que habita em
nós.
Gn 32:26—“ Disse o homem: Deixa-me ir, porque já vem rompendo o dia. Jacó, porém, respondeu:
Não te deixarei ir, se me não abençoares.”
Eu não abro mão das minhas promessas. Não troco as bênçãos de Deus por nada na minha vida.
Os filhos de Davi perderam as promessas e Davi se vestiu de sacos e cinzas.
Neste ano você vai proceder segundo a Palavra de Deus: o diabo não vai assassinar os seus sonhos
como assassinou os de Davi.
Sete promessas que frustram com os planos do inimigo:

1-Você será honra para seu Pai celestial e levará a marca de Cristo.
Rm 8,7-18-“7 Porquanto a inclinação da carne é inimizade contra Deus, pois não é sujeita à lei de
Deus, nem em verdade o pode ser;
8 e os que estão na carne não podem agradar a Deus.
9 Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se é que o Espírito de Deus habita em vós. Mas, se
alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele.
10 Ora, se Cristo está em vós, o corpo, na verdade, está morto por causa do pecado, mas o espírito vive
por causa da justiça.
11 E, se o Espírito daquele que dos mortos ressuscitou a Jesus habita em vós, aquele que dos mortos
ressuscitou a Cristo Jesus há de vivificar também os vossos corpos mortais, pelo seu Espírito que em
vós habita.
12 Portanto, irmãos, somos devedores, não à carne para vivermos segundo a carne;
13 porque se viverdes segundo a carne, haveis de morrer; mas, se pelo Espírito mortificardes as obras
do corpo, vivereis.
14 Pois todos os que são guiados pelo Espírito de Deus, esses são filhos de Deus.
15 Porque não recebestes o espírito de escravidão, para outra vez estardes com temor, mas recebestes o
espírito de adoção, pelo qual clamamos: Aba, Pai!
16 O Espírito mesmo testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus;
17 e, se filhos, também herdeiros, herdeiros de Deus e co-herdeiros de Cristo; se é certo que com ele
padecemos, para que também com ele sejamos glorificados.
18 Pois tenho para mim que as aflições deste tempo presente não se podem comparar com a glória que
em nós há de ser revelada.”

2-Nossas casas não serão abertas para as maldições deste século:


Sl 91-“ Porquanto fizeste do Senhor o teu refúgio, e do Altíssimo a tua habitação,
10 nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.”

3-Poder de sermos chamados de filhos para possuir, sedimentar e edificar:


Você será como cidade sobre o monte e não terá ruínas, pois quem governa a sua vida é o Senhor.

4-Eu e minha família seremos benditos:


Jô 42,10-17-“ O Senhor, pois, virou o cativeiro de Jó, quando este orava pelos seus amigos; e o Senhor
deu a Jó o dobro do que antes possuía.
11 Então vieram ter com ele todos os seus irmãos, e todas as suas irmãs, e todos quantos dantes o
conheceram, e comeram com ele pão em sua casa; condoeram-se dele, e o consolaram de todo o mal
que o Senhor lhe havia enviado; e cada um deles lhe deu uma peça de dinheiro e um pendente de ouro.
12 E assim abençoou o Senhor o último estado de Jó, mais do que o primeiro; pois Jó chegou a ter
catorze mil ovelhas, seis mil camelos, mil juntas de bois e mil jumentas.
13 Também teve sete filhos e três filhas.
14 E chamou o nome da primeira Jemima, e o nome da segunda Quezia, e o nome da terceira Quéren-
Hapuque.
15 E em toda a terra não se acharam mulheres tão formosas como as filhas de Jó; e seu pai lhes deu
herança entre seus irmãos.
16 Depois disto viveu Jó cento e quarenta anos, e viu seus filhos, e os filhos de seus filhos: até a quarta
geração.
17 Então morreu Jó, velho e cheio de dias.”

5-Você vai quebrar com todo o símbolo demoníaco de sua família:


Todo espírito de prostituição, alcoolismo, falência... não prosperará nenhuma maldição hereditária
contra sua vida.

6-O Senhor vai lhe usar para desfazer cadeias que anos têm prendido e assolado a sua família e pessoas
ao seu redor:
O seu testemunho vai destruir as áreas de domínio de satanás.
Cadeias que vieram de senzalas, que a família acabou ficando na macumbaria;
Vai esquecer cenas do passado de estupro, de assassinatos, de ter dado ouvidos ao que os outros
achavam e n`ao ao que Deus queria que você fizesse, etc.

7-Toda maldição da terra, que habilita rebeldia, roubo, não terá poder.
Toda maldição em nós foi transformada em bênção.

A herança de Davi tinha habilitação para ser bendita, mas fizeram opção por andar nos caminhos de
satanás.

Faça opção por andar com Jesus!

Apóstolo Estevam
Como combater o espírito da passividade

»HEBREUS [12]

1 Portanto, nós também, pois estamos rodeados de tão grande nuvem de


testemunhas, deixemos todo embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com
perseverança a carreira que nos está proposta,
2 fitando os olhos em Jesus, autor e consumador da nossa fé, o qual, pelo
gozo que lhe está proposto, suportou a cruz, desprezando a ignomínia, e está assentado à direita do
trono de Deus.
3 Considerai, pois aquele que suportou tal contradição dos pecadores contra si mesmo, para que não
vos canseis, desfalecendo em vossas almas.
4 Ainda não resististes até o sangue, combatendo contra o pecado;
5 e já vos esquecestes da exortação que vos admoesta como a filhos: Filho
meu, não desprezes a correção do Senhor, nem te desanimes quando por ele és repreendido;
6 pois o Senhor corrige ao que ama, e açoita a todo o que recebe por filho.
7 É para disciplina que sofreis; Deus vos trata como a filhos; pois qual é o
filho a quem o pai não corrija?
8 Mas, se estais sem disciplina, da qual todos se têm tornado participantes,
sois então bastardos, e não filhos.
9 Além disto, tivemos nossos pais segundo a carne, para nos corrigirem, e os olhávamos com respeito;
não nos sujeitaremos muito mais ao Pai dos
espíritos, e viveremos?
10 Pois aqueles por pouco tempo nos corrigiam como bem lhes parecia, mas
este, para nosso proveito, para sermos participantes da sua santidade.
11 Na verdade, nenhuma correção parece no momento ser motivo de gozo, porém de tristeza; mas
depois produz um fruto pacífico de justiça nos que por ele têm sido exercitados.
12 Portanto levantai as mãos cansadas, e os joelhos vacilantes,
13 e fazei veredas direitas para os vossos pés, para que o que é manco não se desvie, antes seja curado.
14 Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o
Senhor,"

1) Tendo uma maneira de pensar positiva, enxergar sempre uma porta de saída, não entregar-se a uma
disposição mental contrária as verdades da Palavra, mas fazer habitar ricamente em nossa palavra o
Espírito que ressuscitou à Jesus Cristo dos mortos;

2) Lutar até o sangue, ter um poder de resistência que extrapole condições


normais conhecidas pelos homens, ir além, conforme a palavra de Hebreus 12, entender o que é resistir
até o sangue. Estou aparentemente em condições inferiores àquelas que deveria, mas vou partir para o
ataque, estou formado na posição de Jó, ainda terei a unção do dobro, alimentar esse sentimento e ter a
esperança que não confunde;

3) Ter um comportamento equilibrado, o domínio próprio, não entregar-se a


nenhum desespero, nem ter a ótica terrena de resolver questões, mas viver e arbitrar sob a ótica terrena
de resolver questões, mas viver e arbitrar sob
a ótica sobrenatural do Espírito Santo;

4) Elias tinha uma ação profética poderosa, mas quando foi atacado pelo
demônio da passividade, ficou completamente descaracterizado, não tendo
poder de luta e aceitando as ameaças de Jezabel, como se elas fossem maior que o poder de Deus que
operava em sua vida; à partir do acolhimento dessas mentiras demoníacas, Elias entregou-se a esse
espírito de passividade, chegando a desejar a morte, ponto máximo da atuação desse demônio;

5) Quando Jesus curou o paralítico ele disse: - Toma a tua cama e anda.
Logicamente, esse demônio estava sendo vencido pelo milagre que nos coloca em movimento, o
Espírito Santo sempre tem como missão nos colocar em movimento, muitas atitudes religiosas, ou
deformações nos levam a incorporar esse espírito de passividade; todas as maneiras e formas de
desculpas, são matéria prima utilizada por esse demônio, que sempre nos leva a buscar uma caverna,
um esconderijo, que seja uma muleta, que nos justifique pelo fato de estarmos fora da luta. Precisamos
tomar a nossa cama!

6) Se Eliseu fosse passivo, nunca teria tomado a capa de Elias. Ele


permaneceu ativo, mesmo quando Elias lhe disse que seria duro ter uma unção dobrada, ele não se
intimidou e nem se afastou do profeta, ele perseguiu o que sua alma e espírito desejava;

7) Quando nós tivermos essa determinação trazida pelo desejo de conquista esse demônio estará
vencido;

8) Medite e tome uma atitude, vá em frente, esse demônio não vai lhe mostrar gigantes ou lhe fazer
fugir, vamos vencê-los.

Apóstolo Estevam