Você está na página 1de 5

FíSICA EXPERIMENTAL II

RELATÓRIO DE EXPERIMENTO EM LABORATÓRIO

Nome: Kléssio Gideonni Bezerra De Araújo Mat: 201506651135


Nome: Thiago Guedes Noronha Mat: 201603490401
Nome: Joyce Santos Mat: 201501359045
Nome: ____________________________________ Mat:__________________________
Nome: ____________________________________ Mat:__________________________
Nome: ____________________________________ Mat:__________________________

FÍSICA TEÓRICA EXPERIMENTAL II


BLOCO A - Sala 305
DENSIDADE EXPERIMENTAL DA ÁGUA

INTRODUÇÃO
A prática realizada no laboratório mostrou conceitos do Teorema de Stevin,
relacionado à densidade. Em física, definimos a densidade de um corpo (ou
objeto) como sendo a razão entre sua massa e seu volume.

OBSJETIVO
Através dos valores de Peso real, peso aparente, volume e diâmetro do
cilindro e empuxo, serão determinados a densidade experimental da água e
cálculo de erro.

MATERIAIS
1 Cilindro
1 Becker
1 Paquímetro
1 Água
1 Dinamômetro
1 Conjunto arete
PROCEDIMENTO

Primeiramente colocou-se aproximadamente 275 ml de água dentro do


Becker. Posteriormente encaixou-se o dinamômetro no conjunto Arete, em
seguida pendurou-se o cilíndrico no dinamômetro para medir seu peso Real.
Nesse sentido, emergiu-se o cilindro dentro do Becker com água, de modo
que o mesmo não tocasse o fundo, e nem as extremidades do Becker, sendo
medido o seu peso aparente conforme dados abaixo.

Materiais Medições/Unidades
Peso Real 0,62N
Peso Aparente 0,18N
Diâmetro cilindro 0,028m
Altura do cilindro 0,072m
EMPUXO

Para calcular o empuxo, utilizamos os valores coletados do dinamômetro,


sendo subtraído o peso real pelo peso aparente.

Empuxo = Peso real – Peso aparente

E = Pr - Pa

E = 0,62 – 0,18

E = 0,44N

VOLUME

Para desenvolvimento do experimento, calculamos o volume do cilindro


através da equação abaixo:

V = 𝜋 . d² . h
4

V = 𝜋 . 0,028² x 0,072
4
V = 0,000044334m²
DENSIDADE EXPERIMENTAL DA ÁGUA

Com base no volume do cilindro e valor de empuxo, calculamos a densidade


conforme abaixo descrito.

E=d.g.v

d² = E .
g.v

0,44 .
9,8 x 0,000044334

Densidade = 1.012,720093kg/m²

CALCULAR ERRO

Erro = dt – de x 100
dt

Erro = 1000 – 1.012,720093 x 100

Erro = 1,27%

CONCLUSÃO

Por meio destes experimentos e análise dos resultados obtidos em


laboratório, pode-se comprovar o princípio de Arquimedes, ou seja, quando
um corpo está completamente submerso em um fluido, uma força de
empuxo do fluido atua sobre o corpo. O empuxo é direcionado para cima. No
entanto o corpo continua com o mesmo peso, sendo que o que diminui é o
peso aparente do corpo.