Você está na página 1de 3

SÉRIE RUMO AO ITA ENSINO PRÉ-UNIVERSITÁRIO

PROFESSOR(A) MARIANO SEDE


ALUNO(A) Nº TC
TURMA TURNO DATA QUÍMICA
___/___/___

INTRODUÇÃO 5.

A determinação da nomenclatura dos compostos


monofuncionais segue as seguintes regras de nomenclatura:
1. Determinação da função principal.

2. Escolha da cadeia principal ou anel principal:


– contém a função principal.
– maior número de insaturações. 6.
– maior número de carbonos.
– maior número de ramificações.

3. Ordenar as ramificações alfabeticamente:


– os prefixos quantitivos: di; tri; tetra; ... não entram na
ordem alfabética.
– os prefixos diferenciais: sec-; terc; ... não entram na
ordem alfabética.
– os prefixos simétricos: iso e neo; entram na ordem
alfabética.
7.
4. Denominar a cadeia principal.

prefixo infixo sufixo


an, en, in terminação
tipo de indicativa
n° de carbonos ligação
na cadeia da função
entre os principal
principal carbonos

Exemplos:
Dê a nomenclatura dos compostos a seguir, de acordo
com as regras estabelecidas.
8.
1.

2.

9.

3.

10.

4.

Comentário:
– Acrescentar outros exemplos com maior grau de
complexidade.

OSG.: 19935/09
TC – QUÍMICA

NOMENCLATURA DE COMPOSTOS ORGÂNICOS A nomenclatura dos compostos orgânicos


POLIFUNCIONAIS polifuncionais tem quatro partes:
1. Sufixo: determina o grupo funcional da função
Uma molécula orgânica polifuncional pode conter principal.
muitos grupos funcionais diferentes e, para efeitos de 2. Cadeia principal ou anel principal: deve seguir os
nomenclatura, deve-se escolher um só sufixo. Não é correto seguintes critérios, pela ordem.
usar mais de um sufixo. – função principal.
Os grupos funcionais se dividem em duas classes, os – maior n° de funções secundárias.
– maior n° de insaturações.
grupos principais que podem ser usados como prefixos e
– maior n° de carbonos.
como sufixos, e os grupos subordinados que só são usados
– maior n° de ramificações.
como prefixos. 3. Ramificações: ordenar alfabeticamente, lembrando que
a numeração da cadeia principal deve ser iniciada a
CLASSIFICAÇÃO DOS GRUPOS FUNCIONAIS PARA partir da extremidade mais próxima da função principal.
FINS DE NOMENCLATURA 4. Denominação do composto principal:
Nome como infixo sufixo
Grupo funcional Nome como sufixo
prefixo
en, in função
Grupos principais de C
principal
ácidos carboxílicos
anidridos de ácido ácido –oico carbóxi
Exemplos:
ácido –carboxílico
anidrido-oico
anidrido-carboxílico 1.
ésteres -oato alcóxi-carbonil
-carboxilato
halogenetos de acila halogeneto de -oíla halogeno-carbonil
halogeneto de
-carbonila
amidas -amida amido
2.
-carboxamida
nitrilas -nitrila ciano
-carbonitrila
aldeídos -al oxo
-carbaldeído
cetonas -ona oxo
álcoois -ol hidróxi 3.
fenóis -ol hidróxi
tióis -tiol mercapto
aminas -amina amino
iminas -imina imino
alquenos -eno alquenil
alquinos -ino alquinil
4.
alcanos -ano alquil

CLASSIFICAÇÃO DOS GRUPOS FUNCIONAIS PARA


FINS DE NOMENCLATURA
Nome como
Grupo funcional Nome como sufixo
prefixo
Grupos 5.
subordinados
éteres alcóxi
sulfetos alquiltio
halogenetos halogeno
compostos nitro nitro
azidas azido
diazo diazo

Os grupos funcionais principais estão em ordem de prioridade


decrescente. Não existe ordem de prioridade estabelecida para
os grupos funcionais subordinados. Comentários:
– Acrescentar outros exemplos.

2 OSG.: 19935/09
TC – QUÍMICA

• Represente estruturalmente ou denomine os compostos, 6. Ácido 2-(3-oxo-propil)-ciclo-hexanocarboxílico


conforme citação mencionada em cada questão a seguir:
7. 4-(dimetil-amino)-piridina
1.
a) CH3CH2CH(CH3)2CH2CH2OH
b)

c) Álcool benzílico
d) p-cresol (metilfenol)
2.
a) vinilbenzeno (estireno)
b) cloroacetileno (cloroetino)
c)

d)

3.
a) Fenilamina
b)

c) H3C – C N
d) H3C – NC

4.
a)

b)

c) H3C CH2 SH
d) H3C O CH2 CH2 O CH3

5.
a) H3C MgBr b)

c) d)

FM – 22/06/09
Rev.: MA

3 OSG.: 19935/09