Você está na página 1de 3

Projeto UERJ

Principais conceitos de Geografia da população (Dinâmica populacional)


Professora: Nayara Dias

Os estudos de população são realizados a partir dos dados coletados pelos censos
demográficos e pesquisas de campo, que são organizados e interpretados por
instituições oficiais do governo e universidades.

 Conceitos importantes relacionados aos temas geografia da população e


econômica:

Taxa de Natalidade: nº de nascimentos x 1000 ( ‰) ou x 100 (%)


população total

Taxa de Mortalidade: nº de mortes x 1000 ( ‰) ou x 100 (%)


população total

Taxa de fecundidade: média de número de filhos das mulheres entre 15 e 45 anos.

Mortalidade infantil: número de crianças que morreram antes de completar 1 ano de


vida, medida a cada 100 ou a cada 1000 crianças nascidas.

Expectativa de vida: idade média que a população alcança.

Crescimento vertical: diferença entre o número de nascimentos e o número de


mortes.

Migrações: movimentos duradouros da população.


1. Imigração: entrada de população;
2. Emigração: saída de população.
Projeto UERJ

Principais conceitos de Geografia da população (Dinâmica populacional)


Professora: Nayara Dias

Crescimento horizontal ou saldo migratório: diferença entre imigrações (entradas)


e emigrações (saídas).

Crescimento Vegetativo: diferença entre as taxas de natalidade e de mortalidade.

Bônus Demográfico: situação em que a população ativa, com potencial para ocupar
postos de trabalho e mercado consumidor, supera os inativos (crianças e idosos).

Crescimento Total: diferença entre o crescimento vegetativo e o saldo migratório.

Total de População: crescimento total somado à população residente.

Transição demográfica: passagem de uma situação de alta taxa de natalidade e de


alta taxa de mortalidade para uma situação de estabilidade, através de baixos índices
de natalidade e de mortalidade. O Japão é um exemplo de país que apresenta um
estágio avançado de transição demográfica, com grande envelhecimento.

Migrações externas: movimentos intracontinentais ou intercontinentais.

Migrações internas: movimentos intrarregionais ou inter-regionais.

Êxodo rural: movimentos duradouros no sentido campo-cidade.

Êxodo urbano: movimentos duradouros no sentido cidade-campo.

Migrações pendulares:
1. sazonais: realizadas em determinado período do ano em virtude de fatores naturais
e/ou econômicos, como os agricultores do sertão do Nordeste que migram
sazonalmente de acordo com o período de seca mais intensa;
2. Transumância: deslocamento relacionado aos pastoreios que migram de acordo
com as necessidades dos rebanhos e a oferta de recursos como água e pastagens;
Projeto UERJ

Principais conceitos de Geografia da população (Dinâmica populacional)


Professora: Nayara Dias

3. Diários:
3.1: urbano-urbano: movimentos realizados a partir das chamadas cidades-dormitório
em direção ao local de trabalho;
3.2: urbano-rural: movimentos realizados pelos trabalhadores volantes, também
conhecidos como boias-frias.

4. Recreação e turismo: movimentos diários, semanais ou mensais, com o objetivo


de lazer, encontros familiares ou círculo de amizades.

Outros conceitos – Geografia econômica:

Produto interno bruto (PIB): representa a soma de todos os bens e serviços finais
produzidos numa determinada região, durante um período determinado.

Renda per capita: Obtida mediante a divisão da renda nacional (isto é, Produto
Nacional Bruto menos os gastos de depreciação do capital e os impostos diretos) pelo
número de habitantes do país.

Commodities: Palavra em inglês, que significa mercadoria. Palavra usada para


descrever produtos de baixo valor agregado. São artigos de comércio, bens que não
sofrem processos de alteração (ou que são pouco diferenciados), como frutas,
legumes, cereais e alguns metais. Como seguem um determinado padrão, o preço das
commodities é negociado na Bolsa de Valores Internacionais, e depende de algumas
circunstâncias do mercado, como a oferta e demanda.

Muitas vezes a palavra commodities pode ser sinônimo de "matéria-prima", porque


são produtos usados na criação de outros bens.