Você está na página 1de 17

Campos Magnetostáticos

Prof. MSc. Daniel Carlos


Engenheiro Eletricista
CREA-RN nº 211488381-7
danielcarloscc@outlook.com
2

Apresentação
1.Introdução
2. Lei de Biot - Savart
3. Lei Circuital de Ampére
4. Densidade de Fluxo Magnético
3

1.Introdução
➢Campos Eletrostáticos: E ou D
𝐷 = 𝜀𝐸
➢Campos Magnetostáticos: H ou B
B = 𝜇𝐻
➢Experimento de Oersted: Relação
entre campos magnéticos e
elétricos
➢Campo Elétrico: gerado por cargas
estáticas;
➢Campo Magnético: gerado por
cargas em movimento;
3
4

4
Conceito Elétrico Magnético
5
Leis Básicas 𝑄1 𝑄2 𝜇0 𝑑𝑙 × 𝑎𝑅
𝐹= 𝑎 𝑑𝐵 =
4𝜋𝜀𝑟 2 𝑅 4𝜋𝜀𝑟 2
ර 𝐷 𝑑𝑆 = 𝑄 ර 𝐻 𝑑𝑙 = 𝐼

Lei da Força 𝐹 = 𝑄𝐸 𝐹 =𝑄𝑢×𝐵


Elemento Fonte 𝑑𝑄 𝑄𝑢 = 𝐼𝑑𝑙
Intensidade de campo 𝑉 𝐼
𝐸 = (𝑉/𝑚) 𝐻 = (𝐴/𝑚)
𝑙 𝑙
Densidade de fluxo 𝜓 𝜓
𝐷 = (𝐶/𝑚²) 𝐵 = (𝑊𝑏/𝑚²)
𝑆 𝑆
Relação entre campos 𝐷 = 𝜀𝐸 𝐵 = 𝜇𝐻
Potenciais 𝐸 = −Δ𝑉 𝐻 = −Δ𝑉 (𝐽 = 0)
𝜌𝐿 𝑑𝑙 𝜇𝐼𝑑𝑙
𝑉= න 𝐴= න
4𝜋𝜀𝑟 4𝜋𝑅
Fluxo
𝜓 = න 𝐷 𝑑𝑆 𝜓 = න 𝐵 𝑑𝑆

𝜓 = 𝑄 = 𝐶𝑉 𝜓 = 𝐿𝐼
𝑑𝑉 𝑑𝐼 5
6

1. Introdução
Existem duas leis fundamentais que governam os campos
magnetostáticos:
(1) lei de Biot – Savart e
(2) lei circuital de Ampére.
Assim como a lei de Coulomb, a lei de Bio – Savart é a lei geral da
magnetostática.

6
7

2. Lei de Biot - Savart


A lei de Biot-Savart estabelece que a
intensidade do campo magnético dH
gerada em um ponto P, como mostrado
na Figura, pelo elemento diferencial de
corrente I dl é proporcional ao produto
entre I dl e o seno do ângulo α, entre o
elemento e a linha que une P ao
elemento, e é inversamente proporcional
ao quadrado da distância R entre P e o 𝑑𝑙 𝑠𝑒𝑛𝛼
elemento. 𝑑𝐻 ∝
𝑅²
7
8

2. Lei de Biot - Savart


Orientação e Representação
▪Regra da Mão Direita;
▪Vetor intensidade

8
9

Campos Elétricos de distribuições


contínuas de carga
➢ Representar- se distribuições contínuas de carga ao longo de uma
linha, sobre uma superfície ou em um volume
+ ρs
+
+ + + + + + + + +
+ ρl
Q+ + + + + ++ + ρv
Carga Linha de cargas Volume de
Superfície de
pontual cargas
cargas

➢É usual denotar densidade de cargas linear, superficial e


volumétrica por ρL (C/m), ρS (C/m²) e ρV (C/m³)

9
10

2. Lei de Biot - Savart


Distribuições de corrente

10
11

Exemplo 1

11
12

3.Lei Circuital de Ampére


A lei circuital de Ampére estabelece que
a integral de linha da componente
tangencial de H em torno de um caminho
fechado é igual a corrente líquida I
ර 𝑯 ∙ 𝒅𝒍 = 𝑰
envolvida pelo caminho. Em outras
palavras, a circulação de H é igual à I, isto
é:

12
13

4. Densidade de Fluxo Magnético


Fluxo Elétrico: é Possível ter uma carga
elétrica isolada, o que revela que as
linhas de fluxo elétrico não são
necessariamente fechadas.

13
14

4. Densidade de Fluxo Magnético


As linhas de fluxo magnético sempre se fecham sobre si mesmas.
Portanto,

14
15

4. Densidade de Fluxo Magnético


Dessa forma, o fluxo total através de uma superfície fechada em um
campo magnético deve ser zero, isto é

ර 𝑩 ∙ 𝒅𝑺 = 𝟎

Essa equação é referida como lei da conservação do fluxo magnético,


ou Lei de Gauss para campos magnetostáticos.

15
16

Referências

SADIKU, M. N. O. Elementos do Eletromagnetismo. 5ª ed. Porto Alegre: Bookman, 2012.

HAYT & BUCK. Eletromagnetismo. 8ª ed. Porto Alegre: Bookman, 2012.


17

Obrigado pela atenção!

Você também pode gostar