Você está na página 1de 6

Ensaio de Abatimento do Concreto (Slump

Teste)
@civil.engineer 27 de março Assuntos Técnicos, Canteiro de Obras, EngenhariasFaça um
comentário 864 Visualizações

O Slump Test ou Ensaio de Abatimento é um teste que verifica a consistência do


concreto, que está relacionado a sua fluidez, isto é, a mobilidade da massa e
coesão entre seus componentes. Com o resultado do Slump Test, podemos
identificar o grau de trabalhabilidade do fluido, sendo que esta depende também
de características da obra e dos métodos adotados para o transporte, lançamento
e adensamento do concreto. A trabalhabilidade é uma propriedade do concreto
recém-misturado que determina a facilidade e a homogeneidade com a qual o
material pode ser utilizado, além de ser utilizado em diferentes serviços, por
exemplo: o Slump de concreto para piso é bem maior que o Slump para
concretagem de pilar.
A seguir explicarei os passos do ensaio para conseguir uma ótima ilustração da
prática:
Materiais utilizados:
 Fôrma tronco-cônica
 Placa metálica bem nivelada
 Complemento tronco-cônico de enchimento.
 Haste metálica de socamento com extremidade semi-esférica
 Régua metálica ou trena graduada
 Amostra de concreto fresco.
Procedimentos:
 coletar a amostra de concreto;
 colocar a fôrma tronco-cônica sobre uma placa metálica bem nivelada e apoiar
os pés sobre as abas inferiores do cone;
 preencher o cone com a primeira camada de concreto e aplicar 25 golpes com a
haste de socamento, atingindo a parte inferior do cone;
 preencher com mais duas camadas, cada uma golpeada 25 vezes e sem
penetrar a camada inferior;
 após a compactação da última camada, retirar o excesso de concreto, alisar a
superfície com uma régua metálica e em seguida retirar o cone;
 colocar a haste sobre o cone invertido e medir o abatimento (a distância entre o
topo do molde e o ponto médio da altura do tronco de concreto moldado)
Caso durante o ensaio, o tronco de cone cisalhar, ao invés de apenas sofrer
abatimento, pode indicar falta de coesão.

Condições para o aceite


Embora a amostra ideal seja aquela retirada do terceiro terço do concreto ainda na
betoneira, é conveniente fazer um ensaio logo na segunda descarga na calha para
tomar as medidas de aceite ou rejeição da carga. O valor do abatimento desejado
deve estar expresso na nota fiscal e deve ser verificado antes de seu lançamento.
Caso o ensaio aponte estar o concreto com trabalhabilidade acima do limite
estabelecido a carga deve ser rejeitada. No caso do abatimento ficar abaixo do
limite pode-se adicionar água ao concreto e em seguida, deve-se verificar
novamente o abatimento. Se este ficar aumentado em até 2,5 cm e dentro do limite
máximo o concreto pode ser aceito.
Recomendação: todo e qualquer evento, seja de aceite condicionado ou de
rejeição deve ser registrado no diário de obras.
Após o concreto ser aceito através do ensaio de abatimento, deve-se coletar
amostras para realizar o ensaio de resistência, através de moldagem de corpos de
prova.

FONTE:
http://aquarius.ime.eb.br/
http://www.ufrgs.br/eso/content/?tag=slump-test
http://www.clubedoconcreto.com.br/2013/08/ensaio-do-slump-test-ensaio-de.html
http://www.uepg.br/denge/canteiro/controle_tecnologico/consistencia.htm