Você está na página 1de 3

PLANO DE CURSO – 2018.

DISCIPLINA: LIBRAS
CURSO(S):
PROFESSOR/A: Elioenai Mônica Duarte

EMENTA:
Legislação e inclusão. Noções básicas da língua de Sinais Brasileira. Características da língua,
seu uso e variações regionais. Configuração de mão, movimento, locação, orientação da mão,
expressões não manuais, números. Expressões socioculturais positivas: cumprimento,
agradecimento, desculpas. Expressões socioculturais negativas: desagrado, verbos e pronomes,
noção de tempo e de horas. Diálogo e conversação. Aspectos da Língua de sinais e sua
importância: cultural e histórica. Identidade Surda. Introdução aos aspectos linguísticos na
língua brasileira de sinais: fonologia, morfologia, sintaxe. Noções básicas da escrita de sinais.
Processo de aquisição da Língua de Sinais observando as diferenças e similaridades existentes
entre esta e a Língua Portuguesa.

OBJETIVOS DA DISCIPLINA: Conhecer as concepções sobre surdez; • Compreender a


constituição do sujeito surdo; • Identificar os conceitos básicos relacionados à LIBRAS; •
Analisar a história da língua de sinais brasileira enquanto elemento constituidor do sujeito
surdo; • Caracterizar as variações linguísticas, iconicidade e arbitrariedade da LIBRAS; •
Identificar os fatores a serem considerados no processo de ensino da Língua de Sinais Brasileira
dentro de uma proposta Bilíngue; fundamentada na legislação em vigor, trazendo a luz a Lei
da LIBRAS n° 10.436 e decreto-lei n° 5626.

CONSIDERAÇÕES E JUSTIFICATIVA:
Esse ano de 2018 o campus IFF Macaé, terá 10 alunos surdos matriculados em 4 cursos
diferentes, por isso a necessidade que toda a escola se prepare para estabelecer uma
comunicação com esses alunos e para ajudar na permanência e sucesso escolar dos mesmos. O
curso de libras será um marco inicial de um novo tempo no IFF Macaé, que será espaço das
duas línguas oficiais do país, o Português e a LIBRAS.

TOTAL DE
23
CONTEÚDOS CURRICULARES
ENCONTROS
( 46 aulas)
Datas CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Nº DE AULAS

21/02 Contexto histórico legislação e inclusão; 1e2

Características da Língua, seu uso e variações regionais, 3e4


28/08
parâmetros, configuração de mãos, alfabeto e números

07/03 5
Saudações e cumprimentos básicos;
1
14/03 Dias da semana, mês, ano e estações do ano; 6

21/03 Profissões; 7

28/03
Ambiente escolar (local, material e disciplina); 8

04/04 Expressões faceais e corporais; 9

18/04 Verbos e substantivos; 10 e 11

25/04 Pronomes; 12

02/05 Adjetivos; 13

09/05 Noção de tempo e de hora; 14

16/05 Cores; 15

23/05 Família; 16

30/05 Animais; 17

06/06 Diálogo e conversação; 18

13/06 Meios de comunicação e transporte; 19

20/06 Sinais arbitrários e icônicos; 21

27/06 Interpretação e tradução de música; 22

04/07 Encerramento e culminância. 23

METODOLOGIA PARA DESENVOLVIMENTO DO CURSO:


Aulas teóricas expositiva-dialogada em língua de sinais com utilização de recursos visuais (slides
ou filmes). Descrição detalhada: as aulas serão expositivas dialogadas predominantemente em
língua de sinais. Quando necessário serão utilizados recursos visuais (slides ou filmes) para facilitar
2
o entendimento do conteúdo. Todos os conteúdos trabalhados serão contextualizados com verbos,
pronomes, classificadores viso-espacial, expressões faciais e corporais. Discussão sobre o
entendimento e análise das atividades solicitadas: filme, e leitura de um livro. Aulas práticas
apresentações individuais e ou coletivas supervisionadas das aprendizagens dos alunos descrição
detalhada: exercícios práticos com diálogos dos alunos em duplas utilizando a língua brasileira de
sinais; treinar em libras para apresentação de um teatro (dramatização coletiva). ALÉM DISSO
TEREMOS 10 HORAS DE AULAS Á DISTÂNCIA , NA QUAL O ALUNO DEVERÁ POSTAR
VÍDEO DE SEU APRENDIZADO E ASSISTIR AS AULAS ON LINE.

PROPOSTA DE AVALIAÇÃO:

Serão observadas a participação dos alunos nas discussões presenciais, suas explicações, opiniões e
conclusões e a fluência e clareza na exposição em libras. Será avaliado o painel confeccionado pelo
grupo quanto a clareza das informações, uso de imagens e explicação em libras. O seminário final
será apresentado em libras e será avaliada a aquisição do vocabulário, bem como, a estruturação
frasal.
Descrição detalhada:
Nota 1: Entrega da análise do livro e apresentação – libras, Que língua é essa? (Individual) valor:
2,0
2 Trabalhos prático em Sala: valor 1,0 cada
Produção do vídeo em libras (dupla) 3,0 APRESENTAÇÃO: 1,0
Participação 2,0 total: 10,0
Nota 2: Apresentação em grupo 2,0
Elaborar Aula em libras (em grupo) 5,0
Resumo dos assuntos estudados: 3,0
Participação em aula: 2,0 total: 10,0

BIBLIOGRAFIA BÁSICA:
Referências Básicas: 1. GESSER, Audrei. Libras? Que língua é essa? São Paulo, Editora
Parábola: 2009. 2. PIMENTA, N. e QUADROS, R. M. Curso de Libras I. (DVD) LSBVideo:
Rio de Janeiro. 2006. 3. QUADROS, R. M.; KARNOPP, L. Estudos Lingüísticos: a língua de
sinais brasileira. Editora ArtMed: Porto Alegre. 2004.

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR:
1. CAPOVILLA, F.; RAPHAEL, Walkíria Duarte. Dicionário Enciclopédico Ilustrado
Trilíngüe da Língua de Sinais. Imprensa Oficial. São Paulo: 2001. 2. Dicionário virtual de
apoio: http://www.acessobrasil.org.br/libras/ 3. Dicionário virtual de apoio:
http://www.dicionariolibras.com.br/ 4. Legislação Específica de Libras – MEC/SEESP –
http://portal.mec.gov.br/seesp 5. PIMENTA, N. Números na língua de sinais brasileira (DVD).
LSBVideo: Rio de Janeiro. 2009.

Macaé, 16 de Janeiro de 2018.

______________________