Você está na página 1de 4

sábado, 19 de maio de 2012

RANGE ROVER SPORT E DISCOVERY 4 GANHAM


CÂMBIO 8 MARCHAS

As novas linhas Range Rover Sport e Discovery 4 chegam ao mercado brasileiro


equipadas com a novíssima transmissão de oito velocidades ZF 8HP70 e ampla
tecnologia embarcada. Acompanhada do motor SDV6 Bi-Turbo Diesel, o novo
câmbio traz uma relação de marchas que proporciona uma condução mais
confortável, aliada à melhor eficiência no consumo de combustível e a menores
índices de emissões de CO2.Com oito velocidades, a relação de marchas é ampla e
ideal para diversas situações. Em situações mais lentas do veículo, o conjunto
câmbio e motor traz bastante robustez, ideal para retomadas e para a transposição
de obstáculos na condução fora de estrada. No asfalto, a relação alongada das
marchas mais altas proporciona melhor conforto e menor desgaste do motor, que
passa a trabalhar a baixas rotações mesmo acima dos 120 km/h.Para receber a
nova transmissão, o motor 3.0 Bi-Turbo SDV6 Diesel foi adaptado e ganhou ainda
mais potência, passando a desenvolver agora 256 cavalos, contra 245 da versão
anterior. O sistema também garante que o propulsor trabalhe sempre com o nível
ideal de torque a cada velocidade, o que proporciona extrema robustez.
Para otimizar o espaço interno, a alavanca de câmbio foi substituída por um botão
seletor de marchas giratório, a exemplo do que já existe em todos os veículos
Jaguar e nas linhas Range Rover Vogue e Range Rover Evoque. Para não confundir,
o comando giratório do sistema Terrain Response foi substituído por um novo
controle, agora acionado por botões.A ampla tecnologia embarcada na nova
transmissão proporciona ao veículo um comportamento excepcional. Todo o
processo de mudanças de velocidade leva apenas 0,2 segundo para se completar.
Além da agilidade com que atua, o sistema compara a rotação do motor com a
velocidade da turbina, antecipando-se às seguintes reduções. Isso se traduz em
mudanças incrivelmente suaves entre as várias velocidades, oferecendo uma
experiência de condução mais sofisticada.O sistema de trocas sequenciais por meio
de borboletas dispostas na parte traseira do volante acompanha a nova
transmissão e oferece uma experiência ao volante extremamente esportiva, o que
permite que o condutor utilize ao máximo o desempenho e a força do motor biturbo
Diesel SDV6.

A transmissão ZF 8HP70 encontra-se repleta de características desenvolvidas para


poupar energia. O seu sistema hidráulico também é mais eficiente, poupando o
motor. O conversor de torque hidráulico está programado para ser bloqueado
quando o veículo circula em baixa velocidade e à temperatura normal de
funcionamento, o que diminui o consumo e aproveita mais uma vez o imenso
torque a baixas rotações do motor.O Sistema de Detecção do Modo de Condução
supervisiona de forma constante o comportamento do veículo e do condutor para
otimizar a resposta do câmbio a cada estilo de condução. O sistema também
trabalha de forma a evitar mudanças de marcha não desejadas quando deparamos
com um percurso repleto de curvas.

A utilização dos freios é monitorada para que a transmissão selecione a marcha


mais adequada ao entrar e sair das curvas, o que garante a utilização do freio
motor e ajuda a preservar as pinças e os discos. A transmissão pode saltar até seis
mudanças sem necessidade de trocas sequenciais, o que favorece o conforto e o
desempenhho em situações que exigem rápida retomada, como em casos de
manobras de ultrapassagem.A nova transmissão também atua de forma inteligente
em outras situações. Se registar uma temperatura elevada, uma mudança mais
curta é automaticamente selecionada, o que aumenta as rotações do motor e do
compressor do sistema de ar condicionado para resfriar rapidamente o interior do
veículo. Se a temperatura ambiente for baixa, o motor funciona a rotações mais
elevadas para diminuir o tempo de aquecimento e as emissões de CO2.

Para receber a nova transmissão, o motor 3.0 Bi-Turbo Diesel SDV6 foi ajustado
para ganhar mais potência e oferecer menor consumo de combustível e índices de
emissões de CO2 reduzidos.O propulsor passou de 245 para 256 cavalos de
potência, mantendo impressionantes 600 Nm de torque a apenas 2.000 rpm.
Tamanha potência deve-se a um um novo sistema de turbo-compressores paralelos
sequenciais e um sistema de injeção “common rail” de terceira geração. Os dois
turbo-compressores trabalham de forma sequencial para oferecer o melhor torque
da categoria em baixas velocidades e uma potência verdadeiramente
impressionante em altas velocidades.

O novo conjunto motor e câmbio favorecem muito o aspecto esportivo oferecido


pelo Range Rover Sport. As mudanças sequenciais e o ganho de potência aliados à
extrema força do propulsor biturbo Diesel dão ao motorista opção de condução
altamente arrojada.A transmissão de oito velocidades traz uma relação de marchas
mais curta e faz o modelo responder imediatamente ao toque do motorista no
acelerador, fazendo-o sentir toda a potência dos 256 cavalos que o empurram da
imobilidade aos 100 km/h em 8,9 segundos, número impressionante para um
veículo que pesa mais de 2.500 kg.
Mais premiado veículo da Land Rover em todos os tempos, o Land Rover Discovery
4 tem seu aspecto de versatilidade e robustez ainda mais evidente com o novo
conjunto que traz motor biturbo Diesel 3.0 SDV6 e câmbio ZF 8HP70 de 8
velocidades.O modelo ficou ainda mais robusto com o torque máximo de 600 Nm a
apenas 2 mil RPMs, força suficiente para transpor os mais difíceis obstáculos em
situações off road. Na pista, mesmo em altas velocidades, o propulsor pode rodar a
baixas rotações, o que proporciona mais economia de combustível, índice de ruído
interno praticamente inexistente e extremo conforto.De série, a capacidade de
transportar com conforto até sete passageiros em todos os tipos de terreno dá ao
Discovery 4 um aspecto versátil, sem deixar de lado o luxo e a robustez.

A função “Homelink” da Land Rover facilita a volta para casa


O sistema incorpora uma nova característica que simplifica a volta para casa
quando esta tem portões de entrada ou portas de garagem com abertura por meio
de comando à distância. A opção “Homelink” trabalha conjuntamente com a
Assistência de Faróis de Longo Alcance memorizando a frequência de praticamente
todos os comandos à distância utilizados para abrir e fechar portões ou garagens.
Basta pressionar um simples botão.
Postado por Roberto Costa às sábado, maio 19, 2012
Enviar por e-mailBlogThis!Compartilhar no Twitter