Você está na página 1de 54

Partido Democrático Trabalhista

Plano de Governo
2011 / 2014

Junho 2010
Partido Democrático Trabalhista

Sumário

1. Apresentação

2. Alguns Desafios

3. Princípios de Gestão

4. Premissas Estratégicas

5. Objetivos e Ações Propostas

2
Partido Democrático Trabalhista
1. Apresentação

O presente Plano de Governo é resultado do Projeto Paraná, que foi


concebido com o objetivo de gerar propostas para melhorar a qualidade
de vida paranaense, dentro de uma visão estruturada, integrada e de
longo prazo.

Destinado à orientação das atividades partidárias, de iniciativa da


Executiva do Partido Democrático Trabalhista do Paraná – PDT/PR, esse
projeto se transformou num empreendimento suprapartidário e tem sido
enriquecido com contribuições oriundas de todas as regiões paranaenses.

Além de unir profissionais, pesquisadores, lideranças políticas,


empresariais e forças organizadas da sociedade em torno de reflexões
estratégicas sobre o futuro, o Projeto Paraná continuará em elaboração e
estará continuamente aberto às contribuições de todos os interessados.

Por sua vez, o presente documento reúne objetivos gerais e propostas


governamentais para o período de 2011 a 2014. Oportunamente serão
divulgadas as metas de médio prazo e a caracterização das principais
demandas regionais.

No momento, entre outras, são apresentadas ações para modernizar a


gestão governamental; avançar nas conquistas sociais; incluir regiões e
populações carentes no processo de desenvolvimento e somar as forças
paranaenses, com paz e diálogo, em defesa dos grandes interesses do
Estado.

3
Partido Democrático Trabalhista

2. Alguns Desafios

O Paraná é um estado privilegiado pelo valor de seu povo, por suas


riquezas naturais e por sua capacidade produtiva. Está entre as maiores
economias do país, ocupa a liderança na produção de grãos, é o principal
produtor agrícola brasileiro e já se transformou num importante centro
industrial nacional. Porém, é um estado muito desigual, social e
economicamente, e cuja prosperidade está muito concentrada.

Mais de 70% do PIB estadual é gerado em três regiões (metropolitana de


Curitiba, norte central e oeste), sendo que 60% do PIB industrial está
concentrado em dez municípios. Somente a microrregião de Curitiba, com
apenas 19 cidades (4,8% do Paraná), abriga 30% da população e responde
por 43% da atividade econômica estadual medida pelo VAF (valor
adicionado fiscal).

No tocante aos indicadores estaduais de saúde, educação, emprego e


renda, baseados no IFDM (Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal),
o Paraná está bem posicionado em relação a outros estados brasileiros.
Em 2006 esse indicador no âmbito nacional era de 0,7376 e o paranaense
de 0,8074.

De outro lado, ainda com base no IFDM, 87% das cidades paranaenses
apresentavam um índice de desenvolvimento abaixo do indicador nacional
e 97,5% do estadual. A grande maioria dessas cidades (98%) estava abaixo
do indicador estadual no tocante ao emprego e renda, 52% abaixo em
saúde e 44% em educação.

A situação estadual, frente à maioria das cidades, evidencia a


desigualdade presente no território paranaense. Além disso, essas
desigualdades têm aumentado regionalmente e até mesmo internamente
nas cidades mais prósperas.

4
Partido Democrático Trabalhista
É também possível antever agravamento dos desafios nas grandes regiões
metropolitanas. Segundo estudos recentes, Curitiba e cidades adjacentes
terão mais de quatro milhões de habitantes em 2020. Por outro lado, nos
últimos anos um expressivo número de municípios paranaenses perdeu
população e dinamismo econômico.

Apesar dos avanços sociais, muitas famílias paranaenses ainda não têm
sua própria casa, convivem com a criminalidade crescente e enfrentam a
invasão das drogas nos seus lares. Para muitos jovens faltam perspectivas
de futuro e, infelizmente, resta a marginalidade e a exclusão social.

Além disso, a segurança, saúde e outros serviços públicos ainda são


ofertados de forma insuficiente frente à crescente demanda e a qualidade
da educação, ainda deixa desejar. A grande maioria dos paranaenses
necessita de ensino com qualidade e profissionalizante.

De outro lado, ainda persistem grandes desafios governamentais, como a


baixa capacidade de investimento; reduzida atratividade para novos
empreendimentos; falta de planejamento estratégico; crescentes passivos
oriundos do pedágio, venda do Banestado e de partes da Sanepar e Copel,
entre outros.

Hoje são necessárias profundas mudanças nessa realidade. Além de


atender às demandas emergenciais da população, é preciso retomar o
desenvolvimento, com igualdade de oportunidades, elevando a qualidade
de vida da população e atenuando as desigualdades econômicas e sociais.

5
Partido Democrático Trabalhista

3. Princípios de Gestão

O sucesso na transformação da realidade e construção de um novo futuro


para o povo paranaense depende dos agentes envolvidos, especialmente
no âmbito governamental. Assim, são necessários princípios que orientem
as ações, condutas e decisões de tais agentes, desde a concepção até a
execução das ações necessárias.

Neste sentido, são propostos os princípios, apresentados a seguir, que


estão à disposição da sociedade paranaense e, em especial, de todos os
partidos e lideranças políticas interessadas em agregar forças em prol de
um amanhã melhor para o Paraná:

Educação, Conhecimento e Oportunidade para Todos (I)


Programas Sociais Mantidos e Ampliados (II)
Direitos Constitucionais Respeitados (III)
Inclusão Social e Econômica Regional (IV)
Gestão Moderna, Ética, Diálogo e Compromissos Honrados (V)
Combate à Criminalidade, às Drogas e à Corrupção (VI)
Valorização do Servidor Público (VII)
Defesa e Fortalecimento das Empresas Públicas (VIII)
Parcerias Municipais Concretas (IX)
Promoção do Cooperativismo (X)
Fortalecimento da Agricultura Familiar (XI)
Apoio às Micro e Pequenas Empresas (XII)

6
Partido Democrático Trabalhista

Educação, Conhecimento e Oportunidade para Todos(I)

A igualdade de oportunidades para todos deve ser garantida via educação


e acesso ao conhecimento, requisitos básicos para melhorar os padrões
sociais e econômicos, como também, para promover a democracia e
cidadania. Eles são transformadores da realidade e construtores do
futuro, devendo ser promovidos em parceria, especialmente, com os
municípios e a União.

As crianças, especialmente das camadas mais desfavorecidas, devem ter a


oportunidade da educação de qualidade e em tempo integral, que além
das horas de educação formal, possibilite novas alternativas de acesso ao
conhecimento.

Os jovens devem ser preparados para os desafios da vida e ter capacitação


empreendedora. Assim, o ensino técnico e profissionalizante deve ser
ampliado e constantemente atualizado. A continuidade dos estudos deve
ser estimulada e todos, independentemente da idade e a qualquer tempo,
devem ter a oportunidade para estudar.

Programas Sociais Mantidos e Ampliados (II)

Os bons programas sociais devem ser mantidos e ampliados. O


aprendizado do setor público e o sucesso de iniciativas governamentais
devem ser preservados, independentemente das transições políticas.

Nesse sentido, especial atenção deve ser dada às pessoas em condição de


risco, às demandas sociais emergenciais, à valorização da família e à
qualificação profissional.

Direitos Constitucionais Respeitados (III)

A ação governamental deve promover a defesa dos direitos


constitucionais, garantindo o direito de todos à justiça, principalmente,

7
Partido Democrático Trabalhista
através das políticas específicas e apoio para o adequado funcionamento
da defensoria pública, conselhos e de outros órgãos atuantes na área.

No tocante aos direitos individuais e coletivos, especial atenção deve ser


dada à igualdade de todos perante a lei, ao direito à vida, à liberdade,
igualdade, segurança e propriedade.

No âmbito social devem ser priorizados os direitos fundamentais da


educação, saúde, trabalho, moradia, lazer, segurança, proteção à
maternidade e à infância e assistência aos desamparados.

Inclusão Social e Econômica Regional (IV)

Devem ser implantadas políticas para a redução das diferenças regionais.


As pessoas que vivem nos lugares mais carentes devem ter a
oportunidade dos benefícios da concentração da riqueza nas regiões mais
prósperas.

A melhoria dos padrões de vida da população deve ser pautada na


promoção do desenvolvimento inclusivo, promovendo a integração
econômica das regiões com baixo dinamismo econômico e com maior
vulnerabilidade social, bem como aproveitando as vocações e
potencialidades locais.

Gestão Moderna, Ética, Diálogo e Compromissos Honrados (V)

Deve ser promovida a modernização administrativa, com revisão da


estrutura organizacional; estímulo às inovações institucionais;
implantação do planejamento integrado e estratégico de longo prazo;
adoção da gestão por resultados e por competências; uso de indicadores
de qualidade dos serviços e uso novas tecnologias de informação e
comunicação.

A administração pública deve ser exercida “sob a inspiração da moral e da


ética, com o objetivo de servir ao cidadão e prestigiar o servidor”

8
Partido Democrático Trabalhista
(Estatutos PDT), oferecendo serviços com qualidade segundo os interesses
e direitos da população.

Deve ser dada maior transparência às ações governamentais, facilitando e


ampliando o controle social, bem como capacitando a sociedade para
opinar e acompanhar tais ações.

Também deve ser promovido o diálogo permanente com todos os setores


da sociedade, bem como, com os diversos níveis governamentais, sem
restrições de ordem política. Esse diálogo deve ser pautado na prática da
verdade e em prol do interesse público, servindo, em especial, para a
formulação e condução de políticas governamentais.

Os compromissos assumidos devem ser honrados para que seja possível


construir a credibilidade governamental, indispensável para conquistar o
respeito do povo e, especialmente, para unir e integrar as forças da
sociedade em prol do interesse público.

Combate à Criminalidade, às Drogas e à Corrupção (VI)

A criminalidade deve ser rigorosamente combatida em todas as suas


formas, com o aprimoramento e fortalecimento das forças policiais, bem
como, através de ações de inclusão e promoção social e econômica.

O combate às drogas – mal que aflige muitas famílias - deve ser realizado
sem tréguas, com mobilização de toda a sociedade e, em especial, através
de ações contra o crime organizado, bem como, com iniciativas de
prevenção e de recuperação.

A corrupção também deve ser combatida, através de aprimoramento dos


instrumentos de controle (internos e externos); aplicação rigorosa da lei e
exigência de práticas administrativas adequadas à preservação do
interesse público.

Valorização do Servidor Público (VII)

9
Partido Democrático Trabalhista

O servidor deve dispor de melhores condições de trabalho e qualificação


para sua nobre missão, com remuneração digna e planos de carreira
adequados. O preenchimento dos cargos públicos, deve ser baseado em
critérios técnicos e de mérito para preenchimento de cargos públicos, com
reavaliação dos cargos em comissão e prioridade para os servidores
concursados do quadro permanente.

Defesa e Fortalecimento das Empresas Públicas (VIII)

As empresas públicas devem ser fortalecidas e mantidas sob controle


público, bem como deve ser combatida qualquer tentativa de
privatização, sendo sua atuação orientada para atender os interesses
sociais, econômicos e outros de interesse estratégico para o Paraná.

O fortalecimento das mesmas deve ser pautado pela melhoria de serviços


e produtos, profissionalização dos quadros, gestão eficiente, novas
parcerias e estratégias de crescimento.

A regulação e fiscalização dos serviços públicos em regime de concessão,


inclusive para estatais, devem ser adequadamente estruturadas para
defender o patrimônio e interesse público, bem como, para buscar a
reparação por operações lesivas.

Parcerias Municipais Concretas (IX)

Devem ser realizadas parcerias concretas com e entre os municípios,


como os consórcios, visando principalmente, a definição e execução
conjunta de políticas públicas na cidade e no campo; promovendo, em
especial, a descentralização da ação governamental e a maior aderência
das políticas públicas à realidade e aos anseios locais.

Também devem ser apoiadas as iniciativas para o adequado


funcionamento de conselhos municipais, fóruns e agências de

10
Partido Democrático Trabalhista
desenvolvimento local, bem como, as ações que promovam a qualificação
de gestores e técnicos municipais.

Na definição de políticas estaduais, devem ser estimuladas, consideradas


e valorizadas as iniciativas territoriais, demandas e propostas regionais e
locais e, ainda, a implantação de novos instrumentos para interação com
os municípios.

Promoção do Cooperativismo (X)

Deve ser promovido o fortalecimento do cooperativismo, especialmente,


através do apoio às iniciativas de cooperativismo, bem como à geração e
difusão de conhecimento nessa área, contemplando atividades
educacionais, atualização profissional, desenvolvimento de cooperativas,
estudos e pesquisas aplicadas.

Fortalecimento da Agricultura Familiar (XI)

Deve ser incentivada a agricultura familiar que, além de representar a


imensa maioria de produtores rurais, tem significativa relevância na
economia das pequenas cidades e ainda contribui na atenuação dos
desafios sociais das grandes metrópoles.

Neste sentido, a agricultura familiar deve contar com qualificação e


informação; suporte para agregação de valor e diversificação da produção;
tecnologia e assistência técnica; apoio à comercialização; acesso ao
crédito; disponibilidade de transporte, comunicações, energia, entre
outras ações.

Apoio às Micro e Pequenas Empresas (XII)

A abertura, consolidação e expansão dos pequenos negócios, importante


alternativa de geração de emprego e renda, devem ser promovidas
através da manutenção e ampliação das políticas de apoio às micro e
pequenas empresas, tais como: simplificação e incentivos tributários,

11
Partido Democrático Trabalhista
facilidades para acesso ao crédito e à inovação, capacitação
empreendedora, estímulos para a formalização empresarial e outras
ações.

12
Partido Democrático Trabalhista

4. Premissas Estratégicas

O desenvolvimento é fundamental para melhorar a qualidade de vida. Ele


aumenta a oferta de bens e serviços, amplia oportunidades, gera renda e
pode atenuar desigualdades.

Por outro lado, os grandes desafios e os recursos limitados exigem que o


processo de desenvolvimento compatibilize as demandas sociais
emergenciais com as ações estruturantes do futuro e de preservação
ambiental.

Além disso, a concentração populacional e econômica, típica das regiões


metropolitanas, tem crescido ao longo de décadas e, para muitos, deve
ser contida. Entretanto, as ações nesse sentido, têm sido ineficazes e a
concentração tem-se mostrado irreversível em várias partes do mundo.

A concentração urbana é um fenômeno é que causa significativas


desigualdades locais e regionais, intensificando problemas sociais e
econômicos. No entorno de grandes cidades, não raras vezes, a
prosperidade convive com a emergência social e com bolsões de pobreza.

Porém, a concentração apresenta sinergias e benefícios, seja pela maior


geração e intercâmbio de conhecimento, seja pela maior oferta de
serviços e outras facilidades. As concentrações criam escala e atratividade
social e econômica.

Muitas pessoas identificam nas concentrações melhores condições de


saúde e educação, oportunidades de emprego e novas perspectivas de
vida. Nelas, as empresas encontram a proximidade com os seus mercados,
bem como, a infraestrutura e logística para suas operações.

Nesse contexto emergem duas premissas estratégicas básicas. Uma é


aproveitar a concentração para potencializar a prosperidade econômica e

13
Partido Democrático Trabalhista
social. Outra é aproveitar essa prosperidade para atenuar as
desigualdades regionais e locais.

Essas premissas são fundamentais para a formulação de políticas


direcionadas à promoção do desenvolvimento inclusivo, ora proposto
para o Paraná. As pessoas que vivem nos lugares mais carentes devem ter
a oportunidade dos benefícios da concentração da riqueza nas regiões
mais prósperas.

As experiências bem sucedidas nos processos de desenvolvimento


indicam que, apesar da tendência da produção se tornar mais
concentrada, é possível trabalhar por uma maior convergência dos
padrões de vida, tornando-os mais uniformes no espaço.

Nesse sentido, é necessário promover a integração econômica das regiões


com baixo dinamismo econômico e garantir a igualdade de
oportunidades, especialmente, para as camadas populacionais com maior
vulnerabilidade social.

O desenvolvimento também deve ser sustentável. Assim, devem ser


incentivados os investimentos que apresentem impactos positivos e
equilibrados nas áreas social, econômica e ambiental; e devem ser
oferecidas compensações para aqueles que preservam o meio ambiente.
Além disso, devem ser consideradas ações que visem ao adequado
aproveitamento das vocações e potencialidades regionais, com
fortalecimento e integração das cadeias produtivas estaduais e a racional
utilização dos recursos naturais nas diversas regiões paranaenses.

Atualmente, para promoção do desenvolvimento é indispensável contar


com inovação e conhecimento, que definem a competitividade e o
progresso das nações, regiões, empresas e até dos indivíduos. Assim, a
educação, ciência e tecnologia se consolidam como importantes
elementos no processo de desenvolvimento, exigindo estreita relação
entre os atores envolvidos (governo, universidades, espaços de inovação e
setor produtivo).

14
Partido Democrático Trabalhista

5. Objetivos e Ações Propostas

As necessárias mudanças demandam investimentos em ações


estruturantes e ajustes na gestão pública, envolvendo a recuperação da
capacidade de investimentos; equacionamento do endividamento,
regularização da previdência estadual, atração de investidores,
mobilização dos segmentos organizados, entre outras ações.

São grandes desafios cuja superação exige determinação e diretrizes bem


definidas. Neste sentido, o presente Plano de Governo propõe os
seguintes objetivos gerais:

• Serviços Públicos: promover a modernização administrativa e


valorizar servidores; ampliar territorialmente, de forma integrada e
com qualidade, a educação, saúde, segurança, ação social e outros
serviços públicos, bem como, ampliar a capacidade de agregação de
valor à produção estadual, especialmente, através de iniciativas
públicas destinadas à promoção da inovação, ciência e tecnologia.

• Infraestrutura: promover alternativas para a desconcentração


econômica, melhorar e expandir os transportes nos diversos
modais, para garantir a adequada mobilidade das pessoas e a
necessária movimentação de mercadorias; bem como, as
comunicações para propiciar maior difusão do conhecimento,
intercâmbio de idéias e novos negócios.

• Intervenções Específicas: promover o adensamento social e


econômico das regiões deprimidas; equacionar demandas
municipais e regionais através de ações específicas, com especial
atenção àquelas relacionadas à habitação, emprego e incentivo à
produção local, especialmente, nos setores da agricultura e de
energia.

15
Partido Democrático Trabalhista
Por sua vez, as ações propostas compreendem as seguintes áreas:

Agricultura (I)

Cidadania e Ação Social (II)

Ciência, Tecnologia e Inovação (III)

Cultura (IV)

Educação (V)

Emprego e Renda (VI)

Empresas Públicas (VII)

Ensino Superior (VIII)

Esportes (IX)

Gestão Pública (X)

Indústria, Comércio e Serviços (XI)

Habitação e Cidades (XII)

Meio Ambiente (XIII)

Saúde (XIV)

Segurança (XV)

Transportes (XI)

Turismo (XVII)

16
Partido Democrático Trabalhista

Agricultura (I)

Aumento da Competitividade do Campo: Promover a capacitação


dos agricultores familiares e suas organizações; construção de alianças
mercadológicas; organização de cadeias produtivas; reconversão da base
produtiva familiar; introdução de inovações tecnológicas atreladas à
sustentabilidade ambiental e sanitária e outras ações.

Produzir de “A” a “Z”: Estimular a reorganização de atividades


agrícolas, principalmente as familiares, apoiando a fruticultura,
olericultura, floricultura, plantas medicinais, aromáticas e condimentares;
produção de leite, piscicultura, café adensado e de oleaginosas para
biodiesel; ampliar florestas para produção de madeira e incentivos ao
seqüestro de carbono; adensar florestas para reserva legal, com erva mate
e outras espécies.

Caminhos do Produzir: Estimular a formação e fortalecer os


consórcios intermunicipais para aquisição e gerenciamento de patrulhas
rodoviárias destinadas à adequação das estradas rurais prioritárias para
escoamento da safra agrícola, integração social e desenvolvimento das
comunidades rurais.

Mais Valor Rural: Incentivar novas alternativas de ocupação e renda


nas propriedades rurais agrícolas e não agrícolas, como o turismo rural,
artesanato, prestação de serviços, criação de pequenos animais,
transformação de produtos e outras atividades de agroindustrialização,
com ênfase na qualidade de processos e produtos, capacitação
profissional e assistência técnica.

Qualidade no Campo: Ampliar a assistência técnica e inovações


tecnológicas para, em conjunto com os produtores rurais, maximizar as
ações de monitoramento e controle da sanidade plena (animal e vegetal),
garantindo a inserção no mercado; bem como desburocratizar e fomentar

17
Partido Democrático Trabalhista
a legalização da agroindústria; implantar a certificação de produtos e
processos, rotulagem e embalagem, reforçar a defesa sanitária e outras.

Produção Organizada: Estimular parcerias, alianças e redes de


comercialização entre os agentes do agronegócio e, principalmente,
apoiar a criação e fortalecimento do associativismo e cooperativismo e
outras formas de organização dos produtores rurais.

Paz e Prosperidade no Campo: Promover o acesso e permanência


na terra produtiva aos agricultores familiares e outros com aptidão,
garantindo o direito à propriedade, apoiando a emancipação dos
assentamentos, regularizando as titulações de terras e apoiando a
viabilização social e econômica das famílias do campo.

Promoção da Fruticultura: Apoiar a inclusão da fruticultura nas


pequenas propriedades rurais através da qualificação e organização dos
produtores e da produção; estímulos à diversificação de espécies;
assessoria técnica, apoio para investimentos e acesso ao mercado.

Paraná Rural II: Melhorar a qualidade da água através da gestão


ambiental integrada e parcerias com municípios e sociedade em geral
voltadas à promoção do uso, manejo e conservação adequados do solo,
água, florestas e biodiversidade nos ambientes urbano e rural.

Agricultura Segura: Ampliar os benefícios do fundo garantidor para


os contratos de investimento do Pronaf e subvencionar o prêmio do
seguro rural, contratado por agricultores familiares, reduzindo o risco na
atividade agrícola, protegendo a produção, a renda e o patrimônio das
famílias rurais.

Dinamização da Cadeia Produtiva Florestal: Estimular a produção


de madeira sustentável; implementar o programa florestal madeireiro
estadual (PFM 100); incluir pequenos produtores; gerar e difundir
tecnologias, implantar centros de capacitação, sistema de informações
setorial e certificação florestal, entre outras ações.

18
Partido Democrático Trabalhista
Cidadania e Ação Social (II)

Família Fortalecida: Promover o acesso de toda a família,


principalmente as mais carentes, às políticas sociais básicas, com apoio
sóciofamiliar para a geração de emprego e renda e melhoria das
condições de habitabilidade das residências; ampliar os Centros de
Referência da Assistência Social (CRAS);

Criança e Adolescente Priorioridade Absoluta: Fortalecer a política


de atendimento a crianças e adolescentes, com foco no enfrentamento
das violações de direitos e na promoção dos direitos fundamentais com
atenção especial para o co-financiamento de programas municipais de
promoção, proteção e defesa do direito à convivência familiar e
comunitária, orientação técnica e formação continuada de equipes
especializadas e incentivo a novas práticas de intervenção.

Cidadania Jovem: Promover a participação social e cidadã dos


jovens, especialmente, através da ampliação dos espaços e canais de
participação social e política, da promoção da prática esportiva e de
tempo livre, garantindo o fornecimento de bolsa auxílio para a atuação do
jovem em sua comunidade de origem.

Reinserção Social dos Adolescentes em Conflito com a Lei:


Fortalecer as ações socioeducativas municipais em meio aberto,
garantindo o co-financiamento de programas e o apoio à formação
continuada de técnicos e gestores; ofertar cursos profissionalizantes e
capacitação para geração de renda aos adolescentes internados;
reordenar institucionalmente as unidades oficiais de internação e
implantar programas de acompanhamento dos egressos do sistema
socioeducativo visando a sua efetiva reinserção na sociedade.

Tratamento de Usuários de Drogas: Criar clínicas públicas regionais


para tratamento do uso abusivo de substâncias psicoativas; qualificar os
profissionais das unidades básicas de saúde e dos hospitais municipais
para o atendimento inicial; ampliar os centros de atenção psicossocial

19
Partido Democrático Trabalhista
(CAPS), principalmente para o atendimento de crianças e adolescentes
dependentes químicos.

Enfrentamento da Violência: Combater a violência praticada contra


crianças, adolescentes, mulheres e idosos, através da criação de
programas de orientação familiar e institucional; de campanhas
midiáticas; da formação continuada dos profissionais que atuam na área;
do reordenamento dos canais oficiais de denúncia e investigação e da
implantação de ambulatórios especializados para a identificação e
qualificação dos casos, atendimento de vítimas e agressores, bem como
de proteção às crianças, adolescentes e mulheres ameaçadas de morte.

Defensoria Pública: Implantar a Defensoria Pública Estadual com


autonomia dos demais poderes, garantindo assistência judiciária gratuita
aos que comprovadamente necessitarem.

Participação Democrática: Fomentar e apoiar o funcionamento dos


Conselhos Gestores, estadual e municipais, das políticas sociais como
espaço privilegiado de elaboração e avaliação e fortalecendo os Fundos
Especiais e estabelecendo um canal de diálogo responsável e qualificado
com os seguimentos da sociedade civil organizada.

Cidadão Legal: Disponibilizar gratuitamente para pessoas carentes,


a primeira via da carteira de identidade e outros documentos públicos
emitidos pelo Governo Estadual, bem como disponibilizar postos de
atendimento ao cidadão em regiões metropolitanas, para facilitar e
agilizar a obtenção de documentos.

Armazém da Família: Apoiar a implantação de redes sociais de


abastecimento para promover o acesso a alimentos em quantidade,
qualidade e diversidade, atrelada a ações de educação alimentar para
propiciar uma alimentação mais saudável e redução dos gastos familiares.

Cozinha Social: Implantar em parceria com municípios e


comunidade, instalações para preparação de alimentos para atendimento

20
Partido Democrático Trabalhista
a escolas e segmentos carentes da sociedade, contemplando a
comercialização subsidiada de refeições para pessoas carentes.

Vencendo Desafios: Garantir a inclusão social e econômica das


pessoas com deficiências (PcD’s); promovendo a acessibilidade,
mobilidade, educação básica e profissional; capacitando professores,
famílias, comunidade e agentes de inclusão; ampliando o mercado de
trabalho com orientação; implantação de órgão para ações inclusivas e
parcerias com universidades, prefeituras, empresas, associações e outras
entidades.

Envelhecimento Ativo: Promover a inserção, a participação e a


integração social, a qualidade de vida e a prevenção de agravos dos
idosos, por meio de ações específicas voltadas ao fortalecimento do
convívio familiar e comunitário, à promoção da saúde integral, e o acesso
à serviços de lazer, cultura e esportes proporcionando uma vida com
maior independência, autonomia e auto-estima; garantir o atendimento
integral à pessoa idosa, com especial atenção para o fortalecimento e o
reordenamento das instituições de longa permanência.

Mulher Valorizada: Criar e implantar ações e arranjos institucionais


com participação da comunidade, para formular, coordenar e articular
políticas promotoras da defesa dos direitos da mulher, educação,
qualificação profissional, facilidade de acesso a crédito rural e urbano e
inserção digna no mercado de trabalho.

Sociedade Parceira: Realizar parcerias com municípios,


organizações filantrópicas, igrejas e outras entidades, para atenuar a
pobreza; recuperar usuários de drogas; acolher crianças e adolescentes
em condição de risco, orientar e capacitar as famílias atendidas pelos
programas sociais, promovendo sua autonomia sócio-econômica.

Protagonismo Juvenil: Fomentar, apoiar e fortalecer a participação


social da juventude para atuar na formação de lideranças juvenis: no
esporte, na cultura, na relação saúde/meio-ambiente, no

21
Partido Democrático Trabalhista
desenvolvimento do empreendedorismo, na prevenção da gravidez
precoce, na prevenção ao uso abusivo de drogas e nas ações de cidadania.

Sociedade de Todos: Realizar campanhas e ações educativas que


promovam a igualdade de oportunidades e combatam o preconceito e a
discriminação, incluindo os setores ativos da comunidade e servidores
públicos, e outras iniciativas definidas conjuntamente com segmentos
organizados e comunidades locais.

Humanização e Re-socialização dos Presos: Ampliar a assistência


jurídica, social e médica aos presos; promover o trabalho e a
profissionalização nas prisões; revisar processos (remissão ou extinção de
penas, livramento condicional e outros direitos), revitalizar a Colônia Penal
Agrícola e avaliar novas alternativas em relação à gestão prisional no
Estado.

22
Partido Democrático Trabalhista

Ciência, Tecnologia e Inovação (III)

Tecnologia Fácil: Apoiar a consolidação de redes e outras iniciativas


de serviços e assistência tecnológica empresarial nas várias áreas do
conhecimento, integrando competências privadas e públicas,
especialmente via universidades e institutos de pesquisas estaduais, com
ênfase para micro e pequena empresas.

Inovação Dinamizada: Revitalizar as instituições estaduais de


pesquisa, dotando-as de gestão profissionalizada e condições operacionais
adequadas, promovendo integração estratégica com as políticas
governamentais e orientação para as demandas do setor público e
produtivo do campo e da cidade, e estimulando a geração de inovações e
soluções tecnológicas.

Residência Acadêmica: Promover a participação de alunos de


graduação e pós-graduação, bem como de mestres e doutores sem
vínculo empregatício, em atividades junto a empresas, órgãos públicos e
outras instituições, contribuindo com a agregação de tecnologia no setor
produtivo e público.

Condomínios Tecnológicos Regionais: Implantar empreendimentos


tecnológicos integrados, em diferentes regiões do Estado, para atuar em
áreas de interesse e potencial estratégico regional, com participação de
empresas e instituições de ensino e pesquisa contando com laboratórios,
unidades industriais e serviços compartilhados.

Promoção das Incubadoras, Pólos e Parques Tecnológicos:


Consolidar os parques existentes e criar unidades em outras cidades;
formar parcerias financeiras com os municípios sedes de Universidades e
possuidores de acervo tecnológico, para implantar parques tecnológicos
no Estado; fazer parcerias com os municípios, IES e organizações
empresariais para implantar e manter incubadoras tecnológicas no
interior.

23
Partido Democrático Trabalhista

Divulgação da Ciência: Divulgar o conhecimento, nas várias áreas de


interesse público através do uso adequado do rádio e da televisão, bem
como através de bibliotecas e rede eletrônica distribuída por todo o
Estado, tornando-a acessível às camadas menos favorecidas da população,
visando sua inclusão na cidadania.

Reformulação do Fomento: Adotar uma única agência de fomento


para a ciência, tecnologia e inovação – a Fundação Araucária, com
aumento do percentual volume dos recursos destinados aos projetos da
comunidade e com gerenciamento do Fundo Estadual de Ciência e
Tecnologia através da referida fundação.

24
Partido Democrático Trabalhista

Cultura (IV)

Lei de Incentivo: Propor a criação de uma lei estadual de incentivo à


cultura, a ser negociada com todos os segmentos afins: produtores
culturais, artistas, financiadores, Poder Legislativo e os órgãos do Governo
que gerenciam a Cultura no Paraná; que será a principal fonte de
financiamento à cultura no Estado e será gerida sem interferência política,
garantindo isonomia e igualdade de competição a todos os segmentos
artísticos.

Formação e Gestão Profissional: Apoiar a formação de atores,


diretores, técnicos, gestores e outros trabalhadores do setor cultural,
visando profissionalizar as ações culturais, na esfera pública e privada;
instituir avaliação das ações implantadas e utilizar a Rádio e Televisão
Educativa como meio de difusão cultural.

Cultura Parceira: Democratizar o acesso aos recursos públicos para


a cultura; promover ações culturais com os municípios; valorizar
demandas locais e regionais; criar circuitos que levem manifestações
artísticas a toda população; estimular as interações entre os gestores
culturais municipais e estaduais, bem como criar mecanismos de
circulação de bens culturais nacionais e internacionais; envolver
empresários privados e as estatais no financiamento de projetos culturais
com base na Lei Rouanet, de forma a aplicar no Paraná os impostos aqui
gerados.

Nossa Cultura: Valorizar e desenvolver a cultura e o patrimônio


cultural paranaenses apoiando museus e eventos culturais estaduais,
projetos com mérito e relevância cultural; democratizar o acesso aos bens
culturais; revitalizar o patrimônio histórico; apoiar a produção local de
cinema, teatro, música e outras atividades artísticas; valorizar os eventos
tradicionais dos municípios e as manifestações culturais advindas de todas
as etnias que compõem o quadro plural paranaense.

25
Partido Democrático Trabalhista

Educação (V)

Educação Legal: Cumprir a Lei realizando os investimentos em


educação nela estabelecidos.

Escola de Tempo Integral: Implantar gradativamente o ensino em


tempo integral, envolvendo os diversos setores da comunidade,
atendendo prioritariamente as crianças e adolescentes de áreas de grande
exclusão social, os portadores de necessidades especiais e membros de
comunidades demandantes de atenção específica. Além das disciplinas
formais no turno regular, serão ofertadas no contraturno oportunidades
para práticas esportivas, culturais e outras na própria escola ou em
espaços alternativos.

Escola Aberta: Convergir nas escolas públicas, nos finais de semana


e nas férias, ações de inclusão social e cultural, voltadas à
profissionalização, ampliação da cidadania, desenvolvimento de
empreendedores, geração de trabalho e renda, atividades de lazer, esporte
e cultura, bem como outros conteúdos de interesse local.

Autonomia da Educação: Promover nos diversos níveis de ensino -


fundamental, médio e superior - a conquista de autonomia na gestão
pedagógica, administrativa e financeira, com garantia da participação e
controle social e do Estado, valorização da inserção local e regional, bem
como o compartilhamento de responsabilidades entre as partes.

Qualidade do Ensino: Melhorar a qualidade do ensino público


através de parcerias com os municípios, segmentos organizados e
comunidades locais, definindo e acompanhando indicadores de qualidade,
reduzindo as distorções educacionais, melhorando a infraestrutura,
ampliando a oferta de vagas e promovendo o acesso e permanência de
jovens e adultos de todas as etnias, dentre outras ações.

26
Partido Democrático Trabalhista
Educação Compartilhada: Promover a elaboração, atualização e
acompanhamento dos planos de educação estadual e municipais;
estimular a organização dos conselhos e sistemas municipais na área de
educação; consolidar práticas democráticas e participativas na escola,
compartilhando com a família e com a sociedade as decisões e iniciativas
na educação.

Valorização dos Servidores da Educação: Resgatar a importância


social do professores, profissionais e demais trabalhadores da educação;
oferecer oportunidades de formação inicial e continuada; apoio à
“residência escolar” (treinamento via convênios); planos de carreira;
condições efetivas de trabalho; salários dignos e atrativos para novos
talentos; revisão da hora-atividade; utilização de critérios técnicos para
promoção e nomeação de cargos; estudos sobre porte das escolas;

Educação Profissional: Promover a implantação no campo e na


cidade de cursos técnicos e profissionalizantes, contemplando cursos
regulares, temporários e complementares, incluindo os de curta duração,
através da rede pública de ensino médio e superior, disponibilizados para
alunos regulares, trabalhadores e outros interessados em
profissionalização, atualização e capacitação profissional.

Atenção Estudantil: Implantar na rede básica mecanismos para


avaliação, acompanhamento e orientação médica e psicológica,
possibilitando atenção aos alunos com dificuldades de inserção na
comunidade, problemas de desempenho e outros distúrbios; bem como
realizar trabalho integrado dos profissionais da educação e de equipes
multidisciplinares (psicopedagogo, psicólogo, assistente social, técnicos de
informática, bibliotecário e outros), como auxiliares do trabalho docente.

Merenda e Trnsporte com Qualidade: Estudar e implantar


melhorias na merenda escolar, com a destinação de mais recursos e a
valorização da produção alimentar local, bem como no transporte escolar,
especialmente por intermédio de incentivos tributários para a renovação
da frota e a redução de custos operacionais.

27
Partido Democrático Trabalhista

Emprego e Renda (VI)

Jovens Aprendizes: Ampliar as vagas do ensino médio


profissionalizante e de vagas de aprendizes, nas escolas e empresas, para
alunos em situação de risco social ou pessoal; criar órgão promotor da
aprendizagem profissional.

Primeiro Emprego: Promover a valorização, a integração social e a


criação de oportunidades de trabalho aos jovens, por intermédio de
capacitações técnico-profissionais, da concessão de crédito especial para
jovens empreendedores, do acesso ao primeiro emprego, em parceria
com a iniciativa privada garantindo e estimulando a retomada dos estudos
e o bom rendimento escolar.

Oficinas de Profissionalização: Promover a educação e


profissionalização por meio de ações educacionais de curta e média
duração, em instalações do ensino regular e outras disponibilizadas para
tal finalidade, com recursos computacionais, bibliotecas, laboratórios e
serviços com aderência às potencialidades de geração de emprego e
renda da localidade.

Centros Empresariais Comunitários: Promover a regularização e


consolidação de micro e pequenas empresas, em instalações operadas na
forma de condomínio, nas quais terão apoio técnico, comercial,
comunicação, marketing, financiamentos, incentivos e outros serviços. Os
centros também contarão com incubadoras de empresas para incentivar a
criação de novas iniciativas empresariais nos setores agrícola, industrial e
de serviços, contemplando empresas residentes e associadas, instaladas
fora da incubadora.

Tecnologia para Emprego e Renda: Fomentar no âmbito das


instituições de ensino e pesquisa públicas e privadas do Estado, a oferta
de inovações e soluções tecnológicas, que contribuam com a criação de

28
Partido Democrático Trabalhista
novos negócios e empresas, consolidação de empreendimentos já
existentes e de outras iniciativas geradoras de emprego e renda.

Universidades Corporativas Setoriais: Promover projetos de


educação corporativa por setor de atividade econômica, objetivando
estimular a implantação de universidades corporativas setoriais, via
consórcios de empresas e apoio governamental, para certificar
competências profissionais de trabalhadores e, assim, valorizar a
formação profissional, aumentar a empregabilidade, melhorar suas
perspectivas de emprego e renda, e outros benefícios para os
trabalhadores, governo e setor produtivo.

29
Partido Democrático Trabalhista

Empresas Públicas (VII)

Empresas Públicas em Ordem: Manter a Copel, Sanepar e outras


empresas públicas, sob controle do Estado; consolidar nessas empresas
uma gestão profissionalizada; operar em conformidade com a lei e com as
funções sociais que lhes são próprias; equacionar passivos societários,
judiciais e contratuais; valorizar o corpo funcional; adotar estratégias de
crescimento e promover o alinhamento aos projetos de desenvolvimento
do Paraná.

Geração Distribuída: Promover a implantação de micro e pequenas


centrais hidrelétricas no Estado, através das empresas públicas e
parcerias, gerando novos investimentos, renda e empregos, aumento de
arrecadação e outros benefícios em diversas regiões do interior.

Modernização Rural: Investir na revitalização do sistema de


eletrificação rural viabilizando a modernização do processo produtivo
rural, ampliação das instalações agroindustriais e melhoria da
produtividade e qualidade de vida no campo.

Energia Sustentável: Ampliar a disponibilidade energética via


biocombustíveis, gás natural, biogás, energia eólica e outras fontes,
redesenhar a matriz energética estadual e gerar inovações tecnológicas e
novos negócios no setor.

Saneamento Ampliado: Assegurar água de qualidade; prestar


serviços de coleta e destinação final resíduos urbanos; melhorar a coleta e
tratamento de esgotos; promover educação ambiental e coleta seletiva do
lixo e, em parcerias com os municípios, elaborar e implantar os Planos
Municipais de Saneamento, integrados com a sua região ou bacia
hidrográfica e, inclusive, considerando o saneamento rural.

Tarifas Justas - Água e Esgoto: Eliminar a tarifa mínima da água e a


cobrança do esgoto pelo consumo de água; cobrar a água pelo consumo

30
Partido Democrático Trabalhista
efetivo e o esgoto pelo custo real; revisar o modelo tarifário desses
serviços, manter a tarifa social, e, assim, promover a satisfação do
consumidor com maior transparência dos valores cobrados e preservação
dos benefícios sociais.

Rede Ampla Digital: Expandir os serviços de internet e comunicação


de alta velocidade no Estado, consolidando uma ampla rede de banda
larga, disponibilizando internet de qualidade e baixo custo, maior acesso à
educação e ao conhecimento, criação e promoção de negócios no campo
e na cidade; via empresas públicas, municípios e parcerias, com utilização
de infraestrutura de fibras óticas, redes inteligentes de distribuição e
outras tecnologias de informação e comunicação.

Cidade e Campo Conectados: Promover a universalização da


informação e do conhecimento através de pontos de acesso gratuito à
internet em órgãos e locais públicos, escolas, hospitais e outras entidades;
plataformas de conhecimento e centros de videoconferência nas
pequenas cidades para treinamento à distância; redes eletrônicas de
informação e pesquisa para a agricultura familiar.

31
Partido Democrático Trabalhista

Ensino Superior (VIII)

Universidade Ampliada: ampliar vagas nas universidades nas áreas


relacionadas com a potencialidade regional e municipal; implantar campi
avançados em regiões carentes de formação profissional ou então com
vocação tecnológica específica; implantar cursos pré-vestibulares em
áreas e regiões menos favorecidas da cidade e do campo para possibilitar
maior inclusão social; reciclar professores da rede pública de ensino
fundamental e médio nos municípios abrangidos pelas universidades ou
seus campi.

Autonomia Universitária: Promover a autonomia administrativa,


financeira e de pessoal nas universidades estaduais, como um
desdobramento operacional do exercício da autonomia acadêmico-
científica, vinculado à prestação de contas atreladas a um planejamento
com metas e objetivos previamente acordados.

Consórcio de Pós-Graduação: Promover parcerias entre as


universidades estaduais e outras instituições de ensino e pesquisa,
inclusive do exterior, para viabilizar a implantação de cursos de mestrado
e doutorado em áreas de interesse estratégico para o estado, definidas
conjuntamente com a sociedade organizada.

Universidade Metropolitana: Articular a implantação de uma


universidade estadual na região metropolitana de Curitiba, com unidades
em diversas cidades (multicampi), atendendo demandas específicas e em
parceria com municípios dessa região.

Academia Integrada e Qualificada: Promover maior participação e


integração das universidades e faculdades isoladas nas questões de
interesse público; estimular a capacitação docente no nível de
doutoramento, especialmente em temáticas de interesse estratégico para
o Estado; recuperar e consolidar a pós-graduação stricto sensu (mestrado
e doutorado) estadual.

32
Partido Democrático Trabalhista

Interação Universitária - Social e Produtiva: Promover a maior


interação entre as universidades, setor produtivo e sociedade em geral;
aumentando a divulgação de projetos, pesquisas e inovações;
promovendo ações de extensão universitária em saúde, tecnologia e
outras áreas; revogando as limitações de ganhos e as restrições para
participação de técnicos e docentes em atividades de interesse
empresarial; propiciando maior liberdade de ação junto aos diversos
segmentos da sociedade.

Novas Fronteiras: Estimular a produção e divulgação técnico-


científica das universidades nas diversas áreas do conhecimento, apoiando
as pesquisas relacionadas às prioridades da ação governamental e as
parcerias tecnológicas com o setor produtivo do campo e da cidade,
incluindo empresas, cooperativas empresariais e de trabalhadores,
entidades do terceiro setor e similares.

Universidade conectada: Ofertar através das universidades cursos


de qualificação de forma presencial e à distância, em parcerias com
municípios, empresas e entidades diversas, definidos a partir das aptidões
e demandas regionais, promovendo a maior profissionalização e
facilitando o ingresso e melhoria profissional no mercado de trabalho.

Projetos Integrados: Desenvolver, através dos pesquisadores das


universidades e institutos de pesquisa estaduais, projetos multisetoriais
(segurança, mobilidade urbana, movimentos sociais, violência nas escolas,
drogas e outros), construindo soluções científicas e soluções adequadas à
realidade local.

Pesquisas Prioritárias: Apoiar financeiramente e com logística


adequada as áreas priorizadas pelo Governo e, especial, aquelas
decorrentes de parcerias com setores produtivos do campo e da cidade,
incluindo municípios, empresas, cooperativas empresariais e de
trabalhadores, entidades de terceiro setor e similares.

33
Partido Democrático Trabalhista
Esportes (IX)

Começando no Esporte: Promover a iniciação esportiva nas escolas


(municipais, estaduais e particulares) de acordo com a infraestrutura e
vocação dos docentes; desenvolver o atletismo, basquete, handebol,
lutas, ginástica rítmica, volibol, fustal e outras modalidades; e qualifica os
técnicos através de cursos de extensão, especialização e até mestrado.

Esporte de Rendimento: Estimular nos cursos de educação física


(atualmente 40) a constituição de equipes esportivas de alto nível;
receber os atletas destacados nas escolas; acolhendo as modalidades
esportivas de acordo com a sua estrutura física e vocação docente;
investir em infraestrutura (pistas de atletismo, reforma de ginásios,
tatames oficiais e outros); com técnicos incentivados com bolsas de
estudo e oportunidades de mestrado e doutorado.

Esporte para Saúde: Aumentar os níveis de atividades físicas da


população em geral, inclusive idosos, ampliando a oferta de espaços e
instalações para atividades físicas nas cidades, empresas e clubes;
integrando a atividade física com ações de saúde da família e em grupos
específicos (idosos, diabéticos e outros); e estimular o empreendorismo
na área de atividade física, saúde e esporte.

Esporte Espetáculo: Promover a cultura e o espírito esportivos,


através de eventos e campanhas de divulgação; bem como, apoiar
atividades relacionadas à preparação e participação em grandes
espetáculos esportivos (Copa do Mundo - 2014 e Olimpíadas – 2016).

Conhecimento Esportivo: Implantar em Curitiba, um instituto de


pesquisas esportivas de excelência, com pesquisadores altamente
qualificados e reconhecidos nacionalmente; para gerenciar atividades de
iniciação esportiva (escolas) e do esporte de alto nível (universidades);
produzir conhecimento esportivo e da atividade física para a saúde;
qualificar os docentes de todos os níveis de ensino para atuar como
técnicos esportivos; e realizar avaliações físicas dos atletas de alto nível.

34
Partido Democrático Trabalhista

Gestão Pública (X)

Planejamento Estratégico: Planejar estrategicamente, com


participação ampla da estrutura de Governo e segmentos organizados da
sociedade, contemplando a integração, comprometimento e
compartilhamento de esforços e objetivos de curto, médio e longo prazo
de todos os níveis hierárquicos e órgãos de Governo, e apoio à elaboração
e implantação de planos locais e regionais de desenvolvimento rural e
urbano.

Modernização Administrativa: Revisar e ajustar a estrutura


organizacional; implantar gestão por resultados (desempenho e qualidade
dos serviços) e por competências (melhor aproveitamento do pessoal);
reavaliar o uso de cargos em comissão; revisar os procedimentos de
prestação dos serviços; informatizar operações e serviços; qualificar
servidores e buscar o aprimoramento contínuo e a satisfação dos usuários.

Integração Administrativa Regional: Promover a descentralização


governamental através da integração de estruturas de serviços públicos
estaduais e eventualmente federais e municipais (exceto policiais,
educacionais, hospitalares e similares) em unidades específicas (Centros
Administrativos Regionais) instaladas em pólos regionais; nas quais
periodicamente seria instalado o governo (Governador e Secretários) para
despachos e atendimento à população.

Participação e Controle Social: Criar, reativar ou revitalizar


conselhos, fóruns e outras instâncias de consulta e participação da
sociedade nas diversas áreas e atividades de Governo, promovendo uma
interação permanente com a sociedade, promovendo a implementação e
avaliação de políticas públicas, bem como disponibilizando instrumentos
para avaliação do desempenho governamental.

Gestão Qualificada: Promover a formação de gestores públicos e a


capacitação profissional em temáticas de interesse da gestão pública,

35
Partido Democrático Trabalhista
através de cursos à distância e presenciais, de curta a longa duração,
destinados a servidores, especialmente do Estado e municípios, e
comunidade interessada.

Servidor Valorizado: Dinamizar os planos de cargos e salários do


magistério, polícias civil e militar e quadro geral, revisar o Estatuto do
Servidor, melhorar o serviço de saúde do servidor, preservar
institucionalmente o sistema previdenciário estadual, oferecer
oportunidades de capacitação e atualização contínua para todas as
categorias de servidores, melhorar as condições de trabalho e outras
providências de valorização do servidor público estadual.

Aprimoramento da Arrecadação: Aprimorar os sistemas de


arrecadação tributária com uso intensivo da tecnologia de informação;
agilizar a tramitação e julgamento de processos; gerenciar a receita por
itens e com comitês especializados; fixar metas de arrecadação e
desempenho setorial; combater a concorrência desleal com fiscalização
concomitante em um mesmo setor; unificar o cadastro estadual com o
federal; reduzir as exigências e os procedimentos para a inscrição de
empresas no cadastro; e simplificar a legislação tributária.

Contas em Dia: Promover a recuperação de créditos via inventário


completo dos créditos estaduais, planejamento, controle e revisão dos
sistemas necessários para tais ações; bem como, criar uma sistemática
especial para renegociação de débitos inadimplidos dos contribuintes do
ICMS.

Regularização Previdenciária: Cumprir exigências dos órgãos


fiscalizadores; promover isonomia nas contribuições; cobrar contribuição
daqueles com benefícios acima do teto; equacionamento dos aportes
devidos; melhoria dos investimentos e revisão atuarial.

Gastos Otimizados: Melhorar a efetividade e transparência do gasto


público; aprimorar o controle governamental interno; acompanhar e
divulgar o desempenho dos órgãos, incluindo identificação de falhas e

36
Partido Democrático Trabalhista
desvios; adequar a legislação estadual à Constituição Federal, visando o
restabelecimento do Certificado de Regularidade Previdenciária e acesso
aos recursos federais; combater o desperdício (conservação de água,
energia, materiais e serviços); revitalizar e manter os imóveis públicos.

Convênios e Contratos Sérios: Implantar mecanismos efetivos de


controle e acompanhamento, inclusive social, dos convênios e contratos
com instituições assistenciais, empresas privadas, cooperativas,
organizações não governamentais e outros segmentos da sociedade; bem
como implantar o registro de fornecedores.

Parcerias Público-Privadas: Promover a modelagem legal e


institucional das parcerias públicas-privadas; levantar oportunidades e
desenvolver projetos para suprir a carência de investimentos nas várias
áreas de interesse público, não viabilizados com recursos orçamentários.

Consórcios Municipais: Apoiar a criação e gestão de consórcios


municipais destinados a equacionar, em conjunto, problemas regionais de
coleta e reciclagem de lixo, adequação de estradas rurais, industrialização,
saúde e outros.

Agência de Regulação: Implantar a agência de regulação e


fiscalização de serviços públicos, contemplando as áreas de transportes,
rodovias, energia, telecomunicações, água e saneamento.

37
Partido Democrático Trabalhista

Indústria, Comércio e Serviços (XI)

Central Internacional de Alimentos: Ampliar a distribuição e


comercialização nacional e internacional de frutas, hortaliças, flores,
carnes, lácteos, pescados e produtos agroindustrializados, implantando
uma central de comercialização na Região Metropolitana de Curitiba,
apoiada por unidades regionais, facilitando a comercialização direta entre
compradores e vendedores, desenvolvimento de novos canais de
distribuição via eventos, feiras e exposições, entre outras ações.

Pólo Nacional de Orgânicos: Implantar um pólo de produção e


comercialização de produtos orgânicos na Região Metropolitana de
Curitiba, a partir do desenvolvimento de um processo sustentável de
produção ambientalmente correta, com articulação, capacitação e apoio
aos investidores e produtores.

Fábricas do Agricultor e Fábricas Urbanas: Apoiar as iniciativas de


empreendedores do campo e da cidade, visando contribuir para melhoria
da qualidade de produtos e serviços, profissionalização de agricultores e
trabalhadores urbanos, aumento da produtividade e gestão eficiente de
negócios. Sendo um instrumento para geração de emprego e renda, as
fábricas contribuirão para atenuação da pobreza rural e urbana, além de
promover a permanência com dignidade das pessoas no meio rural, nas
pequenas cidades e nas periferias dos grandes centros.

Arranjos Produtivos Locais (APLs): Promover a consolidação dos


APLs com o fortalecimento institucional, desenvolvimento empresarial e
capacitação, inovação e fortalecimento tecnológico, do aprimoramento
das relações com fornecedores, implantação de incubadoras de projetos e
de empresas de base tecnológica e promoção de feiras nacionais e
internacionais de negócios.

Apoio às Micro e Pequenas Empresas: Apoiá-las com assistência e


consultoria; suporte para comercialização nacional e internacional;

38
Partido Democrático Trabalhista
capacitação técnica; financiamento e aval; incentivos tributários,
especialmente, via redução do ICMS com abatimento dos salários do
faturamento para fins de cálculo desse imposto, premiando as empresas
que pagam melhores salários e geram mais empregos.

Anéis da Produção: Apoiar a produção, beneficiamento e


comercialização de hortaliças, frutas, flores e outras alternativas agrícolas,
em pequenas propriedades próximas aos grandes centros urbanos, por
meio de ações integradas entre os setores público e privado e introdução
do conceito de qualidade de produtos e processos.

Atração de Investidores: Criar incentivos, base de dados,


inteligência de negócios; articular parcerias; apoiar a captação de
recursos, diminuir a burocracia e oferecer outras facilidades para
atendimento de empresas, cooperativas e investidores, inclusive
internacionais, em áreas de interesse estratégico do Estado, bem como,
implantar incentivos que permitam às empresas crescer sem perder os
incentivos e benefícios conquistados.

Adensamento da Produção Industrial: Promover a ampliação,


distribuição espacial e aumento da densidade tecnológica da produção
industrial estadual, potencializando as cadeias produtivas paranaenses,
especialmente aquelas relacionadas aos setores de agroindústria,
petroquímica, automotivo, maquinário agrícola, alimentos e informática.

39
Partido Democrático Trabalhista

Habitação e Cidades (XII)

Nossa Casa: Implementar uma política de habitação no campo e na


cidade, em parceria com os vários níveis de Governo, agentes públicos e
privados de forma a otimizar os recursos físicos e financeiros, bem como
permitir a convergência de ações e esforços na construção de moradias
nas cidades, construção de moradias no campo, investimento para
relocação das populações em áreas de risco, regularização de áreas
ocupadas irregularmente e investimentos em melhoria nas habitações já
existentes – reformas e ampliações.

Casa Legal: Estimular a construção de moradias populares em


terrenos próprios dos beneficiários no campo e na cidade, garantido uma
linha de financiamento dos materiais a juros baixos e condições especiais,
bem como investimentos em infra-estrutura, contemplando água, esgoto,
energia elétrica, pavimentação e outras facilidades e melhorias.

Bairro Vivo: Promover o resgate do cidadão e a melhoria da


qualidade de vida da população local, através da implantação, nas
localidades mais carentes das regiões metropolitanas, de áreas para
concentração de atividades comerciais, culturais, esportivas e de serviços.

Revitalização do Litoral: Desenvolver projetos e ações integradas


nas áreas de saneamento, segurança, infraestrutura, turismo e outras que
promovam a revitalização econômica e o desenvolvimento sustentável
dessa região.

Rede de Mobilidade: Promover a implantação de terminais e linhas


de transporte público, anéis de integração e outras iniciativas nas regiões
metropolitanas, para melhorar a qualidade, conforto e segurança da
mobilidade das pessoas entre os municípios dessas regiões.

40
Partido Democrático Trabalhista
Melhor Transporte: Promover a redução da carga tributária,
aprimorar o acompanhamento da qualidade dos serviços e outras ações
que propiciem melhorias e tarifas acessíveis no transporte público.

Gestão Metropolitana Estratégica e Consorciada: Aprimorar o


modelo de gestão das regiões metropolitanas com projetos de futuro
compartilhados; promoção de soluções de interesse comum (lixo, água,
saneamento, saúde, transporte e outros); promoção de investimentos
integrados; criação de uma entidade para desenvolvimento metropolitano
que, além da participação mais equilibrada entre as prefeituras, conte
com intensa participação acadêmica, empresarial e sociedade organizada;
bem como criação de um fundo de investimentos específico, com
participação do Estado e Municípios.

41
Partido Democrático Trabalhista

Meio Ambiente (XIII)

Desenvolvimento Territorial: Estabelecer interações entre o Estado


e as iniciativas de desenvolvimento territorial; apoiar e potencializar
planos estratégicos; implantação de projetos econômicos, educacionais e
outras ações indutoras do desenvolvimento propostas por grupos de
municípios, com base em demandas e iniciativas da população e
segmentos organizados dessas regiões.

Zoneamento Ecológico e Econômico: definir a política ambiental


estadual, com fundamentação técnica e científica, contemplando
diretrizes e procedimentos para subsidiar as decisões relacionadas à
preservação ambiental; recuperação de áreas degradadas; e ainda para
construir parcerias adequadas com produtores e empresas que dependem
dos recursos naturais para o desenvolvimento de atividades econômicas.

Lixo com Destino Certo: apoiar iniciativas municipais para a correta


destinação do lixo, com utilização de aterros sanitários controlados; bem
como promover ações de conscientização da população com respeito à
redução, reutilização e reciclagem dos resíduos sólidos, também,
apoiando a implantação de unidades de reciclagem.

Mata Atlântica Viva: identificar áreas passíveis de manejo


sustentável e promover o reflorestamento de áreas degradadas,
autorizando ações que contribuam com a regeneração e melhoria
florestal; regularização de ações de compensação ambiental e adoção de
medidas de recuperação integradas com o desenvolvimento estadual,
contemplando a formação de grandes corredores ecológicos associados às
bacias hidrográficas.

Gestão Ambiental Equilibrada: promoção da convergência de


decisões governamentais; revisão de estruturas e procedimentos
governamentais; valorização das decisões técnicas; promoção da

42
Partido Democrático Trabalhista
integração das unidades de conservação com a população local e
consolidação de referências legais para atrair investimentos no estado.

Campo Limpo: Harmonizar a produção agrícola com a conservação


dos recursos naturais, observando o zoneamento ecológico econômico,
propiciando educação ambiental, apoiando a reciclagem, saneando os
passivos ambientais, recuperando as áreas de reserva legal e estimulando
a agricultura limpa e organização de pólos de produção orgânica.

Conservação Integrada: Promover a conservação de solos, água,


florestas e biodiversidade; incentivar o uso planejado da terra e a
organização dos produtores em bacias hidrográficas e apoiar a adoção de
práticas vegetativas, mecânicas e legais, de forma integrada, para o uso
sustentável dos recursos naturais.

Colhendo Chuvas: Preservar e recuperar nascentes, córregos e


bacias, via reposição ou isolamento com matas ciliares, execução de
drenagem, minimização de erosão, redução de assoreamento; combate à
contaminação de mananciais e outras ações para armazenar e
disponibilizar água em quantidade e qualidade para a população.

Produção Limpa: Implementar tecnologias para o combate ao


desperdício mais eficiente, conservação e redução de perdas de energia
elétrica, combustíveis, água e outros recursos naturais, bem como, criar
incentivos fiscais para a implantação de processos produtivos dentro do
conceito de produção limpa.

Quanto Menos, Melhor: Incentivar a redução da geração de


resíduos, a segregação, o reaproveitamento, a reciclagem e a destinação
final adequada de resíduos no campo e na cidade; bem como incentivar o
uso de materiais recicláveis, insumos reciclados, técnicas e processos
produtivos sustentáveis.

Frentes Ambientais: Implantar projetos intensivos em mão-de-obra,


destinados à recuperação e preservação ambiental em mananciais, fundos

43
Partido Democrático Trabalhista
de vale, matas ciliares, bosques e similares, especialmente os localizados
nas periferias das regiões metropolitanas, com os trabalhadores
recebendo treinamento específico.

Patrulhas Ambientais: Apoiar municípios e segmentos organizados


da sociedade para a aquisição e gestão de patrulhas mecanizadas
ambientais destinadas a conservação do solo e água, reflorestamento
ciliar, redução da poluição e adequação de estradas rurais.

Biodiversidade Respeitada: Ampliar as ações de conservação da


biodiversidade, pesquisar o que existe promover seu uso racional e
respeitar os corredores de biodiversidade já implantados e ampliar
parques e áreas de manutenção de ecossistemas e respectivos bancos
genéticos.

44
Partido Democrático Trabalhista

Saúde (XIV)

Saúde Legal: Cumprir a Lei realizando os investimentos em saúde


nela estabelecidos.

Atendimento Fácil: Reorganizar, dinamizar e dotar os vários


sistemas, centrais, unidades e institutos de atendimento ao cidadão com
informatização, integração, regulação e controle dos serviços da saúde,
implantando um grande sistema estadual informatizado e integrado e,
assim, contribuindo para a democratização e facilidade de acesso à saúde.

Saúde Mais Perto: Descentralizar as ações e serviços de saúde com


fortalecimento da municipalização e regionalização cooperativa e
solidária, pactuadas entre os níveis federal, estadual e municipal;
redistribuir atribuições com base na complexidade das demandas
regionais; fortalecer os planos e conselhos regionais da saúde e melhorar
a distribuição do atendimento de média e alta complexidade.

Atendimento Integral: Implementar nas aglomerações com mais de


50 mil habitantes, núcleos de saúde integral, centros especialidades
básicas, rede contratada e conveniada de referência para consultas e
exames especializados e outras ações que permitam à população local e
das cidades vizinhas atendimento sem a necessidades de deslocamentos
para grandes cidades.

Expansão dos Serviços: modernizar e ampliar, de forma


descentralizada e regionalizada, a oferta de serviços básicos de saúde,
atenção especializada ambulatorial e hospitalar, leitos de terapia
intensiva, laboratórios de saúde pública, saúde nas escolas, disponibilizar
medicamentos em quantidade e qualidade; fortalecer consórcios de saúde
e ações correlatas em parceria com municípios, universidades, Governo
Federal e outras instituições.

45
Partido Democrático Trabalhista
Redes de Cuidado: Atuar vigilância moderna em parceria com
municípios; promover a saúde das pessoas e coletividades contra
enfermidades e acidentes; prestar aos doentes a atenção integral curativa e
de reabilitação; reestruturar e modernizar a atenção à saúde em redes de
cuidado e via saúde da família.

Mobilização pela Saúde: Promover ambientes e hábitos saudáveis;


mobilizar a sociedade e o Poder Público em torno de ações convergente
nos determinantes sociais da saúde e para a conscientização das pessoas
para as práticas e os comportamentos saudáveis; investir na prevenção de
doenças e no planejamento familiar.

Pactos pela Saúde: Apoiar as iniciativas relacionadas ao pacto pela


vida (prioridades da saúde), pacto pelo SUS (mobilização social por
recursos para a saúde) e pacto de gestão (aprimoramento da gestão e
compartilhamento de responsabilidades).

Competências e Inovações: Promover a formação, atualização e


especialização de profissionais de nível médio e superior; apoiar estudos,
pesquisas e o desenvolvimento de novos materiais, medicamentos,
sistemas, equipamentos e inovações tecnológicas para a saúde; fortalecer
os hospitais universitários com investimentos em pessoal, instalações
físicas e insumos, para torná-los referências em suas regiões.

Vida Materna e Infantil: Promover a redução da mortalidade


infantil e materna, através de atendimento diferenciado, orientação e
acompanhamento médico à gestante ao longo de toda gestação, reserva
de hospital para o parto, em todos os municípios, atendimento pós-parto
à mãe e ao recém nascido e incentivo ao aleitamento materno.

Saúde Mental: Atuar na área de saúde mental, com garantia de


medicamentos para o setor, definindo referências de emergências
psiquiátricas regionais, criando incentivos para hospitais psiquiátricos e
leitos psiquiátricos em hospitais gerais, fortalecendo a assistência

46
Partido Democrático Trabalhista
continuada, com ampliação dos centros de atenção psicossocial e do
atendimento aos dependentes químicos.

Profissionais e Trabalhadores Valorizados: Respeitar e valorizar os


profissionais, agentes de saúde e demais trabalhadores da área,
oferecendo oportunidades de formação e atualização, planos de carreira,
condições efetivas de trabalho, salários compatíveis com a dignidade da
profissão e utilizando critérios técnicos para promoção e nomeação de
cargos.

Saúde com Controle Social: Promover e ampliar a participação e o


controle social da saúde, através do apoio e fortalecimento de
mecanismos e instâncias de controle pela sociedade em nível municipal e
estadual.

Envelhecimento Ativo: Promover o respeito, participação, convívio


e integração social do idoso, por meio de ações específicas voltadas à
saúde integral, interações familiares, academia da terceira idade e outras
ações que contribuam para uma vida com maior independência,
autonomia e auto-estima.

47
Partido Democrático Trabalhista

Segurança (XV)

Modernização Policial: Implantar novos sistemas de gestão,


incluindo unificação de protocolo, inteligência e outras funções;
readequar, aumentar e qualificar o efetivo policial (Militar, Civil e
Científica); investir em instalações, equipamentos e tecnologias; revisar o
suporte legal e regulatório do setor; destacamentos do Corpo de
Bombeiros nas cidades sem estes profissionais; melhorar o policiamento
repressivo, reestruturando e criando novas Delegacias Especializadas
(crimes contra crianças, adolescentes, idosos e outros) e instalando
unidades para operações policiais especiais.

Combate às Drogas: criar um órgão anti-drogas; realizar campanhas


e ações preventivas; revitalizar e implantar unidades qualificadas de
combate ao crime organizado; realizar operações especiais contra
narcotraficantes; operar policiamento escolar (fixo e móvel); promover
redes de proteção social (Policias, Poder Judiciário, Ministério Público,
Universidades, Prefeituras outras entidades); implantar centros de
recuperação para dependentes químicos (capital e interior) e desenvolver
ações de assistência e inclusão social.

Inteligência Policial: Implantar uma estrutura de inteligência policial


moderna e informatizada, integrada com outras forças policiais;
viabilizando uma rede integrada de combate ao crime, com banco de
dados atualizado e unificado entre as polícias, georeferenciando
ocorrências, formulando estratégias diferenciadas (bairros, municípios e
regiões), bem como, revitalizar a polícia científica, com novas instalações,
laboratórios, equipamentos e atendimento descentralizado (IML e
criminalística).

Segurança Integrada: Implantar os Centros Integrados de


Segurança Pública (CISPs), um novo conceito de polícia para integrar
estratégica e operacionalmente as forças policiais (Polícias Civil e Militar,
Corpo de Bombeiros e Guarda Municipal); supervisionados por um

48
Partido Democrático Trabalhista
conselho estadual; assessorados pela comunidade; instalados
gradualmente nas regiões de maior concentração populacional; com
pessoal treinado e suporte para o desempenho adequado; bem como,
proporcionando melhoria no atendimento à população, 24 horas por dia.

Policiamento Comunitário: Aproximar a polícia da comunidade


criando relações de confiança e alternativas de cooperação e integração,
com melhoria do atendimento às pessoas; apoio aos conselhos
comunitários e municipais de segurança; desenvolvimento de ações
sociais e de inteligência em locais com concentração de criminosos;
instalação de postos policiais avançados (módulos comunitários) e
ocupação governamental nas regiões com elevada criminalidade.

Integração das Guardas-Municipais: Desenvolver parcerias entre


forças policiais estaduais e guardas municipais para atuação na orientação
e prevenção; policiamento comunitário; patrulha escolar e outras
atividades; formação e qualificação desses guardas na estrutura de ensino
policial estadual e também apoio estadual através de inteligência e
equipamentos.

Valorização do Policial (Civil e Militar): Melhorar as condições de


trabalho; implantar novos planos de carreira e remuneração (salários,
gratificações e outros benefícios); utilizar critérios técnicos para
promoções e nomeações; prover assistência jurídica a policiais no estrito
cumprimento do dever; melhorar os serviços de saúde (incluindo
investimentos no HPM); apoiar a formação, capacitação e atualização
contínua (convênios com instituições de ensino, cursos específicos,
estágios e similares) e fortalecer e expandir as ações educacionais
policiais.

Articulação Institucional: Desenvolver relações de cooperação das


Polícias com o Poder Judiciário, Ministério Público e Administração
Penitenciárias, contribuindo para a maior democratização da Justiça
Criminal e promovendo ações em prol da maior agilidade e rapidez no
combate ao crime, desde a ação preventiva até a punição.

49
Partido Democrático Trabalhista

Operações Estratégicas: Intensificar a realização de grandes


operações policiais em conjunto com outros órgãos públicos na capital e
interior e rearticular o policiamento nas regiões metropolitanas e nas
demais regiões de risco e criar o Grupo Especial Metropolitano, composto
pelas Polícias Militar e Civil, para combate à criminalidade nas diversas
regiões metropolitanas do Estado.

Fronteiras Seguras: Intensificar o combate à entrada de drogas,


armas e outros produtos ilegais, através da ações estratégicas e
operacionais para o policiamento especializado nas fronteiras; com
interação entre as equipes policiais e das receitas (estadual e federal),
bem como com outros órgãos governamentais.

Segurança Preventiva: Realizar campanhas educativas, estimular


ações comunitárias, apoiar redes e ações sociais, estabelecer parcerias
com escolas, empresas de segurança, taxistas e outros segmentos da
sociedade, visando à prevenção da violência, acidentes e outras ações de
interesse público.

Controle Policial: Implantar o controle externo e regionalizado do


Funrespol e de outros recursos; fortalecer e dar autonomia à
corregedoria; bem como, promover outras ações que contribuam para o
aumento da credibilidade e confiança no sistema estadual de segurança.

50
Partido Democrático Trabalhista

Transportes (XVI)

Modernização Aeroviária: Apoiar a ampliação e melhoramentos


dos aeródromos públicos, com intervenções na sua infraestrutura
(sinalização, equipamentos de proteção ao vôo, recapeamento,
pavimentação, terminais e outras); elaboração de novo Plano Diretor
Aeroviário com diretrizes para construção de novos aeródromos regionais
e terminais para cargas e operações industriais.

Rodovias Municipais: Apoiar os municípios visando adequação e


melhorarias das suas redes viárias de elevado interesse socioeconômico,
proporcionando o desenvolvimento das comunidades rurais e permitindo
aos usuários acesso em qualquer época do ano

Municípios Integrados: Implantar e pavimentar os acessos às sedes


municipais, integrando-os ao Sistema Rodoviário Estadual pavimentado,
promovendo o escoamento da produção local, atraindo novos
investimentos e integrando esses municípios no processo de
desenvolvimento.

Frentes Viárias: Promover o uso intensivo de mão de obra para a


realização de atividades de recuperação e preservação de rodovias, com
os trabalhadores recebendo treinamento específico, além de formação
complementar para exercício da cidadania e de outras atividades laborais.

Revitalização Rodoviária: Adequar e melhorar a rede rodoviária


estadual pavimentada, propiciando melhores condições de segurança e
operacionalidade, em especial na transposição de cidades e regiões
metropolitanas através de intervenções como: acessos, contornos,
viadutos, pontes, terceiras faixas, acostamentos, passarelas e eliminação
de pontos críticos.

51
Partido Democrático Trabalhista
Ampliação Rodoviária: Elaborar estudos em nível de plano diretor,
objetivando a implantação e pavimentação de novos trechos rodoviários
bem como o aumento de capacidade operacional das vias existentes.

Ferrovias Metropolitanas: Estudar a implantação de um novo ramal


ferroviário entre Curitiba e Rio Branco do Sul, propiciando conforto e
segurança urbana e outros benefícios operacionais; incentivar a
implantação de ferrovias de cunho metropolitano visando o transporte de
passageiros.

Modernização Ferroviária: Promover a retomada da construção da


nova ferrovia Curitiba-Paranaguá; bem como articular a consolidação do
corredor da Ferroeste com a eliminação do gargalo existente entre
Guarapuava e Engenheiro Bley e a implantação do trecho ferroviário
Cascavel-Maracajú (MS); elaborar estudos de viabilidade visando a
ampliação do Sistema Ferroviário Estadual.

Modernização Portuária: Implementar uma administração moderna


nos portos de Paranaguá e Antonina com participação de segmentos
organizados; implantar novas tecnologias de monitoramento e logística;
desenvolver planejamento objetivando investimentos para a ampliação do
cais acostável a oeste, construção de terminal graneleiro com capacidade
mínima de 80 mil toneladas, aprofundamento do canal de acesso e dos
atuais berços de atracação e revitalização sustentável do Porto de
Antonina com a implantação de um no acesso rodoferroviário; promover
ações para a implantação de terminais portuários em Pontal do Sul.

Inteligência Logística: Implantar rede de competências em logística,


para monitorar a infraestrutura (limitações e condições); identificar
ameaças e oportunidades, mapear novas demandas, desenvolver
inovações e informar fluxos de mercadorias e de passageiros, com amplo
acesso público via internet.

Corredores e Plataformas Logísticas: Revitalizar o programa


integrado de transportes, com participação dos municípios

52
Partido Democrático Trabalhista
metropolitanos; articular a implantação de plataformas logísticas com
infraestrutura própria, zoneamento logístico e pré-licenciamento; atração
de operadores logísticos nacionais e internacionais; implantação de
terminais intermodais; disponibilização de retaguarda logística para o
Porto de Paranaguá e outras ações de interesse estratégico.

Concessões de Rodovias e do Transporte Intermunicipal de


Passageiros: Avaliar a situação, passivos e o cumprimento de obrigações
nos contratos de concessão do setor de transporte; promover
levantamentos, estudos e debates técnicos e jurídicos; divulgar contratos
e aditivos; viabilizar a participação e controle social; estruturar fiscalização
técnica e operacional das concessões e outras ações para garantir a
preservação do interesse público.

Melhor Transporte: Promover a redução da carga tributária,


aprimorar o acompanhamento da qualidade dos serviços e outras ações
que propiciem melhorias e tarifas acessíveis no transporte público.

53
Partido Democrático Trabalhista

Turismo (XVII)

Agência de Fomento: Revitalizar e capitalizar a agência de fomento


para possibilitar micro-crédito e outras formas de financiamento para
trabalhadores, mulheres, jovens, cooperativas de trabalhadores, micro e
pequenos empresários, do campo e da cidade, além de apoio para
projetos de captação de recursos junto ao Governo Federal e outros
organismos.

Gestão do Turismo: Revisar a estrutura organizacional e legal do


turismo; adotar de critérios mínimos para exercício da atividade;
profissionalizar e capacitar agentes do turismo; elaborar planejamento
setorial de longo prazo; estruturar a captação de recursos; apoiar a
adequação de equipamento, infraestrutura e empreendimentos turísticos.

Promoção Turística: Fomentar parcerias municipais e empresariais


na área; realizar estudos e pesquisas turísticas; elaborar agenda turística
participativa e calendário oficial de evento; promover incentivos e
segurança ao turista; atrair eventos técnicos, esportivos e culturais;
valorizar identidades turísticas, história e culturas regionais e divulgar as
potencialidades locais (Cataratas, Vila Velha, Guartelá, Floresta Atlântica,
Araucárias e outras).

Infraestrutura e Produtos Turísticos: Adequar e desenvolver


produtos de turismo ecológico, cultural, gastronômico, de negócios, da
terceira idade, religioso e outros; dinamizar atividades turísticas no Litoral,
Costa Oeste, Campos Gerais, Região Metropolitana de Curitiba e demais
regiões turísticas.

Visite quem Produz: estimular o turismo rural recuperando o


patrimônio cultural, arquitetônico e paisagístico do espaço rural.

54