Você está na página 1de 2

Prova Escrita de Biologia e Geologia (Teste Global 2.

o Período)

Proposta de resolução

GRUPO I

1. Opção (D)
2. Opção (B)
3. Opção (C)
4. Opção (A)
5. Opção (A)
6. A camada A é mais recente do que a camada B.
7. E–D–B–C–A
8. O estudo da topografia e da atividade sísmica permite prever a ocorrência de erupções vulcânicas,
pois a elevação do cone e o aumento da frequência dos sismos são indicadores da ascensão de
magma.
Contudo, o vulcão Okmok não apresenta este padrão antes das erupções, pois quase não ocorrem
sismos e mesmo antes da erupção de 2008 não ocorreram variações significativas na topografia.
Para além disso, o magma tende a ascender rapidamente na crusta (permanece pouco tempo na
câmara magmática). Assim, é essencial estudar o movimento de magma dentro do vulcão Okmok
recorrendo a outras técnicas, nomeadamente o registo sísmico de ondas geradas por tempestades
e ondas.
Este estudo é fundamental para minimizar os riscos do vulcão Okmok, pois embora se localize
numa região muito isolada geograficamente, está por baixo de um importante corredor aéreo no
Pacífico, usado por voos entre a América e a Ásia, suscetíveis às cinzas e nuvens lançadas pelo
vulcão durante as erupções.

GRUPO II

1. A – II; B – II; C – III; D – I; E – II; F – II; G – I; H – II


2. Opção (A)
3. Opção (D)
4. Opção (A)
5. Opção (D)
6. O vulcanismo é importante para o estudo da estrutura interna da Terra, pois através dos materiais
expelidos durante as erupções podemos recolher informações sobre a temperatura e a composição
do interior do nosso planeta.
7. A bridgmanita é um mineral que existe apenas no manto terrestre, indicando que só é estável em
condições de pressão e de temperatura muito elevadas. Todavia, as condições elevadas de pressão
e temperatura a que os meteoritos foram sujeitos durante a entrada na atmosfera e o choque com
a superfície terrestre permitiram a formação de pequenas quantidades de bridgmanita.
8. A – 8; B – 2; C – 2; D – 6; E – 5; F – 5; G – 4; H – 3; I – 1

GRUPO III

1. Opção (A)
2. Opção (B)
3. Opção (C)
4. Opção (C)
5. Opção (A)
6. Opção (C)
7. A – 5; B – 2; C – 1; D – 3; E – 4

Desafios, Biologia e Geologia 10.o ano


© ASA, 2017
8. O facto de as bactérias Gram-negativas apresentarem lipopolissacarídeos, que atuam como uma
barreira impermeável a substâncias hidrofóbicas, impede que muitos fármacos hidrofílicos
(solúveis em água) possam atravessar a membrana plasmática das bactérias Gram-negativas.
Desta forma, as bactérias Gram-negativas são mais resistentes aos tratamentos com diversos
fármacos uma vez que estes têm mais dificuldade em entrar na célula.

GRUPO IV

1. O objetivo da experiência foi determinar se a redução da disponibilidade de nitrogénio no solo


afetava a produção primária das plantas numa situação de aumento da concentração de CO2
atmosférico.
2. Verdadeiras: A, B, D, E e F; Falsas: C, G e H
3. Opção (B)
4. Opção (D)
5. A – 1; B – 3; C – 2; D – 4; E – 3; F – 1; G – 2; H – 4.
6. A – C – E – D – B.
7. A, C e F
8. Com o aumento da concentração de CO2 atmosférico as plantas reduzem a abertura estomática,
pois conseguem obter o CO2 mais rapidamente. Por sua vez, a redução da abertura estomática
permite diminuir as perdas de água por evapotranspiração. Desta forma, as plantas necessitam de
absorver menores quantidades de água do solo quando crescem numa atmosfera rica em dióxido
de carbono.

Desafios, Biologia e Geologia 10.o ano


© ASA, 2017