Você está na página 1de 2

Ministério da Educação

UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ


Campus Curitiba

PLANO DE ENSINO
Engenharia Elétrica
CURSO MATRIZ 708 e 709
Engenharia de Controle e Automação

FUNDAMENTAÇÃO Resolução 25/11-COGEP


LEGAL Resolução 24/11-COGEP

DISCIPLINA/UNIDADE CURRICULAR CÓDIGO CARGA HORÁRIA (aulas)


AT AP APS Total
Sistemas de Potência 1 ET77J
51 34 5 90
AT: Atividades Teóricas, AP: Atividades Práticas, APS: Atividades Práticas Supervisionadas.

PRÉ-REQUISITO Para Matriz 708: ET76E (Máquinas Elétricas 2).


Para Matriz 709: Estar matriculado a partir do 7º período do curso
EQUIVALÊNCIA ET67B

OBJETIVO Deseja-se que ao final da disciplina os alunos:


• Dominem os conceitos de cálculo em valores por unidade (p.u.);
• Entendam e saibam usar o método das componentes simétricas;
• Possam realizar análise de problemas de curto-circuito simétrico e assimétrico;
• Possam analisar problemas elementares de fluxo de potência linear e não-linear, utilizando métodos iterativos e outros;
• Saibam utilizar alguns aplicativos destinados ao cálculo de curto-circuito e fluxo de potência.

EMENTA
Introdução à análise de Sistemas Elétricos de Potência. Componentes de um SEP. Modelagem de LTs, Transformadores,
Reatores, Geradores e Carga. Sistema Pu, Fluxo de Potência. Componentes Simétricas. Curto-circuito.

ITEM EMENTA CONTEÚDO


1 Introdução 1.1 Introdução aos problemas de Sistemas de Potência.
2 Componentes de um SEP 2.1 Parâmetros elétricos de linhas de transmissão: resistência, indutância, capacitância,
condutância.
3 Modelagem de LTs, 3.1Modelagem dos equipamentos em sistemas de potência: gerador síncrono, transformador
Transformadores, Reatores, trifásico, transformador trifásico de três enrolamentos, linhas de transmissão, cargas.
Geradores e Carga. 3.2 Exercícios.
4 Sistema PU 4.1 O Sistema por unidade – P.U.
4.2 Mudança de base.
4.3 Impedância de transformadores em P.U.
4.4 Transformadores com tap fora do valor nominal.
4.5 Exercícios.
5 Fluxo de Potência 5.1 Introdução do problema do fluxo de potência.
5.2 Matrizes de rede: impedância e admitância.
5.3 Equações de injeção de potência nas barras e equações de fluxo nas linhas de
transmissão.
5.4 Método iterativo de Newton.
5.5 Método iterativo de Gauss-Seidel.
5.6 Método de Fluxo de Potência Linearizado.
5.7 Exercícios.
6 Componentes Simétricas 6.1 Componentes simétricas, diagramas de seqüência.
7 Curto-Circuito 7.1 Introdução ao problema de curto-circuito.
7.2 Curto-circuito trifásico simétrico.
7.3 Curto-circuito assimétrico: fase-terra, fase-fase, fase-fase-terra.
7.4 Exercícios.

Referências básicas:

1. STEVENSON, William D.. Elementos de análise de sistemas de potencia. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil,
1978. 347 p.
Número de Chamada: 621.3191 S848e (32 livros)
2. MONTICELLI, Alcir Jose; GARCIA, Ariovaldo. Introducão a sistemas de energia elétrica. Campinas, SP:
UNICAMP, c2003. 251 p. : ISBN 85-2680-662-9
Número de Chamada: 621.31 M791i (11 livros)

3. OLIVEIRA, Carlos Cesar Barioni de et al. Introducão a sistemas elétricos de potência: componentes
simétricas. 2. ed. São Paulo: E. Blucher, 2000. 467 p
Número de Chamada: 621.319 I61i 2. ed. . (10 livros)

Referências Complementares:

1. ZANETTA JUNIOR, Luiz Cera. Fundamentos de sistemas elétricos de potencia. 1. ed. São Paulo: Editora
Livraria da Física, 2006. 312 p. ISBN 8588325411.
Número de Chamada: 621.3191 Z28f 1. ed.

2. RAMOS, Dorel Soares; DIAS, Eduardo Mario. Sistemas elétricos de potência: regime permanente. Rio de
Janeiro: Guanabara Dois, 1983. 2 v.
Número de Chamada: 621.3191 R175s

3. GROSS, Charles A.. Power system analysis. 2nd ed. New York; Chichester: J. Wiley, c1986. 593 p. ISBN 0-471-
86206-1.
Número de Chamada: 621.3191 G878p 2. ed.

4. MONTICELLI, Alcir Jose. Fluxo de carga em redes de energia elétrica. São Paulo: E. Blucher; Rio de Janeiro:
Centro de Pesquisas de Energia Eletrica (Brasil), c1983. 164p.
Número de Chamada: 621.3192 M791f

5. BARTHOLD, L. O.; REPPEN, N. D.; HEDMAN, D. E.; ELETROBRAS. Análise de circuitos de sistemas de
potencia. 2. ed. Santa Maria: Editora da UFSM: Rio de Janeiro: Eletrobrás, 1983. 229p.
Número de Chamada: 621.3191 B286a 2. ed.

6. ELGERD, Olle I. Introdução à Teoria de Sistemas de Energia Elétrica. Tradução de Ademaro Cotrim. Editora
MacGraw-Hill do Brasil. São Paulo. 1976.

7. STAGG, Glenn W,; EL-ABIAD, Ahmed H. Computer Methods in Power System Analysis. Editora McGraw-Hill
Inc. New York, USA. 1968.

8. GRAINGER, John J.; STEVENSON Jr., William D.. Power System Analysis. Editora McGraw-Hill Inc. New York,
USA. 1994. ISBN 0-07-061293-5.

Sistema de Avaliação:
A aprovação dar-se-á por Nota Final, proveniente de avaliações realizadas ao longo do semestre letivo, e
por freqüência.
Considerar-se-á aprovado na disciplina, o aluno que tiver frequência igual ou superior a 75% (setenta e cinco
por cento) e Nota Final igual ou superior a 6,0 (seis), consideradas todas as avaliações previstas no Plano de
Aulas.
Para possibilitar a recuperação do aproveitamento acadêmico, o professor proporcionará reavaliação ao
longo e/ou ao final do semestre letivo.