Você está na página 1de 12

Configuração Visual Code

Tópicos
1. Download e instalação
2. Extensões
3. Configurando a extensão ADVPL
4. Abrindo um fonte do projeto

P a g e 1 | 12
1. Download e instalação
Faça o download do Visual Code no endereço:
https://code.visualstudio.com/

Uma vez que é baixado, execute o instalador (VSCodeSetup-


version.exe). Isso só levará um minuto.

P a g e 2 | 12
Por padrão, VS Code está instalado abaixo C:\Program
Files\Microsoft VS Code para uma máquina de 64 bits.

Dica: a instalação, opcionalmente, adicionará o Visual Studio Code ao


seu %PATH%, então, a partir do console do CMD do Windows, você
pode digitar a palavra 'code'. para abrir o Visual Studio Code.
Você precisará reiniciar seu console após a instalação para realizar a
alteração na variável %PATH%.

P a g e 3 | 12
2. Extensões
Após a instalação do Visual Code, é necessário instalar 2 (duas)
extensões – fundamentais para que esta IDE possa suportar a
linguagem ADVPL no desenvolvimento de códigos-fontes.
As extensões a serem instaladas são as seguintes:
Advpl-vscode : Adiciona suporte a linguagem ADVPL. Essa
extensão adiciona suporte a edição, compilação e debugging de
ADVPL no Visual Code, incluindo:

 Compilação de multiplos fontes


 Geração e aplicação de Path
 Exclusão de fontes do RPO
 Lista dos fontes/resources do rpo
 Geração Cliente WS Protheus

TFS (Team Foundation Server): Extensão para realizar a


integração do Visual Code com o TFS da Microsoft. Possibilita
realizar o controle de versão dos códigos-fontes utilizados por
meio de uma conexão com um servidor TFS.
Obs.: Caso não utilize controle de versão pelo TFS, instale
somente a extensão ADVPL.

P a g e 4 | 12
Baixando as extensões

Após abrir o Visual Code, clique na barra lateral e clique sobre


o botão em forma de quadrado.

Pesquise por “ADVPL” na barra de pesquisa e localize a


extensão advpl-vscode, mostrada abaixo.

Clique sobre o botão “install” e aguarde a instalação da mesma.

P a g e 5 | 12
Agora, realize a instalação da extensão para o TFS pesquisando
por “Team” na barra de pesquisas.

Escolha a extensão com o nome “Visual Studio Team


Services”, da Microsoft e clique em “Install”.

Terminada a instalação, reinicie o Visual Code.

P a g e 6 | 12
3. Configurando a extensão “ADVPL”
No menu superior do Visual Code, clique em “File” >
“Preferences” e “Settings”.

Pesquise por “ADVPL” na barra superior, para que sejam


mostradas todas as configurações possíveis para a extensão.

P a g e 7 | 12
Clique no botão “edit” para editar as configurações.

P a g e 8 | 12
Siga o exemplo abaixo para montar as configurações do
ambiente.
Atenção para as linhas “user” e “passwordCipher”, que serão
explicadas na sequência.

// Place your settings in this file to overwrite the default settings


{
"advpl.selectedEnvironment": "",

"advpl.environments": [
{
"smartClientPath": "C:\\Protheus 11\\smartclient -
developer\\",
"environment": "Developer1",
"includeList": "C:\\Visual Code\\CP Eletronica\\include\\",
"server": "10.161.83.88",
"serverVersion": "131227A",
"port": "2500",
"user": "[SESA406020]",
"passwordCipher": "",
"language": "PORTUGUESE",
"rpoType": "TOP"
}
],

"advpl.debug_multiThread": true,
"advpl.debug_ignoreSourceNotFound": true,
"advpl.debug_showPrivates": true,
"advpl.debug_showPublic": true,

"advpl.startProgram": "SIGAFAT",
"advpl.logger": true,
"editor.fontFamily": "'Courier New', monospace",
"files.encoding": "iso88591",
"files.autoGuessEncoding": false
}

Configurando as linhas “user” e “passwordCipher”

Estas linhas referem-se ao usuário do Microsiga que


será utilizado para compilar os fontes. Somente
usuários que pertencem ao grupo de administradores
do Microsiga possuem permissão para compilar os
fontes.
P a g e 9 | 12
A senha também é obrigatória, mas por questões de
segurança ela deverá ser criptografada usando o
comando “CIPHER”, demonstrado logo abaixo.

Clique em “View” > “Command Palette”.

Digite cipher e pressione ENTER.

Informe a senha do usuário do Microsiga

Verifique a senha codificada na aba “output”, localizada na barra


inferior. Copie esta senha.

P a g e 10 | 12
Volte as configurações e localize a linha “PasswordCipher”.

Insira entre aspas a senha gerada anteriormente na janela


output.

Pronto. A extensão ADVPL está configurada.

4. Configurando a extensão “TFS”


Atenção:
Caso não utilize controle de versão pelo TFS, desconsidere
este tópico.

Para utilização desta extensão junto ao Visual Code é


necessária a instalação mínima do Visual Studio. Após
instalar o Visual Studio, prossiga com a configuração da
extensão do TFS dentro do Visual Code.

P a g e 11 | 12
As configurações básicas do TFS consistem em 3 (três)
linhas:

“team.remoteUrl” : URL do servidor TFS que será utilizado


“tfvc.location” : Localização do executável do TFS,
instalado a partir do Visual Studio
“team.showWelcomeMessage” : Exibe ou não a mensagem
de boas-vindas.

Estas linhas devem ser inseridas dentro do arquivo settings,


preferencialmente no final, conforme exemplo abaixo:

"advpl.startProgram": "SIGAFAT",
"advpl.logger": true,
"editor.fontFamily": "Courier New",
"files.encoding": "iso88591",
"team.remoteUrl": "http://wabr01579:8080/tfs",
"tfvc.location": "C:\\Program Files (x86)\\Microsoft Visual Studio
14.0\\Common7\\IDE\\TF.exe",
"team.showWelcomeMessage": false

Após inserir as linhas acima, salve o arquivo “settings” e


reinicie o TFS.

P a g e 12 | 12

Você também pode gostar