Você está na página 1de 880

ISBe (4 e 6 cilindros)

Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Pag. TF-a

Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha


Conteúdo da Seção Página

Código de Falha 111 ................................................................................................................................................ TF-2


Microprocessador do Módulo Eletrônico de Controle (ECM) ................................................................................. TF-2
Código de Falha 122 ............................................................................................................................................... TF-5
Circuito do Sensor de Pressão do Coletor de Admissão ...................................................................................... TF-5
Código de Falha 123 .............................................................................................................................................. TF-20
Circuito do Sensor de Pressão do Coletor de Admissão ..................................................................................... TF-20
Código de Falha 131 .............................................................................................................................................. TF-35
Circuito do Sensor de Posição do Acelerador ..................................................................................................... TF-35
Código de Falha 132 .............................................................................................................................................. TF-47
Circuito do Sensor de Posição do Acelerador ..................................................................................................... TF-47
Código de Falha 133 .............................................................................................................................................. TF-61
Posição do Acelerador Remoto - Alta ................................................................................................................. TF-61
Código de Falha 134 .............................................................................................................................................. TF-73
Posição do Acelerador Remoto - Baixa .............................................................................................................. TF-73
Código de Falha 135 .............................................................................................................................................. TF-86
Circuito do Sensor de Pressão do Óleo .............................................................................................................. TF-86
Código de Falha 141 ............................................................................................................................................ TF-100
Circuito do Sensor de Pressão do Óleo ............................................................................................................ TF-100
Código de Falha 143 ............................................................................................................................................ TF-114
Pressão do Óleo - Proteção do Motor ............................................................................................................... TF-114
Código de Falha 144 ............................................................................................................................................ TF-117
Circuito do Sensor de Temperatura do Líquido de Arrefecimento ....................................................................... TF-117
Código de Falha 145 ............................................................................................................................................ TF-127
Circuito do Sensor de Temperatura do Líquido de Arrefecimento ....................................................................... TF-127
Código de Falha 146 ............................................................................................................................................ TF-138
Temperatura do Líquido de Arrefecimento - Proteção do Motor .......................................................................... TF-138
Código de Falha 151 ............................................................................................................................................ TF-141
Temperatura do Líquido de Arrefecimento - Proteção do Motor .......................................................................... TF-141
Código de Falha 153 ............................................................................................................................................ TF-144
Circuito do Sensor de Temperatura do Coletor de Admissão ............................................................................. TF-144
Código de Falha 154 ............................................................................................................................................ TF-154
Circuito do Sensor de Temperatura do Coletor de Admissão ............................................................................. TF-154
Código de Falha 155 ............................................................................................................................................ TF-165
Sensor de Pressão/Temperatura do Coletor de Admissão - Circuito de Proteção do Motor ............................... TF-165
Código de Falha 187 ............................................................................................................................................ TF-168
Alimentação B do Sensor - Baixa Voltagem ..................................................................................................... TF-168
Código de Falha 197 ............................................................................................................................................ TF-177
Nível do Líquido de Arrefecimento - Proteção do Motor ..................................................................................... TF-177
Código de Falha 198 ............................................................................................................................................ TF-190
Circuito da Luz de Advertência .......................................................................................................................... TF-190
Código de Falha 212 ............................................................................................................................................ TF-199
Circuito do Sensor de Temperatura do Óleo ...................................................................................................... TF-199
Código de Falha 213 ............................................................................................................................................ TF-209
Circuito do Sensor de Temperatura do Óleo ...................................................................................................... TF-209
Código de Falha 221 ............................................................................................................................................ TF-220
Sensor de Pressão do Ar Ambiente .................................................................................................................. TF-220
ISBe (4 e 6 cilindros)
Pag. TF-b Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Página
Código de Falha 227 ............................................................................................................................................ TF-223
Alimentação B do Sensor - Alta Voltagem ........................................................................................................ TF-223
Código de Falha 234 ............................................................................................................................................ TF-232
Circuito de Sobrerotação do Motor .................................................................................................................... TF-232
Código de Falha 235 ............................................................................................................................................ TF-238
Nível do Líquido de Arrefecimento - Proteção do Motor ..................................................................................... TF-238
Código de Falha 238 ............................................................................................................................................ TF-250
Alimentação C do Sensor - Baixa Voltagem ..................................................................................................... TF-250
Código de Falha 239 ............................................................................................................................................ TF-259
Alimentação C do Sensor - Alta Voltagem ........................................................................................................ TF-259
Código de Falha 241 ............................................................................................................................................ TF-268
Circuito do Sensor de Velocidade do Veículo .................................................................................................... TF-268
Código de Falha 244 ............................................................................................................................................ TF-281
Erro no Circuito da Luz Indicadora .................................................................................................................... TF-281
Código de Falha 261 ............................................................................................................................................ TF-291
Sensor de Temperatura do Combustível - Circuito de Proteção do Motor ........................................................... TF-291
Código de Falha 263 ............................................................................................................................................ TF-294
Circuito do Sensor de Temperatura do Combustível .......................................................................................... TF-294
Código de Falha 265 ............................................................................................................................................ TF-304
Circuito do Sensor de Temperatura do Combustível .......................................................................................... TF-304
Código de Falha 266 ............................................................................................................................................ TF-315
Sensor de Temperatura do Combustível - Circuito de Proteção do Motor ........................................................... TF-315
Código de Falha 269 ............................................................................................................................................... TF-1
Código de Falha 271 ............................................................................................................................................ TF-318
Circuito do Atuador Eletrônico de Controle de Combustível - Curto-circuito ....................................................... TF-318
Código de Falha 272 ............................................................................................................................................ TF-327
Circuito do Atuador Eletrônico de Controle de Combustível - Circuito Aberto ..................................................... TF-327
Código de Falha 291 ............................................................................................................................................... TF-1
Código de Falha 292 ............................................................................................................................................... TF-1
Código de Falha 293 ............................................................................................................................................ TF-336
Circuito do Sensor de Temperatura do OEM - Alta ............................................................................................ TF-336
Código de Falha 294 ............................................................................................................................................ TF-344
Circuito do Sensor de Temperatura do OEM - Baixa ......................................................................................... TF-344
Código de Falha 296 ............................................................................................................................................ TF-354
Pressão do OEM - Proteção do Motor - Redução de Rotação .......................................................................... TF-354
Código de Falha 297 ............................................................................................................................................ TF-357
Circuito do Sensor de Pressão do OEM ........................................................................................................... TF-357
Código de Falha 298 ............................................................................................................................................ TF-367
Circuito do Sensor de Pressão do OEM - Baixa ............................................................................................... TF-367
Código de Falha 311 ............................................................................................................................................. TF-377
Erro no Circuito do Banco 1 dos Injetores ......................................................................................................... TF-377
Código de Falha 319 ............................................................................................................................................... TF-1
Código de Falha 321 ............................................................................................................................................ TF-387
Erro no Circuito do Banco 2 dos Injetores ......................................................................................................... TF-387
Código de Falha 322 ............................................................................................................................................ TF-397
Circuito do Injetor .............................................................................................................................................. TF-397
Código de Falha 323 ............................................................................................................................................ TF-410
Circuito do Injetor .............................................................................................................................................. TF-410
ISBe (4 e 6 cilindros)
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Pag. TF-c

Página
Código de Falha 324 ............................................................................................................................................ TF-423
Circuito do Injetor .............................................................................................................................................. TF-423
Código de Falha 325 ............................................................................................................................................ TF-436
Circuito do Injetor .............................................................................................................................................. TF-436
Código de Falha 329 ............................................................................................................................................ TF-449
Erro de Vazamento do HPCR ........................................................................................................................... TF-449
Código de Falha 331 ............................................................................................................................................ TF-453
Circuito do Injetor .............................................................................................................................................. TF-453
Código de Falha 332 ............................................................................................................................................ TF-466
Circuito do Injetor .............................................................................................................................................. TF-466
Código de Falha 341 ............................................................................................................................................ TF-479
Memória Flash do Módulo Eletrônico de Controle (ECM) .................................................................................. TF-479
Código de Falha 343 ............................................................................................................................................ TF-482
Módulo Eletrônico de Controle (ECM) ............................................................................................................... TF-482
Código de Falha 352 ............................................................................................................................................ TF-488
Circuito de Alimentação dos Sensores ............................................................................................................. TF-488
Código de Falha 381 ............................................................................................................................................ TF-503
Erro no Circuito do Aquecedor No. 1 do Ar de Admissão .................................................................................. TF-503
Código de Falha 382 ............................................................................................................................................ TF-512
Erro no Circuito do Aquecedor No. 2 do Ar de Admissão .................................................................................. TF-512
Código de Falha 386 ............................................................................................................................................ TF-521
Alimentação A dos Sensores - Alta Voltagem ................................................................................................. TF-521
Código de Falha 389 ............................................................................................................................................ TF-532
Erro no Circuito da Embreagem do Ventilador ................................................................................................... TF-532
Código de Falha 392 ............................................................................................................................................ TF-541
Erro no Circuito do Freio de Escape ................................................................................................................. TF-541
Código de Falha 412 ............................................................................................................................................ TF-549
Circuito do Datalink J1708 ................................................................................................................................ TF-549
Código de Falha 415 ............................................................................................................................................ TF-560
Pressão do Óleo - Proteção do Motor - Redução de Alimentação de Combustível ............................................ TF-560
Código de Falha 418 ............................................................................................................................................... TF-1
Código de Falha 422 ............................................................................................................................................ TF-563
Circuito do Sensor de Nível do Líquido de Arrefecimento ................................................................................... TF-563
Código de Falha 426 ............................................................................................................................................ TF-576
Comunicação do Datalink J1939 ....................................................................................................................... TF-576
Código de Falha 427 ............................................................................................................................................ TF-588
Comunicação do Datalink J1939 ....................................................................................................................... TF-588
Código de Falha 429 ............................................................................................................................................ TF-600
Circuito do Sensor de Água no Combustível ..................................................................................................... TF-600
Código de Falha 431 ............................................................................................................................................ TF-609
Circuito do Sensor de Validação de Marcha Lenta ............................................................................................ TF-609
Código de Falha 432 ............................................................................................................................................ TF-621
Circuito do Pedal do Acelerador ........................................................................................................................ TF-621
Código de Falha 433 ............................................................................................................................................ TF-635
Circuito do Sensor de Pressão do Coletor de Admissão ................................................................................... TF-635
Código de Falha 434 ............................................................................................................................................ TF-646
Circuito Não-comutado de Alimentação das Baterias ........................................................................................ TF-646
Código de Falha 441 ............................................................................................................................................ TF-659
Circuito Não-comutado de Alimentação das Baterias ........................................................................................ TF-659
ISBe (4 e 6 cilindros)
Pag. TF-d Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Página
Código de Falha 442 ............................................................................................................................................ TF-671
Circuito Não-comutado de Alimentação das Baterias ........................................................................................ TF-671
Código de Falha 449 ............................................................................................................................................ TF-676
Pressão do Combustível - Alta .......................................................................................................................... TF-676
Código de Falha 451 ............................................................................................................................................ TF-685
Circuito do Sensor de Pressão da Common Rail - Alta ..................................................................................... TF-685
Código de Falha 452 ............................................................................................................................................ TF-699
Circuito do Sensor de Pressão da Common Rail - Baixa .................................................................................. TF-699
Código de Falha 488 ............................................................................................................................................ TF-713
Sensor de Temperatura do Coletor de Admissão - Proteção do Motor - Redução
de Alimentação de Combustível ....................................................................................................................... TF- 713
Código de Falha 551 ............................................................................................................................................ TF-716
Circuito do Interruptor de Validação de Marcha Lenta ........................................................................................ TF-716
Código de Falha 596 ............................................................................................................................................ TF-728
Circuito do Alternador - Alta Voltagem .............................................................................................................. TF-728
Código de Falha 597 ............................................................................................................................................ TF-739
Circuito do Alternador - Baixa Voltagem ............................................................................................................ TF-739
Código de Falha 598 ............................................................................................................................................ TF-750
Circuito do Alternador - Voltagem Muito Baixa .................................................................................................. TF-750
Código de Falha 689 ............................................................................................................................................ TF-761
Circuito do Sensor de Rotação (Árvore de Manivelas) do Motor ......................................................................... TF-761
Código de Falha 731 ............................................................................................................................................ TF-771
Incompatibilidade dos Sinais de Rotação e de Posição do Motor ...................................................................... TF-771
Código de Falha 753 ou 778 ................................................................................................................................ TF-782
Circuito do Sensor de Posição (Comando de Válvulas) do Motor ...................................................................... TF-782
Código de Falha 768 ............................................................................................................................................ TF-792
Erro do Circuito de Torque Analógico ................................................................................................................ TF-792
Código de Falha 1417 .......................................................................................................................................... TF-801
Desligamento do Módulo Eletrônico de Controle (ECM) .................................................................................... TF-801
Código de Falha 1478 .......................................................................................................................................... TF-804
Travamento do Motor de Partida - Erro no Pino do Acionador ........................................................................... TF-804
Código de Falha 2185 .......................................................................................................................................... TF-814
Alimentação do Acelerador - Alta Voltagem ...................................................................................................... TF-814
Código de Falha 2186 .......................................................................................................................................... TF-822
Alimentação do Acelerador - Baixa Voltagem ................................................................................................... TF-822
Código de Falha 2194 .......................................................................................................................................... TF-830
Pressão do OEM - Proteção do Motor - Redução de Alimentação de Combustível ........................................... TF-830
Código de Falha 2197 .......................................................................................................................................... TF-833
Sensor de Temperatura do OEM - Proteção do Motor - Circuito de Redução
de Alimentação de Combustível ........................................................................................................................ TF-833
Código de Falha 2212 .......................................................................................................................................... TF-836
Erro no Circuito do Aquecedor de Combustível ................................................................................................. TF-836
Código de Falha 2215 .......................................................................................................................................... TF-846
Erro de Desvio Positivo de Pressão da Common Rail ........................................................................................ TF-846
Código de Falha 2216 .......................................................................................................................................... TF-859
Erro de Desvio Negativo de Pressão da Common Rail ...................................................................................... TF-859
Código de Falha 2217 .......................................................................................................................................... TF-873
Erro de Software do Módulo Eletrônico de Controle (ECM) ................................................................................ TF-873
Código de Falha 2295 ............................................................................................................................................. TF-1
Códigos de Falhas Informativos ............................................................................................................................. TF-1
ISBe (4 e 6 cilindros) Códigos de Falha Informativos
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-1

Códigos de Falha Informativos


NOTA: Os Códigos de Falha Informativos têm ações corretivas simples e nenhum diagrama de diagnóstico
associado. Após corrigir a condição que causou a falha, deixe o motor aquecer e em seguida operar
durante 1 minuto para desativar o código de falha. Use então a ferramenta eletrônica de serviço para
apagar o código.

Código de Falha 269


Luz: Vermelha
SRT:
Razão: Detectada rotação do motor com o recurso anti-furto ativo.
Efeito: O motor possivelmente não dará a partida.
Ação Corretiva: Digite a senha do recurso anti-furto.

Código de Falha 291


Luz: Vermelha
SRT:
Razão: Chave incorreta usada no equipamento Immobilizer™ para a partida do motor.
Efeito: O motor não dará a partida.
Ação Corretiva: Deve ser usada a chave correta no equipamento Immobilizer™ para a partida do motor.

Código de Falha 292


Luz: Nenhuma
SRT:
Razão: A temperatura do líquido de arrefecimento excedeu a especificação Leyland/DAF.
Efeito: Possível despotenciamento do motor.
Ação Corretiva: Certifique-se de que o nível de fluido esteja dentro da especificação e das especificações do
OEM para temperatura de líquido de arrefecimento.

Código de Falha 319


Luz: Manutenção
SRT:
Razão: Perda de energia do relógio de tempo real. Interrompida a energia da bateria não comutada para o
ECM.
Efeito: Nenhum de desempenho do motor. Os dados do ECM não terão informações precisas de hora e data.
Ação Corretiva: Use a ferramenta eletrônica de serviço ou o RoadRelay para verificar o relógio e ajuste-o se
necessário.

Código de Falha 418


Luz: Manutenção
SRT:
Razão: Detectada água no combustível.
Efeito: Possível dano no sistema de combustível.
Ação Corretiva: Drene a água do filtro de combustível.

Código de Falha 2295


Luz: Nenhuma
SRT:
Razão: Temperatura do ECM fora de especificação.
Efeito: Nenhum de desempenho do motor. O ECM não pode ser recalibrado acima de 75º C (167º F).
Ação Corretiva: Espere até que a temperatura do ECM seja menor que 75º C (167º F) para recalibrá-lo.
Código de Falha 111 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-2 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 111


Microprocessador do Módulo Eletrônico de Controle (ECM)

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 111 Erro interno do hardware do ECM Possivelmente nenhum efeito no
PID(P), SID(S): S254 desempenho, ou o motor apresentará
SPN: 629 funcionamento irregular ou não pegará.
FMI: 12
Luz: Vermelha

Microprocessador do ECM

Descrição do Circuito:
O ECM é um computador responsável pelo controle do motor, diagnósticos e recursos do usuário.
Localização do Componente:
O ECM está localizado no lado esquerdo do bloco do motor.
Dicas para a Oficina:
Este código de falha pode ser causado somente por um problema interno do ECM. Não são possíveis reparos
de campo para o ECM.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 111
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-3

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHA

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique o ECM.
PASSO 1A: Verifique o ECM. Código de Falha 111 inativo.
PASSO 1B: Verifique as contagens inativas Menos de 5 contagens.
do Código de Falha 111.

PASSO 2: Apague os códigos de falha.


PASSO 2A: Desative o código de falha. Código de Falha 111 inativo.
PASSO 2B: Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados.

PASSO DE REPARO DE FALHA


PASSO 1: Verifique o ECM.
PASSO 1A: Verifique o ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Verifique o ECM. OK 1B
• Desligue a chave de ignição e aguarde 30 Código de Falha 111 inativo.
segundos. NÃO OK 2A
• Ligue o motor e deixe-o funcionar em marcha
Substitua o ECM
lenta durante 1 minuto.
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 111 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-4 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 1B: Verifique as contagens inativas do Código de Falha 111.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique as contagens inativas do Código de OK 2A
Falha 111. Menos de 5 contagens inativas.
• Leia as contagens inativas do Código de NÃO OK 2A
Falha 111 usando o INSITE™.
Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 2: Apague os códigos de falha.


PASSO 2A: Desative o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desative o código de falha. OK 2B
• Ligue o motor e deixe-o funcionar em marcha Código de Falha 111 inativo.
lenta durante 1 minuto. NÃO OK 1A
• Usando o INSITE™, verifique se o Código de Volte aos passos de diagnóstico de
Falha 111 está inativo. falhas, ou consulte seu Distribuidor
Autorizado Cummins depois de
completar e verificar novamente todos
os passos.

PASSO 2B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo.
• Apague os códigos de falha inativos usando o Todos os códigos de falha
INSITE™. apagados.
NÃO OK Diagrama de
Faça o diagnóstico dos demais Diagnóstico de
códigos de falha ativos. Falhas apropriado.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 122
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-5

Código de Falha 122


Circuito do Sensor de Pressão do Coletor de Admissão

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO


Código de Falha: 122
Detectada alta voltagem no pino de Pode ocorrer o corte de combustível
PID(P), SID(S): P102
sinal do sensor de pressão do devido à queda de pressão.
SPN: 102
coletor de admissão.
FMI: 3
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Pressão do Coletor de Admissão

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão monitora a pressão do coletor de admissão e passa
as informações para o ECM através do chicote do motor. Se a pressão do coletor de admissão tornar-se alta
demais, ela causará uma condição de despotenciamento.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão está localizado no coletor de admissão de ar.
Dicas para a Oficina:
• Verifique se o motor está sendo alimentado por uma fonte alternativa de combustível.
• Certifique-se de estar usando o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão de No. correto.
• Certifique-se de estar usando o turbocompressor correto.
• Se suspeitar de que o ar frio de admissão é a causa da alta pressão do coletor de admissão, teste o motor
com ar de admissão quente.
• Verifique se o circuito do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão apresenta sinais de
violação. Remova quaisquer fios extras do circuito.
• Se os códigos de falha 122 e 386 estiverem ativos, faça primeiro o diagnóstico do Código de Falha 386.
Código de Falha 122 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-6 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHA

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. de Peça 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. de Peça 3164112 - ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. de Peça 3164111 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
No. de Peça 3164113 - ponta de teste Bosch® tipo soquete 0.6

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha. Códigos de Falha 187, 227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
ou ausentes.
PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
PASSO 2A: Inspecione o sensor de pressão do coletor Não há pinos danificados.
de admissão e os pinos do conector do
chicote do motor.
PASSO 2B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 122 ativo.
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de 10 a 10M ohms.
pressão/temperatura do coletor de
admissão.
PASSO 2D: Meça a voltagem de alimentação. 4,75 a 5,25 VCC
PASSO 2E: Meça a voltagem do sinal. 0,10 a 0,25 VCC
PASSO 2F: Verifique a voltagem entre o conector sensor 4,75 a 5,25 VCC
do chicote do motor e o terminal negativo (-)
da bateria.
PASSO 2G: Verifique a resistência de retorno entre o Menos de 10 ohms.
conector sensor do chicote do motor e o
terminal (-) da bateria.
PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.
PASSO 3A: Inspecione o chicote do motor e os pinos Não há pinos danificados.
conectores do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 122 ativo ou
outros códigos com aumento
de contagem ou ativos..
PASSO 3C: Leia os códigos de falha. Código de Falha 122 ativo
PASSO 3D: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 122
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-7

PASSO 3E: Verifique a resistência entre o ECM Menos de 10 ohms.


e o terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 4: Verifique o ECM.
PASSO 4A: Verifique a voltagem de sinal entre o 0,10 a 0,25 VCC.
ECM e terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 4B: Meça a voltagem de alimentação do 4,75 a 5,25 VCC.
ECM.
PASSO 5: Apague os Códigos de Falha.
PASSO 5A: Desative o código de falha. Código de Falha 122 inativo.
PASSO 5B: Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados.

PASSO DE DIAGNÓSTICO DE FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™. Códigos de Falha 187, 227, 238, 239,
352 ou 386 estão inativos ou
ausentes.
NÃO OK Consulte os
Faça primeiro o diagnóstico dos diagramas de
Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, diagnóstico e
352 ou 386. reparos
apropriados.
Código de Falha 122 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-8 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.


PASSO 2A: Inspecione o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão e os pinos
conectores do chicote do motor.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione o sensor de pressão/temperatura do OK 2B
coletor de admissão e os pinos conectores do Não há pinos danificados.
chicote do motor e verifique se há:
NÃO OK 5A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados.
• Pinos torcidos ou quebrados.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
• Pinos torcidos para trás ou expandidos. nos pinos conectores. Repare ou
• Umidade dentro ou sobre o conector. substitua o chicote do motor, ou substitua
• Vedações de conector danificadas ou o sensor de pressão/ temperatura do
ausentes. coletor de admissão se tiverem pinos
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos danificados.
conectores. • Elimine a sujeira, resíduos ou
umidade nos pinos conectores
usando o limpador de contato
elétrico, No. 3824510.
• Instale a vedação apropriada do
conector se estiver danificada ou
ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte
o Procedimento 019-204.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de pressão/
temperatura do coletor de admissão.
Consulte o Procedimento 019-159.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o operar em Código de Falha 122 ativo.
marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 3B
• Leia os códigos de falha com o INSITE™. Código de Falha 122 inativo.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 122
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-9

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer uma medição:
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8.
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão do conector do chicote do motor.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Verifique a resistência do sensor de pressão/ OK 2D
temperatura do coletor de admissão. 10 a 10M ohms.
• Meça a resistência entre os pinos 3 e 4 do NÃO OK 5A
sensor de pressão/temperatura do coletor de Substitua o sensor de pressão/
admissão. temperatura do coletor de admissão
Consulte o Procedimento 019-159.
Código de Falha 122 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-10 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2D: Meça a voltagem de alimentação.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão do conector do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem de alimentação. OK 2E
• Meça a voltagem de alimentação entre os pinos 1 4,75 a 5,25 VCC.
e 3 do conector do sensor no chicote do motor. NÃO OK 2F
Não atende as especificações.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 122
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-11

PASSO 2E: Meça a voltagem de sinal.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão do conector do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem do sinal. OK 3A
• Meça a voltagem de sinal entre o pino 4 do conector 0,10 a 0,25 VCC.
do sensor no chicote do motor e o terminal negativo NÃO OK 4A
(-) da bateria. Não atende as especificações.
Código de Falha 122 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-12 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação entre o conector do sensor no chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coleto de admissão.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação entre o conector OK 2G
sensor do chicote do motor e o terminal negativo (-) da 4,75 a 5,25 VCC.
bateria.
NÃO OK 4B
• Meça a voltagem do sinal entre o pino 3 do conector Não atende as especificações.
do sensor do chicote do motor e o terminal negativo
(-) da bateria.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 122
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-13

PASSO 2G: Verifique a resistência de retorno entre o conector do sensor no chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão do conector do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência de retorno entre o conector do OK 5A
sensor do chicote do motor e o terminal negativo (-) da Menos de 10 ohms.
bateria.
NÃO OK 3A
• Meça a resistência entre o pino 1 do conector do
sensor no chicote do motor e o terminal negativo (-)
da bateria.
Código de Falha 122 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-14 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Verifique o chicote do motor de 36 pinos.


PASSO 3A: Inspecione o chicote do motor e os pinos do conector do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos dos conectores do OK 3C
chicote do motor e do ECM e verifique Não há pinos danificados.
se há:
NÃO OK 5A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados.
• Pinos torcidos ou quebrados.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Pinos torcidos para trás ou pinos dos conectores. Se houver pinos
expandidos. danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector motor, ou substitua o ECM.
• Vedações de conector danificadas • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes. pinos dos conectores com o limpador de
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos contato elétrico, No. 3824510.
conectores. • Instale a vedação do conector correta se
NOTA: Puxe suavemente cada fio estiver danificada ou ausente.
para certificar-se de que o mesmo • Repare o chicote do motor. Consulte o
esteja firme no conector e que não Procedimento 019-236.
esteja torcido para trás. • Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM. Consulte o Procedimento
019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 5B
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 122 ativo ou outros códigos
operar em marcha lenta durante 1 com aumento de contagem ou ativos.
minuto. Repare ou substitua o conector que causou o
• Monitore os códigos de falha com o aumento da falha enquanto o chicote estava
INSITE™ enquanto movimenta o sendo movimentado.
chicote do motor entre o sensor de
NÃO OK 5B
pressão/temperatura do coletor de
admissão e os conectores do ECM. Código de Falha 122 ativo ou outros códigos
sem aumento de contagem ou ativos.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 122
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-15

PASSO 3C: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3D
• Dê a partida no motor e opere-o em Código de Falha 122 ativo.
marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 5B
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 122 inativo.
INSITE™.

PASSO 3D: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize as pontas de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 5A
• Meça a resistência entre o pino 10 do Menos de 10 ohms.
conector de 36 pinos do chicote do motor e
o pino 3 do conector do sensor. NÃO OK 3E
• Meça a resistência entre o pino 21 do Repare ou substitua o chicote do OEM
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do OEM. Consulte
o pino 1 do conector do sensor. o Procedimento 019-204 ou 019-236.
• Meça a resistência entre o pino 28 do • Substitua o chicote do OEM.
conector de 36 pinos do chicote do motor e Consulte o Procedimento 019-071.
o pino 4 do conector do sensor.
Código de Falha 122 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-16 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3E: Verifique a resistência entre o ECM e o terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência entre o ECM e o terminal OK 4A
negativo (-) da bateria. Menos de 10 ohms.
• Meça a resistência entre o pino 21 da porta do NÃO OK 5A
ECM e o terminal negativo (-) da bateria.
Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 122
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-17

PASSO 4: Verifique o ECM.


PASSO 4A: Verifique a voltagem do sinal entre o ECM e o terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de prova Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Ligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem do sinal entre o ECM e o OK 5A
terminal negativo (-) da bateria. 0,10 a 0,25 VCC
• Meça a voltagem entre o pino 28 da porta do Repare ou substitua o chicote do
ECM e o terminal negativo (-) da bateria. motor,
• Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
NÃO OK 5A
Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 122 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-18 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4B: Meça a voltagem de alimentação do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de saída do ECM. OK 3A
• Meça a voltagem entre os pinos 10 e 21 da 4,75 a 5,25 VCC.
porta do ECM. NÃO OK 5A
Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 122
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-19

PASSO 5: Apague os códigos de falha.


PASSO 5A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 5B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar em Código de Falha 122 inativo.
marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha 122
Retorne aos passos de diagnóstico de
esteja inativo.
falhas ou consulte o Posto Autorizado
de Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 5B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo.
• Apague os códigos de falha inativos usando Todos os códigos de Falha
o INSITE™. apagados.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico de falhas de diagnóstico
qualquer outro código de falha ativo. apropriados.
Código de Falha 123 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-20 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 123


Circuito do Sensor de Pressão do Coletor de Admissão

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 123 Detectada baixa voltagem no pino Pode ocorrer o corte de combustível
PID(P), SID(S): P102 do sinal de pressão do coletor de devido à queda de pressão.
SPN: 102 admissão.
FMI: 4
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Pressão do Coletor de Admissão

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão monitora a pressão de admissão e transmite as
informações ao ECM através do chicote do motor. Se a pressão do coletor tornar-se muito alta, ela causará
uma condição de despotenciamento.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão está localizado no coletor de admissão.
Dicas para a Oficina:
• Verifique se o motor está sendo alimentado por uma fonte externa de combustível.
• Certifique-se de estar usando o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão de número. correto.
• Certifique-se de estar usando o turbocompressor correto.
• Se suspeitar de que o ar frio de admissão é a causa da alta pressão do coletor de admissão, teste o motor
com ar de admissão quente.
• Verifique se o circuito do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão apresenta sinais de
violação. Remova quaisquer fios extras do circuito.
• Se os códigos de falha 123 e 352 estiverem ativos, faça primeiro o diagnóstico do Código de Falha 352.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 123
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-21

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHA

PRECAUÇÃO

Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativo antes de substituí-lo

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. de Peça 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. de Peça 3164112 - ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. de Peça 3164111 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
No. de Peça 3164113 - ponta de teste Bosch® tipo soquete 0.6

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos
códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha. Códigos de Falha 187, 227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
ou ausentes.
PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
PASSO 2A: Inspecione o sensor de pressão do coletor Não há pinos danificados.
de admissão e os pinos do conector do
chicote do motor.
PASSO 2B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 123 ativo.
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de 10 a 10M ohms.
pressão/temperatura do coletor de
admissão.
PASSO 2D: Meça a voltagem de alimentação. 4,75 a 5,25 VCC.
PASSO 2E: Meça a voltagem do sinal. 0,10 a 0,25 VCC.
PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação entre 4,75 a 5,25 VCC.
do conector sensor no chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 2G: Verifique a resistência de retorno entre o Menos de 10 ohms.
conector do sensor no chicote do motor e o
terminal (-) da bateria.
PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.
PASSO 3A Inspecione o chicote do motor e os pinos Não há pinos danificados
dos conectores do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 123 ativo ou
outros códigos com aumento
de contagem ou ativos.
PASSO 3C: Leia os códigos de falha. Código de Falha 123 ativo.
PASSO 3D: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms.
Código de Falha 123 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-22 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3E: Verifique a resistência entre o ECM e o Menos de 10 ohms.


terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 4: Verifique o ECM.
PASSO 4A: Verifique a voltagem do sinal entre o ECM 0,10 a 0,25 VCC.
e terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 4B: Meça a voltagem de alimentação do ECM. 4,75 a 5,25 VCC.
PASSO 5: Apague os Códigos de Falha.
PASSO 5A: Desative o código de falha. Código de Falha 123 inativo.
PASSO 5B: Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados.

PASSO DE DIAGNÓSTICO DE FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™. Códigos de Falha 187, 227, 238, 239,
352 ou 386 inativos ou ausentes
NÃO OK Consulte os
Faça primeiro o diagnóstico dos diagramas de
Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, diagnósticos de
352 ou 386. falha apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 123
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-23

PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.


PASSO 2A: Inspecione o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão e os pinos
conectores do chicote do motor.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione o sensor de pressão/temperatura do OK 2B
coletor de admissão e os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do motor e verifique se há:
NÃO OK 5A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
• Pinos torcidos para trás ou expandidos. nos pinos conectores. Repare ou
• Umidade dentro ou sobre o conector. substitua o chicote do motor, ou substitua
• Vedações de conector danificadas ou o sensor de pressão/ temperatura do
ausentes. coletor de admissão se tiverem pinos
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos danificados.
conectores. • Elimine a sujeira, resíduos ou
umidade nos pinos conectores
usando o limpador de contato
elétrico, No. 3824510.
• Instale a vedação do conector
apropriada se estiver danificada ou
ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte
o Procedimento 019-204.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de pressão/
temperatura do coletor de admissão.
Consulte o Procedimento 019-159.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o operar em Código de Falha 123 ativo.
marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 3B
• Leia os códigos de falha com o INSITE™. Código de Falha 123 inativo.
Código de Falha 123 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-24 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize as pontas de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8.
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão do conector do chicote do motor.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Verifique a resistência do sensor de pressão/ OK 2D
temperatura do coletor de admissão. 10 a 10M ohms.
• Meça a resistência entre os pinos 3 e 4 do NÃO OK 5A
sensor de pressão/temperatura do coletor de Substitua o sensor de pressão/
admissão. temperatura do coletor de admissão
Consulte o Procedimento 019-159.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 123
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-25

PASSO 2D: Meça a voltagem de alimentação.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize as pontas de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão do conector do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem de alimentação. OK 2E
• Meça a voltagem de alimentação entre os pinos 1 4,75 a 5,25 VCC.
e 3 do conector sensor do chicote do motor. NÃO OK 2F
Não atende as especificações.
Código de Falha 123 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-26 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2E: Meça a voltagem do sinal.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize as pontas de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão, do conector do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem do sinal. OK 3A
• Meça a voltagem de sinal entre o pino 4 do conector 0,10 a 0,25 VCC.
sensor no chicote do motor e o terminal negativo (-) NÃO OK 4A
da bateria. Não atende as especificações.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 123
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-27

PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação entre o conector do sensor no chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão, do conector do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação entre o conector do OK 2G
sensor no chicote do motor e o terminal negativo (-) da 4,75 a 5,25 VCC
bateria.
NÃO OK 4B
• Meça a voltagem entre o pino 3 do conector do Não atende as especificações.
sensor no chicote do motor e o terminal negativo (-)
da bateria.
Código de Falha 123 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-28 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2G: Verifique a resistência de retorno entre o conector do sensor no chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de prova Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão, do conector do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência de retorno entre o conector do OK 5A
sensor no chicote do motor e o terminal negativo (-) da Menos de 10 ohms.
bateria.
NÃO OK 3A
• Meça a resistência entre o pino 1 do conector do
sensor no chicote do motor e o terminal negativo (-)
da bateria.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 123
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-29

PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 3A: Inspecione o chicote do motor e os pinos do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do OK 3C
chicote do motor e do ECM e verifique Não há pinos danificados
se há:
NÃO OK 5A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados.
• Pinos torcidos ou quebrados.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Pinos torcidos para trás ou pinos dos conectores. Se houver pinos
expandidos. danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector motor, ou substitua o ECM.
• Vedações de conector danificadas • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes. pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores. • Instale a vedação correta do conector se
NOTA: Puxe suavemente cada fio estiver danificada ou ausente.
para certificar-se de que o mesmo • Repare o chicote do motor. Consulte o
esteja firme no conector e que não Procedimento 019-236.
esteja torcido para trás. • Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM. Consulte o Procedimento
019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 5B
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 123 ativo ou outros códigos
operar em marcha lenta durante 1 com aumento de contagem ou ativos.
minuto. Repare ou substitua o conector que causou o
• Monitore os códigos de falha com o aumento do código de falha enquanto o chicote
INSITE™ enquanto movimenta o do motor estava sendo movimentado.
chicote do motor entre o sensor de
NÃO OK 5B
pressão/temperatura do coletor de
admissão e os conectores do ECM. Código de Falha 123 ativo ou outros códigos
sem aumento de contagem ou ativos.
Código de Falha 123 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-30 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3C: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3D
• Dê a partida no motor e opere-o em Código de Falha 123 ativo.
marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 5B
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 123 inativo
INSITE™.

PASSO 3D: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, use estas pontas de teste ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 5A
• Meça a resistência entre o pino 10 do Menos de 10 ohms.
conector de 36 pinos do chicote do motor e
o pino 3 do conector do sensor. NÃO OK 3E
• Meça a resistência entre o pino 21 do Repare ou substitua o chicote do OEM
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do OEM. Consulte
o pino 1 do conector do sensor. o Procedimento 019-204 ou
• Meça a resistência entre o pino 28 do 019-236.
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do OEM. Consulte
o pino 4 do conector do sensor. o Procedimento 019-071.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 123
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-31

PASSO 3E: Verifique a resistência entre o ECM e o terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência entre o ECM e o terminal OK 4A
negativo (-) da bateria. Menos de 10 ohms.
• Meça a resistência entre o pino 21 da porta do NÃO OK 5A
ECM e o terminal negativo (-) da bateria.
Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 123 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-32 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4: Verifique o ECM.


PASSO 4A: Verifique a voltagem do sinal entre o ECM e o terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de sinal entre o ECM e o OK 5A
terminal negativo (-) da bateria. 0,10 a 0,25 VCC.
• Meça a voltagem entre o pino 28 da porta do Repare ou substitua o chicote do
ECM e o terminal negativo (-) da bateria. motor.
• Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
NÃO OK 5A
Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 123
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-33

PASSO 4B: Meça a voltagem de alimentação do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote do motor, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de saída do ECM. OK 3A
• Meça a voltagem entre os pinos 10 e 21 da 4,75 a 5,25 VCC.
porta do ECM. NÃO OK 5A
Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 123 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-34 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 5: Apague os códigos de falha.


PASSO 5A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 5B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar em Código de Falha 123 inativo.
marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha 123
Retorne aos passos de diagnóstico de
esteja inativo.
falhas ou consulte o Posto Autorizado
de Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 5B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo.
• Apague os códigos de falha inativos usando Todos os códigos de Falha
o INSITE™. apagados.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico de falhas de diagnóstico
qualquer outro código de falha ativo. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 131
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-35

Código de Falha 131


Circuito do Sensor de Posição do Acelerador

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 131 Detectada alta voltagem no pino O motor opera em marcha lenta quando
PID(P), SID(S): P091 de sinal de posição do acelerador. indicado pelo interruptor de validação de
SPN: 91 marcha lenta e eleva a uma rotação
FMI: 3 padrão se o interruptor de validação de
Luz: Vermelha marcha lenta indica marcha lenta
desativada.

Circuito do Sensor de Posição do Acelerador (APS)

Descrição do Circuito:
O sensor de posição do acelerador é acoplado ao pedal do acelerador e envia um sinal ao ECM) quando o
motorista comprime este pedal. O circuito do sensor de posição do acelerador contém três fios: Fio do sinal
(pino 83), um fio de alimentação de +5VCC (pino 55) e um fio-terra de retorno (pino 81).
NOTA: As letras dos pinos conectores mostrados para a fiação do pedal do acelerador nestes passos de
diagnóstico são exemplos de sensores representativos. As atribuições de pinos conectores podem variar de
acordo com o fabricante do equipamento, mas a base da lógica de diagnóstico ainda é aplicada.
Localização do Componente:
O sensor de posição do acelerador está localizado no pedal do acelerador.
Código de Falha 131 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-36 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Dicas para a Oficina:


Se todos os fios e o sensor estiverem em boas condições, substitua por novos os fios do circuito do sensor de
posição do acelerador e do interruptor de validação de marcha lenta, entre o pedal do acelerador e o ECM.
Passe os fios através e em volta da barra de conexão do chicote do OEM sem usar o conector da barra de
conexão do chicote do OEM. Teste o caminhão com os fios de teste conectados. Se a falha deixar de existir,
substitua o chicote do OEM. Vede as aberturas da barra de conexão em volta do conector e dos fios para evitar
que fumaça tóxica e nociva penetre na área do operador.
NOTA: Os três fios do circuito do sensor de posição do acelerador devem ser trançados juntos. O mesmo
aplica-se aos três fios do circuito do interruptor de validação de marcha lenta (IVS).
NOTA: Se o pino 83 (sinal) e o pino 81 (retorno) forem invertidos, o sensor de posição do acelerador fará uma
leitura de somente 50 porcento.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 131
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-37

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHA

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® de pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - ponta de teste Bosch® de pino 0.6
No. 3164113 - ponta de teste Bosch® soquete 0.6
No. 3823995 - ponta de teste tipo pino Weather-Pack
No. 3823996 - ponta de teste tipo soquete Weather-Pack

PRECAUÇÃO
Para conectores fornecidos pelo OEM, consulte os manuais de serviço do OEM para informações sobre
conectores e pontas de teste para evitar danos aos pinos e ao chicote.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique o sensor de posição do acelerador.
PASSO 1A: Certifique-se de que o sensor de posição Sensor conectado
do acelerador esteja conectado.
PASSO 1B: Inspecione o chicote do OEM e os pinos Não há pinos danificados
do sensor de posição do acelerador.
PASSO 1C: Leia os códigos de falha. Código de Falha 131 ativo
PASSO 1D: Verifique a resistência do sensor de 2000 a 3000 ohms
posição do acelerador.
PASSO 1E: Verifique a resistência entre pinos do Liberado: 1500-3000 ohms
sensor. Comprimido: 250-1500 ohms
PASSO 1F: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 2: Verifique o chicote do OEM.
PASSO 2A: Inspecione o chicote do OEM e os pinos Não há pinos danificados
conectores do ECM.
PASSO 2B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 131 ativo
PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 2D: Verifique se há um curto entre pinos. Mais de 100k ohms
PASSO 3: Verifique a resposta do ECM.
PASSO 3A: Meça a voltagem de saída do ECM 4,75 a 5,25 VCC
PASSO 3B: Verifique se há resposta apropriada do Código de Falha 131 inativo
ECM. Código de Falha 132 ativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A: Desabilite o código de falha. Código de Falha 131 inativo
PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos. Códigos de falha apagados
Código de Falha 131 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-38 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE REPARO DE FALHA


PASSO 1: Verifique o sensor de posição do acelerador.
PASSO 1A: Verifique se o sensor de posição do acelerador está conectado.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Verifique se o sensor de posição do OK 1B
acelerador está conectado. Sensor conectado.
NÃO OK 4A
Conecte o sensor de posição do acelerador.
PASSO 1B: Inspecione o chicote do OEM e os pinos do sensor de posição do acelerador.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione o chicote do OEM e os pinos OK 1C
do sensor de posição do acelerador e Não há pinos danificados
verifique se há:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos. Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados. Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Pinos torcidos para trás ou pinos. Repare ou substitua o chicote do OEM,
expandidos. ou substitua o sensor de posição do acelerador
• Umidade dentro ou sobre o conector se tiverem pinos danificados.
• Vedações de conector danificadas • Limpe os pinos conectores com o limpador
ou ausentes. de contato elétrico, No. 3824510.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Instale a vedação do conector apropriada
conectores. se estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do OEM. Consulte o
Procedimento 019-203.
• Substitua o chicote do OEM. Consulte o
Procedimento 019-071.
• Substitua o sensor de posição do
acelerador. Consulte o manual de
diagnóstico de falhas e reparos do OEM.
PASSO 1C: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 1D
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 131 ativo
operar em marcha lenta durante 1
minuto. NÃO OK 4B
Reparo completo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 131
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-39

PASSO 1D: Verifique a resistência do sensor de posição do acelerador.


Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há circuito aberto ou um curto- OK 1E
circuito entre pinos no sensor de posição do 2000 a 3000 ohms.
acelerador.
NÃO OK 4A
• Meça a resistência entre o pino de
alimentação de +5VCC e o pino de retorno Substitua o sensor de posição do
no lado do sensor de posição do acelerador.
acelerador quando o pedal do acelerador é Consulte o manual de diagnóstico de
liberado e quando é pressionado. falhas e reparos do OEM.
NOTA: Instale um conector de reparo de 3
pinos, No. 3823255, no sensor de posição
do acelerador como interruptor de
validação de marcha lenta; um conector de
reparo de 6 pinos, No. 3824910, como
interruptor integrado do sensor; e um cabo
de corte, No. 3824892, como interruptor
integrado de estado sólido do sensor, se
necessário.
Código de Falha 131 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-40 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 1E: Verifique a resistência entre os pinos do sensor.


Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
Ação Especificações/Reparo Próximo
Passo
Verifique a resistência entre os pinos do sensor. OK 1F
• Meça a resistência entre o pino de alimentação de Liberado: 1500 a 3000 ohms.
+5VCC e o pino do sinal no lado do sensor de posição Pressionado: 250 a 1500 ohms.
do acelerador. NOTA: O valor da resistência
• NOTA: Faça a medição quando o pedal do acelerador com o pedal liberado deve ser
é pressionado e quando é liberado. pelo menos 1000 ohms maior que
• NOTA: Instale um conector de reparo de 3 pinos, No. o valor da resistência com o
3823255, no sensor de posição do acelerador como pedal pressionado.
interruptor de validação de marcha lenta; um conector
de reparo de 6 pinos, No. 3824910, como interruptor
integrado do sensor; e um cabo de corte, No. 3824892, NÃO OK 4A
como interruptor integrado de estado sólido do sensor, Substitua o sensor de posição
se necessário. do acelerador.
Consulte o manual de diagnóstico
de falhas e reparos do OEM.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 131
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-41

PASSO 1F: Verifique se há um curto-circuito com a massa.


Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 2A
• Meça a resistência entre o pino de alimentação de Mais de 100k ohms.
+5VCC, no lado do sensor de posição do
acelerador, e a massa do chassis.
• Meça a resistência entre o pino do sinal, no lado
do sensor de posição do acelerador, e a massa
do chassis.
• NOTA: Instale um conector de reparo de 3 pinos, NÃO OK 4A
No. 3823255, no sensor de posição do acelerador
Substitua o sensor de posição
como interruptor de validação de marcha lenta;
do acelerador.
um conector de reparo de 6 pinos, No. 3824910,
como interruptor integrado do sensor; e um cabo Consulte o manual de diagnóstico
de corte, No. 3824892, como interruptor integrado de falhas e reparos do OEM.
de estado sólido do sensor, se necessário.
Código de Falha 131 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-42 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2: Verifique o chicote do OEM.


PASSO 2A: Inspecione o chicote do OEM e os pinos conectores do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do chicote OK 2B
do OEM e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados.
• Pinos Corroídos. NÃO OK 4A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados.
• Pinos torcidos para trás ou expandidos.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Vedações de conector danificadas ou danificados, repare ou substitua o chicote
ausentes. do OEM, ou substitua o ECM.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
conectores. nos pinos conectores com o limpador
NOTA: Puxe suavemente cada fio para de contato elétrico, No. 3824510.
certificar-se de que o mesmo esteja • Instale a vedação do conector correta
firme no conector e que não esteja se estiver danificada ou ausente.
torcido para trás. • Repare o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 131 ativo.
em marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 4B
• Leia os códigos de falha usando o
Reparo completo.
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 131
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-43

PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.

PRECAUÇÃO
Para conectores fornecidos pelo OEM, consulte os manuais de serviço do OEM para informações sobre
conectores e pontas de teste para evitar danos aos pinos e ao chicote.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 2D
• Meça a resistência entre o pino 55 do Menos de 10 ohms.
conector do chicote do OEM e o pino C (pino
A) no lado do chicote do sensor de posição
do acelerador.
• Meça a resistência entre o pino 81 do
conector do chicote do OEM e o pino A (pino
C) no lado do chicote do sensor de posição
do acelerador. NÃO OK 4A
• Meça a resistência entre o pino 83 do Repare ou substitua o chicote do
conector do chicote do OEM e o pino B (pino OEM.
B) no lado do chicote do sensor de posição • Repare o chicote do OEM
do acelerador. Consulte o Procedimento
NOTA: As letras dos pinos destinam-se ao 019-203 ou 019-323.
interruptor integrado do sensor e as letras
• Substitua o chicote do OEM.
entre parênteses aos pedais de validação de
Consulte o Procedimento
marcha lenta e do acelerador com sensores
019-071.
distintos.
Código de Falha 131 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-44 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 3A
• Meça a resistência entre o pino 55 e todos Mais de 100k ohms.
os outros pinos do conector do chicote do NÃO OK 4A
OEM.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 81 e todos OEM.
os outros pinos do conector do chicote do
OEM. • Repare o chicote do OEM
Consulte o Procedimento 019-323.
• Meça a resistência entre o pino 83 e todos • Substitua o chicote do OEM.
os outros pinos do conector do chicote do Consulte o Procedimento 019-071.
OEM.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 131
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-45

PASSO 3: Verifique se há resposta do ECM.


PASSO 3A: Meça a voltagem de saída do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. de Peça 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem de saída do ECM. OK 3B
• Meça a voltagem de saída do ECM 4,75 a 5,25 VCC
entre os pinos 55 a 81. NÃO OK 4A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 131 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-46 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3B: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desconecte o conector sensor do chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do ECM. OK 4A
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 131 inativo.
INSITE™. Código de Falha 132 ativo.
NÃO OK 4A
Código de Falha 131 ativo
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4A
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 131 inativo.
durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
131 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo.
• Apague os códigos de falha inativos Todos os Códigos de Falha apagados.
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico de outros códigos de diagnóstico
falha ativos. apropriados .
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 132
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-47

Código de Falha 132


Circuito do Sensor de Posição do Acelerador

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 132 Detectada baixa voltagem no pino O motor opera em marcha lenta quando
PID(P), SID(S): P091 de sinal de posição do acelerador. indicado pelo interruptor de validação de
SPN: 91 marcha lenta e eleva para uma rotação
FMI: 4 padrão se o interruptor de validação de
Luz: Vermelha marcha lenta indica marcha lenta
desativada.

Circuito do Sensor de Posição do Acelerador (APS)

Descrição do Circuito:
O sensor de posição do acelerador é acoplado ao pedal do acelerador e envia um sinal ao ECM quando o
motorista comprime o pedal do acelerador. O circuito do sensor de posição do acelerador contém três fios: Fio
do sinal (pino 83), um fio de alimentação de +5VCC (pino 55) e um fio-terra de retorno (pino 81).
NOTA: As letras dos pinos conectores mostrados para a fiação do pedal do acelerador nestes passos de
diagnóstico são exemplos de sensores representativos. As atribuições de pinos conectores podem variar de
acordo com o fabricante do equipamento, mas a base da lógica de diagnóstico ainda é aplicada.
Localização do Componente:
O sensor de posição do acelerador está localizado no pedal do acelerador.
Código de Falha 132 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-48 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Dicas para a Oficina:


Se todos os fios e o sensor estiverem em boas condições, substitua por novos os fios do circuito do sensor de
posição do acelerador e do interruptor de validação de marcha lenta, entre o pedal do acelerador e o ECM.
Passe os fios através e em volta da barra de conexão do chicote do OEM sem usar o conector da barra de
conexão do chicote do OEM. Teste o caminhão com os fios de teste conectados. Se a falha deixar de existir,
substitua o chicote do OEM. Vede as aberturas da barra de conexão em volta do conector e dos fios para evitar
que fumaça tóxica e nociva penetre na área do operador.
NOTA: Os três fios do circuito do sensor de posição do acelerador devem ser trançados juntos. O mesmo
aplica-se aos três fios do circuito do interruptor de validação de marcha lenta (IVS).
NOTA: Se o pino 83 (sinal) e o pino 81 (retorno) forem invertidos, o sensor de posição do acelerador fará uma
leitura de somente 50 porcento.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 132
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-49

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHA


PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. de Peça 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. de Peça 3164112 - ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. de Peça 3164113 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6

PRECAUÇÃO
Para conectores fornecidos pelo OEM, consulte os manuais de serviço do OEM para informações sobre
conectores e pontas de teste para evitar danos aos pinos e ao chicote.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique o sensor de posição do acelerador.
PASSO 1A Certifique-se de que o sensor de posição Sensor conectado
do acelerador esteja conectado.
PASSO 1B Inspecione o chicote do OEM e os pinos Não há pinos danificados
do sensor de posição do acelerador.
PASSO 1C Leia os códigos de falha. Código de Falha 132 ativo
PASSO 1D Verifique a resistência do sensor de 2000 a 3000 ohms
posição do acelerador.
PASSO 1E Verifique a resistência entre pinos do Liberado: 1500-3000 ohms
sensor. Comprimido: 250-1500 ohms
PASSO 1F Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 2: Verifique o chicote do OEM.
PASSO 2A Inspecione o chicote do OEM e os pinos Não há pinos danificados
conectores do ECM.
PASSO 2B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 132 ativo
PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 2D: Verifique se há um curto entre pinos. Mais de 100k ohms
PASSO 2E: Verifique se há um curto entre o bloco do Mais de 100k ohms
motor e a massa.
PASSO 3: Verifique a resposta do ECM.
PASSO 3A Meça a voltagem de saída do ECM 4,75 a 5,25 VCC
PASSO 3B: Verifique se há resposta apropriada do Código de Falha 132 inativo
ECM. Código de Falha 131 ativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A Desabilite o código de falha. Código de Falha 132 inativo
PASSO 4B Apague os códigos de falha inativos. Códigos de falha apagados
Código de Falha 132 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-50 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE DIAGNÓSTICO DE FALHA


PASSO 1: Verifique o sensor de posição do acelerador.
PASSO 1A: Verifique se o sensor de posição do acelerador está conectado.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Verifique se o sensor de posição do OK 1B
acelerador está conectado. Sensor conectado.
NÃO OK 4A
Conecte o sensor de posição do acelerador.

PASSO 1B: Inspecione o chicote do OEM e os pinos do sensor de posição do acelerador.


Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione o chicote do OEM e os pinos OK 1C
do sensor de posição do acelerador e Não há pinos danificados.
verifique se há:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos. Repare ou substitua o chicote do OEM,
ou substitua o sensor de posição do acelerador
• Umidade dentro ou sobre o conector
se tiverem pinos danificados.
• Vedações de conector danificadas
• Limpe os pinos conectores com o limpador
ou ausentes.
de contato elétrico, No. 3824510.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos
• Instale a vedação do conector apropriada
conectores.
se estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do OEM. Consulte o
Procedimento 019-203.
• Substitua o chicote do OEM. Consulte o
Procedimento 019-071.
• Substitua o sensor de posição do
acelerador. Consulte o manual de
diagnóstico de falhas e reparos do OEM.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 132
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-51

PASSO 1C: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 1D
• Dê a partida no motor e deixe-o operar em Código de Falha 132 ativo
marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 4B
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™.
Reparo completo.

PASSO 1D: Verifique a resistência do sensor de posição do acelerador.


Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito entre os pinos do OK 1E
sensor de posição do acelerador. 2000 a 3000 ohms.
• Meça a resistência entre o pino de alimentação NÃO OK 4A
de +5VCC e o pino de retorno no lado do
sensor de posição do acelerador quando o Substitua o sensor de posição do
pedal do acelerador é liberado e quando é acelerador.
pressionado. Consulte o manual de diagnóstico de
NOTA: Instale um conector de reparo de 3 falhas e reparos do OEM.
pinos, No. 3823255, no sensor de posição do
acelerador como interruptor de validação de
marcha lenta; um conector de reparo de 6
pinos, No. 3824910, como interruptor integrado
do sensor; e um cabo de corte, No. 3824892,
como interruptor integrado de estado sólido do
sensor, se necessário.
Código de Falha 132 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-52 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 1E: Verifique a resistência entre os pinos do sensor.


Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência entre os pinos do sensor. OK 1F
• Meça a resistência entre o pino de Liberado: 1500 a 3000 ohms.
alimentação de +5VCC e o pino do sinal no Pressionado: 250 a 1500 ohms.
lado do sensor de posição do acelerador.
NOTA: O valor da resistência com o
• NOTA: Faça a medição quando o pedal do pedal liberado deve ser pelo menos
acelerador é pressionado e quando é 1000 ohms maior que o valor da
liberado. resistência com o pedal pressionado.
• NOTA: Instale um conector de reparo de 3
pinos, No. 3823255, no sensor de posição do
acelerador como interruptor de validação de NÃO OK 4A
marcha lenta; um conector de reparo de 6 Substitua o sensor de posição do
pinos, No. 3824910, como interruptor acelerador.
integrado do sensor; e um cabo de corte, No. Consulte o manual de diagnóstico de
3824892, como interruptor integrado de falhas e reparos do OEM.
estado sólido do sensor, se necessário.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 132
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-53

PASSO 1F: Verifique se há um curto-circuito com a massa.


Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 2A
• Meça a resistência entre o pino de alimentação de Mais de 100k ohms.
+5VCC, no lado do sensor de posição do
acelerador, e a massa do chassis.
• Meça a resistência entre o pino do sinal, no lado
do sensor de posição do acelerador, e a massa
do chassis.
• NOTA: Instale um conector de reparo de 3 pinos, NÃO OK 4A
No. 3823255, no sensor de posição do acelerador
Substitua o sensor de posição
como interruptor de validação de marcha lenta;
do acelerador.
um conector de reparo de 6 pinos, No. 3824910,
como interruptor integrado do sensor; e um cabo Consulte o manual de diagnóstico
de corte, No. 3824892, como interruptor integrado de falhas e reparos do OEM.
de estado sólido do sensor, se necessário.
Código de Falha 132 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-54 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2: Verifique o chicote do OEM.


PASSO 2A: Inspecione o chicote do OEM e os pinos conectores do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do chicote OK 2B
do OEM e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados.
• Pinos Corroídos. NÃO OK 4A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados.
• Pinos torcidos para trás ou expandidos.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Vedações de conector danificadas ou danificados, repare ou substitua o chicote
ausentes. do OEM, ou substitua o ECM.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
conectores. nos pinos conectores com o limpador
NOTA: Puxe suavemente cada fio para de contato elétrico, No. 3824510.
certificar-se de que o mesmo esteja • Instale a vedação do conector correta
firme no conector e que não esteja se estiver danificada ou ausente.
torcido para trás. • Repare o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 132 ativo.
em marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 4B
• Leia os códigos de falha usando o
Reparo completo.
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 132
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-55

PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.

PRECAUÇÃO
Para conectores fornecidos pelo OEM, consulte os manuais de serviço do OEM para informações sobre
conectores e pontas de teste para evitar danos aos pinos e ao chicote.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
• Desconecte o conector de 89 pinos do chicote do OEM,do ECM
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 2D
• Meça a resistência entre o pino 55 do Menos de 10 ohms
conector do chicote do OEM e o pino C (pino
A) no lado do chicote do sensor de posição
do acelerador.
• Meça a resistência entre o pino 81 do
conector do chicote do OEM e o pino A (pino
C) no lado do chicote do sensor de posição
do acelerador. NÃO OK 4A
• Meça a resistência entre o pino 83 do Repare ou substitua o chicote do
conector do chicote do OEM e o pino B (pino OEM
B) no lado do chicote do sensor de posição • Repare o chicote do OEM
do acelerador. Consulte o Procedimento
NOTA: As letras dos pinos são para o 019-203 ou 019-323.
interruptor integrado do sensor e as letras
• Substitua o chicote do OEM.
entre parênteses para pedais de validação
Consulte o Procedimento
de marcha e do acelerador. com sensores
019-071.
distintos.
Código de Falha 132 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-56 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 2E
• Meça a resistência entre o pino 55 e todos os Mais de 100k ohms
outros pinos do conector do chicote do OEM. NÃO OK 4A
• Meça a resistência entre o pino 81 e todos os Repare ou substitua o chicote do
outros pinos do conector do chicote do OEM. OEM
• Meça a resistência entre o pino 83 e todos os • Repare o chicote do OEM
outros pinos do conector do chicote do OEM. Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 132
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-57

PASSO 2E: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 3A
• Meça a resistência entre o pino 55 no Mais de 100k ohms
conector do ECM, chicote do OEM e a massa NÃO OK 4A
do bloco do motor.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 81 no OEM
conector do ECM, chicote do OEM e a massa
do bloco do motor. • Repare o chicote do OEM
Consulte o Procedimento 019-323.
• Meça a resistência entre o pino 83 no • Substitua o chicote do OEM.
conector do ECM, chicote do OEM e a massa Consulte o Procedimento 019-071.
do bloco do motor.
Código de Falha 132 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-58 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Verifique se há resposta do ECM.


PASSO 3A: Meça a voltagem de saída do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem de saída do ECM. OK 3B
• Meça a voltagem de saída do ECM 4,75 a 5,25 VCC
entre os pinos 55 a 81. NÃO OK 4A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 132
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-59

PASSO 3B: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector do chicote do OEM.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do ECM. OK 4A
• Instale a ponta de teste No. 3164113 Código de Falha 132 inativo
como um “jumping” entre os pinos 83 e Código de Falha 131 ativo
55 no ECM.
• Leia os códigos de falha usando o NÃO OK 4A
INSITE™. Código de Falha 132 ativo
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 132 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-60 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4A
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 132 inativo
durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
132 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico de outros códigos de diagnósticos de falha
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 133
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-61

Código de Falha 133


Posição do Acelerador Remoto - Alta

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 133 Detectada alta voltagem no pino O motor poderá não responder ao
PID(P), SID(S): P029 de sinal de posição do acelerador comando do acelerador remoto.
SPN: 974 remoto.
FMI: 3
Luz: Vermelha

Circuito do Sensor de Posição do Acelerador Remoto

Descrição do Circuito:
O pedal do acelerador remoto fornece o comando do motorista para o ECM através do chicote do OEM e do
chicote de interface do OEM. O ECM usa este sinal para determinar o comando de alimentação de combustível.
Localização do Componente:
A localização do pedal acelerador remoto varia de acordo com o OEM. Consulte o manual de diagnóstico de
falhas e reparos do OEM.
Dicas para a Oficina:
O sensor de posição do acelerador remoto é um potenciômetro com as seguintes especificações:
• Entre a alimentação e o retorno = 2000 a 3000 ohms
• Entre a alimentação e o sinal: Pedal liberado = 1500 a 3000 ohms; pedal pressionado = 200 a 1500 ohms.
O interruptor de habilitação do acelerador remoto deve estar ligado para que este funcione. As possíveis
causas deste código de falha podem ser um circuito aberto no fio de retorno, um curto-circuito com a fonte de
+5 VCC ou de +12 VCC, defeito no sensor de posição do acelerador remoto ou fonte de alimentação do ECM
defeituosa.
Código de Falha 133 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-62 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3164113 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6

PRECAUÇÃO
Para conectores fornecidos pelo OEM, consulte os manuais de serviço do OEM para informações sobre
conectores e pontas de teste para evitar danos aos pinos e ao chicote.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 não
estão ativos
PASSO 2: Verifique o sensor de posição do acelerador remoto.
PASSO 2A Certifique-se de que o sensor de posição Sensor conectado
do acelerador remoto esteja conectado.
PASSO 2B Inspecione o chicote do OEM e os pinos Não há pinos danificados
conectores do sensor de posição do
acelerador remoto.
PASSO 2C: Leia os códigos de falha. Código de Falha 133 ativo
PASSO 2D: Verifique a resistência do sensor de 2000 a 3000 ohms
posição do acelerador remoto.
PASSO 2E: Verifique a resistência entre os pinos Liberado: 1500 a 3000 ohms
do sensor. Pressionado: 250-1500 ohms
PASSO 2F: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 3: Verifique o chicote do OEM.
PASSO 3A Inspecione o chicote do OEM e os pinos Não há pinos danificados
conectores do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 133 ativo
PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito de pino Mais de 100k ohms
a pino.
PASSO 4: Verifique a resposta do ECM.
PASSO 4A Meça a voltagem de saída do ECM. 4,75 a 5,25 VCC
PASSO 4B: Verifique se há resposta apropriada do Código de Falha 133 inativo
ECM. Código de Falha 134 ativo
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 133
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-63

PASSO 5: Apague os códigos de falha.


PASSO 5A Desabilite o código de falha. Código de Falha 133 inativo
PASSO 5B: Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados

PASSO DE DIAGNÓSTICO
PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Dê a partida no motor e opere-o em Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352 ou
marcha lenta durante 1 minuto. 386 não estão ativos
• Leia os códigos de falha usando o NÃO OK 5A
INSITE™.
Faça primeiro o diagnóstico de falhas dos
Códigos 187, 227, 238, 239, 352 ou 386.

PASSO 2: Verifique o sensor de posição do acelerador remoto.


PASSO 2A: Certifique-se de que o sensor de posição do acelerador remoto esteja conectado.
Condição:
• Desligue a chave de ignição

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Certifique-se de que o sensor de posição do OK 2B
acelerador remoto esteja conectado. Sensor conectado
NÃO OK 5A
Conecte o sensor de posição do acelerador
remoto.
Código de Falha 133 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-64 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2B: Inspecione chicote do OEM e os pinos do sensor de posição do acelerador remoto.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o chicote do OEM e o sensor de OK 2C
posição do acelerador apresentam: Não há pinos danificados
• Pinos Corroídos. NÃO OK 5A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou expandidos.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
• Umidade dentro ou sobre o conector.
nos pinos conectores. Se houver pinos
• Vedações de conector danificadas ou danificados, repare ou substitua o
ausentes. chicote do OEM, ou substitua o sensor
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos de posição do acelerador remoto.
conectores. • Elimine a sujeira, resíduos ou
umidade nos pinos conectores com
o limpador de contato elétrico,
No. 3824510.
• Instale a vedação do conector
correta se estiver danificada ou
ausente.
• Repare o chicote do OEM. Consulte
os Procedimentos 019-203 ou
019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
• Substitua o sensor de posição do
acelerador remoto. Consulte o
manual de diagnóstico de falhas e
reparos do OEM.

PASSO 2C: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2D
• Dê a partida no motor e opere-o em marcha Código de Falha 133 ativo
lenta durante 1 minuto.
5B
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™. NÃO OK
Reparo completo.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 133
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-65

PASSO 2D: Verifique a resistência do sensor de posição do acelerador remoto.


Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto ou um curto- OK 2E
circuito entre os pinos do sensor de posição do 2000 a 3000 ohms
acelerador remoto.
• Meça a resistência entre o pino de alimentação
de +5VCC e o pino de retorno no lado do
sensor de posição do acelerador remoto
quando o pedal é liberado e quando ele é NÃO OK 4A
pressionado.
Substitua o sensor de posição do
NOTA: Instale um conector de reparo de 3 acelerador remoto
pinos, No. 3823255, no sensor de posição do
Consulte o manual de diagnóstico de
acelerador como interruptor de validação de
falhas e reparos do OEM.
marcha lenta; um conector de reparo de 6
pinos, No. 3824910, como interruptor integrado
do sensor; e um cabo de corte, No. 3824892,
como interruptor integrado de estado sólido do
sensor, se necessário.
Código de Falha 133 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-66 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2E: Verifique a resistência entre os pinos do sensor.


Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência entre os pinos do sensor. OK 2F
• Meça a resistência entre o pino de alimentação Liberado: 1500 a 3000 ohms
de +5VCC e o pino de sinal no lado do sensor de Pressionado: 250 a 1500 ohms
posição do acelerador remoto.
NOTA: O valor da resistência com
NOTA: Faça a medição quando o pedal é o pedal liberado deve ser pelo
pressionado e quando é liberado. menos 1000 ohms maior que o
NOTA: Instale um conector de reparo de 3 valor da resistência com o pedal
pinos, No. 3823255, no sensor de posição do pressionado.
acelerador como interruptor de validação de
marcha lenta; um conector de reparo de 6 pinos,
No. 3824910, como interruptor integrado do NÃO OK 4A
sensor; e um cabo de corte, No. 3824892, como Substitua o sensor de posição do
interruptor integrado de estado sólido do sensor, acelerador remoto.
se necessário.
Consulte o manual de diagnóstico
de falhas e reparos do OEM.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 133
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-67

PASSO 2F: Verifique se há um curto-circuito com a massa.


Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 3A
• Meça a resistência entre o pino de alimentação de Mais de 100k ohms
+5VCC, no lado do sensor de posição do
acelerador remoto, e a massa do chassis.
• Meça a resistência entre o pino de sinal, no lado
do sensor de posição do acelerador, e a massa
do chassis.
NOTA: Instale um conector de reparo de 3 pinos, NÃO OK 4A
No. 3823255, no sensor de posição do acelerador
como interruptor de validação de marcha lenta; Substitua o sensor de posição
um conector de reparo de 6 pinos, No. 3824910, do acelerador remoto.
como interruptor integrado do sensor; e um cabo Consulte o manual de diagnóstico
de corte, No. 3824892, como interruptor integrado de falhas e reparos do OEM.
de estado sólido do sensor, se necessário.
Código de Falha 133 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-68 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Verifique o chicote do OEM.


PASSO 3A: Inspecione o chicote do OEM e os pinos conectores do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do chicote OK 3B
do OEM e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos Corroídos. NÃO OK 5A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou expandidos
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Vedações de conector danificadas ou danificados, repare ou substitua o chicote
ausentes. do OEM, ou substitua o ECM.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
conectores. nos pinos conectores com o limpador
NOTA: Puxe suavemente cada fio para de contato elétrico, No. 3824510.
certificar-se de que o mesmo esteja • Instale a vedação do conector correta
firme no conector e que não esteja se estiver danificada ou ausente.
torcido para trás. • Repare o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3C
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 133 ativo
em marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 5B
• Leia os códigos de falha usando o
Reparo completo.
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 133
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-69

PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.

PRECAUÇÃO
Para conectores fornecidos pelo OEM, consulte os manuais de serviço do OEM para informações sobre
conectores e pontas de teste para evitar danos aos pinos e ao chicote.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
• Desconecte o conector de 89 pinos do chicote do OEM,do ECM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 3D
• Meça a resistência entre o pino 50 do Menos de 10 ohms
conector do chicote do OEM e o pino B no
lado do chicote do sensor de posição do
acelerador remoto.
• Meça a resistência entre o pino 68 do
conector do chicote do OEM e o pino A no
lado do chicote do sensor de posição do
acelerador remoto. NÃO OK 5A
• Meça a resistência entre o pino 85 do Repare ou substitua o chicote do
conector do chicote do OEM e o pino C no OEM
lado do chicote do sensor de posição do • Repare o chicote do OEM.
acelerador remoto. Consulte o Procedimento 019-203
ou 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
Código de Falha 133 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-70 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 4A
• Meça a resistência entre o pino 50 e todos os Mais de 100k ohms
outros pinos do conector do chicote do OEM. NÃO OK 5A
• Meça a resistência entre o pino 68 e todos os Repare ou substitua o chicote do
outros pinos do conector do chicote do OEM. OEM
• Meça a resistência entre o pino 85 e todos os • Repare o chicote do OEM.
outros pinos do conector do chicote do OEM. Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 133
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-71

PASSO 4: Verifique se há resposta do ECM.


PASSO 4A: Meça a voltagem de saída do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de prova Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector do chicote do OEM.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem de saída do ECM. OK 4B
• Meça a voltagem de saída do ECM 4,75 a 5,25 VCC
entre os pinos 50 a 68. NÃO OK 5A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 133 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-72 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4B: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do ECM. OK 5A
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 133 inativo
INSITE™. Código de Falha 134 ativo
NÃO OK 5A
Código de Falha 133 ativo
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 5: Apague os códigos de falha.


PASSO 5A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 5B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 133 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
133 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 5B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falha
falha ativos. apropriado.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 134
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-73

Código de Falha 134


Posição do Acelerador Remoto - Baixa

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 134 Detectada baixa voltagem no pino O motor poderá não responder à entrada
PID(P), SID(S): P029 de sinal de posição do acelerador do acelerador remoto.
SPN: 974 remoto.
FMI: 4
Luz: Vermelha

Circuito do Sensor de Posição do Acelerador Remoto

Descrição do Circuito:
O pedal do acelerador remoto fornece o comando do motorista para o ECM através do chicote do OEM e do
chicote de interface do OEM. O ECM usa este sinal para determinar o comando de alimentação de combustível.
Localização do Componente:
A localização do pedal acelerador remoto varia de acordo com o OEM. Consulte o manual de diagnóstico de
falhas e reparos do OEM.
Dicas para a Oficina:
O sensor de posição do acelerador remoto é um potenciômetro com as seguintes especificações:
• Entre a alimentação e o retorno = 2000 a 3000 ohms
• Entre a alimentação e o sinal: Pedal liberado = 1500 a 3000 ohms; pedal pressionado = 200 a 1500 ohms.
O interruptor de habilitação do acelerador remoto deve estar ligado para que este funcione. As possíveis
causas deste código de falha podem ser um circuito aberto no fio de retorno, um curto-circuito com a fonte de
+5 VCC ou de +12 VCC, defeito no sensor de posição do acelerador remoto ou fonte de alimentação do ECM
defeituosa.
Código de Falha 134 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-74 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3164113 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6

PRECAUÇÃO
Para conectores fornecidos pelo OEM, consulte os manuais de serviço do OEM para informações sobre
conectores e pontas de teste para evitar danos aos pinos e ao chicote.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227, 238,
239, 352 ou 386 não estão ativos
PASSO 2: Verifique o sensor de posição do acelerador remoto.
PASSO 2A Certifique-se de que o sensor de posição Sensor conectado
do acelerador remoto esteja conectado.
PASSO 2B Inspecione o chicote do OEM e os pinos Não há pinos danificados
conectores do sensor de posição do
acelerador remoto.
PASSO 2C: Leia os códigos de falha. Código de Falha 134 ativo
PASSO 2D: Verifique a resistência do sensor de 2000 a 3000 ohms
posição do acelerador remoto.
PASSO 2E: Verifique a resistência entre os pinos Liberado: 1500 a 3000 ohms
do sensor. Pressionado: 250-1500 ohms
PASSO 2F: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 3: Verifique o chicote do OEM.
PASSO 3A Inspecione o chicote do OEM e os pinos Não há pinos danificados
conectores do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 134 ativo
PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito de pino Mais de 100k ohms
a pino.
PASSO 4: Verifique a resposta do ECM.
PASSO 4A Meça a voltagem de saída do ECM. 4,75 a 5,25 VCC
PASSO 4B: Verifique se há resposta apropriada do Código de Falha 133 inativo
ECM. Código de Falha 134 ativo
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 134
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-75

PASSO 5: Apague os códigos de falha.


PASSO 5A Desabilite o código de falha. Código de Falha 134 inativo
PASSO 5B: Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados

PASSO DE DIAGNÓSTICO DE FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Dê a partida no motor e opere-o em Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352
marcha lenta durante 1 minuto. ou 386 não estão ativos
• Leia os códigos de falha usando o NÃO OK 5A
INSITE™.
Faça primeiro o diagnóstico de falha dos
códigos 187, 227, 238, 239, 352 ou 386.

PASSO 2: Verifique o sensor de posição do acelerador remoto.


PASSO 2A: Certifique-se de que o sensor de posição do acelerador remoto esteja conectado.
Condição:
• Desligue a chave de ignição

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Certifique-se de que o sensor de posição do OK 2B
acelerador remoto esteja conectado. Sensor conectado
NÃO OK 5A
Conecte o sensor de posição do acelerador
remoto.
Código de Falha 134 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-76 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2B: Inspecione chicote do OEM e os pinos do conector do sensor de posição do acelerador
remoto.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o chicote do OEM e o sensor de OK 2C
posição do acelerador apresentam: Não há pinos danificados
• Pinos Corroídos. NÃO OK 5A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou expandidos.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
• Umidade dentro ou sobre o conector.
nos pinos conectores. Se houver pinos
• Vedações de conector danificadas ou danificados, repare ou substitua o
ausentes. chicote do OEM, ou substitua o sensor
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos de posição do acelerador remoto.
conectores. • Elimine a sujeira, resíduos ou
umidade nos pinos dos conectores
com o limpador de contato elétrico,
No. 3824510.
• Instale a vedação do conector
correta se estiver danificada ou
ausente.
• Repare o chicote do OEM. Consulte
o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
• Substitua o sensor de posição do
acelerador remoto. Consulte o
manual de diagnóstico de falhas e
reparos do OEM.

PASSO 2C: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2D
• Dê a partida no motor e opere-o em marcha Código de Falha 134 ativo
lenta durante 1 minuto.
5B
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™. NÃO OK
Reparo completo.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 134
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-77

PASSO 2D: Verifique a resistência do sensor de posição do acelerador remoto.


Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto ou um curto- OK 2E
circuito entre os pinos no sensor de posição do 2000 a 3000 ohms
acelerador remoto.
• Meça a resistência entre o pino de alimentação
de +5VCC e o pino de retorno no lado do
sensor de posição do acelerador remoto
quando o pedal é liberado e quando ele é NÃO OK 4A
pressionado.
Substitua o sensor de posição do
NOTA: Instale um conector de reparo de 3 acelerador remoto
pinos, No. 3823255, no sensor de posição do
Consulte o manual de diagnóstico de
acelerador como interruptor de validação de
falhas e reparos do OEM.
marcha lenta; um conector de reparo de 6
pinos, No. 3824910, como interruptor integrado
do sensor; e um cabo de corte, No. 3824892,
como interruptor integrado de estado sólido do
sensor, se necessário.
Código de Falha 134 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-78 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2E: Verifique a resistência entre os pinos do sensor.


Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência entre os pinos do sensor. OK 2F
• Meça a resistência entre o pino de alimentação Liberado: 1500 a 3000 ohms
de +5VCC e o pino de sinal no lado do sensor de Pressionado: 250 a 1500 ohms
posição do acelerador remoto.
NOTA: O valor da resistência com
NOTA: Faça a medição quando o pedal é o pedal liberado deve ser pelo
pressionado e quando é liberado. menos 1000 ohms maior que o
NOTA: Instale um conector de reparo de 3 valor da resistência com o pedal
pinos, No. 3823255, no sensor de posição do pressionado.
acelerador como interruptor de validação de
marcha lenta; um conector de reparo de 6 pinos,
No. 3824910, como interruptor integrado do NÃO OK 4A
sensor; e um cabo de corte, No. 3824892, como Substitua o sensor de posição do
interruptor integrado de estado sólido do sensor, acelerador remoto
se necessário.
Consulte o manual de diagnóstico
de falhas e reparos do OEM.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 134
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-79

PASSO 2F: Verifique se há um curto-circuito com a massa.


Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 3A
• Meça a resistência entre o pino de alimentação de Mais de 100k ohms
+5VCC, no lado do sensor de posição do
acelerador remoto, e a massa do chassis.
• Meça a resistência entre o pino de sinal, no lado
do sensor de posição do acelerador, e a massa
do chassis.
NOTA: Instale um conector de reparo de 3 pinos, NÃO OK 4A
No. 3823255, no sensor de posição do acelerador
como interruptor de validação de marcha lenta; Substitua o sensor de posição
um conector de reparo de 6 pinos, No. 3824910, do acelerador remoto.
como interruptor integrado do sensor; e um cabo Consulte o manual de diagnóstico
de corte, No. 3824892, como interruptor integrado de falhas e reparos do OEM.
de estado sólido do sensor, se necessário.
Código de Falha 134 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-80 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Verifique o chicote do OEM.


PASSO 3A: Inspecione o chicote do OEM e os pinos do conector do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do chicote OK 3B
do OEM e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos Corroídos NÃO OK 5A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou expandidos.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Vedações de conector danificadas ou danificados, repare ou substitua o chicote
ausentes. do OEM, ou substitua o ECM.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
conectores. nos pinos dos conectores com o
NOTA: Puxe suavemente cada fio para limpador de contato elétrico,
certificar-se de que o mesmo esteja No. 3824510.
firme no conector e que não esteja • Instale a vedação do conector correta
torcido para trás. se estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3C
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 134 ativo
em marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 5B
• Leia os códigos de falha usando o
Reparo completo.
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 134
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-81

PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. de Peça 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.

PRECAUÇÃO
Para conectores fornecidos pelo OEM, consulte os manuais de serviço do OEM para informações sobre
conectores e pontas de teste para evitar danos aos pinos e ao chicote.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 3D
• Meça a resistência entre o pino 50 do Menos de 10 ohms
conector do chicote do OEM e o pino B no
lado do chicote do sensor de posição do
acelerador remoto.
• Meça a resistência entre o pino 68 do
conector do chicote do OEM e o pino A no
lado do chicote do sensor de posição do
acelerador remoto. NÃO OK 5A
• Meça a resistência entre o pino 85 do Repare ou substitua o chicote do
conector do chicote do OEM e o pino C no OEM
lado do chicote do sensor de posição do • Repare o chicote do OEM.
acelerador remoto. Consulte o Procedimento 019-203
ou 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
Código de Falha 134 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-82 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de posição do acelerador remoto.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 4A
• Meça a resistência entre o pino 50 e todos os Mais de 100k ohms
outros pinos do conector do chicote do OEM. NÃO OK 5A
• Meça a resistência entre o pino 68 e todos os Repare ou substitua o chicote do
outros pinos do conector do chicote do OEM. OEM
• Meça a resistência entre o pino 85 e todos os • Repare o chicote do OEM.
outros pinos do conector do chicote do OEM. Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 134
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-83

PASSO 4: Verifique se há resposta do ECM.


PASSO 4A: Meça a voltagem de saída do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer uma medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem de saída do ECM. OK 4B
• Meça a voltagem de saída do ECM 4,75 a 5,25 VCC
entre os pinos 50 a 68. NÃO OK 5A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 134 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-84 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4B: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do ECM. OK 5A
• Instale a peça No. 3164113 como fio de Código de Falha 133 inativo
ponte entre o pino 50 e o pino 68 no Código de Falha 134 ativo
ECM.
• Leia os códigos de falha usando o NÃO OK 5A
INSITE™. Código de Falha 133 ativo
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 134
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-85

PASSO 5: Apague os códigos de falha.


PASSO 5A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 5B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 134 inativo
durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
134 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 5B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnósticos de falha
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 135 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-86 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 135


Circuito do Sensor de Pressão do Óleo

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 135 Detectada alta voltagem no pino Usado o valor padrão para a pressão do
PID(P), SID(S): P100 de sinal de pressão do óleo. óleo. Nenhuma proteção do motor para a
SPN: 100 pressão do óleo.
FMI: 3
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Pressão do Óleo

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do óleo é usado pelo ECM para monitorar a pressão do óleo lubrificante. O
ECM monitora a voltagem no pino de sinal e a converte para um valor de pressão que é utilizado para o sistema
de proteção do motor.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do óleo está localizado no bloco do motor, abaixo do coletor de escape e
próximo da carcaça do filtro de óleo.
Dicas para a Oficina:
• Se o Código de Falha 143 ou 415 não estiver ativo, o problema não estará relacionado ao sistema de
lubrificação do motor.
• O INSITE™ pode ser usado para monitorar a voltagem do sinal de pressão do óleo que chega até o ECM.
• Certifique-se de estar usando o sensor de pressão/temperatura do óleo de número correto.
• Se os Códigos de Falha 239 e 135 estiverem ativos, faça primeiro o diagnóstico de falha do Código de
Falha 239.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 135
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-87

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3164111 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
No. 3164113 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
ou não presentes
PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do óleo.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
sensor de pressão/temperatura do
óleo e do chicote do motor.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 135 ativo
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de 10 a 10M ohms
pressão/temperatura do óleo.
PASSO 2D: Meça a voltagem de alimentação. 4,75 a 5,25 VCC
PASSO 2E: Meça a voltagem de sinal. 0,10 a 0,25 VCC
PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação entre 4,75 a 5,25 VCC
o conector sensor do chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 2G: Verifique a resistência de retorno entre o Menos de 10 ohms
conector sensor do chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.
PASSO 3A Inspecione o chicote do motor e os pinos Não há pinos danificados
conectores do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 135 ou
outros códigos com aumento
de contagens ou ativos
PASSO 3C: Leia os códigos de falha. Código de Falha 135 ativo
PASSO 3D: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3E: Verifique a resistência entre o ECM e Menos de 10 ohms
o terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 4: Verifique o ECM.
PASSO 4A Verifique a voltagem do sinal entre o ECM e 0,10 a 0,25 VCC
o terminal negativo (-) da bateria.
Código de Falha 135 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-88 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4B: Meça a voltagem de alimentação do ECM. 4,75 a 5,25 VCC


PASSO 5: Apague os códigos de falha.
PASSO 5A Desabilite o código de falha. Código de Falha 135 inativo
PASSO 5B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha apagados

PASSO DE DIAGNÓSTICO DE FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352 ou 386
usando o INSITE™. inativos ou não estão presentes
NÃO OK Vá para os diagramas
Faça primeiro o diagnóstico de falhas dos Códigos de diagnósticos de
187, 227, 238, 239, 352 ou 386. falha apropriados

PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do óleo.


PASSO 2A: Inspecione os pinos sensor de pressão/temp. de óleo e do conector do chicote do motor.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o chicote do motor e o OK 2B
sensor de pressão/temperatura do óleo Não há pinos danificados
apresentam:
NÃO OK 5A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos pinos
expandidos. conectores. Se houver pinos danificados, repare
ou substitua o chicote do motor, ou substitua o
• Umidade dentro ou sobre o conector
sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos dos conectores com o limpador de
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos contato elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-204.
• Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de pressão/temperatura
do óleo. Consulte o Procedimento 019-155.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 135
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-89

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e opere-o em Código de Falha 135 ativo
marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 3B
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™. Código de Falha 135 inativo.

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de pressão/temperatura do óleo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do conector do chicote do motor.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Verifique a resistência do sensor de OK 2D
pressão/temperatura do óleo. 10 a 10M ohms
• Meça a resistência entre os pinos 3 e
4 do sensor de pressão/temperatura NÃO OK 5A
do óleo. Substitua o sensor de pressão/temperatura
do óleo
Consulte o Procedimento 019-155.
Código de Falha 135 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-90 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2D: Meça a voltagem de alimentação.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do conector do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem de alimentação. OK 2E
• Meça a voltagem de alimentação 4,75 a 5,25 VCC
entre os pinos 1 e 3 do conector
sensor do chicote do motor. NÃO OK 2F
Não atende as especificações.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 135
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-91

PASSO 2E: Meça a voltagem do sinal.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem do sinal. OK 3A
• Meça a voltagem do sinal entre o pino 0,10 a 0,25 VCC
4 do conector sensor do chicote do
motor e o terminal negativo (-) da NÃO OK 4A
bateria. Não atende as especificações.
Código de Falha 135 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-92 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação entre o conector sensor do chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação entre OK 2G
o conector sensor do chicote do motor e o 4,75 a 5,25 VCC
terminal negativo (-) da bateria.
• Meça a voltagem entre o pino 3 do NÃO OK 4B
conector sensor do chicote do motor e Não atende as especificações.
o terminal negativo (-) da bateria.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 135
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-93

PASSO 2G: Verifique a resistência de retorno entre o conector sensor do chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote utilize a ponta de testa abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência de retorno entre o OK 5A
conector sensor do chicote do motor e o Menos de 10 ohms
terminal negativo (-) da bateria.
• Meça a resistência entre o pino 1 do
conector sensor do chicote do motor e NÃO OK 3A
o terminal negativo (-) da bateria.
Código de Falha 135 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-94 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 3A: Inspecione o chicote do motor e os pinos dos conectores do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do OK 3C
chicote do motor e do ECM e verifique Não há pinos danificados
se há:
NÃO OK 5A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos dos conectores. Se houver pinos
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector
motor, ou substitua o ECM.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
NOTA: Puxe suavemente cada fio estiver danificada ou ausente.
para certificar-se de que o mesmo • Repare o chicote do motor.
esteja firme no conector e que não Consulte o Procedimento 019-236.
esteja torcido para trás.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 5B
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 135 ativo ou outros códigos
operar em marcha lenta durante com aumento de contagem ou ativos
1 minuto. Repare ou substitua o conector defeituoso que
• Monitore os códigos de falha usando causou aumento de contagem da falha
o INSITE™, enquanto movimenta o enquanto o chicote do motor era movimentado.
chicote do motor entre o sensor de
NÃO OK 5B
pressão/temperatura do óleo e os
conectores do ECM. Código de Falha 135 ativo ou outros códigos
sem aumento de contagem ou ativos.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 135
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-95

PASSO 3C: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3D
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 135 ativo
durante 1 minuto.
NÃO OK 5B
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™.
Código de Falha 135 inativo.

PASSO 3D: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 5A
• Meça a resistência entre o pino 9 do conector Menos de 10 ohms
de 36 pinos do chicote do motor e o pino 3 do
conector do sensor. NÃO OK 3E
• Meça a resistência entre o pino 19 do Repare ou substitua o chicote do OEM
conector de 36 pinos do chicote do motor e o • Repare o chicote do OEM. Consulte
pino 1 do conector do sensor. o Procedimento 019-204 ou 019-236.
• Meça a resistência entre o pino 33 do • Substitua o chicote do OEM.
conector de 36 pinos do chicote do motor e o Consulte o Procedimento 019-071.
pino 4 do conector do sensor.
Código de Falha 135 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-96 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3E: Verifique a resistência entre o ECM e o terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência entre o ECM e o terminal OK 4A
negativo (-) da bateria. Menos de 10 ohms
• Meça a voltagem entre o pino 19 do ECM e o NÃO OK 5A
terminal negativo (-) da bateria.
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 135
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-97

PASSO 4: Verifique o ECM.


PASSO 4A: Verifique a voltagem do sinal entre o ECM e o terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem do sinal entre o OK 5A
ECM e o terminal negativo (-) da bateria. 0,10 a 0,25 VCC
• Meça a voltagem entre o pino 33 do Repare ou substitua o chicote do motor
ECM e o terminal negativo (-) da
bateria.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
NÃO OK 5A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 135 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-98 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4B: Meça a voltagem de alimentação do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de saída do ECM. OK 5A
• Meça a voltagem entre os pinos 9 e 19 4,75 a 5,25 VCC
do ECM.
NÃO OK 5A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 135
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-99

PASSO 5: Apague os códigos de falha.


PASSO 5A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 5B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 135 inativo
durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
135 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 5B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 141 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-100 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 141


Circuito do Sensor de Pressão do Óleo

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 141 Detectada baixa voltagem no pino Usado o valor padrão para a pressão do
PID(P), SID(S): P100 de sinal de pressão do óleo. óleo. Nenhuma proteção do motor para a
SPN: 100 pressão do óleo.
FMI: 4
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Pressão do Óleo

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do óleo é usado pelo ECM para monitorar a pressão do óleo lubrificante. O
ECM monitora a voltagem no pino de sinal e a converte para um valor de pressão que é usado pelo ECM para o
sistema de proteção do motor.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do óleo está localizado no bloco do motor, abaixo do coletor de escape e
próximo da carcaça do filtro de óleo.
Dicas para a Oficina:
• Se o Código de Falha 143 ou 415 não estiver ativo, o problema não estará relacionado ao sistema de
lubrificação do motor.
• O INSITE™ pode ser usado para monitorar a voltagem do sinal de pressão do óleo que chega até o ECM.
• Certifique-se de estar usando o sensor de pressão/temperatura do óleo de número correto.
• Se os Códigos de Falha 141 e 238 estiverem ativos, faça primeiro o diagnóstico do Código de Falha 238.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 141
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-101

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3164111 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
No. 3164113 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
ou não presentes
PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do óleo.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
sensor de pressão/temperatura do
óleo e do chicote do motor.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 141 ativo
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de 10 a 10M ohms
pressão/temperatura do óleo.
PASSO 2D: Meça a voltagem de alimentação. 4,75 a 5,25 VCC
PASSO 2E: Meça a voltagem do sinal. 0,10 a 0,25 VCC
PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação entre 4,75 a 5,25 VCC
o conector sensor do chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 2G: Verifique a resistência de retorno entre o Menos de 10 ohms
conector sensor do chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.
PASSO 3A Inspecione o chicote do motor e os pinos Não há pinos danificados
conectores do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 141 ou
outros códigos com aumento
de contagens ou ativos
PASSO 3C: Leia os códigos de falha. Código de Falha 141 ativo
PASSO 3D: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3E: Verifique a resistência entre o ECM e Menos de 10 ohms
o terminal negativo (-) da bateria.
PASSO 4: Verifique o ECM.
PASSO 4A Verifique a voltagem do sinal entre o ECM e 0,10 a 0,25 VCC
o terminal negativo (-) da bateria.
Código de Falha 141 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-102 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4B: Meça a voltagem de alimentação do ECM. 4,75 a 5,25 VCC


PASSO 5: Apague os códigos de falha.
PASSO 5A Desabilite o código de falha. Código de Falha 141 inativo
PASSO 5B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha apagados

PASSO DE DIAGNÓSTICO DE FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352 ou 386
usando o INSITE™. inativos ou não estão presentes
NÃO OK Vá para os diagramas
Faça primeiro o diagnóstico de falhas dos Códigos de diagnóstico de
187, 227, 238, 239, 352 ou 386. falhas apropriados

PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do óleo.


PASSO 2A: Inspecione os pinos do sensor de pressão/temp. do óleo e do conector do chicote do motor.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o chicote do motor e o OK 2B
sensor de pressão/temperatura do óleo Não há pinos danificados
apresentam:
NÃO OK 5A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos pinos
expandidos. conectores. Se houver pinos danificados, repare
ou substitua o chicote do motor, ou substitua o
• Umidade dentro ou sobre o conector
sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-204.
• Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de pressão/temperatura
do óleo. Consulte o Procedimento 019-155.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 141
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-103

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e opere-o em Código de Falha 141 ativo
marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 3B
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™. Código de Falha 141 inativo.

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de pressão/temperatura do óleo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do conector do chicote do motor.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Verifique a resistência do sensor de OK 2D
pressão/temperatura do óleo. 10 a 10M ohms
• Meça a resistência entre os pinos 3 e
4 do sensor de pressão/temperatura NÃO OK 5A
do óleo. Substitua o sensor de pressão/temperatura
do óleo
Consulte o Procedimento 019-155.
Código de Falha 141 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-104 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2D: Meça a voltagem de alimentação.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do conector do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem de alimentação. OK 2E
• Meça a voltagem de alimentação 4,75 a 5,25 VCC
entre os pinos 1 e 3 do conector
sensor do chicote do motor. NÃO OK 2F
Não atende as especificações.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 141
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-105

PASSO 2E: Meça a voltagem do sinal.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem do sinal. OK 3A
• Meça a voltagem de sinal entre o pino 0,10 a 0,25 VCC
4 do conector sensor do chicote do
motor e o terminal negativo (-) da NÃO OK 4A
bateria. Não atende as especificações.
Código de Falha 141 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-106 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação entre o conector sensor do chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação entre OK 2G
o conector sensor do chicote do motor e o 4,75 a 5,25 VCC
terminal negativo (-) da bateria.
• Meça a voltagem entre o pino 3 do NÃO OK 4B
conector sensor do chicote do motor e Não atende as especificações.
o terminal negativo (-) da bateria.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 141
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-107

PASSO 2G: Verifique a resistência de retorno entre o conector sensor do chicote do motor e o
terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência de retorno entre o OK 5A
conector sensor do chicote do motor e o Menos de 10 ohms
terminal negativo (-) da bateria.
• Meça a resistência entre o pino 1 do
conector sensor do chicote do motor e NÃO OK 3A
o terminal negativo (-) da bateria.
Código de Falha 141 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-108 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 3A: Inspecione o chicote do motor e os pinos conectores do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector do chicote de 36 pinos do motor.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do OK 3C
chicote do motor e do ECM e verifique Não há pinos danificados
se há:
NÃO OK 5A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos dos conectores. Se houver pinos
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector
motor, ou substitua o ECM.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
NOTA: Puxe suavemente cada fio estiver danificada ou ausente.
para certificar-se de que o mesmo • Repare o chicote do motor.
esteja firme no conector e que não Consulte o Procedimento 019-236.
esteja torcido para trás.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 5B
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 141 ativo ou outros códigos
operar em marcha lenta durante 1 com aumento de contagem ou ativos
minuto. Repare ou substitua o conector defeituoso que
• Monitore os códigos de falha usando causou aumento de contagem da falha
o INSITE™, enquanto movimenta o enquanto o chicote do motor era movimentado.
chicote do motor entre o sensor de
NÃO OK 5B
pressão/temperatura do óleo e os
conectores do ECM. Código de Falha 141 ativo ou outros códigos
sem aumento de contagem ou ativos.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 141
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-109

PASSO 3C: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3D
• Dê a partida no motor e deixe-o operar em Código de Falha 141 ativo
marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 5B
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™.
Código de Falha 141 inativo.

PASSO 3D: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector do chicote de 36 pinos do motor.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 5A
• Meça a resistência entre o pino 9 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e
o pino 3 do conector do sensor. NÃO OK 3E
Repare ou substitua o chicote do OEM
• Meça a resistência entre o pino 19 do
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do OEM. Consulte
o pino 1 do conector do sensor. o Procedimento 019-204 ou 019-236.
• Meça a resistência entre o pino 33 do • Substitua o chicote do OEM.
conector de 36 pinos do chicote do motor e Consulte o Procedimento 019-071.
o pino 4 do conector do sensor.
Código de Falha 141 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-110 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3E: Verifique a resistência entre o ECM e o terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência entre o ECM e o terminal OK 4A
negativo (-) da bateria. Menos de 10 ohms
• Meça a voltagem entre o pino 19 do ECM e o NÃO OK 5A
terminal negativo (-) da bateria.
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 141
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-111

PASSO 4: Verifique o ECM.


PASSO 4A: Verifique a voltagem do sinal entre o ECM e o terminal negativo (-) da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem do sinal entre o OK 5A
ECM e o terminal negativo (-) da bateria. 0,10 a 0,25 VCC
• Meça a voltagem entre o pino 33 do Repare ou substitua o chicote do motor
ECM e o terminal negativo (-) da
bateria.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
NÃO OK 5A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 141 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-112 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4B: Meça a voltagem de alimentação do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte o conector de 36 pinos do chicote do motor, do ECM.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de saída do ECM. OK 3A
• Meça a voltagem entre os pinos 9 e 19 4,75 a 5,25 VCC
do ECM.
NÃO OK 5A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 141
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-113

PASSO 5: Apague os códigos de falha.


PASSO 5A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 5B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 141 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
141 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 5B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 143 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-114 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 143


Pressão do Óleo – Proteção do Motor

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 143 O sinal de pressão do óleo indica Redução de potência e/ou de rotação e
PID(P), SID(S): P100 que a pressão do óleo está abaixo possível parada do motor se o recurso de
SPN: 100 do limite de proteção do motor. proteção do motor estiver habilitado.
FMI: 1/18
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Pressão do Óleo

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do óleo é usado pelo ECM para monitorar a pressão do óleo lubrificante. O
ECM monitora a voltagem no pino do sinal e a converte para um valor de pressão que é utilizado pelo ECM
para o sistema de proteção do motor.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do óleo está localizado no bloco do motor, abaixo do coletor de admissão e
próximo da carcaça do filtro de óleo.
Dicas para a Oficina:
• Certifique-se de que a voltagem de alimentação do sensor de pressão/temperatura do óleo tenha um valor
entre (+) 4,75 e 5,25 VCC no sensor.
• Verifique, com o motorista, a rotação do motor na qual a falha ocorre. Se o motor estiver sendo operado a
uma rotação muito baixa em condição de carga, a pressão do óleo poderá cair abaixo dos limites de
proteção do motor.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 143
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-115

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A: Verifique o nível do óleo. Nível do óleo dentro das
especificações
PASSO 1B: Verifique a precisão do sensor com um A leitura do sensor está
medidor mecânico. correta
PASSO 2: Apague os códigos de falha.
PASSO 2A Desabilite o código de falha. Código de Falha 143 inativo
PASSO 2B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados

PASSO DE REPARO DE FALHA


PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A: Verifique o nível do óleo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique o nível de óleo do motor. OK 1B
Nível de óleo dentro das especificações
NÃO OK 2A
Nível de óleo baixo
Complete segundo as especificações.

PASSO 1B: Verifique a precisão do sensor com um medidor mecânico.


Condição:
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a precisão do sensor usando um OK 2A
medidor mecânico. A leitura do sensor está correta
• Conecte um medidor mecânico de
pressão do óleo no motor.
• Conecte o INSITE™ ao datalink do
veículo.
NÃO OK 2A
• Dê a partida no motor e compare a
leitura da pressão do óleo na tela de Substitua o sensor de pressão/
monitoração da ferramenta eletrônica de temperatura do óleo
serviço com a leitura exibida no medidor Consulte o Procedimento 019-155.
mecânico.
NOTA: Se necessário, aumente a
rotação do motor para visualizar mais
facilmente as diferenças nas leituras.
Código de Falha 143 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-116 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2: Apague os códigos de falha.


PASSO 2A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 2B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 143 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
143 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
NOTA: Se a falha ocorreu em uma dada Serviços Cummins local depois de
rotação, opere o motor nessa rotação completar e verificar todos os passos
para verificar se o problema foi corrigido. novamente.

PASSO 2B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 144
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-117

Código de Falha 144


Circuito do Sensor de Temperatura do Líquido de Arrefecimento

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 144 Detectada alta voltagem no pino É usado o valor padrão da temperatura do
PID(P), SID(S): P110 de sinal de temperatura do líquido líquido de arrefecimento. Não há proteção
SPN: 110 de arrefecimento. do motor para a temperatura do líquido de
FMI: 3 arrefecimento.
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Temperatura do Líquido de Arrefecimento

Descrição do Circuito:
O sensor de temperatura do líquido de arrefecimento é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do
líquido de arrefecimento que é utilizada pelo ECM para os controles de sincronização e alimentação de
combustível.
Localização do Componente:
O sensor de temperatura do líquido de arrefecimento está localizado na frente da carcaça do termostato.
Código de Falha 144 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-118 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Dicas para a Oficina:


Se o sensor estiver funcionando corretamente, suas leituras corresponderão aos valores mostrados na tabela
abaixo.

Temperatura (ºC) Temperatura [ºF] Resistência (Ohms)


0 32 5k a 7k
25 77 1700 a 2500
50 122 700 a 1000
75 167 300 a 450
100 212 150 a 220
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 144
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-119

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

ADVERTÊNCIA
Não remova a tampa de pressão do radiador de um motor quente. Aguarde o líquido de arrefecimento
esfriar até 50º C [120º F] antes de removê-la. O vapor ou borrifo de líquido de arrefecimento quente
poderá causar graves ferimentos.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
PASSO 2: Verifique o sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do motor e do sensor de temperatura do
líquido de arrefecimento.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 144 ativo
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de 50 a 10k ohms (Consulte
temperatura do líquido de arrefecimento. "Dicas para a Oficina")
PASSO 3: Verifique o chicote do motor.
PASSO 3A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do motor e do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 144 ativo
PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3D: Verifique se há um curto circuito com a Mais de 100k ohms
massa.
PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a Mais de 100k ohms
pino.
PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do Código de Falha 144 inativo
ECM. Código de Falha 145 ativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A Desabilite o código de falha. Código de Falha 144 inativo
PASSO 4B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados
Código de Falha 144 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-120 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE DIAGNÓSTICO DE FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha usando o Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352
INSITE™. ou 386 não estão ativos
NÃO OK 4A
Faça primeiro o diagnóstico de falha dos
códigos 187, 227, 238, 239, 352 e 386.

PASSO 2: Verifique o sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do sensor de temperatura do
líquido de arrefecimento.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o chicote do motor e o sensor OK 2B
de temperatura do líquido de arrefecimento Não há pinos danificados
apresentam:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou expandidos Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
danificados, repare ou substitua o chicote
• Vedações de conector danificadas ou do motor, ou substitua o sensor de
ausentes. temperatura do líquido de arrefecimento.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
conectores. nos pinos conectores com o limpador
de contato elétrico, No. 3824510.
• Instale a vedação do conector correta
se estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-202.
• Substitua o chicote do motor. Consulte
o Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de temperatura do
líquido de arrefecimento. Consulte o
Procedimento 019-019.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 144
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-121

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 144 ativo
INSITE™.
NÃO OK 4B
Código de Falha 144 inativo.

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência do sensor de OK 3A
temperatura do líquido de arrefecimento. 50 a 10k ohms (Consulte "Dicas para a
• Meça a resistência entre os pinos 1 e Oficina")
2 do sensor de temperatura do líquido
de arrefecimento. NÃO OK 4A
Substitua o sensor de temperatura do
líquido de arrefecimento
Consulte o Procedimento 019-019.
Código de Falha 144 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-122 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Verifique o chicote do motor.


PASSO 3A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do OK 3B
chicote do motor e do ECM e verifique Não há pinos danificados
se há:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos dos conectores. Se houver pinos
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector
motor, ou substitua o ECM.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
NOTA: Puxe suavemente cada fio estiver danificada ou ausente.
para certificar-se de que o mesmo • Repare o chicote do motor.
esteja firme no conector e que não Consulte o Procedimento 019-236.
esteja torcido para trás.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3C
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 144 ativo
INSITE™. NÃO OK 4B
Código de Falha 144 inativo.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 144
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-123

PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 3D
• Meça a resistência entre o pino 18 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 4A
o pino 1 no lado do chicote do sensor de Repare ou substitua o chicote do
temperatura do líquido de arrefecimento. motor
• Meça a resistência entre o pino 36 do • Repare o chicote do motor.
conector de 36 pinos do chicote do motor e Consulte o Procedimento 019-202
o pino 2 do conector do sensor de ou 019-236.
temperatura do líquido de arrefecimento no
lado do chicote. • Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
Código de Falha 144 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-124 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 3E
• Meça a resistência entre o pino 18 do Mais de 100k ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e a NÃO OK 4A
massa do bloco do motor.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 36 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e a
massa do bloco do motor. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 144
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-125

PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 3F
• Meça a resistência entre o pino 18 do Mais de 100k ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 4A
todos os outros pinos do conector.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 36 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e
todos os outros pinos do conector. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
Código de Falha 144 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-126 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do ECM. OK 4A
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™. Código de Falha 144 inativo
Código de Falha 145 ativo
NÃO OK 4A
Código de Falha 144 ativo
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 144 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
144 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 145
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-127

Código de Falha 145


Circuito do Sensor de Temperatura do Líquido de Arrefecimento

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 145 Detectada baixa voltagem no pino É usado o valor padrão da temperatura do
PID(P), SID(S): P110 de sinal de temperatura do líquido líquido de arrefecimento.
SPN: 110 de arrefecimento.
FMI: 4
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Temperatura do Líquido de Arrefecimento

Descrição do Circuito:
O sensor de temperatura do líquido de arrefecimento é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do
líquido de arrefecimento. que é utilizada pelo ECM para os controles de sincronização e alimentação de
combustível.
Localização do Componente:
O sensor de temperatura do líquido de arrefecimento está localizado na frente da carcaça do termostato.
Código de Falha 145 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-128 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Dicas para a Oficina:


Se o sensor estiver funcionando corretamente, suas leituras corresponderão aos valores mostrados na tabela
abaixo.

Temperatura (ºC) Temperatura [ºF] Resistência (Ohms)


0 32 5k a 7k
25 77 1700 a 2500
50 122 700 a 1000
75 167 300 a 450
100 212 150 a 220
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 145
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-129

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

ADVERTÊNCIA
Não remova a tampa de pressão do radiador de um motor quente. Aguarde o líquido de arrefecimento
esfriar até 50º C [120º F] antes de removê-la. O vapor ou borrifo de líquido de arrefecimento quente
poderá causar ferimentos graves.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
No. 3164111 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
No. 3164113 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
PASSO 2: Verifique o sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do motor e do sensor de temperatura do
líquido de arrefecimento.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 145 ativo
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de 50 a 10k ohms (Consulte
temperatura do líquido de arrefecimento. "Dicas para a Oficina")
PASSO 3: Verifique o chicote do motor.
PASSO 3A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do motor e do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 145 inativo
PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3D: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a Mais de 100k ohms
pino.
PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do Código de Falha 145 inativo
ECM. Código de Falha 144 ativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A Desabilite o código de falha. Código de Falha 145 inativo
PASSO 4B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados
Código de Falha 145 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-130 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha usando o Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352
INSITE™. ou 386 não estão ativos
NÃO OK 4A
Faça primeiro o diagnóstico de falhas dos
códigos 187, 227, 238, 239, 352 e 386.

PASSO 2: Verifique o sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do sensor de temperatura do
líquido de arrefecimento.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o chicote do motor e o sensor OK 2B
de temperatura do líquido de arrefecimento Não há pinos danificados
apresentam:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou expandidos Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector
danificados, repare ou substitua o chicote
• Vedações de conector danificadas ou do motor, ou substitua o sensor de
ausentes. temperatura do líquido de arrefecimento.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
conectores. nos pinos conectores com o limpador
de contato elétrico, No. 3824510.
• Instale a vedação do conector correta
se estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-202.
• Substitua o chicote do motor. Consulte
o Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de temperatura do
líquido de arrefecimento. Consulte o
Procedimento 019-019.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 145
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-131

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 145 ativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
• Leia os códigos de falha usando o NÃO OK 4B
INSITE™. Código de Falha 144 inativo.

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência do sensor de OK 3A
temperatura do líquido de arrefecimento. 50 a 10k ohms (Consulte "Dicas para a
• Meça a resistência entre os pinos 1 e Oficina")
2 do sensor de temperatura do líquido
de arrefecimento. NÃO OK 4A
Substitua o sensor de temperatura do
líquido de arrefecimento
Consulte o Procedimento 019-019.
Código de Falha 145 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-132 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Verifique o chicote do motor.


PASSO 3A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do OK 3B
chicote do motor e do ECM e verifique Não há pinos danificados
se há:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos dos conectores. Se houver pinos
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector
motor, ou substitua o ECM.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
NOTA: Puxe suavemente cada fio estiver danificada ou ausente.
para certificar-se de que o mesmo • Repare o chicote do motor.
esteja firme no conector e que não Consulte o Procedimento 019-236.
esteja torcido para trás.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 145 ativo
operar em marcha lenta durante 1 NÃO OK 4B
minuto.
Código de Falha 145 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 145
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-133

PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 3D
• Meça a resistência entre o pino 18 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 4A
o pino 1 do conector do sensor de Repare ou substitua o chicote do
temperatura do líquido de arrefecimento no motor
lado do chicote.
• Repare o chicote do motor.
• Meça a resistência entre o pino 36 do Consulte o Procedimento 019-202
conector de 36 pinos do chicote do motor e ou 019-236.
o pino 2 do conector do sensor de
temperatura do líquido de arrefecimento no • Substitua o chicote do motor.
lado do chicote. Consulte o Procedimento 019-043.
Código de Falha 145 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-134 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de prova macho Bosch® tipo pino (redondo).
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 3E
• Meça a resistência entre o pino 18 do Mais de 100k ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e a NÃO OK 4A
massa do bloco do motor.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 36 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e a
massa do bloco do motor. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 145
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-135

PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 3F
• Meça a resistência entre o pino 18 do Mais de 100k ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 4A
todos os outros pinos do conector.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 36 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e
todos os outros pinos do conector. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
Código de Falha 145 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-136 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do líquido de arrefecimento.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do ECM. OK 4A
• Curto-circuite o pino 2 do conector sensor do Código de Falha 145 inativo
chicote do motor com a fonte de +5 VCC. Código de Falha 144 ativo
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™.
NÃO OK 4A
Código de Falha 145 ativo
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 145
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-137

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 145 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
145 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de
falha ativos. falhas.apropriados.
Código de Falha 146 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-138 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 146


Temperatura do Líquido de Arrefecimento - Proteção do Motor

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 146 O sinal de temperatura do líquido Perda de potência e possível parada do
PID(P), SID(S): P110 de arrefecimento indica que a motor se o recurso de parada de proteção
SPN: 110 temperatura excedeu o limite do motor estiver habilitado.
FMI: 0 mínimo proteção do motor.
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Temperatura do Líquido de Arrefecimento

Descrição do Circuito:
O sensor de temperatura do líquido de arrefecimento é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do
líquido de arrefecimento que é utilizada pelo ECM para o sistema de proteção do motor e controles de
sincronização e alimentação de combustível.
Localização do Componente:
O sensor de temperatura do líquido de arrefecimento está localizado sobre a carcaça do termostato.
Dicas para a Oficina:
Certifique-se de que o fluxo de ar através do radiador não esteja obstruído e que o termostato do motor esteja
funcionando corretamente.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 146
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-139

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS


PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT
PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A Verifique a precisão do sensor com um A leitura do sensor está
termopar ou dispositivo equivalente. correta
PASSO 2: Apague os códigos de falha.
PASSO 2A Desabilite o código de falha. Código de Falha 146 inativo
PASSO 2B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A: Verifique a precisão do sensor com um termopar ou dispositivo equivalente.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a precisão do sensor com um OK 2A
termopar ou dispositivo equivalente. A leitura do sensor está correta
• Conecte o medidor de temperatura no Consulte o Manual de Diagnóstico de
motor, próximo ao sensor de temperatura Falhas e Reparos dos Motores Série
do líquido de arrefecimento. ISBe (4 e 6 cilindros), Boletim 3653241.
• Conecte o INSITE™ no datalink do veículo.
NÃO OK 2A
• Compare a leitura da temperatura do
líquido de arrefecimento na tela de A leitura do sensor está incorreta
monitoração da ferramenta de serviço e a Substitua o sensor de temperatura do
leitura obtida com o medidor. líquido de arrefecimento. Consulte o
NOTA: Se não houver um medidor de Procedimento 019-019.
temperatura disponível, responda "OK"
neste passo.

PASSO 2: Apague os códigos de falha.


PASSO 2A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 2B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar em Código de Falha 146 inativo
marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Verifique se o Código de Falha 146 está
inativo usando o INSITE™. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte um Posto Autorizado
de Serviços Cummins após completar e
verificar todos os passos novamente.
Código de Falha 146 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-140 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 151
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-141

Código de Falha 151


Temperatura do Líquido de Arrefecimento - Proteção do Motor

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 151 O sinal de temperatura do líquido Perda de potência e/ou queda na rotação
PID(P), SID(S): P110 de arrefecimento indica que a e possível parada do motor se o recurso
SPN: 110 temperatura excedeu o limite de de parada de proteção do motor estiver
FMI: 0 proteção do motor. habilitado.
Luz: Vermelha

Circuito do Sensor de Temperatura do Líquido de Arrefecimento

Descrição do Circuito:
O sensor de temperatura do líquido de arrefecimento é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do
líquido de arrefecimento que é utilizada pelo ECM para o sistema de proteção do motor e controles de
sincronização e alimentação de combustível.
Localização do Componente:
O sensor de temperatura do líquido de arrefecimento está localizado sobre a carcaça do termostato.
Dicas para a Oficina:
Certifique-se de que o fluxo de ar através do radiador não esteja obstruído e que o termostato do motor esteja
funcionando corretamente.
Código de Falha 151 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-142 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS


PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT
PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A Verifique a precisão do sensor com um A leitura do sensor está
termopar ou dispositivo equivalente. correta
PASSO 2: Apague os códigos de falha.
PASSO 2A Desabilite o código de falha. Código de Falha 151 inativo
PASSO 2B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A: Verifique a precisão do sensor com um termopar ou dispositivo equivalente.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a precisão do sensor com um OK 2A
termopar ou dispositivo equivalente. A leitura do sensor está correta
• Conecte o medidor de temperatura no Consulte o Manual de Diagnóstico de
motor, próximo ao sensor de temperatura Falhas e Reparos dos dos Motores
do líquido de arrefecimento. Série ISBe (4 e 6 cilindros), Boletim
• Conecte o INSITE™ no datalink do veículo. 3653241
• Compare a leitura da temperatura do NÃO OK 2A
líquido de arrefecimento na tela de
monitoração da ferramenta de serviço e a A leitura do sensor está incorreta
leitura obtida com o medidor. Substitua o sensor de temperatura
NOTA: Se não houver um medidor de do líquido de arrefecimento
temperatura disponível, responda "OK" Consulte o Procedimento 019-019.
neste passo.

PASSO 2: Apague os códigos de falha.


PASSO 2A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 2B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar em Código de Falha 151 inativo
marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha 151
esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte um Posto Autorizado
de Serviços Cummins após completar e
verificar todos os passos novamente.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 151
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-143

PASSO 2B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 153 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-144 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 153


Circuito do Sensor de Temperatura do Coletor de Admissão

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 153 Detectada alta voltagem no pino É usado o valor padrão da temperatura do
PID(P), SID(S): P105 do sinal de temperatura do coletor coletor de admissão. Não há proteção do
SPN: 105 de admissão. motor para a temperatura do coletor de
FMI: 3 admissão.
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Temperatura do Coletor de Admissão

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do
ar de admissão do motor. O sinal da temperatura do ar de admissão é utilizado pelo ECM para controle do
sistema de proteção do motor, auxílio de partida à frio e sincronização e alimentação de combustível.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão está localizado na carcaça do coletor de admissão.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 153
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-145

Dicas para a Oficina:


Se o sensor estiver funcionando corretamente, suas leituras corresponderão aos valores mostrados na tabela
abaixo.

Temperatura (ºC) Temperatura [ºF] Resistência (Ohms)


0 32 5k a 7k
25 77 1700 a 2500
50 122 700 a 1000
75 167 300 a 450
100 212 150 a 220
Código de Falha 153 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-146 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. de Peça 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. de Peça 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
No. de Peça 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do motor e do sensor de pressão/
temperatura do coletor de admissão.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 153 ativo
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de 50 a 10k ohms
pressão/temperatura do coletor de (Consulte "Dicas para a
admissão. Oficina")
PASSO 3: Verifique o chicote do motor.
PASSO 3A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do motor e do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 153 ativo
PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3D: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a Mais de 100k ohms
pino.
PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do Código de Falha 153 inativo
ECM. Código de Falha 154 ativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A Desabilite o código de falha. Código de Falha 153 inativo
PASSO 4B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 153
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-147

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha usando o Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352
INSITE™. ou 386 não estão ativos
NÃO OK 4A
Faça primeiro o diagnóstico de falhas dos
Códigos 187, 227, 238, 239, 352 ou 386.

PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do sensor de pressão/
temperatura do coletor de admissão.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o chicote do motor e o sensor OK 2B
de pressão/temperatura do coletor de Não há pinos danificados
admissão apresentam:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou expandidos Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
danificados, repare ou substitua o chicote
• Vedações de conector danificadas ou do motor, ou substitua o sensor de
ausentes. pressão/temperatura do coletor de
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos admissão.
conectores. • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
nos pinos conectores com o limpador
de contato elétrico, No. 3824510.
• Instale a vedação do conector correta
se estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-204.
• Substitua o chicote do motor. Consulte
o Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de pressão/
temperatura do coletor de admissão.
Consulte o Procedimento 019-159.
Código de Falha 153 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-148 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 153 ativo
operar em marcha lenta por 1 minuto.
NÃO OK 4B
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™. Código de Falha 153 inativo.

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência do sensor de OK 3A
pressão/temperatura do coletor de 50 a 10k ohms (Consulte "Dicas para a
admissão. Oficina")
• Meça a resistência entre os pinos 1 e NÃO OK 4A
2 do sensor de pressão/temperatura
do coletor de admissão. Substitua o sensor de pressão/temperatura
do coletor de admissão
Consulte o Procedimento 019-159.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 153
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-149

PASSO 3: Verifique o chicote do motor.


PASSO 3A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do OK 3B
chicote do motor e do ECM e verifique Não há pinos danificados
se há:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos dos conectores. Se houver pinos
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector
motor, ou substitua o ECM.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
NOTA: Puxe suavemente cada fio estiver danificada ou ausente.
para certificar-se de que o mesmo • Repare o chicote do motor.
esteja firme no conector e que não Consulte o Procedimento 019-236.
esteja torcido para trás.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 153 ativo
operar em marcha lenta durante NÃO OK 4B
1 minuto.
Código de Falha 153 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
Código de Falha 153 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-150 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 3D
• Meça a resistência entre o pino 21 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 4A
o pino 1 do sensor de pressão/temperatura Repare ou substitua o chicote do
do coletor de admissão, no lado do chicote. motor
• Meça a resistência entre o pino 29 do • Repare o chicote do motor.
conector de 36 pinos do chicote do motor e Consulte o Procedimento 019-236
o pino 2 do conector do sensor de pressão/ ou 019-204.
temperatura do coletor de admissão, no
lado do chicote. • Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 133
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-151

PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 3E
• Meça a resistência entre o pino 21 do Mais de 100k ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e a NÃO OK 4A
massa do bloco do motor.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 29 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e a
massa do bloco do motor. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
Código de Falha 153 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-152 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 3F
• Meça a resistência entre o pino 21 do Mais de 100k ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 4A
todos os outros pinos do conector.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 29 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e
todos os outros pinos do conector. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 153
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-153

PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do ECM. OK 4A
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™. Código de Falha 153 inativo
Código de Falha 154 ativo
NÃO OK 4A
Código de Falha 153 ativo
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 153 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
153 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 154 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-154 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 154


Circuito do Sensor de Temperatura do Coletor de Admissão

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 154 Detectada baixa voltagem no pino É usado o valor padrão da temperatura do
PID(P), SID(S): P105 de sinal de temperatura do coletor coletor de admissão. Não há proteção do
SPN: 105 de admissão. motor para a temperatura do coletor de
FMI: 4 admissão.
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Temperatura do Coletor de Admissão

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do
ar de admissão do motor. O sinal da temperatura do ar de admissão é utilizado pelo ECM para controle do
sistema de proteção do motor, auxílio de partida à frio e sincronização e alimentação de combustível.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão está localizado na carcaça do coletor de admissão.
.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 154
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-155

Dicas para a Oficina:


Se o sensor estiver funcionando corretamente, suas leituras corresponderão aos valores mostrados na tabela
abaixo.

Temperatura (ºC) Temperatura [ºF] Resistência (Ohms)


0 32 5k a 7k
25 77 1700 a 2500
50 122 700 a 1000
75 167 300 a 450
100 212 150 a 220
Código de Falha 154 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-156 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do motor e do sensor de pressão/
temperatura do coletor de admissão.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 154 ativo
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de 50 a 10k ohms
pressão/temperatura do coletor de (Consulte "Dicas para a
admissão. Oficina")
PASSO 3: Verifique o chicote do motor.
PASSO 3A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do motor e do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 154 ativo
PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3D: Verifique se há um curto circuito com a Mais de 100k ohms
massa.
PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a Mais de 100k ohms
pino.
PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do Código de Falha 154 inativo
ECM. Código de Falha 153 ativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A Desabilite o código de falha. Código de Falha 154 inativo
PASSO 4B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 154
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-157

PASSO DE REPARO DA FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha usando o Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352
INSITE™. ou 386 não estão ativos
NÃO OK 4A
Faça primeiro o diagnóstico de falhas dos
Códigos 187, 227, 238, 239, 352 ou 386.

PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do sensor de pressão/
temperatura do coletor de admissão.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o chicote do motor e o sensor OK 2B
de pressão/temperatura do coletor de Não há pinos danificados
admissão apresentam:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou expandidos Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
danificados, repare ou substitua o chicote
• Vedações de conector danificadas ou do motor, ou substitua o sensor de
ausentes. pressão/temperatura do coletor de
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos admissão.
conectores. • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
nos pinos conectores com o limpador
de contato elétrico, No. 3824510.
• Instale a vedação do conector correta
se estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-204.
• Substitua o chicote do motor. Consulte
o Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de pressão/
temperatura do coletor de admissão.
Consulte o Procedimento 019-159.
Código de Falha 154 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-158 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 154 ativo
operar em marcha lenta por 1 minuto.
NÃO OK 4B
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™. Código de Falha 154 inativo.

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência do sensor de OK 3A
pressão/temperatura do coletor de 50 a 10k ohms (Consulte "Dicas para a
admissão. Oficina")
• Meça a resistência entre os pinos 1 e
2 do sensor de pressão/temperatura NÃO OK 4A
do coletor de admissão. Substitua o sensor de pressão/temperatura
do coletor de admissão
Consulte o Procedimento 019-159.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 154
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-159

PASSO 3: Verifique o chicote do motor.


PASSO 3A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do OK 3B
chicote do motor e do ECM e verifique Não há pinos danificados
se há:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos dos conectores. Se houver pinos
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector
motor, ou substitua o ECM.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
NOTA: Puxe suavemente cada fio estiver danificada ou ausente.
para certificar-se de que o mesmo • Repare o chicote do motor.
esteja firme no conector e que não Consulte o Procedimento 019-236.
esteja torcido para trás.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 154 ativo
operar em marcha lenta durante NÃO OK 4B
1 minuto.
Código de Falha 154 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
Código de Falha 154 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-160 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 3D
• Meça a resistência entre o pino 21 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 4A
o pino 1 do sensor de pressão/temperatura Repare ou substitua o chicote do
do coletor de admissão, no lado do chicote. motor
• Meça a resistência entre o pino 29 do • Repare o chicote do motor.
conector de 36 pinos do chicote do motor e Consulte o Procedimento 019-236
o pino 2 do conector do sensor de pressão/ ou 019-204.
temperatura do coletor de admissão, no
lado do chicote. • Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 154
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-161

PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 3E
• Meça a resistência entre o pino 21 do Mais de 100k ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e a NÃO OK 4A
massa do bloco do motor.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 29 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e a
massa do bloco do motor. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
Código de Falha 154 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-162 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 3F
• Meça a resistência entre o pino 21 do Mais de 100k ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 4A
todos os outros pinos do conector.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 29 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e
todos os outros pinos do conector. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 154
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-163

PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do ECM. OK 4A
• Curto-circuite o pino 2 de sinal do conector Código de Falha 154 inativo
sensor do chicote do motor com a fonte de Código de Falha 153 ativo
+5 VCC.
NÃO OK 4A
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™.
Código de Falha 154 ativo
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 154 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-164 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 154 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
154 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 155
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-165

Código de Falha 155


Sensor de Pressão/Temperatura do Coletor de Admissão -
Circuito de Proteção do Motor

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 155 O sinal de temperatura do ar do Perda de potência e/ou queda na rotação
PID(P), SID(S): P105 coletor de admissão indica que a e possível parada do motor se o recurso
SPN: 105 temperatura do ar excedeu o limite de proteção do motor estiver habilitado.
FMI: 0 de proteção do motor.
Luz: Vermelha

Circuito do Sensor de Pressão/Temperatura do Coletor de Admissão

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do
ar de admissão do motor a qual é usada pelo ECM para o controle do sistema de proteção do motor,
dispositivos auxiliares de partida em climas frios e sincronização e alimentação de combustível.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do coletor de admissão está localizado na carcaça do coletor de admissão.
Dicas para a Oficina:
• Certifique-se de que a temperatura do compartimento do motor não atinja um valor muito alto (acima de
93,3º C [200º F].
• Certifique-se de que o sensor de temperatura do coletor de admissão não esteja próximo de nenhuma fonte
de calor.
• Possíveis causas:
− Elemento do filtro de ar obstruído, sujo ou de capacidade inadequada.
− Restrição na admissão.
Código de Falha 155 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-166 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS


ESPECIFICAÇÕES SRT
PASSOS
PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A Verifique a precisão do sensor com um A leitura do sensor está
termopar ou dispositivo equivalente. correta
PASSO 2: Apague os códigos de falha.
PASSO 2A Desabilite o código de falha. Código de Falha 155 inativo
PASSO 2B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A: Verifique a precisão do sensor com um termopar ou dispositivo equivalente.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a precisão do sensor com um OK 2A
termopar ou dispositivo equivalente. A leitura do sensor está correta
• Conecte o medidor de temperatura no
motor, próximo ao sensor de temperatura
do ar do coletor de admissão.
• Conecte o INSITE™ no datalink.
• Opere o motor e compare a leitura do
sensor de temperatura do coletor de
admissão na tela de monitoração do 2A
NÃO OK
INSITE™ e a leitura obtida com o medidor.
A leitura do sensor está incorreta
NOTA: Se não houver um medidor de
temperatura disponível, responda "OK" Substitua o sensor de
neste passo. pressão/temperatura do coletor de
admissão.
NOTA: As leituras possivelmente deverão
ser verificadas enquanto o motor está Consulte o Procedimento 019-159.
operando em condições normais de
temperatura (líquido de arrefecimento a
82,2º C [180º F]).
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 155
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-167

PASSO 2: Apague os códigos de falha.


PASSO 2A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 2B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar em Código de Falha 155 inativo e não
marcha lenta durante 1 minuto. ocorreu novamente
• Aplique uma carga ao motor e deixe-o
NÃO OK 1A
operar na temperatura normal (líquido de
arrefecimento a 82,2º C [180º F]). Retorne aos passos de diagnóstico de
• Certifique-se de que o Código de Falha 155 falhas ou consulte um Posto Autorizado
esteja inativo e não ocorreu novamente. de Serviços Cummins após completar e
verificar todos os passos novamente.

PASSO 2B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos com Todos os códigos de falha apagados
o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 187 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-168 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 187


Alimentação B do Sensor - Baixa Voltagem

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 187 Detectada baixa voltagem entre a Possível potência baixa.
PID(P), SID(S): S232 linha de alimentação do ECM e o
SPN: 1080 sensor de pressão da common
FMI: 4 rail.
Luz: Amarela

Alimentação B do Sensor - Circuito de Baixa Voltagem

Descrição do Circuito:
O ECM fornece uma alimentação de +5 VCC ao sensor de pressão do combustível. Se a linha de alimentação
para este sensor estiver danificada, o sensor não funcionará corretamente.
Localização do Componente:
O sensor de pressão do combustível está localizado na common rail de alta pressão, a qual encontra-se acima
da carcaça do coletor de admissão.
Dicas para a Oficina:
Uma condição de baixa voltagem na linha de alimentação de +5 VCC do sensor será causada por um curto-
circuito com a massa em uma linha de alimentação, um curto-circuito entre uma linha de alimentação e uma
linha de retorno ou uma fonte de energia defeituosa do ECM.
Se os códigos de falha 187 e 452 estiverem ativos, faça primeiro o diagnóstico do Código de Falha 187.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 187
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-169

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique o sensor de pressão da common rail.
PASSO 1A Verifique a voltagem de alimentação do 4,75 a 5,25 VCC
sensor de pressão da common rail.
PASSO 2: Verifique o chicote do motor.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do motor e do ECM.
PASSO 2B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 187 ativo
PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino a Mais de 100k ohms
pino.
PASSO 2E: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação do 4,75 a 5,25 VCC
ECM.
PASSO 3: Apague os códigos de falha.
PASSO 3A Desabilite o código de falha. Código de Falha 187 inativo
PASSO 3B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados
Código de Falha 187 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-170 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique o sensor de pressão da common rail.
PASSO 1A: Verifique a voltagem de alimentação do sensor de pressão da common rail.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão da common rail.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação do OK 2A
sensor de pressão da common rail. 4,75 a 5,25 VCC
• Meça a voltagem entre o pino 3 e o NÃO OK 3A
pino 1 do conector do sensor de
pressão da common rail. Substitua o sensor de pressão da
common rail
Consulte o Procedimento 019-115.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 187
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-171

PASSO 2: Verifique o chicote do motor.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do OK 2B
chicote do motor e do ECM e verifique Não há pinos danificados
se há:
NÃO OK 3A
• Pinos corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos dos conectores. Se houver pinos
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector
motor, ou substitua o ECM.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
NOTA: Puxe suavemente cada fio estiver danificada ou ausente.
para certificar-se de que o mesmo • Repare o chicote do motor.
esteja firme no conector e que não Consulte o Procedimento 019-236.
esteja torcido para trás.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 187 ativo
operar em marcha lenta durante 1 NÃO OK 3B
minuto.
Código de Falha 187 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
Código de Falha 187 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-172 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão da common rail.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 2D
• Meça a resistência entre o pino 12 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 3A
o pino 3 do conector do sensor. Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 20 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do motor.
o pino 1 do conector do sensor. Consulte o Procedimento 019-236
• Meça a resistência entre o pino 27 do ou 019-203.
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Substitua o chicote do motor.
o pino 2 do conector do sensor. Consulte o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 187
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-173

PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste macho Bosch® (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste macho Bosch® (pino redondo).
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão da common rail.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 2E
• Meça a resistência entre o pino 12 do Mais de 100k ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 3A
todos os outros pinos do conector.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 20 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e
todos os outros pinos do conector. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Meça a resistência entre o pino 27 do • Substitua o chicote do motor.
conector de 36 pinos do chicote do motor e Consulte o Procedimento 019-043.
todos os outros pinos do conector.
Código de Falha 187 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-174 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2E: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponte de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão da common rail.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa no OK 2F
sensor das linhas de suprimento. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 12 do NÃO OK 3A
conector de 36 pinos do chicote do motor e a
massa do bloco do motor. Repare ou substitua o chicote do
motor
• Meça a resistência entre o pino 20 do
conector de 36 pinos do chicote do motor e a • Repare o chicote do motor.
massa do bloco do motor. Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
• Meça a resistência entre o pino 27 do Consulte o Procedimento 019-043.
conector de 36 pinos do chicote do motor e a
massa do bloco do motor.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 187
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-175

PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação do ECM. OK 3A
• Meça a voltagem de alimentação de saída do 4,75 a 5,25 VCC
ECM do pino 20 ao pino 12. NÃO OK 3A
• Meça a voltagem de sinal de saída do ECM
Substitua o ECM
do pino 20 ao pino 27.
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 187 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-176 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 3B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 187 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Usando o INSITE™, certifique-se de que
o Código de Falha 187 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 3B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falha
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 197
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-177

Código de Falha 197


Nível do Líquido de Arrefecimento - Proteção do Motor

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 197 O sinal de nível do líquido de Perda de potência e redução da rotação e
PID(P), SID(S): P111 arrefecimento indica que o nível possível parada do motor se o recurso de
SPN: 111 do líquido excedeu o limite de parada de proteção do motor estiver
FMI: 1/18 proteção do motor. habilitado.
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Nível do Líquido de Arrefecimento

Descrição do Circuito:
O sensor de nível do líquido de arrefecimento monitora o nível do líquido de arrefecimento e passa as
informações para o ECM.
Localização do Componente:
Este sensor é instalado pelo OEM. Consulte o manual do OEM para obter a sua localização.
Dicas para a Oficina:
• Quando o nível do líquido de arrefecimento é menor que um determinado valor, ocorre o despotenciamento
do motor, no qual a potência de saída é reduzida em 50 porcento por um período de 30 segundos.
• Se for usado uma ponte de ligação no circuito do nível do líquido de arrefecimento, certifique-se de que o
mesmo esteja conectado corretamente.
• Verifique se há danos no chicote elétrico entre o conector de 4 pinos e o sensor de nível do líquido de
arrefecimento.
Código de Falha 197 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-178 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

ADVERTÊNCIA
Não remova a tampa de pressão do radiador de um motor quente. Para evitar ferimentos causados pelo
vapor ou borrifos do líquido quente, espere o líquido de arrefecimento esfriar até 50º C [120º F].

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
No. 3822758 - Ponta de teste macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
PASSO 2: Verifique se há um sensor de nível do líquido de arrefecimento.
PASSO 2A Verifique se o veículo possui um sensor Sensor de nível do líquido de
de nível do líquido de arrefecimento. arrefecimento instalado
PASSO 3: Certifique-se de que o nível do líquido de arrefecimento esteja baixo.
PASSO 3A Verifique o nível do líquido. Nível normal
PASSO 4: Verifique o sensor de nível do líquido de arrefecimento.
PASSO 4A Verifique se a falha ainda está ativa com o Código de Falha 197 ativo
motor funcionando.
PASSO 4B: Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do OEM e do sensor.
PASSO 4C: Leia os códigos de falha. Código de Falha 197 ativo
PASSO 5: Verifique se há uma ponte de ligação.
PASSO 5A Verifique se há uma ponte de ligação Ponte de ligação instalada
instalada
PASSO 6: Verifique o chicote do OEM.
PASSO 6A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do OEM e do ECM.
PASSO 6B Leia os códigos de falha. Código de Falha 197 ativo
PASSO 6C Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 6D Verifique se há um curto de pino a pino. Mais de 100k ohms
PASSO 6E Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 197
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-179

PASSO 7: Verifique a resposta do ECM.


PASSO 7A Verifique a resposta alta do ECM. Código de Falha 422 ativo
Código de Falha 197 inativo
PASSO 7B Verifique a resposta baixa do ECM. Código de Falha 422 ativo
Código de Falha 197 ativo
PASSO 8: Apague os códigos de falha.
PASSO 8A Desabilite o código de falha. Código de Falha 197 inativo
PASSO 8B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha usando o Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352
INSITE™. ou 386 não estão ativos
NÃO OK Vá para os diagramas
Faça primeiro o diagnóstico de falha dos de diagnóstico de
códigos 187, 227, 238, 239, 352 ou 386. falhas apropriados

PASSO 2: Verifique se há um sensor de nível do líquido de arrefecimento.


PASSO 2A: Verifique se o veículo possui um sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Verifique se o veículo está equipado com OK 3A
um sensor de nível do líquido de Sensor de nível de líquido de
arrefecimento arrefecimento instalado
NÃO OK 5A
Sensor de nível de líquido de arrefecimento
não está instalado.
Código de Falha 197 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-180 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Certifique-se de que o nível do líquido de arrefecimento esteja baixo.


PASSO 3A: Verifique o nível do líquido de arrefecimento.
ADVERTÊNCIA

Não remova a tampa de pressão do radiador de um motor quente. Para evitar ferimentos causados pelo
vapor ou borrifos do líquido quente, espere o líquido de arrefecimento esfriar até 50º C [120º F].

PRECAUÇÃO
Para evitar danos às partes fundidas do bloco, não adicione líquido de arrefecimento frio em um motor
quente. Aguarde o motor esfriar até 50º C [120º F] antes de adicionar o líquido.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique o nível do líquido de OK 4A
arrefecimento. Nível do líquido de arrefecimento normal
• Remova a tampa de pressão do
radiador e inspecione o líquido de NÃO OK 8A
arrefecimento. Adicione líquido de arrefecimento
NOTA: Certifique-se de que a proporção de
água e anticongelante do líquido esteja correta.

PASSO 4: Verifique o sensor de nível do líquido de arrefecimento.


PASSO 4A: Verifique se a falha ainda está ativa com o motor em funcionamento.
ADVERTÊNCIA

Não remova a tampa de pressão do radiador de um motor quente. Para evitar ferimentos causados pelo
vapor ou borrifos do líquido quente, espere o líquido de arrefecimento esfriar até 50º C [120º F].
Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o código de falha está ativo. OK 4B
• Dê a partida no motor e opere-o em marcha Código de Falha 197 ativo
lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 8A
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™.
Código de Falha 197 inativo.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 197
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-181

PASSO 4B: Inspecione os pinos conectores do chicote do OEM e do sensor de nível do líquido de
arrefecimento.
ADVERTÊNCIA

Não remova a tampa de pressão do radiador de um motor quente. Para evitar ferimentos causados pelo
vapor ou borrifos do líquido quente, espere o líquido de arrefecimento esfriar até 50º C [120º F].
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos do chicote do OEM OK 4C
e do sensor de nível do líquido de Não há pinos danificados
arrefecimento e verifique se há:
• Pinos corroídos. NÃO OK 8A
• Pinos torcidos ou quebrados. Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos dos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas OEM, ou substitua o sensor.
ou ausentes. • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos pinos conectores com o limpador de contato
conectores. elétrico, No. 3824510.
• Instale a vedação do conector correta se
estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do OEM. Consulte o
Procedimento 019-204.
• Substitua o chicote do OEM. Consulte o
Procedimento 019-071.
• Substitua o sensor de nível do líquido de
arrefecimento. Consulte o Procedimento
019-017.

PASSO 4C: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 5A
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 197 ativo
operar em marcha lenta durante 1
minuto. NÃO OK 8A
• Leia os códigos de falha usando o Repare os pinos danificados
INSITE™. Código de Falha 197 inativo.
Código de Falha 197 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-182 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 5: Verifique se há uma ponte de ligação.


PASSO 5A: Verifique se há uma ponte de ligação instalada.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há uma ponte de ligação OK 6A
instalada. Ponte de ligação instalada
NÃO OK 8A
Instale uma ponte de ligação
Consulte o Procedimento 019-324.

PASSO 6: Verifique o chicote do OEM


PASSO 6A: Inspecione os pinos conectores do chicote do OEM e do ECM

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do ECM OK 6B
e do chicote do OEM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos corroídos. NÃO OK 8A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou
expandidos. Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas OEM, ou substitua o ECM.
ou ausentes.
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos pinos conectores com o limpador de contato
conectores.. elétrico, No. 3824510.
NOTA: Puxe suavemente cada fio • Instale a vedação do conector correta se
para certificar-se de que o mesmo estiver danificada ou ausente.
esteja firme no conector e que não • Repare o chicote do OEM.
esteja torcido para trás. Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 197
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-183

PASSO 6B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 6C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 197 ativo
operar em marcha lenta durante
NÃO OK 8A
• 1 minuto.
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 197 inativo.
INSITE™.
Código de Falha 197 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-184 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 6C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
No. 3822758 - Ponta de teste macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto no chicote do OK 6D
OEM. Menos de 10 ohms
• Meça a resistência entre o pino 59 do
conector do chicote do OEM e o pino A do
conector sensor do chicote do OEM.
NÃO OK 8A
• Meça a resistência entre o pino 78 do
Repare ou substitua o chicote do
conector do chicote do OEM e o pino D do
OEM
conector sensor do chicote do OEM.
• Meça a resistência entre o pino 50 do • Repare o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-323
conector do chicote do OEM e o pino B do
ou 019-204.
conector sensor do chicote do OEM.
• Meça a resistência entre o pino 68 do • Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
conector do chicote do OEM e o pino C do
conector sensor do chicote do OEM.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 197
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-185

PASSO 6D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 6E
• Meça a resistência entre o pino 59 do Mais de 100k ohms
conector do ECM no chicote do OEM e
todos ou outros pinos do conector.
• Meça a resistência entre o pino 78 do
NÃO OK 8A
conector do ECM no chicote do OEM e
Repare ou substitua o chicote do
todos ou outros pinos do conector.
OEM
• Meça a resistência entre o pino 50 do
conector do ECM no chicote do OEM e
• Repare o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-323
todos ou outros pinos do conector.
• Meça a resistência entre o pino 68 do
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
conector do ECM no chicote do OEM e
todos ou outros pinos do conector.
Código de Falha 197 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-186 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 6E: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de prova Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 7A
• Meça a resistência entre o pino 59 do Mais de 100k ohms
conector do ECM no chicote do OEM e a
massa do bloco do motor.
• Meça a resistência entre o pino 78 do
NÃO OK 8A
conector do ECM no chicote do OEM e a
Repare ou substitua o chicote do
massa do bloco do motor.
OEM
• Meça a resistência entre o pino 50 do
conector do ECM no chicote do OEM e a
• Repare o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-323.
massa do bloco do motor.
• Meça a resistência entre o pino 68 do
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
conector do ECM no chicote do OEM e a
massa do bloco do motor.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 197
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-187

PASSO 7: Verifique a resposta do ECM


PASSO 7A: Verifique a resposta alta do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3822758 - Ponta de teste macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.
Condição:
• Ligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resposta alta do ECM. OK 7B
• Instale um fio de ponte entre o pino C e o Código de Falha 422 ativo
pino D no conector do sensor de nível do Código de Falha 197 inativo
líquido de arrefecimento. Substitua o sensor de nível do
líquido de arrefecimento
Consulte o Procedimento 019-017.
NÃO OK 8A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 197 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-188 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 7B: Verifique a resposta baixa do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. de Peça 3822758 - Ponta de teste macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.
Condição:
• Ligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resposta baixa do ECM. OK 8A
• Instale um fio de ponte entre o pino A e o Código de Falha 422 ativo
pino C no conector do sensor de nível do Código de Falha 197 ativo
líquido de arrefecimento. Substitua o sensor de nível do
líquido de arrefecimento
Consulte o Procedimento 019-017.
NÃO OK 8A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 197
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-189

PASSO 8: Apague os códigos de falha.


PASSO 8A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 8B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 197 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
197 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 8B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 198 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-190 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 198


Circuito da Luz de Advertência

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 198 Detectado erro no circuito da luz de A luz de Advertência não funcionará
PID(P), SID(S): P122 advertência. O erro pode ser devido a corretamente.
SPN: 1661 um circuito aberto ou curto-circuito com
FMI: 4 a bateria ou com o terra em qualquer
Luz: Manutenção circuito da luz.

Circuito da Luz de Advertência

Descrição do Circuito:
O ECM realiza testes de advertência na maioria de seus circuitos e ativa um código de falha se detectar algum
problema nesses circuitos. Alguns códigos de falha acendem uma luz de advertência (amarela) para alertar o
motorista.
Localização do Componente:
A luz de advertência encontra-se normalmente na cabine do veículo ou no painel de instrumentos.
Dicas para a Oficina:
Geralmente, esta falha indica um curto-circuito com a voltagem da bateria e não pode ser indicada pelo lampejo
da luz de advertência. Entretanto, ela pode ser lida usando-se o INSITE™ ou ativando-se o código de falha na
luz vermelha.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 198
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-191

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3822758 - Ponta de teste macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique a luz de advertência.
PASSO 1A Verifique se a luz de advertência está Luz de advertência conectada
conectada ao chicote do OEM.
PASSO 1B Verifique a voltagem de alimentação. 9 a 15 VCC para sistemas de
12 VCC
21 a 27 VCC para sistemas de
24 VCC

PASSO 2: Verifique o chicote do OEM.


PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do OEM e do ECM.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 198 ativo
PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de Mais de 100k ohms
pino a pino.
PASSO 2E: Verifique se há um curto-circuito com Mais de 100k ohms
a massa.
PASSO 2F: Meça a voltagem entre a bateria e 9 a 15 VCC para sistemas de
o ECM. 12 VCC
21 a 27 VCC para sistemas de
24 VCC

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A Desabilite o código de falha. Código de Falha 198 inativo
PASSO 3B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha
apagados
Código de Falha 198 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-192 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE DIAGNÓSTICA DA FALHA


PASSO 1: Verifique a luz de advertência.
PASSO 1A: Verifique se a luz de advertência está conectada ao chicote do OEM.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se a luz de advertência OK 1B
está conectada ao chicote do OEM. Luz de advertência conectada
NÃO OK 3A
Conecte a luz de advertência, se disponível. Se a
luz de advertência não estiver disponível, entre em
contato com um Representante Cummins.

PASSO 1B: Verifique a voltagem de alimentação.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3822758 - ponta de prova macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
• Desconecte a luz de advertência do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação da OK 2A
luz de advertência. 9 a 15 VCC para sistemas de 12 VCC
• Meça a voltagem de alimentação da 21 a 27 VCC para sistemas de 24 VCC
luz de advertência entre os pinos 1 e
2 do conector do OEM. NÃO OK 3A
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 198
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-193

PASSO 2: Verifique o chicote do OEM.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do OEM e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o conector de 89 pinos do chicote do OEM,do ECM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os conectores do chicote do OK 2B
OEM e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos Corroídos. NÃO OK 3A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou
expandidos. Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas OEM, ou substitua o ECM.
ou ausentes.
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos pinos conectores com o limpador de contato
conectores. elétrico, No. 3824510.
NOTA: Puxe suavemente cada fio • Instale a vedação do conector correta se
para certificar-se de que o mesmo estiver danificada ou ausente.
esteja firme no conector e que não • Repare o chicote do OEM.
esteja torcido para trás. Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 198 ativo
operar em marcha lenta durante NÃO OK 3B
1 minuto.
Código de Falha 198 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
Código de Falha 198 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-194 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
No. 3822758 - ponta de teste macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM da luz de advertência.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 2D
• Meça a resistência entre o pino 28 do Menos de 10 ohms
conector do ECM no chicote do OEM e o NÃO OK 3A
pino 1 do conector da luz de advertência do Repare ou substitua o chicote do
chicote do OEM. OEM
• Meça a resistência entre o pino 64 do • Repare o chicote do OEM.
conector do ECM no chicote do OEM e o Consulte o Procedimento 019-323
pino 2 do conector da luz de advertência do ou 019-202.
chicote do OEM.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 198
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-195

PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM da luz de advertência.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 2E
• Meça a resistência entre o pino 28 do Mais de 100k ohms
conector do chicote do OEM e todos ou NÃO OK 3A
outros pinos do conector. Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 64 do OEM
conector do chicote do OEM e todos ou • Repare o chicote do OEM.
outros pinos do conector. Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
Código de Falha 198 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-196 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2E: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte a luz de advertência do chicote do OEM.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 2F
• Meça a resistência entre o pino 28 do Mais de 100k ohms
conector de 89 pinos do chicote do OEM e NÃO OK 3A
a massa do bloco do motor. Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 64 do OEM
conector de 89 pinos do chicote do OEM e • Repare o chicote do OEM.
a massa do bloco do motor. Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 198
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-197

PASSO 2F: Meça a voltagem entre a bateria e o ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem para o ECM. OK 3A
• Meça a voltagem entre o pino 1 do 9 a 15 VCC para sistemas de 12 VCC
conector do chicote do OEM e a massa 21 a 27 VCC para sistemas de 24 VCC
do bloco do motor.
• Meça a voltagem entre o pino 7 do
conector do chicote do OEM e a massa NÃO OK 3A
do bloco do motor. Repare ou substitua o chicote do
• Meça a voltagem entre o pino 12 do OEM
conector do chicote do OEM e a massa • Repare o chicote do OEM. Consulte
do bloco do motor. o Procedimento 019-323.
• Meça a voltagem entre o pino 13 do • Substitua o chicote do OEM.
conector do chicote do OEM e a massa Consulte o Procedimento 019-071.
do bloco do motor.
Código de Falha 198 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-198 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 3B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 198 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
198 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 3B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 212
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-199

Código de Falha 212


Circuito do Sensor de Temperatura do Óleo

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 212 Detectada alta voltagem no pino Usado o valor padrão de temperatura do
PID(P), SID(S): P175 de sinal de temperatura do óleo. óleo. Nenhuma proteção do motor para a
SPN: 175 temperatura do óleo.
FMI: 3
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Temperatura do Óleo

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do óleo é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do óleo lubrificante.
Se a temperatura tornar-se muito alta e a proteção do motor estiver habilitada, poderá ocorrer uma condição de
despotenciamento, levando possivelmente à parada do motor.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do óleo está localizado no bloco do motor, abaixo do coletor de admissão.
Código de Falha 212 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-200 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Dicas para a Oficina:


• Se o Código de Falha 143 ou 415 não estiver presente, o problema não estará relacionado ao sistema de
lubrificação do motor.
• Certifique-se de estar usando o sensor de pressão/temperatura do óleo de número de peça correto.

Temperatura (ºC) Temperatura [ºF] Resistência (Ohms)


0 32 5k a 7k
25 77 1700 a 2500
50 122 700 a 1000
75 167 300 a 450
100 212 150 a 220
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 212
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-201

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do óleo.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
sensor de pressão/temperatura do
óleo e do chicote do motor.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 212 ativo
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de 50 a 10k ohms (Consulte
pressão/temperatura do óleo. "Dicas para a Oficina")
PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.
PASSO 3A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do motor e do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 212 ativo
PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com Mais de 100k ohms
a massa.
PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino Mais de 100k ohms
a pino.
PASSO 3F: Verifique se há a resposta apropriada do Código de Falha 212 inativo
ECM. Código de Falha 213 ativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A Desabilite o código de falha. Código de Falha 212 inativo
PASSO 4B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha apagados
Código de Falha 212 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-202 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352 ou 386
usando o INSITE™. inativos
NÃO OK 4A
Faça primeiro o diagnóstico de falhas dos códigos
187, 227, 238, 239, 352 ou 386.

PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do óleo.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do sensor de pressão/temperatura do óleo e do chicote
do motor.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se os conectores do chicote do OK 2B
motor e do sensor de pressão/ Não há pinos danificados
temperatura do óleo apresentam:
NÃO OK 4A
• Pinos Corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos pinos
expandidos. conectores. Se houver pinos danificados, repare
ou substitua o chicote do motor, ou substitua o
• Umidade dentro ou sobre o conector
sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-204.
• Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de pressão/temperatura
do óleo. Consulte o Procedimento 019-155.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 212
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-203

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 212 ativo
INSITE™.
NÃO OK 4B
Código de Falha 212 inativo.

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de pressão/temperatura do óleo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o conector do chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência do sensor de OK 3A
pressão/temperatura do óleo. 50 a 10k ohms (Veja "Dicas para a Oficina")
• Meça a resistência entre os pinos 1 e
2 do sensor de pressão/temperatura NÃO OK 4A
do óleo. Substitua o sensor de pressão/temperatura
do óleo
Consulte o Procedimento 019-155.
Código de Falha 212 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-204 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 3A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os conectores do chicote do OK 3B
motor e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos Corroídos. NÃO OK 4A
• Pinos torcidos ou quebrados
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou
expandidos. Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas motor, ou substitua o ECM.
ou ausentes.
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos pinos conectores com o limpador de contato
conectores. elétrico, No. 3824510.
NOTA: Puxe suavemente cada fio • Instale a vedação do conector correta se
para certificar-se de que o mesmo estiver danificada ou ausente.
esteja firme no conector e que não • Repare o chicote do motor.
esteja torcido para trás. Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 212 ativo
operar em marcha lenta durante NÃO OK 4B
1 minuto.
Código de Falha 212 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 212
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-205

PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 3D
• Meça a resistência entre o pino 19 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e
o pino 1 do conector do sensor de pressão/ NÃO OK 4A
temperatura do óleo. Repare ou substitua o chicote do
motor
• Meça a resistência entre o pino 35 do
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do motor. Consulte
o pino 2 do conector do sensor de pressão/ o Procedimento 019-236 ou 019-204.
temperatura do óleo. • Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
Código de Falha 212 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-206 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0,6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a OK 3E
massa. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 19 do
conector de 36 pinos do chicote do NÃO OK 4A
motor e a massa do bloco do motor. Repare ou substitua o chicote do motor
• Meça a resistência entre o pino 35 do • Repare o chicote do motor. Consulte o
conector de 36 pinos do chicote do Procedimento 019-236.
motor e a massa do bloco do motor. • Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 212
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-207

PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0,6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a OK 3F
pino. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 19 do
conector de 36 pinos do chicote do NÃO OK 4A
motor e todos os outros pinos do Repare ou substitua o chicote do motor
conector. • Repare o chicote do motor. Consulte o
• Meça a resistência entre o pino 35 do Procedimento 019-236.
conector de 36 pinos do chicote do
motor e todos os outros pinos do • Substitua o chicote do motor. Consulte o
conector. Procedimento 019-043.
Código de Falha 212 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-208 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desconecte o conector sensor do chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Ligue a chave de ignição
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do OK 4A
ECM. Código de Falha 212 inativo
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 213 ativo
INSITE™.
NÃO OK 4A
Código de Falha 212 ativo
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 212 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
212 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 213
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-209

Código de Falha 213


Circuito do Sensor de Temperatura do Óleo

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 213 Detectada baixa voltagem no pino Usado o valor padrão de temperatura do
PID(P), SID(S): P175 de sinal de temperatura do óleo. óleo. Nenhuma proteção do motor para a
SPN: 175 temperatura do óleo.
FMI: 4
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Temperatura do Óleo

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do óleo é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do óleo lubrificante.
Se a temperatura tornar-se muito alta e a proteção do motor estiver habilitada, poderá ocorrer uma condição de
despotenciamento, levando possivelmente à parada do motor.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do óleo está localizado no arrefecedor de óleo lubrificante do motor.
Código de Falha 213 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-210 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Dicas para a Oficina:


• Se o Código de Falha 143 ou 415 não estiver presente, o problema não estará relacionado ao sistema de
lubrificação do motor.
• Certifique-se de estar usando o sensor de pressão/temperatura do óleo de número de peça correto.

Temperatura (ºC) Temperatura [ºF] Resistência (Ohms)


0 32 5k a 7k
25 77 1700 a 2500
50 122 700 a 1000
75 167 300 a 450
100 212 150 a 220
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 213
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-211

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0,6.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do óleo.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
sensor de pressão/temperatura do
óleo e do chicote do motor.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 213 ativo
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de 50 a 10k ohms (Consulte
pressão/temperatura do óleo. "Dicas para a Oficina")
PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.
PASSO 3A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do motor e do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 213 ativo
PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com Mais de 100k ohms
a massa.
PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino Mais de 100k ohms
a pino.
PASSO 3F: Verifique se há a resposta apropriada do Código de Falha 213 inativo
ECM. Código de Falha 212 ativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A Desabilite o código de falha. Código de Falha 213 inativo
PASSO 4B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha apagados
Código de Falha 213 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-212 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352 ou 386
usando o INSITE™. inativos
NÃO OK 4A
Faça primeiro o diagnóstico de falhas e reparos
dos Códigos 187, 227, 238, 239, 352 ou 386.

PASSO 2: Verifique o sensor de pressão/temperatura do óleo.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do sensor de pressão/temperatura do óleo e do chicote
do motor.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se os conectores do chicote do OK 2B
motor e do sensor de pressão/ Não há pinos danificados
temperatura do óleo apresentam:
NÃO OK 4A
• Pinos corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos pinos
expandidos. conectores. Se houver pinos danificados, repare
ou substitua o chicote do motor, ou substitua o
• Umidade dentro ou sobre o conector
sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-204.
• Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de pressão/temperatura
do óleo. Consulte o Procedimento 019-155.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 213
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-213

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 213 ativo
operar em marcha lenta durante
1 minuto. NÃO OK 4B
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 213 inativo.
INSITE™.

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de pressão/temperatura do óleo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte do conector do chicote do motor o sensor de pressão/temperatura do óleo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência do sensor de OK 3A
pressão/temperatura do óleo. 50 a 10k ohms (Veja "Dicas para a Oficina")
• Meça a resistência entre os pinos 1 e
2 do sensor de pressão/temperatura NÃO OK 4A
do óleo. Substitua o sensor de pressão/temperatura
do óleo
Consulte o Procedimento 019-155.
Código de Falha 213 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-214 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 3A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os conectores do chicote do OK 3B
motor e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos corroídos. NÃO OK 4A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou
expandidos. Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas motor, ou substitua o ECM.
ou ausentes.
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos pinos conectores com o limpador de contato
conectores. elétrico, No. 3824510.
NOTA: Puxe suavemente cada fio • Instale a vedação do conector correta se
para certificar-se de que o mesmo estiver danificada ou ausente.
esteja firme no conector e que não • Repare o chicote do motor.
esteja torcido para trás. Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 213 ativo
operar em marcha lenta durante NÃO OK 4B
1 minuto.
Código de Falha 213 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 213
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-215

PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 3D
• Meça a resistência entre o pino 19 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e
o pino 1 do conector do sensor de pressão/ NÃO OK 4A
temperatura do óleo no lado do chicote. Repare ou substitua o chicote do
motor
• Meça a resistência entre o pino 35 do
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do motor. Consulte
o pino 2 do conector do sensor de pressão/ o Procedimento 019-236 ou 019-204.
temperatura do óleo no lado do chicote. • Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
Código de Falha 213 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-216 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No.3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0,6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a OK 3E
massa. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 19 do
conector de 36 pinos do chicote do NÃO OK 4A
motor e a massa do bloco do motor. Repare ou substitua o chicote do motor
• Meça a resistência entre o pino 35 do • Repare o chicote do motor. Consulte o
conector de 36 pinos do chicote do Procedimento 019-236.
motor e a massa do bloco do motor. • Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 213
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-217

PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0,6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a OK 3F
pino. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 19 do
conector de 36 pinos do chicote do NÃO OK 4A
motor e todos os outros pinos no Repare ou substitua o chicote do motor
conector. • Repare o chicote do motor. Consulte o
• Meça a resistência entre o pino 35 do Procedimento 019-236.
conector de 36 pinos do chicote do
motor e todos os outros pinos no • Substitua o chicote do motor. Consulte o
conector. Procedimento 019-043.
Código de Falha 213 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-218 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0,6.
Condição:
• Desconecte o conector sensor do chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
• Ligue a chave de ignição
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do OK 4A
ECM. Código de Falha 213 inativo
• Curto-circuite o pino 2 do sinal do Código de Falha 212 ativo
conector sensor do chicote do motor NÃO OK 4A
com a fonte de +5 VCC.
Código de Falha 213 ativo
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™. Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 213
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-219

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 213 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
213 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 221 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-220 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 221


Sensor de Pressão do Ar Ambiente

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 221 O sensor de pressão do ar ambiente Possível emissão de fumaça preta. O
PID(P), SID(S): P108 (interno ao ECM) apresentou uma sistema de proteção do motor pode
SPN: 108 falha. ser afetado. O despotenciamento por
FMI: 3 altitude não funcionará.
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Pressão do Ar Ambiente

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão do ar ambiente monitora a pressão atmosférica e transmite as informações ao ECM
através do chicote do motor.
Localização do Componente:
O sensor de pressão do ar ambiente encontra-se no interior do ECM.
Dicas para a Oficina:
Monitore a leitura da pressão do ar ambiente com uma ferramenta de serviço para certificar-se de que a mesma
corresponde à pressão real do ar.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 221
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-221

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha Outro código de falha ativo
PASSO 2: Verifique o valor da pressão do ar ambiente.
PASSO 2A Compare o valor da pressão do ar Diferença menor que 1 pol-Hg
ambiente.
PASSO 3: Apague os códigos de falha.
PASSO 3A Desabilite o código de falha. Código de Falha 221 inativo
PASSO 3B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha apagados

PASSO DE REPARO DA FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha OK 2A
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Qualquer outro código de falha ativo
em marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 3A
• Leia os códigos de falha com o INSITE™. Faça primeiro o diagnóstico de outros
códigos.

PASSO 2: Verifique o valor da pressão do ar ambiente.


PASSO 2A: Compare o valor da pressão do ar ambiente.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Monitore a pressão do ar ambiente usando o INSITE™.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Compare o valor da pressão do ar ambiente. OK 3A
• Compare as leituras de pressão do ar Diferença menor que 1 pol-Hg
ambiente da ferramenta de serviço e de NÃO OK 3A
um medidor mecânico ou barômetro.
Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 221 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-222 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 3B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 221 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
221 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 3B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 227
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-223

Código de Falha 227


Alimentação B do Sensor - Alta Voltagem

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 227 Detectada alta voltagem entre a linha de Possível potência baixa.
PID(P), SID(S): S232 alimentação do ECM e o sensor de pressão
SPN: 1080 da common rail.
FMI: 3
Luz: Amarela

Circuito de Pressão da Common Rail

Descrição do Circuito:
O ECM fornece ao sensor uma alimentação de +5 VCC. Se a linha de alimentação para este sensor
estiver danificada, o sensor não funcionará corretamente.
Localização do Componente:
O sensor de pressão do combustível está localizado na common rail de alta pressão, a qual encontra-
se acima da carcaça do coletor de admissão.
Dicas para a Oficina:
Uma condição de alta voltagem na linha de alimentação de +5 VCC do sensor será causada por um
curto-circuito com a bateria na linha de alimentação. Se os Códigos de Falha 227 e 451 estiverem
ativos, faça primeiro o diagnóstico do Código de Falha 227.
Código de Falha 227 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-224 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique o sensor de pressão da common rail.
PASSO 1A Verifique a voltagem de alimentação do 4,75 a 5,25 VCC
sensor de pressão da common rail.

PASSO 2: Verifique o chicote de 36 pinos do motor e o ECM.


PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do motor e do ECM.
PASSO 2B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 227 ativo
PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de Mais de 100k ohms
pino a pino.
PASSO 2E: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação. 4,75 a 5,25 VCC

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A Desabilite o código de falha. Código de Falha 227 inativo
PASSO 3B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 227
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-225

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique o sensor de pressão da common rail.
PASSO 1A: Verifique a voltagem de alimentação do sensor de pressão da common rail.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão da common rail.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação do OK 2A
sensor de pressão da common rail. 4,75 a 5,25 VCC
• Meça a voltagem entre o pino 3 e o NÃO OK 3A
pino 1 do conector sensor de pressão
da common rail no chicote do motor. Substitua o sensor de pressão da
common rail
Consulte o Procedimento 019-115.
Código de Falha 227 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-226 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2: Verifique o chicote de 36 pinos do motor e o ECM.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os conectores do chicote do OK 2B
motor e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos corroídos. NÃO OK 3A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou
expandidos. Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas ou motor, ou substitua o ECM.
ausentes.
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos nos pinos conectores com o limpador de
conectores. contato elétrico, No. 3824510.
NOTA: Puxe suavemente cada fio • Instale a vedação do conector correta se
para certificar-se de que o mesmo estiver danificada ou ausente.
esteja firme no conector e que não • Repare o chicote do motor.
esteja torcido para trás. Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 227 ativo
operar em marcha lenta durante NÃO OK 3B
1 minuto.
Código de Falha 227 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 227
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-227

PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão da common rail.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 2D
• Meça a resistência entre o pino 12 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor NÃO OK 3A
e o pino 3 do conector do sensor. Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 20 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor • Repare o chicote do motor.
e o pino 1 do conector do sensor. Consulte o Procedimento 019-236
• Meça a resistência entre o pino 27 do ou 019-203.
conector de 36 pinos do chicote do motor • Substitua o chicote do motor.
e o pino 2 do conector do sensor. Consulte o Procedimento 019-043.
Código de Falha 227 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-228 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão da common rail.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 2E
• Meça a resistência entre o pino 12 do Mais de 100k ohms
conector do chicote do motor e todos os NÃO OK 3A
outros pinos no conector.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 20 do motor
conector do chicote do motor e todos os
outros pinos no conector. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Meça a resistência entre o pino 27 do • Substitua o chicote do motor.
conector do chicote do motor e todos os Consulte o Procedimento 019-043.
outros pinos no conector.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 227
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-229

PASSO 2E: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão da common rail.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa OK 2F
nas linhas de alimentação do sensor. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 12 do NÃO OK 3A
conector de 36 pinos do chicote do motor e a
massa do bloco do motor. Repare ou substitua o chicote do
motor
• Meça a resistência entre o pino 20 do
conector de 36 pinos do chicote do motor e a • Repare o chicote do motor.
massa do bloco do motor. Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
• Meça a resistência entre o pino 27 do Consulte o Procedimento 019-043.
conector de 36 pinos do chicote do motor e a
massa do bloco do motor.
Código de Falha 227 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-230 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação do ECM. OK 3A
• Meça a voltagem de alimentação de saída do 4,74 a 5,25 VCC
ECM do pino 12 ao pino 20. NÃO OK 3A
• Meça a voltagem de sinal de saída do ECM
Substitua o ECM
do pino 20 ao pino 27.
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 227
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-231

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 3B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 227 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
227 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 3B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 234 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-232 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 234


Circuito de Sobrerotação do Motor

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 234 O sinal de rotação do motor indica Desativada a alimentação de combustível
PID(P), SID(S): P190 que a mesma excedeu o limite de aos injetores até que a rotação do motor
SPN: 190 sobrerotação. seja menor que o limite de sobrerotação.
FMI: 0
Luz: Vermelha

Circuito do Sobrerotação do Motor

Descrição do Circuito:
O sensor de rotação do motor fornece informações sobre a rotação do motor ao ECM. O sensor gera seus
sinais detectando o movimento de dentes de referência fundidos em uma polia de sincronismo do motor
montada na árvore de manivelas. A polia de sincronismo externa possui 58 espaços e uma seção sólida que
indica que o cilindro número 1 encontra-se no ponto morto superior.
Localização do Componente:
O sensor de rotação do motor está localizado atrás do amortecedor de vibrações, próximo à polia de
sincronismo da árvore de manivelas.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 234
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-233

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

ADVERTÊNCIA
NÃO OPERE UM MOTOR DIESEL ONDE HÁ OU POSSA HAVER VAPORES COMBUSTÍVEIS. Esses
vapores podem ser sugados para o sistema de admissão de ar e causar aceleração ou sobrerotação do
motor, podendo resultar em incêndio, explosão e extensos danos à propriedade. Há vários recursos de
segurança disponíveis, como dispositivos de corte de admissão de ar, para minimizar o risco de
sobrerotação onde um motor, devido à sua aplicação, pode operar em ambientes inflamáveis
resultantes de derramamento de combustível ou vazamento de gás. Lembre-se, a Cummins não tem
como saber o uso que você faz de seu motor. O PROPRIETÁRIO DO EQUIPAMENTO E O OPERADOR
SÃO RESPONSÁVEIS PELA OPERAÇÃO SEGURA EM UM AMBIENTE PERIGOSO. CONSULTE UM
POSTO AUTORIZADO DE SERVIÇOS CUMMINS PARA MAIS INFORMAÇÕES.

PRECAUÇÃO
Se a rotação do motor permanecer acima de 3500 rpm, o motor deve ser desligado imediatamente para
evitar danos ao mesmo.
PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Identifique a razão da sobrerotação.
PASSO 1A Verifique se as condições de operações Operação não em declive
são adequadas.
PASSO 1B: Verifique se há fonte alternativa de Não há fonte alternativa de
combustível. combustível.
PASSO 1C: Verifique a rotação com o modo Monitor Leitura da rpm correta
da ferramenta de serviço INSITE™.
PASSO 1D Inspecione o sensor de velocidade do Não há pinos danificados
veículo e o chicote do OEM.
PASSO 1E Leia os códigos de falha. Código de Falha 234 ativo
PASSO 1F Verifique se há sinais de violação do Não há sinais de violação
sensor de velocidade do veículo.
PASSO 1G Verifique se há falhas ativas em baixa rpm. Falhas inativas em baixa rpm
PASSO 2: Apague os códigos de falha.
PASSO 2A Desabilite o código de falha. Código de Falha 234 inativo
PASSO 2B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados
Código de Falha 234 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-234 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Identifique a razão da sobrerotação.
PASSO 1A: Verifique se as condições de operações são adequadas.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se as condições de operações OK 1B
são adequadas. Operação não em declive
• Verifique se o veículo estava operando NÃO OK 2A
em um declive quando a falha foi
registrada. Verifique se há danos no motor
Componentes eletrônicos OK. Verifique se
há danos no motor devido à sobrerotação.

PASSO 1B: Verifique se há fonte alternativa de combustível.


ADVERTÊNCIA

NÃO OPERE UM MOTOR DIESEL ONDE HÁ OU POSSA HAVER VAPORES COMBUSTÍVEIS. Esses vapores
podem ser sugados para o sistema de admissão de ar e causar aceleração ou sobrerotação do motor,
podendo resultar em incêndio, explosão e extensos danos à propriedade. Há vários recursos de
segurança disponíveis, como dispositivos de corte de admissão de ar, para minimizar o risco de
sobrerotação onde um motor, devido à sua aplicação, pode operar em ambientes inflamáveis resultantes
de derramamento de combustível ou vazamento de gás. Lembre-se, a Cummins não tem como saber o
uso que você faz de seu motor. O PROPRIETÁRIO DO EQUIPAMENTO E O OPERADOR SÃO
RESPONSÁVEIS PELA OPERAÇÃO SEGURA EM UM AMBIENTE PERIGOSO. CONSULTE UM POSTO
AUTORIZADO DE SERVIÇOS CUMMINS PARA MAIS INFORMAÇÕES..
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há fonte alternativa de OK 1C
combustível. Não há fonte alternativa de combustível
• Verifique se o motorista relatou um
evento controlado por combustível NÃO OK 2A
onde o motor acelerou rapidamente até Localize a fonte de combustível
ou além do limite de sobrerotação sem • Localize quaisquer fontes alternativas de
acionamento do pedal do acelerador, combustível, como vapores inflamáveis
seguido de um corte acentuado do no local de operação do motor, vedações
motor. do turbocompressor queimadas, etc.
• Inspecione o coletor de admissão e • Verifique se o motor básico apresenta
verifique se há fontes de vapores danos devido à condição de
inflamáveis, e as vedações do sobrerotação.
turbocompressor para verificar se não
há vazamentos de óleo.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 234
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-235

PASSO 1C: Verifique a rotação com o modo Monitor da ferramenta de serviço INSITE™.

PRECAUÇÃO
Se a rotação do motor permanecer acima de 3500 rpm, o motor deve ser desligado imediatamente para
evitar danos ao mesmo..
Condição:
• Opere o motor.
• Conecte a ferramenta de serviço ao datalink do veículo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a rotação com o modo Monitor OK 1D
da ferramenta de serviço INSITE™. Leitura da rpm correta
• Monitore o motor usando o
INSITE™. NÃO OK 2A
NOTA: Compare a leitura da rpm do Inspecione o sensor de rotação do motor
motor no INSITE™ com a de um NOTA: Verifique se o sensor de rotação do
tacômetro mecânico ou do indicador motor, conforme descrito para os Códigos de
no painel de instrumentos. Falha 689 e 778. Verifique se o motor apresenta
danos devido à uma condição de sobrerotação..

PASSO 1D: Inspecione o sensor de velocidade do veículo e o chicote do OEM.


Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione o chicote do OEM e o sensor OK 1E
de velocidade do veículo e verifique se Não há pinos danificados
há:
NÃO OK 2A
• Pinos corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos dos conectores. Se houver pinos
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector
OEM, ou substitua o sensor de velocidade do
• Vedações de conector danificadas veículo.
ou ausentes.
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos pinos conectores com o limpador de contato
conectores. elétrico, No. 3824510.
NOTA: Puxe suavemente cada fio • Instale a vedação do conector correta se
para certificar-se de que o mesmo estiver danificada ou ausente.
esteja firme no conector e que não • Repare ou substitua o chicote do OEM.
esteja torcido para trás. Consulte o manual de diagnóstico de falhas
e reparos do OEM.
• Substitua o sensor de velocidade do
veículo. Consulte o Procedimento 019-090
ou 019-091.
Código de Falha 234 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-236 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 1E: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 1F
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 234 ativo
operar em marcha lenta durante
1 minuto. NÃO OK 2B
• Leia o código de falha usando o Código de Falha 234 inativo.
INSITE™.

PASSO 1F: Verifique se há sinais de violação do sensor de velocidade do veículo.


Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há sinais de violação do OK 1G
sensor de velocidade do veículo. Não há sinais de violação
NÃO OK 2A
Consulte o proprietário do veículo antes de
remover o dispositivo de violação.

PASSO 1G: Verifique se há falhas ativas em baixa rpm

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um código de falha ativo OK 2A
em baixa rpm. Códigos de falha inativos em baixa rpm
Verifique se o Código de Falha 234 está
ativo quando o motor não opera acima NÃO OK 2A
de 3500 rpm. Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 234
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-237

PASSO 2: Apague os códigos de falha.


PASSO 2A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 2B
• Dê a partida no motor e opere-o na Código de Falha 234 inativo
mesma condição na qual ocorreu a
sobrerotação. NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha Retorne aos passos de diagnóstico de
234 esteja inativo. falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 2B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 235 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-238 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 235


Nível do Líquido de Arrefecimento - Proteção do Motor

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 235 O sinal de nível do líquido de Perda de potência e/ou redução da
PID(P), SID(S): P111 arrefecimento indica que o nível rotação e possível parada do motor se o
SPN: 111 do líquido está baixo. recurso de parada de proteção do motor
FMI: 1 estiver habilitado.
Luz: Vermelha

Circuito do Sensor de Nível do Líquido de Arrefecimento

Descrição do Circuito:
O sensor de nível do líquido de arrefecimento monitora o nível do líquido de arrefecimento e transmite as
informações para o ECM.
Localização do Componente:
O sensor de nível do líquido de arrefecimento é instalado pelo OEM. Consulte o manual do OEM para obter a
localização deste sensor.
Dicas para a Oficina:
• Quando o nível do líquido de arrefecimento é menor que um determinado valor, ocorre o despotenciamento
do motor, no qual a potência de saída é reduzida em 50 porcento por um período de 30 segundos.
• Se for usado uma ponte de ligação no circuito do nível do líquido de arrefecimento, certifique-se de que a
mesma esteja conectada corretamente.
• Verifique se há danos no chicote elétrico entre o conector de 4 pinos e o sensor de nível do líquido de
arrefecimento.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 235
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-239

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

ADVERTÊNCIA
Não remova a tampa de pressão do radiador de um motor quente. Para evitar ferimentos causados pelo
vapor ou borrifos do líquido quente, espere o líquido de arrefecimento esfriar até 50º C [120º F].

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
No. 3822758 - Ponta de teste macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
PASSO 2: Verifique se há um sensor de nível do líquido de arrefecimento.
PASSO 2A: Verifique se o veículo possui um sensor Sensor de nível do líquido de
de nível do líquido de arrefecimento. arrefecimento instalado
PASSO 3: Certifique-se de que o nível do líquido de arrefecimento esteja baixo.
PASSO 3A: Verifique o nível do líquido. Nível normal
PASSO 4: Verifique o sensor de nível do líquido de arrefecimento.
PASSO 4A: Verifique se a falha ainda está ativa com o Código de Falha 197 ativo
motor funcionando.
PASSO 4B: Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do OEM e do sensor.
PASSO 4C: Leia os códigos de falha. Código de Falha 197 ativo
PASSO 5: Verifique se há uma ponte de ligação.
PASSO 5A: Verifique se há uma ponte de ligação Ponte de ligação instalada
instalada.
PASSO 6: Verifique o chicote do OEM.
PASSO 6A: Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do OEM e do ECM.
PASSO 6B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 235 ativo
PASSO 6C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 6D: Verifique se há um curto de pino a pino. Mais de 100k ohms
PASSO 6E: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
Código de Falha 235 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-240 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 7: Verifique a resposta do ECM.


PASSO 7A: Verifique a resposta alta do ECM. Código de Falha 422 ativo
Código de Falha 235 inativo
PASSO 7B: Verifique a resposta baixa do ECM. Código de Falha 422 ativo
Código de Falha 235 ativo
PASSO 8: Apague os códigos de falha.
PASSO 8A: Desabilite o código de falha. Código de Falha 235 inativo
PASSO 8B: Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados

PASSO DE REPARO DA FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha usando o Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352
INSITE™. ou 386 não estão ativos
NÃO OK Vá para os diagramas
Faça primeiro o diagnóstico de falhas dos de diagnóstico de
códigos 187, 227, 238, 239, 352 e 386. falhas apropriados

PASSO 2: Verifique se há um sensor de nível do líquido de arrefecimento.


PASSO 2A: Verifique se o veículo possui um sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Verifique se o veículo está equipado com OK 3A
um sensor de nível do líquido de Sensor de nível de líquido de
arrefecimento arrefecimento instalado
NÃO OK 5A
Sensor de nível de líquido de arrefecimento
não está instalado.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 235
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-241

PASSO 3: Certifique-se de que o nível do líquido de arrefecimento esteja baixo.


PASSO 3A: Verifique o nível do líquido de arrefecimento.
ADVERTÊNCIA

Não remova a tampa de pressão do radiador de um motor quente. Para evitar ferimentos causados pelo
vapor ou borrifos do líquido quente, espere o líquido de arrefecimento esfriar até 50º C [120º F].
PRECAUÇÃO
Para evitar danos às partes fundidas do bloco, não adicione líquido de arrefecimento frio em um motor
quente. Aguarde o motor esfriar até 50º C [120º F] antes de adicionar o líquido.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique o nível do líquido de OK 4A
arrefecimento. Nível do líquido de arrefecimento normal
• Remova a tampa de pressão do
radiador e inspecione o líquido de NÃO OK 8A
arrefecimento. Adicione líquido de arrefecimento
NOTA: Certifique-se de que a proporção de
água e anticongelante do líquido esteja correta.

PASSO 4: Verifique o sensor de nível do líquido de arrefecimento.


PASSO 4A: Verifique se a falha ainda está ativa com o motor funcionando.
ADVERTÊNCIA

Não remova a tampa de pressão do radiador de um motor quente. Para evitar ferimentos causados pelo
vapor ou borrifos do líquido quente, espere o líquido de arrefecimento esfriar até 50º C [120º F].
Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o código de falha está ativo. OK 4B
• Dê a partida no motor e opere-o em marcha Código de Falha 197 ativo
lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 8A
• Leia os códigos de falha usando o INSITE™.
Código de Falha 197 inativo.
Código de Falha 235 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-242 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4B: Inspecione os pinos conectores do chicote do OEM e do sensor.


Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo
Passo
Inspecione os pinos do chicote do OEM e OK 4C
do sensor de nível do líquido de Não há pinos danificados
arrefecimento e verifique se há:
• Pinos corroídos. NÃO OK 8A
• Pinos torcidos ou quebrados. Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
expandidos. pinos dos conectores. Se houver pinos
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Umidade dentro ou sobre o conector
OEM, ou substitua o sensor.
• Vedações de conector danificadas ou
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do OEM. Consulte o
Procedimento 019-204.
• Substitua o chicote do OEM. Consulte
Procedimento 019-071.
• Substitua o sensor de nível do líquido de
arrefecimento. Consulte o Procedimento
019-017.

PASSO 4C: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 5A
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 235 ativo
operar em marcha lenta durante
1 minuto. NÃO OK 8A
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 235 inativo.
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 235
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-243

PASSO 5: Verifique se há uma ponte de ligação.


PASSO 5A: Verifique se há uma ponte de ligação instalada.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há uma ponte de ligação OK 6A
instalada. Ponte de ligação instalada
NÃO OK 8A
Instale uma ponte de ligação
Consulte o Procedimento 019-324.

PASSO 6: Verifique o chicote do OEM


PASSO 6A: Inspecione os pinos conectores do chicote do OEM e do ECM

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do OK 6B
ECM e do chicote do OEM e
Não há pinos danificados
verifique se há:
• Pinos corroídos. NÃO OK 8A
• Pinos torcidos ou quebrados. Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos pinos dos
expandidos. conectores. Se houver pinos danificados, repare ou
substitua o chicote do OEM, ou substitua o ECM.
• Umidade dentro ou sobre o
conector. • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos pinos
conectores com o limpador de contato elétrico,
• Vedações de conector
No. 3824510.
danificadas ou ausentes.
• Sujeira ou resíduos nos pinos • Instale a vedação do conector correta se estiver
danificada ou ausente.
dos conectores.
• Repare o chicote do OEM.
NOTA: Puxe suavemente cada
Consulte o Procedimento 019-323.
fio para certificar-se de que o
mesmo esteja firme no conector • Substitua o chicote do OEM.
e que não esteja torcido para Consulte o Procedimento 019-071.
trás. • Substitua o ECM. Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 6B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 6C
• Dê a partida no motor e opere-o Código de Falha 235 ativo
em marcha lenta por 1 minuto. NÃO OK 8B
• Leia os códigos de falha usando Código de Falha 235 inativo.
o INSITE™.
Código de Falha 235 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-244 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 6C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
No. 3822758 - Ponta de teste macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o conector sensor do chicote do OEM do conector sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto no chicote do OK 6D
OEM. Menos de 10 ohms
• Meça a resistência entre o pino 59 do
conector do chicote do OEM e o pino A do
conector sensor do chicote do OEM.
NÃO OK 8A
• Meça a resistência entre o pino 78 do Repare ou substitua o chicote do
conector do chicote do OEM e o pino D do
OEM
conector sensor do chicote do OEM.
• Repare o chicote do OEM.
• Meça a resistência entre o pino 50 do Consulte o Procedimento 019-323
conector do chicote do OEM e o pino B do
ou 019-204.
conector sensor do chicote do OEM.
• Substitua o chicote do OEM.
• Meça a resistência entre o pino 68 do Consulte o Procedimento 019-071.
conector do chicote do OEM e o pino C do
conector sensor do chicote do OEM.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 235
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-245

PASSO 6D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 6E
• Meça a resistência entre o pino 59 do Mais de 100k ohms
conector do ECM no chicote do OEM e
todos ou outros pinos no conector.
• Meça a resistência entre o pino 78 do
NÃO OK 8A
conector do ECM no chicote do OEM e
Repare ou substitua o chicote do
todos ou outros pinos no conector.
OEM
• Meça a resistência entre o pino 50 do
conector do ECM no chicote do OEM e
• Repare o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-323.
todos ou outros pinos no conector.
• Meça a resistência entre o pino 68 do
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
conector do ECM no chicote do OEM e
todos ou outros pinos no conector.
Código de Falha 235 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-246 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 6E: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 7A
• Meça a resistência entre o pino 59 do Mais de 100k ohms
conector do ECM no chicote do OEM e a
massa do bloco do motor.
• Meça a resistência entre o pino 78 do
NÃO OK 8A
conector do ECM no chicote do OEM e a
Repare ou substitua o chicote do
massa do bloco do motor.
OEM
• Meça a resistência entre o pino 50 do
conector do ECM no chicote do OEM e a
• Repare o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-323.
massa do bloco do motor.
• Meça a resistência entre o pino 68 do
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
conector do ECM no chicote do OEM e a
massa do bloco do motor.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 235
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-247

PASSO 7: Verifique a resposta do ECM


PASSO 7A: Verifique a resposta alta do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3822758 - Ponta de teste macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.
Condição:
• Ligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resposta alta do ECM. OK 7B
• Instale um fio de ponte entre o pino C e o Código de Falha 422 ativo
pino D do conector do sensor de nível do Código de Falha 235 inativo
líquido de arrefecimento.
NÃO OK 8A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 235 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-248 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 7B: Verifique a resposta baixa do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3822758 - Ponta de teste macho Deutsch/AMP/Metri-Pack.
Condição:
• Ligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de nível do líquido de arrefecimento.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resposta baixa do ECM. OK 8A
• Instale um fio de ponte entre o pino A e o Código de Falha 422 ativo
pino C do conector do sensor de nível do Código de Falha 235 ativo
líquido de arrefecimento. Substitua o sensor de nível do
líquido de arrefecimento
Consulte o Procedimento 019-017.
NÃO OK 8A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 235
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-249

PASSO 8: Apague os códigos de falha.


PASSO 8A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 8B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 235 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
235 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 8B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 238 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-250 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 238


Alimentação C do Sensor - Baixa Voltagem

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 238 Detectada baixa voltagem entre a linha Valor padrão para o sensor de
PID(P), SID(S): S232 de alimentação do ECM e o sensor de pressão/ temperatura conectado a
SPN: 620 pressão/ temperatura do óleo. esta fonte de + 5 VCC. Nenhuma
FMI: 4 proteção do motor para a pressão do
Luz: Amarela óleo.

Circuito do Sensor de Pressão/Temperatura do Óleo.

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do óleo é usado pelo ECM para monitorar a pressão do óleo lubrificante. O
ECM monitora a voltagem no pino de sinal e a converte para um valor de pressão.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do óleo está localizado no bloco do motor, abaixo do coletor de escape e
próximo da carcaça do filtro de óleo.
Dicas para a Oficina:
• Se os Códigos de Falha 143 ou 415 não estiverem ativos, o problema não estará relacionado ao sistema
de lubrificação do motor.
• O INSITE™ pode ser usado para monitorar a voltagem do sinal de pressão do óleo que chega até o ECM.
• Certifique-se de estar usando o sensor de pressão/temperatura do óleo de número correto.
• Se os Códigos de Falha 238 e 141 estiverem ativos, faça primeiro o diagnóstico do Código de Falha 238.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 238
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-251

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Meça a voltagem do sensor.
PASSO 1A Meça a voltagem no sensor de pressão/ 4,75 a 5,25 VCC
temperatura do óleo.

PASSO 2: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do motor e do ECM.
PASSO 2B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 238 ativo
PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de Mais de 100k ohms
pino a pino.
PASSO 2E: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação. 4,75 a 5,25 VCC

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A Desabilite o código de falha. Código de Falha 238 inativo
PASSO 3B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados
Código de Falha 238 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-252 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Meça a voltagem do sensor.
PASSO 1A: Meça a voltagem no sensor de pressão/temperatura do óleo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem de alimentação. OK 2A
• Meça a voltagem de alimentação 4,75 a 5,25 VCC
entre o pino 1 e o pino 3 do conector NÃO OK 3A
sensor do chicote do motor.
Substitua o sensor de pressão/temperatura
do óleo
Consulte o Procedimento 019-155.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 238
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-253

PASSO 2: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos conectores do chicote OK 2B
do motor e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos corroídos NÃO OK 3A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou expandidos
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Vedações de conector danificadas ou danificados, repare ou substitua o chicote do
ausentes. motor, ou substitua o ECM.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
conectores. nos pinos conectores com o limpador de
NOTA: Puxe suavemente cada fio para contato elétrico, No. 3824510.
certificar-se de que o mesmo esteja • Instale a vedação do conector correta se
firme no conector e que não esteja estiver danificada ou ausente.
torcido para trás. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 238 ativo
em marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 3B
• Leia os códigos de falha usando o
Código de Falha 238 inativo.
INSITE™.
Código de Falha 238 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-254 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de pressão/temperatura do óleo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 2D
• Meça a resistência entre o pino 9 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 3A
o pino 3 do conector do sensor. Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 19 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do motor.
o pino 1 do conector do sensor. Consulte o Procedimento 019-236
• Meça a resistência entre o pino 33 do ou 019-204.
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Substitua o chicote do motor.
o pino 4 do conector do sensor. Consulte o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 238
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-255

PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do chicote do motor.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 2E
• Meça a resistência entre o pino 9 do conector Mais de 100k ohms
de 36 pinos do chicote do motor e todos os NÃO OK 3A
outros pinos do conector.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 19 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e
todos os outros pinos do conector. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Meça a resistência entre o pino 33 do • Substitua o chicote do motor.
conector de 36 pinos do chicote do motor e Consulte o Procedimento 019-043.
todos os outros pinos do conector.
Código de Falha 238 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-256 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2E: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 2F
• Meça a resistência entre o pino 9 do conector Mais de 100k ohms
de 36 pinos do chicote do motor e a massa do NÃO OK 3A
bloco do motor.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 19 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e a
massa do bloco do motor. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Meça a resistência entre o pino 33 do • Substitua o chicote do motor.
conector de 36 pinos do chicote do motor e a Consulte o Procedimento 019-043.
massa do bloco do motor.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 238
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-257

PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação de saída do OK 3A
ECM. 4,75 a 5,25 VCC
• Meça a voltagem do pino 9 ao pino 19 no NÃO OK 3A
ECM.
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 238 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-258 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 3B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 238 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
238 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 3B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 239
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-259

Código de Falha 239


Alimentação C do Sensor - Alta Voltagem

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 239 Detectada alta voltagem entre a linha Valor padrão para o sensor de pressão/
PID(P), SID(S): S232 de alimentação do ECM e o sensor temperatura conectado a esta fonte de
SPN: 620 de pressão/temperatura do óleo. +5 VCC. Nenhuma proteção do motor
FMI: 3 para a pressão do óleo.
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Pressão/Temperatura do óleo

Descrição do Circuito:
O sensor de pressão/temperatura do óleo é usado pelo ECM para monitorar a pressão do óleo lubrificante. O
ECM monitora a voltagem no pino de sinal e a converte para um valor de pressão.
Localização do Componente:
O sensor de pressão/temperatura do óleo está localizado no bloco do motor, abaixo do coletor de escape e
próximo da carcaça do filtro de óleo.
Dicas para a Oficina:
• Se os Códigos de Falha 143 ou 415 não estiverem ativos, o problema não estará relacionado ao sistema
de lubrificação do motor.
• O INSITE™ pode ser usado para monitorar a voltagem do sinal de pressão do óleo que chega até o ECM.
• Certifique-se de estar usando o sensor de pressão/temperatura do óleo de número correto.
• Se os Códigos de Falha 239 e 135 estiverem ativos, faça primeiro o diagnóstico do Código de Falha 239.
Código de Falha 239 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-260 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Meça a voltagem do sensor.
PASSO 1A Meça a voltagem no sensor de pressão/ 4,75 a 5,25 VCC
temperatura do óleo.

PASSO 2: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do motor e do ECM.
PASSO 2B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 239 ativo
PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de Mais de 100k ohms
pino a pino.
PASSO 2E: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação. 4,75 a 5,25 VCC

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A Desabilite o código de falha. Código de Falha 239 inativo
PASSO 3B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 239
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-261

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Meça a voltagem do sensor.
PASSO 1A: Meça a voltagem no sensor de pressão/temperatura do óleo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do conector do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem de alimentação. OK 2A
• Meça a voltagem de alimentação 4,75 a 5,25 VCC
entre o pino 1 e o pino 3 do conector NÃO OK 3A
sensor do chicote do motor.
Substitua o sensor de pressão/temperatura
do óleo
Consulte o Procedimento 019-155.
Código de Falha 239 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-262 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os pinos do chicote do motor e OK 2B
do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos corroídos. NÃO OK 3A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou expandidos
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Vedações de conector danificadas ou danificados, repare ou substitua o chicote do
ausentes. motor, ou substitua o ECM.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
conectores. nos pinos conectores com o limpador de
NOTA: Puxe suavemente cada fio para contato elétrico, No. 3824510.
certificar-se de que o mesmo esteja • Instale a vedação do conector correta se
firme no conector e que não esteja estiver danificada ou ausente.
torcido para trás. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 239 ativo
em marcha lenta durante 1 minuto. NÃO OK 3B
• Leia os códigos de falha usando o
Código de Falha 239 inativo.
INSITE™.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 239
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-263

PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 2D
• Meça a resistência entre o pino 9 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e NÃO OK 3A
o pino 3 do conector do sensor. Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 19 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do motor.
o pino 1 do conector do sensor. Consulte o Procedimento 019-236
• Meça a resistência entre o pino 33 do ou 019-204.
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Substitua o chicote do motor.
o pino 4 do conector do sensor. Consulte o Procedimento 019-043.
Código de Falha 239 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-264 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. de Peça 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. de Peça 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 2E
• Meça a resistência entre o pino 9 do conector Mais de 100k ohms
de 36 pinos do chicote do motor e todos os NÃO OK 3A
outros pinos do conector.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 19 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e
todos os outros pinos do conector. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Meça a resistência entre o pino 33 do • Substitua o chicote do motor.
conector de 36 pinos do chicote do motor e Consulte o Procedimento 019-043.
todos os outros pinos do conector.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 239
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-265

PASSO 2E: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o sensor de pressão/temperatura do óleo do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 2F
• Meça a resistência entre o pino 9 do conector Mais de 100k ohms
de 36 pinos do chicote do motor e a massa do NÃO OK 3A
bloco do motor.
Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 19 do motor
conector de 36 pinos do chicote do motor e a
massa do bloco do motor. • Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-236.
• Meça a resistência entre o pino 33 do • Substitua o chicote do motor.
conector de 36 pinos do chicote do motor e a Consulte o Procedimento 019-043.
massa do bloco do motor.
Código de Falha 239 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-266 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2F: Verifique a voltagem de alimentação.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0.6.
Condição:
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação do ECM. OK 3A
• Meça a voltagem entre do pino 9 ao pino 19 4,75 a 5,25 VCC
no ECM. NÃO OK 3A
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 239
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-267

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 3B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 239 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
239 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 3B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 241 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-268 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 241


Circuito do Sensor de Velocidade do Veículo

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 241 Perdido o sinal de velocidade Rotação do motor limitada ao parâmetro
PID(P), SID(S): P084 do veículo. "Rotação Máxima do Motor Sem Sensor de
SPN: 84 Velocidade do Veículo". O piloto automático, a
FMI: 2 proteção de marcha reduzida e o governador
Luz: Amarela de velocidade não funcionarão. Os dados de
viagem baseados em km (milhas) serão
incorretos.

Circuito do Sensor de Velocidade do Veículo

Descrição do Circuito:
O sensor de velocidade do veículo (VSS) usa duas bobinas distintas de fios (algumas aplicações usam um
sensor de uma única bobina) para contar os dentes da engrenagem à medida que passam na frente do sensor.
Uma bobina é usada pelo ECM para detectar a velocidade do veículo. A outra bobina é às vezes usada pelo
OEM para enviar um sinal de velocidade do veículo ao indicador de velocidade.
Localização do Componente:
O sensor de velocidade do veículo é geralmente instalado na parte traseira da transmissão.
Dicas para a Oficina:
• Desconecte o conector do sensor de velocidade do veículo ligado ao velocímetro do OEM, ou registrador de
viagem, e movimente o veículo. Se o código de falha tornar-se inativo, é provável que haja um ruído elétrico
sendo alimentado no circuito do sensor de velocidade do veículo procedente do dispositivo do OEM.
• Verifique se a fiação do sensor de velocidade do veículo no chicote do OEM são pares trançados.
• Verifique a operação do interruptor do freio com o INSITE™. A falha pode ser causada pelo travamento das
rodas traseiras sem indicação de acionamento do freio para o ECM.
• Verifique se a instalação do sensor de velocidade está correta e que sua porca de trava não esteja solta.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 241
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-269

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3823996 - Ponta de teste Weather-Pack tipo soquete.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique o sensor de velocidade do veículo.
PASSO 1A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do OEM e do sensor.
PASSO 1B Leia os códigos de falha. Código de Falha 241 ativo
PASSO 1C: Verifique se o ajuste está correto 1/2 a 3/4 de volta para fora da
(se ajustável). engrenagem para sensores
do tipo roscado
PASSO 1D: Verifique a resistência do sensor. 750 a 1500 ohms
PASSO 1E: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 10M ohms
PASSO 1F: Verifique se há um curto-circuito entre Mais de 10M ohms
as bobinas (se houver duas).
PASSO 2: Verifique o chicote do OEM.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do chicote Não há pinos danificados
do OEM e do ECM.
PASSO 2B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 241 ativo
PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino Mais de 100k ohms
a pino.
PASSO 2E: Verifique se há um curto com a massa. Mais de 100k ohms
PASSO 3: Verifique os componentes do OEM.
PASSO 3A Verifique se há um dispositivo externo Não há dispositivo externo
de registro.
PASSO 3B: Verifique se a engrenagem do eixo traseiro Engrenagem fixada corretamente
da transmissão desliza sobre o eixo.
PASSO 3C: Verifique se há interferência no chicote Código de Falha 241 inativo
do OEM.
PASSO 3C-1: Desabilite o código de falha. Código de Falha 241 inativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A Desabilite o código de falha. Código de Falha 241 inativo
PASSO 4B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha apagados
Código de Falha 241 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-270 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique o sensor de velocidade do veículo.
PASSO 1A: Inspecione os pinos conectores do chicote do OEM e do sensor de velocidade do
veículo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o chicote do OEM e o sensor de OK 1B
velocidade do veículo apresentam: Não há pinos danificados
• Pinos Corroídos. NÃO OK 4A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou expandidos.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
pinos conectores. Se houver pinos
• Vedações de conector danificadas ou danificados, repare ou substitua o chicote do
ausentes. OEM, ou substitua o sensor de velocidade do
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos veículo.
conectores. • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
nos pinos conectores com o limpador de
contato elétrico, No. 3824510.
• Instale a vedação do conector correta se
estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do OEM. Consulte o
Procedimento 019-202.
• Substitua o chicote do OEM. Consulte o
Procedimento 019-071.
• Substitua o sensor de velocidade do
veículo. Consulte o Procedimento
019-090 ou 019-091.

PASSO 1B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 1C
• Dirija o veículo. A velocidade do veículo Código de Falha 241 ativo
deve exceder 16 km/h [10 mph].
NÃO OK 4B
Código de Falha 241 inativo.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 241
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-271

PASSO 1C: Verifique se o ajuste do sensor de velocidade o veículo está correto (se ajustável).
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se o ajuste do sensor de OK 1D
velocidade do veículo está correto
1/2 a 3/4 de volta para fora da engrenagem
(se ajustável)
NÃO OK 4A
Ajuste o sensor de velocidade do veículo
Consulte o Procedimento 019-090 ou 019-091.
Código de Falha 241 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-272 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 1D: Verifique se a resistência do sensor está correta.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3823996 - Ponta de teste Weather-Pack tipo soquete.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se a resistência do sensor de OK 1E
velocidade do veículo está correta. 750 a 1500 ohms
• Meça a resistência entre os pinos A e
B para cada conector do sensor de NÃO OK 4A
velocidade do veículo no lado do Substitua o sensor de velocidade do
sensor. veículo.
Consulte o Procedimento 019-090 ou 019-091.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 241
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-273

PASSO 1E: Verifique se há um curto com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3823996 - Ponta de teste Weather-Pack tipo soquete.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a OK 1F
massa no sensor de velocidade do Mais de 10M ohms
veículo.
• Meça a resistência entre o pino A, no NÃO OK 4A
lado do sensor de um dos conectores Substitua o sensor de velocidade do
do sensor de velocidade do veículo e veículo
a massa do bloco do motor. Consulte o Procedimento 019-090 ou 019-091.
• Meça a resistência entre o pino A, no
lado do sensor do outro conector do
sensor de velocidade do veículo e a
massa do bloco do motor.
Código de Falha 241 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-274 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 1F: Verifique se há um curto-circuito entre as bobinas (se houver duas).

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3823996 - Ponta de teste Weather-Pack tipo soquete.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito entre OK 2A
bobinas no sensor de velocidade do Mais de 10M ohms
veículo.
• Meça a resistência entre o pino A, no NÃO OK 4A
lado do sensor de um dos conectores Substitua o sensor de velocidade do
do sensor de velocidade do veículo e veículo
o pino A do outro conector. Consulte o Procedimento 019-090 ou 019-091.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 241
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-275

PASSO 2: Verifique o chicote do OEM.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do OEM e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os conectores do chicote do OK 2B
OEM e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos corroídos. NÃO OK 4A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou expandidos.
Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Vedações de conector danificadas ou danificados, repare ou substitua o chicote
ausentes. do OEM, ou substitua o ECM.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
conectores. nos pinos conectores com o limpador
NOTA: Puxe suavemente cada fio para de contato elétrico, No. 3824510.
certificar-se de que o mesmo esteja • Instale a vedação do conector correta
firme no conector e que não esteja se estiver danificada ou ausente.
torcido para trás. • Repare o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia o código de falha. OK 2C
• Dirija o veículo. A velocidade do veículo Código de Falha 241 ativo
deve exceder 16 km/h [10 mph]. NÃO OK 4B
Código de Falha 241 inativo.
Código de Falha 241 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-276 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0,6
No. 3823996 - Ponta de teste Weather-Pack tipo soquete.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 2D
• Meça a resistência entre o pino 56 do Menos de 10 ohms
conector do ECM no chicote do OEM
e o pino B, lado do chicote, do NÃO OK 4A
conector do sensor de velocidade do Repare ou substitua o chicote do OEM
veículo. • Repare o chicote do OEM. Consulte o
• Meça a resistência entre o pino 74 do Procedimento 019-323 ou 019-202.
conector do ECM no chicote do OEM • Substitua o chicote do OEM. Consulte o
e o pino A, lado do chicote, do Procedimento 019-071.
conector do sensor de velocidade do
veículo.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 241
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-277

PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 2E
• Meça a resistência entre o pino 56 do Mais de 100k ohms
conector do chicote do OEM e todos os
outros pinos do conector. NÃO OK 4A
Repare ou substitua o chicote do OEM
• Meça a resistência entre o pino 74 do
conector do chicote do OEM e todos os • Repare o chicote do OEM. Consulte
outros pinos do conector. o Procedimento 019-323.
• Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
Código de Falha 241 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-278 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2E: Verifique se há um curto com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do OEM do sensor de velocidade do veículo.
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa OK 3A
no chicote. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 56 do
chicote do OEM e a massa do bloco do NÃO OK 4A
motor. Repare ou substitua o chicote do OEM
• Meça a resistência entre o pino 74 do • Repare o chicote do OEM.
chicote do OEM e a massa do bloco do Consulte o Procedimento 019-323.
motor. • Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.

PASSO 3: Verifique os componentes do OEM.


PASSO 3A: Verifique se há um dispositivo externo de registro.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Verifique se há um dispositivo externo de OK 3B
registro, ou similar, conectado ao circuito do Não há dispositivo externo
sensor de velocidade do veículo.
NÃO OK 4A
Desconecte o dispositivo do circuito
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 241
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-279

PASSO 3B: Verifique se a engrenagem do eixo traseiro da transmissão desliza sobre o eixo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Sensor de velocidade do veículo removido.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se a engrenagem do eixo traseiro OK 3C
da transmissão desliza sobre o eixo. Engrenagem fixada corretamente
• Certifique-se de que a engrenagem da
transmissão na montagem do sensor NÃO OK 4A
não deslize sobre o eixo. Faça a Repare a engrenagem da transmissão
verificação tentando girar a engrenagem Consulte o manual de diagnóstico de
com uma chave de fenda comum. falhas e reparos do OEM.

PASSO 3C: Verifique se há interferência no chicote do OEM.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há interferência no chicote do OK 4A
OEM. Código de Falha 241 inativo
• Instale um par de fios de ponte trançados Há uma interferência no chicote do
entre o sensor de velocidade do veículo e OEM. Localize e remova a fonte de
o ECM. Conecte os fios entre o pino A do interferência.
conector do sensor, lado do chicote, e o
pino 74 do chicote do OEM, e entre o pino NÃO OK 3C-1
B do sensor, lado do chicote, e o pino 56 Substitua o sensor de velocidade do
do chicote do OEM. veículo
• Desconecte o conector do velocímetro no Consulte o Procedimento 019-090 ou
sensor de velocidade do veículo. 019-091.
• Dirija o veículo. A velocidade do veículo
deve ser maior que 16 km/h [10 mph].

PASSO 3C-1: Desabilite o código de falha.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4B
• Dirija o veículo. A velocidade do veículo Código de Falha 241 inativo
deve ser maior que 16 km/h [10 mph]. NÃO OK 4A
• Verifique se o Código de Falha 241 está Substitua o ECM
inativo. Consulte o Procedimento 019-031.
Código de Falha 241 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-280 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4B
• Dirija o veículo. A velocidade do veículo Código de Falha 241 inativo
deve ser maior que 16 km/h [10 mph].
NÃO OK 1A
Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 244
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-281

Código de Falha 244


Erro no Circuito da Lâmpada Indicadora

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 244 Detectado erro em um ou mais circuitos A lâmpada não acenderá durante o
PID(P), SID(S): S238 de lâmpada indicadora. O erro pode teste de verificação seqüencial se
SPN: 623 resultar de um circuito aberto ou curto- houver um circuito aberto ou um
FMI: 4 circuito com a bateria ou o terra em curto circuito com a bateria. A
Luz: Amarela qualquer circuito exceto no circuito da lâmpada permanecerá acesa se
lâmpada de advertência. houver um curto circuito à terra.

Erro no Circuito da Lâmpada Indicadora

Descrição do Circuito:
O ECM realiza testes de advertência na maioria de seus circuitos e ativa um código de falha se detectar algum
problema nesses circuitos. Alguns códigos de falha acendem uma lâmpada indicadora para alertar o motorista.
Localização do Componente:
A lâmpada indicadora encontra-se normalmente na cabine do veículo ou no painel de instrumentos.
Dicas para a Oficina:
Geralmente, esta falha indica um curto-circuito com a voltagem da bateria e não pode ser ativada na lâmpada
indicadora. Entretanto, ela pode ser lida usando-se o INSITE™ ou ativando-se o código de advertência nas
lâmpadas amarelas. Este código de falha pode ser um erro em qualquer circuito de lâmpada indicadora
(lâmpadas aguardar-para-partida, parada e manutenção), exceto no circuito da lâmpada de advertência.
Código de Falha 244 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-282 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique a lâmpada indicadora.
PASSO 1A Verifique se a lâmpada indicadora está Lâmpada indicadora
conectada ao chicote do OEM. conectada
PASSO 1B Verifique a voltagem de alimentação. 9 a 15 VCC para sistemas de
12 VCC
21 a 27 VCC para sistemas de
24 VCC

PASSO 2: Verifique o chicote do OEM.


PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do OEM e do ECM.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 244 ativo
PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de Mais de 100k ohms
pino a pino.
PASSO 2E: Verifique se há um curto-circuito com Mais de 100k ohms
a massa.
PASSO 2F: Meça a voltagem de saída da bateria. 9 a 15 VCC para sistemas de
12 VCC
21 a 27 VCC para sistemas de
24 VCC

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A Desabilite o código de falha. Código de Falha 244 inativo
PASSO 3B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha apagados
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 244
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-283

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique a lâmpada indicadora.
PASSO 1A: Verifique se a lâmpada indicadora está conectada ao chicote do OEM.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se a lâmpada indicadora OK 1B
está conectada ao chicote do OEM. Lâmpada indicadora conectada
NÃO OK 3A
Conecte a lâmpada indicadora ao chicote do
OEM
Código de Falha 244 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-284 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 1B: Verifique a voltagem de alimentação.


PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2,8 (lâmina).
Condição:
• Desconecte a lâmpada indicadora do chicote do OEM.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a voltagem de alimentação da OK 2A
lâmpada indicadora. 9 a 15 VCC para sistemas de 12 VCC
• Meça a voltagem de alimentação entre os 21 a 27 VCC para sistemas de 24 VCC
pinos 1 e 2 do conector do OEM, lado da
lâmpada Aguardar-para-Partida.
• Meça a voltagem de alimentação entre os
pinos 1 e 2 do conector do OEM, lado da NÃO OK 2A
lâmpada de Parada.
• Meça a voltagem de alimentação entre os
pinos 1 e 2 do conector do OEM, lado da
lâmpada de Manutenção.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 244
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-285

PASSO 2: Verifique o chicote do OEM.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do OEM e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada indicadora.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os conectores do chicote do OK 2B
OEM e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos corroídos. NÃO OK 3A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou
expandidos. Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas OEM, ou substitua o ECM.
ou ausentes.
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos pinos conectores com o limpador de contato
conectores. elétrico, No. 3824510.
NOTA: Puxe suavemente cada fio • Instale a vedação do conector correta se
para certificar-se de que o mesmo estiver danificada ou ausente.
esteja firme no conector e que não • Repare o chicote do OEM. Consulte o
esteja torcido para trás. Procedimento 019-202 ou 019-323.
• Substitua o chicote do OEM. Consulte o
Procedimento 019-071.
• Substitua o ECM. Consulte o Procedimento
019-031.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 244 ativo
operar em marcha lenta durante NÃO OK 3B
1 minuto.
Código de Falha 244 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
Código de Falha 244 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-286 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada de Parada.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada de Aguardar-para-Partida.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada de Manutenção.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 2D
• Meça a resistência entre o pino 29 do Menos de 10 ohms
conector ECM de 89 pinos do chicote do
OEM e o pino 2 da lâmpada Aguardar-
para-Partida.
• Meça a resistência entre o pino 47 do NÃO OK 3A
conector ECM de 89 pinos do chicote do Repare ou substitua o chicote do
OEM e o pino 2 da lâmpada de Parada. OEM
• Meça a resistência entre o pino 63 do • Repare o chicote do OEM.
conector ECM de 89 pinos do chicote do Consulte o Procedimento 019-323
OEM e o pino 2 da lâmpada de ou 019-202.
Manutenção.
• Meça a resistência entre o pino 8 do • Substitua o chicote do OEM.
conector ECM de 89 pinos do chicote do Consulte o Procedimento 019-071.
OEM e o pino 1 das lâmpadas Aguardar-
para-Partida, de Parada e de Manutenção.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 244
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-287

PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada indicadora.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada de Parada
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada Aguardar-para-Partida.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada de Manutenção.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a pino. OK 2E
• Meça a resistência entre o pino 29 do Mais de 100k ohms
conector do chicote do OEM e todos os NÃO OK 3A
outros pinos no conector. Repare ou substitua o chicote do
• Meça a resistência entre o pino 47 do OEM
conector do chicote do OEM e todos os • Repare o chicote do OEM.
outros pinos no conector. Consulte o Procedimento 019-323.
• Meça a resistência entre o pino 63 do • Substitua o chicote do OEM.
conector do chicote do OEM e todos os Consulte o Procedimento 019-071.
outros pinos no conector.
Código de Falha 244 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-288 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2E: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada indicadora.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada de Parada.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada de Aguardar-para-Partida.
• Desconecte o chicote do OEM da lâmpada de Manutenção.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a massa. OK 2F
• Meça a resistência entre o pino 29 do Mais de 100k ohms
conector de 89 pinos do chicote do OEM e
a massa do bloco do motor.
NÃO OK 3A
• Meça a resistência entre o pino 47 do Substitua o chicote do OEM
conector de 89 pinos do chicote do OEM e
a massa do bloco do motor. • Substitua o chicote do OEM.
Consulte o Procedimento 019-071.
• Meça a resistência entre o pino 63 do
conector de 89 pinos do chicote do OEM e
a massa do bloco do motor.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 244
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-289

PASSO 2F: Meça a voltagem da bateria.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 89 pinos do chicote do OEM.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Meça a voltagem para o ECM. OK 3A
• Meça a voltagem entre o pino 1 do 9 a 15 VCC para sistemas de 12 VCC
conector do chicote do OEM e a massa 21 a 27 VCC para sistemas de 24 VCC
do bloco do motor.
• Meça a voltagem entre o pino 7 do
conector do chicote do OEM e a massa NÃO OK 3A
do bloco do motor. Repare ou substitua o chicote do
• Meça a voltagem entre o pino 12 do OEM
conector do chicote do OEM e a massa • Repare o chicote do OEM. Consulte
do bloco do motor. o Procedimento 019-323.
• Meça a voltagem entre o pino 13 do • Substitua o chicote do OEM.
conector do chicote do OEM e a massa Consulte o Procedimento 019-071.
do bloco do motor.
Código de Falha 244 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-290 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3: Apague os códigos de falha.


PASSO 3A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 3B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 244 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
244 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 3B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 261
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-291

Código de Falha 261


Sensor de Temperatura do Combustível - Circuito de Proteção do Motor

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 261 Detectada temperatura alta do Diminuição da potência progressiva


PID(P), SID(S): P174 combustível. O sinal de voltagem dependente da calibração e desligamento
SPN: 174 no pino de sinal de temperatura do do motor com aumento de tempo após o
FMI: 0/16 combustível indica temperatura alerta.
Luz: Amarela acima de 71º C [160º F].

Circuito do Sensor de Temperatura do Combustível

Descrição do Circuito:
O sensor de temperatura do combustível é usado pelo ECM para monitorar a temperatura de alimentação do
combustível do motor. O ECM usa esta temperatura para o sistema de proteção do motor e dispositivos
auxiliares de aquecimento do combustível.
Localização do Componente:
O sensor de temperatura do combustível está localizado na carcaça do filtro de combustível.
Dicas para a Oficina:
Certifique-se de que os tanques estejam abastecidos adequadamente. O combustível drenado aquece o
combustível no tanque; portanto, mantenha os tanques cheios quando operar em condições de clima quente.
Código de Falha 261 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-292 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A Verifique a precisão do sensor com um A leitura do sensor está
termopar ou dispositivo equivalente. correta
PASSO 2: Apague os códigos de falha.
PASSO 2A Desabilite o código de falha. Código de Falha 261 inativo e
não ocorreu novamente
PASSO 2B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A: Verifique a precisão do sensor com um termopar ou dispositivo equivalente.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a precisão do sensor com um termopar OK 2A
ou dispositivo equivalente. A leitura do sensor está correta
• Conecte o medidor de temperatura no motor,
próximo ao sensor de temperatura do
combustível.
• Conecte o INSITE™ no datalink do veículo.
• Opere o motor e compare a leitura no sensor
da temperatura do combustível na tela de
monitoração do INSITE™ e a leitura obtida 2A
NÃO OK
com o medidor.
A leitura do sensor está incorreta
NOTA: Se não houver um medidor de
temperatura disponível, responda "OK" neste Substitua o sensor de temperatura
passo. do combustível.
NOTA: As leituras provavelmente deverão Consulte o Procedimento 019-119.
ser verificadas com o motor operando em
condições normais de temperatura (líquido
de arrefecimento a 82º C [180º F]).
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 261
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-293

PASSO 2: Apague os códigos de falha.


PASSO 2A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 2B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 261 inativo e não
em marcha lenta durante 1 minuto. ocorreu novamente
• Aplique uma carga ao motor e deixe-o
NÃO OK 1A
operar na temperatura de normal (líquido
de arrefecimento a 82º C [180º F]). Retorne aos passos de diagnóstico de
• Certifique-se de que o Código de Falha falhas ou consulte um Posto Autorizado
261 esteja inativo e não ocorreu de Serviços Cummins após completar e
novamente. verificar todos os passos novamente.

PASSO 2B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 263 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-294 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 263


Circuito do Sensor de Temperatura do Combustível

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 263 Detectada alta voltagem no pino Usado o valor padrão para a temperatura
PID(P), SID(S): P174 de sinal de temperatura do do combustível. Possível potência baixa.
SPN: 174 combustível.
FMI: 3
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Temperatura do Combustível

Descrição do Circuito:
O sensor de temperatura do combustível é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do combustível do
motor. Se a temperatura tornar-se muito alta e o recurso de proteção do motor estiver habilitado, poderá ocorrer
uma condição de despotenciamento, levando possivelmente à parada do motor.
Localização do Componente:
O sensor de temperatura do combustível está localizado na carcaça do filtro de combustível.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 263
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-295

Dicas para a Oficina:


Se o sensor estiver funcionando corretamente, os valores de temperatura deverão corresponder aos da tabela
abaixo.

Temperatura (ºC) Temperatura [ºF] Resistência (ohms)


0 32 5k a 7k
25 77 1700 a 2500
50 122 700 a 1000
75 167 300 a 450
100 212 150 a 220
Código de Falha 263 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-296 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
PASSO 2: Verifique o sensor de temperatura do combustível.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
sensor de temperatura do combustível
e do chicote do motor.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 263 ativo
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor 50 a 10k ohms (Consulte
de temperatura do combustível. "Dicas para a Oficina")
PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.
PASSO 3A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do motor e do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 263 ativo
PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com Mais de 100k ohms
a massa.
PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino Mais de 100k ohms
a pino.
PASSO 3F: Verifique se há a resposta apropriada do Código de Falha 263 inativo
ECM. Código de Falha 265 ativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A Desabilite o código de falha. Código de Falha 263 inativo
PASSO 4B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha apagados
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 263
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-297

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha usando o Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352
INSITE™. ou 386 inativos
NÃO OK 4A
Faça primeiro o diagnóstico de falhas e
reparos dos Códigos 187, 227, 238, 239, 352
e 386.

PASSO 2: Verifique o sensor de temperatura do combustível.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do sensor de temperatura do combustível e do chicote
do motor.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se os conectores do chicote do OK 2B
motor e do sensor de temperatura do Não há pinos danificados
combustível apresentam:
NÃO OK 4A
• Pinos corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos pinos
expandidos. conectores. Se houver pinos danificados, repare
ou substitua o chicote do motor, ou substitua o
• Umidade dentro ou sobre o conector
sensor de temperatura do combustível.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-202.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de temperatura do
combustível.
Consulte o Procedimento 019-119.
Código de Falha 263 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-298 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Ligue a chave de ignição.

Ação Especificações/Reparo Próximo Passo


Leia os códigos de falha. OK 2C
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 263 ativo
INSITE™.
NÃO OK 4B
Código de Falha 263 inativo.

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de temperatura do combustível.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência do sensor de OK 3A
temperatura do combustível. 50 a 10k ohms (Veja "Dicas para a Oficina")
• Meça a resistência entre os pinos 1 e
2 do sensor de temperatura do NÃO OK 4A
combustível. Substitua o sensor de temperatura do
combustível
Consulte o Procedimento 019-119.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 263
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-299

PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 3A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo..
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os conectores do chicote do OK 3B
motor e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos corroídos. NÃO OK 4A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou
expandidos. Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas ou motor, ou substitua o ECM.
ausentes.
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos nos pinos conectores com o limpador de
conectores. contato elétrico, No. 3824510.
NOTA: Puxe suavemente cada fio • Instale a vedação do conector correta se
para certificar-se de que o mesmo estiver danificada ou ausente.
esteja firme no conector e que não • Repare o chicote do motor.
esteja torcido para trás. Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 263 ativo
operar em marcha lenta durante NÃO OK 4B
1 minuto.
Código de Falha 263 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
Código de Falha 263 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-300 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 3D
• Meça a resistência entre o pino 17 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e
o pino 1 do sensor de temperatura do NÃO OK 4A
combustível, lado do chicote. Repare ou substitua o chicote do
motor
• Meça a resistência entre o pino 34 do
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do motor. Consulte
o pino 2 do sensor de temperatura do o Procedimento 019-236 ou 019-202.
combustível, lado do chicote. • Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 263
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-301

PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0,6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a OK 3E
massa. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 17 do
conector de 36 pinos do chicote do NÃO OK 4A
motor e a massa do bloco do motor. Repare ou substitua o chicote do motor
• Meça a resistência entre o pino 34 do • Repare o chicote do motor. Consulte o
conector de 36 pinos do chicote do Procedimento 019-236.
motor e a massa do bloco do motor. • Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
Código de Falha 263 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-302 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0,6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a OK 3F
pino. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 17 do
conector de 36 pinos do chicote do motor NÃO OK 4A
e todos os outros pinos do conector. • Repare o chicote do motor. Consulte o
• Meça a resistência entre o pino 34 do Procedimento 019-236.
conector de 36 pinos do chicote do motor • Substitua o chicote do motor. Consulte
e todos os outros pinos do conector. o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 263
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-303

PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
• Ligue a chave de ignição
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do OK 4A
ECM. Código de Falha 263 inativo
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 265 ativo
INSITE™.
NÃO OK 4A
Código de Falha 263 ativo
Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 263 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
263 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 265 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-304 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 265


Circuito do Sensor de Temperatura do Combustível

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 265 Detectada baixa voltagem no pino Usado o valor padrão para a temperatura
PID(P), SID(S): P174 de sinal de temperatura do do combustível. Possível potência baixa.
SPN: 174 combustível.
FMI: 4
Luz: Amarela

Circuito do Sensor de Temperatura do Combustível

Descrição do Circuito:
O sensor de temperatura do combustível é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do combustível do
motor. Se a temperatura tornar-se muito alta e o recurso de proteção do motor estiver habilitado, poderá ocorrer
uma condição de despotenciamento, levando possivelmente à parada do motor.
Localização do Componente:
O sensor de temperatura do combustível está localizado na carcaça do filtro de combustível.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 265
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-305

Dicas para a Oficina:


Se o sensor estiver funcionando corretamente, os valores de temperatura deverão corresponder aos da tabela
abaixo.

Temperatura (ºC) Temperatura [ºF] Resistência (ohms)


0 32 5k a 7k
25 77 1700 a 2500
50 122 700 a 1000
75 167 300 a 450
100 212 150 a 220
Código de Falha 265 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-306 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete 0.6.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A Leia os códigos de falha. Códigos de falha 187,227,
238, 239, 352 ou 386 inativos
PASSO 2: Verifique o sensor de temperatura do combustível.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
sensor de temperatura do combustível
e do chicote do motor.
PASSO 2B Leia os códigos de falha. Código de Falha 265 ativo
PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor 50 a 10k ohms (Consulte
de temperatura do combustível. "Dicas para a Oficina")
PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.
PASSO 3A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do motor e do ECM.
PASSO 3B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 265 ativo
PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com Mais de 100k ohms
a massa.
PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino Mais de 100k ohms
a pino.
PASSO 3F: Verifique se há a resposta apropriada do Código de Falha 265 inativo
ECM. Código de Falha 263 ativo
PASSO 4: Apague os códigos de falha.
PASSO 4A Desabilite o código de falha. Código de Falha 265 inativo
PASSO 4B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha apagados
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 265
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-307

PASSO DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique se há múltiplos códigos de falha.
PASSO 1A: Leia os códigos de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2A
• Leia os códigos de falha usando o Códigos de Falha 187, 227, 238, 239, 352
INSITE™. ou 386 inativos
NÃO OK 4A
Faça primeiro o diagnóstico de falhas dos
Códigos 187, 227, 238, 239, 352 ou 386.

PASSO 2: Verifique o sensor de temperatura do combustível.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do sensor de temperatura do combustível e do chicote
do motor.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se os conectores do chicote do OK 2B
motor e do sensor de temperatura do Não há pinos danificados
combustível apresentam:
NÃO OK 4A
• Pinos corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos pinos
expandidos. conectores. Se houver pinos danificados, repare
ou substitua o chicote do motor, ou substitua o
• Umidade dentro ou sobre o conector
sensor de temperatura do combustível.
• Vedações de conector danificadas
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
ou ausentes.
pinos conectores com o limpador de contato
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos elétrico, No. 3824510.
conectores.
• Instale a vedação do conector correta se
estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-202.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o sensor de temperatura do
combustível.
Consulte o Procedimento 019-119.
Código de Falha 265 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-308 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e opere-o em Código de Falha 265 ativo
marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 4B
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™. Código de Falha 265 inativo.

PASSO 2C: Verifique a resistência do sensor de temperatura do combustível.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência do sensor de OK 3A
temperatura do combustível. 50 a 10k ohms (Veja "Dicas para a Oficina")
• Meça a resistência entre os pinos 1 e
2 do sensor de temperatura do NÃO OK 4A
combustível. Substitua o sensor de temperatura do
combustível
Consulte o Procedimento 019-119.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 265
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-309

PASSO 3: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 3A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo..
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os conectores do chicote do OK 3B
motor e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos corroídos. NÃO OK 4A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou
expandidos. Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas ou motor, ou substitua o ECM.
ausentes.
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos nos pinos conectores com o limpador de
conectores. contato elétrico, No. 3824510.
NOTA: Puxe suavemente cada fio • Instale a vedação do conector correta se
para certificar-se de que o mesmo estiver danificada ou ausente.
esteja firme no conector e que não • Repare o chicote do motor.
esteja torcido para trás. Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 3B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 3C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 265 ativo
operar em marcha lenta durante NÃO OK 4B
1 minuto.
Código de Falha 265 inativo.
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™.
Código de Falha 265 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-310 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3C: Verifique se há um circuito aberto.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste ao fazer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina).
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0.6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um circuito aberto. OK 3D
• Meça a resistência entre o pino 17 do Menos de 10 ohms
conector de 36 pinos do chicote do motor e
o pino 1 do sensor de temperatura do NÃO OK 4A
combustível, lado do chicote. Repare ou substitua o chicote do
motor
• Meça a resistência entre o pino 34 do
conector de 36 pinos do chicote do motor e • Repare o chicote do motor. Consulte
o pino 2 do sensor de temperatura do o Procedimento 019-236 ou 019-202.
combustível, lado do chicote. • Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 265
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-311

PASSO 3D: Verifique se há um curto-circuito com a massa.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0,6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito com a OK 3E
massa. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 17 do
chicote do motor e a massa do bloco NÃO OK 4A
do motor. Repare ou substitua o chicote do motor
• Meça a resistência entre o pino 34 do • Repare o chicote do motor. Consulte o
chicote do motor e a massa do bloco Procedimento 019-236.
do motor. • Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
Código de Falha 265 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-312 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 3E: Verifique se há um curto-circuito de pino a pino.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0,6.
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há um curto-circuito de pino a OK 3F
pino. Mais de 100k ohms
• Meça a resistência entre o pino 17 do
conector de 36 pinos do chicote do motor NÃO OK 4A
e todos os outros pinos do conector. • Repare o chicote do motor. Consulte o
• Meça a resistência entre o pino 34 do Procedimento 019-236.
conector de 36 pinos do chicote do motor • Substitua o chicote do motor. Consulte
e todos os outros pinos do conector. o Procedimento 019-043.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 265
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-313

PASSO 3F: Verifique se há resposta apropriada do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino de 0,6
No. 3164113 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 0,6.
Condição:
• Desconecte o chicote do motor do sensor de temperatura do combustível.
• Ligue a chave de ignição
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se há resposta apropriada do OK 4A
ECM. Código de Falha 265 inativo
• Aplique +5 VCC ao pino 2 de sinal Código de Falha 263 ativo
do sensor de temperatura do
combustível. NÃO OK 4A
• Leia os códigos de falha usando o Código de Falha 265 ativo
INSITE™. Substitua o ECM
Consulte o Procedimento 019-031
Código de Falha 265 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-314 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 4: Apague os códigos de falha.


PASSO 4A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 4B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 265 inativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 1A
• Certifique-se de que o Código de Falha
265 esteja inativo. Retorne aos passos de diagnóstico de
falhas ou consulte o Posto Autorizado de
Serviços Cummins local depois de
completar e verificar todos os passos
novamente.

PASSO 4B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 266
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-315

Código de Falha 266


Sensor de Temperatura do Combustível - Circuito de Proteção do Motor

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 266 O sinal de temperatura do combustível Redução da potência e possível


PID(P), SID(S): P174 indica que a temperatura excedeu o parada do motor se o recurso de
SPN: 174 limite de proteção do motor. proteção do motor estiver habilitado.
FMI: 0
Luz: Vermelha

Circuito do Sensor de Temperatura do Combustível

Descrição do Circuito:
O sensor de temperatura do combustível é usado pelo ECM para monitorar a temperatura do combustível do
motor. O ECM usa esta temperatura para o sistema de proteção do motor e dispositivos auxiliares de
aquecimento do combustível.
Localização do Componente:
O sensor de temperatura do combustível está localizado na carcaça do filtro de combustível.
Dicas para a Oficina:
Certifique-se de que os tanques estejam abastecidos adequadamente. O combustível drenado aquece o
combustível no tanque; portanto, mantenha os tanques cheios quando operar em condições de clima quente.
Código de Falha 266 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-316 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A Verifique a precisão do sensor com um A leitura do sensor está
termopar ou dispositivo equivalente. correta
PASSO 2: Apague os códigos de falha.
PASSO 2A Desabilite o código de falha. Código de Falha 266 inativo e
não ocorreu novamente
PASSO 2B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos apagados

PASSO DE DIAGNÓSTICO DA FALHA


PASSO 1: Verifique a precisão do sensor.
PASSO 1A: Verifique a precisão do sensor com um termopar ou dispositivo equivalente.
Condição:
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a precisão do sensor com um termopar OK 2A
ou dispositivo equivalente. A leitura do sensor está correta
• Conecte o medidor de temperatura no motor,
próximo ao sensor de temperatura do
combustível.
• Conecte o INSITE™ no datalink do veículo.
• Opere o motor e compare a leitura no sensor
da temperatura do combustível na tela de
monitoração do INSITE™ e a leitura obtida 2A
NÃO OK
com o medidor.
A leitura do sensor está incorreta
NOTA: Se não houver um medidor de
temperatura disponível, responda "OK" neste Substitua o sensor de temperatura
passo. do combustível.
NOTA: As leituras provavelmente deverão Consulte o Procedimento 019-119.
ser verificadas com o motor operando em
condições normais de temperatura (líquido
de arrefecimento a 82º C [180º F]).
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 266
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-317

PASSO 2: Apague os códigos de falha.


PASSO 2A: Desabilite o código de falha.
Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Desabilite o código de falha. OK 2B
• Dê a partida no motor e deixe-o operar em Código de Falha 266 inativo e não
marcha lenta durante 1 minuto. ocorreu novamente
• Aplique uma carga ao motor e deixe-o
NÃO OK 1A
operar na temperatura de normal (líquido
de arrefecimento a 82º C [180º F]). Retorne aos passos de diagnóstico de
• Certifique-se de que o Código de Falha 266 falhas ou consulte um Posto Autorizado
esteja inativo e não ocorreu novamente. de Serviços Cummins após completar e
verificar todos os passos novamente.

PASSO 2B: Apague os códigos de falha inativos.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Apague os códigos de falha inativos. OK Reparo completo
• Apague os códigos de falha inativos Todos os códigos de falha apagados
usando o INSITE™.
NÃO OK Diagramas de
Faça o diagnóstico dos outros códigos de diagnóstico de falhas
falha ativos. apropriados.
Código de Falha 271 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-318 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

Código de Falha 271


Circuito do Atuador Eletrônico de Controle de Combustível - Curto-Circuito

CÓDIGOS RAZÃO EFEITO

Código de Falha: 271 Detectado um curto-circuito no circuito O motor apresenta baixa potência,
PID(P), SID(S): S151 do atuador eletrônico de controle de "morre" ou não dá na partida.
SPN: 1347 combustível.
FMI: 4
Luz: Amarela

Circuito do Atuador Eletrônico de Controle de Combustível

Descrição do Circuito:
O atuador eletrônico de controle de combustível controla a quantidade de combustível fornecida para a bomba
de alta pressão. O ECM fornece uma corrente eletrônica ao atuador de controle de combustível. O atuador
eletrônico de controle de combustível normalmente está aberto e somente é fechado quando é fornecida uma
corrente.
Localização do Componente:
O atuador eletrônico de controle de combustível está localizado no lado de admissão do motor. O atuador é
acoplado à bomba de alta pressão, a qual é montada sobre a carcaça da engrenagens traseira.
Dicas para a Oficina:
Um curto-circuito no atuador eletrônico de controle de combustível pode causar perda de potência em
condições de operação.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 271
Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-319

RESUMO DOS DIAGNÓSTICOS DE FALHAS

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, use as seguintes pontas de teste quando fizer uma medição:
No. 3164110 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 2.8 (lâmina)
No. 3164112 - Ponta de teste Bosch® tipo pino 0.6
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8.

PASSOS ESPECIFICAÇÕES SRT


PASSO 1: Verifique o atuador eletrônico de controle de combustível.
PASSO 1A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
atuador eletrônico de controle de
combustível e do chicote do motor.
PASSO 1B Leia os códigos de falha. Código de Falha 271 ativo
PASSO 1C: Verifique a resistência da bobina do 1,0 a 2,2 ohms
atuador eletrônico de combustível.
PASSO 2: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.
PASSO 2A Inspecione os pinos conectores do Não há pinos danificados
chicote do motor e do ECM.
PASSO 2B: Leia os códigos de falha. Código de Falha 271 ativo
PASSO 2C: Verifique se há um circuito aberto. Menos de 10 ohms
PASSO 2D: Verifique se há um curto-circuito de Mais de 100k ohms
pino a pino.
PASSO 2E: Verifique se há um curto-circuito com Mais de 100k ohms
a massa.
PASSO 3: Apague os códigos de falha.
PASSO 3A Desabilite o código de falha. Código de Falha 271 inativo
PASSO 3B Apague os códigos de falha inativos. Todos os códigos de falha apagados
Código de Falha 271 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-320 Seção TF - Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO DE REPARO DE FALHA


PASSO 1: Verifique o atuador eletrônico de controle de combustível.
PASSO 1A: Inspecione os pinos conectores do atuador eletrônico de controle de combustível e do
chicote do motor.
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do atuador eletrônico de controle de combustível.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique se os conectores do chicote do OK 1B
motor e do atuador eletrônico de controle Não há pinos danificados
de combustível apresentam:
NÃO OK 3A
• Pinos corroídos.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos ou quebrados.
• Pinos torcidos para trás ou expandidos Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector.
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas ou motor, ou substitua o atuador eletrônico de
ausentes. controle de combustível.
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos • Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
conectores. nos pinos conectores com o limpador de
contato elétrico, No. 3824510.
• Instale a vedação do conector correta se
estiver danificada ou ausente.
• Repare o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-202.
• Substitua o chicote do motor. Consulte o
Procedimento 019-043.
• Substitua o atuador eletrônico de controle
de combustível. Consulte o Procedimento
005-007 do Manual de Diagnóstico de
Falhas e Reparos dos Motores Série ISBe
(4 e 6 cilindros), boletim No.3653241.

PASSO 1B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 1C
• Dê a partida no motor e deixe-o operar Código de Falha 271 ativo
em marcha lenta durante 1 minuto.
NÃO OK 3B
• Leia os códigos de falha usando o
INSITE™. Código de Falha 271 inativo.
ISBe (4 e 6 cilindros) Código de Falha 271
Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha Página TF-321

PASSO 1C: Verifique a resistência da bobina do atuador eletrônico de controle de combustível.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos aos pinos e ao chicote, utilize a ponta de teste abaixo ao fazer a medição:
No. 3164111 - Ponta de teste Bosch® tipo soquete de 2.8
Condição:
• Desligue a chave de ignição.
• Desconecte o chicote do motor do atuador eletrônico de controle de combustível.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Verifique a resistência do atuador OK 2A
eletrônico de controle de combustível. 1,0 a 2,2 ohms
• Meça a resistência entre os pinos 1 e
2 do atuador eletrônico de controle de NÃO OK 3A
combustível. Substitua o atuador eletrônico de controle
de combustível
Consulte o Procedimento 005-007 do Manual
de Diagnóstico de Falhas e Reparos dos
Motores Série ISBe (4 e 6 cilindros), boletim
No. 3653241.
Código de Falha 271 ISBe (4 e 6 cilindros)
Página TF-322 Seção TF – Diagnóstico de Códigos de Falha

PASSO 2: Verifique o chicote de 36 pinos do motor.


PASSO 2A: Inspecione os pinos conectores do chicote do motor e do ECM.

PRECAUÇÃO
Para evitar danos a um novo ECM, verifique todos os códigos de falha ativos antes de substituí-lo..
Condição:
• Desligue a chave de ignição
• Desconecte do ECM o conector de 36 pinos do chicote do motor.
• Desconecte o chicote do motor do atuador eletrônico de controle de combustível.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Inspecione os conectores do chicote do OK 2B
motor e do ECM e verifique se há: Não há pinos danificados
• Pinos corroídos. NÃO OK 3A
• Pinos torcidos ou quebrados.
Repare os pinos danificados
• Pinos torcidos para trás ou
expandidos. Elimine a sujeira, resíduos ou umidade nos
pinos dos conectores. Se houver pinos
• Umidade dentro ou sobre o conector
danificados, repare ou substitua o chicote do
• Vedações de conector danificadas ou motor, ou substitua o ECM.
ausentes.
• Elimine a sujeira, resíduos ou umidade
• Sujeira ou resíduos nos pinos dos nos pinos conectores com o limpador de
conectores. contato elétrico, No. 3824510.
NOTA: Puxe suavemente cada fio • Instale a vedação do conector correta se
para certificar-se de que o mesmo estiver danificada ou ausente.
esteja firme no conector e que não • Repare o chicote do motor.
esteja torcido para trás. Consulte o Procedimento 019-236.
• Substitua o chicote do motor.
Consulte o Procedimento 019-043.
• Substitua o ECM.
Consulte o Procedimento 019-031.

PASSO 2B: Leia os códigos de falha.


Condição:
• Conecte todos os componentes.
• Ligue a chave de ignição.
Ação Especificações/Reparo Próximo Passo
Leia os códigos de falha. OK 2C
• Dê a partida no motor e deixe-o Código de Falha 271 ativo
operar em marcha lenta durante NÃO OK 3B
1 minuto.