Você está na página 1de 3

Dor

A dor ​rápida ​também é descrita por meio de vários nomes alternativos, como dor pontual, dor em
agulhada, dor aguda e dor elétrica. Esse tipo de dor é sentido quando agulha é introduzida na pele,
quando a pele é cortada por faca, ou quando a pele é agudamente queimada. Ela também é sentida
quando a pele é submetida a choque elétrico. A dor pontual rápida não é sentida nos tecidos mais
profundos do corpo.
A dor ​lenta ​também tem vários nomes, como dor em queimação, dor persistente, dor pulsátil, dor
nauseante e dor crônica. Esse tipo de dor geralmente está associado à destruição tecidual. Ela pode
levar a sofrimento prolongado e quase insuportável e pode ocorrer na pele e em quase todos os órgãos
ou tecidos profundos.

Algumas das substâncias que excitam o tipo químico de dor são: bradicinina, serotonina, histamina,
íons potássio, ácidos, acetilcolina e enzimas proteolíticas. Além disso, as prostaglandinas e a
substância P aumentam a sensibilidade das terminações nervosas mas não excitam diretamente essas
terminações. As substâncias químicas são de modo especial importantes para a estimulação do tipo de
dor lenta e persistente que ocorre após lesão tecidual.
Existem duas vias para a transmissão da informação somatossensorial para o SNC: o sistema
da coluna dorsal e o sistema anterolateral ou espinotalâmico (Fig. 3-10). Cada via segue o
padrão geral já descrito para os sistemas sensoriais. FIGURA 3-10 Comparação entre os
sistemas somatossensoriais da coluna dorsal (A) e anterolateral (B). O sistema da coluna
dorsal cruza a linha média no tronco encefálico. O sistema anterolateral cruza a linha média na
medula espinal.
1. O neurônio de primeira ordem da via somatossensorial é o neurônio aferente primário. Os
corpos dos neurônios aferentes primários se localizam na raiz dorsal ou em gânglios
cranianos, e suas fibras sensoriais periféricas formam os receptores somatossensoriais (p.
ex., mecanorreceptores). O sinal é transduzido pelo receptor e transmitido ao SNC pelo
neurônio aferente primário. 151
2. O neurônio de segunda ordem está localizado na medula espinal (sistema anterolateral) ou
no tronco encefálico (sistema da coluna dorsal). Os neurônios de segunda ordem recebem
informações de neurônios de primeira ordem e as transmitem ao tálamo. Os axônios dos
neurônios de segunda ordem cruzam a linha média, seja na medula espinal ou no tronco
encefálico, e ascendem até o tálamo. Essa decussação faz com que a informação
somatossensorial de um lado do corpo seja recebida pelo tálamo contralateral.
3. O neurônio de terceira ordem fica localizado em um dos núcleos somatossensoriais do
tálamo. O tálamo contém disposição somatotópica da informação somatossensorial.
4. O neurônio de quarta ordem fica localizado no córtex somatossensorial, denominado S1 e
S2. Os neurônios de ordens superiores, encontrados no córtex somatossensorial e outras
áreas corticais associativas, integram informações complexas. O córtex somatossensorial S1
tem a representação somatotópica, ou “mapa”, similar à observada no tálamo. Esse mapa
corporal é denominado homúnculo somatossensorial (Fig. 3-11). As maiores áreas de
representação do corpo são a face, as mãos e os dedos, que são densamente supridos por
nervos somatossensoriais, apresentando grande sensibilidade. O homúnculo sensorial ilustra
a codificação do “local” da informação somatossensorial.

Programas
Programa de redução de fatores de risco e agravos à saúde (PREFIRA-SE)
Coordenação: Robison José Quiterio
O objetivo deste projeto é melhorar a qualidade de vida e diminuir a ocorrência de doenças
cardiovasculares por meio da intervenção em pessoas portadoras de fatores de risco: obesidade,
hipertensão, diabetes, dislipidemia, incluindo também os idosos saudáveis (>60 anos), uma vez que o
processo de envelhecimento pode ser considerado fator de risco.
a) aquecimento (mobilização articular e alongamento), b) atividades aeróbias (caminhada com
intensidade de 50 a 80% da FC máxima ou circuito de exercícios), c) exercícios resistidos de baixa
intensidade e atividades de propriocepção e equilíbrio, d) alongamentos e relaxamento. Em todas as
sessões serão aferidos os sinais vitais, antes da sessão, após o exercício aeróbio e no final da sessão.
No final do projeto será realizada uma reavaliação individual com todos os participantes seguindo os
mesmos dados coletados na primeira avaliação. Além disso, os indivíduos participarão de palestras
educativas com a equipe multidisciplinar (fisioterapeutas, enfermeiras, nutricionista e psicólogo

Treinamento de equilíbrio para idosos com história de quedas


Coordenação: Marcos Eduardo Scheicher
O envelhecimento vem ocorrendo d forma rápida no mundo e no Brasil. Uma das consequências do
envelhecimento são as quedas e suas consequências como fraturas e o medo de cair. Uma das
maneiras de melhorar o equilíbrio e prevenir as quedas é a prática de exercícios específicos para o
equilíbrio. Dessa forma, o projeto tem o objetivo de realizar atividades específicas para o equilíbrio
postural visando a melhora do mesmo, como também a melhora da qualidade de vida e a diminuição do
medo de cair.
Universidade Aberta da Terceira Idade – UNATI
integração social

Centro Dia do Idoso da zona Sul


Data: ​junho 03, 2016

3. Objetivos Prevenir situações de risco pessoal e social aos idosos. Evitar o isolamento social e a
institucionalização do idoso. Reduzir o número de internações médicas e o número de acidentes
domésticos com idosos. Fortalecer os vínculos familiares através de orientações à família sobre os
cuidados básicos necessários ao idoso. Compartilhar com as famílias a provisão de cuidados
essenciais a seus idosos. Incentivar e promover a participação da família e da comunidade na atenção
ao idoso.

http://www.desenvolvimentosocial.sp.gov.br/a2sitebox/arquivos/documentos/658.pdf

Grupos terceira idade - USF

Centro Esportivo Mariliense

Exame e Tratamento
O exame feito em d. amelia foi realizado para verificar possíveis problemas neurológicos e dores, a
hipertonia muscular é um enrijecimento muscular, a fisioterapia irá ajudar e diminuir esse enrijecimento
e o anti inflamatório atuará para diminuição da inflamação e dor.

Hipertonia​: Indica disfunção da motricidade voluntária no sistema nervoso central

TRATAMENTO FISIOTERÁPICO
O tratamento fisioterápico visa à inibição da atividade reflexa patológica para normalizar
o tônus muscular e facilitar o movimento normal, devendo ser iniciado o mais breve
possível. Por inibição da atividade reflexa patológica se entende evitar e combater os
padrões de movimento e posturas relacionadas aos mecanismos reflexos liberados,
adotando posições e guias adequadas e empregando os métodos inibidores. Desta forma
a fisioterapia pode prover condições que facilitem o controle do tônus prestando ajuda
nos movimento e na aquisição de posturas, oferecendo estímulos que favoreçam os
padrões normais​18-21​. Para se inibir o padrão patológico é necessário conhecer suas
formas de instalação, que variam de acordo com o tipo e o local da lesão. O grau de
hipertonia vai indicar o quanto de inibição será necessária. Com a inibição se facilita o
movimento normal e, por sua vez o movimento normal inibe a espasticidade​17-21​. Cada
padrão patológico terá a sua inibição, não só no posicionamento mas em todos os
movimentos passivos ou ativos utilizados desde as primeiras sessões de fisioterapia.
Muitas vezes será necessário o uso de talas ou ​splints para auxiliar no posicionamento
ou facilitar os movimentos dentro de um padrão mais próximo de normal​7,19​.
A espasticidade é evidenciada pelo grau de excitabilidade do fuso muscular que depende
fundamentalmente da velocidade com que os movimentos são feitos. Portanto, os
movimentos lentos têm menor possibilidade de induzir a hipertonia espástica. Da mesma
forma, os alongamentos músculo-tendinosos devem ser lentos e realizados diariamente
para manter a amplitude de movimento e reduzir o tônus muscular. Exercícios frente a
grande resistências podem ser úteis para fortalecer músculos débeis, mas devem ser
evitados nos casos de pacientes com lesões centrais, pois nestes se reforçarão as
reações tônicas anormais já existentes e consequentemente aumentará a espasticidade.

Você também pode gostar