Você está na página 1de 1

MODELO 1 • TÓPICOS

Neste modelo de roteiro, você organiza seu conteúdo em tópicos - facilitando, assim, lembrar de tudo que
precisa falar durante a gravação de uma aula.

• Tópico 1 - Vantagens de organizar seu conteúdo em tópicos

• Tópico 2 - Muito simples de produzir

• Tópico 3 - Ótimo para quem vai fazer apresentações na frente da câmera

• Tópico 4 - Pode ser colado em um ponto visível e ficar sempre ao alcance dos olhos

• Tópico 5 - Ajuda a lembrar de tudo que precisa falar durante as gravações da aula

• Tópico 6 - Funciona muito bem quando você tem domínio do assunto, servindo apenas
como um direcionamento

• Tópico 7 - É um formato de maior improvisação que o modelo de Narrativa.

MODELO 2 • NARRATIVA
Neste modelo de roteiro, você organiza seu conteúdo como um texto normal. Assim, fica muito mais fácil falar
exatamente o que precisa, sem esquecer nada. Primeiro, você descreve as cenas que vão aparecer - pode ser as telas
de uma apresentação ou então cenas diversas que tenham relação com o seu produto.

Locução: Então, você inclui o que você vai passar de conteúdo. Você pode usar uma
formatação diferente para destacar o que é locução do que é descrição de imagens.
Isso é ótimo para quando criar uma apresentação, por exemplo, ou usar elementos
diferentes no seu vídeo. Um exemplo:

“Tela 7 da apresentação.”

Locução: E aí você pode gravar o seu áudio seguindo o roteiro e depois montar o
vídeo seguindo as instruções de cena que adicionou. Este tipo de roteiro é muito
bom para quem quer oferecer um conteúdo pré-definido, sem abrir margens para
interpretações.

Aproveite para sempre indicar quando houver a entrada de uma cena diferente ou uma nova tela de apresentação.