Você está na página 1de 4

FÍSICA/TERMOFÍSICA TERMOMETRIA pág.

1
Prof. Alexandre Ortiz Calvão

“ Agitação molecular e temperatura, a associação T(g) = a . g + b


quente!”
“Equilíbrio térmico <=> temperaturas iguais”
ESCALA ABSOLUTA (KELVIN).
TERMOMETRIA. Estuda as maneiras de medir A Temperatura
a é medida, no sistema SI, pela Escala
temperatura dos objetos e as relações entre as escalas deKelvin.
temperatura. A temperatura absoluta é uma medida da energia cinética
translacional média por molécula de um corpo.
TEMPERATURA.
Temperatura é uma medida quantitativa de uma ESCALAS DE TEMPERATURAS.
qualidade macroscópica relacionada comNormalmente
nosso sensoas de
escalas de temperaturas são feitas a partir da
quente e frio. escolha de um valor pontodo
paragelo
de
o efusãode
DEF 1. Temperatura é a grandeza que nos permite avaliar o . Abaixo
ebuliçãorelacionamos
da água várias escalas de
temperaturas. Sendo que a unidade de temperatura no SI o
grau de agitação atômicamolecular dos sistemas.
Maior grau de agitação atômicamolecular => maior Kelvin.
temperatura
Menor grau de agitação atômicamolecular => menor
temperatura
DEF 2. A temperatura é uma grandeza que nos permite dizer
se dois ou mais sistemas estão ou não em equilíbrio térmico.

EQUILÍBRIO TÉRMICO.
Dois ou mais sistemas em equilíbrio térmico
apresentam a mesma temperatura, sistemas que não estão em
equilíbrio térmico apresentam temperaturas diferentes.

PRINCÍPIO ZERO DA TERMODINÂMICA


(anteprimeira ou Lei do equilíbrio/1930!). Relação entre as variações de temperaturas.
Se dois corpos, A e B estiverem em equilíbrio C / 5 = F /9 = K/5
térmico com um terceiro corpo, C, então A e B também estão
em equilíbrio térmico entre si.
Algumas Temperaturas Kelvin
Fusão do núcleo de hélio 10 8

Interior do Sol 10 7

Superfície do Sol 6000


TERMÔMETRO.
objetos.
forma
FUNÇÃO
um
de
resistência
do 1termômetro
uma
o grau
biunívoca
Instrumento
Função
Os
coluna
da
TERMOMÉTRICA.
elétrica
termômetros
forma:
com
que
com
dede
relaciona
ausado
atemperatura.
mercúrio,
um
temperatura.
utilizam
material
para
a grandeza
uma
pressão
medir
Exemplos,
etc.Geralmente,
grandeza
termométrica
ade temperatura
comprimento
um
que égás,
varia
função
(g) de
cor,
dos Fusão líquido
Ebulição
Corpo
Congelamento
Temperatura
registrada
Hélio
Radiação
do
humano
da
ouro
de
naágua
fundo
superfície
4,2
ambiente
1340
da
310aágua
do
1 atm
Universo
ada1mais
373
Terra
atm 273
alta
baixa
3 185
331
FÍSICA/TERMOFÍSICA TERMOMETRIA pág. 2
Prof. Alexandre Ortiz Calvão

FA_Termometria Termometria – DS
DS1_Termometria.od t - 05/01/08 - 15R1S1P
1) A temperatura de um paciente na escala fahrenheit é de
1) Correlacione as colunas com as temperaturas do
100 o F. a) Qual valor dessa temperatura na escala celsios. ponto do gelo e do vapor e as respectivas escalas.
b) Qual o valor na escala Kelvin 1) 0 e 100 ( ) kelvin 2) 32 )e 212 Fahrenheit
(
273 e 373 ( ) Celsius 4) 0 e 80 ( ) Rankine
5) 432 e 612 ( ) Reamur
3,2,1,5,4
2) A temperatura de um paciente na escala
fahrenheit é de 100 F.o a) Qual valor dessa
temperatura na escala celsios.
R: a) 37,8 b) 310,8 b) Qual o valor na escala Kelvin
2) O verão de 1994 foi particular mente quente nos EUA. A R: a) 37,8 b) 310,8
diferença entre a máxima temperatura de verão e a mínima 3) O verão de 1994 foi particular mente quente nos
EUA. A diferença entre a máxima temperatura de
do inverno anterior foi 60 0 C. a) Qual o valor desta diferença verão e a mínima do inverno anterior foi 60 C. a)0
na fahrenheit? b) Qual o valor desta diferença na Qual o valor desta diferença na fahrenheit? b) Qual o
fahrenheit? valor desta diferença na fahrenheit?
FR:b)a)60108Ko
4) Uma escala arbitraria adota como ponto de fusão
do gelo o valor –10
X e o ponto
0 de vaporização da
água, 190
X , nas
0 CNTP. Determine na escala X a
temperatura de 313K.
R: 70 Xo
5) Em uma escala termometrica , que chamamos de
escala médica, o grau é chamado de “grau médico” e
representado M.porEssa escala
0 é definida por dois
R: a) 108 o F b) 60 K
procedimentos básicos: no primeiro, faz-se
3) Uma escala arbitraria adota como ponto de fusão do gelo corresponder 0 0 m a 36 0 C e 100m C:a0 no
440
o valor –10 0 X e o ponto de vaporizaçã o da água, 190 0 X , segundo, obtém-se uma unidadeM depela divisão0
do intervalo de 0 0 M a 100 partes iguais.
nas CNTP. Determine na escala X a temperatura de 313K.
a) Calcule a variação, em graus médicos, que
correspondem á variação de 1 0 C.

R: 12,5 Mo
b) Calcule, emM, a temperatura
0 de um paciente
apresenta uma febre de 40 0 C.

R: 50 M o

6) Complete a tabela abaixo.


Ceslsius Kelvin Fahrenheit
0 C – fusão do
R: 70 o X 1 gelo
4) Em uma escala termometrica , que chamamos de escala 2 373 K
médica, o grau é chamado de “grau médico” e representado 212 F -
por 0 M. Essa escala é definida por dois procedimentos 3 Ebulição da água
básicos: no primeiro, fazse corresponder 0 0 m a 36 0 C e 100 37 C – corpo
0 m a 44 0 C: no segundo, obtémse uma unidade de 0 M pela 4 humano

divisão do de 3K
áa)variação
b)
umaCalcule
Calcule,
febre aintervalo
em C. de
variação,
14000C.
0M, 0 graus
a em 0 M a 100 partes iguais.
temperatura
médicos,
de umquepaciente
correspondem
apresenta
R:R:12,5
500Com
7) oM
econversão
ponto
os
fusão=
765de
dados
entre
-180
Ambiente
baixa
ebulição
492C
as
abaixo
na
e –ponto
escalas
Terra
temp.
mais
= encontre
80)
deReamur(Ponto
ebulição
e Rankine
77
(radiação
cósmica
fundo)
as=F fórmulas
672).
–de
(ponto
deconforto
térmico.
fusãode
=
FÍSICA/TERMOFÍSICA TERMOMETRIA pág. 3
Prof. Alexandre Ortiz Calvão

8) Uma escala arbitraria “X” adota como ponto de 97,0 C e -3 C.


, 0 o Se esse termômetro marcar 17,0
C,o
fusão do gelo o valor –10 0 X e o ponto de vaporização qual será a temperatura correta?
da água, 190 0 X. Responda: R: 20 o C
a) a fórmula de conversão entre as escalas X e
Celsius.
b) qual é a temperatura na escala X correspondente
a 313K.
c) se a escala Celsius tiver uma variação de 20 o C, TN-TERMOMETRIA
qual será a variação corresponde na escala X. TN1_Termometria.odt - 16R
Solução
a) 200/100 =(X+10)/C => C = (X+10)/2 1) (Fasp) Um líquido cuja temperaturaFéestá
59 nao
b) 313K=40C => 40= (X+10)/2 => X=70 escala Kelvin a:
c) DC/100=DX/200 => DX=40 a) 28 K b) 288 K c) 56 K d) 318 K

2) (Cesgranrio) A temperatura de ebulição do


9) a) Qual é a temperatura que é expressa pelo nitrogênio, sob pressão normal é de 77K. Na escala
mesmo número, na escala Fahrenheit e escala Celsius, essa temperatura é:
Celsius? b) Qual a temperatura quando a diferença a) -350 b) -175 c) 100 d) -196 e) -160
entre as escalas, Fahrenheit e Celsius, é igual a 100?
3) (Osec/SP) Uma tempertura na escala Fahrenheit é
10) Demonstre as relações entre as variações de espressa por um número que é o triplo do
temperaturas na escalas Celsius, Kelvin e Fahrenheit. correspondente na escala Celsius. A temperatura
DC/5 = DF/9 =DK/5 Fahrenheit é:
a) 26,7 b) 53,3 c) 80,0 d) 90,0 e) n.r.a.

11) Um termômetro de gás de volume constante 4) (UFF) No Grande Rio, observa-se que em Bangu,
indica uma pressão de : um dos bairros mais quentes no verão, os
- 60 cmHg na mistura água-gelo em equilíbrio térmic - termômetros chegam a marcar 40 º C, enquanto que
82 cmHg no vapor da água em ebulição ( sob no Alto da Boa Vista essa marca chega à 26 º C. Tal
pressão normal) - 104 cmHg em óleo aquecido variação, na escala Kelvin, será de :
Qual é a temperatura do óleo na escala Celsius ? a) 14 b) 287 c) 213 d) 299 e) 277

12) Estabelecer a equação termométrica entre as 5) (Unimep) Mergulham-se dois termômetros na


escalas, a partir do gráfico abaixo indicado. água: um graduado na escala Celsius e o outro na
X Fahrenheit. Espera-se o equilíbrio térmico e nota-se
Xv que a diferença entre as leituras nos dois
termômetros é igual a 92. A temperatura da água
X
valerá, portanto :
Xg a) 20 º C; 120 º F b) 32 º C; 124 º F
c) 60 º C; 152 º F d) 75 º C; 167 º F e) n. d. a.
t
6) (UE-CE) Uma estudante de enfermagem observa
Ptq
que a temperatura de certo paciente variou, num
período, de 5 º C. A variação correspondente na
13) *** (MACK/SP) Um termômetro regular encontra- escala Fahrenheit será de :
se primeiramente em equilÍbrio térmico com gelo a) 4 b) 9 c) 12 d) 13 e) 18
fundente sob pressão normal e depois em equilÍbrio
térmico com vapor de água sob pressão normal. No 7) (UFBA) Dois termômetros Z e W, marcam, nos
primeiro caso, a coluna de mercúrio tem altura “h” e, pontos de fusão do gelo e de ebulição da água, os
no
coluna
oe14) segundo,
temperatura
no
15)
malconstruído,
termômetro
correto,
um
termômetro tel
****(Cesgranrio)
de
Fahrenheit,
o(Fatec/SP)
mercúrio.
correto.
de altura
malconstruído
marcar
Fahrenheit?
uma
45
Celsius
ele Dois
massa
são
Para
foi
50 “9h/2”.
Nao termômetros,
acusou
comparado
os
utilizados
C.
líquida.
aferição
marcou,
pontos
Logo,
0 C,
um
deQuando
Observa-se
100
de
para
determineesse
respectivamente,
quanto
com
um
aumento
um
em
medir
um
foi
Celsius
termômetro
que
de
ao aaumento
altura
o C e da
R:
0 R:11h/4
o8)
81
C9)(ITA-SP)
máxima
nos seguintes
doRéaumur,
o(U.F.CE)
F a)
Estados
As
Termômetro
anterior
escala
para
– a)
Z
W valores:
temperatura
10,0
duas
OoUma
108
verão
Fahrenheit?
gelo
Unidos
adotava
foi
escalas
=b)
antiga
fundente
de
de
b)
C.
– Fusão
6,00
60
da
1994
do
Qual
como
apresentam
4,00
2,00
escala
América.
verão
c)
do
foi
eopontos
80
para
140
2,40
0valor
=>
gelo
termométrica
particularmente
e a amínima
A
adesta
d)
fixos
água
Ebulição
d)
mesma
diferença
28,0
66,0
5,20
330 diferença
em
osdoleitura
valores
,e)
ebulição
ada
inverno
e)
entre
quente
92
escala
água
6,90
ana
R0a:0
FÍSICA/TERMOFÍSICA TERMOMETRIA pág. 4
Prof. Alexandre Ortiz Calvão

sob pressão normal. A equação de conversão de


temperaturas em graus Réaumur (t R
) para graus
Celcius (t C ) é:
a) t R = (4/5) (t C -20) b) t R = (5/4)(t C + 20)
c) t R = 8(t C +20) d) t R =(5/4) t C e) t R = (4/5) t C

10) (U.F.PB) Uma determinada cerâmica não


apresenta qualquer propriedade notável à
temperatura ambiente (20 0 C) . Entretanto, quando RESPOSTAS
sua temperatura sofre uma redução de 200K , exibe o 1) b 2) d 3) c 4) a 5) d 6) b 7) d 8) a 9) E 10) C
extraordinário fenômeno de supercondutividade. Essa 11) b 12) c 13) a 14) b 15) e 16) d
redução, em graus centígrados, corresponde a:
a) 23 b) 72 c) 200 d) 53 e) 453

.
11) (UFPI) A temperatura em que as escalas Celsius e
Fahrenheit são expressas pelo mesmo valor numérico
é:
a) -273 b) -40 c) 200 d) 53 e) 453

12) (Mack/SP) A indicação de uma tempertura na


escala Fahrenheit excede em 2 unidades o dobro da
correspondente na escala Celsius. Essa temperatura
é (em Celsius):
a) 300 b) 170 c) 150 d) 100 e) 50

13) (Fatec/SP) O diagrama relaciona as escalas X e


Celsius de temperatura. A indicação correspondente
a 45 o C na escala X é:
a) 15 b) 30 c) 45 d) 0 e) -15
T(o X)

45

15 90 T(o C)

14) (UMC/SP) Do estudo geotérmico, sabe-se que a


temperatura da Terra, a partir da superfície, aumenta
de 1 o C a cada 33 metros de acréscimo na
profundidade. Admitindo-se que o ponto de fusão do
ferro seja 1.520 o C, então a profundidade aproximada

para encontrar ferro em fusão é:


a)60 km b)50 km c)40 km d)35 km e)20 km

15)2t(EEAR/00)
oC.
16)
modo (UFF/RJ)
aeroporto
indicado,
correspondem,
coluna.
usando
Fahrenheit
a)
b) O=o 50h
valor
Fque
Assim
de
tem
b)
–+épara Um
observado
100
os
173
Chicago,
2oF, turista
respectivamente,
Um
o pontos
c)
aF
d)era
temperatura
ttfunção
termômetro
c)
==um F++brasileiro,
observou
50h
foi:
490h
de
o quinto
termométrica
148
fusão
148
d)eque
de
0ado aoepara
4mercúrio
o o
Fecm
valor
valor
hde
e) desembarcar
4desse
correspondente
2ebulição
da
está
cm
otemperatura
Faltura,
calibrado no
determômetro,
altura
danaágua
de

da
em
escala