Você está na página 1de 45

DISTÚRBIOS DO

EQUILÍBRIO ÁCIDO-BASE

Pedro Tulio Rocha


Introdução:.

• Organismo produz 15.000 mmol


CO2/dia + 50-100 mEq H+/dia

• Excreção CO2 pelo pulmão

• Excreção H+ pelo rim


Introdução:.

• pH = 6,1 + log (HCO3-)___


(0,03 x PaCO2)

• Faixa da Normalidade = 7,35-7,45


Introdução:.

• Acidose – Aumento na [H+] tissular

• Alcalose – Diminuição na [H+] tissular

• Acidemia – Redução do pH sistêmico

• Alcalemia – Aumento do pH sistêmico


Introdução:.

• Acidose Metabólica – Dimuição na [HCO3-]

• Acidose Respiratória – Aumento na [PaCO2]

• Alcalose Metabólica – Aumento na [HCO3-]

• Alcalose Respiratória – Diminuição na [PaCO2]


Avaliando Gasometria
• 1º PASSO: Ver o pH
• Se < 7,35 Acidose
• Se > 7,45 Alcalose

• 2º PASSO: Ver o HCO3-


• Se < 22 Baixo
• Se > 24 Alto
HCO3- é diretamente proporcional ao pH, portanto se o pH
acompanhar o HCO3, o distúrbio é METABÓLICO!

• 3º PASSO: Ver o PaCO2


• Se < 35 Baixo
• Se > 45 Alto
PaCO2 é inversamente proporcional ao pH, portanto se pH não
acompanhar o PaCO2, o distúrbio é RESPIRATÓRIO!
ACIDOSE METABÓLICA

pH PaCO2 HCO3-

Compensação: PaCO2 = 1,5 x HCO3- + 8 (± 2)


FESP – 2005
Qual o distúrbio ácido-base presente na seguinte
gasometria arterial:
pH 7,34/ PaO2 81 / PaCO2 26 / HCO3- 12 / BE -12

a) acidose metabólica
b) alcalose metabólica

c) acidose respiratória
d) alcalose respiratória
Avaliando Gasometria
• 1º PASSO: Ver o pH
• Se < 7,35 Acidose
• Se > 7,45 Alcalose

• 2º PASSO: Ver o HCO3-


• Se < 22 Baixo
• Se > 24 Alto
HCO3- é diretamente proporcional ao pH, portanto se o pH
acompanhar o HCO3, o distúrbio é METABÓLICO!

• 3º PASSO: Ver o PaCO2


• Se < 35 Baixo
• Se > 45 Alto
PaCO2 é inversamente proporcional ao pH, portanto se pH não
acompanhar o PaCO2, o distúrbio é RESPIRATÓRIO!
FESP – 2005
Qual o distúrbio ácido-base presente na seguinte
gasometria arterial:
pH 7,34/ PaO2 81 / PaCO2 26 / HCO3- 12 / BE -12

a) acidose metabólica
b) alcalose metabólica

c) acidose respiratória
d) alcalose respiratória
Etiologia:
Acidose lática, DM Descompensado
(CAD e CHONC), álcool, uremia,
etileno glicol, metanol, salicilatos,
ATR, diarréia, fístula pancreática,
diversão urinária
Manifestações clínicas:

Hiperventilação (Kussmaul)
Vasodilatação
Hipotensão
Bradicardia
Letargia
Coma
Anion Gap

Cl-
Na+
HCO3-

AG = Na -
+ [Cl- + HCO3 -]

Normal : 8 - 16
Anion Gap Elevado

Cl-
Na+
HCO33--

AG = Na -
+ [Cl- + HCO3 -]
ACIDOSE
METABÓLICA AG

Produção Excessiva E/OU


Acúmulo de Anions Não Mensuráveis
S alicilatos
A lcool
L atico Acido
U remia
D iabetes Cetoacidose
Anion Gap Normal

Cl-
Cl-
Na+
HCO33--
HCO3-

AG = Na -
+ [Cl- + HCO3 -]
ACIDOSE
METABÓLICA AG NORMAL

Perda de Base (HCO3-)

• Diarréia

• Fístulas Entéricas
• Derivações Urinárias

• Acidose tubular Renal


Qual o tipo de acidose metabólica no paciente com os
seguintes exames:
pH 7,32/ PaO2 81 / PaCO2 26 / HCO3 12 / BE -12
Na 140 / K 6,4 / Cl 100

a) Acidose metabólica com anion gap normal


b) Acidose metabólica com alcalose metabólica

c) Acidose metabólica com alcalose respiratória


d) Acidose metabólica com anion gap aumentado
NÃO é causa de acidose metabólica com anion-gap
aumentado:

a) Ingestão de salicilatos

b) Acidose Lática

c) Ureteroileostomia
d) Cetoacidose Diabética
TRATAMENTO

Tratar a causa

Bicarbonato (pH < 7,25)

DB = 0,5 x peso x (24 - bicarbonato)


BICARBONATO
Sobrecarga de volume,
hipernatremia,
hiperosmolaridade,
hipercapnia,
alcalose,
acidose intracelular paradoxal,
hipocalcemia ionizada
ALCALOSE METABÓLICA

pH PaCO2 HCO3-

Compensação: PaCO2 aumenta em 0,7


para cada 1 HCO3 acima de 24
Causas de alcalose
metabólica

Vomitos, SNG, diuréticos,


hipopotassemia, uso de
bicarbonato, hipovolemia
Tipos de alcalose metabólica

1) salino responsiva
Cl u < 10 mEq/L
diureticos, vômitos, SNG sifonagem

2) salina resistente
Cl u > 20 mEq/L
esteróides,  K+, nefropatias perdedoras de sal
TREATMENTO DA
ALCALOSE METABÓLICA

1) salina responsiva:
0.9 % NaCl
2) salina resistente:
K+, espironolactona
IECA
Alcalose grave (pH >7. 6): HCl
ACIDOSE RESPIRATÓRIA

pH PaCO2 HCO3-

HIPOVENTILAÇÃO
Compensação Aguda: HCO3 aumenta em 1,0
para cada 10 PaCO2 acima de 40
Compensação Crônica: HCO3 aumenta em 3,5
para cada 10 PaCO2 acima de 40
Causas de acidose
respiratória

DPOC, deformidades torácicas,


doenças neuromusculares,
quadros neurológicos graves,
SARA
ALCALOSE RESPIRATÓRIA

pH PaCO2 HCO3-

HIPERVENTILAÇÃO
Compensação Aguda: HCO3 diminui em 2,0
para cada 10 PaCO2 abaixo de 40
Compensação Crônica: HCO3 diminui em 4,0
para cada 10 PaCO2 abaixo de 40
Causas de alcalose
respiratória

Dor, ansiedade, gestação, febre


Qual o distúrbio ácido-base presente na seguinte
gasometria arterial:
pH 7,26/ PaO2 61 / PaCO2 70 / HCO3 29 / BE +5

a) acidose metabólica
b) alcalose metabólica

c) acidose respiratória
d) alcalose respiratória
Avaliando Gasometria
• 1º PASSO: Ver o pH
• Se < 7,35 Acidose
• Se > 7,45 Alcalose

• 2º PASSO: Ver o HCO3-


• Se < 22 Baixo
• Se > 24 Alto
HCO3- é diretamente proporcional ao pH, portanto se o pH
acompanhar o HCO3, o distúrbio é METABÓLICO!

• 3º PASSO: Ver o PaCO2


• Se < 35 Baixo
• Se > 45 Alto
PaCO2 é inversamente proporcional ao pH, portanto se pH não
acompanhar o PaCO2, o distúrbio é RESPIRATÓRIO!
Qual o distúrbio ácido-base presente na seguinte
gasometria arterial:
pH 7,26/ PaO2 61 / PaCO2 70 / HCO3 29 / BE +5

a) acidose metabólica
b) alcalose metabólica

c) acidose respiratória
d) alcalose respiratória
Qual o distúrbio ácido-base presente na seguinte
gasometria arterial:
pH 7,21/ PaO2 79 / PaCO2 28 / HCO3 14 / BE -10

a) acidose metabólica
b) alcalose metabólica

c) acidose respiratória
d) alcalose respiratória
Avaliando Gasometria
• 1º PASSO: Ver o pH
• Se < 7,35 Acidose
• Se > 7,45 Alcalose

• 2º PASSO: Ver o HCO3-


• Se < 22 Baixo
• Se > 24 Alto
HCO3- é diretamente proporcional ao pH, portanto se o pH
acompanhar o HCO3, o distúrbio é METABÓLICO!

• 3º PASSO: Ver o PaCO2


• Se < 35 Baixo
• Se > 45 Alto
PaCO2 é inversamente proporcional ao pH, portanto se pH não
acompanhar o PaCO2, o distúrbio é RESPIRATÓRIO!
Qual o distúrbio ácido-base presente na seguinte
gasometria arterial:
pH 7,34/ PaO2 81 / PaCO2 26 / HCO3- 12 / BE -12

a) acidose metabólica
b) alcalose metabólica

c) acidose respiratória
d) alcalose respiratória
Qual o distúrbio ácido-base presente na seguinte
gasometria arterial:
pH 7,56/ PaO2 79 / PaCO2 20 / HCO3 16 / BE -8

a) acidose metabólica
b) alcalose metabólica

c) acidose respiratória
d) alcalose respiratória
Avaliando Gasometria
• 1º PASSO: Ver o pH
• Se < 7,35 Acidose
• Se > 7,45 Alcalose

• 2º PASSO: Ver o HCO3-


• Se < 22 Baixo
• Se > 24 Alto
HCO3- é diretamente proporcional ao pH, portanto se o pH
acompanhar o HCO3, o distúrbio é METABÓLICO!

• 3º PASSO: Ver o PaCO2


• Se < 35 Baixo
• Se > 45 Alto
PaCO2 é inversamente proporcional ao pH, portanto se pH não
acompanhar o PaCO2, o distúrbio é RESPIRATÓRIO!
Qual o distúrbio ácido-base presente na seguinte
gasometria arterial:
pH 7,56/ PaO2 79 / PaCO2 20 / HCO3 16 / BE -8

a) acidose metabólica
b) alcalose metabólica

c) acidose respiratória
d) alcalose respiratória
Qual o distúrbio ácido-base presente na seguinte
gasometria arterial:
pH 7,56/ PaO2 79 / PaCO2 47 / HCO3 34 / BE +10

a) acidose metabólica
b) alcalose metabólica

c) acidose respiratória
d) alcalose respiratória
Avaliando Gasometria
• 1º PASSO: Ver o pH
• Se < 7,35 Acidose
• Se > 7,45 Alcalose

• 2º PASSO: Ver o HCO3-


• Se < 22 Baixo
• Se > 24 Alto
HCO3- é diretamente proporcional ao pH, portanto se o pH
acompanhar o HCO3, o distúrbio é METABÓLICO!

• 3º PASSO: Ver o PaCO2


• Se < 35 Baixo
• Se > 45 Alto
PaCO2 é inversamente proporcional ao pH, portanto se pH não
acompanhar o PaCO2, o distúrbio é RESPIRATÓRIO!
Qual o distúrbio ácido-base presente na seguinte
gasometria arterial:
pH 7,56/ PaO2 79 / PaCO2 47 / HCO3 34 / BE +10

a) acidose metabólica
b) alcalose metabólica

c) acidose respiratória
d) alcalose respiratória
Qual o distúrbio ácido-base tipicamente associado à
ingestão de salicilatos?

a) acidose metabólica com anion gap normal


b) alcalose metabólica

c) acidose metabólica com alcalose respiratória


d) Acidose metabólica com acidose respiratória
ACADÊMICO BOLSISTA 2011 - CTI

Das seguintes patologias, é causa de acidose metabólica


com hiato aniônico (anion gap) normal:

a) cetoacidose diabética

b) acidose lática

c) acidose hiperclorêmica

d) intoxicação por salicilatos


ACADÊMICO BOLSISTA 2012 - EMERGENCIA

Das seguintes patologias, é causa de acidose metabólica


com hiato aniônico (anion gap) normal:

a) cetoacidose diabética

b) acidose tubular renal

c) acidose lática

d) intoxicação por salicilatos