Você está na página 1de 40

Web Services TISS Orizon / Autorizador

Documentação Técnica | DEZEMBRO/2016


ÍNDICE

1. Termo de Confidencialidade ......................................................................................................................................................... 4

2. Definições, Acrônimos e Abreviações. ......................................................................................................................................... 5

3. Premissas ....................................................................................................................................................................................... 6

4. Certificação Digital ....................................................................................................................................................................... 7

5. Cadastrando as informações de conexão na Orizon ...................................................................................................................... 8

5.1. Criar usuário ...................................................................................................................................................................... 8

5.2. Cadastro das informações de acesso .................................................................................................................................. 8

6. Proposta Orizon - Transações ...................................................................................................................................................... 11

6.1. Consulta ........................................................................................................................................................................... 11

6.2. Execução de SP/SADT .................................................................................................................................................... 12

6.3. Pré-Autorizada ................................................................................................................................................................. 13

6.4. Cancelamento .................................................................................................................................................................. 13

6.5. Para todas as transações ................................................................................................................................................... 14

6.6. Negativas por Particularidades ........................................................................................................................................ 14

7. Endpoints ..................................................................................................................................................................................... 18

8. Mensagens TISS .......................................................................................................................................................................... 19

a. XML Solicitação de Autorização (Versão 3.03.01)..................................................................................................................... 20

b. XML Solicitação de Autorização (Versão 2.02.01)..................................................................................................................... 22

c. XML Status de Autorização ........................................................................................................................................................ 24

d. XML Cancelamento de Autorização (Versão 3.03.01) ............................................................................................................... 28

e. XML Cancelamento de Autorização (Versão 2.02.01) ............................................................................................................... 29

f. XML Resposta do Cancelamento ................................................................................................................................................ 30

g. XML de Solicitação de Status Autorização ................................................................................................................................. 30

h. XML de Resposta da Situação da Autorização ........................................................................................................................... 31

9. Mensagem de Retorno de Erro .................................................................................................................................................... 34

10. Testando os métodos do Web Service Orizon ............................................................................................................................. 37

11. Carteira Digital ............................................................................................................................................................................ 40


Apresentação
O Manual técnico de integração contém as instruções para o estabelecimento da comunicação via Web Service do
software do prestador com a Orizon.

O Web Service Orizon, tratado como um meio de captura de transações, em termos gerais refere-se ao uso de
clientes e servidores que se comunicam usando arquivos XML, nesse caso no padrão TISS, seguindo o protocolo
SOAP. Seguindo a determinação da regulamentação da ANS, o Web Service Orizon transaciona arquivos XML através
de uma conexão segura.

Para seguir o padrão de comunicação da TISS, as mensagens de erro solicitadas pelas operadoras e implantadas pela
Orizon, em nosso portal, foram convertidas para o padrão de mensagens de erro constantes nos Schemas da ANS.

Neste documento serão descritas as rotinas de transação a serem realizadas entre o prestador e a Orizon, em
conformidade ao padrão TISS, através do Web Service.

Todas as informações deste documento seguem as normativas publicadas pela ANS:


• Site ANS - Informações TISS (http:///www.ans.gov.br)
• Schema TISS – Versão Vigente.

O prestador poderá consultar o resultado das autorizações também pelo site da Orizon na internet.

Caso o usuário tenha alguma dúvida com relação à mensagem de erro retornada em nosso WebService, favor entrar
em contato com a Orizon.
1. Termo de Confidencialidade

São consideradas informações confidenciais todas aquelas divulgadas pela Orizon ou aquelas informações da Orizon,
constantes neste documento, que de qualquer maneira torne-se de conhecimento do Cliente. O Cliente fica,
portanto, impedido de divulgar informações confidenciais a terceiros, a não ser em caso de autorização expressa da
Orizon, ficando obrigado a zelar pelas informações confidenciais como se fosse seu titular e a devolver todo material
entregue pela Orizon.

O Cliente reconhece que a Orizon é, e continuará sendo, a exclusiva proprietária de suas informações confidenciais e
de todas as patentes, direitos autorais, segredos comerciais, marcas registradas, especificações, desenhos, modelos,
cronogramas, exemplos, ferramentas, programas técnicos e outros direitos de propriedade intelectual, a menos que
a Orizon e o Cliente acordem de forma diversa, por escrito. Nenhuma licença ou transferência de qualquer desses
direitos é concedida ao Cliente ou fica implícita nos termos desta proposta.
2. Definições, Acrônimos e Abreviações.

• TISS: (Troca de Informação em Saúde Suplementar) - A ANS estabeleceu um padrão de Troca de Informação em
Saúde Suplementar; para registro e intercâmbio de dados entre operadoras de planos privados de assistência à
saúde e prestadores de serviços de saúde.
• WEB SERVICE / WS: Tecnologia de suporte aos processos de negócio através de integração de sistemas com
linguagem padrão TISS. Permite a interoperabilidade e integração de diversos sistemas através de padrões
estabelecidos pela ANS. Esses padrões estabelecem formato de mensagens e protocolo de transporte de dados.
 ITI (Instituto Nacional de Tecnologia da Informação): É uma autarquia federal vinculada à Casa Civil da Presidência
da República. Tem por objetivo manter a Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil), sendo a primeira
autoridade da cadeia de certificação (AC Raiz).
 URL (Uniform Resource Locator): É o endereço de um recurso disponível em uma rede, seja a rede internet ou
intranet.
• OPERADORA: Empresa que oferece serviços de saúde suplementar, que pode ser: Cooperativa Médica,
Seguradora, Empresa de Medicina de Grupo ou Empresa de Autogestão em Saúde.
• REGISTRO ANS: É o número do Registro das operadoras junto à ANS. É por esse número que elas são reconhecidas
quando no preenchimento do campo de Fonte Pagadora.
• Nº Guia Prestador: Campo de preenchimento obrigatório pelo Prestador. Deve ser um número sequencial do
software de gestão ou interno do prestador que esteja se comunicando via Web Service.
• Nº Guia Operadora: Campo de preenchimento opcional.
• Contratado Solicitante: É o responsável pela solicitação de exames e consulta. Quando solicitados procedimentos
com o código de consulta, os dados deverão ser os mesmos dados do Prestador Executante.
• Profissional Executante: É o prestador que está pedindo a execução, ou executou um determinado procedimento
para um determinado beneficiário de uma Operadora; geralmente o médico (necessário dados do Conselho
Profissional, nº, UF e CBOs).
• Prestador Executante: São pessoas físicas ou jurídicas que prestam serviços para as Operadoras, que podem ser:
Médicos, Clínicas, Laboratórios, Hospitais etc.. Podem ser referenciados pelas seguintes denominações: Cooperado,
Prestador Contratado Credenciado, Prestador Contratado Referenciado, Associado etc. Os dados do Prestador
Executante serão sempre enviados através da carga da operadora pela CRD (Tabela de Credenciados). No
documento e nas transações, será sempre o prestador que possui o Cartão Orizon.
• Beneficiário: Pessoa física, consumidor final dos serviços oferecidos pelas Operadoras. Pode ser denominado
como: beneficiário, associado ou segurado.
• Caráter da Solicitação: Podendo este ser: Eletivo ou Urgência/Emergência.
• CID: É a Classificação Internacional de Doenças.
• Indicação Clínica: Campo de livre digitação para que o profissional utilize para o atendimento do beneficiário.
• Tipo de Tabela: Tabela utilizada para solicitar o item.
• CBOS: É a Classificação Brasileira de Ocupações, indica a formação médica específica para uma determinada
prática.
• Procedimento: Todo atendimento realizado em consultório médico ou nas instituições médicas, dentro das
respectivas especialidades.
• Tratamento: Todo e qualquer procedimento que, quando solicitado, necessite de um número de sessões para ser
realizado (ex.: fisioterapia, quimioterapia, nebulização etc.).
 QRCODE: Código QR (sigla do inglês - Quick Response) é um código de barras bidimensional.
 WALLET: Carteira digital que permiti atendimento aos beneficiários da Bradesco utilizando o smartphone.
3. Premissas

Para a comunicação por WebService deverão ser adotadas as seguintes premissas:

O prestador deve utilizar para autenticação de usuários, via utilização de web services, login e senha podendo
opcionalmente, desde que acordado com a área operacional da Orizon, ser utilizado à certificação digital em
substituição ao login e senha.

Caso o prestador opte por utilizar o Certificado Digital:

a. O mesmo poderá ser emitido por uma AC (Autoridade Certificadora), credenciada pelo ITI, responsável
pela AC Raiz da estrutura do ICP-Brasil ou um certificado autogerado, emitido pela Orizon, no formato
p12 (troca de informações pessoais), cabendo ao prestador internalizar em sua aplicação essa
certificação;
b. Independente da origem do certificado, o mesmo deve ser cadastrado na Orizon (detalhes no item 6
deste documento), no momento de implantação do serviço. O certificado deve ser individual e
intransferível, através dele a Orizon irá identificar o remetente da transação;
c. Para estabelecer a comunicação o prestador deve instalar a chave pública do certificado Orizon.

Sempre que forem informados login e senha no cabeçalho de qualquer mensagem, a senha deve ser informada
obrigatoriamente na forma de hash MD5, acrescentando um nível a mais de segurança nas transações;
Todas as mensagens devem ser enviadas pelo Prestador por meio de um cliente de web services, geradas a partir
dos contratos da TISS. Estas mensagens devem ser compactadas utilizando o Header “Content-Encoding” gzip. Todos
os retornos da Orizon seguirão o mesmo padrão;
As versões dos schemas TISS adotados para a camada WebService são: 2.02.01, 2.02.02, 2.02.03, 3.02.00, 3.02.02 e
3.03.01.
4. Certificação Digital

O Certificado Digital é um item de segurança recomendado para estabelecer a comunicação por Web Service, o qual
poderá ser gerado pela Orizon ou por outra Autoridade Certificadora. O prestador que quiser utilizar o WebService
deve entrar em contato com a Orizon, área de relacionamento operacional, e solicitar/cadastrar o seu Certificado.

De acordo com o padrão definido pela ANS, os servidores devem utilizar autenticação através de um certificado
digital de aplicação única, emitido por uma AC (Autoridade Certificadora) credenciada pelo ITI responsável pela AC
Raiz da estrutura do ICP-Brasil, a fim de garantir a identidade do sistema.

Caso não tenha interesse em adquirir tal certificado, a Orizon pode emitir um de sua própria CA (relação um para
um), no formato p12 (troca de informações pessoais), cabendo ao prestador internalizar em sua aplicação essa
certificação.

Após solicitar a emissão de um certificado em seu nome, você receberá um e-mail com instruções de como proceder
para baixar seu certificado.

Cabe ao prestador parametrizar seu servidor com um certificado digital válido, que deve ser enviado no momento da
solicitação de conexão. A conexão com o WebService Orizon somente será completada quando o certificado for
validado.
5. Cadastrando as informações de conexão na Orizon

O prestador deve cadastrar, antes do envio das transações, os dados do certificado que será usado para estabelecer
comunicação com a Orizon, ou autenticação via login/senha (pode ser feita apenas na versão 3.02) que será utilizada
exclusivamente para esta conexão.

5.1. Criar usuário

Para cada prestador deve ser criado um usuário que será responsável por cadastrar e manter atualizadas as
informações de conexão com o webservices da Orizon, para isso:

 Criar um usuário para acessar o Autorize;


 Entrar em contato com a área de Relacionamento de Prestadores da Orizon e solicitar, para este usuário,
que seja habilitado o acesso à funcionalidade do Autorize que permitirá o cadastro dos dados de acesso ao
webservices.

5.2. Cadastro das informações de acesso

Somente o usuário com perfil administrador terá acesso ao cadastro das informações necessárias para estabelecer a
conexão com o web services de autorização da Orizon, para isso deve:

1. Acessar o Portal Orizon (www.orizon.com.br);


2. Na opção “Sistemas Orizon” escolher o serviço Autorize;
3. Digitar login e sua senha do usuário administrador e clicar em Entrar;

4. Escolher no menu a opção Web Services;

5. Selecionar o tipo de conexão que será usada: login/senha ou certificado digital:

a. Se escolher Login/senha deve informar o login e senha que será usado exclusivamente para
autenticação via web services;
b. Caso escolha Certificado Digital deve informar o número de serie do mesmo, para isso deve:

I. Abrir o browser Internet Explorer e selecionar a opção ‘Opções da Internet’:

II. Na aba ‘Conteúdo’, clicar no botão ‘Certificados’:


III. Escolher da lista de certificados instalados, o certificado que será usado para estabelecer a
comunicação com a Orizon:

IV. Ao clicar duas vezes será aberta outra janela com os dados do certificado. Na aba ‘Detalhes’,
serão mostradas as propriedades deste.

V. O valor do campo ‘Número de série’ deve ser informado no cadastro da Orizon. Clicar em
Gravar para finalizar.
6. Proposta Orizon - Transações

A Orizon disponibiliza para os prestadores que possuem sistema de gestão próprio o meio de captura via
WebService.
O prestador envia uma solicitação de transação gerada pelo sistema de gestão e a Orizon recebe e responde após as
validações definidas na implantação.
Cada transação a ser realizada, necessita de diferentes dados para sua caracterização.

Esses dados são detalhados abaixo por tipo de transação:

6.1. Consulta

A transação de CONSULTA é realizada quando um beneficiário se apresenta ao prestador executante com o objetivo
de realizar um procedimento específico de Consulta Médica.
Este processo é realizado através da Guia de Solicitação de SP-SADT colocando o código de consulta referente à
tabela definida pela operadora.
Quando o Autorizador identifica como sendo um código de consulta a transação é identificada como uma Solicitação
de Consulta.

Particularidades no Preenchimento dos Campos:

Campo da Guia Preenchimento do campo


Nº Guia Prestador Deve ser preenchido com um número do sistema prestador. Esse número não é utilizado
pelo Autorizador.
PARTICULARIDADE CASSI: O conteúdo deste campo deve conter entre 8 e 10 dígitos.
Nº Guia Principal Não deve ser preenchido.
Identificação do A identificação do beneficiário é obrigatória e deve ser informada na TAG
Beneficiário <identificadorBeneficiario>. Cada operadora define a trilha magnética de carteira que irá
validar.
Prestador Executante Deve ser enviado o nº da matrícula do prestador na
operadora na TAG <codigoPrestadorNaOperadora>
Quando a operadora utilizar o sequencial de endereço, deve
ser colocado após o nº da matrícula respeitando a quantidade
de dígitos estipulado pela operadora (completar o sequencial
com zeros a esquerda).
PARTICULARIDADE BRADESCO: O prestador deverá utilizar o código Centralizador, que
consta no campo Matricula (Sem Seq de Endereço no Polimed.exe).
Profissional Solicitante É o profissional Solicitante que solicitou a realização desse
procedimento.
Código de Sempre referente à Código de Consulta.
procedimento
Campos de OPM Não deve ser enviado.

Os demais campos referentes à Guia Solicitação SP-SADT deverão ser preenchidos conforme descrito pelo TISS.
6.2. Execução de SP/SADT

É definida quando um beneficiário se apresenta ao prestador com objetivo de realizar algum procedimento (Exame)
sem a presença de uma guia de liberação ou uma senha de autorização. Deve ser utilizada a Guia de Solicitação de
SP – SADT.

Particularidades no Preenchimento dos Campos:

Campo da Guia Preenchimento do campo


Não deve ser preenchido.
Exceção – Quando o procedimento solicitação for de alto
Nº Guia Operadora
custo à senha alfanumérica gerada pelo Bradesco deve ser
enviada nesse campo. Este campo será utilizado apenas nas versões 2.02.
Não deve ser preenchido. (Particularidade Operadora Bradesco, o nº da guia principal
deve ser preenchido com a Senha Alfa Numérica, quando se tratar de Procedimentos de
Nº Guia Principal Alta Complexidade).
Deve ser preenchido com o número gerado pelo sistema de gestão do prestador. Esse
Nº Guia Prestador número não é utilizado pelo Autorizador.
PARTICULARIDADE CASSI: O conteúdo deste campo deve conter entre 8 e 10 dígitos.

A identificação do beneficiário é obrigatória e deve ser informada na TAG


Identificação do
<identificadorBeneficiario>. Cada operadora define a trilha magnética de carteira que irá
Beneficiário
validar.

Profissional É o profissional Solicitante que solicitou a realização do


Solicitante procedimento.
Deve ser enviado o nº da matrícula do prestador na
operadora na TAG <codigoPrestadorNaOperadora>
Quando a operadora utilizar o sequencial de endereço, deve
ser colocado após o nº da matrícula respeitando a quantidade
Prestador
Executante de dígitos estipulado pela operadora (completar o sequencial
com zeros a esquerda).
PARTICULARIDADE BRADESCO: O prestador deverá utilizar o código Centralizador, que
consta no campo Matricula (Sem Seq de Endereço no Polimed.exe).

Não deve ser enviado o Código de Procedimento de Consulta Medica. Permitido enviar
Código de
no máximo NOVE códigos de procedimentos na Guia. (Particularidade Operadora Sul
procedimento
América, que possui limite de OITO procedimentos por transação).
Campos de OPM Não deve ser enviado

Os demais campos referentes à Guia Solicitação SP- SADT deverão ser preenchidos conforme descrito pelo TISS.
6.3. Pré-Autorizada

É definida quando um beneficiário se apresenta ao prestador com o objetivo de realizar um procedimento que já
está pré-autorizado pelo sistema Orizon, solicitado pela Central da Operadora.
Pré-autorizado significa que já houve uma solicitação de um terceiro junto à (Operadora) para aquele procedimento
e este então, já está previamente autorizado. A necessidade desta transação (Execução de procedimento Pré-
Autorizado) reside na certificação de que o beneficiário está realizando o procedimento previamente autorizado.
Para caracterizar essa transação, no campo Nº Guia Principal, deve ser preenchido com essa senha gerada pelo
sistema Orizon.

Particularidades no Preenchimento dos Campos:

Campo da Guia Preenchimento do campo


Nº Guia Operadora Não deve ser preenchido.
Deve ser preenchido com a senha gerada pela Operadora
Nº Guia Principal dentro do sistema Orizon.

Nº Guia Prestador Deve ser preenchido com o número gerado pelo sistema de gestão do prestador.
Esse número não é utilizado pelo Autorizador.
A identificação do beneficiário é obrigatório e deve ser informada na TAG
Identificação do Beneficiário <identificadorBeneficiario>. Cada operadora define a trilha magnética de
carteirinha que irá validar.

Profissional Solicitante É o profissional Solicitante que solicitou a realização do


procedimento.
Deve ser enviado o nº da matrícula do prestador na operadora na TAG
<codigoPrestadorNaOperadora>
Quando a operadora utilizar o sequencial de endereço, deve ser colocado após o
nº da matrícula respeitando a quantidade
Prestador Executante de dígitos estipulado pela operadora (completar o sequencial
com zeros a esquerda).
PARTICULARIDADE BRADESCO: O prestador deverá utilizar o código Centralizador,
que consta no campo Matricula (Sem Seq de Endereço no Polimed.exe).

Código de procedimento Não deve ser enviado o Código de Procedimento de Consulta Medica. (Permitido
enviar no máximo NOVE códigos de procedimentos na Guia)

Os demais campos referentes à Guia Solicitação SP-SADT deverão ser preenchidos conforme descrito pelo TISS.

6.4. Cancelamento

A transação de Cancelamento é definida quando uma determinada guia já autorizada precisar ser Cancelada por
desistência ou solicitação incorreta do procedimento.
No cancelamento da Guia o campo Nº Guia Operadora deve ser preenchido com o conteúdo da mensagem de
retorno da Solicitação de SP-SADT (Consulta, Execução, Pré-Autorizada). O campo numero Guia Operadora é chave
para que o autorizador possa buscar a Guia a ser cancelada.
Particularidades no Preenchimento dos Campos:

Campo da Guia Preenchimento do campo

Campo de preenchimento obrigatório. Enviar o mesmo número


Nº Guia Operadora gerado na mensagem de retorno da Solicitação de SP
(Consulta, Execução, Pre-Autorizada) no campo Nº Guia
Operadora.

Nº Guia Prestador Deve ser preenchido com o número gerado pelo sistema de gestão do prestador. Esse
número não é utilizado pelo Autorizador.
A identificação do beneficiário é obrigatório e deve ser informada na TAG
Identificação do Beneficiário <identificadorBeneficiario>. Cada operadora define a trilha magnética de carteirinha
que irá validar.

Deve ser enviado o nº da matrícula do prestador na


operadora na TAG <codigoPrestadorNaOperadora>
Quando a operadora utilizar o sequencial de endereço, deve ser colocado após o nº
da matrícula respeitando a quantidade
Prestador Executante
de dígitos estipulado pela operadora (completar o sequencial com zeros a esquerda).
PARTICULARIDADE BRADESCO: O prestador deverá utilizar o código Centralizador,
que consta no campo Matricula (Sem Seq de Endereço no Polimed.exe).

Tipo de Guia Sempre preencher com Tipo 1 – Solicitação.

6.5. Para todas as transações

Particularidades no Preenchimento dos Campos:

Campo do Cabeçalho Preenchimento do campo

“SequencialTransação” O prestador deve gerar um código sequencial que independe


da Guia e não deve se repetir.

6.6. Negativas por Particularidades

I. Bradesco (Particularidade)

Preenchimento dos campos das Guias

 Independente do Tipo Guia o campo “Prestador Executante” deve ser preenchido com o Código de
Referenciado acordado em contrato com Bradesco naquele tipo de atendimento.

Orientações BRADESCO – Status Em Análise

A partir do dia 02 de maio de 2013, as mensagens abaixo terão o status alterado de “Negado” para “Em
Análise” sendo que na sequência será apresentada a descrição da mensagem ocorrida.
Ação Prestador: Na ocorrência do status 2 o prestador deverá contatar a central Bradesco que verificará
se o atendimento deve ser realizado ou não.

O retorno ocorrerá através da transação realizada sendo que o status de em analise (2) será alterado
para Autorizado (1) ou Negado (3).

As transações que permanecerem “em análise” (2) por 12 horas, por falta de contato do prestador com
a Central Bradesco, terão o status alterado para “cancelado”.

II. Sulamerica (Particularidade)

Preenchimento dos campos das Guias

Independente do Tipo Guia o campo “Prestador Executante” deve ser preenchido com o Código de
Referenciado acordado em contrato com a Sulamerica.

 Existem operadoras que possuem particularidades de preenchimento de campos e obrigatórios.


Exemplo: A identificação da operadora Sul América é realizada através do registro ANS 006246,
400289 ou 416428.

 As negativas da Sul América seguem o padrão da própria operadora, uma vez que os retornos são
provenientes do sistema da mesma e não do Autorize Orizon.

 Poderão ocorrer negativas com baixa incidência cujo “De /Para” esta para o código TISS 9917-
Outros Negados / Glosas.

 A descrição da negativa no padrão do Autorize Orizon é enviada no campo Observação da


mensagem retorno.

 As transações de Cancelamento de Guia e Execução de Pré-Autorizadas não disponíveis para


operadora Sul América.

 O Numero de Guia Operadora só é retornado ao prestador quando tratar-se de procedimentos de


alta-complexidade. (Ex. Ressonância Magnética)

 Procedimentos que necessitam análise técnica não serão autorizados por este meio de captura,
ou seja, o processo atual será mantido.

III. Cabesp

Preenchimento dos campos das Guias

 No “campo Prestador Executante”, o sequencial de endereço deve ter 03 dígitos que deverão ser
digitados após o nº da matrícula do Prestador na CABESP. Exemplo: sequencial de endereço 1 (um) o
código da matrícula do prestador mais 001.

IV. Cassi

Preenchimento dos campos das Guias

 No “campo Prestador Executante”, o sequencial de endereço deve ter 08 dígitos que deverão ser
digitados após o nº da matrícula do Prestador na CASSI. Exemplo: sequencial de endereço 1 digitar a
matrícula do prestador mais 00000001.

 O conteúdo do campo Número Guia Prestador deve conter entre 8 e 10 dígitos.


 Para todo tipo de transação, no campo Senha da resposta do Webservice será enviado o conteúdo
do campo numero Guia Prestador, que por sua vez, deverá ser informado no campo Senha do XML
de Faturamento (Cobrança).

V. Particularidades ECONOMUS

Orientações ECONOMUS

 A Identificação da operadora ECONOMUS será realizada através do registro ANS 342611.

 A ECONOMUS possui diversos modelos de carteirinhas. Existem carteirinhas com 7 ou 16 dígitos.


Porém, para as carteirinhas com 16 dígitos deverão ser digitados apenas os 14 primeiros,
incluindo os "zeros" do início (se houver) e sempre desprezando os dois últimos.

 Poderão ocorrer negativas com baixa incidência cujo “de/para” está para código TISS 9917 - Outros
Negados / Glosa.

 A passagem do cartão do beneficiário não é obrigatória para a ECONOMUS, porém, poderá ser
utilizado normalmente.

 Todas as transações deverão conter no máximo 9 (Nove) procedimentos.

 A descrição da negativa no padrão do Autorize Orizon será enviada no campo OBSERVAÇÃO da


mensagem de retorno.

 A transação de Cancelamento de Guia está disponível para a operadora ECONOMUS.

 Procedimentos que necessitam análise técnica serão autorizados por este meio de captura.

VI. Particularidades CAREPLUS

Orientações CAREPLUS

 A Identificação da operadora CAREPLUS será realizada através do registro ANS 379956.

 As negativas da CAREPLUS seguem o padrão da própria operadora, uma vez que os retornos são
provenientes do sistema da mesma e não do Autorize Orizon.

 Todas negativas apresentam o código TISS 9917 - Outros Negados / Glosas, neste caso, sempre
deve-se tratar o código e descrição apresentada na tag OBSERVAÇÃO.

 Todas transações deverão conter no máximo 09 procedimentos.

As transações de Cancelamento de Guia e Execução de Pré-Autorizadas estão disponíveis para a


operadora Careplus.

 Para as transações de pré-autorizada, a senha informada pela operadora Careplus deverá ser
informada na tag “numeroGuiaPrincipal”.

 O Numero de Guia Operadora só será retornado ao prestador quando tratar-se de execução de


procedimentos de alta-complexidade. (Ex. Ressonância Magnética).
VII. Particularidades SEGUROS UNIMED

Orientações SEGUROS UNIMED

 A Identificação da operadora SEGUROS UNIMED será realizada através do registro ANS 000701.

 Todas as negativas habilitadas para a operadora SEGUROS UNIMED serão informadas com
codificação TISS no campo Observação.

 A passagem do cartão do beneficiário não é obrigatória para a SEGUROS UNIMED.

 Todas as transações deverão conter no máximo 9 (Nove) procedimentos.

 A descrição da negativa no padrão do Autorize Orizon será enviada no campo OBSERVAÇÃO da


mensagem de retorno.

 6. A transação de Cancelamento de Guia está disponível para a operadora SEGUROS UNIMED.

 7. Procedimentos que necessitam análise técnica serão autorizados por este meio de captura.

www.orizonbrasil.com.br 17
7. Endpoints

Seguem abaixo as URLs do ambiente de Homologação e Produção da Orizon das Versões 2.02.01,
2.02.02, 2.02.03, 3.02.00, 3.02.02 e 3.03.01:

AUTORIZE HOMOLOG ORIZON:

 SOLICITAÇÃO_PROCEDIMENTO/CANCELA_GUIA/SOLICITA_STATUS_AUTORIZAÇÃO
Versões 2.02.01 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6200/tissTransmiteMensagem/v20201
Versões 2.02.02 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6200/tissTransmiteMensagem/v20202
Versões 2.02.03 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6200/tissTransmiteMensagem/v20203

 SOLICITAÇÃO_PROCEDIMENTO
Versão 3.02.00 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30200/tissSolicitacaoProcedimento?wsdl
Versão 3.02.02 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30202/tissSolicitacaoProcedimento?wsdl
Versão 3.03.01 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30301/tissSolicitacaoProcedimento?wsdl

 SOLICITA_STATUS_AUTORIZAÇÃO
Versão 3.02.00 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30200/tissSolicitacaoStatusAutorizacao?wsdl
Versão 3.02.02 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30202/tissSolicitacaoStatusAutorizacao?wsdl
Versão 3.03.01 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30301/tissSolicitacaoStatusAutorizacao?wsdl

 CANCELA_GUIA
Versão 3.02.00 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30200/tissCancelaGuia?wsdl
Versão 3.02.02 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30202/tissCancelaGuia?wsdl
Versão 3.03.01 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30301/tissCancelaGuia?wsdl

 COMUNICAÇÃO_BENEFICIÁRIO
Versão 3.02.00 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30200/tissComunicacaoBeneficiario?wsdl
Versão 3.02.02 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30202/tissComunicacaoBeneficiario?wsdl
Versão 3.03.01 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30301/tissComunicacaoBeneficiario?wsdl

 LOTE_ANEXO
Versão 3.02.00 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30200/tissLoteAnexo?wsdl
Versão 3.02.02 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30202/tissLoteAnexo?wsdl
Versão 3.03.01 https://wsp.hom.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30301/tissLoteAnexo?wsdl

AUTORIZE PRODUÇÃO ORIZON:

 SOLICITAÇÃO_PROCEDIMENTO/SOLICITA_STATUS_AUTORIZAÇÃO/CANCELA_GUIA
Versões 2.02.01 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6200/tissTransmiteMensagem/v20201?wsdl
Versões 2.02.02 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6200/tissTransmiteMensagem/v20202?wsdl
Versões 2.02.03 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6200/tissTransmiteMensagem/v20203?wsdl

 SOLICITAÇÃO_PROCEDIMENTO
Versão 3.02.00 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30200/tissSolicitacaoProcedimento?wsdl
Versão 3.02.02 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30202/tissSolicitacaoProcedimento?wsdl
Versão 3.03.01 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30301/tissSolicitacaoProcedimento?wsdl

www.orizonbrasil.com.br 18
 SOLICITA_STATUS_AUTORIZAÇÃO
Versão 3.02.00 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30200/tissSolicitacaoStatusAutorizacao?wsdl
Versão 3.02.02 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30202/tissSolicitacaoStatusAutorizacao?wsdl
Versão 3.03.01 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30301/tissSolicitacaoStatusAutorizacao?wsdl

 CANCELA_GUIA
Versão 3.02.00 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30200/tissCancelaGuia?wsdl
Versão 3.02.00 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30202/tissCancelaGuia?wsdl
Versão 3.03.01 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30301/tissCancelaGuia?wsdl

 COMUNICAÇÃO_BENEFICIÁRIO
Versão 3.02.00 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30200/tissComunicacaoBeneficiario?wsdl
Versão 3.02.02 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30202/tissComunicacaoBeneficiario?wsdl
Versão 3.03.01 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30301/tissComunicacaoBeneficiario?wsdl

 LOTE_ANEXO
Versão 3.02.00 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30200/tissLoteAnexo?wsdl
Versão 3.02.02 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30202/tissLoteAnexo?wsdl
Versão 3.03.01 https://wsp.orizonbrasil.com.br:6214/tiss/v30301/tissLoteAnexo?wsdl

8. Mensagens TISS

A Orizon estará preparada para estabelecer a comunicação via Web Services padrão TISS com a rede
de prestadores, seguindo os processos definidos pela ANS.

Após o envio da transação pelo Web Service, a solicitação é processada na Orizon e gerada uma
transação de resposta. A resposta é direcionada ao solicitante, ficando a cargo do sistema do
prestador tratar a informação.

O processo de autorização de serviços de saúde definido no padrão TISS possibilita ao prestador


solicitar autorização para realização de algum serviço de saúde.

Web Services Prestador para Operadora Operadora para Prestador


tissSolicitacaoProcedimento solicitacaoProcedimento autorizacaoProcedimento
tissCancelaGuia CancelaGuia ReciboCancelaGuia
tiss solicitacaoStatusAutorizacao solicitacaoStatusAutorizacao situacaoAutorizacao

• solicitacaoProcedimento – enviada pelo prestador solicitando autorização para realização de algum


serviço de saúde;
• autorizacaoProcedimento – mensagem da Orizon para o prestador: Autorizado /Negado /Em
Análise;
• CancelaGuia - Prestador solicitando o cancelamento de uma guia autorizada previamente;
• ReciboCancelaGuia – mensagem da Orizon para o prestador com a confirmação, ou não, do
cancelamento da guia;
• solicitacaoStatusAutorizacao – mensagem do prestador solicitando uma resposta a uma solicitação
de autorização enviada anteriormente;

www.orizonbrasil.com.br 19
• situacaoAutorizacao – mensagem da Orizon para o prestador informando se a autorização do
serviço de saúde foi ou não concedida ou ainda, em análise pela operadora;

Fluxo do processo de Autorização:

WebServices – Autorizador TISS 3.02

Fim

N S

Autorizado?
Prestador

Solicitação de
Solicita Status da
Inicio Autorização de Em análise S
Solicitação
Atendimento
Mensagem
TISS

solicitacaoProcedimento autorizacaoProcedimento solicitacaoStatusAutorizacao situacaoAutorizacao


Orizon

Autorização de Fornece Status da


Procedimento Solicitação

a. XML Solicitação de Autorização (Versão 3.03.01)

O prestador deve enviar uma mensagem de tipo SOLICITACAO_PROCEDIMENTOS contendo uma


solicitação de SP/SADT, Internação ou Prorrogação com até 9 procedimentos. (Lembrando que, para
a operadora Sul América a quantidade máxima é de 8 procedimentos na mesma transação).

Exemplo:

<?xml version="1.0" encoding="iso-8859-1"?>


<soapenv:Envelope xmlns:soapenv="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/"
xmlns:ans="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas"
xmlns:xd="http://www.w3.org/2000/09/xmldsig#">
<soapenv:Header/>
<soapenv:Body>
<ans:solicitacaoProcedimentoWS xmlns:xsi="http://www.w3.org/2001/XMLSchema-instance">
<ans:cabecalho>
<ans:identificacaoTransacao>
<ans:tipoTransacao>SOLICITACAO_PROCEDIMENTOS</ans:tipoTransacao>
<ans:sequencialTransacao>1111</ans:sequencialTransacao>
<ans:dataRegistroTransacao>2016-12-01</ans:dataRegistroTransacao>
<ans:horaRegistroTransacao>12:00:00</ans:horaRegistroTransacao>
</ans:identificacaoTransacao>
<ans:origem>
<ans:identificacaoPrestador>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>1111</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
</ans:identificacaoPrestador>

www.orizonbrasil.com.br 20
</ans:origem>
<ans:destino>
<ans:registroANS>111111</ans:registroANS>
</ans:destino>
<ans:Padrao>3.03.01</ans:Padrao>
<ans:loginSenhaPrestador>
<ans:loginPrestador>TESTE001</ans:loginPrestador>
<ans:senhaPrestador>9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c</ans:senhaPrestador>
</ans:loginSenhaPrestador>
</ans:cabecalho>
<ans:solicitacaoProcedimento>
<ans:solicitacaoSP-SADT>
<ans:cabecalhoSolicitacao>
<ans:registroANS>111111</ans:registroANS>
<ans:numeroGuiaPrestador>1111</ans:numeroGuiaPrestador>
</ans:cabecalhoSolicitacao>
<ans:dadosBeneficiario>
<ans:numeroCarteira>1111111111111</ans:numeroCarteira>
<ans:atendimentoRN>N</ans:atendimentoRN>
<ans:nomeBeneficiario>BENEFICIARIO</ans:nomeBeneficiario>
<ans:identificadorBeneficiario>VGVzdGUgVHJpbGhhcyAwMDAw</ans:identificadorBeneficiario>
</ans:dadosBeneficiario>
<ans:dadosSolicitante>
<ans:contratadoSolicitante>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>1111</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
<ans:nomeContratado>CONTRATADO SOLICITANTE</ans:nomeContratado>
</ans:contratadoSolicitante>
<ans:profissionalSolicitante>
<ans:nomeProfissional>PROFISSIONAL SOLICITANTE</ans:nomeProfissional>
<ans:conselhoProfissional>07</ans:conselhoProfissional>
<ans:numeroConselhoProfissional>11111</ans:numeroConselhoProfissional>
<ans:UF>11</ans:UF>
<ans:CBOS>225125</ans:CBOS>
</ans:profissionalSolicitante>
</ans:dadosSolicitante>
<ans:caraterAtendimento>1</ans:caraterAtendimento>
<ans:dataSolicitacao>2016-12-01</ans:dataSolicitacao>
<ans:procedimentosSolicitados>
<ans:procedimento>
<ans:codigoTabela>22</ans:codigoTabela>
<ans:codigoProcedimento>40101010</ans:codigoProcedimento>
<ans:descricaoProcedimento>ECG</ans:descricaoProcedimento>
</ans:procedimento>
<ans:quantidadeSolicitada>1</ans:quantidadeSolicitada>
</ans:procedimentosSolicitados>
<ans:dadosExecutante>
<ans:codigonaOperadora>1111</ans:codigonaOperadora>
<ans:nomeContratado>PRESTADOR EXECUTANTE</ans:nomeContratado>
<ans:CNES>9999999</ans:CNES>
</ans:dadosExecutante>
</ans:solicitacaoSP-SADT>
</ans:solicitacaoProcedimento>

www.orizonbrasil.com.br 21
<ans:hash>21F6BA21F6BA21F6BA21F6BA21F6BA</ans:hash>
</ans:solicitacaoProcedimentoWS>
</soapenv:Body>
</soapenv:Envelope>

b. XML Solicitação de Autorização (Versão 2.02.01)

Exemplo:

<?xml version="1.0" encoding="iso-8859-1"?>


<soapenv:Envelope xmlns:soapenv="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/"
xmlns:v20="http://www.ans.gov.br/tiss/ws/tipos/tissTransmiteMensagem/v20201">
<soapenv:Header></soapenv:Header>
<soapenv:Body>
<v20:mensagemTISSString>
<ans:mensagemTISS xmlns:ans="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas"
xmlns:xsi="http://www.w3.org/2001/XMLSchema-instance">
<ans:cabecalho>
<ans:identificacaoTransacao>
<ans:tipoTransacao>SOLICITACAO_PROCEDIMENTOS</ans:tipoTransacao>
<ans:sequencialTransacao>000000</ans:sequencialTransacao>
<ans:dataRegistroTransacao>2016-01-01</ans:dataRegistroTransacao>
<ans:horaRegistroTransacao>12:00:00.0000000-03:00</ans:horaRegistroTransacao>
</ans:identificacaoTransacao>
<ans:origem>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>000000</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
</ans:origem>
<ans:destino>
<ans:registroANS>000000</ans:registroANS>
</ans:destino>
<ans:versaoPadrao>2.02.01</ans:versaoPadrao>
</ans:cabecalho>
<ans:prestadorParaOperadora>
<ans:solicitacaoProcedimento>
<ans:guiaSolicitacaoSADT>
<ans:identificacaoGuiaSolicitacaoSADTSP>
<ans:identificacaoFontePagadora>
<ans:registroANS>000000</ans:registroANS>
</ans:identificacaoFontePagadora>
<ans:numeroGuiaPrestador>1</ans:numeroGuiaPrestador>
</ans:identificacaoGuiaSolicitacaoSADTSP>
<ans:dadosBeneficiario>
<ans:numeroCarteira>1</ans:numeroCarteira>
<ans:nomeBeneficiario>BENEFICIARIO</ans:nomeBeneficiario>
<ans:nomePlano>PLANO</ans:nomePlano>
<ans:identificadorBeneficiario>VGVzdGUgVHJpbGhhcyAwMDAw<ans:identificadorBeneficiario>
<ans:numeroCNS>111111</ans:numeroCNS>
</ans:dadosBeneficiario>
<ans:dadosSolicitante>

www.orizonbrasil.com.br 22
<ans:contratado>
<ans:identificacao>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>00000</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
</ans:identificacao>
<ans:nomeContratado>CONTRATADO</ans:nomeContratado>
<ans:numeroCNES>9999999</ans:numeroCNES>
</ans:contratado>
<ans:profissional>
<ans:nomeProfissional>PROFISSIONAL</ans:nomeProfissional>
<ans:conselhoProfissional>
<ans:siglaConselho>CRM</ans:siglaConselho>
<ans:numeroConselho>12345</ans:numeroConselho>
<ans:ufConselho>SP</ans:ufConselho>
</ans:conselhoProfissional>
</ans:profissional>
</ans:dadosSolicitante>
<ans:prestadorExecutante>
<ans:identificacao>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>00000</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
</ans:identificacao>
<ans:nomeContratado>CONTRATADO</ans:nomeContratado>
<ans:numeroCNES>9999999</ans:numeroCNES>
</ans:prestadorExecutante>
<ans:caraterSolicitacao>E</ans:caraterSolicitacao>
<ans:dataHoraSolicitacao>2015-09-10T15:35:38</ans:dataHoraSolicitacao>
<ans:Diagnostico xsi:nil="true"></ans:Diagnostico>
<ans:indicacaoClinica>TESTE</ans:indicacaoClinica>
<ans:procedimentosSolicitados>
<ans:procedimentoSolicitado>
<ans:quantidadeSolicitada>1</ans:quantidadeSolicitada>
<ans:procedimento>
<ans:codigo>40302830</ans:codigo>
<ans:tipoTabela>94</ans:tipoTabela>
<ans:descricao>25OH VITAMINA D</ans:descricao>
</ans:procedimento>
</ans:procedimentoSolicitado>
</ans:procedimentosSolicitados>
</ans:guiaSolicitacaoSADT>
</ans:solicitacaoProcedimento>
</ans:prestadorParaOperadora>
<ans:epilogo>
<ans:hash>37DC873F8D67FF465AC7E7EFA14E6744</ans:hash>
</ans:epilogo>
</ans:mensagemTISS>
</v20:mensagemTISSString>
</soapenv:Body>
</soapenv:Envelope>

www.orizonbrasil.com.br 23
c. XML Status de Autorização

A Orizon irá retornar a mensagem ‘RESPOSTA_SOLICITACAO’ informando o status da autorização e


para cada procedimento solicitado a mensagem de glosa caso seja negado.

Para verificar o status da solicitação o prestador deve prestar atenção aos seguintes campos:

 Status de Autorização (< statusSolicitacao>) :

Status Condição
Autorizado Todos os procedimentos foram autorizados
Negado Todos os procedimentos foram negados
Autorizado parcialmente Alguns procedimentos foram negados e outros autorizados
Em análise A solicitação será analisada por um auditor da operadora.

 Quantidade Autorizada (< servicoAutorizado> < quantidadeAutorizada>) :


Quando um procedimento for negado este campo será retornado zerado.
Se for retornado ‘Autorizado Parcialmente’ no campo status de autorização o prestador deve
verificar a través do campo quantidade autorizada quais procedimentos foram negados.

Para verificar o status de uma solicitação em análise deve ser enviada, posteriormente, a mensagem
de solicitação de status.

Exemplo 1 - Autorizado:

<soapenv:Envelope xmlns:soapenv="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/"
xmlns:ans="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas"
xmlns:xd="http://www.w3.org/2000/09/xmldsig#">
<soapenv:Header/>
<soapenv:Body>
<ans:autorizacaoProcedimentoWS>
<ans:cabecalho>
<ans:identificacaoTransacao>
<ans:tipoTransacao>RESPOSTA_SOLICITACAO</ans:tipoTransacao>
<ans:sequencialTransacao>1111</ans:sequencialTransacao>
<ans:dataRegistroTransacao>2016-12-01</ans:dataRegistroTransacao>
<ans:horaRegistroTransacao>12:00:00</ans:horaRegistroTransacao>
</ans:identificacaoTransacao>
<ans:origem>
<ans:registroANS>111111</ans:registroANS>
</ans:origem>
<ans:destino>
<ans:identificacaoPrestador>
<ans:CNPJ>00111222000100</ans:CNPJ>
</ans:identificacaoPrestador>
</ans:destino>
<ans:Padrao>3.03.01</ans:Padrao>
<ans:loginSenhaPrestador>
<ans:loginPrestador>TESTE001</ans:loginPrestador>
<ans:senhaPrestador>9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c</ans:senhaPrestador>
</ans:loginSenhaPrestador>
</ans:cabecalho>
<ans:autorizacaoProcedimento>

www.orizonbrasil.com.br 24
<ans:autorizacaoServico>
<ans:dadosAutorizacao>
<ans:numeroGuiaPrestador>1111</ans:numeroGuiaPrestador>
<ans:numeroGuiaOperadora>2222</ans:numeroGuiaOperadora>
<ans:dataAutorizacao>2016-12-01</ans:dataAutorizacao>
<ans:senha>000000001</ans:senha>
</ans:dadosAutorizacao>
<ans:dadosBeneficiario>
<ans:numeroCarteira>1111111111111</ans:numeroCarteira>
<ans:atendimentoRN>N</ans:atendimentoRN>
<ans:nomeBeneficiario>BENEFICIARIO</ans:nomeBeneficiario>
</ans:dadosBeneficiario>
<ans:prestadorAutorizado>
<ans:dadosContratado>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>1111</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
<ans:nomeContratado>CONTRATADO</ans:nomeContratado>
</ans:dadosContratado>
<ans:cnesContratado>9999999</ans:cnesContratado>
</ans:prestadorAutorizado>
<ans:statusSolicitacao>1</ans:statusSolicitacao>
<ans:servicosAutorizados>
<ans:servicoAutorizado>
<ans:procedimento>
<ans:codigoTabela>22</ans:codigoTabela>
<ans:codigoProcedimento>40101010</ans:codigoProcedimento>
<ans:descricaoProcedimento>ECG CONVENCIONAL DE AT</ans:descricaoProcedimento>
</ans:procedimento>
<ans:quantidadeSolicitada>1</ans:quantidadeSolicitada>
<ans:quantidadeAutorizada>1</ans:quantidadeAutorizada>
</ans:servicoAutorizado>
</ans:servicosAutorizados>
</ans:autorizacaoServico>
</ans:autorizacaoProcedimento>
<ans:hash>A551AF234DF921F8AA6CEAC4E2FE579D</ans:hash>
</ans:autorizacaoProcedimentoWS>
</soapenv:Body>
</soapenv:Envelope>

Exemplo 2 - Negado:

<soapenv:Envelope xmlns:soapenv="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/"
xmlns:ans="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas"
xmlns:xd="http://www.w3.org/2000/09/xmldsig#">
<soapenv:Header/>
<soapenv:Body>
<ans:autorizacaoProcedimentoWS>
<ans:cabecalho>
<ans:identificacaoTransacao>
<ans:tipoTransacao>RESPOSTA_SOLICITACAO</ans:tipoTransacao>
<ans:sequencialTransacao>1111</ans:sequencialTransacao>
<ans:dataRegistroTransacao>2016-12-01</ans:dataRegistroTransacao>
<ans:horaRegistroTransacao>12:00:00</ans:horaRegistroTransacao>
</ans:identificacaoTransacao>
<ans:origem>
<ans:registroANS>111111</ans:registroANS>
</ans:origem>
<ans:destino>
<ans:identificacaoPrestador>

www.orizonbrasil.com.br 25
<ans:CNPJ>00111222000100</ans:CNPJ>
</ans:identificacaoPrestador>
</ans:destino>
<ans:Padrao>3.03.01</ans:Padrao>
<ans:loginSenhaPrestador>
<ans:loginPrestador>TESTE001</ans:loginPrestador>
<ans:senhaPrestador>9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c</ans:senhaPrestador>
</ans:loginSenhaPrestador>
</ans:cabecalho>
<ans:autorizacaoProcedimento>
<ans:autorizacaoServico>
<ans:dadosAutorizacao>
<ans:numeroGuiaPrestador>1111</ans:numeroGuiaPrestador>
<ans:dataAutorizacao>2016-12-01</ans:dataAutorizacao>
<ans:senha>000000003/ans:senha>
</ans:dadosAutorizacao>
<ans:dadosBeneficiario>
<ans:numeroCarteira>1111111111111</ans:numeroCarteira>
<ans:atendimentoRN>N</ans:atendimentoRN>
<ans:nomeBeneficiario>-</ans:nomeBeneficiario>
</ans:dadosBeneficiario>
<ans:statusSolicitacao>3</ans:statusSolicitacao>
<ans:motivosNegativa>
<ans:motivoNegativa>
<ans:codigoGlosa>1001</ans:codigoGlosa>
<ans:descricaoGlosa>40 | Cartao nao identificado.</ans:descricaoGlosa>
</ans:motivoNegativa>
</ans:motivosNegativa>
<ans:servicosAutorizados>
<ans:servicoAutorizado>
<ans:procedimento>
<ans:codigoTabela>22</ans:codigoTabela>
<ans:codigoProcedimento>40101010</ans:codigoProcedimento>
<ans:descricaoProcedimento>ECG CONVENCIONAL DE AT</ans:descricaoProcedimento>
</ans:procedimento>
<ans:quantidadeSolicitada>1</ans:quantidadeSolicitada>
<ans:quantidadeAutorizada>0</ans:quantidadeAutorizada>
<ans:motivosNegativa>
<ans:motivoNegativa>
<ans:codigoGlosa>1001</ans:codigoGlosa>
<ans:descricaoGlosa>40 | Cartao nao identificado. </ans:descricaoGlosa>
</ans:motivoNegativa>
</ans:motivosNegativa>
</ans:servicoAutorizado>
</ans:servicosAutorizados>
</ans:autorizacaoServico>
</ans:autorizacaoProcedimento>
<ans:hash>E8235071E1F0301CE3E7A0ECD3DD6775</ans:hash>
</ans:autorizacaoProcedimentoWS>
</soapenv:Body>
</soapenv:Envelope>

www.orizonbrasil.com.br 26
Exemplo 4 – Em análise:

<soapenv:Envelope xmlns:soapenv="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/"
xmlns:sch="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas" xmlns:xd="http://www.w3.org/2000/09/xmldsig#">
<soapenv:Header/>
<soapenv:Body>
<sch:autorizacaoProcedimentoWS>
<ans:cabecalho>
<ans:identificacaoTransacao>
<ans:tipoTransacao>RESPOSTA_SOLICITACAO</ans:tipoTransacao>
<ans:sequencialTransacao>1111</ans:sequencialTransacao>
<ans:dataRegistroTransacao>2016-12-01</ans:dataRegistroTransacao>
<ans:horaRegistroTransacao>12:00:00</ans:horaRegistroTransacao>
</ans:identificacaoTransacao>
<ans:origem>
<ans:registroANS>111111</ans:registroANS>
</ans:origem>
<ans:destino>
<ans:identificacaoPrestador>
<ans:CNPJ>00111222000100</ans:CNPJ>
</ans:identificacaoPrestador>
</ans:destino>
<ans:Padrao>3.03.01</ans:Padrao>
<ans:loginSenhaPrestador>
<ans:loginPrestador>TESTE001</ans:loginPrestador>
<ans:senhaPrestador>9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c</ans:senhaPrestador>
</ans:loginSenhaPrestador>
</ans:cabecalho>
<ans:autorizacaoProcedimento>
<ans:autorizacaoServico>
<ans:dadosAutorizacao>
<ans:numeroGuiaPrestador>1111</ans:numeroGuiaPrestador>
<ans:dataAutorizacao>2015-12-01</ans:dataAutorizacao>
<ans:senha>000000002</ans:senha>
</ans:dadosAutorizacao>
<sch:dadosBeneficiario>
<sch:numeroCarteira>1111111111111</sch:numeroCarteira>
<sch:atendimentoRN>N</sch:atendimentoRN>
<sch:nomeBeneficiario>BENEFICIÁRIO </sch:nomeBeneficiario>
</sch:dadosBeneficiario>
<sch:prestadorAutorizado>
<sch:dadosContratado>
<sch:codigoPrestadorNaOperadora>1111</sch:codigoPrestadorNaOperadora>
<sch:nomeContratado> CONTRATADO</sch:nomeContratado>
</sch:dadosContratado>
<sch:cnesContratado>999999</sch:cnesContratado>
</sch:prestadorAutorizado>
<sch:statusSolicitacao>2</sch:statusSolicitacao>
<sch:servicosAutorizados>
<sch:servicoAutorizado>
<sch:procedimento>
<sch:codigoTabela>22</sch:codigoTabela>
<sch:codigoProcedimento>40304361</sch:codigoProcedimento>
<sch:descricaoProcedimento>HEMOG C/ CONT PLAQ OU</sch:descricaoProcedimento>
</sch:procedimento>
<sch:quantidadeSolicitada>1</sch:quantidadeSolicitada>
<sch:quantidadeAutorizada>0</sch:quantidadeAutorizada>
</sch:servicoAutorizado>
</sch:servicosAutorizados>

www.orizonbrasil.com.br 27
</sch:autorizacaoServico>
</sch:autorizacaoProcedimento>
<sch:hash>410A2B28F210D4C23A05FC9D6E0E6E1A</sch:hash>
</sch:autorizacaoProcedimentoWS>
</soapenv:Body>
</soapenv:Envelope>

d. XML Cancelamento de Autorização (Versão 3.03.01)

Para cancelar uma solicitação autorizada previamente, o prestador deve informar no campo <
numeroGuiaPrestador > o mesmo número de guia prestador informado na solicitação.

Exemplo:

<soapenv:Envelope xmlns:soapenv="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/"
xmlns:sch="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas" xmlns:xd="http://www.w3.org/2000/09/xmldsig#">
<soapenv:Header/>
<soapenv:Body>
<sch:cancelaGuiaWS>
<sch:cabecalho>
<sch:identificacaoTransacao>
<sch:tipoTransacao>CANCELA_GUIA</sch:tipoTransacao>
<sch:sequencialTransacao>1000</sch:sequencialTransacao>
<sch:dataRegistroTransacao>2016-12-01</sch:dataRegistroTransacao>
<sch:horaRegistroTransacao>12:00:00</sch:horaRegistroTransacao>
</sch:identificacaoTransacao>
<sch:origem>
<sch:identificacaoPrestador>
<sch:codigoPrestadorNaOperadora>1111</sch:codigoPrestadorNaOperadora>
</sch:identificacaoPrestador>
</sch:origem>
<sch:destino>
<sch:registroANS>111111</sch:registroANS>
</sch:destino>
<sch:Padrao>3.03.01</sch:Padrao>
</sch:cabecalho>
<sch:cancelaGuia>
<sch:tipoGuia>1</sch:tipoGuia>
<sch:dadosPrestador>
<sch:codigoPrestadorNaOperadora>1111</sch:codigoPrestadorNaOperadora>
<sch:nomeContratado>CONTRATADO</sch:nomeContratado>
</sch:dadosPrestador>
<sch:guiasCancelamento>
<sch:numeroGuiaPrestador>1111</sch:numeroGuiaPrestador>
<sch:numeroGuiaOperadora>2222</sch:numeroGuiaOperadora>
</sch:guiasCancelamento>
</sch:cancelaGuia>
<sch:hash>HASETESTE123456</sch:hash>
</sch:cancelaGuiaWS>
</soapenv:Body>
</soapenv:Envelope>

www.orizonbrasil.com.br 28
e. XML Cancelamento de Autorização (Versão 2.02.01)

<?xml version="1.0" encoding="iso-8859-1"?>


<ans:mensagemTISS xmlns:ans="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas">
<ans:cabecalho>
<ans:identificacaoTransacao>
<ans:tipoTransacao>CANCELA_GUIA</ans:tipoTransacao>
<ans:sequencialTransacao>1</ans:sequencialTransacao>
<ans:dataRegistroTransacao>2016-01-01</ans:dataRegistroTransacao>
<ans:horaRegistroTransacao>12:00:00</ans:horaRegistroTransacao>
</ans:identificacaoTransacao>
<ans:origem>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>000000</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
</ans:origem>
<ans:destino>
<ans:registroANS>000000</ans:registroANS>
</ans:destino>
<ans:versaoPadrao>2.02.01</ans:versaoPadrao>
</ans:cabecalho>
<ans:prestadorParaOperadora>
<ans:cancelaGuia>
<ans:dadosPrestador>
<ans:identificacao>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>111111</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
</ans:identificacao>
<ans:nomeContratado>CONTRATADO</ans:nomeContratado>
<ans:numeroCNES/>
</ans:dadosPrestador>
<ans:tipoGuia>2</ans:tipoGuia>
<ans:guia>
<ans:dadosGuia>
<ans:identificacaoFontePagadora>
<ans:registroANS>000000</ans:registroANS>
</ans:identificacaoFontePagadora>
<ans:dataEmissaoGuia>2016-01-01</ans:dataEmissaoGuia>
<ans:numeroGuiaPrestador>1</ans:numeroGuiaPrestador>
<ans:numeroGuiaOperadora>2</ans:numeroGuiaOperadora>
</ans:dadosGuia>
</ans:guia>
<ans:observacao>CANCELAMENTO</ans:observacao>
</ans:cancelaGuia>
</ans:prestadorParaOperadora>
<ans:epilogo>
<ans:hash>0593E91A779E2A55F91665C4ED2B99FB</ans:hash>
</ans:epilogo>
</ans:mensagemTISS>

www.orizonbrasil.com.br 29
f. XML Resposta do Cancelamento

A Orizon irá retornar a confirmação, ou não, do cancelamento solicitado de uma guia:

Exemplo:

<soapenv:Envelope xmlns:soapenv="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/"
xmlns:sch="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas" xmlns:xd="http://www.w3.org/2000/09/xmldsig#">
<soapenv:Header/>
<soapenv:Body>
<sch:reciboCancelaGuiaWS>
<sch:cabecalho>
<sch:identificacaoTransacao>
<sch:tipoTransacao>CANCELAMENTO_GUIA_RECIBO</sch:tipoTransacao>
<sch:sequencialTransacao>1000</sch:sequencialTransacao>
<sch:dataRegistroTransacao>2014-12-05</sch:dataRegistroTransacao>
<sch:horaRegistroTransacao>14:40:00</sch:horaRegistroTransacao>
</sch:identificacaoTransacao>
<sch:origem>
<sch:identificacaoPrestador>
<sch:CNPJ>00111222000100</sch:CNPJ>
</sch:identificacaoPrestador>
</sch:origem>
<sch:destino>
<sch:identificacaoPrestador>
<sch:CNPJ>00111222000100</sch:CNPJ>
</sch:identificacaoPrestador>
</sch:destino>
<sch:Padrao>3.03.01</sch:Padrao>
</sch:cabecalho>
<sch:reciboCancelaGuia>
<sch:reciboCancelaGuia>
<sch:registroANS>111111</sch:registroANS>
<sch:dadosPrestador>
<sch:codigoPrestadorNaOperadora>1111</sch:codigoPrestadorNaOperadora>
<sch:nomeContratado>CONTRATADO</sch:nomeContratado>
</sch:dadosPrestador>
<sch:guiasCanceladas>
<sch:dadosGuia>
<sch:numeroGuiaPrestador>1111</sch:numeroGuiaPrestador>
<sch:tipoGuia>1</sch:tipoGuia>
<sch:statusCancelamento>1</sch:statusCancelamento>
</sch:dadosGuia>
</sch:guiasCanceladas>
</sch:reciboCancelaGuia>
</sch:reciboCancelaGuia>
<sch:hash>EE36098CAE89FCE855ECFE687CF51D1F</sch:hash>
</sch:reciboCancelaGuiaWS>
</soapenv:Body>
</soapenv:Envelope>

g. XML de Solicitação de Status Autorização

O prestador deve enviar uma mensagem de tipo SOLICITA_STATUS_AUTORIZACAO para solicitar uma
resposta de uma solicitação ainda em análise. No campo <numeroGuiaPrestador> deve ser
informado o mesmo número informado na solicitação.

www.orizonbrasil.com.br 30
Exemplo:

<soapenv:Envelope xmlns:ans="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas"
xmlns:ds="http://www.w3.org/2000/09/xmldsig#"
xmlns:soapenv="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/">
<soapenv:Header/>
<soapenv:Body>
<ans:solicitacaoStatusAutorizacaoWS>
<ans:cabecalho>
<ans:identificacaoTransacao>
<ans:tipoTransacao>SOLICITA_STATUS_AUTORIZACAO</ans:tipoTransacao>
<ans:sequencialTransacao>1111</ans:sequencialTransacao>
<ans:dataRegistroTransacao>2016-12-01</ans:dataRegistroTransacao>
<ans:horaRegistroTransacao>12:00:00</ans:horaRegistroTransacao>
</ans:identificacaoTransacao>
<ans:origem>
<ans:registroANS>111111</ans:registroANS>
</ans:origem>
<ans:destino>
<ans:identificacaoPrestador>
<ans:CNPJ>00111222000100</ans:CNPJ>
</ans:identificacaoPrestador>
</ans:destino>
<ans:Padrao>3.03.01</ans:Padrao>
<ans:loginSenhaPrestador>
<ans:loginPrestador>TESTE001</ans:loginPrestador>
<ans:senhaPrestador>9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c</ans:senhaPrestador>
</ans:loginSenhaPrestador>
</ans:cabecalho>
<ans:solicitacaoStatusAutorizacao>
<ans:identificacaoSolicitacao>
<ans:registroANS>111111</ans:registroANS>
<ans:numeroGuiaPrestador>1111</ans:numeroGuiaPrestador>
</ans:identificacaoSolicitacao>
<ans:dadosBeneficiario>
<ans:numeroCarteira>1111111111111</ans:numeroCarteira>
<ans:atendimentoRN>N</ans:atendimentoRN>
<ans:nomeBeneficiario>BENEFICIARIO</ans:nomeBeneficiario>
</ans:dadosBeneficiario>
<ans:dadosContratado>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>1111</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
<ans:nomeContratado>CONTRATADO</ans:nomeContratado>
</ans:dadosContratado>
</ans:solicitacaoStatusAutorizacao>
<ans:hash>ea8180badefbc1c68d77ba39d7a77819</ans:hash>
</ans:solicitacaoStatusAutorizacaoWS>
</soapenv:Body>
</soapenv:Envelope>

h. XML de Resposta da Situação da Autorização

A Orizon irá retornar a mensagem ‘STATUS_AUTORIZACAO’ informando o status da autorização,


conforme descrito no item 7.2. XML Autorização Serviço desse documento.

www.orizonbrasil.com.br 31
Exemplo:

<soapenv:Envelope xmlns:ans="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas"
xmlns:ds="http://www.w3.org/2000/09/xmldsig#"
xmlns:soapenv="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/">
<soapenv:Header/>
<soapenv:Body>
<ans:situacaoAutorizacaoWS>
<ans:cabecalho>
<ans:identificacaoTransacao>
<ans:tipoTransacao>STATUS_AUTORIZACAO</ans:tipoTransacao>
<ans:sequencialTransacao>1111</ans:sequencialTransacao>
<ans:dataRegistroTransacao>2016-12-01</ans:dataRegistroTransacao>
<ans:horaRegistroTransacao>12:00:00</ans:horaRegistroTransacao>
</ans:identificacaoTransacao>
<ans:origem>
<ans:registroANS>111111</ans:registroANS>
</ans:origem>
<ans:destino>
<ans:identificacaoPrestador>
<ans:CNPJ>00111222000100</ans:CNPJ>
</ans:identificacaoPrestador>
</ans:destino>
<ans:Padrao>3.03.01</ans:Padrao>
<ans:loginSenhaPrestador>
<ans:loginPrestador>TESTE001</ans:loginPrestador>
<ans:senhaPrestador>9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c9c4c</ans:senhaPrestador>
</ans:loginSenhaPrestador>
</ans:cabecalho>
<ans:situacaoAutorizacao>
<ans:autorizacaoServico>
<ans:dadosAutorizacao>
<ans:numeroGuiaPrestador>1111</ans:numeroGuiaPrestador>
<ans:dataAutorizacao>2016-12-01</ans:dataAutorizacao>
</ans:dadosAutorizacao>
<ans:dadosBeneficiario>
<ans:numeroCarteira>1111111111111</ans:numeroCarteira>
<ans:atendimentoRN>N</ans:atendimentoRN>
<ans:nomeBeneficiario>BENEFICIARIO</ans:nomeBeneficiario>
</ans:dadosBeneficiario>
<ans:prestadorAutorizado>
<ans:dadosContratado>
<ans:codigoPrestadorNaOperadora>1111</ans:codigoPrestadorNaOperadora>
<ans:nomeContratado>CONTRATADO</ans:nomeContratado>
</ans:dadosContratado>
<ans:cnesContratado>9999999</ans:cnesContratado>
</ans:prestadorAutorizado>
<ans:statusSolicitacao>1</ans:statusSolicitacao>
<ans:servicosAutorizados>
<ans:servicoAutorizado>
<ans:procedimento>

www.orizonbrasil.com.br 32
<ans:codigoTabela>00</ans:codigoTabela>
<ans:codigoProcedimento>00000000</ans:codigoProcedimento>
<ans:descricaoProcedimento>PROCEDIMENTO</ans:descricaoProcedimento>
</ans:procedimento>
<ans:quantidadeSolicitada>1</ans:quantidadeSolicitada>
<ans:quantidadeAutorizada>1</ans:quantidadeAutorizada>
</ans:servicoAutorizado>
</ans:servicosAutorizados>
</ans:autorizacaoServico>
</ans:situacaoAutorizacao>
<ans:hash>9C28B097248887AB72604059DDE2BC9B</ans:hash>
</ans:situacaoAutorizacaoWS>
</soapenv:Body>
</soapenv:Envelope>

www.orizonbrasil.com.br 33
9. Mensagem de Retorno de Erro

Seguindo o padrão definido pela ANS poderão ser retornadas as seguintes mensagens de erro:

• Schema inválido
• Destinatário Inválido
• Remetente Inválido
• Login ou senha inválido
• Versão inválida
• Registro ANS inválido
• Caráter de Atendimento inválido

Exemplo 1 - Schema inválido:

<s:Envelope xmlns:s="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/">
<s:Header/>
<s:Body>
<s:Fault>
<faultcode>0x00230001</faultcode>
<faultstring>https://172.22.8.65:5280/tiss/v30200/tissLoteGuias: cvc-simple-type 1: element
{http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas}versaoPadrao value '3.01.00' is not a valid instance of type
{http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas}dm_versao</faultstring>
<detail>
<ans:tissFaultWS xmlns:ans="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas">
<ans:tissFault>SchemaInvalido</ans:tissFault>
</ans:tissFaultWS>
</detail>
</s:Fault>
</s:Body>
</s:Envelope>

Mensagem retornada quando não é possível validar, segundo o schema da ANS, o arquivo enviado.

Exemplo 2 - Destinatário inválido

<soap:Envelope xmlns:soap="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/"
xmlns:xsi="http://www.w3.org/2001/XMLSchema-instance"
xmlns:xsd="http://www.w3.org/2001/XMLSchema">
<soap:Body>
<soap:Fault>
<faultcode>soap:Client</faultcode>
<faultstring>System.Web.Services.Protocols.SoapException: Tiss Fault
at Orizon.wsBackendTissFature.wsBackendTissFature.RecebeMensagem(Mensagem msg)</faultstring>
<faultactor>http://webservice.homolog.orizonbrasil.com.br/Orizon.wsBackendTissFature/wsBackendTissF
ature.asmx</faultactor>
<detail>
<ans:tissFaultWS xmlns:ans="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas">
<ans:tissFault>DestinatarioInvalido</ans:tissFault>
</ans:tissFaultWS>

www.orizonbrasil.com.br 34
</detail>
</soap:Fault>
</soap:Body>
</soap:Envelope>

Mensagem enviada caso não seja possível identificar a operadora destino da mensagem.
Exemplo 3 – Remetente inválido:

<soap:Envelope xmlns:soap="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/"
xmlns:xsi="http://www.w3.org/2001/XMLSchema-instance"
xmlns:xsd="http://www.w3.org/2001/XMLSchema">
<soap:Body>
<soap:Fault>
<faultcode>soap:Client</faultcode>
<faultstring>System.Web.Services.Protocols.SoapException: Tiss Fault
at Orizon.wsBackendTissFature.wsBackendTissFature.RecebeMensagem(Mensagem msg)</faultstring>
<faultactor>http://webservice.homolog.orizonbrasil.com.br/Orizon.wsBackendTissFature/wsBackendTissF
ature.asmx</faultactor>
<detail>
<ans:tissFaultWS xmlns:ans="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas">
<ans:tissFault>RemetenteInvalido</ans:tissFault>
</ans:tissFaultWS>
</detail>
</soap:Fault>
</soap:Body>
</soap:Envelope>

Mensagem retornada quando a Orizon não consegue verificar a elegibilidade do prestador que está
enviando o XML, sendo por certificado digital ou login e senha.

Exemplo 4 – Login ou senha inválido:

<soapenv:Envelope xmlns:soapenv="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/"
xmlns:sch="http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas" xmlns:xd="http://www.w3.org/2000/09/xmldsig#">
<soapenv:Header/>
<soapenv:Body>
<soapenv:Fault>
<faultcode>soapenv:Client</faultcode>
<faultstring>LoginInvalido</faultstring>
<detail>
<sch:tissFaultWS>
<sch:tissFault>LoginInvalido</sch:tissFault>
</sch:tissFaultWS>
</detail>
</soapenv:Fault>
</soapenv:Body>
</soapenv:Envelope>

Mensagem retornada quando a Orizon não consegue verificar a elegibilidade do prestador que está
enviando o XML através de login e senha.

www.orizonbrasil.com.br 35
Exemplo 5 - Versão inválida:

<s:Envelope xmlns:s="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/">
<s:Header/>
<s:Body>
<s:Fault>
<faultcode>0x00230001</faultcode>
<faultstring>https://172.22.8.66:5214/tiss/v30200/tissSolicitacaoProcedimento: cvc-simple-type 1:
element {http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas}versaoPadrao value '2.02.03' is not a valid instance of
type {http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas}dm_versao</faultstring>
</s:Fault>
</s:Body>
</s:Envelope>
Mensagem retornada quando o arquivo enviado foi sinalizado numa determinada versão e o que foi
enviado está em outra.

Exemplo 6 - Registro ANS inválido:

<s:Envelope xmlns:s="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/">
<s:Header/>
<s:Body>
<s:Fault>
<faultcode>0x00230001</faultcode>
<faultstring>https://172.22.8.66:5214/tiss/v30200/tissSolicitacaoProcedimento: cvc-simple-type 1:
element {http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas}registroANS value '5711' is not a valid instance of type
{http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas}st_registroANS</faultstring>
</s:Fault>
</s:Body>
</s:Envelope>

Mensagem enviada caso não seja possível identificar o número do registro ANS apresentado.

Exemplo 7 - Caráter de Atendimento inválido:

<s:Envelope xmlns:s="http://schemas.xmlsoap.org/soap/envelope/">
<s:Header/>
<s:Body>
<s:Fault>
<faultcode>0x00230001</faultcode>
<faultstring>https://172.22.8.66:5214/tiss/v30200/tissSolicitacaoProcedimento: cvc-simple-type 1:
element {http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas}caraterAtendimento value '5' is not a valid instance of
type {http://www.ans.gov.br/padroes/tiss/schemas}dm_caraterAtendimento</faultstring>
</s:Fault>
</s:Body>
</s:Envelope>

Mensagem enviada caso o campo caráter de atendimento seja preenchido com um valor inválido, ou
seja, valor diferente de 1 (eletivo) ou 2 (urgente).

www.orizonbrasil.com.br 36
10. Testando os métodos do Web Service Orizon

Para testar os métodos do Web Service, a Orizon sugere utilizar a ferramenta SoupUI. Esta
ferramenta é gratuita e de fácil entendimento, porém há várias outras disponíveis gratuitamente, ou
não, na Internet.

O prestador deve instalar a versão da ferramenta SoupUI (http://www.soapui.org) de acordo com o


sistema operacional que esteja usando e seguir os seguintes passos:

1. Configurar o proxy (se necessário). Para isso, clicar no ícone de configuração:

a. Escolher a aba ‘Proxy Settings’;


b. Digitar as informações referentes ao proxy.

2. Informar o certificado digital que será usado para estabelecer a comunicação com a Orizon:

www.orizonbrasil.com.br 37
Na aba “SSL Settings” deve selecionar o arquivo onde são gravadas as informações referentes ao
certificado digital e informar a senha do mesmo;

a. Selecionar a opção “requires client authentication”.

3. Depois das configurações terem sido feitas, deve ser criado um novo projeto dentro da ferramenta
clicando em Projects (com o botão direito do mouse) e selecionando a opção “New SoapUI Project”.

4. O prestador deve informar o endereço dos web services da Orizon, de acordo com a versão do
arquivo XML que será enviado, e dar um nome para o projeto.

www.orizonbrasil.com.br 38
5. A ferramenta irá criar um projeto com todas as TAG´s obrigatórias e opcionais, deve retirar as que
não serão utilizadas e preencher os dados necessários para envio do arquivo xml de autorização.

6. Depois de clicar no botão ‘Submit’ a mensagem será enviada para o Web Services Orizon.

7. A resposta enviada pelo Web Services Orizon será retornada imediatamente. No caso de
SOLICITACAO_PROCEDIMENTOS será retornada a mensagem RESPOSTA_SOLICITACAO, conforme
exemplo abaixo.

www.orizonbrasil.com.br 39
11. Carteira Digital

Para beneficiários: Cartão Digital por meio de aplicativo para smartphones.

Para prestadores: Mecanismos de captura do cartão (via mobile, webcam ou manual).

Objetivo: Adequar o meio de captura QRCode para transações via Webservice

Permitir uso de smartphones para autorização de segurados sem o uso do cartão, via QRCode
reforçando a presença do cliente junto ao prestador.

Informações previstas, Número do cartão do segurado, Token de autenticação e Localização do


celular do segurado.

O meio de captura Qcode atualmente é utilizado apenas pela Bradesco para capturar da
carteirinha do beneficiário deve ser preparado para transacionar via Webservice.

Solução:

O prestador que transaciona via Webservice deve utilizar o campo “identificadorBeneficiario”


previsto na TISS Versões 2.02.01, 2.02.02, 2.02.03, 3.02.00, 3.02.02 e 3.03.01., para indicar os
dados capturados pelo QRCode em base64.

No inicio do campo identifica o código o tipo de informação que irá nos enviar
({QRCODE|999999999999999:847093:-23.50147:-46.855713:0}.

Exemplo de captura de dados via QRCode:

QR CODE:

({QRCODE|999999999999999:847093:-23.50147:-46.855713:0}.

QR CODE BASE64:

e1FSQ09ERXw3NzEwNDcwMDA3MDEwMDQ6ODQ3MDkzOi0yMy41MDE0NzotNDYuODU1NzEzOjB9

www.orizonbrasil.com.br 40