Você está na página 1de 23

Loucos por Ciências

E.E. Comendador Oliveira Gomes


Sala 7 - 1ª sessão

Professora Apresentadora:
Fernanda Cabrini Leal Baptista

Realização:
Foco
A Contextualização do conhecimento cientifico
articulado multidisciplinarmente com as disciplinas da
Base Nacional Comum e as da Parte diversificada,
atendidas pela Matriz Curricular do Programa Ensino
Integral.
Contexto de Aplicação
Escola Estadual de Ensino Integral Fundamental
Anos Finais, aderiu ao Programa em 2013, com 100%
de adesão da comunidade escolar.
Atualmente atende a 180 alunos na faixa etária
de 11 a 15 anos, oriundos de bairros vizinhos ao
prédio, demanda de escolas municipais e, em alguns
casos, particulares.
A comunidade vive do comércio local e do
turismo religioso (Canção Nova), além de o município
ser polo do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas
Espaciais).
Os conteúdos da Base Nacional Comum têm a
contribuição efetiva das disciplinas eletivas, onde a
prática ocorreu atendendo a 25 alunos de 6º ao 9º ano,
no período de 13 de março a 27 de junho de 2015.
Justificativa
Considerando o cenário de uma escola de Ensino Integral,
que possui recursos e projetos que incentivam a construção do
conhecimento científico, faz-se ainda necessário que a comunidade,
onde esta inserida, incentive novas propostas para a ampliação
de projetos de vida na área das Ciências e Tecnologias.
Desse modo, foi sugerido um projeto para ser
desenvolvido na eletiva da área de Ciências, em parceria com os
alunos do Ensino Médio de outra escola pública, protagonistas do
Projeto Ciência é Show, que são bolsistas do Programa de pré-
iniciação científica USP/CNPq, para possibilitar a troca de
experiências e vivências para o crescimento pessoal e acadêmico
dos alunos.
A nossa escola está localizada em uma região privilegiada
do Vale do Paraíba, que dispõe de um vasto campo de
conhecimento cientifico e tecnológico, como o Instituto Nacional de
Pesquisas Espaciais INPE, a Universidade de São Paulo (USP), a
Universidade Salesianas, FATEA e FATEC, com cursos universitários
voltados para a área abrangente e com Instituições voltadas ao
ensino técnico e profissionalizante, a COTEL, COTEC e a ETEC. Em
suma, este projeto é de total relevância para a formação de jovens
Objetivo
GERAL:
Despertar novos talentos e compartilhar experiências com alunos do
Ensino Médio em projetos de pré-iniciação científica no referente à temática
“Água Fonte da Vida”, levando-os à contextualização da Ciência e da
Tecnologia, através de vivências cotidianas,

ESPECÍFICOS:
• Observar e investigar os sintomas e as causas reais dos problemas que o
Brasil vem enfrentando com a falta de água;
• Elaborar projetos de acordo com a temática que envolvam conhecimentos
Químicos, Físicos, Biológicos e Matemáticos;
• Sistematizar e registrar as etapas da construção do protótipo do projeto
escolhido;
• Aplicar e diagnosticar possíveis problemas, buscando solucioná-los;
• Confeccionar o projeto de exposição;
• Apresentar todas as etapas e a conclusão dos projetos na culminância.
Desenvolvimento/ Metodologia
Apresentar a temática para escolha através da encenação do Dr. Loucão
(cientista convidado para fazer a publicidade da eletiva “Loucos por Ciências”.
Nas aulas, utilizar de experimentações para o desenvolvimento do projeto, em
parceria com o “Ciência é Show”, encerrando com a apresentação dos projetos
realizados pelos alunos.
ETAPAS:
1-Regras de segurança no laboratório e no manuseio de materiais;
2- Levantamento de conhecimentos prévios doa alunos;
3- Debate sobre o tema abordado, com questionamentos;
4- Pesquisas de experimentações que tenham relevância com os
questionamentos da etapa 1;
5- Apresentação das escolhas dos experimentos para os monitores e
professor, com relatório do por quê, pra quê e como;
6- Montagem dos protótipos e fase de testes;
7- Apresentações para o grupo e ajustes, se necessário;
8- Confecção o material de exposição e banner de apresentação;
9- Culminância – Apresentação de todos os projetos.
Habilidades/ Conteúdos
TEMA: Vida e Ambiente
• Reconhecer através de vídeos, imagens e textos jornalísticos, elementos essenciais à
manutenção da vida dos organismos e os ambientes em que estão inseridos;
• Reconhecer as transformações do estado físico da água, associando-se às respectivas
temperaturas; construir e aplicar o conceito de ciclo hidrológico, de maneira a
interpretar os diversos caminhos da água no ambiente;
TEMA: Ciência e Tecnologia
• Identificar e caracterizar os múltiplos usos da água, como a manutenção da vida e
produção de alimentos;
TEMA: Ser Humano e Saúde:
• Identificar e caracterizar as principais fases no tratamento da água, com base em
imagens, vídeos e práticas;
• Propor estratégias para o uso sustentável da água na escola;
• Reconhecer a importância do saneamento público e sua relação com a prevenção e
promoção da saúde.
Organização de Dados
Número total de alunos: 25

Alunos de 6º ano: 07

Alunos de 7º ano: 09

Alunos de 8º ano: 07

Alunos de 9º ano: 02

Número de aulas: 28

Frequência: 93%
Nome da equipe: “LOUCOS POR CIÊNCIAS”
Tema Geral: Água Fonte da Vida

Projetos Desenvolvidos:
• Pluviômetro;
• Terrário – Ciclo Hidrológico;
• Eletrólise da Água;
• Mini Estação de Tratamento de Água;
• Maquete de Captação de Água da Chuva.
Recursos Utilizados
• Recursos audiovisuais (lousa digital, notebook)
• Jornais e revistas
• Materiais de laboratório (vidrarias, reagentes e
equipamentos)
• Materiais de papelaria
• Materiais impressos (banners e faixa);
• Camisetas.
Registros

DIA DA DIVULGAÇÃO “Dr. Loucão”


Apresentação da Equipe convidada “ CIÊNCIA É SHOW”
Início das aulas: regras de segurança e
manuseio de materiais e
equipamentos
de laboratório.
Pesquisa para escolha dos projetos e
coleta de dados
Produção do material para exposição
DIA DA CULMINÂNCIA
Resultados
Eletiva Loucos por Ciências
100%
90%
80%
70%
60%
50%
40%
30%
20% Eletiva Loucos por
10% Ciências
0%
Conclusão

No decorrer das aulas até o dia da culminância ficou


claro que um projeto de pré iniciação científica não só
reforçou e ampliou os conteúdos do Currículo da Base
Comum, mas também fortaleceu o trabalho em equipe, a
autoestima e autoconfiança dos alunos, sendo a
participação dos alunos da equipe do “Ciência é Show” de
extrema importância para o resultado dos trabalhos .
Avaliação dos alunos