Você está na página 1de 2

A profissão de arquiteto

A Arquitetura existe desde que o homem sentiu a necessidade de ter um teto para se abrigar e se proteger.
O curso de Arquitetura une a formação artística e humana com disciplinas exatas, como Engenharia,
Matemática e Cálculo.
O principal objetivo do arquiteto é planejar, projetar e desenhar os espaços urbanos visando melhorar a
qualidade de vida das pessoas que neles vivem. Para isso, leva em conta os aspectos técnicos, históricos,
culturais e estéticos do meio ambiente.
A profissão de arquiteto é regulamentada. Para exercê-la é obrigatório possuir diploma de bacharel em
Arquitetura emitido por curso superior reconhecido pelo MEC e obter o registro profissional no Conselho de
Arquitetura e Urbanismo da região onde atua.
Saiba mais sobre o curso de Arquitetura, onde estudar e como está o mercado de trabalho para este
profissional!

Curso
O curso de Arquitetura é do tipo bacharelado e dura em média cinco anos. Nele, o aluno aprende a
organizar e projetar espaços externos e internos, levando em consideração critérios de conforto, estética e
funcionalidade. O currículo mescla disciplinas de Ciências Exatas e Humanas. A maior parte da carga
horária do curso é composta por aulas práticas.
Para se formar, normalmente é necessário fazer um estágio e apresentar um Trabalho de Conclusão de
Curso (TCC).

Grade do curso
O currículo de Arquitetura, ou Arquitetura e Urbanismo, depende da instituição que oferece o curso. Seguem
as disciplinas mais comuns desta graduação:
 Arquitetura e Urbanismo Integrada
 Arquitetura e Urbanismo Interdisciplinar
 Arquitetura Sustentável
 Ciências Sociais
 Comunicação e Expressão
 Conforto Ambiental (Acústica, Clima, Iluminação, Insolação e Ventilação)
 Desenho de Representação e Observação
 Desenho Técnico e Expressivo
 Ergonomia, Antropometria e Acessibilidade
 Estética do Projeto
 Estudos Ambientais e Saneamento Urbano
 Ética e Legislação Profissional
 História da Arquitetura no Brasil
 História Geral da Arte
 Homem e Sociedade
 Informática Aplicada
 Instalações Prediais (Elétrica e Hidráulica)
 Materiais Naturais e Artificiais
 Mecânica dos Solos e Fundações
 Planejamento Urbano e Regional
 Projeto Arquitetônico
 Projeto de Mobiliário Urbano
 Projeto do Objeto
 Projeto para Edifícios Multifuncionais
 Projeto Urbano e Paisagismo
 Resistência dos Materiais
 Sistemas Estruturais
 Técnicas Retrospectivas
 Tecnologia da Construção
 Topografia para Arquitetura e Urbanismo

Faculdades de Arquitetura
Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Arquitetura e Urbanismo:
 Centro Universitário UNISEB (UNISEB-Estácio)
 Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)
 Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA)
 Universidade Estácio de Sá (UNESA)
 Universidade Cidade de São Paulo (UNICID)
 Universidade de Franca (UNIFRAN)
 Universidade Norte do Paraná (UNOPAR)
 Faculdade Unime (UNIME) – na Bahia
 Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais

Mercado de trabalho
O profissional graduado no curso de Arquitetura está apto a projetar e coordenar construções e reformas de
espaços internos e externos. Ele determina quais serão os materiais utilizados na obra e faz a sua planta,
sempre levando em consideração a disposição dos objetos, qual será a funcionalidade do imóvel e a sua
iluminação.
O arquiteto, na maioria das vezes, trabalha em conjunto com o engenheiro civil, acompanhando a
construção, gerenciando a mão de obra e os custos da obra. Além disso, projeta e desenha espaços
urbanos visando melhorar a qualidade de vidas das pessoas que nele residem. É um profissional de
fundamental importância para o crescimento, racionalização e humanização das cidades.
O mercado de trabalho para o profissional formado em Arquitetura encontra-se em expansão no país, em
especial no setor de construção civil. Além disso o setor público também tem aumentado a procura por
arquitetos. As regiões que mais oferecem vagas para esse profissional são a Sudeste e a Sul.