Você está na página 1de 5

Síntese da História de Portugal

Portugal Séc. Mundo

 Império Romano domina todo o


I Mediterrâneo.
 Difusão do Cristianismo.
 A Península Ibérica está sob o
II  Auge do Império Romano.
domínio romano desde o século III
a.C..
 As grandes dimensões do
Império Romano dificultam o
III
governo, conduzindo a uma divisão
temporária.

 O Cristianismo torna-se a religião


oficial do Império Romano.
IV
 Início das invasões dos povos
bárbaros.

 Tribos bárbaras (Visigodos,


Hunos, Vândalos) pilham a cidade de
Roma sucessivamente.
 Tribos germânicas (Anglos,
V
Saxões, Jutes) invadem a Grã-
Bretanha.
 Chegada de tribos bárbaras
 Fim do Império Romano e início
(Vândalos, Suevos, Visigodos).
da Idade Média.
 Os Visigodos dominam a
Península Ibérica.
 Os Ostrogodos fixam-se em
Roma.
 Os territórios romanos desde a
VI
actual Turquia ao Norte de África
continuam as tradições romanas sob
o nome de Império Bizantino.

 Maomé prega a palavra de Alá,


conseguindo unificar várias tribos
VII
guerreiras.
 Início da expansão do Islão.

 Os Muçulmanos invadem a
 Início do reinado do rei franco
Península Ibérica.
Carlos Magno, que realiza reformas
 Início da Reconquista Cristã com VIII
educativas e apoia as artes
Pelágio, a partir do Reino das
(Renascença Carolíngia).
Astúrias.
 O sistema feudal impõe-se a toda
a Europa.
 Divisão do Império Carolíngio.
 Fundação dos primeiros estados
IX
russos em Kiev e Novgorod.
 Vikings exploram os mares e
atacam os povoados costeiros.
 Vikings chegam à Islândia.

 Vikings exploram os mares e


atacam os povoados costeiros.
 Vikings chegam à Gronelândia.
 Os vikings recebem uma região
que passa a chamar-se Normandia
(Terra dos Normandos, homens do
X
norte).
 O sistema feudal impõe-se a toda
a Europa.
 O grão-príncipe de Kiev, Vladimir,
 Reconquista Cristã. torna-se cristão ortodoxo, obrigando
à conversão da população.

 Artífices europeus formam


guildas que regulamentam a
aprendizagem, os preços e os
pagamentos.
 Guilherme da Normandia invade
a Inglaterra.
 Criação de um império turco nas
regiões das actuais Arménia, Israel e
XI Palestina.
 Na América do Norte, índios
tornam agricultores, formando
pueblos.
 Na China, aperfeiçoa-se a
pólvora, que arde em vez de
explodir.
 No Japão, a classe social dos
samurais ganha grande destaque.

 Formação do Reino de Portugal. XII  Século das Cruzadas.


 Início da 1ª dinastia com D.  Século das catedrais - construção
Afonso Henriques. de grandes catedrais góticas por
 Conquista de terras aos toda a Europa.
Muçulmanos.  Formação da Liga Lombarda,
composta pelas cidades-estado
italianas depois de se tornarem
independentes.
 Feiras com a duração de vários
dias começam a acontecer por toda
a Europa.
 Período áureo dos trovadores.
 Na América do Sul, surge o
Império Inca.

 Século das Cruzadas.


 Fundação de bancos em Itália
para guardar o dinheiro dos
 Posse definitiva do Algarve marca cruzados; início de um sistema
o fim das guerras com os primitivo de cheques.
Muçulmanos no território português.  S. Francisco de Assis forma a
 Negoceiam-se as fronteiras de XIII congregação dos monges
Portugal com Castela. franciscanos.
 Tomada de medidas visando o  Na Europa, os numerais árabes
desenvolvimento do reino. substituem os romanos.
 Genghis Khan conquista a
Polónia, a Rússia, a Pérsia, a Índia e
grandes extensões da China.

 A Peste Negra chega à Europa.


 O Império Otomano conquista
vastos territórios no Mediterrâneo e
 Na crise de 1383-85, Portugal
no Médio Oriente.
recusa perder a independência e ter
 Início da Guerra dos Cem Anos,
como rei um rei espanhol - o
XIV que opõe França e Inglaterra.
sucessor legítimo - iniciando-se
 Na China, o imperador Chu Yan-
então a 2ª dinastia com o rei D.
Chang expulsa os mongóis e inicia a
João I, o Mestre de Avis.
dinastia Ming.
 Na América do Sul, surge o
Império Asteca.

 Época do Renascimento.
 Separação das Igrejas Ortodoxas
Russa e Grega.
 Casamento entre Fernando de
Aragão e Isabel de Castela une os
 Os Muçulmanos são
dois reinos.
definitivamente expulsos da
 O Império Otomano derruba o
Península Ibérica.
Império Bizantino, tomando
 Início das Descobertas XV
Constatinopla (rebaptizada
portuguesas - descoberta da costa
Istambul), o que marca,
africana e do caminho marítimo para
tradicionalmente, o fim da Idade
a Índia.
Média.
 Criação do Santo Ofício - a
Inquisição - em Espanha.
 Cristóvão Colombo chega às
Caraíbas.

 Descoberta do Brasil, da XVI  Época do Renascimento.


Indonésia e do Japão.  Reforma Protestante.
 Tratado de Tordesilhas divide o  Exploração da América e
mundo entre Portugal e Castela. estabelecimento de colónias.
 Portugal perde a independência  Ivan, o Terrível intitula-se czar
após a morte de D. Sebastião, (Imperador).
 Fernão de Magalhães realiza a
iniciando-se então a dinastia Filipina, circum-navegação
sob domínio espanhol.  China atacada por mongóis e
japoneses.

 Vários países europeus


(Inglaterra, França, Holanda) iniciam
políticas de expansão marítima,
 Fundação de colónias inglesas na
capturando algumas colónias
costa atlântica da América do Norte.
portuguesas.
XVII  Em França, reinado de Luís XIV,
 Restauração da independência de
o Rei Sol.
Portugal, iniciando-se a 4ª dinastia
 Criação da Comonwealth.
com o rei D. João IV.
 Portugal recupera algumas das
colónias capturadas.

 Descoberta de ouro no Brasil


 União dos reinos de Inglaterra e
traduz-se na construção de
da Escócia.
monumentos luxuosos em Portugal.
 Na América, as colónias inglesas
 Terramoto de 1755 e XVIII
tornam-se independentes.
reconstrução de Lisboa.
 Revolução Francesa.
 Reformas Pombalinas (Marquês
 Início da Revolução Industrial.
de Pombal).

 Napoleão invade a Europa e


declara-se Imperador.
 O Brasil torna-se independente.
 Guerras liberais - conflitos entre  Várias colónias espanholas na
facções absolutistas e liberais. América do Sul tornam-se
 A insignificância da indústria independentes.
portuguesa e a incapacidade de  A contínua chegada de colonos
realizar reformas eficientes europeus à América do Norte conduz
XIX
conduzem o país a uma situação de a um rápido crescimento do país.
atraso em relação aos restantes  Corrida ao ouro na Califórnia e,
países europeus. mais tarde, no Yukon.
 Mapa Cor-de-Rosa e Ultimato  Colonização da Austrália.
inglês.  Garibaldi unifica a Itália.
 Guerra Civil americana.
 Exploração da África e divisão do
continente em colónias europeias.

 Implantação da República. XX  Primeira Guerra Mundial.


 Portugal declara bancarrota.  A Grande Depressão.
 Salazar, ministro das Finanças,  Guerra Civil de Espanha.
sobe ao poder e inicia a ditadura  Líderes fascistas chegam ao
conhecida por Estado Novo. poder em vários países europeus.
 Revolução dos Cravos.  Segunda Guerra Mundial.
 Entrada na CEE.  A maioria das colónias torna-se
independendente.
 Guerra Fria.
 Formação do Estado de Israel, de
que resultam conflitos sucessivos.
 Guerra do Vietname.
 Fim da Guerra Fria e da União
das Repúblicas Socialistas
Soviéticas.

 Guerra ao Terrorismo, onde se


inserem os ataques do 11 de
 Organização do Campeonato Setembro e 11 de Março, a Guerra
Europeu de futebol (Euro2004), do Afeganistão e a Guerra do Iraque.
XXI
considerado o melhor organizado de  Terramoto e maremotos no
sempre. Oceano Índico ceifam mais de
duzentas mil vidas a 26 de
Dezembro de 2004.
 Cronologias
o Antes de Portugal
 Os Celtiberos
 O Império Romano
 Os Reinos Bárbaros
 Os Muçulmanos
o O Reino de Portugal
 A Primeira Dinastia
 A Segunda Dinastia
 A Terceira Dinastia
o A República de Portugal
 A Primeira República
 A Segunda República
 A Terceira República

 A História de Portugal
o O Paleolítico Português
o O Mesolítico Português
o O Neolítico Português
 A Idade do Cobre
 A Idade do Bronze
 A Idade do Ferro
o Os Romanos
 A Conquista
 A Lusitânia
o Os Povos Bárbaros
o A Invasão Muçulmana
o A Reconquista Cristã
o Portucale
o O Reino de Portugal